Economia

Fecomércio RN é favorável a Copa América em Natal e cita exposição e divulgação da cidade do estado para o mundo

Foto: Divulgação

Em nota favorável a cidade de Natal como uma das sedes da Copa América neste mês de junho, a Fecomércio RN cita a exposição e divulgação da capital potiguar e o estado em si como importantes para segmentos como a economia e turismo, afetados pela crise provocada pela Covid.

Opinião dos leitores

  1. Não adianta, é malhar em ferro frio. O objetivo dessa governadora mal intencionada é reduzir o povo potiguar à miséria, à dependência de esmolas. Com a ajuda dos mesmos de sempre.

  2. A Desgovernadora Fátima Bezerra não Tá nem aí pra notinha de Fecomércio ou qualquer outra entidade de classe produtiva.
    Se fosse nota do MST ela ainda levava em consideração.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Turismo

Fecomércio RN e Governo do Estado lançam Sistema de Inteligência do Turismo Potiguar

Fotos: Divulgação

O presidente da Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, e a governadora Fátima Bezerra, assinaram, na manhã desta quarta-feira (10), na Governadoria, um convênio para a criação do Sistema de Inteligência do Turismo Potiguar. A plataforma foi desenvolvida pela Federação do Comércio, por meio do seu Departamento de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos, com o apoio do Senac RN, em parceria com o Governo do Estado, por meio da Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur).

A ferramenta on-line será aberta ao público e vai compilar diversas fontes de dados (ANAC, Cadastur e companhias aéreas, por exemplo), disponibilizando informações como o monitoramento do desempenho do setor turístico, por meio de indicadores específicos, em formato de dashboards e relatórios descritivos trimestrais. Irá se somar à Pesquisa do Perfil do Turista de Alta Estação que já é feita pela Fecomércio há mais de uma década.

“A ideia é que tenhamos um manancial inesgotável de informações estratégicas sobre quem nos visita, quando, como e, principalmente, o que eles levam de impressões, encantamentos, frustrações e anseios. Com os dados que a plataforma irá disponibilizar, o Estado, na sua mais plena acepção, poderá agir de maneira muito mais assertiva para estimular o setor, assim como os empreendedores do turismo poderão nortear cada passo de seus negócios, elevando bastante os seus graus de eficiência e eficácia”, afirmou o presidente Marcelo Queiroz.

O Sistema vai gerar informações turísticas atualizadas, de qualidade, dando base para a construção de recomendações de inteligência de mercado, que servirão de base para a tomada de decisões do setor público, empresas e profissionais, potencializando o turismo como uma atividade estratégica para o desenvolvimento econômico e social do estado. Também serão consumidores dos dados e parceiros importantes na consolidação do Sistema, a Câmara Empresarial do Turismo da Fecomércio, demais entidades do trade e a academia.

A secretária de Turismo do RN, Aninha Costa, explicou que “o RN já vem se destacando pelo uso propositivo de dados e essa parceria com a Fecomércio RN irá colaborar muito para a gestão do nosso destino. A criação do Sistema de Inteligência do Turismo Potiguar é a ampliação do trabalho já desenvolvido por ambas as instituições em prol da atividade, e será um legado para todo o trade potiguar”.

Os dados contidos no primeiro painel extraído da plataforma foram apresentados aos presentes no evento pelo coordenador técnico do Sistema de Inteligência do Turismo Potiguar, Marcelo Milito. Ele explicou quais são os dados que serão disponibilizados, e as opões de aplicação de filtros dos dados, como também as possibilidades de uso destas informações.

No momento da assinatura do convênio, o presidente Marcelo Queiroz entregou à governadora Fátima Bezerra uma cópia do relatório da pesquisa do Perfil do Turista que visitou o Rio Grande do Norte no verão 2020/2021, realizada pelo Departamento de Estatísticas da Fecomércio, cujas informações já estão inseridas no Sistema de Inteligência do Turismo Potiguar.

A governadora Fátima Bezerra destacou mais esta importante parceria firmada entre o Executivo estadual e a Fecomércio. “As atividades econômicas ainda sofrem sérios reflexos da pandemia, especialmente o turismo. O que os fez aumentar sua capacidade de se reinventar. E é o que estamos fazendo aqui hoje. Lançando esta ferramenta que vai permitir a execução de ações planejadas pelo setor, com base em dados confiáveis. Com isso, vamos otimizar a aplicação dos recursos, e desenvolver políticas públicas mais eficientes”, finalizou.

Também estavam presentes na solenidade o Vice-governador Antenor Roberto; o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jaime Calado; o secretário de Tributação, Carlos Eduardo Xavier; o presidente da Emprotur, Bruno Reis; o diretor Regional do Senac, Raniery Pimenta; o coordenador da Câmara Empresarial do Turismo, George Costa, além de diversos representantes de entidades do trade.

Opinião dos leitores

  1. Se o DESGOVERNO LULLO-FASCISTA de FATÃO GD do PT está envolvido, não há a menor possibilidade de ter "inteligência" envolvida. Apenas burrice crônica.

  2. Quer melhorar o turismo do RN? Primeiro garanta a segurança, não só dos turistas, mas da população potiguar. Coloque policiamento ostensivo nas vias que levam ao aeroporto. Pare de blá blá blá… o povo não é imbecil. Melhore as rodovias esburacadas do Estado. O RN está com uma infra estrutura decadente, embora ainda exista um bom número de turistas que, desinformados, procuram o RN. A gasolina mais cara do Nordeste, se paga aqui. A Secretaria de Turismo é inerte. Tenho pena de quem procura o RN para turistar. O município de Natal também deixa a desejar. Temos a orla urbana mais feia e mal cuidada das capitais do Nordeste.

  3. Essa Governadora quer ser modelo fotográfica, onde tem uma câmera quer posar de Boa governadora kķkkk
    Vai trabalhar governadora, o povo tá cheio do seu blá, blá, blá.

  4. Vão trabalhar,so querem aparecerem em foto,o povo quer é Atitude,o que esse Desgoverno fez de de concreto até agora pelo o turismo do RN?????

  5. Todo governo é esse MIMIMIMI , e não sai do canto , pergunte a qualquer ex secretário de cultura de GRAMADO RS , qual o segredo de tanto sucesso, a serra GAÚCHA é lotada o ano inteiro, centenas de congressos etc ….aqui é um povo cada um mais INCOMPETENTEMENTE QUE O OUTRO

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

“O esforço foi por todos, a responsabilidade é de todos”, diz Fecomércio-RN em nota sobre flagrantes de desrespeito ao isolamento social nesse domingo

A Fecomércio RN vem a público externar  sua profunda preocupação e indignação com as cenas de flagrante desrespeito ao isolamento social que a pandemia da covid-19 ainda nos impõe, verificadas nas orladas das praias urbanas de Natal e em vários pontos do estado nesse domingo(19). A aglomeração irresponsável de pessoas, a falta de uso de máscaras e inúmeras outras atitudes não condizem com a responsabilidade que temos defendido como premissa para mantermos firme a retomada gradual da economia em nosso estado e em nossa cidade. E tendem a feri-la de morte.

Vale ressaltar que o esforço – imenso – para que pudéssemos ter números que embasassem o início desta retomada, AO QUAL SE ALIA O ZELO DA IMENSA MAIORIA DOS EMPREENDEDORES DO COMÉRCIO E DOS SERVIÇOS POTIGUARES NO PREPARO E NA MANUTENÇÃO DOS SEUS ESTABELECIMENTOS COMO AMBIENTES SEGUROS PARA COLABORADORES E CONSUMIDORES, É UMA CONSTRUÇÃO COLETIVA E QUE TEM COMO PREMISSA PRESERVAR VIDAS DE PESSOAS E DE EMPRESAS, FREANDO UMA CRISE SEM PRECEDENTES E DANDO INÍCIO A UM AMBIENTE QUE POSSA GARANTIR A MANUTENÇÃO DE EMPREGO E RENDA PARA NOSSO POVO.

Desde o início, defendemos que este equilíbrio é UM INTERESSE DE TODOS OS POTIGUARES: AUTORIDADES (DAS TRÊS ESFERAS DE GOVERNO), EMPREENDEDORES, COLABORADORES E POPULAÇÃO.

Portanto, é dever de todos, agir com a postura necessária para que ele possa ser garantido. Sob pena de sermos obrigados, mais uma vez, por um eventual novo avanço da doença, A DAR PASSOS ATRÁS QUE TENDEM A SER FATAIS PARA OUTRAS TANTAS VIDAS HUMANAS, ALÉM DAS QUE JÁ PERDEMOS, ASSIM COMO PARA TODA A NOSSA ECONOMIA.

FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DE BENS, SERVIÇOS E TURISMO DO ESTADO DO RN

Opinião dos leitores

  1. Bando de irresponsáveis. Parecia uma gang. Culpa do governo que não esclareceu os animais e nem multou. Culpa dos comerciantes que não cumpriram sua parte no acordo. E culpa desses irresponsáveis que foram a praia como se tudo tivesse normal.

  2. Realmente, mas associado ao esforço não passou pela cabeça de ninguém que tb caberia uma campanha de conscientização em massa sobre as medidas de prevenção?
    Era esperado esse comportamento da população, afinal, somos brasileiros.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Procon deveria orientar antes de punir comércios que estejam abertos, defende a Fecomércio RN

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do RN (Fecomércio RN) tomou conhecimento na manhã desta sexta-feira (17) que o Procon RN está empreendendo ações de fiscalização junto ao comércio potiguar visando garantir o cumprimento do Decreto Estadual 29.583 o qual determina que somente os setores considerados essenciais podem permanecer abertos.

Independente de nossa opinião sobre a validade efetiva do referido Decreto, destacamos que pregamos, sempre, a defesa das leis e das orientações e determinações das autoridades, sobretudo as de saúde (cujos pareceres embasam as demais medidas, acreditamos).

No entanto, preocupa-nos, sobremaneira, o fato de que, segundo informações que nos chegaram, os técnicos do Procon estão aplicando, já na primeira abordagem, MULTAS sobre os comerciantes. Tal situação, a nosso ver, só complica o já nada simples cenário econômico e as condições de sobrevivência das empresas e dos empregos que elas geram.

PEDIMOS, PORTANTO, ÀS AUTORIDADES ESTADUAIS E, EM PARTICULAR, À SENHORA GOVERNADORA, FÁTIMA BEZERRA, QUE DETERMINE QUE A PRIMEIRA ABORDAGEM DESTAS FISCALIZAÇÕES SEJA ORIENTATIVA E NÃO PUNITIVA, POSTURA QUE SÓ SERIA ADOTADA NUMA EVENTUAL REINCIDÊNCIA.

Esta flexibilização do ato fiscalizatório também evitaria punições a empresas que estejam abertas até mesmo por não terem claro conhecimento das regras a serem efetivamente seguidas. O MOMENTO É DE BOM SENSO, EQUILÍBRIO E TOLERÂNCIA. Contamos, todos, com isso.

MARCELO QUEIROZ

Presidente da Fecomércio RN

Opinião dos leitores

  1. Sabe a regra, descumpre e precisa que "oriente"?!?!?!?!
    Ora, isso é ridículo.
    Acabar com essa conversinha mole de "educar". Se desconhecesse o que tem de fazer porque não houve divulgação, vá lá. Mas querer ser tratado como débil mental?
    É para descer o sarrafo. Errou? Prepare o lombo. Só assim se conserta e só assim aprende.
    E mais: nada mais educativo que uma dor no bolso,

  2. Este partido (PT) está destruindo a economia do Rio Grande do Norte. Depois, aguardemos todos, vai por a culpa no Presidente Bolsonaro.

  3. Eita!!!!!!
    La vem PT!!
    Quem já viu multar em época de pandemia???
    Quem descumpre, não é porque quer.
    É por precisão, eu não sei se a incompetente Fátima, sabe que os patrões tem folha no final do mês pra pagar, será que ela sabe????
    Me parece que não, ou então está na mesma linha do Mandeta.
    Se quebrar em baixo, no alicerces, desmorona tudo.
    Daqui a 01 mês, ela muda o discurso, não vai ter dinheiro pra pagar os servidores e fornecedores.
    Quero só vê.
    Vai ter que aprender na prática, ela ainda não conseguiu enxergar o abismo.
    Mas, vai vê.
    Ta perto.

    1. BG
      Essa ptralhada nunca teve nem uma bodega quanto mais empresas formais com custos ALTÍSSIMOS de impostos,taxas, licenças, obrigações sociais, tudo compulsoriamente, etc,etc,etc. São mesmo é pelegos e parasitas do sistema. Acham que dinheiro cai do Céu.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Fecomércio RN divulga cuidados que a população deve adotar em condomínios e residências

Devido ao cenário de propagação do Covid-19 (Coronavírus), o Sistema Fecomércio Rio Grande do Norte reuniu informações de cuidados que a população deve adotar em condomínios e na própria residência.

Fotos: Divulgação

Opinião dos leitores

  1. ENQUANTO ISSO! DEIXANDO CLARO QUE NÃO TRABALHO LÁ, MAS ESTOU VENDO O DRAMA QUE ESTÁ SE PASSANDO.
    Quero saber quando é que a direção da TELEPERFORMANCE vai cair na real e parar, também?
    Um absurdo, pois a quantidade de pessoas que ficam em salas fechadas, bem como outra quantidade fora!
    Vão esperar morrer alguém ou que todos sejam “vetores” do coronavirus?
    Quando passo ali eu vejo a quantidade de gente circulado.
    Cadê o MPFT?

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Gasto médio dos natalenses na Black Friday 2019 será de quase R$700, de acordo com pesquisa da Fecomércio RN

A Black Friday neste ano acontece no dia 29 de novembro

Tradicional data de grandes promoções nos Estados Unidos, a Black Friday vem ganhando cada vez mais força no calendário de compras dos brasileiros. Por este motivo, o Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Comércio (IPDC) da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Rio Grande do Norte (Fecomércio RN) fez a pesquisa de “Intenções de Compras para a Black Friday 2019”, entre os dias 25 e 29 de outubro, e entrevistou 650 pessoas em Natal.

De acordo com a pesquisa, 59,8% dos consumidores natalenses têm a intenção de aproveitar as ofertas para fazer compras. Destes, 52,7% afirmaram que vão aproveitar a data para adiantar a compra dos presentes de Natal. Entre os 40,2% que não demostraram interesse em comprar nesta data, os motivos alegados são a falta de dinheiro (33,3%); não gostar da data (14,2%); e outros vão poupar (12,3%).

Quanto aos valores gastos com as compras, 43,2% dos consumidores natalenses pretendem gastar mais de R$ 1 mil na Black Friday; 24,2% esperam gastar entre R$ 500,01 e R$ 1 mil; 18% afirmaram que têm intenção de gastar entre R$ 200,01 e R$ 500. A média de gasto estimada é de R$ 692,48.

Quando comparados os gastos por sexo, as mulheres devem gastar mais do que os homens nas compras – média, R$ 695,83, contra R$ 688,78 dos consumidores do sexo masculino. Com relação à faixa etária, a que deve investir mais nas compras é a que vai dos 35 aos 44 anos, com uma média de R$ 745,78.

Entre os produtos mais citados para compras foram os eletrodomésticos (28%); eletrônicos (25,2%); roupas (18%); celulares/smartphones/tablet (16,7%); móveis e decoração (13,4%); calçados (10,3%); perfumes e cosméticos (4,1%); produtos de informática (2,3%); entre outros. A maioria dos consumidores (65,6%) pretende comprar até duas categorias de produtos, e a principal forma de pagamento será o parcelado no cartão de crédito parcelamento (43,7%); seguida do dinheiro (33,9%); cartão de crédito em única parcela (13,9%); e o cartão de débito (7,5%).

Perguntados sobre os locais de compra, os entrevistados responderam que devem ir aos shoppings (39,5%); lojas do comércio de rua (34,7%); e lojas virtuais (22%). Os principais fatores que vão determinar a compra serão o nível de preço (50,1%); a segurança (16,7%); e a variedade de produtos (14,1%).

A grande maioria fará pesquisa de preços (92,5%), sendo que 64,5% o farão para confirmar se os produtos estão de fato na promoção e 28% para escolher as lojas em que os produtos desejados estão mais baratos.

Com relação à Black Friday do ano passado, 43,4% acreditam que os preços dos produtos estarão na mesma faixa de valor; 28,2% consideram que estarão mais baixos; e 24,6% pensam estar mais altos. 60,7% dos consumidores que compraram em 2018 e que irão comprar este ano, disseram que os gastos serão maiores; 27,8% acreditam que os gastos serão os mesmos; e 11,2% confirmaram que os gastos serão menores.

Opinião dos leitores

  1. BG !!
    Tô liso, não vou gastar nada na Black Friday, ainda mais agora que vou ter que participar de uma vaquinha, pra mandar um amigo pra Brasília, mais especificamente no STF. Vamos pedir ao Gilmar Mendes pra soltar JOSIANE vilâ da nivela das nove. Tadinha, foi presa ontem e tem que ser solta, so o STF mesmo pra dá um jeito nisso.
    Kkkkkkkkk

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Em nota, Fecomércio-RN, ADARN e ASSUCERN declaram apoiam aos Permissionários da Ceasa

NOTA DE APOIO

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Rio Grande do Norte (Fecomércio RN), Sindicato do Comércio Atacadista do RN, Associação dos Distribuidores e Atacadistas do RN (ADARN) e Associação dos Usuários Atacadistas da Ceasa/RN (ASSUCERN), vêm a público declarar seu total apoio aos Permissionários da Ceasa/RN (Comerciantes e Produtores Rurais) em sua luta contra a paralisação das atividades ou fechamento da Ceasa na cidade de Natal. Como representante de importantes setores empresariais ligados ao comércio, aos serviços e ao turismo, que seriam diretamente afetados com a ausência da Ceasa em Natal, o clamor pela manutenção das atividades empresariais, dos empregos envolvidos e da arrecadação de tributos se afigura como uma pauta de grande relevância para a Fecomércio RN.

Dentro desta linha, entendemos que o fechamento da Ceasa em Natal representaria uma influência negativa no desenvolvimento econômico e social do Rio Grande do Norte, podendo ter implicações no aumento de desemprego em uma classe menos favorecida, que repercutiria no aumento da criminalidade, algo que já é uma temática com a qual esta Entidade já manifestou apoio ao Governo do Estado na busca de soluções urgentes.

Defendemos que sejam adotadas todas as medidas de adequação necessárias a fim de que a Ceasa não paralise ou encerre suas atividades, assim como, que permaneça na Capital Potiguar garantindo que seja cumprido o seu papel importante na sociedade local.

Opinião dos leitores

  1. Essas associações OMISSAS, há mais de 10 anos, quando a CEASA foi notificada, acordaram agora. Só se manifestam "na espora". Porque não fizeram as adequações quando exigidas tempos atrás????

  2. Associações de. classe se contrapondo ao ministério público e a justiça, ambos desmoralizados.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Fecomércio RN estima que consumidores natalenses gastem cerca de R$ 115,00 com presentes para o Dia das Mães

Artigos de vestuários, perfumes e cosméticos, e eletrodomésticos serão os mais procurados

O comércio varejista potiguar terá um incremento nas próximas semanas. Pesquisa realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do RN (Fecomércio RN) estima que o consumidor natalense investirá cerca de 115,00 reais na compra de presentes para o Dia das Mães. Entre os produtos mais citados estão vestuários (23,6%), perfumes e cosméticos (22,2%), eletrodomésticos (14,2%), calçados e bolsas (10,2%), e artigos de decoração (3,4%).

A data será comemorada no domingo 10 de maio e, até lá, a busca pelo presente ideal deverá se intensificar. Dos 76% que indicaram querer presentear no Dia das Mães, 66,2% deverão fazer pesquisa de preços e comparar os valores com o que estava nas vitrines na mesma data do ano passado. Os consumidores realizarão a pesquisa por acreditarem que os preços cobrados por produtos neste Dia das Mães estarão mais caros, quando confrontados com os valores praticados em 2014.

Alguns setores de serviços, como restaurantes, também terão um incremento na economia, mas é o comércio varejista que deverá registrar os maiores índices. O comércio de rua será a opção de grande parte dos consumidores (49,5%), seguido pelos shoppings centers (39,4%).

Os dados da pesquisa apontam ainda que aqueles que irão às compras para o Dia das Mães deverão considerar fatores como promoções (45,7%), descontos ofertados (31,1%), e qualidade do atendimento (14,8%). Sobre as formas de pagamento, cerca de 60% dos consumidores indicaram a opção à vista, em dinheiro, sendo seguida pela compra à vista no cartão de crédito (6,2%), e pela compra à vista no cartão de débito (4%). Mesmo assim, quase 30% dos compradores deverão optar pelo parcelamento dos valores.

Apesar do momento crítico pelo qual passa a economia do país, e que reflete no cenário potiguar, 18,3% dos compradores em potencial acreditam que o momento é ótimo ou bom para fazer compras. 41,2% preferem manter a precaução, e consideram o momento regular, enquanto 40,4% enxergam o cenário atual ruim ou péssimo para aquisição de produtos.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Turismo

George Gosson eleito presidente da Câmara de Turismo da Fecomercio-RN.

George Gosson (diretor dos hotéis Praiamar e Holiday In) foi eleito, há poucos instantes, presidente da Câmara Empresarial de Turismo da Fecomercio-RN.

A eleição se deu em almoço realizado no Hotel Escola Barreira Roxa. A Câmara, que estava desativada, reúne 13 presidentes (ou representantes) de entidades de classe do turismo.

Com a eleição de George, fica evidenciada a renovação tão necessária no Turismo do RN.

George conheçe e entende do riscado. Boa Sorte

Opinião dos leitores

  1. Parabéns George!O Rio Grande do Norte ganha com sua escolha, a capacidade de visão empresarial e disposição para o trabalho são inerentes a sua personalidade .

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *