(VÍDEO) – Aeroporto: Fábio Faria aciona Anac e Ministério da Infraestrutura para uma solução

O deputado federal Fábio Faria (PSD/RN) postou um vídeo na manhã desta quinta-feira para informar à população do Rio Grande do Norte que já está trabalhando numa solução para a devolução da concessão aeroporto de São Gonçalo.

A notícia foi divulgada inicialmente pelo Jornal Valor Econômico e confirmada pela Inframerica, atual concessionária, alegando prejuízos nas operações.

O parlamentar, que embarcou para Natal na manhã desta quinta (05), disse que já ligou para o ministro da infraestrutura e para o presidente da Anac para buscarem uma solução e reclamou que o Governo do estado sequer avisou à bancada federal sobre o problema, “seríssimo” e que “merece toda a atenção”.

Fábio também vai propor uma audiência pública na Câmara Federal e reunir a bancada para unirem forças em torno do assunto.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carla disse:

    Voltar para o aeroporto Augusto Severo, seria uma ótima solução !

  2. Ronald lira disse:

    Solução coerente, seria transformar esse aeroporto em aeroporto de cargas, construindo nos terrenos existente um polo industrial

  3. joão carlos disse:

    só voltar para o antigo aeroporto que era MUITO melhor e dentro da cidade.
    melhor que esse aeroporto no meio do mato, cheio de bandido ao redor!

  4. Téo disse:

    É só os nossos parlamentares acabar de blá blá e exigir do governo federal que faça um novo leilão e com dinheiro arrecadado investir no nosso aeroporto Augusto Severo.

  5. Véio de Rui disse:

    Transforma esse de São Gonçalo numa penitenciária e volta pra Parnamirim

  6. Guilherme Luiz Bier disse:

    O problema do aeroporto é apenas a ponta do iceberg da falta de planejamento e do tratamento que sucessivos governos estaduais dispensaram ao setor industrial,imaginando que sol,dunas e praias poderiam sustentar o desenvolvimento do RN.
    Falta de visão e de conhecimento.

  7. Tr disse:

    Pelo amor de Deus! Vamos aproveitar essa oportunidade e tentar com o governo federal o retorno ao Augusto Severo! Este maldito aeroporto do fim do mundo está acabando com o turismo do RN.

  8. Paulo disse:

    A saída é fácil, só voltar para o antigo aeroporto.

  9. Antenado disse:

    É evidente que a governadora do RN já sabia dessa possibilidade há um bom tempo. Não foi surpresa, até porque a infra américa foi oferecer a devolução do aeroporto ao governo do Estado. e o que a nossa maravilhosa governadora fez? Nada. Não tomou nenhuma providência. Não deu a necessária importância ao problema que atinge diretamente a maior fonte de impostos e gerador de emprego do RN, que é o turismo. Não fez, não quis, não se preocupou, simplesmente porque ela sabe que a solução não passa pelo Estado do RN, mas pelo governo federal, que agora deverá se virar para dar uma solução que não prejudique ainda mais o nosso combalido RN. Lembrando, ainda tem mais 3 anos e 9 nove meses pela frente com ela sendo governadora e "gestora" do RN. Quem quiser e puder que se aguente na cela, porque o tombo vai ser grande ao final.

    • Indignado disse:

      Disse tudo Antenado, e o Governo Estadual gastando como sempre com propagandas enganosas e números fantasiosos!!! Enquanto muitos so preocupam em defender os seus $$$$, as consequências da realidade vão sendo explícitas!!! O RIO GRANDE DO NORTE ESTÁ ABANDONADO E ESSE AEROPORTO JÁ NASCEU MORTO!!!

    • Observador disse:

      Antenado e burro. Como devolver para o Estado se não pertencia/pertence a ele?

Câmara Municipal de Parnamirim intensifica ao DNIT solução para semáforos desativados da BR-101

Foto: Divulgação

Com a desativação dos semáforos que cruzam a via urbana de Parnamirim, comerciantes do centro da cidade se sentiram prejudicados devido ao afastamento de consumidores. Pensando em resolver essa situação, a Câmara Municipal esteve mais uma vez reunida com representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes do Rio Grande do Norte (DNIT-RN).

A reunião ocorreu na manhã desta sexta-feira(25), na sede do DNIT, em Natal, e foi uma iniciativa do presidente da Câmara de Parnamirim, vereador Irani Guedes, que contou com o apoio do deputado federal João Maia. “Estamos buscando aqui uma solução que possa amenizar essa situação dos comerciantes e de toda a população que necessita cruzar a cidade. Temos relatos de pessoas que se sentiram muito prejudicadas, não só no comércio, mas na segurança também”, frisou Irani, que esteve acompanhado do vereador Gustavo Negócio e a vereadora Kátia Pires.

O superintendente Regional do DNIT no Rio Grande do Norte, Daniel de Almeida Dantas, informou que até o dia 20 de novembro os sinais permanecerão desativados em virtude da conclusão das obras na marginal e que o cruzamento da Avenida Edgar Dantas será desativado temporariamente. “Vamos ativar a partir de 20 de novembro o acesso que liga Avenida Edgar Dantas até meados de janeiro para tentarmos amenizar essa questão. No entanto, será de forma provisória, pois a obra como um todo exige a retirada em definitivo dos semáforos por se tratar de uma via expressa”, disse.

Daniel também adiantou que o trecho da BR-101 que contempla Parnamirim receberá passarelas. “Acreditamos que com a conclusão das marginais e a instalação de passarelas, essa questão também possa ser minimizada”, finalizou.

A reunião também contou com a presença de representantes da Câmara de Dirigente Lojistas de Parnamirim(CDL) e da prefeitura de Parnamirim, além do deputado federal João Maia.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Milson disse:

    Reativar os semáforos é sinônimo de atraso. A BR 101 está uma Maravilha…!!

  2. Luciana Morais Gama disse:

    Colocar os sinais é voltar o caos que estava antes. Pense num povo que prefere o atraso.

  3. Vania disse:

    Concordo, estar uma maravilha sem os sinais

  4. Eudes disse:

    O projeto original retira os semáforos, recolocá-los significa fugir ao objetivo principal. Entre os dois sinais retirados há uma passarela que não é usada pelos pedestres. Não é solução colocar um semáforo, ao contrário, significa atraso. O que se precisa é o Executivo Municipal de Parnamirim promover uma política de educação para o trânsito. É triste ao se passar por uma BR verificar e temer que um pedestre passe na frente de um carro por não querer usar a passarela. Tudo exige mudança de hábito. As filas de carro que se formavam com o sinal de transito colocava em risco tanto a vida dos pedestres quanto a dos motoristas.

Óleo vazado leva a solução de enigma de caixas que surgem em praias no NE

Imagem: Divulgação/Instituto Biota de Conservação

O mistério das caixas de borracha que há um ano chegam pelo mar às praias do Nordeste chegou ao fim. Pesquisadores da UFC (Universidade Federal do Ceará) acreditam ter resolvido o enigma enquanto pesquisavam as causas do derramamento de óleo que atinge a região no último mês.

Pesquisadores do Labomar (Instituto de Ciências do Mar) da UFC (Universidade Federal do Ceará) afirmam que os fardos são do navio cargueiro alemão Rio Grande, afundado durante a Segunda Guerra Mundial.

Além do enigma, as caixas representam riscos. Em 8 de junho, uma colisão de um buggy com um desses blocos de borracha na praia de Santa Rita, em Extremoz, região metropolitana de Natal, causou duas mortes e deixou duas pessoas feridas.

Matéria completa do UOL aqui.

Como superar o término de relacionamento? Estudo diz que solução é fazer sexo com o ex

shutterstock

Existe uma fórmula para superar o término de um relacionamento? Apesar de cada pessoa viver a fossa da sua própria maneira, um estudo realizado pela Universidade Estadual de Wayne, nos Estados Unidos, dá uma dica: fazer sexo com o seu ex.

Pode até parecer um conselho estranho, mas a pesquisa, publicada no periódico “Archives of Sexual Behavior” , afirma que existe uma razão para isso. Os resultados mostraram que quem procurou se relacionar de novo com o ex usou o sexo não só para “matar a saudade”, também como uma forma de conseguir se reaproximar e criar conexão.

Essa relação despertou sentimentos positivos no cotidiano dessas pessoas, principalmente comparando-as àquelas que não transaram com o ex depois do término . Outra observação foi que não houve diferença emocional entre quem procurou o antigo parceiro e quem manteve distância. Na realidade, todos estavam igualmente apegados.

O estudo foi dividido em duas partes. A primeira fez um acompanhamento de 113 pessoas que estavam tentando transar com o ex no período de um mês, no qual a maioria das tentativas foram bem-sucedidas. Já a segunda foi uma entrevista com 459 pessoas que fizeram sexo com o ex, na qual foi perguntado se a decisão tornou o término mais difícil.

Segundo a pesquisadora responsável, Stephanie Spielmann, as descobertas mostram que há uma necessidade de compreender melhor os términos e o impacto que o fim do relacionamento pode ter na saúde mental de alguém.

IG

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. toni disse:

    e isso mesmo carlos quem sabe vendo o video de uma gata muito gostosa toda nua puta merda e uma boa sacoooooo!!!!!!!

  2. Bruno disse:

    Nos dias de hoje, num é preciso terminar para fazer sexo com o ex…
    Vivemos numa sodoma e gomorra faz tempo!

Empresa cria solução para quem Peida demais

Se já tentou tudo e não encontrou remédio que detivesse a flatulência, a solução pode ser o Flat-D. A Colonial Medical Assisted Devices desenvolveu essa espécie de adesivo desodorante para ser preso à roupa íntima. Por fora!

A engenhoca, que promete evitar constrangimentos em locais públicos, possui traços de carvão vegetal a fim de disfarçar o mau odor da inevitável flatulência.

Atenção: o Falt-D não tem isolamento acústico!

Fonte: Page Not Found