Manifestantes do #revoltadobusão descumprem acordo e depredam Câmara Municipal

Manifestantes da Revolta do Busão, cerca de 40, que acampavam desde a manhã desta quinta-feira(18), no pátio da Câmara Municipal de Natal ,entraram em atrito com a guarda municipal por volta das 15h.

Portões do legislativo e parte de uma estrutura foram arrombados e quebrados pelos manifestantes. A guarda municipal usou gás de pimenta e tiros foram disparados para o alto na tentativa de dissipar os protestantes.

A confusão se deu após o presidente da Câmara, Albert Dickson cancelar o autoconvocação de votação da licitação do transporte público, a pedido dos manifestantes que se encontravam na área interna.

Segundo uma fonte do Blog do BG, com o cancelamento, o presidente da CMN solicitou a saída dos manifestantes, que voltaram a fazer novas reivindicações e se recusaram a sair da Casa. Em decorrência do descumprimento do acordo, o Albert Dickson solicitou o apoio da Guarda Municipal, que retirou os jovens a força.

A Polícia Militar, com apoio do Batalhão de Choque, descolou-se até a frente da Câmara, onde os manifestantes gritaram palavras de ordem contra a medida e por volta de 15h40,  a sua maioria dispersou.

Até 18h30, cerca de 20 insistentes manifestantes seguiram no lado de fora da CMN e observados pela PM, responsáveis pala proteção externa, enquanto a Guarda Municipal observava toda a movimentação a partir da área interna.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Soraya Godeiro Massud disse:

    Isso não reflete o que aconteceu na Câmara dos Vereadores no dia de hoje. Estávamos presentes no pátio quando presenciamos e testemunhamos um acordo feito pelo Procurador Heriberto e a Comissão de Ocupação. Esse acordo estabeleceu um tempo de 20 minutos, para que a Comissão apresentasse adendos ao documento assinado pelo presidente da Casa e entregue a Comissão de Ocupação. Quando a redação dos adendos estava quase finalizada, SUBITAMENTE, COVARDEMENTE, o chefe de segurança ordenou a GUARDA LEGISLATIVA a retirada dos manifestantes usando gás de pimenta, choque, agressão física. Uma ato insano e irresponsável.

  2. Onidenis Sinedino disse:

    Os piores predadores da sociedade natalense estão mesmo ali dentro: a maioria dos vereadores, não sem propósito escolhida por boa parcela dos exaltados manifestantes. E agora? Será que destes aqueles só interessam o voto? E por acaso não é a Casa do Povo? É nisso que dá uma 'democracia representativa' de merda: eleições sem legitimidade, eleitos sem representatividade.

  3. primo das primas disse:

    Eu quero que os manifestantes paguem cada centavo do conserto do predio publico. Chega de pessoas causando prejuizos ao povo. Se querem combater a corrupção, fiscalizem as contas, denunciem, escolham em quem votar. Destruir patrimonio para os outros pagarem é um absurdo. Se querem coisas serias neste país, acabem com o comunismo e o socialismo. Votem em quem é SOCIAL. Social é ser em pro do desenvolvimento de quem quer trabalhar e estudar. Deviam acabar com o setor de humanas da UFRN, isso tudo é causado por esse fanatismo ideologico esquerdista. Nao é diferente de fanatismo religioso.

    • Rodrigo disse:

      Blog altamente tendencioso. Notícia mal elaborada. A truculência partiu da policia somente! Vergonha do RN

    • Estudante de C&T disse:

      Filhote de ditadura!

    • João Pedro disse:

      então vá estudar e pare de falar merda na internet! passar bem

    • Sarah Meira disse:

      Parei de ler em: "Eu quero que os manifestantes paguem cada centavo do conserto do predio publico. "

    • Napo disse:

      Amigo, a questão aqui não é depredação, houve? houve sim, mas sabe-se o porque dela, é outra história, só estando lá pra saber o motivo, você não estava, leu esse monte de bosta e tá sendo tendencioso e babaca. O problema não está no desenvolvimento pela meritrocracia, mas na igualdade de ferramentas para que essa meritrocracia realmente tenha validade e seja justa.

    • Estudante de Humanas da UFRN disse:

      E eu quero que o senhor me pague por toda essa baboseira fascista que acabei de ler. Onde fomos parar, viver num mundo onde um objeto inanimado tem mais valor que corpos humanos, onde a resposta de um vidro quebrado é uma agressão truculenta contra uma GRÁVIDA, onde um banco rasgado tem como resposta uma puxada de cabelos numa criança de menor, onde palavras de ordem que incomodam são respondidas com tiros pro alto com armas letais. Você deveria ter vergonha de escrever tanta merda. O autor desse post deveria ter vergonha de escrever tamanha mentira. Os cursos de humanas servem em muito para a formação de opinião e da cidadania, e ambas as coisas estão lhe faltando, além de um pouquinho de humanidade. Vá estudar, reacionário, e saia desse seu mundo bipolar escroto da guerra fria onde tudo se resume em Capitalismo x Socialismo.