Sem voto impresso em 2022, vamos ter problema pior que os EUA, diz Bolsonaro

Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender o voto impresso nas eleições 2022 nesta quinta-feira (7). “Basicamente, qual foi o problema, a causa dessa crise toda? Falta de confiança no voto. Lá o pessoal votou e potencializaram o voto pelos correios por causa da tal da pandemia e houve gente que votou três, quatros vezes. Mortos votaram. Foi uma festa lá “, afirmou, a apoiadores na saída do Palácio da Alvorada. “Se nós não tivermos o voto impresso em 22, uma maneira de auditar o voto, nós vamos ter problema pior que os Estados Unidos”, disse.

Matéria completa AQUI no Justiça Potiguar.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Maurício Ferreira Borges disse:

    Para quem não entende, o voto impresso é aquele que vc vota na urna eletrônica e sai o seu voto , sem identificação
    do seu nome, em um documento, vc confere e pronto. Aí sim, qualquer problema de recontagem ten-se o documento impresso. Simples assim. Aí teremos transparência na conferência, se necessário.

  2. sol disse:

    Defender a autonomia e a integridade da justiça eleitoral e responsabilizar os que atentam contra a ordem constitucional são imperativos para a defesa da democracia, qua por sua vez não tem lugar para os que dela abusam.

  3. Theo disse:

    Já tá com medo???? Seu destino será igual ao de Trump, infeliz das costas oca.

  4. Netto disse:

    Voto auditável já. Faz por amostragem. Dá uns 300 reais por urna. Caro? Cara é a possibilidade de fraude. Vcs estão confiando nisso com base em discurso de autoridade.

  5. Maria Bernardes disse:

    Isso não passa de uma besta □ !!!

    • Severino disse:

      Besta é quem confia em algo que não domina. Nenhum gênio da informática pode expugnar a possibilidade de fraude.

  6. RB disse:

    Ele quer voltar aos tempos das cavernas. Isso já é o medo de perder a eleição,e está descreditando um sistema que p elegeu deputado federal, por 16 anos. Palhaço esse BoZonaro!!!

  7. Neto disse:

    BG !
    Nessa mesma fala o véi do cunhao roxo, chamou Bonner da globo lixo de canalha umas quatro vezes, chamou de mentiroso e perguntou porque não noticiario a fala do doleiro Dario Messer em relação a grana que os irmãos Marinhos receberam.
    Perguntou ainda porque ele ganha o dobro da Renata.
    E disse! Seu salário foi rebaixado porque a farra com o dinheiro público acabou, quem quiser vê é só pesquisar.
    O véi é duro é duro é duro é duro.
    Tamos juntos Presidente.

    • Queiroz disse:

      Os assuntos que te interessam só mostram o quão oca é a sua cabeça. É Bonner pra cá, Renata ora lá, enquanto isso o gás sobe de preço, o número de desempregados e miseráveis só aumentam e você só quer saber dos xingamentos do teu bandido de estimação.

  8. Usain Bolt disse:

    o Brasil fudido e mal pago, quebrado, como o rei do gado mesmo falou. Agora esse doido quer torrar 2,5 bilhões com impressão de voto. Se houvesse fraude nas urnas o mito não teria ganho, a turma teria mexido os pauzinhos e teria dado Haddad.

  9. Calígula disse:

    #MITO 2022, o Véio é bom, o Véio é espetacular.

    • joao disse:

      Mito2022(na cadeia)…o véio é burro, é burro, ô veio burro…

    • Dr. Del Gado disse:

      Titia Calígula adora o do véio, o do burro, do véio burro. Duro, duro, roxo de duro. kkkkkkkkkkkkkkkk

  10. OBAMA!! LULA É LADRÃO disse:

    Tem que ter cuidado mesmo.
    OBAMA DISSE E DEIXOU ESCRITO QUE LULA É LADRÃO.
    Então!!
    Todo cuidado é pouco.
    Não vou desacreditar do cumpanheiro democrata Obama.
    Rsrs

  11. K & J disse:

    Então ele já tem como certo o insucesso nas urnas em 2022?

    • Verde e Amarelo. disse:

      Quem???
      Quem é o novo lider que vai surgir em dois anos??
      Homi !!!!!
      Quer um conselho??
      É melhor JAIR se acustumando.
      O Brasil de hoje é outro.
      Eu duvido que a grande massa brasileira queira voltar pros tempos do roubo.
      Duvido.
      Que apostar??
      Quem avisa amigo é.
      Aceita doí menos.
      Kkkkkkk
      Babaca.

    • Incitatus disse:

      A grande massa não possui essa carga ideológica do Bozo e de seus seguidores. Não são bolsonaristas, nem petistas. Votaram conforme a moda. Porém já se deram conta do erro que cometeram em 2018 e não vão repeti-lo em 2022. Só os bolsonaristas ainda acreditam na reeleição deste maníaco incompetente! A derrota dele nas urnas será fato consumado. Só resta saber se o Bozo sairá do Planalto de forma honrosa ou defenestrado como seu ídolo Trump parece querer sair.

  12. Volta_para_a_cadeia_9dedos disse:

    Qual o problema em tornar auditável a eleição imprimindo o voto direto para uma urna lacrada? É inacreditável as viúvas da Lula/Dilma não quererem a impressora na urna eletrônica.

    • Morais disse:

      Essa de voto impresso é pra baderna imperar, pedir recontagem e manipular o resultado com a contagem manual. O sistema atual é seguro, pois não está em rede e se emite um boletim com os nomes dos candidatos antes e depois de terminar o processo. Já a contagem manual abre inúmeros precedentes, eu que o diga por já ter presenciado apuração manual em frente a juiz eleitoral com delegados de partido apoiados por políticos no poder obrigando os escrutinadores a passar votos de um candidato pra outro. Quem questionaria se o juiz eleitoral estava vendo, imaginem sem a presença dele.

  13. Manoel disse:

    Com ou sem voto impresso, nosso problema eh você MINTOmaníaco!!! VÁ TRABALHAR E DEIXE DE FICAR FALANDO MERDA!!!

  14. Marcos. Araujo disse:

    Palhaço

  15. Juliano disse:

    A grande maioria do povo Brasileiro é pacífico, principalmente os eleitores do Bolsonaro.
    Vejam o que esses caras do STF fazem e fica por isso mesmo.
    O tal Gilmar Mendes solta bandidos a três por mil.
    Os outros, bandidos ligados ao tráfego.
    Políticas corruptos igual ao LULA, e não acontece nada, o Brasil é assim.
    Tudo caí no esquecimento.
    O MITO, tá usando de estratégia dizendo isso.

  16. ddd disse:

    Isso é um comediante. E tbm ilusionista, usa das palavras, joga informações sem nenhum fundamento ao relento e muito mané cai nessa conversa fiada dele, tbm passou mais de duas décadas mamando e se formando na melhor universidade para essa qualidade de gente, o congresso.

  17. Manoel disse:

    Deixa ver se entendo:
    Nos EUA é impresso e houve fraude
    No Brasil é eletrônico e há (haverá) fraude.
    Alguém interna esse excremento pelo amor de Deus.

    • Acorda Brasil disse:

      Nenhum profeta predisse que o mundo ia acabar assim: quando a internet desse voz aos iluminados. Sempre dominam todos os assuntos: economia, biologia, medicina, epidemiologia, informática e etc.. Eles tem um diagnóstico pra tudo. Que Deus nos ajude.

    • Bola disse:

      Você entendeu muito bem, meu amigo. Mas vou traduzir. A eleição nos Estados Unidos é uma zona. Vota- se pelo correio, inventam cédulas, etc. Enfim, a esquerda faz o que deseja. Aqui, como não tem voto pelos Correios, vão programar as urnas eletrônicas. Simples assim.

  18. ZéGado disse:

    O Trump deixou um discípulo, o Trump do Paraguai.
    Essa praga, é a pior praga que o Brasil poderia ter.
    Culpa de 57 milhões de imbecis.

Ivermectina pode ser a responsável pela baixa mortalidade da Covid-19 na África, destaca Bolsonaro; presidente também cita estudo que reconhece a nitazoxanida

Foto: Reprodução/Instagram

O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender, nesta 3ª feira (5.jan.2021), o uso precoce de medicamentos sem eficácia comprovada para o tratamento da covid-19. Em publicação no Twitter, o chefe do Executivo atribuiu a baixa taxa de óbitos por coronavírus em países africanos à distribuição em massa da ivermectina.

A imagem divulgada pelo presidente lista 9 países que integram iniciativa da OMS (Organização Mundial de Saúde) de distribuição do medicamento no Programa Africano para Controle de Oncocercose, doença chamada também de “cegueira do rio”.

Os dados apresentados na tabela apontam que, até 4 de janeiro de 2021, entre os países listados, o Quênia tinha o maior número de mortes por milhão de habitantes (32,1). O Brasil, até 1º de janeiro deste ano, era o 21º país do mundo em mortes por milhão de habitantes (923).

Na mesma publicação, Bolsonaro também fez apologia ao uso do medicamento antiviral nitazoxanida, conhecido como Anitta. Segundo ele, o vermífugo é capaz de reduzir a carga viral de pacientes infectados pelo coronavírus.

O presidente afirmou que estudo sobre o remédio foi publicado em “conceituada revista científica internacional”. O mandatário anexou à publicação um áudio de reportagem do programa de rádio A Voz do Brasil sobre a veiculação, pela revista científica European Respiratory Journal (íntegra, em inglês – 2 MB), de artigo científico com resultados do estudo financiado pelo governo federal.

De acordo com a pesquisa, a carga viral dos 194 pacientes que se trataram com a nitazoxanida caiu 55% depois de 5 dias. Entre os 198 voluntários que tomaram o placebo, a carga viral teve redução de 45% no mesmo período. O vermífugo não levou à redução dos sintomas da covid-19. Os pesquisadores concluíram não haver evidências de que o medicamento seja uma terapia efetiva para pacientes com casos leves de covid-19.

Um membro da Sociedade Brasileira de Infectologia, ouvido pela reportagem do Poder360 e que não quis se identificar, disse que o estudo não apresenta “dados clínicos relevantes“. “O artigo é muito fraco. É impossível recomendar qualquer coisa baseada nele“, afirmou.

O trabalho foi enviado ao European Respiratory Journal em 5 de outubro. Foi aceito em 4 de dezembro e publicado em 24 de dezembro. É assinado por 29 pesquisadores, coordenados pela professora Patrícia Rocco, da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro).

Em outubro, o governo federal promoveu evento para divulgar os resultados desse estudo, mas não apresentou os dados. Usou um gráfico genérico, comprado em banco de imagens, para ilustrar a apresentação.

Com acréscimo de informações do Poder 360

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Kennedy Diniz disse:

    Se A IVERMECTINA DESSE RESULTADO POSITIVO, NATAL NÃO TERIA TIDO TANTOS ÓBITOS. Natal é uma das cidades que mais teve óbitos por milhão de habitantes no mundo. A Ivermectina aqui em Natal foi é está sendo distribuída igual a RECEITA DE BOLO. Se desse resultado, não teríamos tido tantas mortes aqui em Natal.

  2. Kennedy Diniz disse:

    Só LEMBRANDO que a TAXA DE MORTALIDADE POR COVID EM NAT É UMA DAS MAIORES DO MUNDO POR MILHÃO DE HABITANTES. Aqui em Natal IVERMECTINA É RECEITA DE BOLO NOS GINÁSIOS DE ESPORTES E POSTOS DE SAude, se desse resultado, NATAL NÃO TERIA MORRIDO TANTA GENTE.

  3. Minion de Peixeira disse:

    Pra esses genocidas petralhas, nenhum remédio. pra. uso precoce serve. Sintomática essa campanha odiosa contra rudo o que aparece. Só serve trancar todo o mundo pra ferrar os empregos e depois. sapatear em cima das cinzas, pra politizar.

  4. Bergamin disse:

    Ôôôh Véi arrochado da cota serena.
    Mais arrochado do que C… de sapo.
    Num tá vendo que eu não troco um homi desse por esses ladrões do PT.
    Deus me livre e guarde.
    Mito 2022.

  5. Direita-Honesta disse:

    Entendo ser MUITO difícil fazer oposição a um presidente honesto (estamos no meio do mandato e NENHUM caso de corrupção), patriota, democrata, realmente preocupado com o povo brasileiro (inclusive com sua LIBERDADE) e que já demonstrou estar certo em TUDO o que já disse com relação a essa pandemia. Resta aos lacradores o único recurso a mentiras e baixarias, expondo de maneira explícita a sua má índole e seu despreparo. Fazer o quê?

  6. Manoel disse:

    Como uma pessoa faz uma irresponsabilidade dessa? O imbecil ataca de novo.
    Esse ignóbil quer holofotes e capim para alimentar seu gado.
    Impressionante que nenhuma nação do primeiro mundo usa esses placebos contra essa vírus.

  7. H4CK3R disse:

    Os comentários agora estão legíveis depois que o moderador deu "ban" em um certo doente.

  8. Mínion de Peixeira disse:

    Cloriqiuina é defendida por dos mais renomados virologistas e infectologista do Mundo.
    Aqui uma horda de delinquentes faz campanha contra. Gente deliquente mesmo.

    • Queiroz disse:

      Se você está se referindo aquele francês picareta pode pesquisar um pouco mais e saber que o próprio está mais do que desmoralizado na comunidade científica.

    • Minion de Peixeira disse:

      Em vez de apelar para esse tipo de argumento, drefute-o com suas palavras pq ele está errado. Não é só ele..

    • Minion de Peixeira disse:

      *refute-o

    • Minion de Peixeira disse:

      Poderia linkar uma cacetada de estudo. Uso precoce….não com gente com o pé na cova…mas não vou perder tempo com que já decidiu que não vai dar o braço a torcer.

  9. Mínion de Peixeira disse:

    Os que ficam criticando os estudos referidos por Bolsonaro não são capazes de ler nada (nem contra nem a favor) de fonte primária. Mal falam Português. Só passam o dia em zurros histéricos.

    • Flavio Lisboa disse:

      Apresente um link de um estudo que esse comprimido cura a COVID-19, que é eficaz, etc.
      Não quero saber se Dr Fulano aconselha tomar, etc.
      Mostre um estudo.

    • Aluísio Valença disse:

      É que "estudo" e Bolsonaro são incompatíveis. Bolsonaro nunca estudou, o próprio Mourão já comentou a respeito do QI baixo do "gênio" que nos guia.

    • Minion de Peixeira disse:

      Tem uma cacetada de relatos empíricos. Isso também é ciência. Virou birra mesmo. Vc não sabe o que é isso.

  10. Célia disse:

    As sementes de feijão do pastor Valdemiro Santiago tem se mostrado muito eficaz contra a Covid19.

  11. Pedro disse:

    Talvez seja porque a expectativa de vida nesses países seja baixa… Em regra, inferior a 60 anos. E a COVID vitime mais idosos.

  12. ZéGado disse:

    Ivermectina é meus cunhão

  13. ZéGado disse:

    Falou o Veterinário da boiada brasileira.
    Incompetente, ele e o min da saúde “especialista” em logística, que não sabe transferir uma seringa de um estado pra outro.

    • Deomedes Fernandes disse:

      Espera até 22 e elege o Lula que entende de transferências. No momento, criticar o Presidente é desrespeitar o voto da maioria. Eleito para governar, não para ficar ouvindo sugestões.

  14. ROBERTO disse:

    OS MELHORES E BEM MAIS CONCEITUADOS MÉDICOS DE NATAL, RECOMENDAM A IVERMECTINA.
    QUEM É CONTRA, É PORQUE DEFENDE O "QUANTO PIOR, MELHOR"

    FORA PETRALHAS.

  15. Tico de Adauto disse:

    O bobo da corte exercendo seu papel com maestria.

  16. Antenado disse:

    Já já os lacradores…1,2,3…
    Vão produzir alienados
    Mito 2022

    • Maria disse:

      O que ele vai fazer com a cloroquina de Jesus, que comprou milhões de comprimidos? Ah já sei, vai transformar em líquido, armazenar em bisnagas e sugerir a utilização nos mesmos moldes do ozônio.

Bolsonaro diz que ‘vacina está a caminho’ e faz nova defesa da hidroxicloroquina

Foto: Adriano Machado/Reuters

Em publicação no Facebook, na manhã desta segunda-feira (4), o presidente Jair Bolsonaro declarou que a vacina vai chegar ao país e voltou a defender o uso da hidroxicloroquina, medicamento sem eficácia comprovada pela ciência para o combate ao coronavírus. O presidente compartilhou um vídeo com a entrevista do toxicologista Anthony Wong, concedida à Jovem Pan. Durante o programa, o toxicologista voltou a defender o uso da hidroxicloroquina na fase precoce da doença. Na publicação, Bolsonaro acrescentou que: “o tratamento precoce salva vidas”.

O presidente também voltou a dizer que a vacina não será obrigatória. “A vacina emergencial (depois de certificada pela Anvisa), e não obrigatória, está a caminho”, disse.

Também pelo Facebook, na semana passada, Bolsonaro disse ter “pressa pela vacina”. Ele afirmou que “tão logo um laboratório apresente seu pedido de uso emergencial, ou registro junto à Anvisa, e esta proceda a sua análise completa e o acolha, a vacina será ofertada a todos e de forma gratuita e não obrigatória”.

CNN Brasil

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Juninho Play disse:

    Falou pouco, mas falou merda. Esse é o mito do gado q só sabe falar. E o PT? E o Lula? Kkkkk duas desgraças seguidas e o Brasil afundando.

  2. Pilão disse:

    Conversei de merda do carai

  3. Antenado disse:

    A vacina vai aplicada em São Paulo. Doria garantiu. Dia 25. Não esqueçam.

  4. Antônio Glauber disse:

    Concordo com o Presidente, cautela, parcimônia e caldo de galinha não fazem mal a ninguém, vamos ver como estas vacinas se comportam Mundo afora para escolher a melhor.

  5. Tico de Adauto disse:

    Genocida! Se tivéssemos um presidente da Câmara dos Deputados de vergonha esse incompetente cheio de maldades do PR já estaria fora.

    • Alguém disse:

      Tá achando o presidente ruim? Faça o seguinte SAIA do país, vá para uma maravilha de "democracia socialista".
      Outro ponto, sabe ao menos o que é um genocida? Aposto que não, vai na ondinha de mimimi zapzap.

      Caso não tenha edtudado, segue a explicação.

      1º – Genocida, pessoa que ordena ou é a responsável pelo extermínio de muitas pessoas em pouco tempo.
      2º – Quando e onde ele mandou exterminar pessoas?
      3º – Naõ estou defendendo ele, mas ao menos se for criticar, critique por algo válido e nao mimimi da oposição.

      Esqueda caviar chata da p0rr4.

    • Maria disse:

      Seu Alguém, pq sair do país? Isso é democracia? O país é seu? É dele? Eu posso reclamar sim, se o Nosso país está desgovernado. Um louco, nosso parco está afundando e vcs dando corda.

    • Tico de Adauto disse:

      O conceito para genocida ratificou o anteriormente afirmado aqui por este Missivista.

    • Cesar Bomone disse:

      Genocida é Maduro que mata de fome sua própria população, Genocida são os Governos Comunistas que executam qualquer um que discorde deles, Genocida são os ESQUERDOPATAS que defendem governos corruptos que desviam recursos que deviam ir para a saúde, para salvar os doentes.
      O Presidente tem enfrentado todas as dificuldades para conseguir vacinas para um país que depende dos outros países porque durante anos os governos de ESQUERDA relegaram os investimentos em saúde, em pesquisa e desenvolvimento científico e tecnológico.
      Preferiram gastar bilhões em remessas para ajudar ditaduras comunistas.

    • Pepe disse:

      Não chola bb.
      Mito até 2026.
      Tu vai ter que ENGOLIR.
      Rsrsrs

  6. José disse:

    Se o.povo desobedecer aos protocolos vai morrer mto mais o povo não obedece a ninguém pais democrático é isso aí na Tailândia é fuzilado veja se tem alguém na rua

  7. José disse:

    Realmente u mito com um celular na Mão derrubar a esquerda segurou a Barra do covid recuperou obras paradas e ainda fez um gol de placa VIVA o capitão é não rouba

  8. Pixuleco disse:

    Eita ! TONHO RUMO AOS 200 MIL , começou bem a semana . DA LUA a cada dia me surpreende mais , a vacina do Doidim deve está vindo no lombo de um jumento , a TOROMBA já tem dono . “Eu Quelo a vacina 💉 neném 👶 a tolomba PIXÚ não gjsta não “. Aí papai !

  9. claudio disse:

    JÁ ESTÁ EM SÃO PAULO GRANDE DORIA

Gilmar Mendes recebe Prêmio José Bonifácio 2020 por “destaque no debate jurídico nacional na defesa das teses legalistas”

Foto: Gervásio Baptista SCO/STF

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, foi agraciado com o Prêmio José Bonifácio na categoria Direito. A premiação foi concedida por seu destaque no debate jurídico nacional na defesa das teses legalistas.

O prêmio é conferido pela Instituição José Bonifácio a pessoas físicas e jurídicas que tenham se destacado na defesa dos interesses nacionais, da democracia, do desenvolvimento social, da cultura, das artes e das ciências — valores e causas caros ao Instituto.

O homenageado recebe um busto do patriarca da Independência, uma medalha e um diploma —em razão da epidemia da Covid-19, a entrega será feita em cerimônia a ser marcada futuramente, em São Paulo.

Veja a lista de vencedores:

Direito – Gilmar Mendes
Personalidade Nacional – Pelé
Música – Martinho da Vila
Desenvolvimento – Josué Gomes da Silva
Ciência e Tecnologia – Rogério Cézar de Cerqueira Leite
Sindicalismo – João Carlos Gonçalves Juruna
Agropecuária – Roberto Rodrigues
Defesa Nacional – General Eduardo Villas Bôas
Memória Nacional – Jorge Caldeira
Direitos Sociais – Azelene Inácio Kaigang
Municipalismo – Almira Ribas Garms
Cultura – Alessandra Ribeiro
Literatura – Jorge Mautner
Política – Perpétua Almeida
Comunicação – Johnny Saad
Esporte – Formiga
Jornalismo – José Antônio Severo
Liderança Jovem – João Campos
Educação – Marcelo Knobel
Saúde – Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)
In memoriam – Anísio Teixeira (1900-1971)

Consultor Jurídico

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Especialista disse:

    Perfeito Sr. Neto, quando não dominamos com segurança uma opinião, a consciência deve falar mais alto, preferido não opinar, corremos o risco de sermos bobos.

  2. Luiz Carlos Araujo disse:

    Era para receber o prêmio de quem mais soltou traficantes, bandidos e políticos ladrões. Esta premiação é a PIADA DO ANO.

  3. Muda Brasil disse:

    Era pra receber o prêmio laxante do ano, solta o que está preso em poucos minutos.

  4. António AVERALDO disse:

    Não acredito meu deus o mundo está acabando

  5. Calígula disse:

    O cara de cururú ganhou? Tô passada.
    Lula deveria ganhar o título de honestidade.
    Dilma o título de Mulher inteligente.
    Kkkkk

  6. Direita radical disse:

    Isso é piada? 😡

  7. Sargento Paulada disse:

    Merecido, Dr. Gilmar é um excelente jurista.
    Apesar de não ser minha área (direito).

Defesa de Crivella entra com pedido de habeas corpus no STJ

Foto: Gabriel de Paiva / Agência O Globo

A defesa do prefeito afastado do Rio, Marcelo Crivella, entrou na tarde desta terça-feira, no plantão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), com um pedido de habeas corpus e que ele seja reconduzido ao cargo. Na representação, os advogados alegam que a prisão foi ilegal porque a desembargadora Rosa Helena Penna Macedo Guita não teria competência legal para isso.

”O paciente foi preso — a nove dias do fim do seu mandato como prefeito da segunda maior cidade do Brasil — em decorrência de uma decisão monocrática proferida pela Des. Relator Rosa Helena Penna Macedo Guita, no decorrer do recesso do poder judiciário (..). Quer dizer, no curso do recesso do poder judiciário, a autoridade coatora, que não é presidente do e. Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, autoridade judicial que sequer poderia apreciar tal matéria nesse ínterim (20.12.2020 até 06.01.2021), conforme o ato normativo do Tribunal de Justiça, determinou a prisão preventiva do paciente, prefeito da cidade do Rio de Janeiro, repita-se: a nove dias do final do seu mandato, impossibilitando, a posterior apreciação da matéria pelo Órgão Colegiado – este sim competente para análise do pedido”, diz um trecho do pedido de HC.

A defensa também questiona o fato de Crivella ter sido preso como uma garantia para manter a ordem pública:

”Em primeiro lugar, registre-se que o Paciente não mais exercerá o cargo de Prefeito da Cidade do Rio de Janeiro a partir do dia 01/01/2021. Portanto, é absolutamente ilegal e irracional manter o Paciente preso ou lhe impor medida cautelar! No ponto, de acordo com a decisão coatora, seria possível afirmar que — a suposta — atividade delitiva se perduraria, diante do propósito do Paciente de permanecer na vida pública. Menciona, ademais, não haver dúvidas de que, mesmo após o encerramento do mandato, as imaginosas atividades ilícitas se perpetuarão. Referidas presunções, contudo, são absolutamente genéricas e abstratas, pelo que não poderiam sequer ser consideradas para decretar a prisão do Paciente ou de qualquer indivíduo”, diz outro trecho do documento.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Diego Teixeira disse:

    Advogados inventam cada desculpa: não deveria ser preso porque encerra o mandato. E daí? Cana dura pro pastor perdedor bolsonarista. Falta pegar o chefe.

PGR pede informações à Abin e ao GSI sobre supostos relatórios para defesa de Flávio Bolsonaro

O procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou nesta terça-feira (15) que pediu informações à Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e ao Gabinete de Segurança Institucional (GSI) sobre a suposta produção de relatórios para orientar a defesa do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos -RJ) na tentativa anular o caso das rachadinhas.

Segundo reportagem da revista “Época”, a Abin produziu pelo menos dois relatórios de orientação para Flávio Bolsonaro e seus advogados sobre o que deveria ser feito para obter os documentos que permitissem embasar um pedido de anulação do caso.

Aras afirmou que as suspeitas são graves, mas que ainda não há elementos que justifiquem uma investigação formal.

“O fato em si narrado é grave, o que nós não temos são provas desses fatos. Nós não trabalhamos com narrativas. Nós trabalhamos com fatos e provas, por enquanto temos fatos transmitidos pela imprensa”, disse Aras em conversa com jornalistas.

O Ministério Público do Rio denunciou o senador do Republicanos e filho do presidente Jair Bolsonaro por um suposto esquema de rachadinha na Assembleia Legislativa do Rio na época em que era deputado estadual. Fabrício Queiroz é suspeito de ter administrado o suposto esquema.

Aras afirmou que o Supremo Tribunal Federal tem entendimento consolidado que notícia de imprensa não é prova e que a PGR precisa encontrar elementos que justifiquem uma investigação formal. A PGR recebeu representação de mais de 50 deputados pedindo uma investigação sobre a eventual conduta de órgãos do governo para fins pessoal da defesa do senador.

“Na verdade, nós recebemos somente ontem as representações do deputado Marcelo Freixo mais 50 deputados. Estas representações não trazem elementos materiais, trazem apenas notícias de jornal. O que significa dizer que o Ministério Público vai ter que fazer a investigação porque é evidente que, se a sociedade, se os representantes do povo podem nos fornecer elementos, o jornalismo”, disse.

“Não sabemos se é questão do órgão ou do agente do órgão que se desviou de suas atividades. É preciso apurar se a responsabilidade é do órgão ou do agente”, completou.

G1

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Andre disse:

    Da em nada. Já tá tudo aparelhado.
    Já era.

Abin fez relatórios para orientar defesa de Flávio Bolsonaro na anulação do caso Queiroz com suposta organização criminosa na Receita, diz colunista

Foto: Dida Sampaio/Estadão Conteúdo

A Agência Brasileira de Inteligência (Abin) produziu pelo menos dois relatórios de orientação para Flávio Bolsonaro e seus advogados sobre o que deveria ser feito para obter os documentos que permitissem embasar um pedido de anulação do caso Queiroz.

Nos dois documentos, obtidos pela coluna e cuja autenticidade e procedência foram confirmadas pela defesa do senador, a Abin detalha o funcionamento da suposta organização criminosa em atuação na Receita Federal (RFB), que, segundo suspeita dos advogados de Flávio, teria feito um escrutínio ilegal em seus dados fiscais para fornecer o relatório que gerou o inquérito das rachadinhas.

Enviados em setembro para Flávio e repassados por ele para seus advogados, os documentos contrastam com uma versão do general Augusto Heleno, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, que afirmou publicamente que não teria ocorrido atuação da Inteligência do governo após a defesa do senador levar a denúncia a Bolsonaro, a ele e a Alexandre Ramagem, diretor da Abin, em 25 de agosto.

Um dos documentos é autoexplicativo ao definir a razão daquele trabalho.

Em um campo intitulado “Finalidade”, cita: “Defender FB no caso Alerj demonstrando a nulidade processual resultante de acessos imotivados aos dados fiscais de FB”. Os dois documentos foram enviados por WhatsApp para Flávio e por ele repassados para sua advogada Luciana Pires.

O primeiro contato de Alexandre Ramagem com o caso foi numa reunião no gabinete de Bolsonaro, em 25 de agosto, quando recebeu das mãos das advogadas de Flávio uma petição, solicitando uma apuração especial para obter os documentos que embasassem a suspeita de que ele havia sido alvo da Receita. Ramagem ficou com o material, fez cópia e devolveu no dia seguinte a Luciana Pires, que voltou ao Palácio do Planalto para pegar o documento, recebendo a orientação de que o protocolasse na Receita Federal. A participação da Abin, a partir daí, seguiria por meio desses relatórios, enviados a Flávio Bolsonaro, com orientações sobre o que a defesa deveria fazer.

No primeiro relatório, o que especifica a finalidade de “defender FB no caso Alerj”, a Abin classifica como uma “linha de ação” para cumprir a missão: “Obtenção, via Serpro, de ‘apuração especial’, demonstrando acessos imotivados anteriores (arapongagem)”. O texto discorre então sobre a dificuldade para a obtenção dos dados pedidos à Receita e, num padrão que permanece ao longo do texto, faz imputações a servidores da Receita e a ex-secretários, a exemplo de Everardo Maciel.

“A dificuldade de obtenção da apuração especial (Tostes) e diretamente no Serpro é descabida porque a norma citada é interna da RFB da época do responsável pela instalação da atual estrutura criminosa — Everardo Maciel. Existe possibilidade de que os registros sejam ou já estejam sendo adulterados, agora que os envolvidos da RFB já sabem da linha que está sendo seguida”, diz o relatório, referindo-se a José Tostes Neto, chefe da Receita.

Guilherme Amado – Época

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rei da Cloroquina disse:

    No PT todo mundo roubava… No governo do Bozo só rouba ele e sua familia. Isso não fez dele melhor. Apenas diferente. Fernando Collor quis roubar sozinho e se lascou, bem vindo ao Brasil.

    • Canin Gado disse:

      Votei no Bozó pra tirar o PT e acabar a roubalheira. O PT saiu mas o assalto aos cofres continua, com os mesmos personagens, agora aliados do Bozó. E agora pior, travestido de patriotismo, esse governo está fazendo o país regredir muitos anos. Mas eleição tem outras por vir. Vamos mandar o gado de volta ao curral em muito breve.

  2. Pixuleco disse:

    Xiiiiii ! E agora neném 👶? O acabou o fim de semana de CACÁ ( Calígula para os íntimos ) .

  3. Ivan disse:

    Deixa os míninos trabalhar, isso é perseguição.

  4. PEDRO VERDADEIRO. disse:

    Cuidado Manoel vc de tanto fase esse mugido, pode acabar igual a um jegue…….kkkkkkk

  5. Vanys disse:

    Querem de qualquer jeito achar alguma coisa pra prejudicar o nosso presidente.
    Mais mito e mito 2022 😎😎😎😎😎🚀

  6. Manoel disse:

    Isso só pode ser mentira! O MINTOmaníaco eh muito correto e os filhos dele também! Muuuu

  7. felipe disse:

    Alô PF, TCU e CGU? Estão usando a máquina para fins pessoais. Isso é ou não é crime de responsabilidade?

    • Fernando Dantas disse:

      Pergunta de leigo: um mandato de um parlamentar federal qualquer pode ser tomado como 'assunto pessoal'?

    • Felipe disse:

      Claro. O que está sendo investigado é a conduta PESSOAL de Flavio Bolsonaro e não atos praticados em função do cargo de Senador.

  8. Greg disse:

    Governo Bozo aparelhou o Estado por completo…já podemos chamar que viramos VENEZUELA?

    • Ricardo disse:

      Por completo, incluindo STF e todo o Judiciário, todos os escalões de governo (num tem mais um esquerdista), Congresso, estados, municípios, universidades… Bolsonaro faz o que lhe dá na telha.

  9. Anti-Político de Estimação disse:

    Isso não é aparelhamento do Estado para fins particulares não ????????????

Resposta da China a Eduardo Bolsonaro foi ‘diplomaticamente’ errada, diz Mourão; vice-presidente concordou com Itamaraty e criticou assunto tratado em rede social

Foto: Pablo Jacob/Agência O Globo

O vice-presidente Hamilton Mourão afirmou nesta sexta-feira (27) que a Embaixada da China no Brasil agiu “diplomaticamente errado” ao usar as redes sociais para repudiar uma postagem do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro.

Na segunda (23), o parlamentar publicou que o governo brasileiro havia declarado apoio a uma “aliança global para um 5G seguro, sem espionagem da China”. Eduardo apagou a postagem na terça, mesmo dia em que a embaixada postou nota de repúdio às declarações.

A embaixada disse que as afirmações do filho do presidente são “infundadas” e “solapam” a relação entre os dois países – a China é o principal parceiro comercial do Brasil.

“Eu acho que, diplomaticamente, está errado isso aí. É a segunda vez que o embaixador chinês reage dessa forma. Dentro das convenções da diplomacia, o camarada se sentindo incomodado com qualquer coisa que tenha ocorrido no país, ou ele escreve uma carta para o ministro de Relações Exteriores ou ele vai ao Itamaraty e apresenta suas ponderações. E não via rede social, porque aí vira um carnaval esse negócio”, disse Mourão.

Questionado se o governo brasileiro pretende intermediar uma pacificação no tema – pedindo, por exemplo, para Eduardo Bolsonaro amenizar as críticas –, Mourão disse achar que o deputado já recebeu “alguma recomendação” nesse sentido.

“Quando o deputado postou e depois apagou, acho que ele deve ter recebido alguma recomendação para tirar aquilo”, disse. Mourão é um dos interlocutores do governo junto à China, já que representa o Brasil na Comissão Sino-Brasileira de Alto Nível de Concertação e Cooperação (Cosban).

Mourão também disse que o Itamaraty está “muito correto” ao enviar réplica à nota de repúdio divulgada pela embaixada chinesa.

Segundo o jornal “O Globo”, nessa resposta, o Ministério de Relações Exteriores apontou conteúdo “ofensivo e desrespeitoso” na nota da China e disse que o texto prejudica a imagem do país junto à opinião pública. A mensagem também criticou o uso da rede social para tratar de temas de interesse dos dois países.

Disputa do 5G

China e EUA travam uma guerra comercial e tecnológica em relação ao 5G, a internet móvel de quinta geração. No Brasil, o leilão das frequências deve ser realizado em 2021 e o governo avalia se definirá alguma barreira à empresa chinesa Huawei como fornecedora de equipamentos para o 5G.

Eduardo Bolsonaro publicou na segunda em uma rede social que “o governo Jair Bolsonaro declarou apoio à aliança Clean Network, lançada pelo governo Donald Trump, criando uma aliança global para um 5G seguro, sem espionagem da China”.

O apoio ao “Clean Network” foi declarado no último dia 10 em cerimônia no Itamaraty. A definição dos parâmetros do leilão do 5G, no entanto, cabe à Anatel – que, segundo a Lei Geral de Telecomunicações, goza de “independência administrativa, ausência de subordinação hierárquica, mandato fixo e estabilidade de seus dirigentes e autonomia financeira”.

O deputado apagou a mensagem no dia seguinte, porém a embaixada da China no Brasil afirmou que as declarações do parlamentar seguem “os ditames dos Estados Unidos de abusar do conceito de segurança nacional para caluniar” o país asiático e cercear as atividades de empresas chinesas.

Na nota, os representantes chineses também disseram que as falas do deputado são “infundadas” e “indignas” com o cargo de presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara.

Atrito repetido

O atrito por rede social com a embaixada da China não é o primeiro registrado por aliados do presidente Jair Bolsonaro.

Em abril, o então ministro da Educação, Abraham Weintraub, publicou insinuações de que a China poderia se beneficiar, de propósito, da crise mundial causada pelo coronavírus. Depois, ele apagou o texto.

Além do conteúdo da mensagem, Weintraub também ofendeu os chineses na forma do texto ao imitar a fala do personagem Cebolinha, da Turma da Mônica, que, ao falar, troca a letra “R” pela “L”. O ministro ridicularizou o fato de alguns chineses, quando falam português, efetuarem a mesma troca de letras.

A embaixada chinesa no Brasil, também na rede social, divulgou uma resposta repudiando a fala do ministro e o embaixador, Wanming Yang, cobrou uma declaração oficial do governo sobre a fala de Weintraub.

Depoimento do presidente

Mourão disse concordar com os argumentos do Advocacia-Geral da União (AGU) ao formalizar junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) a desistência de Bolsonaro de prestar depoimento à Polícia Federal no inquérito que apura suposta tentativa de interferência dele na autonomia da corporação.

Segundo a AGU, a divulgação do vídeo da reunião ministerial de 22 de abril “demonstrou completamente infundadas quais das ilações” que resultaram na abertura do inquérito, feita a partir de relatos do ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro.

“Concordo com o presidente nisso ai. É o tipo de negócio que não dá em nada”, disse Mourão.

G1

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. BBKing disse:

    Esse Mourão é um morde e sopra da mulestia. Ontem criticou o Bananinha, que iniciou toda essa confusão. Hoje crítica o embaixador chinês. O vice deve ter opinião própria, descer do muro.

  2. joaci disse:

    Na verdade os Brasileiro não precisam da china, a china precisa de nossos alimentos, ferros, madeiras, ouro, etc.
    Então já dizia Chico Xavier o Brasil e o Coração do Mundo e Patria do Evangelho.
    Nosso Brasil vai alimentar todos os seres vivos deste planeta chamado terrar.

  3. Pixuleco disse:

    MORÃO , nobre general de quatro tampinhas , homi vá dormir , cuidar dos netos . Deixe de conversar besteira e passe o lano nas declarações dessa família BANANOÍDE .

  4. Xing Ling disse:

    Se a China quiser, explode o planalto com um simples drone.

  5. Emerson Fonseca disse:

    A China está cagando e andando, para você Generalzinho de pijama, foi só um pequeno aperitivo, continuem as provocações, aí sim, couro vai comer.

  6. avelino disse:

    QUE A CHINA SE EXPLODA, COMUNISTA NÃO GOSTAMOS DE COMUNISTA , O BRASIL É DEMOCRATICO BRASILEIRO E PRESA PELA SUA LIBERDADE. FORA OS COMUNISTAS

    • JOSÉ CLAUDIO PEREIRA disse:

      É sério? Ficar fora dos comunistas ( CHINA ) e também da parceria comercial com esse país comunista, que proporciona anualmente ao Brasil, centenas de bilhões de dolares de superávit na balança comercial entre nações?

    • Sergio disse:

      Sem a China, o Brasil tá acabado, inocente.

    • Patriota disse:

      Avelino, querido, seja coerente: JOGUE NO FOGO ESSE SEU CELULAR CHEIO DE COMPONENTES COMUNISTAS!

    • Emerson Fonseca disse:

      Se o nobre Avelino, der um baculejo em casa, vai se surpreender com a ruma de comunistas que tem lá… kkkkk… Sabe de nada inocente 😂

Bolsonaro volta a defender voto impresso: “Temos que ter um sistema de apuração que não deixe dúvidas”

Foto: Divulgação/Palácio do Planalto

O presidente Jair Bolsonaro voltou a questionar o sistema de apuração de votos do Brasil na manhã desta segunda-feira, 16. As informações são da Nathália Pase, repórter da Band em Brasília.

“Temos que ter um sistema de apuração que não deixe dúvidas, tem que ser confiável e rápido. Não deixar margem para suposições”, declarou há pouco.

O presidente ainda reafirmou o desejo do retorno do voto impresso. “O Supremo disse que é inconstitucional o voto impresso, tem proposta na Câmara, se não tivermos uma forma confiável a dúvida sempre vai permanecer. Não sou eu quem fala, é o povo que fala”, finalizou o presidente.

Band

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. José Macedo disse:

    O voto impresso é uma segurança para qualquer partido pode ser de esquerda ou direita.
    voto eletrônico não é confiável , porque não sabemos se foi manipulado ou não, se hacker invade computadores da CIA (central de inteligência americana) que tem segurança máxima vocês acham que não terão condições de alterar dados de uma maquininha eletronica de votos, aberta.
    E falaram ainda dá inovação de voto via celular ser segura, só rindo de vocês.
    Imaginem um corrupto chegando numa área carente oferecendo R$ 30,00 por voto no candidato dele, o cidadão chega com seu celular vota na frente do corrupto e recebe o seu dinheiro.
    Ou os inocentes de plantão acham que isso nunca vai acontecer.
    Só podem estar de sacanagem.
    Que sejam contra o presidente mas vamos botar a cabeça de camarão para pensar.

  2. Francileude disse:

    Demente

  3. Juliano bugueiro disse:

    Quer fazer igual a Trump

  4. Erasmo Barreto disse:

    Se for pra tirar esse quadrúpede da presidência, eu concordo com qualquer tipo de votação, mas tem que ser agora!!!!

  5. Vaqueiro Açoitador E Trablhador disse:

    Se eu pegar esse esclerosado e colocar aqui na fazenda por uns 5 dias a base feno, farelo, sal, sol no lombo e umas boas açoitadas, duvido que ele volte a falar tanta asneira..

  6. João Macena disse:

    É verdadeiro o seu comentário, caro Turci. Lamentável, como o presidente Bolsonaro, fala bobagem. Ele é o maior opositor do seu governo. João Macena.

  7. Val do Açai disse:

    Já esta preparando o terreno para 2022.

  8. Braulio Pinto disse:

    Parece me que o sistema de voto impresso seria muito mais passível de erros e de fraude do que o atual. Se há dúvidas quanto a segurança que se aponte tecnicamente quais são os pontos suscetíveis a problemas no atual sistema. Senão é só mimimi de perdedor.

  9. Emerson Fonseca disse:

    O que esperar de um Débil Mental que só teve inteligência para ensinar os filhos como fazer uma boa rachadinha e encantar o Gado… kkkkk 😂

  10. Silva disse:

    NÃO CONCORDO MEU PRESIDENTE.
    QUERO VOTAR NO Sr JA AGORA EM 2022 PELO CELULAR.
    PENSA BEM!!!!
    SE EU POSSO MOVIMENTAR A MINHA CONTA BANCÁRIA DE FORMA SEGURA (fazer pagamentos PIX) PELO CELULAR, PORQUE NÃO VOTAR HEIN????
    TEM QUE ACABAR AS FILAS Presidente.
    É NESSA DIREÇÃO QUE O SR DEVE PENSAR.
    tamos juntos!!!
    Mito 2022

    • Erasmo Barreto disse:

      Quando a paixão é grande a pessoa fica cega mesmo.
      Nem a idiotice do quadrúpede serve pra desencantar o gado!!!!

    • Jr. Silva disse:

      Calma Erasmo, o presidente é humano e erra, o governo tem pontos vulneráveis, como qualquer outro, o regime democrático de direito é assim, nenhum governo é perfeito.
      Mas não fale mal assim do Presidente Bolsonaro, vc não sabe o que esse CARA SOFRE SOZINHO , pra tirar esse País dessa ANARQUIA QUE SE TRANSFORMOU ao longo dos anos, e com a ajuda do teu PT ladrão.
      Pensa nisso, para de paixão que isso sim, leva a segueira, eu enxergo muito bem, sou brasileiro, não sou bolsominion, muito menos militonto seguidor admirador de ladrão.
      O BRASIL É ESSE CABARÉ por causa de gente como vc, votam errado são pessoas sem noção, não querem avançar, tornar o Brasil em uma potência mundial.
      Potencial tem sobrando, mas falta brasileiros patriotas igual ao presidente Bolsonaro pra ajudar.

  11. Adalberto disse:

    Demente.

  12. Marquito disse:

    Esse homem é um burro , ele quer que seja igual nós Estados Unidos uma zorra total….só na cabeça desse jumento que as urnas eletrônicas tem fraude

  13. Antonio Turci disse:

    Presidente, não perca seu tempo. Isto que o senhor sugere é um retrocesso.

  14. Amaro disse:

    BG, ele só acha que ta tudo certo se a vitória for dele… essa é a democracia que essa gente quer.

  15. Bosco disse:

    Quando eleito através do voto eletrônico, nada reclamou! Tava tudo certo. O cara que ele beija as botas ( Donald Trump) não confia nessas cédulas de papel. Mal perdedor!

  16. César Augusto de Oliveira Paiva disse:

    Estou perdendo a paciência com esse jumento, votei nesse tampo mais quanto mais abre essa matraca mais merda ele produz , esse cavalo quer voltar ao passado do voto no papel que é o processo mais primitivo que existe em detrimento de um processo com tecnologia de ponta.

  17. Francisco Nunes de Araújo disse:

    É voltar ao antigo é ágil e rápido?

Mourão diz que não se pode “debitar” a Bolsonaro desempenho de candidatos apoiados nas eleições municipais, e que presidente está sem partido

Foto: Reprodução

O vice-presidente Hamilton Mourão afirmou nesta segunda-feira (16) que não se pode “debitar” os resultados das eleições municipais ao presidente Jair Bolsonaro. Mourão argumentou que Bolsonaro está sem partido e “não entrou de cabeça” na campanha.

De 13 candidatos a prefeito apoiados por Bolsonaro, nove não se elegeram, dois venceram no primeiro turno e dois foram para o segundo turno (veja resultados mais abaixo). Apesar de Mourão ter dito que o presidente não se envolvido nas eleições, na reta final da campanha Bolsonaro fez lives no Palácio Alvorada para pedir votos aos seus candidatos a prefeito e vereador.

Dos 45 candidatos a vereador apoiados pelo presidente, em 27 cidades, 10 se elegeram, 31 viraram suplentes e 4 não se elegeram.

Mourão ainda declarou, em entrevista na chegada ao Palácio do Planalto, que os partidos de “centro tradicionais foram os grandes vencedores” do primeiro turno das eleições.

“Não pode se debitar nada em relação ao presidente Bolsonaro porque ele não entrou de cabeça nessa eleição. Ele apoiou alguns candidatos aí, muito pouco, mas não tinha, você sabe que o presidente está sem partido, então, sem uma estrutura partidária fica difícil você participar de uma eleição”, disse Mourão.

O vice-presidente também afirmou que, na opinião dele, a eleição municipal mostrou que a maioria dos eleitores optou pelos políticos tradicionais.

“O que eu vi também são políticos mais tradicionais, mais conhecidos, os que foram aí eleitos já no primeiro turno em grandes cidades, e aqueles que estão competindo pelo segundo turno. Isso é uma realidade, não dá para fugir disso aí”, declarou.

Não eleitos

Em São Paulo (SP), o candidato apoiado por Bolsonaro era Celso Russomano (Republicanos), que ficou de fora do segundo turno, que será disputado pelo atual prefeito Bruno Covas (PSDB) e Guilherme Boulos (PSOL).

Em Belo Horizonte (MG), o candidato Bruno Engler (PRTB), apoiado por Bolsonaro, foi derrotado pelo prefeito Alexandre Kalil, reeleito no primeiro turno.

No Recife (PE), a delegada Patrícia (PODE), apoiada por Bolsonaro, ficou em quarto lugar na disputa, que vai para o segundo turno. João Campos (PSB) e Marília Arraes (PT) disputam o cargo.

Em Manaus (AM), o Coronel Menezes (Patriotas) ficou fora do segundo. A disputa será entre Amazonino Mendes (Pode) e David Almeida (Avante).

Em Sobral (CE), o candidato do Bolsonaro perdeu. Foi eleito Ivo Gomes (PDT), com 59,23% dos votos, enquanto Oscar Rodrigues (MDB) ficou com 40,77%.

Em Cabo Frio (RJ), com 100% das urnas apuradas o candidato doutor Serginho recebeu 33,7% dos votos, ficando em segundo lugar na disputa.

Em Cabedelo (PB), a candidata à prefeitura Morgana Macena recebeu 12,2% dos votos com 100% das urnas apuradas.

Eleitos

Entre os candidatos às prefeituras apoiados por Bolsonaro, dois se elegeram.

Gustavo Nunes (PSL) venceu a disputa pela prefeitura de Ipatinga (MG) neste domingo. Com 100% das urnas apuradas, ele contava com 40,90% dos votos.

Em Parnaíba (PI), outro candidato apoiado por Bolsonaro também foi eleito. Mão Santa (DEM) venceu com 68,34% dos votos após 100% das urnas apuradas.

Segundo turno

Marcelo Crivella (Republicanos), atual prefeito do Rio de Janeiro e apoiado por Bolsonaro, vai disputar o segundo turno com Eduardo Paes (DEM). Crivella teve 21,90% dos votos com 99,99% das urnas apuradas.

Em Fortaleza (CE), o candidato apoiado por Bolsonaro, o capitão Wagner (PROS), foi para o segundo turno com Sarto (PDT). Wagner teve 33,32% dos votos e Sarto, 35,72%.

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marcos Benício disse:

    É, gente. Não vamos debitar a Bolsonaro a derrota de quem ele apoiou nessas eleições, nas eleições dos Estados Unidos e nem na eleição da Argentina! Kkkkkkkkk…
    Esse presidente é muito pé frio! 🤭🤭

  2. Luiz disse:

    O mito ganhou em 2018 por muito pouco, mais alguns dias Haddad teria sido vitorioso. O PT estava no auge do envolvimento com a lava jato. Pessoas como eu queriam tirar o PT do poder e lhes dar uma punição pela roubalheira perpetrada, mesmo as custas de eleger um doido. Podia até ser que o doido desse certo, porém se revelou um fracasso. Em 2022, ao que tudo indica, o Mister Cloroquina vai tomar Doril e o país volta ao normal.

    • Maria disse:

      O normal que vc fala é a roubalheira ?
      Gostou de ter sido assaltado por 16 anos?

  3. aof disse:

    Não se preocupe com isso, Gen Mourão. É a onda do momento: dizer que o Presidente foi o grande perdedor das eleições. Não olham para o desempenho pífio do PT, ou melhor, olham mas fingem que não vêem. Até Boulos está reticente em receber apoio de Lula no segundo turno de SP. Mas a mídia fanática não se toca. Felizmente a internet oferece várias opções diferentes. Isso é democracia!

  4. Ivan disse:

    A eleição foi de prefeitos/vereadores, o PT perdeu em tudo q é capital, mas, segundo a globonews, o grande derrotado foi BOLSONARO????? Çey….

  5. LUIZ BARBOSA disse:

    Os candidatos de Bolsonaro se lascaram em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Recife (acabou o que interessa no Brasil em termos eleitorais).

  6. Mané da Foice disse:

    Então não interessa se o PT perdeu 133 prefeituras e houve a diminuição de vereadores do partido em todas as regiões.
    Não interessa se a esquerda vem perdendo representatividade política a cada eleição.
    Uma lição ficou evidenciada, a esquerda vai sempre votar em seus corruptos prediletos

  7. Val do Açai disse:

    É o Mike jagger?

  8. PAULO disse:

    Como levou péia em quase todo o Brasil, o discurso é o de que Bolsonaro não participou, se tivesse vencido tudo, aí era "O Mito é demais", "Fechado com o Mito". Resumindo é isso…

  9. Chicó. disse:

    Mourao não cansa de falar merda, encobrir safadesa, inclusive dos filhos do Bozo que segundo ele "é um menino bom, o Flávio". Só leva na lata e n cria vergonha. General sem vergonha.

  10. Tom França disse:

    O grande perdedor mesmo foi o "nanico" pt, que não ganhou em nenhuma capital e apenas foi para o 2º turno, em duas delas!

  11. BurroMinion disse:

    "não se pode “debitar” os resultados das eleições municipais ao presidente Jair Bolsonaro".
    -PODE SIM…O DISCURSO DE ÓDIO DELE PERDEU!
    Mourão argumentou que Bolsonaro está sem partido e “não entrou de cabeça” na campanha.
    -SORTE DOS CANDIDATOS QUE APOIOU, SE TIVESSE ENTRADO, OS 9 (de 58) TINHAM PERDIDO TAMBÉM…
    Chola mais, chola mais…kkkkkkkkkkkkkkkkk

  12. Théo disse:

    Deixa de mimimi, Mourão. Ele entrou sim de cabeça. Porém foi O Grande Perdedor.

    • Braulio Pinto disse:

      Não entrou de cabeça porque não tem cabeça pra entrar e vencer, tem demonstrado diariamente.

    • pulgaman disse:

      Isso é falácia da esquerdamidia, querendo enfraquecê-lo ante a corrida de 2022. Não colo kkkk
      #bolsoringa2022

      Ele disse desde o inicio que não iria fazer palanque pra ninguém diretamente e isso o fez. Deixem de mimimi 2022 é logo ali kk

    • Zé ruela disse:

      Mito 2022

    • Paulo Eduardo disse:

      Ele claro que Bolsoringa não entrou na campanha por quase ninguém. Não subiu em palanque e nem gravou programa pedindo voto (com exceção de alguns vereadores), mas cada um acredita no que bem lhe aprouver, tem gente que acha que homem pode ser mulher e vice-versa, quanto mais ter cegueira ideológica.

Conselho da PGR rejeita recurso da defesa de Flávio Bolsonaro e manda reabrir inquérito eleitoral contra o senador

O Conselho Institucional do Ministério Público Federal, em julgamento realizado nesta quarta-feira, determinou a reabertura de inquérito eleitoral contra o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) por suspeitas de falsidade ideológica eleitoral, rejeitando um pedido da defesa do senador para manter o arquivamento do caso.

Essa é a segunda investigação que pesa contra Flávio Bolsonaro. A primeira, do caso da rachadinha em seu gabinete de deputado estadual na Assembleia Legislativa do Rio, foi concluída no mês passado com a apresentação de denúncia contra o parlamentar sob acusação de crimes como peculato e organização criminosa. Já o inquérito eleitoral investiga se ele omitiu os valores dos seus imóveis em declarações à Justiça Eleitoral e se houve lavagem de dinheiro nessas transações.

Em maio, o promotor eleitoral Alexandre Themístocles, do Ministério Público do Rio, pediu à Justiça Eleitoral o arquivamento do caso, confirmando posicionamento da Polícia Federal pela inexistência de indícios de crimes. Entretanto, em decisão proferida em 3 de junho, o juiz Flávio Itabaiana, titular da 204ª Zona Eleitoral e que também conduziu as investigações do caso da rachadinha, discordou do arquivamento e enviou o caso para a 2ª Câmara de Coordenação e Revisão da Procuradoria-Geral da República (PGR).

Ao analisar o caso, a 2ª CCR entendeu que era necessário aprofundar as investigações e determinou que o caso fosse retomado. A defesa de Flávio Bolsonaro, entretanto, apresentou um recurso ao Conselho Institucional da PGR pedindo para que o arquivamento fosse mantido. Esse recurso foi julgado nesta quarta e, por unanimidade, os conselheiros decidiram que o inquérito contra Flávio deveria ser reaberto.

“O conselho institucional do MPF, no processo do item 8 da pauta, à unanimidade, decidiu pelo desprovimento do recurso para manter a decisão da 2ª CCR que não homologou o arquivamento para determinar, no entanto, que os autos sejam restituídos ao procurador regional eleitoral com atribuição para designação do procurador que atuará no feito de ali por diante”, afirmou a subprocuradora-geral da República Célia Delgado, ao final do julgamento.

A investigação sobre as disparidades nas declarações de bens de Flávio Bolsonaro à Justiça Eleitoral foi iniciada em 2018, a partir de uma notícia-crime feita pelo advogado Eliezer Gomes da Silva. Ele apontou o fato de Flávio ter declarado em 2014 e 2016 ser proprietário de um apartamento no bairro de Laranjeiras, mas ter atribuído valores diferentes para o mesmo apartamento em cada ano. Ao disputar a reeleição na Alerj, em 2014, Flávio declarou o imóvel com valor de R$ 565 mil, mas quando disputou a prefeitura carioca em 2016 ele declarou R$ 423 mil — metade do patrimônio, que no total teria R$ 846 mil.

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. PEDRO VERDADEIRO. disse:

    Ana, sinceramente não vejo motivo para sorrisos, se provado que houve erro, que ele pague, se o seu pai errar, que pague, nada pode ser diferente, vc acha que sim? Se achar esta errada, nove dedos e sua turma promoveram o maior assalto aos nossos cofres, inclusive pondo em risco as maiores empresas brasileiras, entre elas a Petrobras, vc acha isso legal? Eu não, quero todos os ladrões na cadeia, venham de onde vier, quem sabe possamos verdadeiramente sorrir.

    • Pixuleco disse:

      Pedroca ! Lula já era , o Petê já era , esses já estão fora do jogo . Esqueça isso criatura . Case , seja feliz com seu companheiro , ame verdadeiramente . Faça café e leve na cama para ele , viva seu Amir intensamente . Esqueça Lula e o Petê . A família buliçosa do PAPANGU DA CLOROQUIBA , não merece defesa . Estão enrolados até o talo na lama . Felicidades mil para o casal .

  2. Ana disse:

    🤣🤣🤣🤣🤣🤣
    Falsos messias sendo desmascarados…
    "Os honestos"..kkkkkkkkk
    O irmão (Tonho da Lua) TB terá a rachadinha divulgada nós próximos dias…e acabaram de descobrir que a mulher do Flávio pagou as contas durante 4 anos (se é que foi ela mesma que pagou) apenas com dinheiro vivo…
    Sem deixar rastros..👏👏👏

Versão de ex-assessora de Flávio não condiz com realidade e não tem valor probatório, diz defesa de Queiroz

A defesa do ex-PM Fabrício Queiroz disse que a ex-assessora de Flávio Bolsonaro que confessou participar do esquema de rachadinha está apresentando a versão mais “favorável à sua defesa”, já que também foi denunciada no caso. “Sua versão não tem valor probatório”, disseram os advogados de Queiroz.

Segundo reportagem de O Globo, Luiza Paes disse ter devolvido a Queiroz cerca de R$ 160 mil do salários recebidos na Alerj entre 2011 e 2017. Ontem Queiroz e Flávio foram denunciados pelo MP do Rio por peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Em nota, a defesa do ex-PM disse que “o ordenamento legal lhe assegura o direito de apresentar qualquer versão que entenda como favorável à sua defesa, inclusive versão que não condiga com a realidade”.

Leia o pronunciamento da defesa de Queiroz:

A defesa de Fabrício Queiroz tomou conhecimento da notícia do oferecimento de denúncia pelo MPRJ, sem, no entanto, ter tido acesso ao seu conteúdo. Inaugura-se a instância judicial, momento em que será possível exercer o contraditório defensivo, com a impugnação das provas acusatórias e produção de contraprovas que demonstrarão a improcedência das acusações e, logo, a sua inocência.

É importante esclarecer que Luiza também é investigada – e agora acusada – sendo certo que o ordenamento legal lhe assegura o direito de apresentar qualquer versão que entenda como favorável à sua defesa, inclusive versão que não condiga com a realidade. É ainda mais importante lembrar que sua versão não tem valor probatório.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. CONVICÇÃO BASTA disse:

    Não precisa de provas e sim de convicções.

  2. Schubert disse:

    O blog acredita até em Queiroz 😅😅😅

  3. Santos disse:

    2021 está chegando e o Power Point está quase pronto.
    Nem o vale alimentação escapava.

Através de defesa, Flávio Bolsonaro diz que denúncia “já era esperada, mas não se sustenta”, e que acusação “não passa de uma crônica macabra e mal engendrada”

Foto: Jorge William / Agência O Globo

Após ser denunciado pelo Ministério Público do Rio pelos crimes de organização ciminosa, peculato, lavagem de dinheiro e apropriação indébita no escândalo da “rachadinha”, o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) afirmou por meio de seus advogados que a denúncia “já era esperada, mas não se sustenta”. Em nota, defesa diz que acusação “não passa de uma crônica macabra e mal engendrada”.

“Dentre vícios processuais e erros de narrativa e matemáticos, a tese acusatória forjada contra o Senador Bolsonaro se mostra inviável, porque desprovida de qualquer indício de prova. Não passa de uma crônica macabra e mal engendrada. Acreditamos que sequer será recebida pelo Órgão Especial. Todos os defeitos de forma e de fundo da denúncia serão pontuados e rebatidos em documento próprio, a ser protocolizado tao logo a defesa seja notificada para tanto”, diz a nota da defesa do senador assinada pelos advogados Luciana Pires, Rodrigo Roca e Juliana Bierrenbach.

O procurador-geral de Justiça do Rio, Eduardo Gussem, denunciou Flávio , seu ex-assessor Fabrício Queiroz e mais 15 pessoas ao Tribunal de Justiça do Rio. A denúncia foi oferecida no dia 19 de outubro, informação tornada pública pelo MP do Rio no início da madrugada desta quarta-feira.

Em uma publicação no intagram, Flávio diz ainda que o MP do Rio comete uma “série de erros bizarros”, “às vésperas da eleições municipais”.

“Quebra ilegal de sigilos e sem nenhum fundamento (pessoa que trabalhou 3 meses teve sigilo quebrado por 12 anos), “fishing expedition”, uso do COAF como órgão investigador, informalidade nas trocas de informações entre órgãos públicos, cálculo errado de evolução patrimonial, acusações mentirosas contra pessoas que trabalhavam, suspeita de uso de “senhas invisíveis” por criminosos dentro da Receita Federal para distorcer informações fiscais, sem falar no juízo incompetentemente que promoveu todas essas atrocidades e mais algumas”.

Na denúncia de cerca de 300 páginas, Flávio é apontado como líder da organização criminosa e Queiroz como o operador do esquema de corrupção que funcionava no gabinete do senador. Ambos foram acusados pelos crimes de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa. O relator do caso no Órgão Especial do TJ do Rio é o desembargador Milton Fernandes.

Advogado que defende Queiroz, Paulo Emílio Catta Preta diz em nota que a defesa ainda não teve acesso ao conteúdo da denúncia.

“A defesa de Fabrício Queiroz tomou conhecimento da notícia do oferecimento de denúncia pelo MPRJ, sem, no entanto, ter tido acesso ao seu conteúdo. Inaugura-se a instância judicial, momento em que será possível exercer o contraditório defensivo, com a impugnação das provas acusatórias e produção de contraprovas que demonstrarão a improcedência das acusações e, logo, a sua inocência”.

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Maria disse:

    Oh mundo ingrato, esse pobre moço filho do Lula é INOCENTE, ele vai provar, tufo nesse governo é possível, vai por a culpa no MP do Rio e no final vai terminar em pizza, é bem provável que prove que realmente é filho de Lula.

  2. Roberio Maurício da Silva disse:

    Eu avisei gado!

Decreto não representa ‘qualquer decisão prévia’ de privatização do SUS, detalha governo

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

O governo federal se movimentou na manhã desta quarta-feira (28) para tentar explicar melhor a possibilidade de privatização de unidades do Sistema Único de Saúde (SUS), depois que a publicação de um decreto do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), na terça-feira (27), ganhou grande repercussão.

“A medida não representa qualquer decisão prévia, pois os estudos técnicos podem oferecer opções variadas de tratamento da questão, que futuramente serão analisados pelo Governo Federal”, diz a nota divulgada pela Secretaria-Geral da Presidência da República – pasta comandada pelo ministro que assumirá uma das cadeiras do Tribunal de Contas da União (TCU), Jorge Oliveira.

Segundo o órgão da Presidência, o objetivo desses estudos técnicos seria o de “alimentar o governo de dados e informações sobre a atual situação das Unidades Básicas de Saúde (UBS)” dos estados, do Distrito Federal e dos municípios, para uma avaliação posterior sobre a “possibilidade de parcerias com a iniciativa privada e, por fim, a viabilidade (ou inviabilidade) de aplicação concreta daquelas alternativas”.

A nota do governo explica ainda que o decreto, assinado por Bolsonaro na segunda (26) e publicado no Diário Oficial da União na terça (27), apenas oficializa a “concordância” do presidente da República com a proposta aprovada ano passado pelo Conselho do Programa de Parcerias e Investimentos (PPI) – colegiado que toma as decisões sobre privatizações federais.

E que “podem ser estudados arranjos que envolvam a infraestrutura, os serviços médicos e os serviços de apoio, de forma isolada ou integrada, sob a gestão de um único prestador de serviços”.

Repercussão negativa

Os esclarecimentos sobre a medida do governo vieram mais de 24 horas após o decreto ter entrado em vigor – o que aconteceu com a sua publicação.

A nota foi divulgada depois que o assunto aparecia como o mais buscado em uma plataforma de buscas da internet – segundo levantamento CNN -, com pesquisas por “privatização do SUS” e por “Bolsonaro quer privatizar o SUS”.

Na manhã desta quarta (27), termos como “#DefendaoSUS”, “Privatizar o SUS” e “#SUSPublico” despontavam entre os cinco assuntos mais mencionados no Twitter.

CNN Brasil

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carrapato disse:

    …artificialmente…

  2. Arthur disse:

    Quando você acha que Bolsonaro já foi longe demais, ele nos surpreende. Ainda falta 2 anos.

  3. Ana disse:

    Conversa pro gado dormir…kkkkkkk
    Muuuuuuuuu

  4. Greg disse:

    Vem gado de direita, vem defender o MITO.

  5. Sueli disse:

    Tem que vender tudo e estancar a sangria.
    O governo basta cuidar dos mais necessitados tem que fazer um novo cadeastro e nada mais.
    Derramar dinheiro com serviço de péssima qualidade, tá passando da hora de parar.

  6. Antônio Soares disse:

    Privatizar o SUS será o absurdo dos absurdos. Nunca se viu tal atitude de nenhum governo nesse país. Pode até não tá roubando como a quadrilha de LULADRAO, porém está vendendo o país a preço de banana. O fdp do Guedes é um entreguista total, ele vai foder o país inteiro e a população vai pagar essa conta novamente.

    • Marco disse:

      Rapaz vc tem toda a razão. Por dinheiro o Guedes faz qualquer negócio.

    • Anti-Político de Estimação disse:

      "…..Pode até não tá roubando como a quadrilha de LULADRADRÃO……." . Quem pode garantir isso com toda a certeza ???????
      Eu prefiro não botar minha mão no fogo por POLÍTICO NENHUM do meu Brasil brasileiro, rsrsrsrs…

  7. Queiroz disse:

    Me engana que eu gosto🐮

Turma do STJ nega por unanimidade pedidos da defesa de Lula: de questionamento de decisões, a validação de provas, acesso a dados de investigação e pedidos de suspeição de autoridades

Foto: Agência O Globo – Douglas Magno

A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou por unanimidade, nesta terça-feira, sete recursos apresentados pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra decisões anteriores do colegiado. Os pedidos, feitos por meio de embargos de declaração, questionavam pontos que foram desfavoráveis à defesa. Com o julgamento de hoje, as decisões foram mantidas.

Um dos recursos questionava uma decisão da Turma que negou pedido da defesa para ter acesso aos autos da Operação Spoofing, em que a Polícia Federal investigou a invasão de contas de Telegram de autoridades brasileiras relacionadas à Lava-Jato. Os advogados queriam obter informações para instruir apelação contra a condenação de Lula no caso do sítio de Atibaia.

Outros pedidos eram sobre decisões que negaram o afastamento do delegado de polícia Filipe Hille Pace da condução de inquéritos em trâmite na Justiça Federal do Paraná e também a suspeição de três autoridades envolvidas no processo do sítio de Atibaia: o procurador regional da República Maurício Gotardo Gerum, e os desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) Thompson Flores e Gebran Neto.

O relator dos pedidos no STJ, ministro Félix Fischer, rechaçou argumentos apresentados pela defesa para questionar pontos das decisões da Turma. Ele disse que não há omissão nas decisões.

Ao votar em relação a um dos pedidos, contra decisão da Turma que negou pleito da defesa para retirar de julgamento virtual no TRF-4 os embargos de declaração contra a condenação no processo do sítio de Atibaia, o ministro Fischer disse que não há motivo plausível.

— Não configura fundamento legítimo para o pedido de adiamento (do julgamento) o fato de um só, entre diversos outros representantes (advogados), ter que comparecer à sessão, para a qual não há nem possibilidade de sustentação oral — afirmou Fischer.

Um outro recurso também rejeitado foi contra decisão que negou pedido para apurar a suposta ilicitude de provas fornecidas pela Odebrecht e pelo Ministério Público da Suíça no processo que envolve a sede do Instituto Lula. Em todos os sete embargos apresentados pela defesa, Fischer foi acompanhado por unanimidade pela 5ª Turma do STJ pela rejeição dos pedidos feitos.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Veleiros disse:

    Mandem esse ladrão pro lugar dele.
    Canalha!!

  2. Augusto disse:

    Estou sentindo falta dos apoiadores do capo da quadrilha dos PTralhas. Sempre eles estão aqui pra dizer que LULADRAO, é uma boa pessoa e não roubou tanto assim não. Kkkkk

    • João AM disse:

      Realmente, estamos sentindo falta dos pixulecos da vida, intregador de pisa, seu mané e tantos outros acéfalos, defendendo seu bêbado barbudim Kkkkkk

  3. Pedro disse:

    Aceda se piora a situação desse safado e ladrão. Pixuleco, Manoel Mané Lusitano E Entregador De Pizza e mais uma curriola de imbecis, corram para Cuba ou Venezuela, seus paraísos aqui na terra, aqui a coisa cheira a Curitiba, nenhum vento favorável, para o marginal e seu advoga almofadinha.

  4. Paulo disse:

    O que o STF está esperando para colocar Lula no lugar que ele merece?
    Lula criador do Foro de São Paulo e um dos maiores criadores de instabilidade na América Latina, inclusive incêndio de igrejas no Chile, ditadura na Venezuela, ditadura na Bolívia, caos na Argentina.
    Lula criou o Foro de São Paulo para implantar o comunismo na América Latina.

  5. Batista disse:

    E pior, ainda vai aparecer um punhado de debilóides aqui pra defender esse ladrão safado. Comeram foi grama estragada. Kkkkk

  6. riva disse:

    É o inelegível por excelência, que se soubesse o que é humildade pediria aos seus coiteiros e bajuladores para o esquecerem. Mas o culto à personalidade é um dogma esquerdista.

  7. Absurdo disse:

    Esse VAGABUNDO tem que estar na CADEIA , maior ladrao da história da humanidade, VAGABUNDO

‘Ustra era homem de honra que respeitava os direitos humanos dos seus subordinados’, diz Mourão, que diz que muitas falas sobre o coronel não são verdadeiras

Foto: Bruno Batista /VPR

O vice-presidente Hamilton Mourão afirmou, em entrevista ao jornal alemão Deutsche Welle, que o coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra, condenado por tortura na ditadura militar, foi um homem de “honra”, “que respeitava os direitos humanos de seus subordinados”.

O militar, que morreu em 2015, aos 83 anos, é apontado por dezenas de perseguidos políticos e familiares de vítimas do regime militar como responsável pelas perseguições, tortura e morte de opositores do golpe de 64.

“O que posso dizer sobre o homem Carlos Alberto Brilhante Ustra, ele foi meu comandante no final dos anos 70 do século passado, e era um homem de honra e um homem que respeitava os direitos humanos de seus subordinados. Então, muitas das coisas que as pessoas falam dele, eu posso te contar, porque eu tinha uma amizade muito próxima com esse homem, isso não é verdade”, disse.

Mourão afirmou que a tortura não é uma prática que o governo brasileiro concorda ou “simpatize”, mas comentou que muitas pessoas que lutaram contra guerrilhas urbanas nos anos 60 e 70 foram “injustamente acusadas de serem torturadoras”.

“Em primeiro lugar, não estou alinhado com a tortura, e, claro, muitas pessoas ainda estão vivas daquela época, e todas querem colocar as coisas da maneira que viram. É por isso que eu disse antes que temos que esperar que todos esses atores desapareçam para que a história faça sua parte. E, claro, o que realmente aconteceu durante esse período … esse período passou”, disse.

Mourão afirmou que, durante a ditadura, os militares “fizeram coisas muito boas pelo Brasil e outras coisas não foram tão bem” e disse que a “história só pode ser julgada com o passar do tempo”.

“Ainda estamos a cerca de 50 anos desse período. Precisamos de mais 50 anos para que esse período seja bem avaliado”, acrescentou.

O vice-presidente afirmou também que a democracia é um dos objetivos nacionais permanentes e que o governo quer tornar o Brasil a “democracia mais brilhante do hemisfério Sul”.

Questionado se o posicionamento do presidente Jair Bolsonaro após o Supremo Tribunal Federal (STF) autorizar operação da Polícia Federal contra aliados do presidente, no âmbito do inquérito das fake news, em que o presidente afirmou que as Forças Armadas “não cumprem ordens absurdas”, Mourão disse que não se tratava de uma ameaça.

“As Forças Armadas estão alinhadas com sua missão constitucional, e não estão saindo dela. As coisas aqui no Brasil estão tranquilas e indo bem. E deixo bem claro que a democracia é um valor não só para o governo Bolsonaro, mas também para as nossas Forças Armadas. Então não existe nenhuma ameaça ao Supremo Tribunal Federal ou ao sistema Legislativo aqui no Brasil”, afirmou.

O vice-presidente disse ainda que a participação de Bolsonaro em atos que pediam o fechamento do Congresso e do Supremo também não eram uma ameaça à democracia. E disse que a afirmação do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), que viu “agressões gratuitas à democracia” na ocasião, eram ocasionadas pela “polarização na política”.

“Não, isso acontece porque há polarização na política. O governo de São Paulo se opôs a Bolsonaro. Isso é muito mais conversa do que, digamos, ação”, comentou.

Questionado se essa era uma conversa perigosa, o vice-presidente afirmou que não, já que “ninguém tem poder de fazer o que quer aqui no Brasil”.

“Não, não é perigosa. É perigoso quando você tem poder de fazer o que quer, mas ninguém tem poder de fazer o que quer aqui no Brasil”, afirmou.

Condenado por tortura

Ustra era conhecido nos porões da ditadura como “Dr. Tibiriçá”, ele era o único militar brasileiro declarado torturador pela Justiça.

O Dossiê Ditadura, da Comissão de Familiares de Mortos e Desaparecidos Políticos, relaciona o coronel com 60 casos de mortes e desaparecimentos em São Paulo. A Arquidiocese de São Paulo, por meio do projeto Brasil Nunca Mais, denunciou mais de 500 casos de tortura cometidos dentro das dependências do Doi-Codi no período em que Ustra era o comandante, de 1970 a 1974.

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ronald g. de Oliveira disse:

    Esse Mourão é um crápula da qualidade do bandido ustra

  2. Altemar M Lacerda jr disse:

    Uma pena que as pessoas pensem que devemos alisar a vagabundagem e o pai de família deva ser assaltado. Olhando os comentários acima me convenço como há vagabundo no RN?

  3. François Cevert disse:

    Para essa turma até o kapiroto é gente boa. Vai entender os ditos cidadãos de bem…?

  4. Jose disse:

    E a declaração de fechar o Supremo com um Cabo e um Soldado dada por um dos filhos do presidente foi uma ameaça ou apenas uma declaração não intencional?. Ou como costumam dizer: ele teve a fala tirada do contexto?. É, Senhor General. É difícil defender um torturador. Aliás, torturador esse tido como herói pelo presidente.

  5. José de Siqueira costa disse:

    Torturadores eram os comunistas terroristas, Ustra foi um herói que evitou desses comunistas dominarem o Brasil.

    • Sergio disse:

      Contra fatos não há argumentos. Foram várias vítimas desse monstro. Quem apoia é da mesma laia.

  6. Francisco de Assis disse:

    Que absurdo! Mas é o que temos pra hoje. O absurdo naturalizou-se.