Diversos

VÍDEO: Pais de autistas se revoltam com homem no Seridó que “brinca” com objeto usado como terapia para a síndrome

Pais e mães de filhos autistas na região Seridó estão revoltados com um vídeo publicado nas redes sociais por “Wry Vang”.

No vídeo, o homem simula ser um autista e “brinca” com um instrumento de importância singular, de terapia a criança ou portador. Na sequência, ainda simula pancadas no rosto com o objeto.

O vídeo ganhou repúdio instantâneo no Instagram, e foi denunciado. Grupo de pais de autistas relatam que tomaram outras providências.

O Blog Marcos Dantas, que cobre a região Seridó, noticia que o responsável pelo vídeo negou a intenção de zombar de autistas, e pediu desculpas:

“Jamais iria zombar de uma condição tão séria como o autismo. A única coisa da qual zombei foi das pessoas comprarem um objeto só porque está na moda. O brinquedo é feito para o desenvolvimento de pessoas com autismo. Peço desculpas a quem interpretou errado e quero esclarecer que jamais iria fazer chacota do autismo tendo um filho pequeno. Ele pode ser autista sem eu mesmo saber”, escreveu.

Vídeo abaixo:

 

 

Opinião dos leitores

  1. É muita pretensão querer que um eleitor de LULA saiba o que é uma ferramenta sensorial. É muito bacana quanto ferramenta de estímulos e ensino não só pra pessoas com necessidades especiais, mais para qualquer tipo de criança que precise de ajuda no aprendizado e comportamento..

  2. Revoltante a ironia desse infeliz. Ele cuidado com os poderes de Deus, pois o amanhã a Deus pertence.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Moro causa revolta em professores e é retirado de evento de Direito

O ex-ministro da Justiça Sergio Moro não vai mais participar do III Encontro Virtual do Conpedi, o Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Direito do Brasil .

Moro ia coordenar o painel “O Papel do Setor Privado em Políticas Anticorrupção e de Integridade”, marcado para a sexta (25). Ele foi indicado pela UniCuritiba, programa de pós-graduação do Paraná.

A repercussão da presença do ex-juiz causou revolta entre professores de pós-graduação, que passaram a protestar e a pregar um boicote ao evento.

O fato de o painel de que ele participaria ser patrocinado pela Apsen, uma das maiores fabricantes de cloroquina do país, também foi motivo de protesto.

O remédio é propagandeado pelo presidente Jair Bolsonaro, mas não tem eficácia comprovada contra a Covid-19.

A repercussão foi tão negativa que os organizadores divulgaram uma nota dizendo que estão “atualizando” a programação do encontro.

Numa primeira manifestação contra Moro, no sábado (19), professores afirmavam em um texto que os organizadores do evento, “demonstrando total alheamento da realidade brasileira e absoluto desrespeito ao direito e suas garantias”, atribuiriam “àquele que encarna (depois da decisão do STF) o que há de mais desprezível nas violações da Constituição, a coordenação de uma atividade para que defenda seus métodos e seus pressupostos ideológicos”.

O professor Ricardo Lodi, da pós-graduação em Direito da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) disse em suas redes que “é um desrespeito a todos os pesquisadores em Direito do Brasil a realização da mesa que o Conpedi está anunciando para o seu III Encontro virtual, intitulada ‘O Papel do Setor Privado em Políticas Anticorrupção e de Integridade’, coordenada por ninguém menos do que o sr. Sergio Moro, que desacreditou os esforços do sistema de Justiça no combate à corrupção, a partir de uma atuação reconhecidamente parcial”.

Neste ano, Moro foi considerado suspeito pelo STF (Supremo Tribunal Federal) pela atuação no julgamento do ex-presidente Lula no caso do tríplex do Guarujá.

No domingo (20), a organização do encontro virtual divulgou uma nota afirmando que “em virtude da repercussão gerada em torno da programação do III Encontro Virtual do CONPEDI, a entidade, em comum acordo com seu parceiro institucional, resolve por atualizar a programação das atividades atendendo as manifestações expressas nas redes sociais da entidade”.

A notícia foi bem recebida. Mesmo assim, professores estão organizando uma nota de repúdio à organização do evento por ter convidado Moro para coordenar um de seus painéis.

Leia o texto abaixo:

Nós, juristas, professores e professoras de programas de pós graduação em direito do Brasil, de Universidades públicas, confessionais, comunitárias e privadas, vimos a público repudiar a decisão do Conselho Nacional de Pesquisa e Pós Graduação em Direito, o CONPEDI, de convidar o Sr. Sergio Moro, ex-juiz, ex-professor e ex-Ministro da Justiça do governo Bolsonaro para coordenar e participar de um painel no seu Congresso Nacional.

Ainda que, felizmente, o convite tenha sido cancelado, em virtude da grande contrariedade gerada no meio acadêmico, necessitamos dizer, em alto e bom som, que consideramos um desrespeito a toda a comunidade jurídica do país e às suas instituições a possível presença daquele que foi declarado pelo Supremo Tribunal Federal como suspeito e parcial nos processos que dirigiu, em especial violando a Constituição e as mais básicas regras do Processo Penal brasileiro para alcançar interesses pessoais e políticos.

Se não bastassem tais ações, o comportamento do então juiz gerou incontáveis prejuízos materiais, financeiros e simbólicos ao país. Sua atuação alterou, inclusive, o processo eleitoral, ao condenar sem provas o candidato à Presidência da República que estava liderando francamente as pesquisas eleitorais, permitindo a vitória daquele que o alçaria ao status de Ministro de Estado apenas meses depois.

Também repudiamos o fato de que entre os patrocinadores da mesa que Sergio Moro iria coordenar, estivesse a APSEN, a maior produtora de Cloroquina no Brasil, que vem lucrando com a venda indiscriminada do medicamento em face da propaganda falsa, gerada por diversas entidades, inclusive pela propria presidência da República, de que ele combate a COVID-19, fato que contribuiu exponencialmente para o trágico número de 500.000 mortos da doença no país, pois serviu de pretexto para a desobediência do protocolo sanitário recomendado pela ciência para enfrentar a pandemia.

Entendemos que uma instituição como o CONPEDI, que há anos vem reunindo em seus encontros e publicações, integrantes dos melhores programas de pós graduação em direito do Brasil, que verdadeiramente contribuiu para incontáveis avanços na agenda da pesquisa em Direito, sempre comprometida com a defesa dos valores democráticos, dos direitos humanos e do Estado de Direito, não poderia mesmo compactuar com a presença de Sergio Moro, de produção científica praticamente inexistente e irrelevante, como coordenador e palestrante em um dos seus eventos, ainda mais com o patrocínio já referido.

Mônica Bergamo – Folha de São Paulo

Opinião dos leitores

  1. Sinceramente a educação está totalmente tomada por ideológia de esquerda, o Sérgio Moro fez apenas o seu trabalho como juiz, aplicou a lei de acordo com as provas que lhe foi entregue pelo ministério público as segunda instância aumentou as penas e a terceira instância confimou, agora todos os brasileiros de bem sabe que o STF é uma corte composta por indicados político e que a maioria foram indicados pela esquerda nunca foi surpresa que os ministro do STF iria tamha injustiça com Sérgio Moro

  2. Esses “peofessores” são majoritariamente comunistas, adoradores de corruptos e genocidas como Stálin, Mao, Pol Pot e Fidel Castro. Se o país estiver mergulhado no caos, na miséria e na fome, mas um corrupto estiver no poder, então tudo bem. É lamentável.

  3. Eita ignorância! As pessoas não entendem nada do sistema de jurídico, de democracia, de imparcialidade, de processo penal, da Constituição Federal e vêm falar esses clichês de papagaio, esses “lugares-comuns”. Estão falando da comunidade acadêmica do direito. Respeitem o conhecimento e a ciência jurídica. Ao menos tentem se informar. O conhecimento está a disposição de todos hoje em dia!

  4. Com essa notícia dá vergonha de ser brasileiro, esse bando de professores comunista, idolatrar um vagabundo ladrão, corrupto que afundou o Brasil quando foi presidente.

  5. Quem recupera dinheiro roubado não tem apoio dos professores, ainda hoje causa revolta enorme aos professores Moro ter recuperado 20 bilhões de reais que tinha sido roubado pela companheirada no governo luladrão. Esse feito de moro, hoje também incomoda a turma do genocida, haja vista que ao contrário de moro eles tentam deixar impunes os casos do filho do presidente na Rachadinha do RJ, da liberação autorizada pelo ministro de meio ambiente, de madeira apreendida mediante propinas e da apreensão de dinheiro nas nádegas do lider do governo no senado. Por último juntou PT, Bolsonaristas e centrão pra aprovar uma lei em que torna impossível prender um corrupto. Diante disso tudo, a revolta é grande quando o Moro é citado, mas o povo vai conseguir raciocinar e eleger nosso verdadeiro herói brasileiro. Moro 2022

    1. Tua ignorância corresponde ao teu caráter! Ou és um andrajo iludido e sem qualquer discernimento lógico!

    2. Só se for muito burro. Estará , assim, assinando o papel de jumento, comprovação não necessária passar em Cartorio!

    3. Essa tal esquerda e direita são um bando de burros e desinformados, vão pelo menos ver os termos do projeto de lei que tramita no congresso e já aprovado na camara, com apoio da esquerda e direita, quase extinguindo a punibilidade a corruptos, ladrões de dinheiro públicos. Nele a lei contra corrupção retrocede a um nível em que torna impossível investigar, prender e punir um corrupto. Seria bom vocês ficarem cientes do que fazem os seus líderes, bando de idiotas e tontos.

    4. Higino eu também tenho a mesma visão, o Sergio Moro é um herói, infelizmente os brasileiros se deixa leva por ideologia e desprezar os seus heróis

    5. Prezado Higino, sua pança está cheia, sua dispensa e sua conta bancária sustenta os banqueiros. Acorde enquanto é tempo, antes que seus filhos descubram o seu lado secreto. Esse sujeito que vc defende destruiu o Brasil e fragilizou o judiciário. O órgão da justiça é técnico e os ignorantes não devem se intrometer em relação ao que ignoram

  6. Precisa pagar pelos crimes que cometeu. Moralmente, já paga nas ruas, mas criminalmente, vai depender do corporativismo do judiciário. Um absurdo convidar o moro para falar de ética, a não ser se for de como não pratica-la. Alias, o moro servirá de modelo nas faculdades de como um juiz não pode proceder.

  7. Essa turma contra o Dr. SERGIO MORO, representa o que há de mais podre, fétido mo meio das ciencias jurídicas no Brasil. Atitude, sem dúvida, de PeTralhas e respectiva caterva.

  8. Tamos arrumados os professores que era pra dá o exemplo são os primeiros a não ser respeitados no Brasil. O juiz é pra respeitar mais não eles respeita ex presidiário, belo futuro terá nossa educação.

  9. O mundo dá voltas… O ex-juiz ladrão é tratado como um moribundo…
    Até outro dia era herói, hoje não entra nem num butiquim pé sujo.

    1. Serio? Ladrao? Porque voce nao diz o que ele roubou? E ao mesmo tempo, por favor, explique como os filhos do seu heroi se tornaram os “Ronaldos” dos negocios. Obrigado

  10. Esse Ricardo Lodi mencionado na matéria fez a defesa de Dilma na comissão do Impeachment, no Senado.

  11. Infelizmente nossas universidades são antros de Militantes CÃOMUNISTAS TRAVESTIDOS de professores foram estes adoradores de Bandido que destruíram nossa educação e colocaram o Brasil em último lugar a nível mundial foram estes adoradores de bandido de 9 dedos que usaram a educação para fazer doutrinação CÃOMUNISTA nas nossas escolas e universidades usando alunos como massa de manobra a serviço da ESQUERDALHA e da quadrilha dos Petralhas. Nossas universidades se transformaram em COMITÊS ELEITORAIS do PT, PSOL, PCDOB e PDT. Vejam a que ponto chegamos os CÃOMUNISTAS se unem para expulsar um juiz que condenou o LADRÃO de estimação dos “PRUFESSÔRES” ” da “pátria educadora” e pior usam descaradamente uma das várias decisões criminosas do STF BOLIVARIANO outro antro de CÃOMUNISTAS criminosos que soltam tudo que é bandido do PT e do PCC para justificar o ato criminoso de censura e perseguição ao juiz Moro o “ódio do bem” que estes marginais praticam.

  12. Ooouuuu! Que acalmar professor universitário, só trocar o palestrante, tira Moro e coloca Lula, ainda recebem com hino do partido nacional comunista!

    1. Em pé lá estarei para receber o futuro presidente do Brasil.

  13. Mais uma vez fui aqui em baixo e li: Mônica Bergamo/Folha de São Paulo. E vi “professores de faculdade “. Conclui: trata-se de materia leviana, esquerdeopata, ideológica, socialista, e de valores invertidos

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

VÍDEO: Narrador cruzeirense se desespera com gol do CRB em jogo ao vivo, que colocou time mineiro na lanterna da Série B: “Quem aguenta isso?”

O Cruzeiro amargou a sua segunda derrota na Série B. Ao ser batido pelo CRB-AL em pleno Mineirão por 4 a 3, nesse domingo(06), o Cruzeiro é o lanterna da segundona, com 0 pontos na competição.

Durante a narração do duelo da Série B, em uma rádio que cobre o clube, o narrador perdeu a paciência quando o Cruzeiro levou o quarto gol da equipe alagoana e disparo: “Pelo amor de Deus, quem que aguenta isso?…. Gol do CRB”. O gol foi um balde de água fria no trio que transmitia o jogo. O narrador ficou sem ação e começou a caminhar pelo estúdio, totalmente sem reação a não ser a indignação.

Com Bola VIp e TNT Sports

Crédito: CruzeiroSports

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Kassio Marques cita Gilmar Mendes para negar suspeição de Moro: “Crime não se combate com crime”

No seu voto, Kassio Marques cita a frase de Gilmar Mendes — “crime não se combate com crime” –, para reafirmar que as mensagens roubadas da Lava Jato não podem ser usadas para julgar Sergio Moro suspeito.

“Dois erros não fazem um acerto”, afirmou o ministro.

O Antagonista

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Denúncia

Alunos de medicina da UNP procuram Blog revoltados

Alunos de medicina da Universidade Potiguar(UnP) reivindicam o retorno das aulas presenciais, urgentemente. Alegam que as aulas nas escolas particulares já retornaram, inclusive, de crianças, obedecendo todos os protocolos sanitários, e cobram pela volta definitiva, sob a reclamação de muita perda.

Os alunos destacam, especialmente, a necessidade das aulas presenciais de forma permanente, já que outras faculdades retornaram a sua normalidade em seus cursos. “Chegamos ao ponto de precisar contar com a gentileza de alunos que conseguem acompanhar uma aula presencial e nos disponibilizam o conteúdo gravado”, relevam os alunos.

Segundo os reclamantes, de identidades preservadas, nesta segunda-feira(08), por exemplo, o número de alunos para aula presencial agendado em um anúncio pelo aplicativo, acabou sendo limitado. Uma outra parte, portanto, ficou sem a possibilidade de assisti-la no ambiente físico.

Os alunos pedem uma justificativa da UnP para essa limitação das aulas presenciais. “Entendemos e respeitamos quem possa ter sua limitações familiares ou até comorbidades, compreendemos que acompanhem as aulas de maneira híbrida, mas quem possa estar presente, possa assistir uma aula de melhor qualidade, e possa ter o direito de vivenciar”, disse uma aluna.

Por fim, os alunos classificam o retorno com controle de alunos(limitado) na universidade como um dia de ‘ángústia’. Ainda reclamam da disponibilidade emocional e financeira que depositaram na instituição, que relatam como de um bom histórico, mas que ‘nos últimos tempos’ estaria se perdendo quanto a sua organização e qualidade.

Opinião dos leitores

  1. O blog, pelo alcance e responsabilidade com a informação, deveria incluir a versão da Unp na matéria, aí estaria contribuindo com o fato, não criando uma disputa. Até acho que aulas presenciais tem que ser realizadas seguindo os cuidados necessários, que a mesma medicina tem ajudado a estabelecer na sociedade, mas nem sabemos pq a universidade criou essa forma de revezamento, seria bom informar.

  2. Se ficar o bicho come e se correr o bicho pega. Nas universidades públicas, não há aulas devido à aversão dos seus professores ao trabalho. Nas privadas, não há aulas para aumentar seu lucro em função da brutal redução dos custos.

    1. Seu dedo podre, respeite os professores da federal! Acha que a UFRN se resume a uns 3 cursos de baderneiros. Você deveria ter vergonha de digitar isso, muitos médicos conceituados da cidade também lecionam lá!
      Esse honesta do seu título é uma grande ironia.

  3. A conversa da UNP é que as aulas são remotas e síncronas, mas não liberam acesso nem do professor que tem que entrar no meet pra dar aula a duas turmas ao mesmo tempo só que o app do google, nao da unp, não comporta isso, resultado: 8000 reais pra não conseguir assistir!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Voluntários de vacina ‘placebo’ contra a covid em Natal vivem expectativa por “quebra do cego”, e revelam angústia por imunização prometida

 Foto: Getty Image/ BBC

Voluntários em Natal que aplicaram a vacina da Universidade de Oxford estão revoltados com o que classificam como “quebra de acordo”, daqueles que aplicaram o teste placebo. Eles vivem a expectativa da imunização de fato, e citam frustração diante da falta de um sinal verde para a sua realização.

Segundo os voluntários desse grupo, foi prometido a “quebra do cego”, que significa o laboratório revelar quem tomou a vacina placebo, a partir do momento da disponibilidade da primeira vacina contra a covid-19 no país, independente da coronavac, Oxford, ou qualquer outra.

“Me senti literalmente usado”, disse um jovem voluntário de identidade preservada. Um outro voluntário, de idade mais avançada, disse que a “quebra do cego” só foi revelada até o momento para um grupo restrito, como profissionais de saúde e segurança.

Os voluntários da vacina contra a Covid-19 foram recrutados pelo Centro de Pesquisas Clínicas de Natal (CPClin), sede dos estudos na capital potiguar.

A pesquisa clínica da vacina de Oxford teve início no Brasil em junho. Metade dos voluntários recebeu a Chadox1 ncov-19, contra a Covid-19, e a outra metade recebeu a meningocócica ACWY, a chamada vacina de controle, um imunizante contra a meningite e placebo. Na ocasião, um sistema definiu randomicamente quem recebeu determinada vacina. Ainda sobre esse “teste”, cada participante recebeu duas doses e é acompanhado pela equipe do estudo com frequência, ao longo de um ano.

De acordo com o médico infectologista Kleber Luz, um dos coordenadores dos estudos da vacina de Oxford em Natal, está tudo dentro do cronograma. Ele procurou o Blog do BG para explicar que não existe quebra de ordem e que somente ontem foi autorizado a realizar, a partir desta quinta-feira (21), a “quebra do cego”, ou seja, revelar que tomou realmente a vacina e quem tomou placebo, para em seguida iniciar a convocação para que as pessoas possam ser vacinadas.

 

Opinião dos leitores

  1. Também estou achando essa informação equivocada e tendenciosa (no sentido te estar generalizando algo que creio que não esteja ocorrendo com a maioria dos voluntários). Participo da pesquisa e eles sempre foram muito claros sobre a questão de que todos tomariam a vacina. Os do grupo de teste tomariam a do covid inicialmente, e os do grupo controle tomariam placebo, mas caso a vacina apresentasse eficácia, tomariam no final. Semanalmente somos acompanhados sobre o estado de saúde, momento no qual podemos tirar dúvidas. Essa semana enviaram jma mensagem explicando como seria revelado “o cego”, esclarecendo as etapas. Li todo o formulário e tudo está sendo
    Rigorosamente seguido, de acordo com o rigor científico da pesquisa. O problema é que existe (obviamente) uma ansiedade pra se tomar com maior velocidade possível a vacina… e acabamos querendo pular etapas, sem entender que estamos participando de uma pesquisa científica. Nem todos leram todos os detalhes, mas todos querem tomar urgentemente. É questão de paciência e respeito ao rigor científico…

  2. Vou semana q vem fz outra visita, reitero tudo que ",M & A" falou, a CPclin, pelo menos até agora, posso dizer como voluntário, não descumpriu nada do q foi acordado, ao o povo é ansioso demais e não procura a clínica, sai falando o q não sabe. Semana vou e vou me inteirar melhor do cronograma, claro q tbm quero saber, mas o estudo não é bagunça né?

  3. Sou voluntário dessa pesquisa sobre a vacina de Oxford, e acho que tem algo errado nessa matéria, acredito que o blog foi induzido ao erro por pessoas que justificada mente estão ansiosas para saber se tomaram placebo ou se já tomaram a vacina de verdade, todos os voluntários foram sempre bem acolhidos e muito bem acompanhados pelas equipes da CPClin, temos uma agenda de visitas e todos já sabíamos que nada seria feito de forma arvorada, mesmo depois que a vacina fosse autorizada pela Anvisa no Brasil, então sendo assim tudo continua da mesma forma, organizada e bem cuidada, aos poucos e com a agenda bem feita, todos estão sendo chamados para que saibamos a situação de cada um, ou seja, tudo, mas tudo mesmo está caminhando bem e com transparência e com cuidado, por isso me estranho bastante esses relatos, e deixo um questionamento TB, como essas mesmas pessoas tiveram acesso a algo sigiloso, pois eles afirmam que apenas um grupo está sendo atendido na hora da quebra do sigilo, estranho mesmo.

  4. Hj o laboratório começou a chamar e quebrar o Cego por grupo. E já tomava a vacina caso esteja no grupo do placebo.

  5. São dois ansiosos. Sou voluntário e assim que foi aprovado o uso EMERGENCIAL, ligaram e informaram todo o cronograma. Caso os dois ansiosos ai queriam, podem pedir a quebra do cego e ser vacinado por qualquer outro laboratório.

  6. Blog mais se parece uma comadre da esquina, louco por uma fofoca. Que absurdo!!
    O cego está sendo quebrado, inicialmente para os profissionais da saúde e os idosos. Não tem como atender quase 1600 pessoas em 1 dia.
    Antes de fofocar, se informe adequadamente

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

VÍDEO: Advogado se revolta em audiência e manda desembargadores pra “casa do c…..” e pra “pqp”; veja

Um advogado mandou os desembargadores da 3ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região (TRT-3, de Minas Gerais) para a “casa do caralho” e para a “puta que te pariu” na sessão telepresencial dessa quarta-feira (16). ASSISTA VÍDEO AQUI em post na íntegra.

No julgamento, que debatia depósitos recursais, o advogado, após não conseguir conexão algumas vezes, sustentou a respeito de dois agravos. Após a sustentação, o desembargador Milton Vasques Thibau de Almeida, relator, proferiu voto.

A juíza Maria Cristina Caixeta ficou, então, em dúvida sobre o que foi dito, e foi orientada por Milton: “Doutora Maria Cristina, julgue o voto, e desconsidere a sustentação oral, que só tá fazendo confusão”. Alguém riu ao fundo, e o advogado começou a intervir: “Excelência, data venia pela ordem”.

O desembargador Luís Felipe Lopes Boson interrompeu: “Doutor, o senhor não tá com a palavra, não”. O advogado respondeu: “O eminente desembargador se referiu à minha sustentação. Ela está tão confusa quanto o voto do eminente relator, que não deixou claro”. Boson retruca: “Mas aqui não há direito de resposta, aqui não é imprensa, não”.

O advogado tinha começado a reclamar da “tecnologia tosca colocada à disposição” quando Milton Vasques Thibau de Almeida avisou que iria pedir vista e mudar o voto no caso. O advogado então se exaltou: “Inclusive se quiser ir pra casa do caralho vá também, vossa excelência”.

Milton pediu que isso constasse na fita de transcrição. O advogado continuou: “E vai pra puta que te pariu, foda-se. Espero que essa [transcrição] esteja disponível, porque quando o eminente relator de outra turma falou uma coisa e saiu no acórdão outra, isso não saiu na transcrição, meus senhores. Vocês estão ferrando o advogado só porque ele é pobre, olha onde ele mora: numa porra de um quitinete de meio metro quadrado. Pra ouvir isso aí? Poxa vida. Vossas excelências estão aí em berço de ouro, sejam mais conscientes.”

Luís Felipe então perguntou se o relator ainda queria pedir vista e tirar o julgamento de pauta, e determinou que o advogado, que continuava falando ao fundo, fosse silenciado, o que foi feito.

Justiça Potiguar

Opinião dos leitores

  1. Desafiou os Deuses do Olimpo, os que vivem na opulência, no luxo. Esse judiciário brasileiro é uma piada.

  2. Meu respeito total por esse Prometeu moderno, desafiou os Deuses e agora terá seu fígado comido para todo o sempre.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polêmica

Infectada com Covid-19, Miss Brasil Mundo 2019 vai à padaria, e gera revolta na internet

 (Foto: Reprodução Instagram)

Elis Miele, Miss Brasil Mundo 2019, causou polêmica nas redes sociais ao postar que, mesmo infectada com Covid-19, foi até a padaria, pois não queria ficar sem o pãozinho diário.

“Estou dando um pulinho ali na padaria para comprar alguma coisa para comer porque a gente está com fome. Eu até mandei mensagem para os meninos, na padaria que eu sempre compro, se eles entregavam. Falaram que não, perguntei se eu podia pegar aí na porta”, afirmou dentro do carro, usando máscara hospitalar.

“Não foi o caso dela, graças a Deus, mas fiquei com medo, sabe? Tive medo de não quererem me atender por causa do Covid, sabe? Sei que tem um preconceito muito grande com a doença. Vou comer meu pãozinho que eu estou com vontade. Não vejo a hora disso acabar, para voltar a minha rotina”.

Após a polêmica, a mineira, que tem 68,7 mil seguidores, fechou sua conta no Instagram, porém continua dando o que falar no Instagram da Rainha Matos. “Irresponsável é pouco…”, escreveu um seguidor. “Não tem 01 pingo de vergonha na cara, né?”, afirmou outra. “Motivo de perder a faixa de miss, já que responsabilidade social é importante”, questionou uma seguidora.

Globo, via Glamour

Opinião dos leitores

  1. Povo babaca, o que tem de mais , se ela cumpriu os protocolos, a coisas louca, pior fazem por aí. Besteira.

  2. Essa traço fácil com covid 19, 20 ou 30, kkkk
    Pode me chamar minha filha eu levo , pão, café o que você quiser.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

VÍDEO: “Não tem condição de trabalhar desse jeito e ser humilhado por esse povo”, revolta-se produtor de coentro em Martins, impedido de vender verdura na cidade

“Não tem condição de trabalhar desse jeito e ser humilhado por esse povo”, revolta-se vendedor de coentro em Martins, impedido de vender verdura na cidade.

Relato desesperado de produtor acontece horas depois da repercussão neste blog de agricultor barrado pela prefeitura para comercializar na cidade milho colhido, sob a alegação do munícipio de risco de aglomeração.

No caso mais recente, o produtor de coentro apresenta fartura da verdura, cita medidas de segurança e questiona privilégio de outros segmentos ou produtos. “Sou cidadão e trabalhador igual aos outros”, indigna-se.

Veja mais – VÍDEO: Agricultor é proibido de vender milho em Martins ‘porque causaria aglomeração’, mas homem compra toda produção: “Comprei tudo e vou doar, mas ele não vai voltar sem vender o milho dele”

Opinião dos leitores

  1. O povo tem o politico que merece, a escolha esta na mão do povo Martinense.
    Uma avaliação errada na hora do voto repercute por pelo menos 4 anos na qualidade de vida do município, ou para o lado positivo ou para negativo.

  2. Povo de Martins, aproveite a oportunidade que vocês terão.

    O voto é a arma que vocês tem nas mãos

    1. Oportunidade boa aí… banir os hipócritas que punem os pobres em detrimento de suas vontades. Aí é a famosa situação: Querem se limpar em cima de alguém, e adivinhem quem paga o pato?

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

“Infundada, irresponsável e leviana”: Forças Armadas se revoltam com declaração de Gilmar Mendes, dão resposta dura e acionarão PGR

Foto: Fellipe Sampaio /SCO/STF

O Ministério da Defesa informou nesta segunda-feira (13) que encaminhará uma representação à Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes.

A medida foi anunciada por meio de nota e foi motivada pela declaração feita no último sábado (11) pelo ministro do Supremo segundo qual o Exército se associou a um “genocídio” durante a pandemia do novo coronavírus.

O ministro Gilmar Mendes informou que não vai se manifestar sobre a nota da Defesa.

A nota foi assinada pelo ministro Fernando Azevedo e Silva, que é general da reserva do Exército, e pelos comandantes das Forças Armadas: general Edson Leal Pujol (Exército), almirante Ilques Barbosa Junior (Marinha) e brigadeiro Antonio Carlos Bermudez (Aeronáutica).

O vice-presidente Hamilton Mourão também criticou a declaração do ministro Gilmar Mendes. Em uma entrevista por videoconferência transmitida ao vivo nesta segunda-feira, ele foi questionado sobre o tema e afirmou que o magistrado “ultrapassou o limite da crítica” e criou um “incidente” com o Ministério da Defesa.

“Acho que a crítica, a crítica vai ocorrer, tem que ocorrer, ela é válida, mas o ministro ultrapassou o limite de crítica nisso aí”, disse.

Para Mourão, Gilmar Mendes “cruzou a linha da bola”, expressão que no jogo de polo significa cometer uma falta. “Cruzou a linha da bola querer comparar genocídio, fato das mortes ocorridas aqui no Brasil na pandemia, atribuir essa culpa ao Exército porque tem um oficial-general do Exército como ministro interino da Saúde”, acrescentou.

No sábado, durante uma transmissão ao vivo, Mendes disse que o Exército se associou a um “genocídio”, em referência à atuação de militares no Ministério da Saúde, entre os quais, o atual ministro interino, general Eduardo Pazuello.

“Não podemos mais tolerar essa situação que se passa no Ministério da Saúde. Não é aceitável que se tenha esse vazio. Pode até se dizer: a estratégia é tirar o protagonismo do governo federal, é atribuir a responsabilidade a estados e municípios. Se for essa a intenção é preciso se fazer alguma coisa. Isso é péssimo para a imagem das Forças Armadas. É preciso dizer isso de maneira muito clara: o Exército está se associando a esse genocídio, não é razoável. É preciso pôr fim a isso”, disse Gilmar Mendes.

Em meio à pandemia, o Ministério da Saúde está desde maio sem um titular. Pazuello comanda a pasta interinamente após a saída de dois ministros que discordaram do presidente Jair Bolsonaro sobre métodos para conter a pandemia: Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich.

À frente da pasta, Pazuello nomeou uma série de militares para postos-chave.

Ainda no fim de semana, a Defesa divulgou uma nota defendendo o trabalho dos militares na pandemia. A pasta informou que o contingente de militares mobilizado para a contenção do coronavírus é maior que o enviado pelo Brasil para a Segunda Guerra Mundial.

Nesta segunda-feira, o ministro e os comandantes das Forças divulgaram uma nova nota, na qual disseram repudiar “veementemente a acusação” feita por Gilmar Mendes. Segundo a manifestação, ataques gratuito a uma instituição de Estado não fortalecem a democracia no país.

“Comentários dessa natureza, completamente afastados dos fatos, causam indignação. Trata-se de uma acusação grave, além de infundada, irresponsável e sobretudo leviana. O ataque gratuito a instituições de Estado não fortalece a democracia”, diz trecho da nota.

A cúpula militar ainda destacou que genocídio é “um crime gravíssimo” no Brasil e na justiça internacional. Os militares ainda disseram que as Forças Armadas “estão completamente empenhadas justamente em preservar vidas”.

Leia a íntegra da nota do Ministério da Defesa

O Ministro da Defesa e os Comandantes da Marinha, do Exército e da Aeronáutica repudiam veementemente a acusação apresentada pelo senhor Gilmar Mendes, contra o Exército Brasileiro, durante evento realizado no dia 11 de julho, quando afirmou: “É preciso dizer isso de maneira muito clara: o Exército está se associando a esse genocídio, não é razoável”.

Comentários dessa natureza, completamente afastados dos fatos, causam indignação. Trata-se de uma acusação grave, além de infundada, irresponsável e sobretudo leviana. O ataque gratuito a instituições de Estado não fortalece a democracia.

Genocídio é definido por lei como “a intenção de destruir, no todo ou em parte, grupo nacional, étnico, racial ou religioso” (Lei nº 2.889/1956). Trata-se de um crime gravíssimo, tanto no âmbito nacional, como na justiça internacional, o que, naturalmente, é de pleno conhecimento de um jurista.

Na atual pandemia, as Forças Armadas, incluindo a Marinha, o Exército e a Força Aérea, estão completamente empenhadas justamente em preservar vidas.

Informamos que o MD encaminhará representação ao Procurador-Geral da República (PGR) para a adoção das medidas cabíveis.

Fernando Azevedo e Silva
Ministro de Estado da Defesa

Ilques Barbosa Junior
Almirante de Esquadra
Comandante da Marinha

Edson Leal Pujol
Comandante do Exército

Antônio Carlos Moretti Bermudez
Tenente-Brigadeiro do Ar
Comandante da Aeronáutica

G1

Opinião dos leitores

  1. Senhores militares, mandar cartinha de repúdio e cartinha para ação da PGR contra o ministro não vai dar em nada, vai ser arquivada ao longo do processo.
    Saudades de 1964, naquela época tinha macho.

  2. Blá blá blá …… Bolsonaro, Gilmar Mendes, Lula e todos. Vão trabalhar para sairmos do buraco.

  3. Gilmar mendes e um agente destabilizador , ele trabalha para alguém , ja fez isso outras vezes

  4. As forças armadas tem que destituir Gilmar Mendes do cargo, pois ele já era para ter saído a muito tempo, pois só serve para expedir HC para bandidos de muita grana.

  5. O pouco de respeito q as forças armadas tinham da população foi totalmente pro ralo junto com esse governo.

  6. Brasil tem que colocar esse trambolho no canto, que lhe foi cedido por um presidente de plantão, portanto politico. Odiado até por parte dos colegas, por suas ações a atos fora do tom. Já é chegada a hora de alguém lhe dizer que no nosso país existem homens de responsabilidade e vergonha, coisa que lhe falta.
    Indivíduo decrépito, asqueroso, boca mole, sem moral, pedante e arrogante, como ministro do STF se arvora a Deus, no entanto, está longe disso.

  7. e bom esse libertador de ladrões receber mesmo uma prensa das forças armadas, alguns ministros do STF tão se achando os donos do país e esse é um dos piores, ele e o tal de Alexandre de Moraes, tá na hora de mostrar a eles a verdadeira função deles.

  8. Infeliz,desnecessaria,inoportuna. O exercito tem trabalhado e fornecendo material médico,apoio aos estados.Êle deveria dirigir as suas críticas ao presidente,que não privilegiou o isolamento social , este sim,errou!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Denúncia

FOTOS: “Lagoa de esgoto” em plena Rota do Sol revolta moradores

Moradores de Pirangi , Cotovelo e Pium se queixam de “lagoa de esgoto da CAERN”,  que continua estourada na Rota do Sol, nas imediações da Barreira do Inferno, desde junho. Fotos: cedidas.

Opinião dos leitores

  1. Mais um pouco de descaso dessa prefeitura. Moro há 7 anos em Natal e há 7 anos os pontos de alagamento são os mesmos, os buracos nas vias são os mesmos, os locais de lixo e entulho na rua são os mesmos, a falta de manutenção nas vias, jardins, praças, parques…..é a mesma. Nesses 7 anos, nunca ví vontade de resolver, só existem ações paliativas, onde se coloca dinheiro público passível de corrupção. O turismo já levou um duro golpe com a pandemia, e não vai se sustentar sem o poder púbico agir por princípio.

  2. Quero agradecer ao amigo BG pela publicação para que possamos ter uma ação mais rápida por parte da CAERN.

    Esam Elali
    Presidente da PROMOVEC
    Associação dos Proprietários Moradores e Veranistas da Praia de Cotovelo

  3. Isso acontece em todas as lagoas de captação pluvial!!!
    Agora como o fato esta acontecendo na parte "rica" da cidade, se torna notícia.

    1. Henrique, se acontece está errado, tem que reclamar e exigir providências, pois pagamos o IPTU mais caro da cidade, isso não basta?

  4. Agradecer ao BLOG DO BG , pois agora temos a certeza que a CAERN vai tomar as providências certa e não vai ficar colocando uma bomba de 6 polegadas para enganar os moradores , empresário , atletas e turista que usam a ROTA DO SOL . A PROMEC agradece

  5. Felizmente não tem turistas na cidade .
    Vários governos estaduais ao longo dos últimos anos colocam empecilhos na implantação de indústrias e também não fornecem condições para o turismo responder por uma fatia do desenvolvimento do estado.
    As imagens de uma lagoa de captação de esgoto invadindo uma rodovia de acesso à lugares turísticos não é uma imagem que entusiasma turistas.
    Uma matéria destas vai ser visualizada por várias pessoas no Brasil.

    1. Por essa e outras que Natal está perdendo turistas para João Pessoa.
      O programa de proteção ambiental em João Pessoa é nota 10.

  6. Isso se deve ao subdimensionado da rede de esgoto de ponta negra e suas inúmeras ligações clandestinas de águas pluviais no sistema de esgotamento sanitário. Ainda vão cometer a burrice de fazer enrocamento e engorda da praia (colocação de areia) sem o devido cuidado de redimensionar o sistema de esgotamento sanitário e o sistema de drenagem. Vão colocar areia sobre a merda que escoa pra praia toda vez que chove muito só que uma dia a areia vai ser levada embora pela maré e a merda vai continuar estourando por toda a praia. Será um verdadeiro desperdício do dinheiro público.

  7. se fosse uma empresa privada.. o IDEMA já tinha parado a operação até resolver… Mas… fica tudo em casa…

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Goleiro Bruno faz propaganda de canil e causa revolta na web

O goleiro Bruno causou polêmica ao fazer uma postagem em seu Instagram nesta terça-feira. O atleta apareceu fazendo propaganda para um canil , mas o fato não repercutiu bem. Bruno foi condenado por ser o mandante do assassinato de Eliza Samúdio, sua ex-amante, e a Justiça acredita que os restos mortais da vítima foram comidos por cachorros.

A postagem gerou polêmica e rendeu diversas críticas de internautas. Confira:

O Dia – IG

Opinião dos leitores

  1. Nada a ver esses comentários desses imbecis…….pra começar o cara não fez nada, quem fez foi o puxa saco…..além do mais ele já pagou sua dívida com a socuedade hipócrita…..

  2. É revoltante ver um bandido desse de alta periculosidade em liberdade, Cadeia nesse vagabundo!

  3. Na foto dois cães belíssimos sendo atacados por um verdadeiro cachorro vira lata vagabundo.

  4. O que existe de Vagabundo, Bandido, Covarde e Assassino atacando as mulheres nesse País é impressionante. Rapaz, o cara que agride ou mata uma mulher, tinha que mofar na cadeia. Não vale nada o salafrário que agride uma mulher.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Denúncia

VÍDEO: Aglomeração no fim de semana gera revolta em João Câmara, ponto de preocupação recente da Sesap

 

Ver essa foto no Instagram

 

Na última sexta-feira(12), a Sesap alertou a região de João Câmara, no agreste potiguar, com destaque preocupante para o aumento de casos por Covid-19 nas últimas semanas. As imagens enviadas ao Zap do Meio-Dia RN nesta segunda-feira(15), de fato, ligam sinal de alerta. Registro de aglomeração nesse fim de semana revolta moradores do município. “Enquanto nós ficamos em casa, e outras pessoas só saem para trabalhar nos serviços essenciais, esse bando de sem noção coloca em risco a saúde de toda uma cidade”, desabafou um denunciante. Segundo a Sesap, a região metropolitana de Natal lidera o número de casos pelo novo coronavírus, seguido da região de Mossoró. O interior, especialmente no agreste, deve começar a também se preocupar.

Uma publicação compartilhada por Blog do BG (@blogdobg) em

Na última sexta-feira(12), a Sesap alertou a região de João Câmara, no agreste potiguar, com destaque preocupante para o aumento de casos por Covid-19 nas últimas semanas. As imagens enviadas ao Zap do Meio-Dia RN nesta segunda-feira(15), de fato, ligam sinal de alerta.

Registro de aglomeração nesse fim de semana revolta moradores do município. “Enquanto nós ficamos em casa, e outras pessoas só saem para trabalhar nos serviços essenciais, esse bando de sem noção coloca em risco a saúde de toda uma cidade”, desabafou um denunciante.

Segundo a Sesap, a região metropolitana de Natal lidera o número de casos pelo novo coronavírus, seguido da região de Mossoró. O interior, especialmente no agreste, deve começar a também se preocupar.

Opinião dos leitores

  1. De nada adianta os decretos municipais sem as mínimas condições de fiscalizar o cumprimento das ações propostas para o combate ao Covid. Cadê os Guardas Municipais aprovados no último concurso, que o prefeito nem fala neles?!!

  2. João Câmara está sem controle as autoridades estadual tem que tomar uma providência urgente urgentissimsa

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

VÍDEO: “Quem defender o presidente agora, está lascado. Parabéns! Que democracia!”, diz Sikera Júnior, em revolta com ataque a liberdade de expressão

 

Ver essa foto no Instagram

 

Democracia??????

Uma publicação compartilhada por Sikera Junior (@sikerajr) em

O apresentador Sikera Júnior, nessa quarta-feira(27), manifestou-se contra a operação da Polícia Federal, por determinação do Ministro do STF, Alexandre de Moraes, contra apoiadores do presidente, entre eles empresários, parlamentares e ainda o jornalista Alan Santos – em inquérito das Fake News.

“Quem defender o presidente está sendo investigado. Daqui a pouco a Polícia Federal na minha casa. Bem-vindos. Tenho muitos amigos na Polícia Federal. Quem defender o presidente agora, está lascado. Parabéns, que democracia”, disse em trecho.

Opinião dos leitores

  1. Eu acho que em uma democracia plena tem que haver para ambos os lados, afinal. "Quem não deve, não teme!"

  2. Tem nada a ver homi !!!!kkkkkkk. Esse véio, que às vezes até diz algumas coisas engraçadas, fala o quer e na hora que quer .
    Parece que aprenderam a fazer mimimimi com os petralhas, afinal são quase gêmeos mesmo, kkkk.

  3. Quando foi pra prender o molusco de 9 dedos ladrão, bateram palma, mas quando é contra o gado não pode? A gente sabe que quando a PF vai, já tá sendo investigado faz tempo, a PF raramente dá viagem perdida.

  4. Liberdade de expressão garantida na constituição é uma coisa. Espalhar mentiras criminosas para influenciar negativamente o imaginário social, é outra completamente diferente! Só não entende isso quem tem o cérebro atrofiado igual ao do Presidanta e da corja do gabinete do ódio.

  5. "Radialista ",não confunda liberdade de expressão com "notícia mentirosa ".Se esse é seu jornalismo, fique só pra vc.

    1. três perguntas : se a investigação é sobre FAKE NEWS, pq só estão sendo investigados os que apoiam o presidente ? , pq não investigam todos que fazem a tal FAKE NEWS ? , será que FAKE NEWS só tem do lado de quem apoia o presidente ?

    1. E nomeado por quem???, o vice dos ptRALHAS, Michel temeroso, e ainda mais fez um verdadeiro beija mão nos senadores, até em Iate no lago Paranoá esse presepe passou ajoelhado pedindo votos. Uma vergonha essas escolhas de ministros do STF, ficam tendo que prestar contas e defender seus nomeadores. Tai o celso de melo, nomeado por quem???. Sarney um dos maiores corrupto do Brasil. E tem mais a maioria atual nomeados pelos quadrilheiros. Não pode ser isenta uma corte dessa.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Rei tailandês faz quarentena com 20 mulheres nos Alpes e revolta população

Rei da Tailândia, Rama X, ao lado da ex-consorte real Sineenat Wongvajirapakdi, uma de suas companheiras nos últimos anos.Imagem: Casa Real da Tailândia/AFP

O rei da Tailândia escolheu uma maneira nada recomendada para fazer sua quarentena como medida preventiva à pandemia de covid-19. Rama X, como é conhecido em seu país, está passando uma temporada em um hotel de luxo na região alemã dos Alpes na companhia de 20 concubinas. A atitude vem sendo criticada duramente pelo povo tailandês.

Segundo o jornal alemão Bild, Maha Vajiralongkorn, nome oficial do monarca de 67 anos, conseguiu uma autorização especial para alugar todo o Grand Hotel Sonnenbichl, na cidade de Garmisch-Partenkirchen. A região das montanhas da Baviera é conhecida por suas belezas naturais, principalmente na atual estação europeia da primavera.

A alegação para que ele conseguisse a autorização, mesmo com a Alemanha adotando medidas de confinamento social contra o coronavírus, foi que a comitiva do rei forma um grupo homogêneo, sem flutuação de pessoas. No entanto, 119 integrantes do grupo já foram mandados de volta à Tailândia por suspeita da covid-19.

Para aumentar a revolta do seu povo, não se sabe se ele levou suas quatro esposas para a quarentena. Por tudo isso, milhares de tailandeses têm se arriscado a criticar o rei nas redes sociais. No país asiático, quem insulta o rei pode ser condenado a até 15 anos de prisão.

Mesmo com o risco de serem punidos, tailandeses levaram uma hashtag que pode ser traduzida como “por que precisamos de um rei” a aparecer mais de um milhão de vezes nas últimas 24 horas no Twitter. Eles mostram indignação com o fato de o rei estar ausente de seu país justamente num momento de aumento dos casos de coronavírus.

Segundo dados do último sábado, a Tailândia vem apresentando mais de 100 novos casos por dia. O número total de infectados já chega a 1.245. Enquanto isso, na Alemanha os contaminados são quase 50 mil, com 325 mortes.

A presença de Rama X em território alemão não chega a ser uma novidade. O monarca costuma passar temporadas na Alemanha, onde tem uma segunda casa. No momento, ele não é visto na Tailândia desde fevereiro.

UOL

Opinião dos leitores

  1. Um FDP desse tem que linchado em praça pública , usando dinheiro da população para usar em benefício próprio…parecido com o 9 dedos

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

BRONCA: Clientes Suzuki em Natal se revoltam e vão acionar Justiça

Clientes Suzuki na capital potiguar que compraram carros durante os anos de 2018 e 2019, veículos estes em garantia, estão procurando o Blog, revoltados, após o fechamento da concessionária desde o 28 de dezembro.

Com quilometragem para fazer revisões, simplesmente terão que ir a João Pessoa, na Paraíba, para agendar e fazer a revisão de seus veículos.

E ainda tem um detalhe: se não ficar pronto, o dono do veículo vai ter que dormir na cidade para voltar no dia seguinte.

Três dos clientes Suzuki já entraram em contato com o Blog relatando o descaso, sob o questionamento de Natal não ter uma pessoa ou empresa habilitada para fazer o serviço. Com isso, informaram que acionarão a Justiça contra a montadora.

Opinião dos leitores

  1. Tem que acionar mesmo. Descaso total com o consumidor. A revenda deveria permanecer aberta somente para as revisões gratuitas, aliás, muito bem pagas pela montadora ao concessionário.

  2. Veja pelo lado bom, qdo volta enche o tanque com um valor muito inferior ao que e pago na terra do poty.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *