Pesquisa CNT/MDA: Aprovação de Bolsonaro melhora e chega a 34,5%; consideram regular – 32,1% e ruim ou péssimo – 31%

FOTO: MICHAEL MELO/METRÓPOLES

O governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) é aprovado por 34,5% da população brasileira, revela pesquisa feita pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT) em parceria com o instituto MDA.

O levantamento mostra, por outro lado, que 31% dos participantes consideram o governo “ruim” ou “péssimo”. Para completar, 32,1% avaliam a gestão do mandatário da República como regular e 2,4% não souberam ou não responderam. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (22/01/2020).

A sondagem aponta melhora na avaliação dos rumos ditados por Bolsonaro ao governo brasileiro. Em agosto, a pesquisa mostrou que a gestão do presidente era aprovada por 29,4% da população nacional. O levantamento mostrava também que 39,5% dos participantes consideravam o mandato “ruim” ou “péssimo”.

Em fevereiro, quando foi feita a primeira pesquisa da série, a aprovação era de 38,9%. O governo era visto como regular por 29% dos entrevistados. E 19% dos participantes não achavam a gestão ruim.

Para esta terceira rodada, foram realizadas 2.002 entrevistas, de 15 a 18 de janeiro de 2020, em 137 municípios de 25 unidades da Federação. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Pesquisa da CNT sobre o governo de Jair Bolsonaro:

Ótimo ou bom – 34,5%
Regular – 32,1%
Ruim ou péssimo – 31%
Não sabe / Não respondeu – 2,4%

Imagem pessoal

A pesquisa revelou, também, que a imagem pessoal de Bolsonaro teve melhora no período analisado. Um total de 47% dos entrevistados afirmou desaprovar o desempenho do chefe do Executivo. Por outro lado, 47,8% aprovam e 5,2% não souberam ou não responderam.

Em agosto, 53,7% dos entrevistados afirmaram desaprovar o desempenho do capitão da reserva à frente do governo. Por outro lado, 41% aprovavam e 5,3% não souberam ou não responderam.

Em fevereiro, 57,5% diziam aprovar a conduta do titular do Palácio do Planalto e 28,2% desaprovavam. Outros 14,3% não souberam ou não responderam à pesquisa.

Para 40,1%, já é possível perceber melhorias em relação aos governos anteriores, enquanto 24,7% afirmam perceber pioras em relação aos governos anteriores.

Com informações do Metrópoles

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Fora bolsotralhas disse:

    Os marketeiros estáo a todo vapor$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$ 💰💰💰💰💰💰tentando mudar o quadro DESSA encenação brasileira do caminho certo, é a contramão da desgraça implantada por está BOSTA DE PRESIDENTE🐴😂

  2. Otavio de Medeiros lima disse:

    Olha ter esse percentual sem abastecer o caixa das empresas de pesquisa com dinheiro público não é fácil, o capitão está bem na fita.
    Até 2016 tinham institutos de pesquisa, devidamente financiados que davam como certa a derrota de Bolsonaro na eleição e a popularidade de um determinado condenado em 180%.
    O povo começa a entender o quanto foi manipulado por anos e anos através de instituto de pesquisas, jornalistas, emissoras de tv todos devidamente pagos e agraciados com os recursos públicos para iludir, enganar, distorcer e ludibriar o povo.

Só 15,5% dos brasileiros concordariam com a soltura de criminosos por causa das mensagens roubadas da Lava Jato, diz pesquisa CNT

Só 15,5% dos brasileiros concordariam com a soltura de criminosos por causa das mensagens roubadas da Lava Jato, diz a pesquisa da CNT. O golpe da “imprensa Glenn Greenwald”  para tirar Lula da cadeia foi um fiasco.

O Antagonista

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Papudim disse:

    Quem concorda com a soltura dos bandidos, que assine a petição de soltura e adoção deste bandido, e que seja obrigado a acolhê-lo em sua própria casa….

Pesquisa CNT/MDA: 39,5% reprovam governo Bolsonaro; 29,4% aprovam e 29,1% consideram regular

Foto: Carolina Antunes/PR

A CNT (Confederação Nacional do Transporte) divulgou nesta segunda-feira (26) uma nova pesquisa de opinião do governo de Jair Bolsonaro. O levantamento, feito em parceria com a MDA Pesquisa, apontou um grande aumento na avaliação negativa da gestão do presidente desde os últimos dados, de fevereiro.

Foram 2.002 entrevistas entre os dias 22 e 25 de agosto, realizadas em 137 municípios em 25 unidades da Federação. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais com 95% de nível de confiança.

Ao serem perguntados sobre a avaliação do governo de Jair Bolsonaro, os entrevistados responderam:

Para comparação, o órgão junta os índices positivos e negativos:

No levantamento anterior, de fevereiro deste ano, as avaliações negativas à gestão do presidente somavam 19%, enquanto as positivas eram de 39%. Já a avaliação “Regular” se manteve na faixa dos 29%.

Desempenho pessoal

Quando perguntados sobre o desempenho pessoal do presidente Jair Bolsonaro à frente do governo, 53,7% afirmaram reprová-lo, enquanto 41% o aprovam. Não sabe/não responderam correspondem a 5,3% das respostas.

Nesta pergunta também se observa uma inversão em relação ao levantamento anterior, de fevereiro, quando 57% aprovavam o desempenho pessoal de Bolsonaro e 28% reprovavam.

Metro Jornal

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Eu disse:

    #MORO2022

  2. Toni disse:

    ESSA DEVE SER UMA PESQUIZA QUE TEM A MÃO DA GLOBO LIXO NÃO ENGANA NINGUEM TUDO MANIPULADO SO IDIOTA ACREDITA SACOOOOO!!!!!

CNT: avaliação positiva do governo Temer sobe para 14,6%; na pessoal, 31,7% aprovam e 51,4% desaprovam

Pesquisa CNT/MDA divulgada hoje (19) indica que 14,6% dos brasileiros entrevistados avaliam como positivo o governo do presidente Michel Temer e 36,7% avaliam como negativo. Para 36,1% dos entrevistados, o atual governo é regular. Outros 12,6% não responderam ou não souberam opinar.

Na pesquisa divulgada em junho, os entrevistados avaliaram o governo interino de Michel Temer. Para 11,3% a avaliação foi positiva e para 28%, negativa. Os que consideraram o governo regular foram 30,2% dos entrevistados e 30,5% não souberam opinar.

Em relação ao desempenho pessoal do presidente, a pesquisa divulgada hoje mostra que 51,4% desaprovam, frente a 40,4% da pesquisa anterior e 31,7% aprovam enquanto na anterior esse percentual era de 33,8%.

Na comparação entre a avaliação dos governos Temer e Dilma Rousseff, 40,5% dos entrevistados disseram que os governos estão iguais e que não percebem nenhuma mudança no país desde que Temer assumiu a presidência. Para 26%, o atual governo está melhor do que o anterior, enquanto 28% consideram que as mudanças pioraram as condições do país.

A pesquisa ouviu 2.002 pessoas em 137 municípios de 25 unidades federativas da cinco regiões do país entre os dias 13 e 16 de outubro. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, para mais ou para menos. Essa é a segunda pesquisa da Confederação Nacional dos Transportes (CNT) sobre o governo de Temer.

Agência Brasil

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. seu antonio disse:

    O PMDB com 8 ministro e o vice ainda diz que não era governo. É ser traira de mais.

  2. Não Alienado disse:

    PT nunca mais… o choro é livre

  3. cabral disse:

    Valor foi liberado desde que Temer assumiu a Presidência, em 12.mai.2016

    Ao todo, 5 medidas provisórias (MPs) abriram crédito extraordinário

    A MP com o maior montante (R$ 2,9 bilhões) teve objetivo de ajudar o Rio

    Pode isto Arnaldo????????

    Saudades do PT.

    • Fala Sério disse:

      Enquanto isso no período do PT no poder, só em DESVIOS COMPROVADOS a cifra já atinge a CASA DOS BILHÕES. Falta a desgraceira feita no BNDES, aí vai se danar tudo.
      Quantos leitos, escolas, delegacias, presídios, moradias, hospitais, rodovias, ferrovias e portos poderiam ser reformados e construídos com o valor da CORRUPÇÃO do PT?

    • Gustavo disse:

      Acho que Temer tava lá tb né? ele recebia salário de vice, então dizer o que?

    • Joae disse:

      O incompetente foi o PT que resultou nessa desgraça econômica. Lentamente o setor produtivo vem se recuperando. Menos Estado, menos incompetencia.