Cruzamento do Midway deve ser fechado em instantes por manifestantes

Dentro de alguns instantes professores, servidores e estudantes da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (UERN) devem fechar o cruzamento das avenidas Bernardo Vieira com Salgado Filho, em frente ao shopping Midway Mall a partir das 18h em protesto contra um mês de greve e falta de avanço nas negociações com o Governo do Estado. Alguns manifestantes já estão no local.

Os protestantes do ato, batizado de “Aniversário de 1 mês da greve da UERN”, querem pressionar o Governo do Estado a apresentar uma proposta, já que eles alegam que o Governo está descumprindo o acordo da greve anterior.

A manifestação foi marcada após os grevistas conseguirem a legalidade na Justiça. O protesto deve deixar o trânsito totalmente parado. Então, caros, é bom evitar.

Estagiário é preso por desviar R$ 15 mil em secretaria do Estado

Quanto vale a bolsa de um estagiário? R$ 500? Um salário mínimo? Neste caso vale R$ 15 mil e uma cadeia. O estudante de Recursos Humanos José Jair de Morais Filho, de 25 anos, foi preso em flagrante no início da tarde desta sexta-feira (01), por volta das 13h30, pelos policiais civis da Delegacia Especializada em Falsificações e Defraudações (DEFD). O jovem é acusado de desviar dinheiro da conta de servidores lotados na Secretaria Estadual de Educação.

José Jair era estagiário do Setor de Recursos Humanos (RH) da secretaria havia três meses e tinha acesso aos dados bancários de todos os funcionários. De acordo com o chefe de investigações da DEFD, Gilberto Maciel, o jovem desviou em torno de R$ 15 mil reais.

“Estamos apurando o caso para saber mais detalhes, até agora sabemos que ele realizava transações financeiras retirando dinheiro da conta dos servidores para uma conta em seu nome no Banco do Brasil, e depois sacava o dinheiro e depositava numa conta da Caixa Econômica Federal”, conta.

O chefe de investigações revela também que o acusado foi preso na agência do Banco Brasil de um shopping da capital no momento em que ele realizava um saque. “Com ele apreendemos produtos comprados com o dinheiro desviado desde roupas, calçados, óculos e material esportivo de marca e até um celular”, diz.

Maciel conta também que o estudante de RH disse não saber de onde veio o dinheiro, “ele alegou em depoimento que os valores apareceram do nada em sua conta e que só fazia o saques”, acrescenta. O estagiário foi autuando em flagrante pelo crime de estelionato e pode ser condenado de dois a doze anos de prisão.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Junior Gurgel disse:

    Considerando como paradigma CARLA UBARANA, ele fazendo a delação premiada, será solto imediatamente, a pena é que com o dinheiro não deu para comprar nem um fusca. Mas é isto rapaz, da próxima vez tira mais, viaje mais, e curta a vontade. Hoje Carla Precatório já estava no Banco do Brasil vendo sua rica conta bancária. Roubar pouco no Brasil é Crime, Roubar muito é privilégio de Poucos.

Empossados novo secretário e novo presidente da Jucern

A governadora Rosalba Ciarlini empossou na tarde desta sexta-feira (01), no auditório da Governadoria, o novo secretário de Estado do Turismo, Renato Fernandes, e o novo presidente da Junta Comercial do Estado do Rio Grande do Norte (Jucern), Alcimar Torquato.

Durante a solenidade, a Governadora ressaltou a importância da Jucern como um órgão de orientação que tem a função de facilitar a vida dos empresários do comércio. “A Jucern recebe toda uma demanda e estímulo para que possamos crescer em todos os setores”, afirmou Rosalba Ciarlini.

Rosalba Ciarlini também relembrou a importância do turismo como um setor fundamental para o desenvolvimento e geração de emprego e renda no Rio Grande do Norte, reforçando que a Secretaria trabalha em parceria com outros setores. “Aqui estão muitos dos nossos colaboradores. O turismo não pode ser e não é uma Secretaria isolada. O turismo no RN é algo que está na linha de frente e que precisamos fortalecer e criar todas as condições necessárias para sua viabilização”, disse a Governadora, e finalizou dizendo que “o RN é um dos estados onde estão acontecendo mais eventos, sendo Natal a 7ª capital do mundo na recepção de eventos internacionais”.

O presidente da Jucern, Alcimar Torquato, reforçou o seu compromisso com o órgão. “Hoje, vou me dar um pouco ao RN, sem hora, sem tempo, com dedicação”, disse o novo titular da instituição. Já o novo secretário de Turismo, Renato Fernandes, afirmou que os desafios começam pela Secretaria de Turismo, revisando e colocando em prática os projetos arquivados na Setur. “O turismo é um indutor de desenvolvimento e minimizador das diferenças sociais. Vamos mostrar que esse setor é também uma das prioridades do Governo Rosalba Ciarlini”.

Estavam presentes também na solenidade o secretário chefe do Gabinete Civil, Anselmo Carvalho;  o vice-presidente da Fiern, Pedro Terceiro de Melo; o deputado federal João Maia; o deputado estadual Raimundo Fernandes, representando a Assembleia Legislativa; o vereador Adão Eridan, representando a Câmara Municipal; o diretor superintendente do Sebrae, José Ferreira de Melo Neto;  o vice-presidente da Fecomercio, Luiz Antônio Lacerda; e o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis – ABIH Nacional, Enrico Fermi Torquato.

Nota Esclarecimento: Médica esclarece procedimento que gerou ação

Caro Bruno Giovanni,

Na qualidade de um dos advogados da Dra. Valeria Karlla Rocha Lima, gostaria de esclarecer alguns pontos em relação à notícia de que “Paciente é indenizada estética e moralmente por plástica mal feita” veiculada no Blog do BG hoje pela manhã.

Em virtude do o Blog de o BG ser acessado diariamente por milhares de pessoas, este tipo de notícia, caso não esclarecida, pode gerar prejuízos incalculáveis à imagem e à reputação de Dra. Valeria Karlla, profissional de qualidade reconhecida em nossa cidade.

A notícia dá a entender que os fatos publicados constituem a contexto considerado pelo Juiz Dr. Paulo Sérgio da Silva Lima na sentença, o que não é bem assim. A versão publicada foi a da Autora, devidamente rebatida pela Dra. Valeria Karlla em sua contestação, e acompanhada de provas.

Na verdade, a sentença expressamente reconhece que “antes e durante a cirurgia a demandada agiu com o devido zelo e cuidado; e que a deiscência ocorreu em um considerável lapso de dias, por causas estranhas que não a ação direta da médica, no que pertine ao ato cirúrgico em si”, além de verificar que “a autora mostra-se um tanto negligente quanto aos cuidados pós-operatórios”.

Também constatou a sentença que “não há denotação de imprudência, negligência ou imperícia na realização do ato cirúrgico em si. O que faz ressaltar do apurado nos autos é que, por algum motivo alheio à atividade técnica da médica demandada (possivelmente tração ou mesmo deficiência nutricional) tenha ocasionado a deiscência da ferida. A sutura realizada pela demandada foi condizente com as técnicas cirúrgicas, segundo verificação do perito (fl. 370), até porque não houve excesso de retirada de pele da face interna da coxa, o que possibilitou a sutura do ato cirúrgico inicial”.

Entretanto, o Juiz declarou, ao final, que houve culpa concorrente, quando ambas as partes contribuem para o resultado não esperado, e condenou a Dra. Valeria Karlla ao pagamento de 50% do valor da indenização fixada.

Com todo o respeito à decisão, já foi protocolado o recurso cabível para análise do Tribunal de Justiça, e estamos confiantes na reforma da sentença para reconhecer que não houve qualquer erro ou conduta por parte de Dra. Valeria Karlla a fim de justificar uma indenização.

Atenciosamente,

José Augusto Simonetti

Advogado

Presidente do TJ/RN contesta super-salários no Tribunal

A Presidente do Tribunal de Justiça, Desembargadora Judite Nunes, contestou a afirmação veiculada nos meios de comunicação acerca de “supersalários” que estariam sendo pagos pelo Tribunal de Justiça, em decorrência da ausência de fixação do teto constitucional.

Afirma a Presidente que “o teto remuneratório existe sim, está previsto na Constituição e a sua regulamentação, para o Poder Judiciário de todo o país, se dá de forma detalhada pela Resolução nº 13 do CNJ e nós estamos observando rigorosamente tais normas”.

Segundo a Presidente, é preciso se tomar sempre o cuidado de observar, ao analisar qualquer contracheque, se ali não consta alguma verba expressamente excluída do teto constitucional, como o pagamento de dívida atrasada ou verbas indenizatórias, e que poderão aparentar que o teto foi ultrapassado. Também se deve observar que muitas vezes o valor que ultrapassa o teto é bruto e sobre ele incide o redutor, o chamado “abate-teto”, de forma à reduzi-lo ao limite constitucional.

Informou a Presidente, ainda, que dentro de sua função de fiscalização, determinou, no ano passado, a realização de auditoria na folha de pagamento do Tribunal de Justiça, destinada a averiguar, dentre outras questões, a observância do teto constitucional para a remuneração no serviço público. Tal auditoria foi realizada pelo Controle Interno do Tribunal, em parceria com o Conselho Nacional de Justiça, tendo, a equipe de auditores, recebido capacitação e treinamento do próprio CNJ, do Tribunal de Contas da União e da Controladoria Geral da União, o que ocorreu no mês de outubro de 2011.

Em março de 2012 foi apresentado à Presidência o Relatório Final da auditoria, que constata que após serem examinadas as Folhas de Pagamento dos meses de janeiro de 2010 a outubro de 2011, “não foram verificados pagamentos acima do teto constitucional” e que “as remunerações que ultrapassaram o teto sofreram redução através da aplicação da parcela redutora”, ou seja, não há pagamento de valores acima do teto estabelecido pela Constituição Federal e, sobre a remuneração daqueles que teriam direito a perceber acima deste valor, está sendo aplicado o chamado “abate-teto”, de forma a reduzir os valores recebidos até os limites constitucionais.

Esclareceu, por fim, que a auditoria se deu na folha paga pelo Tribunal de Justiça e na folha de magistrados aposentados paga pelo IPERN, mas elaborada pelo Tribunal, não abrangendo, evidentemente, os pensionistas, que é da responsabilidade exclusiva do órgão previdenciário, vinculado ao Executivo, não sendo elaborada nem paga pelo TJRN.

Concluiu a Presidente, por fim, que a Folha do Tribunal de Justiça está sendo paga rigorosamente dentro dos parâmetros constitucionais e de acordo com a Resolução nº 13 do Conselho Nacional de Justiça.

 

Por engano, prefeitura planta maconha em vez de grama

Cerca de 230 pés de cannabis sativa, planta mais conhecida como maconha, foram encontrados em um jardim próximo a construção de uma estação de metrô na capital russa, Moscou. Segundo o site “Moscow Times”, funcionários da própria prefeitura teriam cultivado a planta “por acidente”.

Em comunicado, a administração municipal alegou que os pés de maconha simplesmente “brotaram”, após a área ter sido preenchida com terra e sementes de grama.

Em tom de ironia, o Serviço Federal de Controle de Drogas russo disse que seus agentes tiveram que “experimentar a profissão de jardinagem” para retirar as centenas de pés em uma área próxima a construção da estação de Brateyevo, no sul de Moscou. Toda a terra do jardim será substituída.

A prefeitura também explicou que a criação do jardim fazia parte de um projeto de desenvolvimento da área. Uma investigação policial foi aberta para apurar o fornecedor da terra colocada no local e como as sementes de maconha foram parar no jardim.

Fonte: O Globo

De quem será a próxima vaga do TJRN, do MP ou da OAB?

Uma fonte do Blog do BG ligada ao TJRN afirma que a vaga do quinto constitucional decorrente da aposentadoria do desembargador Caio Alencar ensejará disputa judicial entre MP/RN e OAB/RN.

É que segundo a fonte, a vaga de Caio Alencar, que foi antecedido pelo desembargador Anselmo Cortez, sempre foi ocupada por membro do MP; enquanto a vaga do desembargador Cláudio Santos, que sucedeu o desembargador Ítalo Pinheiro, sempre foi preenchida pela OAB.

Assim, a única vaga em que poderia haver um rodízio das duas entidade, seria a vaga da própria Judite Nunes, que agora é a presidente do Tribunal. Já que ela é a primeira ocupante, desde a ampliação das vagas no TJRN de 11 para 15 membros.

A fonte explicou que a vaga de Caio Alencar deverá então ser preenchida por um  membro do MP/RN, e não por advogado. Quando ocorrer a vacância do cargo pela aposentadoria de Judite Nunes aí sim a vaga seria da OAB.

Mas no final das contas, quem dispara a sucessão é o TJRN ao encaminhar ofício à instituição que deverá indicar o ocupante da vaga de Caio Alencar.

A qual entidade Judite Nunes encaminhará o ofício,  afinal?

Depois de 60 dias, servidores da saúde encerraram a greve

Os servidores da saúde estadual encerraram a greve que completou 60 dias hoje após analisarem a proposta apresentada ontem (31/05) pelo governo do estado. A proposta prevê reajuste nas gratificações e implantação de parte delas em 2013 e 2014. Mesmo não atendendo completamente as reivindicações os servidores avaliam o movimento como vitorioso devido à exposição dos problemas enfrentados pela área e o apoio dado pela população.

O governo do estado apresentou na tarde de ontem uma proposta de reajuste de 22% em cima das gratificações Jornada Especial (paga aos profissionais que trabalham em regime de plantão nos hospitais) e GAE (paga aos demais servidores). De acordo com a proposta o reajuste na GAE será feito de forma integral em setembro de 2012 enquanto que para a Jornada, que atinge cerca de 7.500 funcionários, o reajuste será em duas parcelas de 11%, sendo a primeira em setembro de 2012 e a segunda em março de 2013.

Além disso, segundo a proposta, haverá incorporação das gratificações ao salário base num percentual de 50%. Ou seja, metade dela será incorporada da seguinte maneira: 25% em julho de 2013 e 25% em fevereiro de 2014.

O acordo não encerra as negociações. De acordo com o que foi discutido na mesa e na assembleia haverá uma mesa permanente de negociação da saúde com a participação dos secretários de administração e da saúde para evitar o acúmulo de problemas na área.

Fátima traz “CPI da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes” para o RN

Em resposta à solicitação da deputada federal Fátima Bezerra (PT), a Comissão Parlamentar de Inquérito da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, da Câmara dos Deputados, realiza nesta segunda-feira, 04 de junho, uma Audiência Pública com o tema “Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, às 14h.

Presença da presidente da CPI, deputada federal Erika Kokay, do Senador Paulo Davim, e das deputadas Fátima Bezerra e Sandra Rosado, que integram a Comissão na Câmara dos Deputados. Participam os deputados estaduais Fernando Mineiro e Larissa Rosado. A deputada Márcia Maia, coordenadora da Frente Parlamentar Estadual da Criança e do Adolescente da Assembleia Legislativa do RN e a vereadora Júlia Arruda, que coordena na Câmara Municipal de Natal a Frente Parlamentar em Defesa das Crianças e dos Adolescentes, participarão também da audiência.

Na manhã da segunda-feira (04), serão realizadas diligências ao ITEP, Ministério Público e na Delegacia Especializada em Defesa da Criança e do Adolescente, para que os integrantes da CPI possam se inteirar da realidade local. As diligências continuarão na terça-feira (05).

De acordo com os dados apurados pela Secretaria de Direitos Humanos (SDH) da Presidência da República, no ano de 2010, identificam o Rio Grande do Norte com o maior índice entre os 27 estados do Brasil, com 19,31 casos por 100 mil habitantes, em casos de exploração sexual de crianças e adolescentes.

“Somente em Natal, capital do nosso Estado, nos últimos quatro anos, 308 casos de abuso sexual foram cometidos contra menores de idade. O número pode parecer pequeno se comparado com o tamanho da população, mas os casos se repetem quase que diariamente. O acusado é, na maioria das vezes, parente ou tem proximidade e confiança da vítima. O combate e investigação desse tipo de crime, no Rio Grande do Norte, são incipientes”, ressalta Fátima.

Ainda segundo a SDH, as rodovias federais brasileiras têm quase dois mil pontos de risco para a exploração sexual de crianças e adolescentes. No Rio Grande do Norte, segundo dados da Polícia Rodoviária Federal (PRF) as pontes estão nas BR-s 101, 304 e 406.

Apesar desses dados alarmantes, existe apenas uma delegacia para atender todo Estado. “O envolvimento de vários setores da sociedade nessa discussão é de fundamental importância para que tenhamos êxito neste objetivo”, acredita Fátima.

Foram convidados para a audiência: Governo do Estado do Rio Grande do Norte; a Prefeitura do Natal; Ministério Público do RN; o Presidente do Conselho Estadual da Defesa dos Direitos da Criança e Adolescente, Pe. Murilo Paiva; Casa Renascer; Convenção Batista Norte Riograndense; Presidente da Associação Brasileira de Psicologia do Desenvolvimento e coordenadora do Núcleo de Estudos Sócio-Culturais da Infância e Adolescência da UFRN, Profª Rosângela Francischini; Superintendente do Departamento de Polícia Rodoviária Federal do Rio Grande do Norte, Rosemberg Alves de Medeiros; Fórum DCA, dentre outras representações.

Consultora do MEC visita CMEI Fernanda Jales para conhecer projeto de leitura

Uma equipe do “Programa Crer para Ver”, da Natura Cosméticos, visita logo mais às 13h30 o CMEI Fernanda Jales, localizado na Rua Rio Suassui, S/N Conjunto Cidade Satélite – Pitimbu.  A consultora do Ministério da Educação (Pró-Infância), Maria de Fátima Simas Malheiros, participa da visita acompanhada do secretário municipal de Educação de Natal, José Walter da Fonseca.

Lançado em 2009, o Projeto Trilhas é voltado para a Educação Infantil e tem como objetivo principal desenvolver em crianças de quatro a seis anos, as competências e habilidades da leitura e da escrita.

A iniciativa, realizada em parceria com a Comunidade Educativa – CEDAC -, sob a supervisão de Ana Teberosky, especialista internacional em psicologia da aprendizagem da leitura e da escrita, atende escolas públicas municipais, para as quais são enviados materiais elaborados para apoiar o trabalho dos professores, no campo da leitura, escrita e oralidade. São eles:

-Material com fundamentação teórica: com ele o professor conseguirá compreender melhor as atividades propostas.

-Material de orientação para professores e diretores: traz dicas e propostas de atividades para serem realizadas junto às crianças em sala de aula.

-Livros de literatura infantil: usados como referência para as atividades propostas. Estes livros passam a fazer parte do acervo da escola.

-DVDs: destacam as premissas e concepções em que o Trilhas está estruturado e alguns títulos do acervo em formato digital, para apoiar o trabalho dos professores com as crianças.

Pastor que pregava segurando cobras morre de mordida de cascavel

Mack Wolford, um pastor evangélico da Virgínia Ocidental (EUA),costumava pregar segurando cobras. Ele planejava um megaevento em que, segundo ele, as pessoas manifestariam o dom de línguas desconhecidas, manipulariam cobras e se divertiriam em um parque. 

Só que, um dia após completar 44 anos, Mack foi mordido por uma cascavel e morreu. Ele foi ferido ao tentar passar a cobra a uma fiel na igreja.

O líder religioso justificava na Bíblia a prática perigosa com as cobras – umaforma de demonstrar o poder da sua fé

“E haverá sinais que acompanharão os que creem: em meu nome expulsarão demônios, falarão novas línguas, segurarão serpentes e poderão beber venenos mortíferos sem que eles produzam qualquer dano. Além disso, colocarão as mãos sobre doentes, e estes ficarão sãos.” 

Marcos 16:17-18 

O pastor foi levado a um hospital em Bluefield, mas não resistiu ao ferimento e faleceu, noticiou o “Bangor Daily News”. 

A história é ainda mais trágica: o pai de Mack, que costumava também segurar serpentes, morreu em 1983 – picado por um réptil.

Fonte: Pagenotfound

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Santos Ismar disse:

    Há um grande probrlema com muitas pessoas que ficam imterpretando a bíblia errada, Jesus não mandou os cristãos sairem por ai pegando em cobras  e bebendo veneno! Ele falou que se ouvesse situações adiversa Ele estária conosco!

  2. Maria disse:

    Quando é que os homens vão entender que os poderes de Deus são divinos e os humanos tem suas limitações?

Lula no Ratinho vende seu candidato e debocha da Lei Eleitoral

Durante ataque de esquizofrenia, filha mata a mãe estrangulada em Parnamirim. migre.me/9jKdw

Não é verdade que o crime não compensa. É que, quando compensa, muda de nome. Na seara eleitoral, por exemplo, chama-se esperteza. Na noite passada, Lula e Fernando Haddad pisotearam a lei no Programa do Ratinho (aqui e aqui). E daí? Nada. Reza a jurisprudência do TSE que a propaganda eleitoral antecipada é um dos crimes que compensam no Brasil.

No papel, a lei é clara: antes de 6 de julho, nada de campanha. A partir dessa data, a propaganda estará parcialmente liberada –na internet e em carros de som, por exemplo. No rádio e na tevê, só a partir de 21 de agosto. O que torna o crime eleitoral compensatório é a pena: multas de R$ 5 mil a R$ 25 mil. Coisa risível.

Uma das graças da sucessão presidencial de 2010 foram as multas do TSE. Nunca os candidatos se portaram mal tão bem. Dilma Rousseff e José Serra, os dois principais contendores, travaram uma gincana. Na pele de cabo eleitoral, Lula tornou-se um colecionador de multas, desequilibrando o jogo. E daí? Nada.

Uma passagem de março de 2010 dá uma ideia da piada. Lula discursava num pa©mício realizado na cidade de Osasco. Falava para uma multidão, atraída pela entrega das chaves de apartamentos populares. Exibia Dilma a tiracolo. A Alturas tantas, fez troça de uma multa que o TSE lhe impusera na semana anterior.

“Não adianta vocês gritarem nome porque eu já fui multado pela Justiça Eleitoral, R$ 5 mil, porque eles disseram que eu falei o nome de uma pessoa. Pra mim não tem nome aqui”, disse Lula. A platéia, que até então não pronunciara nome nenhum, pôs-se a gritar: “Dilma, Dilma, Dilma…” E Lula, entre risos: “Se eu for multado, vou trazer a conta pra vocês. Quem é que vai pagar a minha multa? Levanta a mão aí”.

Nessa época, presidia o TSE o ministro Ricardo Lewandowski. Instado a comentar o surto criminoso que tisnou 2010, ele tirou o corpo do tribunal fora: “Aplicamos rigorosamente as multas que estejam previstas na lei eleitoral. Não cabe nos pronunciarmos sobre a eficácia das multas, se poderia ser maior ou menor. Foi o Congresso que fixou os valores”.

Meia-verdade. As multas, que já eram ridículas, haviam sido abrandadas pelos congressistas numa minireforma eleitoral aprovada no ano anterior. Mas o TSE, na hora de julgar os “delitos”, exibiu uma jucunda preferência pela cifra mixuruca de R$ 5 mil, a pena mínima.

Pela lei, a reiteração do crime eleitoral sujeita o candidato à cassação do registro. Se eleito, pode não ser diplomado. A presença de Dilma no Palácio do Planalto é prova de que o crime, quando chamado de esperteza, compensa. O melhor a fazer é revogar a hipocrisia, liberando a propaganda. Na média, o eleitor brasileiro já está suficientemente maduro. Já não é todo composto de ingenuidade.

Fonte: Josias de Souza

Concurso Contemporâneo de Quadrilhas Juninas é realizado hoje

Com o objetivo de manter a tradição junina o Complexo Educacional Contemporâneo realiza nesta sexta-feira (1/06), o Concurso Contemporâneo de Quadrilhas Juninas. Disputarão o prêmio, cinco quadrilhas formadas por 250 alunos do Ensino Médio das unidades Cidade Verde e Salgado Filho. Na oportunidade, será escolhido também o casal matuto melhor caracterizado. Um júri de peso fará a escolha dos melhores da noite, composto pelos apresentadores do Programa Batendo Perna Juninho e Curinga, dois representantes da agência de propaganda KKI, a jornalista do portal Desaboya, Verona de Moura e a diretora do Contemporâneo, Irany Xavier. A festa começa às 18h, no Ginásio da escola de Potilândia e contará com a animação da banda Forró Estribado.

Durante ataque de esquizofrenia, filha mata a mãe estrangulada em Parnamirim

O caso aconteceu há cerca de duas horas. Uma mulher, identificada como Jesiane de Paiva Morais Guimarães, 40 anos, estrangulou a própria mãe até a morte. De acordo com a polícia, o crime aconteceu durante um ataque esquizofrênico.

A doente encontra-se presa na  Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam). O cime aconteceu em Parnamirim, próximo ao Parque Aristófanes Fernandes.

Maio: BlogdoBG bate recorde, mais de 390 mil acessos

Na semana em que atingiu a marca dos 2 milhões de acessos, o Blog do BG teve mais uma grata supresa: bateu o recorde no número de visitas em um  mês. Só em maio, foram mais de 393 mil, o que corresponde a uma média superior a 13 mil acesso por dia.

Esta é mais uma prova de que a proposta ousada de se manter imparcial tem dado certo. E os anunciantes que acreditaram nesta iniciativa estão colhendo os frutos.