Saúde

VÍDEO: Médica sem máscara que ignorou idosa de 96 anos e agrediu filha de paciente em SP é afastada

A médica que se recusou a atender uma idosa de 96 anos e ainda agrediu a filha de uma paciente dentro do hospital estadual de Heliópolis, na zona sul de São Paulo, foi afastada da função. Nos vídeos gravados por uma testemunha, ela aparece sem máscara durante o trabalho e se descontrola até ser contida por outro funcionário.

Era 12h30 quando a dona Chiarela Aurora Lang chegou ao hospital sem apetite e com dificuldade para andar. A idosa foi colocada na cadeira de rodas e depois foi levada para o corredor para aguardar atendimento.

O neto que a acompanhava contou que, depois de uma hora e meia de espera, decidiu cobrar a médica responsável, Silvia Duellberg, pela consulta. Ele gravou a ação e argumentou que a avó deveria ser prioridade, mas ela o ignora e diz que ali “não era assim”.

O ajudante geral, Anderson Basílio Ferraz, lembrou que a própria médica pegou as fichas e fez a chamada dos pacientes. Segundo ele, era a profissional quem decidia quem iria atender e a hora.

“Com 96 anos, minha avó em uma cadeira de rodas. Isso não é uma médica, uma profissional de saúde que tem amor no que faz”, afirma Anderson.

O neto procurou a polícia e acionou um advogado que vai processar a médica e o hospital por omissão de socorro e desrespeito ao Estatuto do Idoso.

De acordo com o advogado da família, Paulo Augusto de Oliveira, quando ela se negou a fazer o atendimento, ela desrespeitou o Código de Ética Médica e pode responder por omissão de socorro. Segundo o Estatuto do Idoso, as pessoas que têm mais de 60 anos têm prioridade.

Anderson ainda flagrou uma outra situação de desrespeito envolvendo a mesma médica. No auge da pandemia do novo coronavírus, quando os médicos recomendam o uso de máscaras, ela decidiu atender pacientes sem cobrir o rosto.

Uma das acompanhantes de paciente questiona a médica sobre a postura em meio à pandemia. Ela estava com a mãe, que faz tratamento contra o câncer, quando foi atacada. Depois da confusão, a médica abandonou o plantão.

Chiarela foi atendida por outra profissional, que viu os exames e determinou que a idosa ficasse em observação. Ela continua internada no hospital e o estado de saúde dela é estável.

O boletim de ocorrência foi registrado no 95º DP, em Heliópolis.

R7

Opinião dos leitores

    1. Pergunta que não quer falar.
      O que o Dória tem bom isso? Foi ele que cometeu o fato?

    1. Não gosta de trabalhar igual aos retardados que votam em luladrão

  1. Pelo comportamento dessa médica, alguém tem alguma dúvida se ela apertou o 17 na última eleição pra presidente?
    Eu não tenho dúvidas.
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Prefeitura de Natal ignora ordem judicial que determinou suspensão de contrato emergencial de R$ 7 milhões, e MP deverá ser acionado contra secretário

A Secretaria Municipal de Saúde decidiu ignorar a decisão judicial que a obrigava a retirar a empresa PJ refeições da fornecimento de quentinhas para as unidades de saúde da capital.

Em decisão do dia 10 de dezembro, o juiz Luiz Alberto Dantas Filho, da 5ª Vara da Fazenda Pública de Natal, fixou a suspensão dos procedimentos que resultaram na contratação da PJ e também determinou a retomada do contrato da empresa Refine Refeições.

Em resposta, a SMS notificou o Judiciário. O documento que deveria informar o cumprimento da decisão, no entanto, contestava as determinações, apresentando justificativas.

Ou seja, ao invés de cumprir a decisão e recorrer ao Judiciário, a secretaria de Saúde optou por desrespeitar a ordem judicial.

Em razão dos fatos, o Judiciário voltou a ser provocado, dessa vez pela Refine, pedindo que o Ministério Público seja acionado para apurar crime de desobediência contra o secretário municipal de Saúde de Natal, George Antunes.

Além disso, pede-se aplicação de multa diária de R$ 100 mil, até que a decisão ignorada seja aplicada.

Opinião dos leitores

  1. A decoração natalina custou 7 milhões, e não gastou nem 500 mil com aquela decoração ridícula,.

  2. O MPRN tem que investigar a fundo esses contratos da prefeitura, a decoração natalina deste ano está ridicula. E valor da decoração alguém sabe? A investigação da operação cidade luz na semsur de natal, alguém sabe o resultado?

  3. Tudo muito estranho: Contratação emergencial sem justificativa, muitos shows de fim de ano, decoração natalina milionária, IPTU extremamente CARO… Próximo ano tem eleições municipais. Coincidência???

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

CONTRAMÃO: Fortaleza ignora Consórcio Nordeste e compra festival de João Pessoa

Foto: depositphotos

O tradicional Festival de Turismo de João Pessoa-PB recebeu um golpe duro do seu “irmão” Fortaleza-CE.  O evento consolidado há 9 anos, embora seja realizado pela inciativa privada, fazia parte do trade turístico local e até então um orgulho do povo paraibano.

O governo do Ceará, por outro lado, ao conhecer de perto o sucesso do evento, resolveu investir, mas de maneira negativa para a região: comprou o festival por três anos.

O “investimento”  vai na contramão do discurso do Ceará, principalmente, no Consórcio dos Governadores, que prega a união da região, com objetivo de diminuir a diferença entre os estados visando um fortalecimento conjunto.

 

Opinião dos leitores

  1. Exatamente cada governador é responsável pelo povo do seu estado, o RN é apenas uma capitania hereditária que passa de pai pra filho e seus aliados, jamais sairão desse atraso, exemplo os deputados federais e estaduais que foram eleitos.

  2. Ao que parece existe uma diferença fundamental entre os Estados maiores (CE, PE e BA) aos demais. Esses Estados estão sempre querendo vantagem e possuem união de suas bancadas. Aos demais, como o caso do RN, são meros coadjuvantes, abraçados com o atraso e subservientes aos interesses partidários. Os grandes abraçam esse discurso apenas para se beneficiar dele. Vai mexer com os ganhos e o desenvolvimento de algum para ver o tamanho da briga? O caso do HUB da LATAM é um exemplo. Atropelaram sem dó o RN. Enquanto existia a fantasia de que nós ganharíamos, PE e CE conseguiram outros HUB's para seus aeroportos. Esse governo do RN é, foi e será, uma piada nacional.

  3. Novamente, é a confirmação daquilo que eu comentara ontem por aqui: essa história de "fórum de governadores do Nordeste" não passa de lorota de "primo rico" para tirar onda com a cara de "parentes" que nunca deram certo na vida… E olhe que a Paraíba, em todos os aspectos, está bem melhor situada que este pobre elefante manco.

  4. Não vejo nada demais. O governo de lá está correto. Ficar abraçado na miséria com vizinhos miseráveis só vai levar pobreza para todos. Os Estados devem competir sim entre si. Os mais competentes conquistarão mais desenvolvimento.
    Quem não fizer sua parte, que fique para trás.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Banco ignora decisão judicial e tenta abrir agência sem segurança em Natal

Foto: Divulgação

Nesta quinta-feira, 12 de setembro, o Sindicato dos Bancários fará um Ato Público na frente da agência Tirol do Santander, na capital potiguar,a partir das 8h. A agência foi fechada pelo Sindicato desde 3 de setembro porque o Banco resolveu retirar os caixas de atendimento presencial das agências e por conseguinte a porta rotatória e o vigilante que garantia a segurança de clientes e funcionários.

O Sindicato tentou de várias maneiras negociar com o Banco o retorno dos instrumentos de segurança, mas a empresa se nega a cumprir a lei de segurança bancária. O Banco tentou na Justiça um interdito proibitório para que o Sindicato não pudesse permanecer mais com o fechamento do banco, o que foi indeferido, em 5 de setembro, pelo juiz Zéu Palmeira Sobrinho da 10ª Vara do Trabalho. Mesmo assim, nesta quarta-feira, 11, o Banco chamou a polícia para obrigar a abertura da agência.

Leia mais no Justiça Potiguar clicando aqui.

Opinião dos leitores

  1. NAO ENTENDI!!!! O BANCO CHAMOU A POLICIA PRA DESCUMPRIR A ORDEM JUDICIAL???? É ISSO???? SEI NAO !!!! BANCO SÓ QUER VENHA A NÓS, O VOSSO REINO NADA!!!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

FOTOS: Anitta ignora limites para a sensualidade em revista colombiana

Foto: Reprodução/Instagram

Nessa quarta-feira, 28.08, Anitta compartilhou em seu Instagram um editorial realizado para revista colombiana Don Juan.

Muito sensual, nas fotos a cantora aparece apenas de lingerie fazendo caras e bocas, poses e mais poses.

As fotos repercutiram com grande forças nas redes sociais e foi destaque nos principais portais pelo Brasil, como no Globo.com.

Glamour – Globo

 

Opinião dos leitores

  1. O mal de nós brasileiros, é dar importância ao que não tem.
    Madonna passou a vida inteira sensualizando e ninguém falou nada.
    Se cada pessoa se preocupassem mais o que realmente interessa, seríamos o país melhor!

  2. A música no Brasil está tão ruim ou mal divulgada que está sendo entregue a pessoas como Anitta e Pablo Vittar….. ninguém merece…

  3. Anitta… é cantora ou modelo de revista masculina? No Brasil esse tipo faz muito sucesso, se não estiver bem cantando, vai fazer outra coisa com o corpão que tem, como por exemplo, pousar para revista masculina. O sucesso dela foi meteórico, como será que conseguiu??
    Por sinal nossa música anda com cantores como Anitta, Pablo Vittar, acho que tivemos dias bem melhores no passado com Tom Jobim, Milton Nascimento, Djavan, Roberto Carlos, Tim Maia, Elis Regina e tantos outros. Eita herança maldita esse país recebeu e vem engolindo!!

  4. Ôôô Anita véi virada!!
    É ainda tem gente que não gosta.
    Boa!!
    Não tem, não dá desperdício em canto nenhum.
    Há se eu te pego!!
    Óôô ismagaido da molesta, mas falta sorte.
    Infelizmente!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *