Bandidos assaltam rede de farmácias pela 3ª vez em dois dias; local agora foi Lagoa Nova

Pela terceira em vez, em dois dias, bandidos assaltaram uma farmácia da rede Pague Menos em Natal ou região metropolitana. Desta vez, na noite dessa quinta-feira (30),  na Avenida Romualdo Galvão, no bairro de Lagoa Nova, um trio armado invadiu o local, rendeu funcionários e clientes e antes de recolher os pertences, danificaram o sistema de câmeras do estabelecimento.

Ações anteriores

A Polícia registrou dois assaltos em farmácias da rede Pague Menos na zona sul de Natal e região metropolitana, na noite dessa quarta-feira (29). A primeira ação criminosa aconteceu por volta de 19h30, na Avenida Engenheiro Roberto Freire. Na ocasião, três homens, um deles com a camisa do Fluminense, entraram no estabelecimento se passando por clientes, foram direto ao caixa, de forma discreta, e surpreenderam os funcionários.

Em característica semelhante, por volta de 21h, na Avenida Maria Lacerda Montenegro, no bairro de Nova Parnamirim, dois homens realizaram o mesmo tipo de abordagem e levaram o dinheiro do caixa.

Em todas as ocasiões, diligências foram realizadas pelas áreas, mas nenhum suspeito foi encontrado.

Duas farmácias da mesma rede são assaltadas nas avenidas Roberto Freire e Maria Lacerda

A Polícia registrou dois assaltos em farmácias da rede Pague Menos na zona sul de Natal e região metropolitana, na noite dessa quarta-feira (29). A primeira ação criminosa aconteceu por volta de 19h30, na Avenida Engenheiro Roberto Freire. Na ocasião, três homens, um deles com a camisa do Fluminense, entraram no estabelecimento se passando por clientes, foram direto ao caixa, de forma discreta, e surpreenderam os funcionários.

Em característica semelhante, por volta de 21h, na Avenida Maria Lacerda Montenegro, no bairro de Nova Parnamirim, dois homens realizaram o mesmo tipo de abordagem e levaram o dinheiro do caixa.

Diligências foram realizadas pelas áreas, mas nenhum suspeito foi encontrado.

Caso do médico que matou bandido motiva discussão sobre legítima defesa

O médico Onofre Lopes Júnior, 75 anos, matou o assaltante Julianderson Marcelo da Silva Pereira, 30 anos, no último dia 15 , em assalto registrado na avenida São José, em Lagoa Nova. Na  versão apresentada ao delegado Ulisses de Souza, da 5ª DP, o médico alegou legítima defesa ao contar que ele e mulher foram abordados enquanto os dois estavam dentro do carro, em frente a uma farmácia, no bairro de Lagoa Nova.

Onofre Júnior, segundo fontes da TRIBUNA DO NORTE, teria dito que o bandido bateu com a arma no vidro do lado do motorista, onde estava a mulher, ordenando que ela descesse do veículo. Alterado e gritando palavrões, o bandido teria puxado a mulher pelo braço e a derrubado no chão. Onofre Júnior, que estava no banco do passageiro, foi ordenando a deixar o veículo sob a mira de um revolver. O médico desceu lentamente e, após fechar a porta, começou a atirar contra o bandido, acertando oito tiros. O assaltante não resistiu e morreu no local.

Citando especificamente o caso do Onofre Júnior e se “posicionando como advogado criminalista e não mais como representante da OAB”, José Maria Bezerra considera plausível a tese de legítima defesa. E explica que as investigações policiais poderão levar a dois entendimentos: a legítima defesa ou homicídio privilegiado. Previsto no artigo 121 do Código Penal, o homicídio privilegiado – que resulta na redução da pena – se dá quando a ação é impelida por motivo de violenta emoção e relevante valor moral. Nesse caso o excesso da ação é anulado pela violenta emoção, uma vez que não há como calcular a reação.

O caso em questão, na opinião do advogado Diógenes da Cunha Lima, dispensa advogados. Em um ato de legítima defesa, acrescenta o advogado, a reação do médico teria “livrado não só a sua família, como a sociedade do risco que o marginal de extensa ficha criminal pode oferecer”. E acrescenta: “o direito de matar é também o direito de se defender. Não há crime em casos de legítima defesa”.

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Robsonoliveira2008 disse:

    Adalberto é mais um a falar basteira, gente assim só trabalha para livrar bandidos (nesse país que não pune ) e eliminar a segurança de nosso Brasil.

  2. Adalberto disse:

    Que me perdoem os doutos que se pronunciaram sobre o assunto alegando a legítima defesa, mas no meu humilde entendimento a legítima defesa (art. 25, CP) foi  afastada em decorrência da desproporcionalidade da reação.   O caso do médico, a meu ver, está enquadrado no homicídio privilegiado (art. 121, Parág. 1., CP) cuja pena poderá ser reduzida de 1/6  a  1/3).  Porém, deixemos que os legítimos representantes do estado, sem o calor da emoção, realizem o seus papeis para os quais foram constituídos.

    • Marcus Vinicius disse:

      Falando besteira! A desproporcionalidade não descaracteriza a legítima defesa.

      Art. 23 – Não há crime quando o agente pratica o fato: (…)II – em legítima defesa(…)Parágrafo único – O agente, em qualquer das hipóteses deste artigo, responderá pelo excesso doloso ou culposo.O homicídio privilegiado fala em " relevante valor social ou moral, ou sob o domínio de violenta emoção, logo em seguida a injusta provocação da vítima ", que não tem nada a ver com o caso

      A Exposição de Motivos do Código Penal, item 39, entende por “motivo de relevante valor social ou moral” aquele que, em si mesmo, é aprovado pela moral social, tendo como exemplos clássicos, o homicídio eutanásico, ante à compaixão do irremediável sofrimento da vítima e a indignação contra um traidor da pátria. 

      Já em relação à outra modalidade de homicídio privilegiado, são necessárias as contemporaneidades das situações, ou seja, que a conduta seja praticada pelo agente dominado de violenta emoção E que a mesma seja “logo e seguida à injusta provocação da vítima”. Inclui-se aqui o flagrante adultério

Juiz que negou liminar ao médico que matou bandido pede informações ao delegado

O médico Onofre Lopes Júnior, de 75 anos, que matou um bandido na semana passada não conseguiu a liminar de habeas corpus. O julgamento da liminar foi feito pelo juiz Ricardo Procópio, da 3ª Vara Criminal de Natal, que solicitou mais informações hoje ao delegado Ulisses de Souza, titular da 5ª DP, que investiga o caso.

A intimação requerendo mais informações foi despachada hoje e deve ser entregue à 5ª Delegacia de Polícia (DP), a qualquer momento.

Onofre Lopes foi aquele mesmo da semana passada matou o bandido Julianderson Marcelo da Silva Pereira, de 30 anos, que o ameaçou, ameaçou à sua mulher com uma arma de fogo e que ainda tentou tomar seu carro de assalto, lembrando o dito popular: “bandido bom é bandido morto”.

O médico deveria ter se apresentado ontem à Polícia Civil para prestar esclarecimentos, mas por estar com problemas de saúde, não foi. Ele apresentou um atestado de saúde confirmando o quadro clínico.

O processo do pedido transcorre sob o número 0109840-90.2012.8.20.0001.

Médico que matou bandido não vai se apresentar hoje por problemas de saúde

O médico Onofre Lopes Júnior, de 75 anos, não se apresentou à 5ª Delegacia de Polícia na manhã desta segunda-feira (19). Segundo informações da 5ª DP, o advogado do médico compareceu à Delegacia e apresentou um atestado médico, informando que Onofre Lopes Júnior não irá se apresentar hoje à tarde.

O delegado da 5ª DP, Ulisses de Souza, havia informado na sexta-feira passada (16), em entrevista coletiva à imprensa na sede da delegacia, que o prazo para o médico se apresentar à polícia seria até hoje. O delegado não recebeu a imprensa nesta segunda-feira (19) para tratar sobre que problemas de saúde o advogado alegou para o médico não se apresentar.

As primeiras informações, repassadas por Ulisses de Souza através de um agente da delegacia , dão conta de que o delegado não irá pedir a prisão preventiva de Onofre Lopes Júnior.

Onofre Lopes Júnior foi intimado a se apresentar a polícia após matar o criminoso Julianderson Marcelo da Silva Pereira, de 30 anos de idade, com oito tiros na tarde da quinta-feira passada (19). O caso ocorreu após o bandido assaltar Onofre e levar o seu carro, um Focus azul, na avenida São José, em Lagoa Nova.

Fonte: Tribuna do Norte

[FOTOS EXCLUSIVAS] Assalto termina com tiroteio e morte em frente a Pague Menos da São José

Essa é daquelas que muita gente lembra da máxima “Bandido bom é bandido morto”. Um assalto acabou de terminar em morte em frente a farmácia Pague Menos, da avenida São José, em Lagoa Nova, mas quem morreu foi o próprio criminoso identificado como Julianderson Marcelo, de 30 ano. Nenhum inocente saiu ferido. Graças a Deus.

De acordo com informações de testemunhas repassadas à Polícia Militar, um militar de 76 anos, cuja identidade foi preservada pelo blog, chegou a Farmácia Pague Menos em companhia da mulher para fazer compras. O casal realizou as compras no estabelecimento e entraram no carro: ele no banco do passageiro e ela no do motorista.

Quando estavam saindo com o veículo de volta pra casa, os dois foram surpreendidos com a ação de um criminoso que chegou armado com um revólver calibre 38, batendo no vidro da porta do motorista, fazendo ameaças. O bandido tinha acabado de sair de uma motocicleta que estava sendo guiada por um comparsa.

Com medo, a mulher abriu a porta. O bandido, por sua vez, a agrediu e a jogou para fora do carro. Em seguida, o assaltante, ainda com as armas em punho, sentou no banco do motorista e começou a fazer ameaças para que o militar deixasse o veículo. O militar deixou o veículo e assim que fechou a porta, aproveitou um momento de descuido de Julianderson, sacou uma arma e efetuar vários disparos contra o marginal pelo vidro do passageiro.

Ainda não se sabe quantos atingiram o bandido, mas, baleado, o assaltante saiu correndo pela porta do motorista. Gravemente ferido pelos disparos efetuados pelo militar, ele não foi longe. Julianderson Marcelo não resistiu aos graves ferimentos e caiu no canteiro central da São José já sem vida.

Populares testemunharam que, após ver o comparsa baleado, o outro criminoso se evadiu do local do crime. O Instituto Técnico-científico de Polícia (Itep) foi acionado para fazer o recolhimento do corpo e a Polícia Civil irá comandar as investigações para saber se realmente existiu outro criminoso no local e, em caso de confirmação, fazer a identificação e a prisão do outro bandido.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Danniel Montenegro disse:

    Acho que o Dr. Onofre é um herói, é menos um bandido para assaltar nossa sociedade. Legitíma defesa é o mínimo que a justiça possa interpretar nesse caso.

  2. Studio-alfa disse:

    parabéns a este senhor……….

  3. Fernando disse:

    Bruno, incrível como tem gente que ainda acha que o bandido era um santo.
    Para mim, houve legítima defesa.

  4. Breno Cardoso disse:

    Vai… tira onda com o Coroa…. ficou todo furadinho o cara

  5. Felipe Sarmento disse:

    PEEEEEEEEEEEEEEEEGAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA, CABA SAFADO! VIVA SEU ONOFRE!

  6. […] Assalto termina com tiroteio e morte em frente a Pague Menos da São José Postado em: 16/03/2012 às 15:49 Deixe seu comentário Tweet stLight.options({ publisher:'wp.e5614253-674e-4af0-8262-7c08ebb4f316' }); /* […]

  7. THIAGOSERGIO31 disse:

    VAI  FAZER ASSALTO NO INFERNO AGORA  SEU FILHO DA  #%#¨* 

  8. Clara disse:

    Esse Senhor merece um troféu pelo seu ato de bravura. Lugar de bandido é do inferno pra dentro muuuuuito. Só ñ fez o serviço completo pq deixou o comparsa fugir. Era pra ter derrubado os dois. Teria sido bem mais interessante.

  9. V_OF_Vendetta disse:

    LINDOOOOOOOOOOOOOOO! SE CADA CIDADÃO ESTIVER ARMADO E PRONTO, OS RATOS VÃO DIMINUIR!!!

  10. Alexandremax74 disse:

    Vagabundo só serve morto!! Menos 1…

  11. Transkraft disse:

    PARABENS AO MILITAR QUE MANDOU MAIS UM VAGABUNDA PARA OS BRACOS DO CRAMULHAO.ESTE NAO MATA MAIS NEM ESTUPRA MAIS.

  12. Marcos Lopes disse:

    Bandido bom é bandido morto. Minha admiração ao cidadão que reagiu.

  13. MECÃO disse:

    axo e poouco! era para ter acontecido o mesmo com o comparsa q fugiu!

  14. Isnard disse:

    Já vai tarde. Parabéns ao cidadão que despachou esse canalha para o inferno!

  15. Pedro_barbosa2003 disse:

    A reação foi totalmente desproporcional.
    O bandido já tinha conseguido o veículo, o militar já havia saído do carro…

    • Oscarlsantos disse:

      Caramba cara ! Que postura é essa ??? É assim que tu pensa ??? Deixar os bandidos fazerem tudo que quiserem ??? Se tu concorda que o certo era deixar o vagabundo levar o carro também deve concordar que um bandido estupre tua esposa ou filha, desde que deixa ela viva…ou estou errado ??? É por essa postura que os bandidos se acham no direito de barbarizarem com as pessoas.

    • Agedomina2006 disse:

      Péssimo comentário!  Faço meu o comentário do nobre OscarlSantos…

    • Fábio Feti disse:

      Então seu palhaço poem o vagabundo p/ morar na tua casa com tua familia

    • Cblotajunior disse:

      Achei que foi desproporcional o resultado Pedro, deveria ter sido morto o comparsa e o que ficou morto deveria ter sido queimado na rua para não sobrar nada.

  16. EDUARDO ABC10 disse:

    Que notícia maravilhosa Bruno Giovanni, quem dera todo dia eu abrisse o seu blog e lê-se notícas iguais. São por essas é outras que eu sou contra o estatuto do cidadão de bem desarmado. LADRÃO BOM É NA PEDRA DO ITEP. Sim, parabéns a este senhor.

  17. Guigamix disse:

    só uma palavra                          Heroi

  18. Lilico disse:

    como dizia o Durvalino: "Bota pra f…er"

  19. Eduardinho2 disse:

    é isso ai, bandido bom é bandido no saco… se a PM colocasse os coronéis na rua desse naipe ai, eu num dava 15 dias pra casa ficar em ordem!!!

  20.  Triste pelo bandido, ele poderia ser honesto se tivesse oportunidade na vida. Com certeza ele não teve uma educação ou algo do tipo.

    Mas feliz pelo Cara que saiu salvo e a esposa. =)

    • Glauber Marcelo disse:

      Não é Falta de educação, é safadeza. Quanto não tem oportunidade e mesmo assim lutam parater uma vida digna. Quantos passam dificuldades e vão roubar. Além de quantos bandidos não são oriundos de classe média e até mesmo classe alta.

    • Katariny disse:

      E só é bandido por causa de falta de oportunidade?!
      Se fosse assim Brasilia não estaria cheia de ladrões, e garanto que falta de oportunidade aqueles não tiveram. 
      É pura safadeza, instinto ruim! Quem quer algo na vida corre atrás, a bandidagem não vai trazer oportunidade nenhuma.

    • klauss disse:

      E só ta tendo o nome, a foto e o caso sendo exposto no Blog porque é pobre??? ÉÉ?

    • Hugo disse:

      Falou tudo! valeu.

    • Fernanda disse:

      Concordo com você, acho que é uma questão de oportunidade. Você nunca deve ter tido a oportunidade de ser sequestrado por 5 horas, ser humilhado e espancado como meu pai foi. Um homem trabalhador, que não teve infância pois trabalha desde os 13 anos, ele tb era um sem oportunidade, a diferença é que ele lutou pra ter a oportunidade dele.

    • Filipe disse:

       OPORTUNIDADE? Pára com isso. O que menos esses caras querem é "oportunidade". Dá um pátio para cortarem a grama, e veja o que acontece. Quem quer oportunidade vai a PROCURA dela.

  21. dilermando filho disse:

    MAIS UM EXEMPLO DO QUE UM CIDADÃO DE BEM PODE FAZER ARMADO, É LÓGICO QUE COM UM PREPARO PARA TAL !!

    • Ruy Campos disse:

      isso mesmo, preparo, coisa que a PM não tem, ele deu sorte do comparsa não estar armado…

  22. Teo disse:

    Muito bem, mete bala nesses marginais. Esse senhor devia receber uma medalha.
    Por isso que eu sou a favor de porte de arma para o ciadão comum, claro que com critérios rigorosos para não entregar arma a qualquer maluco.
       Esses bandidos estão aterrorizando todos e  somos todos reféns do medo.  Esse bruno que falou em reação desproporcional  ta viajando em outro planeta, queria ver se fosse o pai a a mãe dele. O CARA TAVA ARMADO MEU AMIGO!!! LEVOU BALA NA MESMA PROPORÇÃO QUE O SENHOR LEVARIA SE FALASSE QUALQUER COISA.

    • klauss disse:

      Se falasse… mas nao falou. Então não justifica. Não se pode atacar pra "se defender" da agressão que nao ocorre mais.

    • Filipe disse:

       Ah, pode sim, Klaus. Pode e DEVE! O UNICO, e repito, UNICO motivo para a criminalidade chegar onde chegou -e começou pelas cidades grandes E da região SUDESTE – foi essa mania doentia de "não pegar em armas". Aqui no RS, pelo menos onde havia gaúchos de verdade, tradicionais, – a criminalidade demorou muito para aparecer. Motivo: TODOS usavam arma, ninguém se "metia a macho" porque sabiam que a reação viria. Pela CERTEZA de não haver reação é que a bandidagem está à vontade, e GRAÇAS AO GOVERNO e a sanha do desarmamento.

  23. Lula disse:

    Tem que botar para lascar mesmo, nesses bando de sacana! Eles não tem nenhuma compaixão nós, porque temos que tem dó deles! É isso ai Coronel, tem mesmo é que acertar um tiro bem no meio da testa desses FDP, assim como fizeste.

  24. Beni disse:

    Excelente. Parabéns Senhor Coronel. Espetacular, digna de uma placa sua reação. Estamos todos (quer dizer, quase todos, porque ainda subsistem uns babacas otários que pensam diferentes) tremendamente orgulhosos do Senhor. PARABÉNS. Estou eufórico com sua atitude digna de um heroi.

  25. Pedro disse:

    não gosto de vagabundo, mas me preocupa o sentimento de vingança manifestado pela sociedade

    • Filipe Augusto disse:

       O que voce queria? O caso é que a unica coisa que resta à sociedade é o "sentimento de vingança", porque o sentimento de JUSTIÇA há muito que foi abandonado por totalmente inútil onde a própria Lei defende o delinquente em detrimento do cidadão. 

  26. Analivia33 disse:

    Esse aí nao assalta mais. Valeu coronel

  27. Andre disse:

    Como dizem as boas linguas: É pra se lascar!

  28. Bruno disse:

    Sei que o falecido estava praticando um crime – furto – mas a reação me parece ter sido desproporcional, pelos fatos até agora apresentados.
    Fica a pergunta, BG: o militar da reserva que matou o furtador será levado a juri popular ou a polícia o encaixará numa "legítima defesa", que a meu ver, não houve?

    • geraldo disse:

      acho que vc quer ser candidatar advogado da familia do bandido

    • Jr disse:

      O crime que esse bandido estava praticanado era roubo e nao furto, Legitima defesa sim, haja visto que o bandido estava com uma arma em
      Punho ameaçando as vitimas, ou você queria que ele primeiro atirasse para configurar tal situação? Um bandido a menos.

    • Alexmecao15 disse:

      Vc deve provavelmente ter alguem em sua familia que foi, é ou será um bandido ou ainda vai lá que vc não é o comparsa…palhaço!

    • Talita disse:

      acho que o coronel devia nem ser levado a julgamento, ele ta e certo, se eles não morrem quem acaba morrendo é a gente, gente de bem

    • Júnior disse:

      Boa tarde, Respondendo ao Bruno, primeiro que não foi um furto e sim assalto, pois usado a violência e com um agravante o uso de arma de fogo, segundo não é furtador e sim assaltante mesmo,  terceiro foi proporcional, ambos portavam armas de fogo, legitima defesa sim, 
      pois o de cujus estava armado e a vitima reagiu de acordo com seu treinamento, a vitima será ouvida pela autoridade policial e provavelmente  será liberada após os devidos esclarecimentos.

    • disse:

      Furto com um revolver na mão? Que eu saiba isso foi roubo!Ou o Codigo  Penal mudou e ninguém me avisou???????????

    • Klauss disse:

      Quanta animalidade (nos comentários)! Se o bandido deu chance e ordenou que o dono do carro saisse, a vida dele nao corria risco, mais, a partir daquele momento. Se ambos estivessem de frente, um para o outro, ai sim, seria equiparavel a situação dos dois. O coronel o quis pegar de surpresa.
      Faltou proporção. Com essa quantidade de tiros a intenção nao era DEFESA, e sim ASSASSINAR.

    • Filipe Augusto disse:

       E mais essa. E desde quando o HONESTO tem que aceitar "chances" de assassinos? Evidente que o coronel "o quis pegar" de surpresa. Com certeza não é nenhum idiota. Ele é o HONESTO, tem FAMILIA, tem ESPOSA. Fez muito bem em liquidar o canalha na primeira chance que teve. Foi o canalha quem pediu a situaçao, simplesmente teve o que PEDIU. Morreu POR CULPA PROPRIA.

    • Victor disse:

      Klauss seu animal, vc queria que ele fizesse oq? Desse o 1o tiro e perguntasse se já tava bom antes de dar o segundo? Se o Coronel parasse meio segundo esse marginal daria um tiro na cara dele. Comunitazinho de merda…

    • YF disse:

      Ta por uma dessas eu ñ esperava cara vc é louco ou se faz , como é q vc da razão a bandido? , o bandido ele pode tar roubando uma galinha mais o certo é despejar uma rajada de tiro na cara dele .  e q ele seja conservado la em baixo no verdadeiro palitó de madeira. o Militar fez mais q certo , mais eu ainda acho q foi muito pouco devia ter atirado mais para q ñ sobrasse nem um pedaço de osso . agora sim seu bandido tu pode descansar em paz nos braços do satanás.

  29. Aí tá certo!
    Se tivéssemos mais disso teríamos menos bandidagem.
    Os meliantes se confiam que a vítima não vai reagir e se encorajam a cometer crimes.
    Leis como a do desarmamento são uma afronta ao direito que o cidadão de bem deveria ter de escolher entre poder ou não se defender.
    Parabéns ao senhor que no alto dos seus 80 anos ainda contribui para limpar nossa sociedade e dar exemplo às pessoas que ainda raciocinam nesse país.

  30. Charles Barreto disse:

    Menos um!