UnP emite nota de esclarecimento sobre eventuais atividades presenciais de disciplinas práticas

Foto: Reprodução

A Universidade Potiguar entrou em contato com o Blog do BG para enviar seu posicionamento sobre a matéria: (Retorno de atividades presenciais: Alunos da UNP denunciam em manifesto que devem assinar termo isentando universidade em caso de infecção por covid-19).  Leia abaixo.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Universidade Potiguar esclarece que foi apresentado aos alunos e aos professores o seu Plano de Retorno Seguro, a ser seguido com base no Decreto Nº 29.742, de 4 de junho de 2020, publicado no Diário Oficial do Estado, que prorrogou a suspensão das aulas até dia 6 de julho. Esse planejamento aponta o dia 13 de julho como provável para o retorno de disciplinas práticas, data que pode sofrer alterações em função de determinações governamentais e/ou institucionais, adiando novamente as atividades presenciais.

Desde o início da pandemia, as aulas acontecem de forma remota síncrona (ao vivo), ou seja, nos mesmos dias e horários em que os alunos estavam habituados. Neste primeiro momento, nosso plano prevê retorno gradual somente das atividades práticas. Assim, como detalhado no documento e nos anexos que foram disponibilizados por e-mail ao corpo discente, retornarão às atividades apenas os estudantes de graduação que possuem disciplinas práticas obrigatórias.

É importante frisar que os estudantes que não podem retornar em virtude de questões de saúde não sofrerão prejuízos acadêmicos. Para este público, em momento oportuno, será apresentado um outro calendário de retorno.

Outro cenário é das disciplinas de estágio supervisionado, apontadas por alunos de Odontologia. Excepcionalmente devido à pandemia da COVID-19, para elas, o retorno não é obrigatório neste momento. No entanto, aqueles que optarem por postergar a volta precisarão cumprir no futuro a carga horária dos estágios, atendendo prerrogativas do Ministério da Educação (MEC) para consolidação do curso.

A UnP ressalta que possui comitês que trabalham seguindo todas as orientações das autoridades de saúde e as recomendações dos órgãos públicos. Por isso, é importa frisar que todas as datas de retorno dependerão de eventuais decretos municipais, estaduais ou federais, e, ainda, da situação do avanço da COVID-19 no País, questão que monitoramos de perto para garantir o bem-estar, a saúde e a segurança de nossa comunidade acadêmica.

Por fim, destacamos que a UnP repudia a disseminação de fake news e de conteúdos enganosos. Acreditamos que a educação é o melhor caminho para o acesso ao conhecimento. Em especial, neste momento de pandemia, é importante combater notícias falsas e má-fé. Por isso, orientamos os alunos a procurar informações sempre nos comunicados oficiais e por meio de seus coordenadores de curso.

Universidade Potiguar

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. João disse:

    Houve uma apresentação ontem para os professores da UNP. Tocaram TERROR… Pelo que fiquei sabendo, vão usar da MP 936 para suspender os contratos de trabalho de TODOS os professores pelo período de 30 dias. Não houve negociação, chegaram com o "acordo" pronto e se não concordar que procure o RH… Vai pagar apenas 20 dias de férias. Só com a economia de energia elétrica que a instituição está tendo já seria suficiente para arcar com o salário dos docentes. Mas, prefere usar de artifícios para economizar mais ainda, o professor que se lasque.

    • Dennis Mitchell disse:

      Fica difícil concordar com achismos quando não se apresentam números que argumentam favorável ao ponto de vista. Ao meu ver, melhor um contrato suspenso, num momento demasiadamente incerto, do que um contrato rasgado.

NOTA DE ESCLARECIMENTO: Leroy Merlin

A LEROY MERLIN BRASIL vem à público esclarecer que atua, em tempos de pandemia causada pelo novo coronavírus, dentro do que preconiza o Ministério da Saúde e autoridades locais do Rio Grande do Norte. Assim entende que:

A loja LEROY MERLIN Natal, em momento nenhum burlou ou tentou burlar pontos do decreto estadual que determina normas de funcionamento de estabelecimentos do comércio. No sábado (18/4) a unidade de Natal recebeu equipe do Procon estadual e deu suas explicações para a fiscalização sobre possível funcionamento dos equipamentos de ar condicionado, que estava desligado conforme documento de autuação.

A gerência prestou esclarecimentos, ação normal para auxiliar o entendimento das autoridades do Procon. A loja permaneceu aberta e continua dessa forma. Ao contrário do que foi divulgado a Loja de Natal não recebeu qualquer comunicado e orientação do Procon anteriormente, ou seja, não houve comunicados ou alertas. Somente a visita no sábado (18/4).

A LEROY MERLIN Natal recebeu, sim, uma visita da Polícia Militar do Estado, em 7 de abril, que elogiou os procedimentos adotados. Neste dia, e no momento da visita, os ventiladores estavam ligados e não houve recomendação contrária ao funcionamento dos mesmos e assim permaneceram até a visita do Procon em 18 de abril.

A LEROY MERLIN segue agindo no que se refere a dar condições salubres aos Colaboradores e Clientes na loja, desinfetando carrinhos, disponibilizando Álcool em Gel em quantidade suficiente a todos indistintamente, determinando espaços corretos de convívio social e organizando a entrada de Clientes a fim de que não haja aglomerações no interior da loja. Aos Colaboradores são disponibilizadas luvas, máscaras e uma enfermeira faz avaliação de todos os Colaboradores diariamente.

Diante dos pontos destacados a LEROY MERLIN reforça seu compromisso de melhor atendimento e de estar completamente adequada para assim proceder neste momento de pandemia por que passa o país.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luciana Morais Gama disse:

    Parabéns a LEROY MERLIN, loja limpa, organizada, pessoal atencioso e grande variedade de produtos. Grande geradora de emprego, renda e impostos. Sempre vou lá e vejo que o foi relatado é a verdade.

  2. Antonio Turci disse:

    Parabéns. Que este exemplo seja seguido pelos demais estabelecimentos comerciais.

    • Flauberto Wagner disse:

      Antônio, moro próximo a loja e vou lá com uma certa frequência, acho que a loja tem feito e faz a coisa dentro da lei, concordo com suas palavras!
      Não é momento de caça as bruxas em prol de ideal político, mas preservar a fonte geradora de impostos e empregos é fundamental.
      Prefiro sempre acreditar na iniciativa privada como mola proposora da economia, já nos políticos do Brasil e especial de nosso combalido estado apenas fico com os pés atrás.

Nota de Esclarecimento: suposto diagnóstico de Covid-19 em servidor do TJRN

Diante da informação, em circulação em grupos de WhatsApp, de que “um servidor da Vara de Execuções Penais do Estado, de nome Diego, foi diagnosticado com covid-19”, o TJRN informa que, até o momento, não recebeu qualquer comunicação ou solicitação de afastamento de servidor com suspeita do coronavírus, conforme determinação prevista em seu Protocolo de Ação para prevenção ao contágio da doença (Portaria Conjunta nº 14/2020).

No mesmo sentido, a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) não divulgou novos casos confirmados da Covid-19 no Rio Grande do Norte até a manhã desta terça-feira (17).

Não há, portanto, qualquer informação de órgãos oficiais sobre este suposto novo caso diagnosticado.

O TJRN estabeleceu procedimentos e medidas para prevenir a propagação da doença, como a determinação para o afastamento do trabalho e/ou a realização de quarentena para magistrados, servidores, estagiários e colaboradores que tenham a suspeita ou confirmação do contágio, bem como que tenham tido contato com pessoas diagnosticadas ou com suspeita.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Pietro disse:

    Gente fecha logo os Tribunais,bora vencer o.Corona Virus.

Detran emite nota de esclarecimento sobre contrato de Vistoria Veicular

NOTA DETRAN/RN
Contrato Vistoria

A Direção do Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) vem a público, em nome da transparência e do compromisso com o serviço público e com a sociedade potiguar, esclarecer sobre o contrato de Vistoria Veicular:

1) O referido contrato foi firmado em 2018, ainda no Governo Robinson Faria, quando a empresa foi credenciada para execução da Vistoria Veicular. Ao perceber que esse serviço configurava atividade fim do órgão e que o próprio Detran deveria executá-lo, a gestão à época optou pelo cancelamento do credenciamento. Em resposta à medida, a empresa acionou a Justiça para reaver o contrato e conseguiu uma Liminar para continuar exercendo os serviços;

2) Ao assumir a gestão, a equipe do Governo Fátima Bezerra, juntamente com a Procuradoria Geral do Estado, vem diligenciando em processo judicial na tentativa de derrubar a Liminar e para que o serviço volte a ser prestado exclusivamente pelo Detran/RN;

3) O valor cobrado pela empresa é mais alto que o praticado pelo órgão de trânsito, ficando a critério do usuário escolher onde realizará a Vistoria do veículo. O Detran cobra R$50 por cada vistoria, já a empresa, R$80. Por óbvio, esse é o motivo do Detran ter executado 266.955 vistorias em todo o ano de 2019 e a empresa privada ter realizado apenas 5.170.

4) O valor mencionado na matéria, de que existe um prejuízo de R$ 14 milhões é uma informação equivocada e inverídica, uma vez que o montante mencionado é na realidade a arrecadação anual que o Detran possui com o serviço de Vistoria Veicular.

5) A direção do Detran/RN reforça que acredita na transparência e ética e se coloca à disposição para esclarecer sempre a verdade e dissolver qualquer dúvida em relação aos serviços prestados pelo órgão.

Direção-Geral do Departamento Estadual de Trânsito do RN
Natal-RN, 19 de fevereiro de 2020

Idema diz que suspensão do Programa de Balneabilidade das praias em Natal e região segue recomendação da Controladoria Geral do Estado

Foto: ASCOM/IDEMA

No que concerne ao encerramento do convênio com o IFRN, através da Funcern, para a análise da balneabilidade das praias da Grande Natal, o Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do Rio Grande do Norte – Idema segue recomendação da Controladoria Geral do Estado para a não renovação do convênio, encerrado em dezembro de 2019.

Em paralelo à recomendação da Controladoria, o Idema entende que os parâmetros de análise vigentes, estabelecidos pela resolução 274/2000 do Conselho Nacional de Meio Ambiente, não são suficientes, diante do desastre ambiental ocorrido em 2019 de derramamento de óleo nas praias do Nordeste.

O episódio trouxe a necessidade de inclusão de novos parâmetros de análises químicas ao boletim. Assim, dando mais segurança aos frequentadores das praias potiguares. Os parâmetros de análise anteriormente utilizados no convênio levavam em conta, exclusivamente, a presença de coliformes fecais, quando precisa-se também que óleos e graxas sejam incluídos na análise. Vale ressaltar que o último boletim, emitido há 14 dias, no dia 28 de dezembro, apontou que todas as praias do RN estavam próprias para banho.

O Idema já entrou com processo administrativo para fazer a retomada dos estudos de balneabilidade e aguarda os trâmites legais para o retorno da divulgação dos boletins. O novo convênio incluirá todo o Litoral Oriental.

Unicat emite nota de esclarecimento sobre medicamentos para portadores de doenças neurológicas

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) e Unidade Central de Agentes Terapêuticos (Unicat) esclarecem que os medicamentos para portadores de doenças neurológicas fazem parte do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica (CEAF) e são adquiridos diretamente pelo Ministério da Saúde para serem distribuídos aos estados.

A previsão que o Ministério da Saúde deu ao estado do Rio Grande do Norte é de regularizar a distribuição destes medicamentos até o final do mês de janeiro, em virtude da finalização de processos administrativos de aquisição. Atualmente o estoque da Unicat está abastecido em 35% dos medicamentos para tratamento das doenças neurológicas.

Desde o ano passado a Unicat está trabalhando na melhoria dos serviços aos usuários, com a implantação do sistema de fibra ótica com mais economia e agilidade na transmissão dos dados e utilização do Sistema de Gestão da Assistência Farmacêutica (Hórus) na rede hospitalar estadual, contribuindo para o controle e monitoramento dos recursos financeiros investidos na aquisição e na distribuição dos medicamentos nos hospitais.

UnP emite nota de esclarecimento sobre descontinuidade de curso

Alunos do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária da UnP que já estavam no 7º período, próximos de se formar, foram informados que o curso será encerrado. A medida revoltou a todos os alunos. Alguns estão acionando a Justiça para conseguir se formar. Outros estão acionando o Ministério da Educação, o Procon e até o DCE em busca de uma solução. Em nota, a UnP diz que “organiza previamente uma série de opções para que o aluno possa escolher a que mais se adeque à continuidade de estudos, sem prejuízo acadêmico, como previsto em contrato de prestação de serviços”. Veja íntegra:

NOTA

A UnP mantém sempre o compromisso em dialogar com a sua comunidade acadêmica, priorizando o cuidado que cada temática demanda dentro do ambiente universitário.

É importante ressaltar que a UnP pauta as suas ações em estrita observância à legislação vigente, exercendo a sua autonomia universitária concedida pela Constituição Federal e deliberada pelo Ministério da Educação (MEC). Dessa forma, ao optar pela descontinuidade de uma oferta, a instituição organiza previamente uma série de opções para que o aluno possa escolher a que mais se adeque à continuidade de estudos, sem prejuízo acadêmico, como previsto em contrato de prestação de serviços.

Neste caso específico de Engenharia Ambiental e Sanitária, o seguimento do curso estava em análise de sustentabilidade pela instituição. Após reuniões com as lideranças acadêmicas, a Instituição decidiu que irá subsidiar excepcionalmente a graduação dos alunos que já cumpriram mais da metade do período de formação, o que inclui a 7ª série, tendo autorizado a manutenção dessas respectivas turmas.

Por fim, em um cenário dinâmico e em constante transformação, a UnP acompanha o movimento de mercado na busca constante pelo aprimoramento de sua qualidade acadêmica, visando entregar aos seus alunos excelência no processo de formação.

Universidade Potiguar

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. GILLIARD disse:

    A pior universidade do RN ! Sinceramente, fico a pensar como é que pessoas ainda buscam essa instituição para cursarem uma GRADUAÇÃO. Pelo AMOR DE DEUS, por experiencia própria, busquem qualquer outra, tais quais; ( FACEX, UNI, NASSAU…. ) para se graduarem, menos a UNP. Penso eu que o povo deve se encantar com a PROPAGANDA DA UNP, pois o ensino é uma PORCARIA.

    EM TEMPO:

    Lembrem-se que: " GAIOLA bonita não dá de comer a PASSARINHO. "

  2. Neto disse:

    Me formei na UNP ainda no tempo em que prestava, uma vez precisei acessar a biblioteca, a burocracia e tão grande que quase que não entro. Meu dinheiro não ver nunca mais

  3. Cidadão Indignado disse:

    Que vergonha! Ainda tem quem procure essa universidade pra estudar. A UNP ACABOU-SE!

  4. Flavio disse:

    Tudo mentira

  5. Joao disse:

    Lamentável!
    Desrespeito aos alunos.

Presidente da FIERN, Amaro Sales garante que prorrogação de mandato é legal e aguardará Justiça

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (Fiern), Amaro Sales, emitiu nota sobre a publicação veiculada na última sexta-feira, 25, no Justiça Potiguar sobre a ação judicial movida por três sindicatos filiados à Federação para apurar possível fraude na ata de prorrogação do mandato do atual presidente que será concluído no dia 30.

Amaro afirmou que recebeu a notícia com surpresa e garante que tudo foi feito dentro da legislação da Casa.

Confira nota aqui no Justiça Potiguar.

Prefeitura Municipal de Ielmo Marinho emite nota de esclarecimento

Nota Oficial

A Prefeitura Municipal de Ielmo Marinho vem a público prestar esclarecimentos sobre o evento ocorrido neste final de semana no município. O evento que reuniu motociclistas foi uma realização exclusiva de terceiros e particulares. Estes apresentaram toda documentação necessária previamente para a expedição do alvará.

Não autorizamos o uso de marcas da prefeitura ou qualquer secretaria em banners de divulgação do evento, assim como também não houve qualquer tipo de aporte financeiro por parte da administração do município. Deixamos claro também que não houve apreensão da ambulância, mas de um outro veículo da prefeitura cujas providências para liberação já estão sendo tomadas.

Federação Nacional dos Policiais Federais esclarece “troca de comando” da Direção Geral, desmente supostas interferências políticas e refirma confiança em Bolsonaro e Moro

A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), entidade que representa mais de 14000 integrantes da carreira policial federal de todos os cargos, vem a público esclarecer os seguintes pontos em relação à suposta troca de comando da Direção Geral da Polícia Federal, e outras questões correlatas:

1- Inicialmente refuta-se com veemência a utilização do nome da “corporação” Polícia Federal em manifestações de cunho político-classista, provenientes de integrantes de um único cargo minoritário na estrutura da PF, bem como de determinada associação que congrega parcela deste grupo.

2- Para a expressiva maioria dos integrantes da Polícia Federal, aqui representados pela Federação Nacional, o Presidente da República tem a prerrogativa exclusiva de NOMEAR o Diretor Geral da PF, em obediência a mandamento expresso contido no artigo 2º-C, da Lei n° 9266/96 (com a redação dada pela MP 657/14), bem como substituí-lo como e quando achar oportuno.

3- É fundamental ressaltar que a modificação na lei de regência da Polícia Federal que conferiu essa prerrogativa ao Presidente da República é fruto da polêmica, e pouco republicana, MP 657 de 2014, editada 10 dias antes da eleição presidencial daquele ano, e, publicamente patrocinada e defendida por entidade associativa de pouca representatividade, que hoje se insurge publicamente contra o mandatário do país, alegando pretensa interferência na PF.

4- Os Policiais Federais entendem que o Cargo de Diretor Geral deve ser ocupado por profissional de segurança pública que esteja em sintonia com as diretrizes e políticas públicas emanadas daquele que recebeu do povo nas urnas a autoridade de estabelecer tais políticas, segundo princípio republicano e constitucional vigente.

5- Até o momento não se tem notícia de qualquer interferência nas investigações em andamento no âmbito da Polícia Federal, até porque a PF detém autonomia investigativa e técnico-científica asseguradas em lei. A Federação Nacional dos Policiais Federais estará em constante vigilância em relação à defesa desta prerrogativa do Órgão.

6- Os Policiais Federais reafirmam sua confiança no Presidente da República, eleito segundo a regra democrática, e no Ministro de Estado da Justiça e Segurança Pública, considerado hoje um dos maiores ícones no combate à corrupção da história deste país; e repudiam a utilização do nome da Polícia Federal para o patrocínio oportunista da PEC 412 (da falaciosa autonomia), projeto corporativo que conta com rejeição da maioria esmagadora dos integrantes da corporação.

 

Câmara Municipal de Natal emite nota de esclarecimento

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em função da notícia veiculada em redes sociais, esclarecemos que o Sr. Amy Trajano de Carvalho Oliveira Júnior foi nomeado para exercer cargo de Assessor Legislativo desta Casa, em substituição a um outro servidor, por indicação do vereador Raniere Barbosa.

Nesta segunda-feira (9), o próprio vereador Raniere Barbosa solicitou a exoneração do mesmo, e a Mesa Diretora, no uso de suas atribuições, já acatou o pedido.

Natal, 09 de setembro de 2019.

MESA DIRETORA DA CÂMARA MUNICIPAL DE NATAL

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. HUGO disse:

    Atitude fraca do Vereador Raniere Barbosa, por que não segurou a nomeação do Cidadão? Qual requisito ele não preenche? E se for olhar tem cada Servidor na Câmara que nem fazer um O com uma quenga faz.

UNP divulga nota de esclarecimento sobre recentes notícias divulgadas sobre o curso de Medicina

NOTA

Sobre as recentes notícias divulgadas a respeito do curso de Medicina, a UnP esclarece que, em cada ciclo letivo, movimentações no quadro de professores acontecem a partir de um diagnóstico aprofundado composto por inúmeros fatores, como o calendário acadêmico. Este processo natural e específico do segmento de educação, que engloba a gestão de docentes no que tange a contratações, promoções, realocações e desligamentos, é realizado de acordo com as necessidades da graduação e, também, para acompanhar o cenário atual brasileiro.

A UnP mantém o compromisso em dialogar com a sua comunidade acadêmica sempre priorizando a discrição e o cuidado que demandam cada temática, levando em consideração as estratégias, os planejamentos, as ações e os processos internos. A matriz curricular foi redesenhada analisando necessidades atuais de mercado, cursos de universidades renomadas no Brasil e no exterior e sempre atendendo às diretrizes do Ministério da Educação. No processo de comunicação à escola de medicina, reuniões foram realizadas para a apresentação do novo currículo do curso, com momentos de esclarecimento de dúvidas de alunos e abertura de canal para a participação dos professores. Esses encontros ocorreram durante o recesso de julho, mas não devem se encerrar. Momentos de avaliação sobre a implantação do novo currículo devem ocorrer regularmente, com os docentes do curso, para assegurarmos que continuemos entregando à sociedade médicos de excelência.

No que diz respeito ao fim do convênio do Hospital Infantil Varela Santiago, a UnP reforça que esta decisão ocorreu de forma unilateral por parte da direção do HIVS, não tendo sido a instituição comunicada previamente e sem a possibilidade de uma negociação. Diante disso, a Universidade buscou e já consolidou novos campos de rotação clínica e garante que não haverá prejuízos acadêmicos ao estudante.

Por fim, sobre a infraestrutura, a instituição esclarece que efetua manutenção contínua dos laboratórios e dos simuladores, em razão disso está sendo concluído um estudo dos equipamentos para a atualização e eventual troca de possíveis peças que não estejam funcionando adequadamente.

A UnP é sensível ao desconforto que pode ser ocasionado por alterações na operação de um curso tradicional e conceituado como de Medicina, mas esse movimento faz parte do processo de desenvolvimento de uma nova geração de médicos, que fazem uso de ferramentas tecnológicas e trabalham ainda mais focados na relação com os pacientes, bem como na saúde de família.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bruno disse:

    A concorrência descendo o pau na unp (nos comentários) porque é a instituição de ensino superior privado com mais alunos no RN, nas outras a situação é pior, só não é tão falada pq não são tão importantes economicamente e por terem poucos alunos, a menos ruim é a UFRN, e só por ser "gratuita".

  2. Madson Clarck disse:

    É o efeito bozo! Gente, as universidades federais recebem subsídios do ProUni! Tenho familiares com bolsas integrais, inclusive em medicina veterinária! É daí pra pior! Agora vira para o bolsominion aí do teu lado e diz assim: É bom jair se acostumando! Faz arminha miserávi pá pá pá pá pá pá pá 😂😂😂

  3. Junior disse:

    Infelizmente a UNP vem passando pela pior gestão de todos os tempos nos últimos 3 anos. É uma pena vermos em decadência essa tão renomada instituição Potiguar que nos enchia de orgulho por ter sido reconhecida como uma das melhores Universidades do país. Uma gestão que demonstra claramente sua incompetência a cada atitude tomada inconsequentemente, principalmente no que diz respeito às demissões em massa do seu quadro de funcionários de alto escalão, tanto administrativo quanto acadêmico. Demitiram os melhores profissionais, aqueles que realmente tinham a competência de levar o negócio adiante, com argumento de que precisavam reduzir os custos. Pois é, o “barato ta saindo muito mais caro” e o que não entendemos é como uma empresa de capital estrangeiro deixa uma gestão como essa destruindo décadas de sucesso. A postura da Universidade Potiguar é um desrespeito não somente aos profissionais que dedicaram sua vida a empresa, mas também com todos os alunos que confiaram seu futuro à instituição.

  4. Ivan disse:

    Acho que vai fechar logo logo…Aíh vai ficar Aluno sem professor e professor sem aluno…E os problemas estarão resolvidos…

  5. Pablo disse:

    Pelo comentário, nada mudará! Quem tiver achando ruim, saia. Sempre foi assim.

  6. michelle disse:

    Laureate está indo embora do Brasil. Estão adequando o curso para não vender a UnP tão barato quanto os compradores estão precificando.
    Acaba de sair o 'balancete' quadrimestral(lá é em quadrimestres), ontem 8 de agosto, direto dos USA. Veja um detalhe e o link para o todo: "Marcelo Santos — J.P. Morgan — Analyst
    Hi. Good morning. Thanks for taking my question. Just wanted to explore a little bit more the EBITDA decline that we saw in Brazil, in the first half of the year.
    We're talking here about more or less a 40% decline versus the previous year."
    pois é: 40% de queda em relação ao ano anterior. Ebidta facil saber, basta colocar no google ou no bing. LINK: https://finance.yahoo.com/news/laureate-education-inc-laur-q2-032412203.html . Resultado: compraram 150 milhões de dolares em ações para evitar uma queda ainda maior no preço da ação. Investidores estão exigindo o retorno do capital e tá dificil mesmo com muitas vendas. Por ex: esses 150 mi foram tirados de uma venda da Laureate no Panamá. São já 50 o numero de instituições vendidas ou devolvidas pela Laureate nos ultimos tempos.

  7. Jonas disse:

    Primeiro pronunciamento que vejo da faculdade, não esclareceram absolutamente nada sobre a mudança de currículo, a forma com que demitem os nossos professores é absolutamente desrespeitosa, os laboratórios SÃO DEFASADOS, um curso que recebe nota 5 no MEC tem a necessidade de nudar de uma hora pra outra? Porque reitoria? Não vi nenhum diálogo conosco durante o período letivo, o que vi foi a gente ter prática reduzida en UBS, a gente chegar pra um semestre sem saber de absolutamente nada, a genter 2 mil horas de curso clrtadas, períodos iniciais não terem aula de anatomia, serem barrados em prática, turma de internato tendo mais aula teórica do que prática, esse comunicado não passa de uma tentativa muito esfarrapada de abafar um problema enorme.

  8. Flavio disse:

    Só balela. Ano a ano tem piorado a educação na instituição, só vêem grana. As reclamações são todas engavetadas.

Ex-prefeito na Grande Natal emite nota de esclarecimento sobre prestação de contas na educação

O ex-prefeito de Extremoz, Klauss Rego, informa que no momento em que receber a citação da Justiça, “serão adotadas as providências necessárias à elucidação da suposta ação, onde restará comprovado, com a documentação necessária, a improcedência das acusações”

 

“Não fui, em nenhum momento, acionado a respeito de qualquer esclarecimento dessa matéria, que fez menção à uma suposta solicitação de informações à minha pessoa e isso não procede”.

Leia nota na íntegra aqui no portal Justiça Potiguar.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Francisco Medeiros disse:

    BG, o engraçado é q vc não publica em seu Blog o descaso no Município de Extremoz, a atual Administração tem 84% de rejeição, mas isso vc não fala, Secretário afastado por suspeita de corrupção e vc nunca divulgou, agora notícias do ex- prefeito, vc sequer checa as informações e joga a bomba no seu blog, vc não precisa disso, conquistou respeito e credibilidade, não jogue fora com matérias sem fundamentos.

Henrique Alves envia nota de esclarecimento. “Os incríveis 3 bilhões de reais”

Henrique Alves em contato com o Blog, comunica. “Com a segurança de saber que quer sempre bem informar, envio abaixo o texto do advogado Marcelo Leal, com o qual concordo integralmente, para o qual se espera idêntica divulgação ao já noticiado”:

Eis que o MPF noticia sobre a devolução de 3 bilhões de reais aos cofres públicos por acusados diversos.

No que diz respeito a Henrique Eduardo Alves, as Ações Civis Públicas ajuizadas pelo Ministério Público Federal decorrentes da Operação Cui Bono são absolutamente infundadas.

Ao longo de mais de dois anos de processos criminais já foram ouvidas mais de duas centenas de testemunhas nos diversos processos movidos contra ele e a Acusação, em nenhum dos casos, conseguiu fazer qualquer prova de contrapartida que indicasse a prática de corrupção.

Exatamente por isso ele foi absolvido deste delito nessa Operação Sepsis, nome dado a recursos que teriam sido desviados da Caixa Econômica Federal.

É de se ressaltar que a acusação de lavagem de dinheiro utilizada pelo Ministério Público para fundamentar o pedido de prisão que manteve Henrique preso por mais de 11 meses foi sumariamente arquivada.

A defesa ainda não teve acesso às iniciais, mas nas ações penais que possuem o mesmo objeto, pode-se afirmar categoricamente que o MPF utiliza um mesmo fato para imputar pagamentos a duas empresas diferentes, num verdadeiro jogo de adivinhação, como um arqueiro que atira a flecha a esmo para, no local de sua queda, pintar o alvo ao seu redor.

Todos esses excessos e prejuízos causados serão objeto de futuras ações de responsabilização e indenização.

Brasília/DF, 30.7.2019.

Marcelo Leal
Advogado

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Antônio disse:

    Viva Henrique é honesto

    • alves honestos disse:

      Graças a esse “grande patriota” somos obrigados a embarcar num aeroporto elefante branco, feito no terreno da família, que seria de cargas e virou de passageiros. O que a população espera para pedir a desativação do Aluízio Alves? É porque ele esta solto?

  2. Luciana Morais Gama disse:

    Coitadinho, em 50 anos de vida pública nunca não fez nada…..

ESTACIONAMENTO: Natal Shopping emite nova nota de esclarecimento

NOTA DE ESCLARECIMENTO

O Natal Shopping informa que recebeu na tarde desta terça-feira (14) do Departamento Estadual de Trânsito (Detran/RN) o ofício Nº179/2019 solicitando uma prorrogação de 25 dias para que o órgão possa aplicar a Lei Nº 9.320/2010, que exige a apresentação comprobatória do cartão emitido por ele para usufruir da gratuidade.

O shopping se compromete com seus clientes acima de 60 anos e portadores de necessidades especiais a continuar aceitando o cartão emitido pela STTU mediante a apresentação do documento do carro e de identidade pessoal excepcionalmente até a data de 08 de junho, quando se encerra o prazo solicitado pelo Detran/RN.

O empreendimento reforça ainda que esta é uma forma de seguir garantindo o benefício enquanto o órgão se estrutura e treina seu pessoal para atender a demanda legislativa.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Paulo disse:

    Deveriam pensar em um método melhor, pois se tenho que apresentar o cartão da STTU como forma de comprovar o veículo que estará estacionado ficará sem a devida identificação podendo assim sofrer uma multa somente pelo fato do veículo não estar com o cartão.
    Como sugestão poderiam ser apresentados o RG ou outro documento emitido comprovando a idade e ou necessidade especial.

  2. ZE MANE disse:

    Essa presepada é demais.
    Se for estacionar num banco vai ter que tirar um cartão no Banco Central.?
    Se for num hospital no Ministério da Saúde?
    Se for num colégio no Ministério da educação?
    Se for no aeroporto e rodoviária no Ministério dos Transportes?

    É falta de bom senso, que altere a Lei para ficar um só cartão ou faça qq coisa pra melhorar a vida dos cidadões.

  3. Gustavo disse:

    Eu não vou nesse shooping por causa desse estacionamento.

  4. Walkiria disse:

    " CARTÃO de estacionamento para Idoso, é uma Autorização Especial para o estacionamento de veículos, CONDUZIDOS POR IDOSOS ou QUE OS TRANSPORTEM, nas vias e logradouros públicos, em vagas especiais devidamente sinalizadas para este fim ". " Quem tem direito ao Cartão de Estacionamento para Idoso? As pessoas com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, condutoras ou passageiras de veículos automotores." O Shopping não tem PODER de LEGISLAR para estabelecer regras INCONSTITUCIONAIS. e EXIGIR apresentação do documento do carro é INCONSTITUCIONAL. SUGIRO que IDOSOS ao serem barrados na saída do estacionamento, dirigindo ou como passageiros, INTERROMPAM a saída, e SOLICITEM que A POLÍCIA seja ACIONADA. A polícia se encarregará de esclarecer a quem quer que seja, a transgressão ABUSIVA do estabelecimento. SUGIRO inclusive que se lavre um boletim de ocorrência de CARCERE PRIVADO, caso sejam impedidos de sair. MOVIMENTO " SOMOS IDOSOS QUEREMOS SER RESPEITADOS "

  5. Rodrigo disse:

    O grande problema do nosso País é que por o dinheiro não rende, paga-se miséria ao povo aí ficam criando esses penduricalhos, acho que ninguém de sã consciência quer nada de graça, quer ganhar vencimentos justos para pagar por tudo que usa. O resto é só embromação

  6. Marcelo disse:

    Essas leis que beneficiam uns, ferram outros, pois, o custo recai sobre os que são obrigados a pagar, tem muita gente acima de 60 anos que tem muito mais condições dos quem tem menos idade, isso de idade não justifica gratuidade.

  7. Washington disse:

    Eu já não ia a esse shopping agora é não vou mesmo . prefiro o alecrim !!!!

  8. otavio disse:

    O q acho inviavel é essa estória do cartão constar a placa do veículo.Afinal o direito é meu ou do do veículo.Quer dizer q se alugar 1 carro não vou poder usufruir ou se 1 filho levar o pai ou mãe ao shoping tambem não vai valer porque o carro não está no nome de 1 dos idosos.

  9. Alonso Cavalcante disse:

    Toda essa polêmica e não tem autoridade constituída que faça uma fiscalização nos estacionamentos espalhados por Natal.
    Cobram o que querem, muitos nem tolerância de 15 minutos respeitam, não pagam imposto e exploram o consumidor da forma que acham melhor.
    Cobrar R$ 6,00 a R$10,00 reais por 01 hora ou 02 horas de estacionamento é demais!
    Tem locais sujos, sem conservação, sem segurança que apenas arrecadam e sabe o que mais, muitos devem estar devendo até o IPTU, mas funcionam!
    Mas assim é esse país onde o povo é explorado até o último centavo… Se não fosse assim, esses problemas não aconteceriam pois existiria fiscalização, regulamentação e o consumidor seria respeitado

  10. Luciana Morais Gama disse:

    Parabéns a direção do Natal Shopping. Medida sensata!

  11. Jose Luiz de Castro Cortez disse:

    É UMA ESCULABACAO, O COMPROVANTE DE IDOSO DA STTU E O DETRAN/RN NÃO TEM .

  12. Luiz disse:

    Se Deus quiser, não irei mais neste shopping, enquanto eles cobrarem este absurdo de estacionamento. Besta é quem vai.

  13. Manoel disse:

    Prefiro a muvuca do Midway a esse shopping fraco.

Governo do Estado emite nota de esclarecimento e cita “fake news”

NOTA

O Governo do Estado publicou nota nesta sexta-feira sobre as recentes informações divulgadas pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do RN (Sinte/RN) de que o Governo do RN, após uma reunião na semana passada entre o governador Robinson Faria e representantes do Sindicato, não pagaria o restante do décimo-terceiro de 2017 e 2018. Diante de polêmicas, a assessoria Comunicação esclarece:

– Não houve reunião entre o governador Robinson Faria e representantes do Sinte/RN na semana passada para discutir o assunto do pagamento do décimo-terceiro ou qualquer outra pauta com o Sindicato;

– O Governo do RN se coloca à disposição, não apenas do Sinte/RN, como de outros sindicatos, para tratar qualquer pauta;

– O Governo do Estado, via assessoria de Comunicação, repudia este tipo de expediente com fins exclusivamente eleitoreiros. Trata-se, portanto, de uma fake news plantada para desestabilizar e enfraquecer o Rio Grande do Norte;

– O Governo do Estado pagou no último dia 17/08 o décimo-terceiro de 2017 para quem recebe entre R$ 3 mil e R$ 4 mil, atingindo o número de 84 mil servidores ativos e inativos com décimo pago, equivalente a 75% do total de 111 mil servidores;

– Quanto ao décimo-terceiro salário dos servidores que recebem acima de R$ 4 mil (25% da folha), o Governo informa que segue acompanhando as receitas, para anunciar em breve a finalização do pagamento;

– 81% do décimo-terceiro dos Policiais também já foi pago;

– Já foi pago em julho a antecipação de metade do décimo-terceiro de 2018 dos servidores da Educação e dos órgãos da administração indireta que têm receita própria;

– Sobre os salários do funcionalismo público, o Governo do Estado reitera que a FOLHA ESTÁ EM DIA.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. PEDRO disse:

    salario em dia isso é uma piada, como salario em dia, que so paga todo mês em atraso sempre dia 06 ou até mais, ele poderia dizer salario em dia, se pagasse todo dia 30.

    • M.D.R. disse:

      Está chei da grana, fica mentindo para o POVO mas engana que sempre terá resposta para esse tipo de gestão.

    • Claude disse:

      Governinho mentiroso e ordinário. A folha só está em dia se for paga até o último dia do mês. O pagamento da folha de agosto só conclui no dia 10/09. Estão pensando que estão fazendo campanha para analfabetos?