FOTO: Polícias Civil e Militar prendem integrantes de facção criminosa em uma mansão na praia de Búzios

Foto: Divulgação/Policia Civil/RN

Policiais civis da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), em conjunto com policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e policiais do Centro Integrado de Operações Aéreas (CEIOPAER), conseguiram prender seis homens que participavam de uma festa organizada por uma facção criminosa, na tarde desse domingo (28), em uma mansão na praia de Búzios, na cidade de Nísia Floresta.

Os policiais civis da Deicor receberam informações anônimas sobre a realização da festa e solicitaram apoio do Bope e do CEIOPAER, para realizarem a abordagem na residência indicada. Durante a ação, 26 pessoas que estavam na festa foram conduzidas à DEICOR. Na residência, os policiais apreenderam sete veículos, R$ 5.000,00 (cinco mil reais), dois revólveres, calibres 38, várias munições calibre 9 milímetros e calibre 38, além de relógios, celulares e muitos documentos. No momento da abordagem, três suspeitos tentaram fugir, não atendendo à ordem de parada e um deles foi alvejado na perna e socorrido ao hospital.

Foram autuados em flagrante delito pelos crimes de receptação, associação criminosa, posse ilegal de arma de fogo e posse de munição de uso restrito: Maxson Rodrigues de Oliveira, vulgo “Tatuado”, 37 anos; Jaime Lopes Amaro, vulgo “Teteu”, 23 anos; Jesiel Vital Ivo, vulgo “Jesiel”, 31 anos; Rafael Lima Sales, vulgo “Rafael”, 19 anos; Marcos Renê Bezerra da Silva, vulgo “Renê”, 28 anos; Alan Moura da Silva, vulgo “Alan”, 23 anos. Entre os seis homens presos, dois deles eram foragidos da Justiça: Maxson Rodrigues e Jesiel Vital Ivo.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. #Lula Na Cadeia até apodrecer disse:

    Calma ..NÃO se animem , até o final de tarde eles saem em audiência de custódia, Brasil só valoriza BANDIDO , veja o exemplo do ladrao Lula

Operação das polícias Civil e Militar em Macaíba prende chefe de facção criminosa e mais dois

Foto: Polícia Civil do RN/Divulgação

Operação Campina’ realizada em conjunto pelas polícias Civil e Militar, prendeu na manhã desta quinta-feira(20) três homens no município de Macaíba, na Grande Natal. De acordo com os policiais, um dos detidos é um dos chefes de uma facção criminosa que age dentro e fora dos presídios potiguares.

Segundo a Policia, o detido, de 24 anos, era quem comandava o Sindicato do Crime do RN no município, em especial na região da Campina. Sua prisão foi decorrente de um mandado de prisão por assalto. O acusa também responde a outros crimes na cidade, como tráfico de drogas e homicídio.

A Operação Campina, nome de batismo direcionado a região da ação policial, ainda apreendeu com os presos um revólver, uma espingarda, munições, drogas, dinheiro fracionado e uma bomba artesanal.

Governo dobra valor das diárias operacionais das Polícias Civil e Militar, Itep e Sejuc

Foto: Demis Roussos

O Governo do Estado enviou à Assembleia Legislativa Projeto de Lei Complementar que aumenta o valor das diárias operacionais dos órgãos integrantes do sistema estadual de segurança pública – Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Itep (Instituto Técnico e Científico de Perícia) e Sejuc (Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania).

Desde o ano de 2009 não havia reajuste no valor das diárias de R$ 50,00 por seis horas de trabalho. A proposta enviada para aprovação pela Assembleia Legislativa eleva o valor para 107,40 referentes oito horas de trabalho.

“Estamos fazendo todos os esforços para assegurar melhores condições de trabalho aos servidores da segurança pública. Atendemos a um pleito antigo e estamos aumentando o valor das diárias após oito anos sem reajuste. Isso significa a valorização dos servidores dos órgãos de segurança que também já foram beneficiados com promoções, cursos de aperfeiçoamentos, novos armamentos, equipamentos e veículos”, registra o governador Robinson Faria.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. BOLSSONARO 2018 disse:

    ISSO é MAIOR golpe que polícias tomam, vão trabalharmos de folga fiado, colocando combustível, é o governo paga quando quer, e quando não quer aí fica no Calote mesmo como na copa do mundo

  2. Robson disse:

    Materia nao esta condizendo com a verdade. Ou pelo menos a chamada. Era 50 reais por 6 horas e agora sao 107 por 8. Os 50 seriam na verdade aproximadamente 66.6 reais por 8 horas. Entao "dobrar" a diaria deveria ser aproximadamente 133.2 e nao esses 107. O aumento foi de uns 60 e poucos %

  3. Jorge disse:

    MENTIRA: É só fazer o calculo. A diária hoje paga é de 50 reais por seis horas de trabalho. Hoje passará para 107,40 por 8 horas de trabalho.
    Aumento de 61%.
    Não dá nem a defasagem da inflação!

  4. X disse:

    ´Porque nao paga o salário em dias, Eu me lasco no ovo, no cucuz, Todavia nao tiro uma DIÁRIA nao dou moral para satanás.

  5. Roberto disse:

    Pensa quê engana o povo do RN? você não ganha nem prá presidente de conselho comunitario corrupto.

  6. Marcos disse:

    Aumenta a diária esquece de pagar os salários, só agora vem aumentar as diárias porque não fez antes, outra aumentar e não paga assim é fácil enganar o povo, ainda foi pedir apoio político pra Rosalba, a corda povo do RN Brasil

  7. Alcio disse:

    As diárias vão ser iguais aos níveis, ou seja, aumenta e não paga. Devido a isso ninguém mais quer se voluntariar!

  8. Alexandre Pereira da Silva disse:

    Diarias pode ser 500 reais mas não pagando vale tira diárias que não paga.

  9. Wilson disse:

    Piada, enquanto a Prefeitura paga R$ 150,00 no ROPE e no RONDAS o Governo vai aumentar depois de não sei quantos anos para R$ 100,00 as diárias, isso não existe Sr. Governador!

  10. Sergiomacaiba disse:

    Bg segundo informação o Estado vai paga só 4mil para os ativos o resto não tem previsão ficando de fora aposentado e pensionista

  11. SERIVOR disse:

    E QUANDO VAI PAGAR OS DEMAIS FUNCIONÁRIOS QUE AINDA NÃO RECEBERAM OS EUS SALARIS REFERENTES AO MÊS DE AGOSTO? ISSO E UMA VERGONHA

Sesed reúne Polícias Civil e Militar para discutir as Áreas Integradas de Segurança Pública

Sesed discute AISPs zona Oeste e Sul de Natal (5)Com o objetivo de fortalecer a integração entre a Polícia Militar e a Polícia Civil do Rio Grande do Norte e discutir o plano de atuação das Áreas Integradas de Segurança Pública (AISPs), a Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) reuniu-se na manhã desta terça-feira (23) com os coordenadores das AISPs localizadas nas zonas Oeste e Sul de Natal. A reunião contou com a presença de representantes da Polícia Militar, Polícia Civil e das Coordenadorias de Informações Estatísticas e Análises Criminais (Coine) e de Programas para a Cidadania (CPCID).

Atualmente, as Áreas de Segurança estão distribuídas entre Natal e Parnamirim, sendo 15 na capital e duas no município vizinho. As AISPs definem as áreas geográficas onde as Polícias Militar e Civil devem atuar de forma conjunta. O objetivo das operações é permitir a convergência dos trabalhos das duas polícias na prevenção e investigação dos casos de violência e oferecer à administração um diagnóstico específico de cada área para as intervenções necessárias à melhoria da qualidade de vida.

O secretário adjunto da Sesed, Caio Bezerra, participou da reunião e apresentou o modelo de relatório integrado de produção que deve ser assinado pelo delegado do distrito e pelo comandante da companhia correspondente a Área Integrada. Neste relatório, os policiais detalharão as ocorrências, diariamente, como identificar o tipo de abordagem, prisão/apreensão, buscas, elucidações de crimes contra a vida, ocorrências do disque-denúncias atendidas (181), apreensão de material, execução cartorária (boletim de ocorrência, termo circunstanciado de ocorrência, auto de prisão flagrante delito e auto de apreensão de menor), além de reuniões comunitárias.

“Essas reuniões são organizadas mensalmente pela Coordenadoria de Programas para a Cidadania e é obrigatória a presença dos delagados de distritos e comandantes de companhia, pois desta forma conseguiremos manter um elo forte com a população e fortalecer ainda mais as Áreas Integradas”, afirma o secretário Caio Bezerra.

O secretário explica que com o relatório será possível identificar as principais infrações penais verificadas na AISP, bem como os locais críticos (locais de venda de drogas, áreas públicas degradadas, bares sem licença de funcionamento, ruas nas quais se concentram os delitos), as pessoas (os atores sociais envolvidos, criminosos reincidentes, vítimas de mais de um ato criminoso) e o tempo (eventos, períodos sazonais, dias da semana e horários de maior concentração criminosa).

“Com isso, buscaremos soluções, de forma integrada, para os problemas que já foram diagnosticados e podemos intensificar o nosso trabalho de planejamento proativo e reativo. Queremos mapear o problema criminal da Região Metropolitana de Natal, e posteriormente, do Rio Grande do Norte”, destaca o secretário adjunto Caio Bezerra.

De acordo com o coordenador de Programas para a Cidadania (CPCID), Capitão Rodrigo Couceiro, cada área é formada por um distrito policial e uma companhia militar. Segundo ele, a ideia é estabelecer o diálogo entre essas duas forças para a realização de ações integradas.

“Na prática a gente quer o oficial da companhia converse mais sobre a criminalidade local nas suas respectivas áreas. Que os investigadores interajam mais com os policiais militares que estão na rua, não apenas naquelas reuniões formais que costuma acontecer, mas que no dia-a-dia possam compartilhar informações”, afirma o capitão Rodrigo Couceiro.

Polícias Civil e Militar investigam imagens de nudez e sexo

Untitled-4As polícias do Paraná investigam pelo menos três casos que envolvem imagens de nudez e sexo com pessoas vestindo uniformes das corporações.

No caso mais recente, a imagem de uma mulher seminua vestindo um colete da Polícia Militar está sendo vinculada a uma foto do rosto de uma policial militar.

As imagens começaram a circular inicialmente em grupos fechados do WhatsApp que reúne policiais e se espalhou pela internet. A foto da mulher seminua era enviada aos destinatários e, na sequência, também era compartilhada a foto com o rosto da policial, como se fossem a mesma pessoa. O Comando da PM quer identificar o autor da associação.

Além da investigação interna da PM, o caso também está sendo investigado pelo Núcleo de Combate aos Ciber Crimes (Nuciber), onde a policial registrou um boletim de ocorrência por crime contra a honra. Ela nega ser a pessoa fotografa sem roupa.

A militar também utilizou seu perfil no Facebook para comentar o caso. No texto, ela alerta que o caso não ficará esquecido e adverte o autor da postagem da foto que “você mexeu com polícia e não com criança”.

A assessoria de comunicação da PM informou que a corporação está estudando as medidas legais para identificar o autor da postagem. Em nota encaminhada à reportagem, a PM afirma que “ao funcionário público ofendido em situações de divulgação de imagens cabe buscar os seus direitos conforme legislação vigente e representar contra seu ofensor em uma delegacia, conforme o caso da policial militar citada nas mídias sociais”.

Em relação a foto da mulher seminua, a PM diz que “se ficar comprovado que seja uma policial, ou um policial que emprestou as vestimentas para a foto, fica este passível de responsabilização severa já que fere ética e moralmente a legislação castrense”.

Policia Civil

Em outro caso, a imagem de uma mulher ajoelhada sobre uma cama e vestindo uma camiseta preta semelhante às utilizadas por policiais civis do Paraná também circula por grupos do WhatsApp.

Na foto, a mulher porta uma arma, presa em uma calcinha branca. A arma se assemelha a uma pistola, também utilizada pela Policia Civil.

De acordo com a assessoria de imprensa da instituição, a foto não contém elementos que possa levar a identificação da mulher, que está de costas. A coordenação da Polícia Civil admite haver semelhanças entre a camiseta e a arma -marca Taurus calibre .40- utilizadas na instituição, mas ressalva que a pistola pode ser um simulacro e o vestuário pode ter sido confeccionado sem o conhecimento da polícia.

Sem a identificação da mulher, a Polícia Civil coleta dados para saber a origem da foto, sem instauração de procedimento oficial. A assessoria de imprensa do órgão afirma que se for comprovada a condição de policial da mulher, ela poderá responder a procedimento interno e ser suspensa da função por um período de até 60 dias, por infração às normas da polícia.

Se a mulher não pertencer à instituição e se for comprovada que a arma é verdadeira, ela poderá ser indiciada por posse ilegal de arma. Quanto ao uso da camiseta, a Polícia Civil informou que não existe padronização das camisetas e apesar das semelhanças, cada delegacia pode confeccionar o vestuário para os policiais.

Terra, via Redação catve.com / Tribuna Popular

FOTOS: Operação “Brasil Integrado”: Polícias Civil e Militar cumprem 12 mandados de busca e apeensão nas cidades de Acari e Cruzeta‏

Dando continuidade às ações da Operação “Brasil Integrado” as equipes de Polícia Civil das Delegacias Municipais de Caicó, Serra Negra, Jucurutu, Santana do Matos, Acari e Cruzeta, sob o comando do delegado Helder Carvalhal, da 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Caicó, cumpriram na manhã desta sexta-feira (12) 12 mandados de busca e apreensão, 07 na cidade de Acari e 05 em Cruzeta.

A Operação, que contou com o apoio da Polícia Militar através dos Grupos Táticos Operacionais (GTO) de Currais Novos, Caicó, Parelhas e Jardim do Seridó, resultou na apreensão de dois adolescentes e na prisão em flagrante de um homem identificado como Ivanildo Pereira de Meneses, 43 anos. Ivanildo foi autuado por tráfico de drogas e posse ilegal de munição.

2014.09 222222 3333Além disso, foram apreendidos crack, cocaína, munições de calibre 38 e 32, mais de R$3 mil em espécie, cadernos de anotação, celulares, balanças de precisão, punhais, canivete, relógio, bastão e uma placa veicular de Currais Novos (NNZ 3851).

Operação “Brasil Integrado”

Deflagrada entre os dias 02 e 04 de setembro, a Operação “Brasil Integrado” é uma iniciativa do Ministério da Justiça para o enfrentamento, de maneira articulada, aos mais diversos tipos de crime, em todos os nove Estados do Nordeste.

Durante 72 horas, equipes das instituições Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, ITEP, Centro de Inteligência da SESED, além da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Agência Brasileira de Inteligência (ABIN) e do Exército Brasileiro realizaram barreiras policiais, cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão, fiscalização de produtos controlados e contra crimes ambientais, abordagens à pessoas, à veículos e à estabelecimentos, além de blitzen da Lei Seca.

A Operação, que teve continuidade nesta sexta-feira (12), resultou em dezenas de prisões, apreensões de armas de fogo, munição, drogas e veículos roubados, e recaptura de fugitivos do sistema prisional.

FOTO: Polícias Civil e Militar prendem assaltante em Angicos

IMG-20140909-WA0000Nas primeiras horas da manhã desta terça-feira (09) foi deflagrada em Angicos uma operação conjunta entre a Polícia Civil e a 2ª Cia do 10º Batalhão de Polícia Militar, para cumprir um mandado de prisão, expedido pela comarca de Angicos, em desfavor de Givaldo Araújo, conhecido como “Galego de Assú”.

Givaldo é acusado de tráfico de drogas e de ter cometido dois assaltos, além disso, ele também estava respondendo em liberdade por um homicídio ocorrido na cidade de Assú.

Na residência de “Galego do Assú”, onde ele foi preso, foram encontradas munições de armas calibre 38 e 32 e uma certa quantidade de maconha. Givaldo foi autuado em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e posse de munição de arma de fogo.

Polícias Civil e Militar prendem três assaltantes que agiam na região agreste do RN

Uma ação policial conjunta da 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil (1ªDRP) e policiais militares lotados na cidade de São Pedro, ocorrida na madrugada de hoje (28/03), nas cidades de Serra Caiada e São Paulo do Potengi tiraram de circulação três assaltantes que estavam agindo em toda região agreste.

Foram detidos Luiz Antônio Freitas dos Santos, vulgo “Magão”, de 23 anos; Paulo Cesar dos Santos Brito, vulgo “Clecinho”, de 21 anos, além de um adolescente de 17 anos. Eles são acusados de praticar assaltos nas cidades de São Pedro/RN e São Paulo do Potengi/RN.

Magão teria realizado um assalto na companhia de outro elemento que ainda se encontra foragido, e feito refém um casal de idosos no Sítio Sombra, zona rural de São Pedro, momento em que subtraíram a quantia de R$ 700, aparelhos celulares e alguns eletrodomésticos. Após rápida ação da polícia, o acusado foi preso e autuado em flagrante delito. O assaltante que está foragido já foi identificado e poderá ser preso a qualquer momento.

Já a dupla composta por Clecinho e o adolescente apreendido, foi presa logo após tomarem de assalto uma motocicleta tipo Honda Bros, no centro do município de São Paulo do Potengi. Depois de intensa perseguição, a dupla foi presa nas imediações da cidade de Serra Caiada, visto que estavam indo em direção ao estado da Paraíba, local onde a motocicleta roubada seria vendida.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. serapião disse:

    A polícia trabalha e governo permanece inerte…Vejamos os casos do ITEP, policiai Civil e Polícia MIlitar…Pra se ter uma ideia, na PM tem soldado que que há de 20 anos não sai de soldado…Isso é desmotivador, corroi a auto estima do praça?

  2. Carvalho disse:

    Governadora, prestigie a polícia.
    Receba esses heróis em seu gabinete, condecore-os, fortaleça a classe, melhore as condições de trabalho, enfim, faça alguma coisa!