Finanças

XP entra no mercado de cartões de crédito e promete juros 50% mais baixos do que o mercado

Foto: Divulgação

Com promessa de juros pelo menos 50% abaixo do que cobram os grandes bancos, a XP está entrando no mercado de cartões de crédito, como adiantou o colunista Lauro Jardim, do GLOBO.

A empresa lançou nesta quarta-feira o cartão de crédito XP Visa Infinite, que também não terá cobrança de anuidade. Nas compras online feitas em parceiros da XP, o cliente terá a devolução de 1% do valor da compra dada pelo próprio cartão, e mais 2% a 10% das lojas que integram o market place da companhia para ser investido em fundos de investimento oferecidos pela XP.

— Não queremos ganhar no rotativo do cartão. Taxas de 12%, 13% ou 14% ao mês cobradas pelos bancos não são sustentáveis. Queremos que, se o cliente tiver que tomar dinheiro emprestado, pague taxa próxima a 2%, que eu ainda acho alta – disse Guilherme Benchimol, presidente da XP.

O cartão da XP terá média de juros no rotativo de 5,9% ao mês e, no parcelado, de 3,9%. Não há acúmulo de pontos para milhagem como nos demais cartões de crédito oferecidos no mercado.

A ideia da XP é quebrar esse paradigma, disse Bruno Guarnieri, chefe de produtos digitais da empresa. O cartão também não tem número fixo por questões de segurança. O número é rotativo e muda quando o cliente utiliza o cartão pelo aplicativo.

— Todo o processo para obtenção do cartão é feito digitalmente e o cliente já pode utilizá-lo imediatamente após concluir o processo – disse Guarnieri.

Conta digital virá em breve

O cartão estará disponível para clientes da XP que tenham pelo menos R$ 50 mil investidos, mas a ideia é que ele chegue a todos os 3 milhões de clientes da empresa. Podem ser emitidos pelo menos seis cartões adicionais.

Segundo Benchimol, os clientes da XP também possuem conta corrente e cartão de crédito, além de pagar despesas, em grandes bancos.

Com a oferta do cartão de crédito nesta semana, e de conta digital em breve, a ideia é que ele passe a concentrar seus investimentos, pagamento de compras e despesas na XP.

— Isso poderia elevar os ativos da XP de R$ 700 bilhões atualmente para R$ 1,4 trilhão, sem a entrada de nenhum novo cliente – disse Benchimol.

O limite oferecido pelo cartão será oferecido de acordo com os investimentos e comportamento de compras do cliente. O dinheiro que o cliente recebe de volta nas compras será investido num fundo de renda fixa, que oferece 100% do CDI.

Mas o cliente pode sacar o dinheiro desse fundo e aplicar em outro produto de sua preferência. O dinheiro recebido de volta nas compras feitas nos 25 parceiros da XP também pode ser gasto. O objetivo é que até o final do primeiro semestre, o número de parceiros chegue a 50.

Benchimol observou que o sistema de milhagem, com acúmulo de pontos, acaba sendo ineficiente porque quando o cliente quer trocar seus pontos acaba sendo prejudicado pelo câmbio.

O resultado é que acaba trocando sua milhagem por ‘liquidificadores e batedeiras’ que não usa.

— Devolver parte do dinheiro das compras ao cliente permite que ele invista e gaste da forma que quiser – disse ele.

O Globo

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trânsito

Cartões do transporte público em Natal tem validade prorrogada até 19 de agosto

Foto: Josenilson Rodrigues/Busão de Natal

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU), publicou nesta terça-feira(21) a Portaria nº 057/2020 – STTU/GS prorrogando por mais 30 dias a validade dos cartões do sistema de transporte público.

Com a medida, os cartões de gratuidade do sistema de transporte e os cartões estudantis tiveram a validade prorrogada até 19 de agosto. Também foram prorrogadas a validade da carteira de operador de transporte e do alvará de tráfego dos veículos de transporte, também até 19 de agosto.

Em caso de dúvidas os usuários podem ligar para o Alô STTU – no telefone 156 – ou perguntar pelo Twitter oficial, o @156Natal.

Opinião dos leitores

  1. Diogo, os idosos também tem necessidades de irem ao médico, farmácia, hospitais etc , tu vais fazer essas necessidades para eles ou tu só pensa em ti!

  2. Com todo respeito aos idosos, mas os cartões de passagem deles deveriam ser suspenso durante a pandemia. Já que eles encontram-se no grupo de risco.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Cartões do transporte público têm validades prorrogadas por mais 1 mês em Natal

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), prorrogou por mais um mês a validade dos cartões utilizados no transporte público. A medida foi publicada no Diário Oficial do Município (DOM) desta quinta-feira (18).

De acordo com a Portaria nº 046/2020 – STTU/GS, os cartões de gratuidade do transporte e os cartões estudantis tiveram a validade prorrogada até 20 de julho de 2020. Não é necessário o usuário se deslocar a nenhum ponto de atendimento para efetivar a prorrogação, que é feita pelo sistema de bilhetagem eletrônica. Cabe ressaltar que, no caso dos cartões estudantis, o usuário deve estar com o cadastro regular no Portal do Estudante para utilizar o benefício.

Também foram prorrogados pelo órgão a validade da carteira de operador de transporte por ônibus, opcional, táxis, escolar e motofrete até 20 de julho de 2020. Os alvarás de tráfego dos veículos que compõe a frota desses serviços também foram prorrogados até 20 de julho de 2020.

Em caso de dúvidas os usuários podem ligar para o Alô STTU – no telefone 156 – ou perguntar pelo Twitter oficial, o @156Natal.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Cartões de gratuidade e estudantis do transporte público têm validades prorrogadas novamente em Natal

Foto: Divulgação

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), prorrogou novamente a validade dos cartões de gratuidade do transporte e dos cartões estudantis. Os cartões para os HIV positivo, pacientes que realizam quimioterapia, radioterapia e hemodiálise serão válidos até 18 de maio. Para os idosos, os cartões valerão até 30 de junho. Nos demais casos de gratuidade, o documento também foi prorrogado até 18 de maio.

No caso dos cartões estudantis, a STTU deu o prazo até 30 de abril para as instituições de ensino atualizarem a base de dados do Portal do Estudante com os dados atualizados dos alunos matriculados. Após essa data, apenas os estudantes com cadastro atualizado continuarão a utilizar a meia tarifa estudantil, sem necessidade de emissão de um novo cartão, ficando os atuais válidos até 18 de maio.

Opinião dos leitores

  1. Nesse período de quarentena era para cancelar a gratuidade para idosos, eles não podem sair de casa pois são grupos de risco e sábado passado estava uma aglomeração de idosos na praça Gentil ferreira no foco de prostituição, tem decreto para fechar os comércios, as igrejas etc mais permite esse tipo de aglomeração.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Mais reincidências com cartões de ônibus de estudantes são encaminhadas à Justiça em Natal

_20131113Dando continuidade ao trabalho de fiscalização do Projeto Ônibus Legal, a Semob e o Seturn repassam mais três casos de uso irregular do cartão de ônibus estudante, à Delegacia Especializada em Atendimento ao Adolescente Infrator (DAE), no bairro Cidade da Esperança, bem como ao Conselho Tutelar da Zona Sul e da Zona Leste.

Entre esses casos mais recentes, estão envolvidos os cartões de ônibus de duas crianças, uma de 10 anos de idade, o outro de 11 anos, ambos são alunos da 5ª série, do ensino fundamental. Esses documentos estavam sendo usados por familiares dos estudantes, por uma tia e por uma prima. O terceiro é de uma adolescente de 17 anos, que a mãe também estava embarcando nos ônibus urbanos de Natal, utilizando-se do direito à meia passagem da filha.

Apesar do cartão de passagens estudantil conter o aviso de que o documento é pessoal e intransferível e de que dentro dos ônibus estão afixados adesivos, informando aos usuários que é proibido utilizar documento de terceiros ou ceder, está aumentando o número de cartões de ônibus estudantil apreendidos em mãos de outras pessoas. Já são mais  4,5 mil cartões, somente em oito meses de fiscalização.

Além dessa comunicação preventiva, quando o cartão de ônibus é aprendido pela primeira vez, os responsáveis ou titulares do documento, comparecem a Central de Atendimento do NatalCard (Ribeira), para resgatar o cartão de ônibus, mediante a assinatura de um termo de compromisso. Nesse termo o usuário ou responsável, é informado sobre o crime cometido (Art. 308 Falsa Identidade, Código Penal)  e de que em caso de reincidência terá o direito ao benefício à meia passagem suspenso e sofrerá processo judicial.

Sobre esse quadro alarmante em relação ao uso irregular do cartão de ônibus estudante, o secretário adjunto da Semob, Clodoaldo Cabral, ressalta: “é importante frisar que esses cartões são dados gratuitamente, pois a meia passagem foi fruto de muita luta pela classe estudantil. No entanto o que nós estamos observando ultimamente é que isso não é valorizado, pelo contrário, se instarou uma cultura da impunidade, mas é inaceitável que esse documento esteja sendo repassado, e o pior, é que em algumas situações esses cartões estão sendo alugados. Então para todas essas reincidências serão abertos processos criminais”, alerta o secretário adjunto.

O Ônibus Legal é um projeto desenvolvido pela Semob em parceria com o Seturn. Tem o objetivo de combater às fraudes no transporte coletivo urbano de Natal através de ações educativas e de fiscalização contínuas realizadas por agentes dentro dos ônibus. Conta com fiscais atuando nos turnos da manhã, tarde e noite.

Opinião dos leitores

  1. Alguém já cogitou que fraudes poderão ocorrer com essa demagogia de "passe livre"? Se pagando meia passagem ainda tem disso, imagino quando for totalmente gratuito.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

PROCON RN repudia prática de preços diferenciados para vendas à vista e no cartão

WP_002262

Em reunião dos PROCONs do Brasil, realizada em Belém (PA), o PROCON do Rio Grande do Norte repudia a recomendação do Ministério Público do Distrito Federal que permite a prática de preços diferenciados para vendas à vista e no cartão.

O coordenador do Órgão de Proteção e Defesa do Consumidor do estado, Araken Farias, afirma que a prática é abusiva. “A prática é considerada abusiva e contraria a lei que define os crimes contra a ordem econômica, ordem tributária e as relações de consumo”, destaca Araken.

Os PROCONs de todo o Brasil votaram, à unanimidade, contrários à recomendação do MP/DF. Diversos assuntos estão sendo tratados durante esse encontro. Entre eles estão telefonia e marketing multinível.

Araken Farias vai solicitar, nesta tarde, que a Associação dos PROCONs do Brasil, através da sua presidente Gisela Simona, encaminhe ao presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves, um requerimento de reconhecimento da Associação dos PROCONs como entidade de utilidade pública nacional, fortalecendo a instituição e, sobretudo os PROCONs de todo o Brasil.

Investimentos

O coordenador do Órgão de Proteção e Defesa do Consumidor do estado, Araken Farias, enfatiza que o PROCON do Rio Grande do Norte, vai encaminhar projeto ao Ministério da Justiça solicitando recursos da ordem de R$ 600.000,00, para modernização e aparelhamento do PROCON -RN. O pleito é apoiado pelo Secretário de Justiça e Cidadania, Júlio Queiroz, e a Governadora Rosalba Ciarlini.

Opinião dos leitores

  1. Acho um absurdo esse entendimento do PROCON.
    O PROCON deveria defender os cosumidores e não as operadoras de cartão de crédito.
    Todo mundo sabe que os comerciantes pagam uma taxa geralmente de 5% para as operadoras de cartão de crédito e lógico que o comerciante repassa esse custo para a mercadoria, o que o mercado estava fazendo era na compra a vista em dinheiro tirar do preço da mercadoria os 5% que eram destinados as operadoras de cartão de crédito.
    INFELIZMENTE o PROCON comprou a briga do lado errado, ficou do lado do lobby das operadoras de cartão que não gostaram nada de ver o comercio repassando em forma de desconto o valor que é destinados para elas.
    O resultado prático dessa equivocada posição do PROCON é que não existirá desconto para o consumidor que pagar em dinheiro, todo mundo agora vai pagar uma mercadoria com 5% a mais de custo, que é o valor médio que os comerciantes pagam as operadoras de cartão em uma venda.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Polícia do Piauí prende casal que liderava quadrilha de clonagem de cartão em Natal

Policiais civis da Comissão Investigadora do Crime Organizado do Piauí prenderam nessa quarta-feira (18) em Natal, o casal Oséas dos Santos Carvalho, o “Paulista”, e Ana Carolina Pereira, acusados de serem os líderes de uma quadrilha especializada em clonagem de cartões de crédito. Outros cinco suspeitos foram presos em Teresina-PI.

De acordo com o delegado responsável pelas investigações, parte da quadrilha trabalhava como frentista em postos de combustíveis para coletar as informações dos cartões de crédito, depois clonados. Eles memorizavam até os códigos de segurança que ficam gravados na parte de traz dos cartões, para depois realizarem compras pela internet.

O casal será recambiado para Teresina/PI, onde deverá permanecer preso à disposição da Justiça.

Fonte: Nominuto

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Irmãos são presos dentro de L200 após golpes com cartões de crédito clonados na Zona Sul

Está no Portal BO, reportagem e fotos de Thyago Macedo:

Uma ocorrência policial movimentou a zona Sul de Natal, na noite desta quinta-feira (14). Dois jovens acusados de golpes com cartões de créditos foram surpreendidos por policiais militares do 5º Batalhão, tentaram fugir, mas acabaram sendo presos em um posto de combustíveis nas margens da BR101.

De acordo com o tenente Guerra, oficial do 5º BPM, os dois irmãos estavam em uma caminhonete L200 e aplicaram o primeiro golpe em um posto na avenida Ayrton Senna. Luan Valentim da Silva, de 23 anos, e Lander Charle Valetim da Silva, de 26 anos, compraram vários galões de gasolina e colocaram em cima da caminhonete.

Após o pagamento, os funcionários do posto de combustíveis desconfiaram dos cartões e acionaram o Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp). Os policias militares foram até o local, mas a dupla havia ido embora. “Depois disso, recebemos a informação de que eles poderiam estar no posto Neópolis e fomos até lá. Diante da placa do veículo, chegamos ao estabelecimento e confirmamos que eram os suspeitos”, revela.

Ainda de acordo com o oficial, a dupla tentou fugir, arrancando com o veículo em direção aos policiais e, inclusive com o frentista ainda em cima da caminhonete, tendo em vista que ele estava enchendo galões com combustíveis. Os policiais tiveram que efetuar disparos de contenção e isso fez com que a dupla parasse o carro.

Os dois irmãos foram presos e levados para a Delegacia de Plantão da Zona Sul, em Candelária. Lander Charle, o irmão mais velho, confirmou que tinha conseguido os cartões clonados com um homem que ele não quis revelar a identidade. Em troca, ele pagaria com o combustível comprado nos postos.

O jovem disse ao Portal BO que já esteve preso por esse mesmo crime. Com a dupla, além dos cartões de créditos os policiais apreenderam dois pen-drivers que continham bastantes informações de outros cartões, que possivelmente ainda seriam clonados.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

PM fecha fábrica de clonagem de cartões e prende estelionatários em Lagoa Nova

Os policiais militares do Batalhão de Choque prenderam um grupo de estelionatários nas primeiras horas da manhã de hoje (17), e fecharam uma mini fábrica de clonagem de cartão de crédito, em Lagoa Nova, Zona Sul de Natal.

Os militares suspeitaram dos três acusados transitando em uma caminhoneta Frontier, próximo a construção do Arena das Dunas e decidiram abordá-lo. No momento da revista, encontraram vários cartões de crédito em nome de terceiros e a quantia de 14 mil reais em cédulas.

A mini fábrica funcionava próximo ao local da prisão dos acusados, e lá os militares apreenderam cerca de 500 cartões de diversas operadoras, prontos para serem clonados; três máquinas para impressão dos dados do titular do cartão; dois equipamentos de cópia de dados, conhecidos como “chupa-cabras”, além de vários documentos de identidades e dez munições de revólver calibre 38.

Além da Frontier apreendida com o trio, os militares também encontraram um Fiat Punto e uma moto Honda 1000cc Fire Blade, estacionados na residência onde funcionava a mini fábrica. Todo o material apreendido e o acusado foram levados para a Delegacia Especializada em Falsificações e Defraudações (DEFD).

 Fonte: Nominuto

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *