Gestores destacam importância do Centro de Convenções para geração de renda e promoção do Estado

A abertura oficial da 24ª Feira Internacional de Artesanato – FIART – aconteceu na noite desta segunda-feira (28), no Centro de Convenções de Natal, com a participação da governadora Fátima Bezerra, senadora Zenaide Maia, prefeito de Natal, Álvaro Dias, prefeito de Macau, Túlio Lemos, secretários e gestores estaduais e municipais, vereadores, dirigentes do Sebrae, representantes de entidades ligadas ao artesanato, ao turismo e artesãos. A solenidade foi aberta com a apresentação da banda de música da Polícia Militar.

O organizador da feira, Neiwaldo Guedes, destacou a importância do apoio do Governo do Estado para a realização do evento no novo pavilhão do Centro de Convenções. “Nesse espaço conseguimos dar melhores condições e mostrar as potencialidades do trabalho dos artesãos. Agradeço o empenho da governadora e de seus auxiliares para a realização do evento aqui. Nós tivemos o envolvimento de várias secretarias, que foram fundamentais para isso”, afirmou.

A Fiart faz parte do calendário oficial de eventos do Estado, impulsiona as vendas e promove o trabalho dos artesãos para um público diversificado, já que acontece na alta estação quando a cidade recebe turistas brasileiros e estrangeiros. Nesse sentido, o diretor superintendente do Sebrae, Zeca Melo, ressaltou que a feira se configura como o momento mais importante para o artesão, tendo em vista que é o momento no qual ele se apresenta ao mercado, prospecta clientes, vende e promove seu trabalho.

Em um dos maiores estandes da feira, a Prefeitura do Natal reúne seis empreendimentos de Economia Solidária, selecionados por meio de chamada pública, e 30 artesãos individuais. Em seu discurso, o prefeito da Capital Potiguar, Álvaro Dias, destacou a capacidade do novo espaço do Centro de Convenções de Natal para gerar emprego e renda por meio da realização de eventos.

Na 24ª Fiart, dos mais de 1.000 expositores que estão participando dessa edição, 250 são artesãos potiguares que foram selecionados pelo Executivo Estadual. A governadora Fátima Bezerra, reafirmou seu compromisso pela valorização do artesão e pela promoção do artesanato potiguar, tendo em vista que a feira acontece quando a cidade recebe muitos turistas estrangeiros e por isso é uma excelente oportunidade para dar visibilidade ao trabalho dos artesãos. A governadora falou ainda da importância do evento para o fomento da atividade.

“Sei da importância da FIART na promoção dos artistas e artesãos do nosso Estado, movimentado a economia e levando nosso nome para o mundo. Por isso, fizemos um esforço junto à empresa responsável pela obra e ao Corpo de Bombeiros, afim de conseguir uma licença provisória, para garantir a realização do evento aqui, disse a governadora.

Programação Cultural da Fiart

Terça-feira – 29 de janeiro

17h30 – Cortejo – Trio de Forró Santa Maria

18h – Concerto: Banda de Música da Aeronáutica

19h – Apresentações dos grupos: Lenda da Puxada da Rede/APAE; Caboclinhos; Legado Negro e O Barão e a Baronesa

20h30 – Show: Raul Seixas Cover

Quarta-feira – 30 de janeiro – Começa o 17º Festival de Danças Folclóricas e Parafolclóricas

Homenageando a desenhista, pintora, atriz, escritora, diretora e coreógrafa, Séphora Bezerra, a 17ª edição do Festival de Danças Folclóricas e Parafolclóricas – acontecerá a partir desta quarta-feira (30) e prossegue até o dia 2 de fevereiro, reunindo grupos do Rio Grande do Norte, Pernambuco, Ceará e Paraíba em apresentações de expressões culturais tradicionais da região Nordeste como o Coco de Roda (RN); Caboclinho ( PE)/(RN); Papangus (PE); Maracatu (PE); Xaxado (RN/PB); Araruna (RN); Pastoril de Dona Joaquina (RN); e a Capoeira (RN).

A Fiart, organizada pela Espacial Eventos, é realizada com o apoio do Governo, Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do RN – Sebrae – e Prefeitura do Natal.

SERVIÇO:

24ª Feira Internacional de Artesanato – FIART

Quando: 25 de janeiro a 3 de fevereiro de 2019

Local: Centro de Convenções de Natal

Hora: a partir das 16h

Entrada: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e idosos)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. HSA disse:

    Cara de pau, inaugurar obra do governo anterior ela quer. Pagar os atrasados aos funcionários não quer.

  2. José Dantas disse:

    Eu espero não sentir saudades de Robinson ( obra dele) e nem de Temer, tenho minhas dúvidas…

Abertura da Fenacam 2018 acontece na próxima terça-feira no Centro de Convenções em Natal; veja programação

FOTO: Elias Medeiros

Comemorando 15 anos nesta edição, a Feira Nacional de Camarão traz palestras, feiras e Festival Gastronômico de Frutos do Mar.

Natal será sede, a partir da próxima terça-feira (13), no Centro de Convenções da Feira Nacional do Camarão (Fenacam). Evento técnico-científico e empresarial mais importante da Aquicultura e da Carcinicultura Brasileira, a Fenacam 2018, acontece até o dia 16 de novembro e apresenta uma programação diversa com palestras técnicas e comerciais de renomados especialistas nacionais e internacionais nos segmentos da carcinicultura, piscicultura e malacocultura.

Estão programadas 39 palestras durante os Simpósios Internacionais de Carcinicultura e Aquicultura, com a presença de destacados profissionais nacionais e internacionais, que vão apresentar informações técnicas e científicas, bem como, na Feira de Aquicultura, que contará com 200 empresas nacionais e internacionais. Haverá reais possibilidades de realização de negócios, tudo isso coroado com o festival gastronômico de frutos do mar.

Na Feira de Aquicultura, estarão presentes 200 expositores, com enfoque especial para atender as demandas das cadeias produtivas da carcinicultura marinha, piscicultura de água doce, marinha e maricultura. As palestras em inglês e espanhol contarão com tradução simultânea para o português.

“Adicionalmente, nas sessões técnicas serão apresentados centenas de trabalhos técnicos e científicos (oral e pôsteres), nacionais e internacionais, levando sempre em conta, as demandas dos aquicultores e carcinicultores e dos demais congressistas, sobre as atualizações e avanços da aquicultura e da carcinicultura, obtidos nas diversas regiões do Brasil e nos principais países latino-americanos e asiáticos, que se destacam na exploração dessas atividades, contribuindo para a atualização sobre o emprego de novas tecnologias”, revela Itamar.

Nesse contexto, a Fenacam 18 representa uma oportunidade ímpar para os produtores de camarão, peixes e moluscos realizarem negócios e promoverem intercâmbios com empresas produtoras de pós-larvas, rações e demais insumos, produtos e serviços relacionados às suas cadeias produtivas.

PROGRAMAÇÃO DA FENACAM 2018

15º Sessões Técnicas e Científicas (Aquicultura e Carcinicultura)

15ª Feira Internacional de Serviços e Produtos para Aquicultura

15º Festival Gastronômico de Frutos do Mar

15º Simpósio Internacional de Carcinicultura

– Charles James (Índia)

– Diógenes Lemainski

– Daniel Gruenberg (Tailândia)

– Marcela Salazar (Colômbia)

– Ismael Wong (Honduras)

– Lachlan Harris (Austrália)

– Itamar Rocha (Brasil)

– Otávio Castro (USA)

– Origenes Monte (Brasil)

– Robins Mclntosh (Taillândia)

– Patrício Estrada (Equador)

– Samy Menasce (Brasil)

– Fabrizzio Feitosa(Brasil)

– Rodrigo Roubach (Itália)

– Albert Tacon (USA)

– Fernando Garcia (USA)

– Didier Leclercq (Vietnã)

– Barbara Hostins ( Bélgica)

12º Simpósio Internacional de Aqüicultura

– Américo Vespúcio (Brasil)

– Gustavo Bozano (Brasil)

– Fábio Sussel (Brasil)

– João Crescêncio (Brasil)

– Renato Morandi (Brasil)

– Rafael Barone (Brasil)

– Luciana Seki (Brasil)

– Tom Hashman (EUA)

– Marcelo Borba (Brasil)

– Rodrigo Roubach (Itália)

– Wagner Camis (Brasil)

– Waldo Nuez (Bélgica)

– Martinho Colpani (Brasil)

– Didier Leclercq ((Vietnã)

– Fernando Kubitza

– Thiago Ushizima

– Sergio Vela

– Mauricio Ferreira

– Dr. Ra’nan Ariav

 

Secretário sugere venda da Potigás e concessão do Centro de Convenções para desafogar caixa do RN

O secretário Extraordinário para Gestão de Projetos e Metas de Governo, Vagner Araújo, defendeu, em entrevista à Tribuna do Norte, a venda de ativos do Estado como saída, a médio prazo, para a crise financeira enfrentada pelo Rio Grande do Norte.

Ao matutino, Araújo listou quais equipamentos poderiam ser incluídos na lista de ativos: o Centro de Convenções, em modelo de exploração por concessão, e ativos da Potigás.

As informações sobre a estatal de gás incluíram a divulgação de negociação entre o Estado e a Gaspetro, subsidiária da Petrobas. “O Estado tem essa opção porque [a Potigás] é uma empresa que hoje não está com função social”, defendeu Vagner Araújo.

A curto prazo, Vagner, que também é titular do Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas), explicou que a única saída são os aportes de recursos por duas vias: liberação do governo federal e contratação de empréstimos.

Segundo explicou, há a sinalização imediata por parte do governo Temer da liberação de R$ 500 milhões. Além disso, há duas operações de crédito autorizadas pela Assembleia Legislativa, de R$ 698 milhões junto à Caixa Econômica, e de R$ 850 milhões junto ao Banco do Brasil. Os empréstimos dependem apenas de aval do Tesouro Nacional.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Magno disse:

    Isso é errado, é medida paliativa não resolve. E quando o dinheiro acabar vai fazer o quê? Rasparam o dinheiro dos veinhos pra pagar folha e não resolveu. O que resolve amigos é tornar o Estado menor dentro do orçamento, não pode gastar mais do que arrecada, agora pra fazer essas contas fecharem , é muito fácil, vai na UFRN e SEBRAE que lá tem gente capacitado pra fazer, mais pra isso tem que ter CORAGEM e deixar a politicagem de lado, pensando apenas no Rio Grande do Norte. Aí da certo.

  2. Ana disse:

    Deixa o povo saber kg.

  3. Jacio Maranhão disse:

    Vamos governador de uma solução falta três folhas o prefeito já pagou novembro dia 20 paga o décimo

  4. Joao disse:

    Nao seria melhor reduzir despesa oferecendo ate de graca a UERN? Ali nao gera lucro nem impostos ao Estado.. so é um poço sem fundo que vive de greve e oferta cursos pra alunos dos Estados vizinhos custeado com o nosso ICMS…. A potigas é uma empresa que parece nunca ter dado prejuizo ou despesa ao Estado e ainda arrecada ICMS.. e o centro de convençoes pode dar lucro e atrair turismo de eventos, so deve estar mal administrado se estiver no prejuizo.

    • Dilermando disse:

      Sem falar que todo o custo com a UERN poderia ser investido na educação básica (esta sim, de responsabilidade do Estado). Não tem porque o Estado se meter em ensino superior, que é de competência do Governo Federal.

  5. Fora PT Cramunhão disse:

    Santa Catarina pagou o mês de Novembro no dia 30 de Novembro, vai pagar o décimo terceiro no dia 15 de Dezembro e vai pagar o mês de Dezembro no dia 22 de Dezembro antes de terminar o mês. Santa Catarina vai injetar mais de R$ 2 bilhões de reais na economia em menos de um mês.

  6. Dilermando disse:

    Esse aí mostra total desconhecimento dos ativos do Estado. Caso se desfaça da Potigás, o governador pode dar adeus as poucas indústrias que ainda se mantém no Estado graças ao subsídio do gás incentivado (RN Gás Mais, antigo Progás), além do que o capital do Estado é pequeno devido sua fatia de participação enquanto acionista. O Centro de Convenções também é muito mal aproveitado e poderia gerar um retorno bom se bem administrado. A pergunta é: A QUEM interessa a venda desses ativos???

  7. Paulo disse:

    Desta vez foi prometido para quem a venda ? é igual ao caso da JBS da promessa de compra e venda da Caern ? o Governo do RN querendo reduz muita coisa mais estamos a poucos meses da eleição vai reduzir não ne?

  8. Paulo disse:

    Deveria começar logo reduzindo pela metade os cargos de comissão , os serviços prestados, os convenios que não resolvem nada, e reduzir a verba com publicidade , os celulares,

  9. paulo martins disse:

    O portfólio de nulidades governamentais é bem mais extenso: Parque Aristófanes Fernandes (Festa do Boi), Aeroclube Natal, Estádio Juvenal Lamartine, Hotel Barreira Roxa, Parque das Dunas, Ceasa, Uern, a participação no Arena das Dunas…
    Se é por falta de dinheiro, governador, eu te dou trabalho na feira: se você não quiser tem quem queira.
    Se te dou esse conselho é pra tu sair dessa pasmaceira: se você não quiser tem quem queira.

    • Dono da OAS disse:

      Pode retirar estes bens amigo. Já estão todos em garantia ao consórcio elefante branco Arena da Dunas,inclusive os royaltes do petróleo.

    • País podre disse:

      Dono da OSA, esse foi grande legado da COPA! Ainda teve um bocado de imbecil que vibrou e acreditou nesse legado. Parece que não conhece o país dos corruptos em que vive. E viva o legado da Copa! ????????????????

    • LULADRÃO disse:

      Concordo. Os governos em todas as esferas devem diminuir o máximo que puderem o seu tamanho. A iniciativa privada é mais competente e menos burocrática na administração e solução dos problemas.

  10. José de Arimateia disse:

    O secretário mostra total desconhecimento do que é a Potigás. A empresa exerce sim importante papel social na atração e manutenção de indútrias que geram emprego e renda no Estado, além de fomentar o uso de um combustível de baixa emissão em substituição a combustíveis poluentes como a lenha e óleo combustível. Além disso, o valor da participação societária na companhia, que hoje é de 17%, não chega a valor R$ 20 MIlhões. O que é que o Estado consegue pagar com esse valor? A empresa é superavitária, deu lucro todos os anos e pagou dividendos ao Estado no valor de R$ 6 Milhões no ano passado e investe todos os anos R$ 10 Milhões na expansão de sua rede para atender a novos clientes.

  11. Felipe disse:

    #PrivatizaTudo

    • Pato Amarelo disse:

      Kkkkkk, inclusive segurança, saúde e educação. Em um Estado onde todos são ricos e podem pagar, não há problemas………………….
      Essa forma de pensamento é tudo que os políticos profissionais mais gostam de ver.

Centro de Convenções inicia processo de modernização de suas instalações

Centro de Convenções - vista para o marO Centro de Convenções de Natal está em franco processo de modernização de suas instalações. Além da obra de ampliação iniciada este ano, e do projeto do novo pórtico, a Empresa Potiguar de Promoções Turísticas do RN (Emprotur) já abriu licitação para melhorias em outros três itens: reforma do auditório principal (incluindo forro e laterais), pintura de estruturas metálicas do pavilhão Morton Mariz e ainda reforma dos banheiros. Tudo com receita própria do órgão.

O secretário estadual de Turismo, Ruy Gaspar, aposta nas melhorias para facilitar ainda mais a atração de megaeventos corporativos: “O turista de negócios busca atrativos diferenciados, possui grande poder aquisitivo e gera parcela importante na receita anual em nosso Estado. Se Natal é um destino fácil para se vender, com um equipamento mais moderno e ampliado, nos tornaremos ainda mais competitivos na batalha pela captação de eventos”.
“O Centro de Convenções é um equipamento importante para o turismo do Estado. A captação de eventos é sempre muito rentável e ajuda a manter a cadeia produtiva do turismo, sobretudo na baixa temporada. A modernização dessas instalações é importante, porque já somos inigualáveis em outros aspectos. Nenhum outro Centro de Convenções possui localização privilegiada, com vista para o mar e próximo à rede hoteleira”, argumentou a presidente da Emprotur, Aninha Costa.

Desde que o Centro de Convenções voltou à administração do Governo do Estado, gerido pela Emprotur, o volume de receita só aumentou. O montante gerado pelo número de eventos captados pelo Natal Convention Bureau, por exemplo, subiu de R$ 63,6 milhões, em 2014, para R$ 77,8 milhões ano passado. “Só a população flutuante provocada pela média de 100 eventos ao ano, gira em torno de 600 mil pessoas, gerando em torno de R$ 120 milhões anuais para o cofre estadual”, ressaltou o coordenador do CCN, Nailson Azevedo.

Governo do RN bancará novo pórtico do Centro de Convenções

Pórtico do centro-11O Centro de Convenções de Natal receberá um moderno pórtico para receber os maiores eventos nacionais e internacionais e manter a crescente na captação do turismo corporativo, visto no último ano.

A nova estrutura ganhará guarita climatizada e em posição suspensa, com controle eletrônico de entrada e saída, cancelas do tipo alavanca e estrutura de concreto, em substituição aos atuais painéis metálicos.

Em razão da insegurança proporcionada pelo atual pórtico de metal, a presidência da Empresa Potiguar de Promoções Turísticas (Emprotur) já iniciou o processo de abertura de licitação no modelo convite, em caráter de urgência.
Segundo parecer técnico especializado, contratado pela Emprotur, 60% da estrutura metálica estava comprometida. Por medida de precaução, o Corpo de Bombeiros também foi acionado e ratificou a informação.

Segundo o coordenador do Centro de Convenções, Nailson Azevedo, já há empresas interessadas na construção do novo pórtico. O projeto arquitetônico foi elaborado pelo arquiteto Carlos Ribeiros Dantas, com projeto executivo assinado pela Engenharia Estrutural e Consultoria Ltda (Enecol).

O desmanche da atual estrutura será concluído nesta quinta-feira, após a realização da maior feira de calçados da América do Sul, a Mercato Feira, que teve início nesta segunda-feira e termina nesta quarta. As chuvas torrenciais de sexta-feira também atrapalharam a conclusão.

Nailson Azevedo frisa que as peças desgastadas que apresentavam alguma insegurança foram travadas, sem qualquer risco de acidentes. O orçamento previsto para a nova obra girará em torno de R$ 200 mil, oriundos do cofre do Governo do Estado, via Emprotur.

Paralelo ao processo do novo pórtico, as obras de ampliação do Centro de Convenções seguem o curso dentro do cronograma previsto, com as fundações – parte mais complicada da obra – perto da conclusão.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Chico disse:

    Em que país está Natal????

  2. José Avelino disse:

    Grande obra, este pórtico tão comentado nos blog$$$ de Natal, vai trazer um diferencial na vida dos potiguares, é o governo Robson Farias e suas ações ,valeu governador da segurança, da saúde, das estradas boas, dos presídios seguros e agora do pórtico do centro de convenções.

  3. Chico disse:

    Eles nem acabam as obras que estão em andamento e já inventaram mais uma. Cadê o viaduto do baldo, entre outras, vergonha

    • Thiago disse:

      Viaduto do baldo Pertence a prefeitura do natal . Ficou para ser entregue Agora em Março Mas ate agora nada 🙂

XXI FIART começa sexta com o melhor do artesanato e variada programação cultural

Vários artesãos produzem ao vivo suas peças durante a Fiart. Foto - Canindé SoaresA programação da XXI Feira Internacional de Artesanato começa nesta sexta, dia 22, prosseguindo até o dia 31, no Pavilhão das Dunas do Centro de Convenções, com artesanato local, nacional e internacional (participação de 14 países), em 385 estandes e variada gastronomia, além de grande programação cultural.

A programação da abertura, na sexta, começa às 18h com a seguinte sequência: cortejo, festival de cinema, Fiart in Concert (orquestras) com a banda de música Trampolim da Vitória de Parnamirim e apresentações culturais de grupos do Sesc, Lar Fabiano de Cristo, Companhia de Dança Remix, CCI Idosos de Macaíba. Os shows artísticos da noite são com Joãozinho & Banda Kairus e Andrey Santos & Andrezinho.

No sábado, dia 23, tem cortejo, trio de forró, festival de cinema, Fiart in Concert (orquestras) com a banda de música de São Gonçalo do Amarante e a Dom Bosco, apresentações culturais com os grupos de teatro e trânsito da STTU, Hop SCFV de Macaíba e Tuaregue Kasa do Oriente. A noite termina com shows artísticos de Thiago Oázys e As Nordestinas.

A programação cultural da Fiart no domingo, dia 24, começa às 18h com cortejo, palhaços, festival de cinema e grupo cultural de teatro Potengienses de São Paulo do Potengi. Em seguida o Fiart in Concert mostra a banda de música de Extremoz, seguida de show de transformismo com Marlúcio Ramalho, Edtam e grupo da FJA.
O domingo termina com show de Ivanildo di Natal e forrozão de Messias Paraguai.

Os parceiros do evento são o são Governo do Estado do RN, Prefeitura da Cidade do Natal, SEBRAE/RN e Programa do Artesanato Brasileiro – Governo Federal.

Serviço:

XXI Feira Internacional de Artesanato – FIART

22 a 31 de janeiro de 2016

Entrada adulto – R$ 8,00

Meia – R$ 4,00

Estacionamento – R$ 5,00

Estacionamento/parceiro – Praia Shopping – com transporte a disposição fazendo traslados de quinta até domingo.

Atrações musicais, culturais, gastronomia e artesanato nacional e internacional

Pavilhão das Dunas do Centro do Convenções – Via Costeira

Das 16 às 22h

Cobranças dos governadores do NE marca reunião com ministro da Fazenda

O clima foi “tenso” durante o café da manhã do ministro da Fazenda Joaquim Levy com os governadores nordestinos nesta sexta-feira(8), na capital potiguar. Na ocasião, os chefes do Executivo cobraram uma maior ajuda do Governo Federal, e ainda fizeram um desabafo para o ministro sobre a falta de apoio.

Joaquim Levy permanecerá apenas 10 horas no Rio Grande do Norte. Após desembarcar na madrugada desta sexta-feira(8), o ministro da Fazenda embarca no fim desta manhã rumo a Londres.

Centro de Convenções: cooperativa tenta o arrendamento

Após 16 anos administrando o Centro de Convenções de Natal, a Cooperativa do Desenvolvimento da Atividade Hoteleira e Turística (Coohotur) perdeu o direito de conduzir os trabalhos no local e terá que devolver o serviço ao Governo do Estado, detentor do empreendimento, até o dia 8 de fevereiro. Diante da ordem de devolução, a Cooperativa emitiu uma nota pedindo diálogo com o governo e sugeriu a constituição de um contrato de arrendamento. A Coohotur administra o Centro por meio de um contrato de comodato, vencido desde 2007 e nunca mais renovado.

Confira detalhes em texto na íntegra do Jornal de Hoje no link a seguir http://jornaldehoje.com.br/cooperativa-sugere-contrato-de-arrendamento-para-o-centro-de-convencoes/

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. João disse:

    A mamata da cooperativa está acabando. Não renova Gov Robson. Toma para o estado outros também precisam manar.

Governo reassumirá administração do Centro de Convenções e Cajueiro de Pirangi

CC c2O Governo do Estado vai reassumir a administração do Centro de Convenções de Natal e do Cajueiro de Pirangi, que passarão a ser controlados pela Secretaria Estadual de Turismo.

O Centro de Convenções é atualmente administrado pela Cooperativa de Desenvolvimento da Atividade Hoteleira e Turismo (COOHOTUR). O Cajueiro Pirangi, um dos principais cartões postais do litoral potiguar, é administrado pela Associação dos Moradores de Pirangi do Norte (AMOPIN).

Rosalba Ciarlini(FOTO): “Ampliação no Centro de Convenções já pode começar amanhã”

assecom---Elisa-ElsieFoto: Elisa Elsie

O sonho antigo do trade turístico em ter um local atrativo aos grandes eventos corporativos finalmente será realizado. Na manhã desta quinta-feira (11), a governadora Rosalba Ciarlini assinou a ordem de serviço para a ampliação do Centro de Convenções de Natal. A solenidade aconteceu no auditório Genipabu, no próprio Centro de Convenções, na presença de representantes do trade, da construtora Ramalho Moreira – vencedora do processo de licitação –, do secretariado e da Caixa Econômica.

Os recursos, da ordem de R$ 30 milhões, estão assegurados junto ao Ministério do Turismo, sem contrapartida estadual, e foram conseguidos na gestão do ex-titular da pasta de Turismo, Renato Fernandes, durante viagem usa à Brasília, ainda em 2013. Na época, a Setur também encomendou a elaboração do projeto de ampliação ao renomado arquiteto Carlos Ribeiro Dantas. As obras ficarão sob responsabilidade da Secretaria de Infraestrutura. Segundo a governadora, a burocracia para regularização de titularidade do terreno foi o principal entrave à abertura de licitação e consequente início das obras.

“Palavra dada é compromisso cumprido”, disse a governadora no início de seu discurso. “Realizamos agora o sonho de uma melhor estrutura para receber eventos turísticos, sobretudo na baixa estação. A obra está praticamente pronta para ser iniciada, faltando apenas o alvará de construção. Podemos dizer que pode começar amanhã. Todas as licenças foram liberadas, graças à união de esforços entre o trade e o Governo. E na reinauguração deste Centro de Convenções, eu estarei na plateia aplaudindo este grande feito para o nosso Estado”, concluiu.

Para o presidente da Empresa de Promoções Turísticas do RN, Alexandre Mulatinho, essa ampliação é reivindicação antiga do trade, que se concretiza na atual gestão, também responsável por tornar possível a Copa 2014 em Natal, o novo Aeroporto de São Gonçalo do Amarante e o Terminal de Passageiros do Porto de Natal. “São obras estruturantes que modificaram para melhor o perfil do turismo no Rio Grande do Norte”, ressaltou o presidente da Emprotur.

Flávio Alexandre, presidente da Cooperativa de Desenvolvimento da Atividade Hoteleira e Turística (Coohotur), acredita que o novo Centro de Convenções atrairá feiras maiores e melhores para o turismo local. “Este Centro se tornará o mais viável do Nordeste. Os maiores concorrentes, em João Pessoa e Fortaleza, não têm seus Centros de Convenções perto da rede hoteleira nem atendem à demanda de eventos mais práticos. Promover um evento em Natal se tornará bem menos dispendioso e, claro, ainda mais atrativo”, pontifica.

Ampliação – A expansão do Centro atenderá um público de até sete mil pessoas simultaneamente ou divididas em três espaços. Atualmente o estado do Rio Grande do Norte não dispõe de um espaço com esta capacidade. O Centro de Convenções possuiu 14.255,39 m² de área construída. Após a ampliação passará a ter 22.403,69 m² de área edificada.  Podem ser ressaltadas como principais mudanças: a demolição do complexo de salas existentes ao lado do auditório Lavoisier Maia, que cederá espaço para a construção de um novo pavilhão.

Para o pavilhão multiuso, o projeto prevê subdividi-lo em duas ou até três salas, independentes, através da utilização de divisórias móveis e acústicas. Com esse sistema, o pavilhão terá uma formatação mais flexível para conceber e produzir novos ambientes, atendendo dessa forma os diversos eventos. No projeto também está previsto a reforma e restauração da parte administrativa, dos banheiros e das lanchonetes já existentes no Centro.

Simplesmente poeta: Dorgival Dantas lança DVD no Centro de Convenções

dorgival2Considerado um dos principais compositores e intérpretes da música brasileira atualmente, o cantor Dorgival Dantas chega a Natal no sábado (20) para lançar seu DVD intitulado “Simplesmente Dorgival Dantas” no Centro de Convenções.

Para o lançamento em Natal, no Centro de Convenções, B! shows, AD Shows e Jovem Pan Natal, organizadoras da festa, vão colocar no palco André Luvi, Thiago Farra e Brenno Senna além do DJ Serginho Lucena para fazer o som de uma das festas mais aguardadas na capital.

O momento é especial para este potiguar nascido em Olho D’água do Borges no Rio Grande e que começou na carreira musical aos 14 anos de idade por influência do seu pai, Cícero Dantas, que também era sanfoneiro.

Depois de deixar sua cidade, Dorgival veio para Natal aos 21 anos onde fez parte do grupo show Terríveis até 1997. No período em que moro na capital, o “poeta” teve algumas dificuldades, inclusive ele lembrou uma delas em seu perfil numa rede social ao passar por um outdoor informando do lançamento do seu DVD em Natal. “Não estás sozinho. Você tem Deus”, postou o artista.

Após o período em Natal, arrumou as malas e foi morar em Fortaleza onde tocou com a dupla Sirano e Sirino. Ainda na capital cearense, foi diretor musical do Pirata Bar e produziu grandes artistas e bandas de forró com quem ganhou destaque como produtor e compositor.

Seu primeiro CD foi lançado em 2006 com as músicas de trabalho “Eu não vou mais chorar” e “Porque”. No ano seguinte veio “Primeiro Passo” acompanhada de uma turnê pelo Brasil. Em seguida, vieram novos trabalhos e a consolidação do trabalho no país.

Com tantas músicas já conhecidas do público, Dorgival, é um dos poucos artistas brasileiros que tem o privilégio de fazer um show com repertório autoral e ver o público cantando do início ao fim.

São 19 canções, todas de autoria de Dorgival, incluindo os sucessos como “Pode Chorar”, “Coração”, “Amor Covarde”, “Por quê?”, “Valeu”, “Tarde Demais”, “Bara, bará”, “Você Não Vale Nada”, “Primeiro Passo”, “Destá”, dentre outras.

O DVD “Simplesmente Dorgival Dantas” trouxe seus maiores sucessos em gravação que teve convidados como a dupla Jorge e Mateus, César Menotti e Fabiano, Bell Marques e Flávio José.

Para Xand, do Aviões do Forró, “Dorgival é um dos principais compositores do Brasil e do mundo. Ele não sabe a moral que ele tem com a gente”. Já a dupla Jorge & Mateus afirmou que “Todo CD da gente tem uma música sua. Manda mais musica pra gente”.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Elves Alves disse:

    Pelo visto, a poesia anda cada vez mais digna de necrológios.

Centro de Convenções recebe show de Gabriel Diniz no dia 02 de agosto

imgNo próximo dia 02 de agosto (sábado), o Centro de Convenções recebe o show GD 360°, do cantor Gabriel Diniz.

O cantor, sucesso nacional no estilo sertanejo, é a primeira atração na volta de shows e espetáculos ao Centro de Convenções depois de um período de recesso nesse tipo de evento.

Em Natal, a festa terá também entre as atrações a banda Chamou Porque Quis e a dupla sertaneja Pedro & Erick.

FIART vai movimentar alta estação com grande evento no Centro de Convenções

_ArtesãosA alta estação turística em Natal vai ser dinamizada com a realização no período de 24 de janeiro a 2 de fevereiro da 19ª  Feira Internacional de Artesanato do RN, que apresenta além de 385 stands com artesanato local, nacional e internacional, uma excelente programação cultural e gastronômica no Pavilhão das Dunas do Centro de Convenções.

Vários países já confirmaram presença, com destaque para os produtos artesanais dos Emirados Árabes Unidos (Dubai), Espanha, França, Índia, Itália, República das Filipinas, Japão, Indonésia, Paquistão, Peru, República Tcheca, Portugal, Senegal, Polinésia Francesa e Tailândia.

A Espacial Eventos, empresa promotora do evento  estima uma visitação em torno de 68 mil pessoas e a Fiart tem apoio da Prefeitura da Cidade do Natal, Sebrae/RN, Programa do Artesanato Brasileiro da Secretaria da Micro e Pequena Empresa e Economia Solidária do Governo Federal e do Governo do Estado do RN, através da Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social.

II Expo Condominial acontece de 5 a 7 de julho em Natal

Gerir um condomínio não é tarefa fácil, mas há uma série de alternativas que podem administrados e moradores nesta “luta”. E boa parte desta ferramentas estarão no II Expo Condominial, realizado no Centro de Convenções de Natal, na Via Costeira, de 5 a 7 de julho.

E o melhor: a entrada é gratuita!

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ednalva disse:

    Parquinhos & Artefatos estarà na II Expocondominial, boa oportunidade de conhecer nossos produtos. Visite-nos.

Centro de Convenções de Natal projeta manter ocupação de 290 dias esse ano

Mesmo tratando-se de um ano eleitoral, quando arrefece o volume de convenções, congressos, feiras, exposições  e seminários realizados em todo o País, o Centro de Convenções de Natal projeta manter uma ocupação de 290 dias na realização de eventos durante 2012.  Segundo o administrador de empresas, Nailson Azevedo, diretor-executivo do Centro de Convenções de Natal, a performance projetada deve repetir o resultado positivo de 2011, quando o equipamento contribuiu para gerar cerca de 20 mil empregos locais, indiretos e temporários durante o período.
           Azevedo destaca ainda que, durante a baixa estação, que ocorre entre os meses de março a junho e de agosto a novembro, o chamado “turismo corporativo” deverá complementar o faturamento de vários setores da economia local – rede hoteleira, restaurantes,  supermercados, shoppings, entre outros -, tendo em vista que cada visitante que vem cidade para participar de eventos desembolsa cerca de US$ 150,00 a 180,00 por dia, valor que representa o dobro do que gasta o chamado ‘turista de lazer’.
       “O turismo de eventos é extremamente benéfico, é espetacular para toda a economia, principalmente para a economia nordestina”, enfatiza o executivo, destacando que o visitante que vem participar de um congresso, geralmente retorna posteriormente como ‘turista de lazer’.
        Os eventos que são realizados no Centro de Convenções servem também para fortalecer as micros e pequenas empresas de prestação de serviços no estado, já que o equipamento mantém um Banco de Dados, que funciona como elo de ligação entre os organizadores de eventos e mais de 140 empresas locais, que são cadastradas.