Neto de Che Guevara troca Cuba por Brasil e vira influencer

Foto: Portal Minas 1

As voltas (ideológicas) que o mundo dá – com outras gerações. Um neto do revolucionário argentino Che Guevara fixou residência na paradisíaca praia de Porto de Galinhas (PE) após desembarcar no Brasil no programa Mais Médicos. Não quer voltar para Cuba. Fez amigos e agora faz negócios. E tornou-se influencer digital.

Ele é José Angel Lima Guevara, e diz gostar de turismo. No instagram, dá dicas de passeios a mais de 130 mil seguidores. As informações são do parceiro portal Minas1.

Coluna Esplanada

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Sergio disse:

    Eu trocaria pela Europa ou EUA. Ou ficava em Cuba!

  2. João Macena disse:

    Concordo com vc, caro Raimundo. Deus, nos livre do comunismo. João Macena.

  3. Emerson disse:

    Na verdade, é inconteste que ele veio ser médico em um lugar que paga melhor que em Cuba, mas principalmente porque vai morar na paradisíaca Porto de Galinhas. Não está morando aqui por causa das “boas condições atuais” do nosso País. Se fosse por isso, passava direto pro Uruguai.

  4. Raimundo disse:

    Nem o neto aguenta o comunismo

  5. Antonio Barbosa Santos disse:

    E pensar que o neto de Guevara, médico num país avançadíssimo na área de saúde, um país que vide uma felicidade plena, deserta, larga tudo e fica morando num outro que é uma ditadura fascista, genocida, misógina, homofóbica, esferográfica e porque não dizer, estroboscópica.
    Eita mundão velho cheio de curvas…

    • Carlos disse:

      Kkkkkkkkkk

      Quero ver a mídia dar ibope pra essa notícia… Comunista virando capitalista? Nunquinha!

Influencer morre baleada após encenar sequestro nas redes sociais

 (Foto: Reprodução Instagram)

A influencer Areline Martínez, de 21 anos, morreu baleada, no último fim de semana, no bairro de Rigoberto Quiroz, na cidade de Chihuahua, no México.

De acordo com o jornal local Proceso, a jovem brincava com os amigos de encenar um sequestro para postar no TikTok quando foi morta a tiros, em uma fazenda.

A polícia trabalha com a hipótese de que os disparos tenham sido acidentais. Ainda de acordo com a publicação, Areline estava na companhia de dez amigos, que a ajudavam a encenar o rapto.

No vídeo, ela aparece com os olhos vendados e com as mãos e tornozelos amarrados, ao lado de um rapaz que também finge ser sequestrado. Os dois aparecem sentados no sofá com armas apontadas para suas cabeças.

Vídeo do falso sequestro (Foto: Reprodução )

“Uma das hipóteses é que eles [os amigos da influencer] estavam mexendo em uma arma pensando que não estava carregada e atiraram na mulher”, afirmou César Augusto Peniche Espejel, procurador-geral do estado de Chihuahua. “Se alguém tem uma responsabilidade criminal, eles terão que responder. Há vários fatos a investigar: a infeliz morte da jovem e a origem daquela arma e como ela chegou a suas mãos”, completou.

Areline era mãe de uma menininha de um ano de idade. Após os disparos, os amigos fugiram da fazenda. O corpo da jovem foi encontrado pelo caseiro da fazenda na segunda-feira (05).

Globo, via Glamour

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Moral dos Santos disse:

    Parabéns encenou muito bem

  2. Sei disse:

    Brincadeira idiota.

Humorista e influencer Carlinhos Maia assume que faz doações com intuito de aparecer

Foto: Divulgação

Carlinhos Maia já foi bastante criticado por divulgar as ações filantrópicas que faz para ajudar fãs e pessoas necessitadas.  Humorista e influencer contou que gosta de expôr para todo mundo o que fez

Mas, aparentemente, ele não se importa com a repercussão negativa que esse tipo de comportamento gera. Em entrevista ao programa Pânico, na tarde do dia 11 de março, ele comentou que existe mesmo o intuito de aparecer com essas ações. “Quero me aparecer mesmo. Eu trabalho me aparecendo. Não quero ser hipócrita. Mas eu não estou fingindo, eu ajudo de verdade”, declarou.

Publicamente, Carlinhos já doou R$ 25 mil para um fã comprar um carro novo e também ajudou a mãe biológica, com quem ele nem teve contato durante a vida por ser adotado. “Eu a procurei quando era criança. E um vizinho me contou que ela passava na rua da minha casa todo dia com outros filhos. Não julgo porque ela me entregou, cada um sabe da sua história. Mas eu a procurei, quando encontrei pedi a bênção. Ela me deu a bênção, mas nunca mais reapareceu”, contou, reforçando que a ajuda com dinheiro mensalmente.

R7

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Zanoni disse:

    Na terra de imbecis, quem fala mais mera é rei!