Após duas horas de reunião Unimed e Hospitais não chegam a um acordo

O imbróglio envolvendo a Unimed e os hospitais Promater, São Lucas e do Coração está longe de um final feliz. Nesta quarta-feira, uma reunião de mais de duas horas não trouxe nenhuma novidade para o caso.

Os hospitais rejeitaram a proposta do plano que não chegou nem próximo do que os donos esperavam, segundo informações recebidas pelo Blog do BG, o atendimento da Unimed nesses hospitais deve ser suspenso após o fim do contrato atual.

O atendimento chegou a ser suspenso no último dia 2 de agosto, conforme antecipou o Blog do BG, mas uma medida do MP garantiu a continuidade dos serviços até a próxima sexta-feira (10).

Os hospitais apresentaram planilhas de custos mostrando que não há possibilidade de sustentar o atendimento com os valores atuais, que giram em torno de R$ 65 por atendimento. Segundo os diretores das unidades de saúde, o valor repassado não cobre os custos do serviço prestado e vem causando prejuízos a muito tempo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Apaulacosta disse:

    Hoje precisei levar minha avó que esta doente ao pronto socorro,liguei para o Hospital do Coração por ser o mais próximo da minha casa e perguntei se já estava atendendo Unimed,me falaram que sim,levei minha avó lá,chegamos as12:35,porém só fomos atendidas 2 horas depois.Minha avó com 81 anos,passou 2 horas sentada em uma cadeira de rodas e sempre que eu perguntava a recepcionista quanta pessoas tinha na frente e que minha avó era preferencial,ela me respondia que a médica sabia e que dependia dela chamar os pacientes.Ai eu me pergunto de que adianta pagar tão caro por um plano de saúde???Unimed mais respeito com seu usuários!

Unimed apresenta proposta para hospitais até próxima sexta; atendimento continua

Os hospitais Promater, São Lucas e do Coração haviam suspendido o atendimento aos usuários do plano de saúde Unimed ontem. Hoje pela manhã, uma reunião entre as entidades envolvidas confirmou a continuidade dos serviços até a próxima sexta-feira (10), quando a operadora do plano de saúde apresentará uma proposta para os hospitais.

Os diretores das unidades de saúde, durante a reunião, apresentaram planilhas de gastos mostrando que não tem condições de sustentar os atendimentos com o valor repassado hoje, que gira em torno de R$ 65. A Promater, o São Lucas e o Hospital do Coração apresentaram argumentos para mostrar que os preços pagos pelo plano não cobrem os custos.

A Unimed se prontificou a analisar a situação e apresentar uma proposta na próxima semana. Até lá, para que os clientes-pacientes não sejam prejudicados, os hospitais mantém o atendimento. A situação ontem ficou tão difícil para os usuários da Unimed que até o Ministério Público interviu através de uma ação cautelar protocolada na Justiça.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Maria disse:

    Os hospitais devem cobrar mais mesmo, mas vamos ver se vão colocar mais médicos para atenderem no PS.
    Pelo menos até meia noite era pra ter mais médico, mas não existe preocupação ou respeito com o paciente.
    Os planos e os Hospitais se importam APENAS com o lucro.

Hospitais que suspenderam serviços da Unimed recomendam usuários a procurar outras unidades

O BG divulgou com exclusividade, na manhã desta quarta-feira (1º), que os hospitais Promater, São Lucas e do Coração suspenderam os atendimentos aos usuários da Unimed. A Unimed emitiu uma nota de esclarecimento dizendo ter sido pega de surpresa com a decisão “unilateral” e que estava cumprindo tudo o que determinava o contrato.

Agora, também por meio de nota assinada pelos diretores, os três hospitais explicam que a suspensão se deu em virtude de uma queda na qualidade na prestação dos serviços em função de um baixo repasse  financeiro do plano de saúde, aliada a grande demanda de usuários do mesmo. No documento, as unidades recomendam que os usuários da Unimed procurem outros hospitais.

Confira a nota na íntegra AQUI.

Acompanhe o caso na cobertura exclusiva do BG:

Três grandes hospitais deixaram de atender Unimed hoje no pronto-socorro

Hospitais só voltarão a atender clientes Unimed no pronto-socorro quando valor pago for o mesmo de outros planos

 UNIMED Natal esclarece que foi pega de supresa por atitudes dos Hospitais

As contas do São Lucas

Uma fonte do BLOG do BG informou que a assembleia  geral dos acionistas do Hospital São Lucas, realizada na manhã de hoje para apreciação das contas relativas ao exercício de 2010 foi pra lá de agitada.

Uma segunda fonte confirmou que aconteceu bate-boca e discussões pesadas entre os sócios presentes.

No final as contas do exercício 2010 foram aprovadas com ressalvas.

Detalhe 1: o Blog ligou para o diretor Paulo Coelho e este desmentiu, afirmando que a assembleia foi tranquila e as contas aprovadas sem problemas.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Leanne Brito disse:

    Sou usuária dos serviços do São Lucas há mais de 4 anos e é perceptível a queda vertiginosa da qualidade do atendimento lá ofertado. Não sei se isso tem a ver com o grupo diretor q no momento gere o hospital, porém percebo que o hospital necessita de uma melhoria urgente em sua gestão.

  2. Ricardo Oliveira disse:

    Não sei as contas, agora que a qualidade do serviço e principalmente a urgência do Hospital caiu muito. Para quem ia por tudo no São Lucas a muitos anos como eu, posso afirma com convicção!!

  3. Ana Raphaela B Machado disse:

    Sou Raphaela Machado, acionista da CSSL, e venho através deste registrar que a Família Machado, da qual faço parte, participou da AGO realizada no dia 27 de Maio onde, na ocasião, rejeitou as contas da CSSL do ano de 2010. Após rejeição, com animus alterados a AGO foi suspensa por tempo indeterminado até que a Família tomasse conhecimento de todas as informações necessárias para a aprovação das referidas contas. Hoje, dia 16 de Agosto, a AGO continuou e, apesar dos esclarecimentos insatisfatórios a cerca das contas de 2010, nossa Família, que atualmente é a única parcela fundadora do hospital que la permanece, APROVOU AS CONTAS COM RESSALVAS objetivando não gerar dificuldades a gestão atual de seus diretores. Ressalto que temos profundo afeto pelo patrimonio que meu avô Dr. João Machado construiu junto com seus colegas de profissão e que lamento profundamente o tratamento desrespeitoso de um dos diretores para com nossa Família na AGO ocorrida hoje.

Morre o empresário Marcelo Porto

Marcelo Porto faleceu hoje às 02:50 da madrugada, no Hospital  São Lucas.  Ele estava internado há muitos dias na UTI e sofreu parada cardíaca.

Marcelo que foi empresário no ramo de automóveis nos anos 80 em Natal, ultimamente administrava a Mineração Tomaz Salustino, em Currais Novos.

O Velório será a partir das 11:00h e o enterro às 19:00  no Morada Paz em Emaús.