Denúncia

Bebê que deveria ser operado do intestino tem mão amputada e peito queimado

Estadão:

Um recém-nascido entrou no centro cirúrgico da Santa Casa de Ourinhos, a 370 km de São Paulo, para ser submetido a uma cirurgia no intestino e saiu com a mão direita amputada. Após passar pela operação, a criança apresentou também queimaduras no peito e até ontem continuava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A família não entende o que aconteceu e procurou a polícia para denunciar um possível erro médico.

De acordo com o pai, Daniel Henrique da Cruz Almeida, o bebê do sexo masculino, que ontem completou 46 dias, nasceu com o pâncreas colado no intestino e precisou passar por uma cirurgia. Ele foi internado no dia 13 de julho. Depois da cirurgia, os pais foram ao hospital e verificaram que a criança tinha uma queimadura de segundo grau no peito e uma atadura na mão.

(mais…)

Opinião dos leitores

  1. oLÁ,MEU NOME É CLESIA.estou passando pela mesa situacao de vcs(ou quase a mesma).meu marido foi internado para fazer uma cirurgia de correcao de fratura de externo no hospital de base em brasilia, e quando ele saiu do centro cirugico estava com um hematoma na cabeça, e esta cada vez pior.registramos queixa na ouvidoria do hospital,estamos aguardando resposta,sabenmos que ele sofreu uma queimadura de 3 grau,mas os medicos nao assumem o ocorrido,estamos triste com o acontecido,e somos solidarios a voces na mesma causa,sendo que o de voces teve realmente uma gravidade maior,mas todos fomos vitimas da imprudencia medica.

  2. Lí em outra reportagem que a queimadura foi pela descarga elétrica provocada pelo bisturi [elétrico] sendo que este equipamento contém uma placa neutra de inox q se coloca em contato com o paciente p evitar[… ].
    E onde estava o campo cirúrgico/fenestrado ["lençóis" q protegem o restante do corpo do paciente]?

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Mãe vai a motel com dois homens e leva bebê de 10 meses junto

estadão.com.br

Uma mulher e dois homens foram detidos com um bebê de 10 meses dentro de um quarto de motel na Rodovia Raposo Tavares, em Cotia, na Grande São Paulo, nesta segunda-feira.

Uma funcionária do estabelecimento ouviu o choro da criança no momento em que levava um lanche para o quarto e acionou a Guarda Municipal. Ao chegarem ao local, os agentes encontraram a mãe da menina, uma empregada doméstica de 29 anos, com um mecânico de 38 anos no quarto. Em seguida, um pedreiro de 44 anos, foi encontrado dentro do porta-malas do veículo em que os dois chegaram.

Os três foram levados para a Delegacia Central de Cotia junto com o bebê. Eles vão responder em liberdade por satisfação de lascívia mediante presença de criança ou adolescente.

O Conselho Tutelar foi acionado e a criança foi entregue ao pai. A menina passará por exame em um hospital da região para saber se ela sofreu abuso sexual. A polícia apreendeu os celulares dos envolvidos para a perícia.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Falsa Médica rouba Bebê de um Hospital no RIO e sai com ele dentro de uma sacola

Central de Notícias:

Um bebê foi levado por uma falsa médica de um hospital em São Gonçalo, no Rio de Janeiro, na tarde desta sexta-feira, 23. Por volta das 17h30, a suspeita entrou com uma roupa branca no Hospital São José dos Lírios e conseguiu acessar suas dependências após se identificar como médica na portaria.

Segundo o diretor do hospital, Sérgio Moutinho, como muitos médicos de fora fazem cirurgia no local, a liberação na entrada é natural.

(mais…)

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Clube contrata BEBÊ de 18 meses

O clube holandês VVV-Venlo (Venlose Voetbal Vereniging Venlo), que já tem mais de cem anos de atividades, fechou um contrato de dez anos com um menino de apenas um ano e meio de idade.

Tudo ocorreu depois que os pais do bebê Baerke Van der Meij colocaram no YouTube o filho brincando com uma bola, onde demonstra incríveis habilidades. O vídeo logo virou um sucesso de visitas e o pequeno prodígio foi chamado de futuro craque.

Vejam porque Baerke foi contratado:

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *