Polícia

Radialista é vítima de sequestro relâmpago no início da madrugada e tem carro levado por assaltantes em Natal

Foto: Ilustrativa

O portal G1-RN noticia que um radialista foi vítima de sequestro relâmpago e teve o carro levado por assaltantes na madrugada desta quarta-feira (15), em Natal. O caso foi registrado na Polícia Civil. De acordo a polícia, o homem saiu do trabalho por volta de meia-noite e seguia para casa, no bairro Bom Pastor, quando, próximo de casa, foi abordado por dois criminosos armados que pularam na frente do carro, entraram e anunciaram o assalto.

A matéria, que preferiu não identificar a vítima, relata que os assaltantes colocaram uma arma na sua nuca e a obrigaram a dirigir por várias ruas da cidade, no sentido a Macaíba, na região metropolitana de Natal. Durante o trajeto, eles procuravam objetos de valor no carro.

Segundo o G1-RN, percebendo a demora da vítima para chegar em casa, familiares ligaram para o celular do radialista. Na ocasião, um dos criminosos atendeu tentando se passar por ele, mas os familiares perceberam que a voz era diferente e foram à delegacia de plantão registrar o desaparecimento do homem. Em meio ao trauma, felizmente, o radialista foi liberado perto de Macaíba, em uma estrada sem muitos imóveis. Ele afirmou que caminhou até encontrar um motel, onde pediu ajuda à recepcionista para ligar para a família e a polícia.

O carro dele foi levado pelos criminosos e não foi localizado até a publicação desta matéria.

Opinião dos leitores

  1. O RN está entregue e sob o comando dos bandidos, a população está assombrada e acuada! O (des)governo de Fátima Bezerra nada faz e tenta enganar o povo com propagandas enganosas…

    FORA FÁTIMA O RN NÃO AGUENTA MAIS TANTA VIOLENCIA

  2. Segundo um tal babão da “guvernadora” e que se diz secretário de segurança pública, toda essa criminalidade é atípica… Os únicos crimes que ele pretende reprimir a mando da sua chefa é dos empresários que deseja manter suas lojas abertas, dos trabalhadores que querem trabalhar e dos cidadãos que estão cansados de esperar a ação do governo para reprimir a bandidagem e resolve fazer justiça com as próprias mãos… Mas aguardar o que de um governo que adora enaltecer bandidos?

  3. A insegurança no RN está sem controle. Não são dias atípicos, é a realidade diária. O governo de Fátima é um fracasso. Não temos saúde, educação, segurança…

    1. Enquanto isso a governadora manda prender policial militar do alto oeste pq tava revindicando o que é dele por direito.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

VÍDEO: Presidente do Atlético de Alagoinhas se descontrola e ataca radialista em programa

Campeão baiano após derrotar por 3 a 2 o Bahia de Feira, no mês passado, o Atlético de Alagoinhas agora é centro de uma confusão envolvendo o presidente do clube, Albino Leite, e o jornalista Reinaldo Silva, da Rádio 93 FM de Alagoinhas. Na última quinta-feira (10), durante a apresentação do programa Conexão Notícias, o radialista e o presidente do Carcará tiveram uma discussão acalorada. O jornalista acusa Leite de agressão verbal e de ter tentado agredi-lo fisicamente ao final do programa. A origem da discussão partiu de um comentário feito pelo radialista criticando um suposto não repasse de valores da premiação aos atletas do time alagoinhense.

Silva diz que recebeu uma denúncia no domingo (6) de que os jogadores do time estavam se queixando que a Federação Baiana de Futebol (FBF) já havia repassado o dinheiro da premiação para o presidente e à diretoria, mas eles ainda não tinham recebido o pagamento. “Alguns jogadores se dirigiram até mim dizendo que estavam com salários atrasados e sem receber a premiação. Fiz o comentário na rádio, na quinta-feira (10) e, no mesmo dia, o presidente falou com o diretor da rádio pedindo direito de resposta amigavelmente”, conta.

“Ele já chegou dizendo que eu deveria ter ligado para ele, levantando a voz, me ameaçando. Depois do programa ele retornou ao estúdio para tentar me agredir. Foi uma atitude desastrosa”, complementa.

Em trechos do vídeo da entrevista, é possível ver o cartola bastante irritado, dando tapas na mesa e se dirigindo ao jornalista em tom alto. “Você não tá falando com cachorro aqui não, p… Me respeite. Me obedeça, seu p… Você faz uma merda dessa com o Atlético de Alagoinhas e quer que eu faça o que?”, diz. O momento acalorado ocorre logo após o radialista interrompê-lo dizendo que o tempo de entrevista havia acabado. Em outro vídeo, de imagens internas da rádio, dá para ouvir a discussão de Albino Leite com o radialista, e um trecho em que o presidente é contido por um rapaz que se identifica como policial.

O jornalista Reinaldo Silva informou que vai registrar boletim de ocorrência contra Albino Leite e já está recebendo suporte e orientações de advogado particular e do Sindicato dos Trabalhadores em Rádio, TV e Publicidade do Estado da Bahia (Sinterp). “Sou atleticano, sempre vesti a camisa do Atlético e esse cidadão me vem com essa truculência”, lamenta.

Na tarde desta segunda-feira (14), o clube publicou uma nota de esclarecimento em seu perfil do instagram assinada por Albino Leite. Nela, o presidente alega que a diretoria do Alagoinhas Atlético Clube “foi surpreendida com uma denúncia, divulgada no programa Conexão Notícias, da emissora de rádio 93 FM de Alagoinhas, acerca do não pagamento da premiação aos jogadores pela conquista do campeonato baiano e greve do elenco” e que, durante a entrevista, ao “questionar a ausência da apuração prévia”, foi interrompido diversas vezes, de forma “deselegante”.

“Ouvi do apresentador frases do tipo: ‘Não tenho obrigação de ligar para ninguém’ e ‘a denúncia foi feita e eu jogo no ar’. O apresentador chegou a orientar o operador de áudio a cortar o microfone que eu utilizava na condição de entrevistado. Posteriormente, tentou encerrar a minha participação com um abrupto ‘Seu tempo acabou!’”, destaca em nota.

O diretor do time, Luiz Matos Junior, saiu em defesa do presidente do clube. “Pegou informações erradas e fica dizendo que os jogadores falaram. Colocou palavras na boca dos outros, foi infeliz em dizer que o clube já tinha recebido a premiação completa e não pagou os atletas”, condena Matos. Sobre o repasse da premiação pela conquista do estadual de 2021, Matos diz que o Clube prometeu o valor integral de R$135 mil reais aos jogadores, e que já foi antecipado R$30 mil. Porém, segundo ele, o clube ainda aguarda o recebimento da quantia integral para pagar os atletas.

“A maioria da cidade está ‘escrachando’ ele (o jornalista). Não teve agressão, teve um aumento de voz pelos dois lados, mas ele (o jornalista) foi infeliz em parte maior, também tratou o presidente de forma exagerada”, defende Matos. De acordo com o diretor do time, o Clube promoverá uma live, ainda sem previsão, para prestar mais esclarecimentos aos torcedores.

O Sinterp também emitiu nota, repudiando o comportamento de Albino Leite e se solidarizando ao radialista Reinaldo Silva. “Lamentamos profundamente o desequilíbrio desse gestor de uma agremiação desportiva, sendo um péssimo exemplo para qualquer administrador, onde deveria estar apresentando justificativa plausível e convincente para todos os simpatizantes e torcedores do Clube Atlético de Alagoinhas no município de Alagoinhas”.

Correio 24 horas

 

Opinião dos leitores

  1. Eu não entendi nada o que esses dois ignorantes estavam discutindo,esse negocio de entrevistas de futebol sempre acaba nisso,basicamente por falta de assunto,o entrevistador fica insistindo e persistindo na mesma temática diversas vezes sempre criando algum tipo de desequilibrio emocional no entrevistado.

  2. O bom jornalismo procura apurar a informação, ouvindo os dois lados antes de publicar…. Isso é básico!

  3. Jornalista desrespeitoso. Paciência tem limites. Não é possível receber um convidado e tratá-lo como cachorro

  4. O apresentador está errado, na minha opinião. Ele era para ter procurado ouvir a diretoria do clube para entender o que estava ocorrendo. E não soltar uma notícia apenas com uma versão. E foi indelicado e deselegante com o convidado.

  5. Primeiro acusa sem provas, depois chama a pessoa pra se defender. Jogou duro o presidente, e na minha concepção estava certo.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Radialista é preso em nova fase da ‘Calvário’ na PB suspeito de extorsão de investigados

Foto: Divulgação/PF-PB

O radialista Fabiano Gomes foi preso na manhã desta terça-feira (10) na oitava fase da Operação Calvário, em João Pessoa. Ele é suspeito de atrapalhar as investigações solicitando dinheiro aos investigados para não divulgar informações sigilosas. Outros nove mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos em João Pessoa e Bananeiras, na Paraíba. Um auditor também é investigado.

A defesa do radialista Fabiano Gomes ainda não teve acesso a decisão do desembargador Ricardo Vital, mas acompanha a busca e apreensão e a prisão temporária. No entanto, informou estar surpresa com ação, pois, segundo a defesa, “Fabiano até então não era investigado, citado ou sequer foi ouvido antes pelo Gaeco na Operação Calvário, a quem sempre se colocou e novamente se coloca à disposição para todo e qualquer esclarecimento”.

A 8ª fase da Operação Calvário e investiga a lavagem de dinheiro de recursos desviados de organizações sociais da área da saúde, por meio de jogos de apostas autorizados pela Loteria do Estado da Paraíba (Lotep).

De acordo com as investigações, parte dos recursos teriam sido desviados com a participação de um auditor do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB). Ele teria recebido uma valor para atrapalhar a fiscalização nas organizações sociais.

Além disso, também com o objetivo de impedir a investigação da Operação Calvário, o radialista Fabiano Gomes estaria utilizando canais da imprensa para constranger os investigados ou potenciais investigados. Ele teria solicitado a eles uma quantia em dinheiro para não revelar nenhum conteúdo sigiloso sobre eles.

Ao todo, 55 policiais federais e cinco auditores da Controladoria Geral da União participaram do cumprimento dos mandados, que aconteceram nas residências dos investigados e no Tribunal de Contas do Estado da Paraíba.

As ordens foram expedidas pelo Desembargador Ricardo Vital de Almeida, do Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba.

Operação Calvário

A Operação Calvário foi desencadeada em dezembro de 2018 com o objetivo de desarticular uma organização criminosa infiltrada na Cruz Vermelha Brasileira, filial do Rio Grande do Sul, além de outros órgãos governamentais. A operação teve oito fases, resultando na prisão de servidores e ex-servidores de alto escalão na estruturado governo da Paraíba.

A investigação identificou que a organização criminosa teve acesso a mais de R$ 1,1 bilhão em recursos públicos, para a gestão de unidades de saúde em várias unidades da federação, no período entre julho de 2011 até dezembro de 2018.

Na sétima fase, o governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), e o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), se tornaram alvos, no dia 17 de dezembro de 2019. Um mandado de prisão foi expedido contra o ex-governador. Em relação ao atual governador, houve somente mandados de busca e apreensão, determinados para o palácio de governo e para a residência oficial.

Também foram expedidos mandados de prisão contra a deputada estadual Estela Bezerra (PSB) e a prefeita do município paraibano de Conde, Márcia Lucena (PSB). Ao todo, a “Operação Calvário – Juízo Final” expediu 17 mandados de prisão preventiva e 54 de busca e apreensão.

O ex-governador Ricardo Coutinho foi preso no fim da noite do dia 19 de dezembro e teve a prisão preventiva mantida no dia 20 de dezembro após audiência de custódia. Ele foi encaminhado para a Penitenciária de Segurança Média Juiz Hitler Cantalice, no bairro de Mangabeira, na capital paraibana, onde também foram os demais presos na sétima fase da Operação Calvário com prerrogativa de prisão especial. Ele deixou o presídio no dia 21 de dezembro de 2019.

G1

 

Opinião dos leitores

  1. Paraíba e RJ São distantes de tudo, afinidade mesmo, só por terem gestores corruptos, e tinham íntima ligação com luladrão, todos os 2 gestores até foram sondados como pretensos candidatos a vice presidente dele. A outra afinidade é uma corrupção entranhada em toda a máquina administrativa, bem ao estilo do governo federal petralha. Pior é Ainda ter quadrúpedes defendendo esses patifes.

  2. BR
    É uma corja de marginais roubando o dinheiro público e a justiça prendendo num dia e soltado no outro, a policia fica enxugando gelo. Na prisão deste ex-governador veio uma equipa da Policia Federal da Paraíba busca-lo aqui no RN, no outro dia um ministro do STF mandou solta-lo. Isto é uma VERGONHA

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Radialista no RN é vítima de estelionato e tem empréstimo de R$ 6 mil feito em seu nome

O conhecido radialista caicoense Marcos Antonio teve uma surpresa desagradável esta semana quando descobriu que bandidos abriram uma conta no seu nome e através de seus dados do INSS e conseguiram fazer um empréstimo no valor de 6  mil reais, divididos em 60 prestações.

O radialista Marcos Antonio disse que se aposentou recentemente e que através deste benefício estelionatários conseguiram fazer o empréstimo consignado.

Segundo a vítima, o mais grave é que os bandidos conseguiram abrir uma conta no seu nome e com esta conta fizeram o empréstimo. Ele, inclusive, procurou o INSS, que já fez um procedimento de bloqueio das 59 parcelas restante. O que resta agora é o registro na Polícia Civil e a Justiça para tentar reverter a situação.

Com informações de Eduardo Dantas

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Morre jornalista que estava em acidente fatal da Reta Tabajara

O jornalista Esaú Andrade, integrante da Equipe de Esporte da FM 93 (Mossoró), que dirigia o carro que se envolveu em um acidente na Reta Tabajara na semana passada, que terminou vitimando o árbitro-assistente e policial militar Clístenis Juny de Souza Alves, veio a óbito na tarde desta sexta-feira (17).

De acordo com fontes, Esaú não resistiu às graves complicações provocadas pelo acidente e morreu. Ele estava internado em um leito de UTI do Hospital Regiona Deoclécio Marques em um quadro clínico bastante delicado com politraumatismo craniano. Na unidade hospitalar, inclusive, ele lá já tinha sofrido até uma parada cardíaca.

Esaú era conhecido na imprensa mossoroense com passagens pelo Jornal de Mossoró, Correio da Tarde e FM Resistência. Atualmente ele integrava a equipe de esportes da FM 93.

O acidente

Na última quarta-feira (8), Esaú estava viajando, indo trabalhar no jogo América x Potiguar. Estavam no carro o repórter Ítalo Praxades, o narrador Alcivan Silva, ambos da Rádio Difusora de Morroró, o árbitro-assistente Clístenis Juny e Elias Pereira, da 93FM.

No Km 282 da BR-304, trecho conhecido como Reta Tabajara, em Macaíba, ele terminou batendo de frente em um animal. Clístenis terminou não resistindo a grave pancada na cabeça e morreu ainda no local. Esaú foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em estado grave. Já Elias Júnior, Alcivan Silva e Ìtalo Praxedes tiveram apenas ferimentos leves.

Opinião dos leitores

  1. quem vai se responssabilizar .por esta triste tragedia .perdemos dois companheiros que iriam trabalhar assim como eu .italo e alcivam.um trauma que iremos carregar .para o resto de nossas vidas .como se não bastasse perdermos duas vidas .ainda temos de passar pelo constrangimento de ser levado a justiça .para se pagar um carro .que infelismente .foi envouvido nesta fatalidade .não temos cupa se o veiculo dessa locadora .loca velthe.não estava no seguro.então pra que assinar tantos papeis em uma locadora .se nem os devidos cuidados com a vida das pessoas ela tem .proucure do governo do estado .ou do proprietario do animal .que concertesa e mais animal do que o proprio bicho.mais tudo bem deus sabe todas as coisas .temos guardado o pneu suporte careca .alem de fotos legiveis com dois pneus dianteiros .lizos não aptos a rodar para uma distancia tão grande como e ate natal.carros se compra de volta e as vidas seifadas .quando vai voltar.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Radialista diz que ex-ministro Alfredo Nascimento é 'covarde'

Folha.com

Diretor-executivo de emissoras de rádio e de um canal de TV em Manaus, o radialista Ronaldo Tiradentes, 49, disse que o senador Alfredo Nascimento (PR-AM) “é um covarde”. Tiradentes rebateu a acusação do ex-ministro dos Transportes de que o radialista planta denúncias contra o empresário Gustavo de Morais Pereira, filho do político.

“Ele nunca refutou o que eu disse porque não tem como desmentir”, disse Tiradentes.

Nascimento acusa radialista de plantar denúncias contra filho

“Desafio ele [Nascimento] a explicar como o filho formou tantas empresas e juntou um patrimônio de R$ 70 milhões”, afirmou.

(mais…)

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *