Diversos

REVERÊNCIA AO CAMPEÃO OLÍMPICO: Italo Ferreira recebe aplausos em restaurante e surfista revela que ‘ficou sem graça’

O surfista e campeão olímpico Italo Ferreira, 27, contou em seu Twitter que ficou surpreso ao receber aplausos após jantar em um restaurante. “Acabei de sair do jantar e dessa vez foi diferente, fui aplaudido por todos que estavam no local”, contou nesta quinta-feira (5).

“Fiquei totalmente sem graça! Agradeço pelo carinho de todos”, escreveu. Nos comentários fãs e internautas comemoraram com o atleta e deram reconhecimento. “Você merece lindo”, escreveu uma. “Nosso primeiro ouro, com uma humildade pura!”, completou um segundo.

Recentemente, os internautas começaram a torcer para o surfista e a campeã do BBB 21, Juliette Freire, 31, ficarem juntos. O medalhista de ouro das Olimpíadas de Tóquio falou sobre as inúmeras mensagens “shippando” o casal desde que os dois trocaram mensagens públicas por meio das redes sociais.

Segundo o surfista, não há nada entre os dois, que ainda sequer se conhecem. “Isso é coisa de internet”, explicou a um grupo de jornalistas que esperavam sua chegada a Baía Formosa, cidade onde mora, no litoral do Rio Grande do Norte.

Porém, por ele, os dois poderiam trocar uma ideia. “Eu gostaria de conhecer ela sim”, afirmou. “Ela é uma pessoa diferente. Isso que ela mostrou quando estava no Big Brother. Mostrou que existem pessoas puras ainda no mundo, pessoas que respeitam e amam o próximo independentemente de qualquer coisa.”

Em junho, no início das Olimpíadas de Tóquio, a vencedora do BBB 21 (Globo) fez um comentário exaltando a beleza dos atletas que estavam disputando os jogos olímpicos. “Que tanto atleta gato é esse?! Queriaaaa…”, comentou.

O primeiro campeão olímpico da modalidade respondeu apenas com emojis, sendo um deles representando um foguinho. Foi o suficiente para atiçar a imaginação dos internautas. Um internauta, no entanto, tentou quebrar o clima, avisando que o surfista tinha namorada. O potiguar desmentiu a informação: “Não namoro, não…”.

F5 – Folha de São Paulo

 

Opinião dos leitores

  1. Merece!👏👏👏👏👏
    👉🏄‍♂️🥇🇧🇷🇧🇷🇧🇷

  2. Aqui em Baía Formosa essa “humilde” é ato raríssimo. Pode fazer uma enquete com nossos formosenses que o resultado vai ser outro. Arrogante desde pequeno.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

FOTO: Ítalo Ferreira dá para o comediante Carlinhos Maia prancha com que ganhou medalha de ouro olímpica

Foto: Reprodução/Instagram

Fã declarado de Carlinhos Maia, o surfista Ítalo Ferreira chegou a viajar quatro horas para encontrar o ídolo. Campeão olímpico em Tóquio, o atleta presenteou o humorista com a prancha usada nos jogos para trazer a medalha de ouro para o Brasil.

No Instagram, Carlinhos publicou foto segurando a prancha e escreveu um texto de agradecimento. “Como aceita algo assim? Por mais que eu mostre muito o ao vivo da minha vida, é no bastidor que grandes coisas acontecem, há anos tô aqui levando sorrisos, julgado por muitos e amado por quem importa”, começou ele.

E ainda aproveitou para falar sobre gratidão e respeito que sente neste momento. “Ítalo Ferreira, campeão mundial e olímpico de surfe, vou cuidar dessa parte da tua história com amor e gratidão, me sinto honrado por levar sorrisos nos momentos que precisa. Obrigado por sua verdade comigo e minha história. A você: máximo respeito e orgulho, continue sendo exemplo para tantos jovens que sonham e têm você como referência, afinal andar sobre águas é divino!! Obrigado pela prancha, ainda sem jeito rs, mas prometo que vou ‘tentar surfar’”, finaliza.

Segundo amigos próximos a Ítalo, ele é muito fã do comediante e quando está triste ou perde competições, ele corre para assistir às postagens de Maia como forma de motivação e alegria.

A convite de Carlinhos, o atleta esteve no último domingo (01/8) na praia de Cruz das Almas, em Maceió, e enlouqueceu os fãs no local. Aproveitou a tarde para surfar nas ondas da capital alagoana e logo foi reconhecido pelos banhistas.

Todos os registros da visita a Maceió foram feitos por Carlinhos em seu perfil. Ítalo também usou os Stories do Instagram para dizer o quanto é fã dele e aproveitou para conversar com o ídolo de Alagoas.

Carlinhos Maia também aproveitou o momento com fã, chegou a tirar foto com a medalha de ouro e deu boas-vindas ao surfista de 27 anos, alegando que também era fã dele. “Tmj, campeão! O Nordeste e o Brasil tão cheios de orgulho e amor por você.. Sou fã”, escreveu ele. “Que dia, obrigado. Você é foda”, respondeu Ítalo nos comentários.

Léo Dias – Metrópoles

 

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

VÍDEO: Fátima anuncia construção de escultura do campeão olímpico Ítalo Ferreira em Baía Formosa

A governadora Fátima Bezerra destacou em suas redes sociais nesta terça-feira(03) o encontro com Luizinho Ferreira, pai do surfista potiguar e campeão olímpico, Ítalo Ferreira.

Fátima aproveitou a ocasião para ligar para o artista Guaraci Gabriel, convidando-o para fazer uma escultura do campeão olímpico no município de Baía Formosa, terra de Ítalo Ferreira, no litoral sul potiguar, que até hoje é privilegiada com as manobras do surfista em suas praias. O convite, conforme pode ser visualizado em imagem, acabou prontamente aceito.

Veja abaixo mais um registro do encontro de Luizinho Ferreira e a governadora, que ainda mostra a governadora sendo presentada com uma camisa autografada pelo atleta.

Liguei agora pro nosso artista Guaraci Gabriel pra convocá-lo a fazer uma escultura em homenagem ao primeiro campeão olímpico de surfe do mundo
@italoferreira
lá em Baía Formosa. Terça-feira (10) iremos lá visitar o lugar da escultura e comer um pirão lá em Luizinho

Opinião dos leitores

  1. Saí dessa Ítalo! Vc é um campeão. Vc é ouro olímpico! Fátima Bezerra, é PT. É sujeira, é corrupção. Você, não precisa de políticos. João Macena.

  2. Pura politicagem, agora que o cara ficou famoso quer tirar proveito politicamente, raça de víbora.

  3. Ítalo podia ter hombridade e dizer a essa assassina do povo potiguar que priorizasse a devolução dos 5 milhões de reais desviados dos respiradores, aí sim, somente após isso, aceitaria essa homenagem do estado do RN. Pelo menos se solidarizava com o povo que está o homenageando.

  4. Essa desgovernador é uma godelenta desqualificada, antes de gastar dinheiro público em espantalho que Ítalo não lhe pediu, ele pediu segurança para Bahia Formosa, devolva ao Estado o dinheiro desviado para compra de respiradores. Tenha vergonha e compostura!

  5. Correto governadora temos é que homenageia quem brilha pelo nosso melhor governadora do RN desde a época da ditadura e tome 13 novamente pra continuamos melhor governadora ou vamos dizer melhor presidente desse país ensine o mitomaniaco como se faz é melhor construir do que fica aí culpando um ou outro pelo desgoverno desse genocida cagão

    1. Qual o apoio que Ítalo teve da classe política no RN até ser campeão mundial de surf? Agora que foi campeão olímpico correm para tirar proveito de uma conquista que pertence a ele, uma vitória conquistada com dedicação, humildade e irmandade.
      Ítalo tem atuado de forma brilhante com Baía Formosa.
      Será que a cara de Ítalo vai ser a mesma que colocaram em Iemanjá? Aquela coisa grossa, rude, quase desfigurada, com traços largos? Esperamos que não.
      Se tiver essas características com a barba, vai espantar até tubarão no mar…

    2. Comece homenageando a lingua portuguesa, escrevendo corretamente.

  6. Italo Merece. Entretanto está vivo, graças a Deus. Penso, pelo jeito, que, com dinheiro dinheiro público isto não é aconselhável.

  7. O que esse senhora fez pelo esporte até hoje? É muito fácil surfar na onda depois da glória, político sendo político. Aproveitadores natos.

  8. A primeira obra dessa criatura.
    Será que num é um migué?
    Aí é fraca viu?
    Genocida.
    Fora fatão.

  9. Vixe, será que a esquerda imunda vai tocar fogo na estátua, assim como fizeram com Borba Gato.

    1. Ou a direita vai fazer o mesmo que fizeram com a placa de rua com o nome de Marielle Franco?

  10. Pelo amor de Deus, não contrata o mesmo que fez a estátua de Iemanjá na praia dos Artistas não…

  11. Bela iniciativa da Governadora, Ítalo merece todas as homenagens e vai fortalecer o turismo, com isso, fortalece a geração de emprego e renda no nosso litoral.

    1. Sei… Nunca fez nada pelo esporte. Agora está querendo como sempre surfar nas costas do campeão. Aliás, ela deveria aproveitar e responder às críticas feitas pelo Ítalo sobre a segurança pública que está um lixo e a população de lá e de todo o RN está a mercê da bandidagem. Será que ela irá aumentar o policiamento de lá? Ou não irá para não mexer com os amiguinhos que ela tanto protege? Pq a governadora cancelou o pagamento das diárias dos policiais? Será que é para diminuir ainda mais o policiamento e assim favorecer a bandidagem? São tantas perguntas?

    2. Ou não. Aonde o PT chega, a desgraça vem junto. Ítalo, além do grande atleta que é, parece ser um cara do bem.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Italo Ferreira e a campeã do BBB Juliette: “vizinhos” de terra viram alvo da internet, que fala em “casal”

Foto: Reprodução/Instagram/Jonne Roriz

Após chegar em casa, em Baía Formosa, na madrugada de sexta-feira (30), o primeiro campeão da história do surfe nas Olímpiadas, Italo Ferreira, foi questionado sobre outro assunto em alta na internet e que não é sua medalha de ouro. O tema era a euforia dos internautas, que passaram a “shippar” – torcer por um relacionamento – dele com a campeã do “BBB21”, Juliette Freire.

É que após elogiar a beleza dos atletas olímpicos em uma rede social, ela foi respondida por Italo Ferreira, que ainda negou a um fã que esteja namorando. Sobre a torcida dos internautas, o campeão potiguar disse que “isso é coisa da internet”, mas confessou que gostaria de conhecer Juliette.

“Eu gostaria de conhecer ela sim. Ela é uma pessoa diferente. Isso que ela mostrou quando estava no Big Brother. Mostrou que existem pessoas puras ainda no mundo, pessoas que respeitam e amam o próximo independentemente de qualquer coisa”, declarou Italo.

Matéria completa do G1-RN (AQUI).

 

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

VÍDEO – (Fome de mar): Ítalo Ferreira mal chega a Baía Formosa e já cai na água para surfar

Foto: Sarah Porto/ge

Ítalo Ferreira estava com saudades do mar de Baía Formosa. O medalhista de ouro nas Olimpíadas de Tóquio chegou à cidade natal na madrugada desta sexta-feira e poucas horas depois já estava na água surfando com outros sete amigos. (Vídeo AQUI).

O potiguar aproveitará os próximos dias em Baía Formosa para ficar com a família, mas também para treinar. Sem muito tempo para descansar após a vitória em Tóquio, Italo tem viagem marcada para o México nos próximos dias. Mas enquanto os treinos não começam, ele se diverte com os amigos.

– É um momento para ficar ali com os moleques surfando, pegando onda o dia inteiro, e se divertindo, que é fora de campeonato, não tem aquela competitividade, é mais para se divertir.

Entre 10 e 19 de agosto, o brasileiro vai a Barra de La Cruz para disputar a sétima etapa do campeonato mundial. O surfista ocupa a segunda colocação no ranking com 33.555 pontos, apenas atrás do líder Gabriel Medina, que soma 46.720 e surge como favorito a levar o título em 2021.

Italo enfrentou uma maratona de viagens de avião de Tóquio a Natal e ainda dirigiu 95km do aeroporto da capital potiguar até Baía Formosa, onde chegou por volta das 3h (de Brasília), já na madrugada desta sexta-feira.

O brasileiro se sobressaiu em Tóquio e conquistou o ouro ao bater o japonês Kanoa Igarashi. Na decisão, Italo superou o rival por 15.14 contra 6.60. O bronze ficou com o australiano Owen Wright, que venceu Gabriel Medina na disputa.

Globo Esporte

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Turismo

EFEITO ÍTALO FERREIRA: Baía Formosa quebra recorde por buscas de informações no Google

Foto 1: Canindé Soares/ Foto 2: Gráfico mostra alta nas buscas por Baía Formosa, na internet, após ouro olímpico de Ítalo Ferreira no surfe, em Tóquio

Todo mundo agora quer saber mais sobre a terra natal do campeão olímpico do surfe, Ítalo Ferreira. A procura por Baía Formosa cresceu consideravelmente no principal site de buscas na internet. Os pontos mais altos no gráfico representam uma maior popularidade de um termo na internet.

O pico de buscas por Baía Formosa foi na terça-feira (27) às 4h, exatamente no mesmo momento em que Ítalo Ferreira ganhava a medalha de ouro em Tóquio. Uma procura feita por pessoas de vários lugares do país. E o setor do turismo é um dos que quer “surfar” na onda do campeão. O entusiasmo vai das agências de viagem ao município.

Definitivamente, Baía Formosa virou parada obrigatória no Rio Grande do Norte.

Com acréscimo de informações do G1-RN

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

FOTOS: “Aquaman potiguar” e “príncipe olimpiano” viralizam sobre o campeão olímpico Italo Ferreira após ensaio fotográfico

Foto: Reprodução/Instagram/Hugo Gloss

Hugo Gloss, um dos perfis de celebridades mais acessados do país no Instagram, e que virou canal de notícias também na Web, apelidou o surfista potiguar de “Aquaman potiguar”. E viralizou.

O campeão olímpico, também vem sendo chamado por Hugo Gloss de “príncipe olimpiano”, e conquistou o título de “muso” das internautas mais empolgadas na rede. O post de poucas horas, com ensaio fotográfico do atleta, sem camisa, possui mais de 300 mil curtidas e milhares de comentários.

“O brasileiro emocionou o país com a sua conquista e agora decidiu deixar todo mundo babando com essas fotos… tem uma medalha ali? Menino, quase nem notamos!”, resumiu Hugo Gloss.

Post na íntegra abaixo:

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Das pranchas de isopor ao ouro olímpico – (FOTOS): conheça a história do potiguar Ítalo Ferreira

Foto: LISI NIESNER / REUTERS

95%. Essas eram as chances de Italo Ferreira conquistar uma medalha nos Jogos Olímpicos, segundo medalhômetro feito pelo GLOBO. Na sua frente, um velho amigo e rival: Gabriel Medina, com 96%. Quis o destino – e o mérito de ambos – que os dois só tivessem a chance de se enfrentar numa final. A possibilidade fez os brasileiros sonharem, mas não aconteceu. Medina caiu antes. Com isso, o caminho estava livre para Italo conquistar a primeira medalha de ouro do surfe na história dos Jogos Olímpicos. Na final, contra o japonês Kanoa Igarashi, algoz de Medina na semi, o Rei dos Aéreos não titubeou.

Durante toda campanha, Italo foi impecável. Com manobras arrojadas e empolgantes, foi enfileirando vitórias tranquilas. Na semifinal, depois da eliminação de Medina, passou dificuldade um pouco maior, mas nada que pudesse o parar. A final começou com requintes de crueldade. Com menos de um minuto, a prancha do brasileiro quebrou. Foi amparado pela equipe técnica, que trocou o equipamento e voltou ao mar para voar para o ouro.

De Baia Formosa ao ouro

Nascido e criado numa pousada em que a mãe trabalhava, na pequena Baía Formosa (RN), cidade com apenas 8 mil habitantes, Italo Ferreira aprendeu a pegar ondas usando a prancha de primos emprestada — quando não conseguia, chegava a improvisar até tampa de isopor do pai, que era pescador, para poder treinar.

A trajetória de Italo rumo à elite do surfe começou aos 12 anos, quando foi descoberto por Luiz “Pinga”, então diretor de marketing de uma das principais marcas de surfe do mundo. Pinga ficou impressionado com o desempenho do jovem surfista potiguar durante uma competição amadora na praia de Ponta Negra, em Natal, e o convidou para se juntar à equipe que contava com surfistas do calibre do campeão mundial Adriano de Souza.

Em 2011, em Garopaba (SC), Italo venceu a sua primeira competição válida pela extinta ASP (hoje WSL) Foto: Basílio Ruy

Dono de um talento natural raro, Italo estreou no circuito mundial em 2015, terminando o campeonato na sétima posição do ranking. A campanha rendeu para o surfista o prêmio de “Novato do Ano”.

Mas foi em 2019 que Italo explodiu para o cenário mundial, mas principalmente nacional — fazendo uma espécie de trajeto reverso. Depois de derrotar a lenda do surfe Kelly Slater na semifinal da WSL (Liga Mundial de Surfe), venceu o mesmo Gabriel Medina em uma decisão emocionante em Pipeline e conquistou seu primeiro e único título mundial, se tornando o terceiro brasileiro a vencer a WSL — Medina ganhou duas vezes e Adriano de Souza uma.

Ítalo Ferreira com a taça de campeão mundial em 2019 Foto: WSL

Além de ser o atual campeão da elite do surfe, Italo também é o número 2 do ranking mundial — atrás de Medina — e tem classificação encaminhada para a fase final da WSL. Mas mesmo se não conquistar o título da Liga, 2021 já ficará marcado na carreira de Italo Ferreira como o ano em que o potiguar se tornou o primeiro medalhista de ouro da história dos Jogos Olímpicos.

O Globo

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

VÍDEOS – “O QUE É UMA PRANCHA QUEBRADA?”: Narração de arrepiar de Everaldo Marques se eterniza junto com ouro histórico de Italo Ferreira nas Olimpíadas de Tóquio

Ítalo Ferreira fez história ao ser campeão olímpico de surfe e emocionou muitos brasileiros. Um deles foi o narrador Everaldo Marques, que fez a cobertura do feito inédito e se empolgou ao narrar o ouro olímpico do surfista. O narrador publicou em suas redes sociais os bastidores do momento. Confira abaixo.

Na narração, Everaldo destaca a história de vida do surfista, de surfar nas tampas de geladeira de isopor do pai, seu Luizinho, a compra da primeira prancha, que pesou no orçamento da família.

– A primeira prancha nova só veio aos 11 anos de idade, com a família fazendo um sacrifício incrível para gastar 120 reais. Era uma fortuna para aquela família na época. Tudo para que o sonho de surfar pudesse continuar – enfatizou Everaldo, que balançava as pernas de euforia.

FEITO HISTÓRICO

Ítalo Ferreira venceu o japonês Kanoa Igarashi, por 15.14 a 6.6. A medalha de bronze ficou com o australiano Owen Wright. Ítalo se tornou o primeiro surfista a vencer a medalha da ouro na história da modalidade nos Jogos Olímpicos e, de quebra, venceu o primeiro ouro do Brasil na competição. Gabriel Medina ficou fora do pódio. A prova foi realizada na Praia de Tsurigasaki.

Com acréscimo de Zero Hora

Opinião dos leitores

  1. Eurico Miranda certa vez disse no programa com o Jaburu,que se arepeneu de ter brigado com a globo.Podem falar,mas em emoção ninguem ganha da globo…
    Tem que agradecer,vi umas transmissoes de outros países…..,pífias.

  2. Muito comovente ele só ter tido uma prancha com onze anos. imaginem quando descobrirem que, eu com onze anos, não sabia nem o que era isto.

  3. Bruno Giovanni !!
    Parabéns ao blog.
    Vc e seus colaboradores estão dando um show nessa cobertura desse grande triunfo do nosso campeão mundial, medalhista de ouro ítalo Ferreira.
    Parabéns BG.

  4. O patinho feio para parte da imprensa é o atual campeão mundial e medalha de ouro nas olimpíadas. Como diz Zagallo, vocês vão ter que me engolir.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

VÍDEO: Hino brasileiro e a comemoração do potiguar Italo Ferreira; veja como foi a cerimônia que eternizou o ouro olímpico no surfe masculino

Fotos: Reprodução

Confira a cerimônia de entrega de medalhas no surfe, que consagrou o potiguar Ítalo Ferreira nesta terça-feira(27 de julho de 2021) como campeão olímpico no Japão, na primeira vez que esse esporte é reconhecido e oficializado na maior competição esportiva do planeta. No link (AQUI) do Globo Esporte, você pode conferir o momento do atleta brasileiro a partir de 4 minutos e 45 segundos de vídeo.

Opinião dos leitores

  1. Aí é show papai!!
    O meu hino, o hino dos brasileiros o hino do Presidente Jair Bolsonaro.
    Parabéns ítalo.
    Um verdadeiro campeão.
    Orgulho de vc meu camarada.
    Ha!!!
    E do meu presidente duro, cru, Jair Bolsonaro.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Italo Ferreira vê ouro como inspiração: “Quando você vem de baixo, tem mais garra”; campeão olímpico de surfe revela estratégia e planeja instituto em Baía Formosa

Foto: Reprodução

Orgulho de Baía Formosa (RN) ainda mais pela conquista da medalha de ouro do surfe masculino nas Olimpíadas de Tóquio 2020, Italo Ferreira faz questão de embarcar no papel transformador que pode exercer na cidade natal e no Nordeste. Com as pompas de ter se tornado o primeiro campeão olímpico da história do surfe, o potiguar de 27 anos acredita que o feito pode estimular crianças e jovens nordestinos a perseverarem no caminho do esporte.

– Acho que isso (ouro no surfe) serve de inspiração para aqueles que vêm de baixo, que têm sonhos, que acreditam até o final, que foi o que fiz, e (que precisa) aproveitar todas as oportunidades da vida. Às vezes a gente só tem uma. Então eu vivo intensamente. Eu sabia que aqui era uma oportunidade de mostrar meu melhor, de sair com essa medalha, até porque eu vim com esse sentimento, de vir e ganhar o campeonato – afirmou o surfista.

A conquista histórica no Japão fez Italo mergulhar novamente na sua história. O início da carreira não foi fácil. Ainda criança, costumava usar as tampas de caixa de isopor do pai para vender peixe como prancha. As dificuldades o tornaram mais forte e mais determinado a alcançar seus objetivos.

– Quando você vem de baixo, quando você passa por dificuldade, você tem mais vontade, mais garra, mais determinação. Não foi diferente comigo. O Daniel Alves é um exemplo, veio da Bahia e conquistou o mundo, como eu estou fazendo agora, como alguns atletas que têm histórias incríveis de superação, que usaram aqueles momentos difíceis como combustível.

Italo não esquece de suas raízes, tanto que mora em Baía Formosa até hoje, assim como os pais. Inclusive, a preparação para os Jogos Olímpicos foi feita grande parte na cidade, localizada no litoral do Rio Grande do Norte e a 94km de Natal.

– Eu fiz valer a pena os últimos dois meses de treino. O último mês, na verdade, que eu fiquei em casa mesmo, para recarregar as energias, para estar com as pessoas que eu amo, com aquelas pessoas que realmente acreditavam e estavam ali comigo, com meus amigos que surfavam comigo logo cedo e estavam me incentivando e falando o que estava certo ou errado – contou o surfista.

Se Italo já é inspiração para nordestinos, isso já mostrou a carreata em Baía Formosa depois do ouro conquistado. Mas ele quer algo mais concreto. O surfista lembrou que planeja a construção do Instituto Ítalo Ferreira na cidade, com o objetivo de ajudar as crianças por meio do esporte.

Parceria nordestina ajuda no ouro

Italo comentou que tinha um desejo de trazer o ouro não só para o Brasil, mas especificamente reforçando que seria uma conquista para o Nordeste. E isso se tornou mais vibrante no convívio com Rudá Carvalho, ex-surfista baiano e um dos membros da delegação brasileira em Tóquio.

– Ele estava aqui como coach da Silvana (Lima). Eu pedi para ele: “Vamos levar essa medalha para o Nordeste”. Ele me deu uma força incrível durante esse dias, falava a real mesmo, sempre de homem para homem, olho no olho, e ele falava umas paradas que realmente me deixava bem motivado. Então, gostaria de agradecer ele também pela força.

Globo Esporte

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

A CIDADE MAIS CONHECIDA DO PLANETA DO MOMENTO: Baía Formosa-RN, terra de apaixonados pelo surfe e berço do campeão olímpico Italo Ferreira – destaca imprensa nacional

Foto: Patrick Altmann / Divulgação/Secretaria de Turismo do Rio Grande do Norte

Baía Formosa, ou “BF”, como é apelidada pelos locais, é um pequeno município litorâneo de 247 km² e pouco mais de 9 mil habitantes no extremo leste do Rio Grande de Norte. Entre lagoas e a Mata Atlântica, são as praias que se destacam como propulsoras do principal esporte local: o surfe. Foi nesse berço que nasceu e cresceu Italo Ferreira, primeiro campeão olímpico da história da modalidade.

Na madrugada desta terça-feira, a cidade entrou em festa novamente após a confirmação do ouro contra o japonês Kanoa Igarashi em Tóquio. Os habitantes foram às ruas comemorar em uma pequena carreata, festa semelhante à da época do título do circuito mundial de 2019, quando o surfista potiguar tornou-se o primeiro nordestino a conquistá-lo.

Não é para menos. Como principal nome do município no topo da modalidade, Italo é reverenciado como ídolo máximo no local. Durante suas constantes visitas à terra natal, a pouco mais de 90 km da capital Natal, as crianças e jovens que se aventuram no surfe se juntam para treinar nas ondas ao lado do atleta. A juventude local tem contato com o mar desde pequena, seja no surfe ou na pesca. Italo juntou os dois. Foi na tampa do isopor do pai, pescador, que deu seus primeiros passos no esporte.

As falésias e as dunas na cidade proporcionam o cenário perfeito de ventos para produzir as melhores ondas possíveis, como no famoso pico do Pontal, na divisa do Rio Grande do Norte com a Paraíba, muito disputado pelos locais. Foi nesse cenário de ondas rápidas que Italo começou a dar seus passos no surfe e moldou seu estilo.

A cidade é uma espécie de recanto de tranquilidade em meio à pressão da vida de atleta de elite. Quando tem intervalo entre as competições, ele vai a Baía Formosa para ficar com a família e treinar no clima do lar. Por lá, comanda um instituto sem fins lucrativos que leva seu nome e tem como objetivo o fomento ao esporte e a sustentabilidade.

— As pessoas me perguntam: por que você não vai morar na Califórnia ou Austrália ou algum outro lugar do mundo? Eu amo esse lugar e volto. Eu já voltei da África, fiquei uma noite em casa e viajei no outro dia para a Europa. Então você tem uma noção do quanto eu gosto desse lugar – explicou Italo, em entrevista ao “Jornal Nacional”, no início deste mês.

Enquanto esteve na briga pelo título em Tóquio, a cidade não fez por menos. Nas redes sociais, a prefeitura e os habitantes da cidade acompanharam os passos de Italo na competição, da classificação ao ouro olímpico. Uma faixa estendida na cidade resumia o sentimento: “Nas Olimpíadas tem o surfe, em Tóquio tem BF, em BF tem o campeão! Baía Formosa na torcida!”

O Globo

Opinião dos leitores

  1. Parabéns Ítalo! Você é o orgulho do povo Potiguar! É o orgulho do Brasil!
    Viva Baía Formosa!
    Viva o RN!
    Viva o Brasil!

  2. Na hora de conversar merda, o Calígula não perde a oportunidade, agora quando um potiguar escreve mais uma vez seu nome na história do surf, desta vez como primeiro campeão olímpico, o Calígula Acéfalo silencia.

    1. Deixa de falsidade! Tá igual à tua governadora, “surfando” nos méritos alheios? Toma um chá de “simancol” e cuida da tua vida.

  3. Parabéns ao atleta que não esquece suas raízes e valoriza sua cidade sempre… Eh uma pena que nossas atrações turísticas nunca tem a divulgação adequada …

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

VÍDEO: Baía Formosa não dormiu e explodiu de emoção com título olímpico de Ítalo Ferreira que marca a história para o esporte nacional

Imagens de Baía Formosa, no litoral sul potiguar, mostram a explosão de alegria de uma torcida apaixonada  que varreu a madrugada e início de manhã histórica neta terça-feira(27) para o Rio Grande do Norte e o Brasil, com o título olímpico do surfista potiguar Ítalo Ferreira no Japão. O registro da comemoração da medalha de ouro com amigos, familiares e a população local é da Tribuna do Norte.

Veja abaixo:

Opinião dos leitores

  1. Parabéns, Ítalo!🏄‍♂️🥇🇧🇷👏👏
    Orgulho do RN e do Nordeste.
    Que DEUS te abençoe e te proteja. 🙏🙏

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

“Vamos cobrar das autoridades para dar uma força a mais na segurança aqui de Baía Formosa, já que eles só pensam no próprio umbigo”, diz Ítalo Ferreira, após relatar roubo em loja de amigo

Foto: Reprodução/Instagram

Ítalo Ferreira, campeão mundial de surfe e representante do Rio Grande do Norte nas Olimpíadas de Tóquio,, foi às redes sociais fazer um desabafo após um roubo em uma loja de artigos de surfe na cidade de Baia Formosa, cidade que nasceu e reside até hoje. A ação criminosa foi percebida pelo proprietário na manhã desta quarta-feira (14), na chegada ao estabelecimento.

Através das redes sociais, Ítalo Ferreira enalteceu a figura de José Júnior, conhecido como “Chupeta”, que é morador da cidade. “Ele é um cara que não faz mal a ninguém, ajuda as pessoas e infelizmente aconteceu isso com ele”.

Na postagem, o campeão mundial, falou sério e cobrou do Poder Público o fortalecimento na segurança de Baía Formosa.

“Vamos cobrar das autoridades para dar uma força a mais na segurança aqui de Baía Formosa, já que eles só pensam no próprio umbigo. Colocar mais policiais, ajudar. O que precisamos é educação, saúde e segurança. E ponto. É o que a gente precisa”, disse Ítalo. “Temos 3 ou 4 policiais aqui. Esses caras fazem o impossível para poder atender todo mundo, mas não dá. Se tem uma ocorrência no Sagi eles não têm como voltar aqui pra Baía Formosa”, lamentou o surfista.

Inconformado, Ítalo também mostrou as imagens da loja do amigo e pediu doações para que ele consiga recuperar o estoque que foi levado. Solidário, o surfista doou R$ 15 mil para o amigo. “Não gosto de mostrar o que faço pelos outros, mas é para incentivar que a gente ajude esse cara que é muito do bem”, disse.

Vídeo abaixo:

Opinião dos leitores

  1. Um garoto desaparece e o outro se procupa com a loja do amigo que foi assaltada. Patético.

    1. Antes de falar besteira procura saber o que o cara faz pela comunidade onde vive.

    2. Bel, pessoas idiotas como esse Allisson com muitas vogais a gente ignora. Sabemos o que Ítalo faz pelo seu povo e cidade é o que importa. Um abraço Valeu 👍

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Brasileiros Gabriel Medina, Italo Ferreira e Filipe Toledo lideram a Liga Mundial de Surfe (WSL)

Foto: Dunbar / WSL

Só deu Brasil na quarta etapa da Liga Mundial de Surfe (WSL). Na madrugada desta segunda-feira, Filipe Toledo derrotou o sul-africano Jordy Smith para conquistar o título em Margaret River, no Oeste da Austrália. Um pouco mais cedo, Tatiana Weston-Webb superou a australiana Stephanie Gilmore para faturar a sua segunda vitória na carreira.

Filipinho deu um show na final para chegar ao seu 9º título no Tour. A vitória veio com a melhor apresentação do dia: 17,40 pontos, contra 14,23 de Jordy. Com o resultado, o surfista de Ubatuba-SP pulou para a terceira posição no ranking, só ficando atrás do líder Gabriel Medina e de Italo Ferreira.

Filipinho se emocionou com a vitória, principalmente porque hoje foi o aniversário do seu filho mais novo, Koa, que completou 3 anos de idade longe do pai, mas junto com a irmã Mahina e a família do surfista na Califórnia.

– Essa eu dedico para o meu pequeno Koa. É aniversário dele. Eu prometi para o Koa e para a Mahina que eu iria levar o troféu para casa. Essa é para vocês – comemorou Filipinho.

Os 5 melhores surfistas do ranking masculino e do feminino disputam em setembro a WSL Finals, em uma competição inédita no formato mata-mata. A quinta etapa do Tour começa no próximo sábado, em Rottnest Island, também no Oeste da Austrália.

Confira o top-5 do ranking após 4 etapas:

1 – Gabriel Medina (BRA) – 28.920 pontos

2 – Italo Ferreira (BRA) – 24.150

3 – Filipe Toledo (BRA) – 20.735

4 – John John Florence (HAV) – 19.395

5 – Jordy Smith (AFS) – 19.185

No caminho até o título, Filipe bate Italo nas quartas

Filipe e Italo Ferreira definiram na última bateria das quartas de final qual brasileiro iria seguir na briga pelo título em Margaret. A desistência de John John Florence, por conta de uma lesão no joelho, fez o favoritismo dos dois brasileiros aumentar ainda mais, assim como a chance do trio verde-amarelo com Gabriel Medina dominar a ponta do ranking.

Filipinho foi cirúrgico, pegou apenas 4 ondas nos 35 minutos de bateria, conseguiu 13,90 (7,90 + 6) no total e deixou Italo precisando de um 5,90 para virar. O campeão mundial teve a chance da virada na última onda do duelo, mas os juízes deram apenas 4,93. Italo terminou na 5º posição, resultado que o manteve na segunda posição no ranking, com 24.150 pontos, com Medina ainda na liderança do Tour, com 28.920 pontos.

Nas semifinais, Filipe teve uma vitória tranquila sobre o sul-africano Matthew McGillivray, enquanto Jordy passou por Griffin Colapinto com uma vantagem de apenas 17 centésimos.

Show de Toledo na final

Vindo de um início de temporada irregular, Filipinho mostrou na decisão todo o seu potencial para superar Jordy Smith e voltar a figurar entre os melhores. O brasileiro já abriu a disputa com um 6,67, mas viu o sul-africano virar com o seu “power surf” em uma onda da série, tirando um 8. Jordy ainda aumentou a vantagem com um 6, enquanto Filipe ainda esperava pelas maiores da série.

Com 20 minutos de bateria, Filipinho pegou uma das ondas mais impressionantes da final: ele acertou uma sequência de 3 rasgadas fortes e ainda finalizou com duas batidas para tirar um 8,33 e assumir a liderança com 15 pontos, contra 14 de Jordy.

A maior nota da bateria ainda veio na sequência: um 9, em uma onda que Toledo pegou sem ter a prioridade, acertou dois rasgadões e mais duas batidas para finalizar. Com 17,33 no total, Filipinho ainda trocou o 8,33 por um 8,40, enquanto Jody só conseguiu mais um 6,23 para a alegria dos brasileiros que fizeram barulho enquanto Toledo era carregado nas escadarias do Main Break.

Resultados das baterias:

Final:

Jordy Smith (AFS) 14,23 x 17,40 Filipe Toledo (BRA)

Semifinais:

Griffin Colapinto (EUA) 15,16 x 15,33 Jordy Smith (AFS)
Matthew McGillivray (AFS) 13,74 x 15,16 Filipe Toledo (BRA)

Quartas:

John John Florence (HAV) – lesionado – x Griffin Colapinto (EUA)
Jordy Smith (AFS) 11 x 10,90 Ryan Callinan (AUS)
Seth Moniz (HAV) 9,73 x 15,43 Matthew McGillivray (AFS)
Italo Ferreira (BRA) 13,73 x 13,90 Filipe Toledo (BRA)

Globo Esporte

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

SURFE -(VÍDEO): Potiguar Italo Ferreira fica indignado após eliminação com polêmica de árbitros e quebra prancha

Atual campeão do Circuito Mundial de surfe, Italo Ferreira ficou indignado com eliminação nas oitavas de final da etapa de Narrabeen, em Sydney, na Austrália. O potiguar perdeu um duelo acirrado com o americano Conner Coffin e viu Gabriel Medina assumir seu posto de líder da temporada. Irritado, o surfista quebrou a prancha no vestiário.

Italo também desabafou nas redes sociais.

– Isso desmotiva qualquer um, só que eu não! Eu ligo o f*** e vou pra próxima. Obrigado pelo carinho.

A bateria teve emoção até o fim, com o brasileiro empatando em 10,67 com Coffin, mas levando vantagem no desempate da terceira onda (4,33 a 1,00). A vitória parcial durou até a última onda do adversário, que emplacou um 5,80, divulgado já com o cronômetro estourado, garantindo a ultrapassagem. A torcida de Italo, sempre presente nas areias, chegou até a comemorar quando o potiguar saiu da água, mas teve que aceitar a queda do atual campeão mundial.

A polêmica ficou em torno de um aéreo que Italo deu e não foi considerado. Os árbitros julgaram que o campeão mundial não finalizou a aterrissagem.

Globo Esporte

Opinião dos leitores

  1. Atitude antidesportista, ficou feio para ele. Perder faz parte do jogo, e se não gostou da arbitragem recorra de alguma forma. Papelão

    1. Ele tem o direito de explodir a raiva dele. ele estava no vestiário, em local reservado e não prejudicou a ninguém, visto que a prancha é dele. A imprensa pra variar invadindo a privacidade alheia! Se vc não tem testosterona para saber o nível de Adrenalina e carga que esses caras vivem depois de serem roubados nitidamente pelos juízes, fique na sua! Vumbora ítalo, levanta a cabeça e bota pra torar!!

  2. Esse Calígula é um bostanarista desocupado. Não faz nada na vida a não ser ficar postando comentários ridículos nos blogs. Vá trabalhar, vagabundo!

    1. Deixa de conversar merda, seu bosta, respeite o CAMPEÃO MUNDIAL, já basta a imprensa do SUL falando em Medina, um Ex campeão. Santo de casa não faz milagre. ÍTALO estamos com você, vamos ser Ouro nas Olimpíadas.

    2. Vá olhar o vídeo cara, Italo completou a manobra e os juizes não consideraram. ele está certo e deve recorrer da arbitragem! Bora Italo!! bota pra moer campeão!!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *