Esporte

VÍDEO – (Fome de mar): Ítalo Ferreira mal chega a Baía Formosa e já cai na água para surfar

Foto: Sarah Porto/ge

Ítalo Ferreira estava com saudades do mar de Baía Formosa. O medalhista de ouro nas Olimpíadas de Tóquio chegou à cidade natal na madrugada desta sexta-feira e poucas horas depois já estava na água surfando com outros sete amigos. (Vídeo AQUI).

O potiguar aproveitará os próximos dias em Baía Formosa para ficar com a família, mas também para treinar. Sem muito tempo para descansar após a vitória em Tóquio, Italo tem viagem marcada para o México nos próximos dias. Mas enquanto os treinos não começam, ele se diverte com os amigos.

– É um momento para ficar ali com os moleques surfando, pegando onda o dia inteiro, e se divertindo, que é fora de campeonato, não tem aquela competitividade, é mais para se divertir.

Entre 10 e 19 de agosto, o brasileiro vai a Barra de La Cruz para disputar a sétima etapa do campeonato mundial. O surfista ocupa a segunda colocação no ranking com 33.555 pontos, apenas atrás do líder Gabriel Medina, que soma 46.720 e surge como favorito a levar o título em 2021.

Italo enfrentou uma maratona de viagens de avião de Tóquio a Natal e ainda dirigiu 95km do aeroporto da capital potiguar até Baía Formosa, onde chegou por volta das 3h (de Brasília), já na madrugada desta sexta-feira.

O brasileiro se sobressaiu em Tóquio e conquistou o ouro ao bater o japonês Kanoa Igarashi. Na decisão, Italo superou o rival por 15.14 contra 6.60. O bronze ficou com o australiano Owen Wright, que venceu Gabriel Medina na disputa.

Globo Esporte

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

FOTOS: Mais 69 mil vacinas contra a Covid-19 chegaram ao RN no fim da tarde desta terça-feira

Fotos: Paulo Nascimento

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) recebeu no fim da tarde desta terça-feira (27) o segundo carregamento de vacinas contra a Covid-19 desta semana. Mais cedo foram recebidas doses da Coronavac/Butantan e da Astrazeneca/Covax Facility.

O lote desta tarde conta com 69 mil doses da Astrazeneca/Fiocruz. De acordo com a indicação do Ministério da Saúde, todo a carga é para a segunda dose, atendendo aos potiguares com comorbidades, membros das forças de segurança, aeroviários e portuários que já tomaram a primeira dose.

Na manhã desta quarta-feira (28) a Sesap aguarda mais um carrego, desta vez do imunizante da Pfizer, completando assim mais de 170 mil vacinas recebidas na semana.

Opinião dos leitores

  1. É assim!!
    Na medida que a vacinação avança no mundo, a demanda mundial vai diminuindo as vacinas chegam, agora fica a petezada e a CPI do circo siscando feito galinha choca com gôgo, querendo que apareça a todo custo, como que não tem pra entregar? Só se tirar das ventas deles, principalmente o ze tomaz e Renan pilantra.
    Rsrsrs…
    Os dois vão da com os burros n’agua, se é que não ja deram.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

FOTOS: RN recebe mais 67 mil vacinas contra a Covid-19 da AstraZeneca/Fiocruz

Fotos:  Sandro Menezes/Assecom

O trabalho de vacinação contra a Covid-19 no Rio Grande do Norte ganhou mais um reforço. A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) recebeu no fim da manhã desta quarta-feira (30) um lote com 67 mil vacinas.

As doses são do imunizante AstraZeneca/Fiocruz e serão todas destinadas às primeiras doses, em especial dos públicos por faixa etária, ampliando o início do processo vacinal entre os potiguares.

A Sesap, por meio de sua equipe da Unidade Central de Agentes Terapêuticos (Unicat), já está organizando a distribuição das vacinas, para que as doses cheguem o mais rápido possível aos municípios.

Ainda na manhã desta quinta-feira (1°/7), o RN deverá ter mais um novo carregamento de vacinas. De acordo com o Ministério da Saúde, são mais 17.550 unidades da Pfizer, também destinadas à primeira dose.

Recentemente, o estado ultrapassou a marca do milhão de pessoas que receberam ao menos uma dose de proteção contra a Covid-19 e mais de 400 mil potiguares totalmente vacinados, de acordo com a plataforma RN+ Vacina.

Opinião dos leitores

  1. Essa carga rende pro miliciano e seu bando, US$ 67 mil dólares, em reais, vai dar R$ 334.330,00.
    Pedroca pega esse $ todo, compra todo de gel.

    1. Calígula vai querer comprar todo de ozônio furical pra uso próprio (pq ele não é comunista pra dividir com ninguém).

  2. 220 mil doses estocadas + essas 67 mil e as 20 mil doses que vão chegar sexta feira, pra quê essa inepta e ingrata Desgovernadora, quer estocar vacinas?
    Alô MP e Deputados Estaduais.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

A “MENINA DOS OLHOS”- DA DOSE ÚNICA: Primeiro lote com 1,5 milhão de doses da vacina da Janssen chega ao Brasil

Foto: Reprodução

O primeiro lote com 1,5 milhão de doses da vacina da Janssen compradas pelo Ministério da Saúde chegou nesta terça-feira (22) ao Brasil pelo Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos.

De acordo com o Ministério da Saúde, este primeiro lote pode ser usado até agosto. A Janssen pode ser armazenada por pelo menos 3 meses, em temperaturas de 2°C a 8°C, equivalente a geladeiras normais.

Até a última semana, o Ministério da Saúde esperava receber um primeiro lote com 3 milhões de doses. Na quinta-feira (17), no entanto, o ministro Marcelo Queiroga informou que a carga não chegaria e apontou “questões regulatórias” dos Estados Unidos como motivo para o atraso.

Total de 38 milhões de doses

O contrato do governo federal com a farmacêutica prevê a entrega de um total de 38 milhões de doses. Em março, quando o contrato foi anunciado, a previsão era a entrega de 16,9 milhões de doses até setembro, e as outras 21,1 milhões de doses até dezembro de 2021.

O contrato da Janssen prevê o valor de US$ 10 por dose, e um pagamento US$ 95 milhões na primeira parcela.

A imunização com a vacina da Janssen é feita com uma dose única, diferentemente de outras vacinas, o que permite uma imunização mais rápida. Este é o único imunizante em etapa avançada de testes que funciona com apenas uma dose.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso emergencial da vacina da Janssen no Brasil em 31 de março de 2021.

Como é a vacina

Janssen é a vacina desenvolvida pela divisão farmacêutica do grupo Johnson&Johnson, que leva o mesmo nome. O imunizante apresentou eficácia de 66% para os casos moderados a graves, e de 85% para os casos graves.

A eficácia mínima recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pela Anvisa é de 50%.

A Janssen pode ser armazenada por pelo menos 3 meses, em temperaturas de 2°C a 8°C, equivalente a geladeiras normais. Em temperaturas de -20°C ela fica estável por 2 anos.

O imunizante usa a tecnologia de vetor viral e funcionou contra a variante da África do Sul, a mais contagiosa.

A companhia diz ter o objetivo de fornecer 1 bilhão de doses da vacina em todo o mundo em 2021.

Prazo de validade ampliado

A chegada das doses da Janssen impacta nas estratégias de vacinação de todo o país. Isto porque os lotes têm prazo de validade até agosto.

A validade inicialmente considerada pelo governo federal era de até 27 de junho. No entanto, uma avaliação técnica da Anvisa identificou que os imunizantes podem ser utilizados até 8 de agosto, desde que armazenados em temperatura de 2° a 8°C.

A agência de regulação sanitária norte-americana (FDA) também já havia prorrogado a validade das doses da Janssen, de três meses para quatro meses e meio.

Como o imunizante é aplicado em dose única, uma aplicação da vacina da Janssen equivale a duas doses das demais vacinas que estão sendo aplicadas no Brasil (Pfizer, CoronaVac e AstraZeneca).

Primeira dose para todos até setembro

Segundo o ministro da Saúde, em julho chegarão mais 40 milhões de vacinas no país, e para agosto e setembro a expectativa é de 60 milhões em cada um desses meses.

Pelos cálculos de Marcelo Queiroga, portanto, a previsão é de mais 160 milhões de doses até setembro.

De acordo com ele, o quantitativo permite afirmar que toda a população vacinável – ou seja, acima de 18 anos – estará vacinada com a primeira dose até setembro deste ano.

Queiroga também já reafirmou que todos brasileiros adultos serão vacinados com as duas doses até dezembro.

G1

Opinião dos leitores

    1. Então é Bolsonaro quem manda as vacinas? Pensei que era Fátima Bezerra.🤭

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Fiocruz antecipa chegada de IFA e minimiza paralisação da fábrica de vacinas: “garantirá entregas semanais”

Foto: CASSIANO ROSÁRIO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

A Fundação Oswaldo Cruz conseguiu antecipar um lote de Ingrediente Farmacêutico Ativo que estava previsto para chegar por volta do dia 20 de junho e, com isso, vai conseguir diminuir o impacto na fábrica de Biomanguinhos, na zona norte do Rio de Janeiro.

A negociação, que vinha se arrastando há dias, teve uma sinalização positiva do exportador chinês da matéria-prima da vacina na manhã desta segunda-feira (7). Até domingo (6), não havia sequer data prevista para a chegada do novo lote. A direção da Fundação, contava, no entanto, que a remessa viria por volta do dia 20, reunindo os ingredientes esperados para todo o mês em uma remessa só.

Após a entrega do IFA no sábado, o material será descongelado e poderá ser usado na fábrica provavelmente na terça-feira de manhã, o que deve evitar uma paralisação de até 10 dias, que seria ocasionada se de fato a remessa só chegasse por volta do dia 20.

Em comunicado, a Fiocruz informou que “a aceleração da entrega dessa remessa permitirá a continuidade da produção de vacina e garantirá entregas semanais de vacina ao Programa Nacional de Imunizações”.

Até agora, a Fundação já entregou 50,9 milhões de doses da vacina que tem a fórmula da AstraZeneca e da Universidade de Oxford ao Ministério da Saúde. A meta inicial de entregas no primeiro semestre era de 100 milhões de doses.

As entregas semanais, no entanto, estão garantidas até dia 10 de julho. A partir de agora, a vacina será entregue às sextas-feiras para o governo do Rio de Janeiro e aos sábados para o Ministério da Saúde. A vacina será direcionada para São Paulo, e não mais para o centro de abastecimento no Rio, a pedido da própria pasta.

CNN Brasil

Opinião dos leitores

  1. Rapaz, é tão imoral essa imprensa esquerdopata, que ela inventa mentira e no outro desmente.
    Jamais o Véio Bolsonaro iria deixar de importar IFA, comprar vacinas ou algum item para combater o covid.
    A cada dia eu admiro Bolsonaro e sua equipe Ministerial.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

FOTOS: Mais um lote da Pfizer com 9.630 doses chega ao RN

Fotos: Sandro Menezes

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) recebeu na tarde desta quinta-feira (27) o segundo lote de vacinas contra a Covid-19 desta semana. As 9.630 doses do imunizante produzido pela Pfizer se somam às 122.250 vacinas da Astrazeneca/Fiocruz que chegaram na madrugada de quarta-feira (26) e foram distribuídas nesta manhã.

As vacinas, seguindo o Programa Nacional de Imunização (PNI), serão voltadas para atender com a primeira dose as gestantes e puérperas, pessoas com comorbidades e com deficiência permanente.

A distribuição do lote aos municípios será feita ao longo da semana, pois o Ministério da Saúde, responsável por operacionalizar o PNI, ainda não encaminhou as seringas e agulhas específicas que são necessárias para aplicação da vacina feita pela Pfizer.

Esta semana o Rio Grande do Norte cruzou a marca de 1 milhão de doses aplicadas. A plataforma RN+ Vacina registra que até o início desta tarde foram aplicadas 1.083.590 vacinas, sendo 671.459 pessoas atendidas com pelo menos uma dose e 352.946 potiguares com o esquema vacinal completo, representando 9,98% da população total do estado.

Opinião dos leitores

  1. Não entendo a logística da prefeitura, desde segunda-feira não tem praticamente nínguem se vacinando, sabemos que tem vacinas disponíveis, que lógica é essa, massacrar o povo??? porque essa fila não anda?

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

FOTOS: RN recebeu na madrugada desta quarta-feira novo lote de vacinas com 122.250 doses da Astrazeneca/Fiocruz

Fotos: Raiane Miranda

O Rio Grande do Norte recebeu na madrugada desta quarta-feira (26) mais um lote de vacinas contra a Covid-19. A carga de imunizantes, que será distribuída pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), conta com 122.250 de doses da Astrazeneca/Fiocruz.

De acordo com a indicação do Ministério da Saúde, seguindo o Programa Nacional de Imunização (PNI), as vacinas atenderão diferentes públicos com a primeira dose. O lote da Astrazeneca/Fiocruz servirá para ampliar o início do processo de imunização de quem tem comorbidades, pessoas com deficiência permanente, além de trabalhadores de transporte aéreo e portuários e forças de segurança pública.

A distribuição será feita nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (27), por conta do volume, disponibilizando tempo hábil para organização das equipes de segurança e das salas de vacinação espalhadas em todo o estado, mantendo o padrão de entrega dentro de um dia após o recebimento.

Ainda nesta quinta-feira (27) à tarde também serão recebidas 9.360 unidades da Pfizer. As doses serão voltadas para pessoas com comorbidades, gestantes e puérperas e pessoas com deficiência permanente. A Sesap fará junto aos municípios a coordenação para entrega das doses de vacinas, dentro das orientações do PNI.

Com esses lotes, o estado alcançará a marca de 1,5 milhão de doses disponibilizadas. A plataforma RN+ Vacina aponta que no fim da noite desta terça-feira (25) o estado ultrapassou o milhão de doses aplicadas nos 167 municípios do estado. Foram 1.001.730 vacinas aplicadas, atendendo 658.584 pessoas com ao menos uma dose e 343.146 potiguares com o esquema vacinal completo.

Opinião dos leitores

  1. Sugiro decretar logo toda a população do RN com comorbidades. Dessa forma, talvez acabe com os fura-fila. Os políticos que temos são reflexos do nosso povo.

  2. Mais de 120.000 doses APENAS para pessoas com comorbidade? fora as que já foram vacinadas (pois faz bem um mês que só este público tá sendo vacinado). Ou seja, no mínimo, foram quase 300.000 doses apenas as pessoas portadoras de comorbidades. Eita que o RN se tornou os Estado das pessoas com comorbidades… Mas se preocupe não, depois de serem vacinadas, como um toque de mágica, estarão todas curadas… Não é por menos que, dentro do Nordeste, somos o Estado que menos se desenvolve. Um país, um estado, uma cidade, é reflexo da sua população. Aqui, se gritar pega ladrão (fura fila é bandido tb) não fica um meu irmão. Se os gestores tivessem um mínimo de competência, estariam fiscalizando estas comorbidades e, ao menos tempo, estariam ampliando a faixa etária (as mortes, atualmente, estão se concentrando nas pessoas com menos de 60 anos de idade)

  3. Quando é que vão seguir a fila com a vacinação de pessoas com menos de 60 anos, estamos vendo um festival de fura fila, vacinas falsificadas, falsos doentes com comodidades e demais falcatruas.

    1. Exatamente, todo tipo de receitas e pessoas sem a mínima necessidade, enquanto isso não diminui a idade de vacinação. Uma vergonha o que estao fazendo, brasil sendo brasil.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

OXFORD E CORONAVAC: RN recebe nesta quarta mais de 54 mil doses de vacinas contra covid

A Sesap aguarda a chegada de 54.900 doses de vacinas nesta quarta-feira (24). Considerada a quinta etapa da vacinação no país, o Rio Grande do Norte receberá 35.500 doses da fabricante Astrazeneca – Fiocruz e 19.400 doses CoronaVac.

Das 35.500 doses da Astrazeneca, 2.920 doses serão destinadas aos indígenas e 21.927 destinadas a pessoas de 85 a 89 anos de idade. Das 19.400 da CoronaVac, 9.223 são destinadas para a primeira dose da vacinação de idosos com idade entre 80 a 84 anos.

A estratégia do Ministério da Saúde, acatada pelo estado, é a aplicação de todas as doses que chegarão da vacina. “Iremos seguir a orientação do MS e aplicar todas as doses, assim como já estamos fazendo com as vacinas de OXFORD. A ideia é ampliarmos o início do esquema vacinal e em tempo oportuno com a liberação de novas doses para o Estado completarmos o esquema”, afirma Kelly Maia, coordenadora de Vigilância em Saúde.

Vacinação dos indígenas

A vacinação dos indígenas é fruto do diálogo e insistência do governo do Rio Grande do Norte através de ofícios e pedidos do secretário de estado da saúde pública, Cipriano Maia. Foi encaminhado ofício à Secretaria de Vigilância em Saúde e ao Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde solicitando a inclusão dos povos indígenas do RN na Campanha de Vacinação contra a Covid-19 no estado, tendo em vista que vivem em agrupamentos e são considerados como prioridades para ações relacionadas ao enfrentamento de emergências epidêmicas e pandêmicas.

De acordo com os dados da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) o Rio Grande do Norte possui 6.067 indígenas em nosso território estadual, das etnias: potiguara, tapuia e tapuia paiacú. Estão distribuídos em 15 comunidades nos municípios de: Baía Formosa, Canguaretama, Goianinha, Macaíba, São Gonçalo do Amarante, Natal, Jardim de Angicos, João Câmara, Assu e Apodi.

Opinião dos leitores

  1. Enquanto Isso NAO se fala em vacinar as pessoas com Hipertensão e diabeticos, que São de ALTO RISCO. Tambem NAO se FAZ uma Fiscalização Rigorosa em cima do Isolamento e Distanciamento Social, bem como o Uso Obrigatorio de Mascaras. Chega de FAZ de CONTA, MENTIRAS e ENGANAÇÃO. QUE DEUS TNHA MISERICORDIA DE NÓS.

  2. Podiam ter feito da faixa de 80 a 89 anos – essa primeira fase não tem fim – virou uma bagunça esse cronograma de vacinação e os municípios mais populosos sofrem que essa divisão de faixas etárias ainda da 1ª fase.
    Não estou atribuindo a culpa ao governo estadual já que o cronograma é estabelecido em função da disponibilização de doses pelo Ministério da Saúde.

    1. Fique na fila que ainda tem os idosos que são mais urgentes…

    2. Que decepção, pensei que era Dória que estava liberando as vacinas para o Brasil… Ele não vai a globo declarar que só existe vacina porquê ele tomou todas as providências?

    3. Centenas de contaminados, Sonia entre professores, funcionários, pais e alunos. Mortes ocorrendo.E as Escolas fingindo que está tudo bem.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Insumos para 8,6 milhões de doses da vacina coronavac chegam quarta

Foto: Prefeitura de Macapá/Divulgação

Os 5,4 mil litros de insumo para produção da vacina CoronaVac devem chegar a São Paulo na noite de quarta-feira (3).

Segundo o governo de São Paulo, a chegada do lote está prevista para as 23h30, no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas.

O Instituto Butantan afirma que, com a matéria-prima, produzirá, em 20 dias, cerca de 8,6 milhões de doses do imunizante.

Em coletiva de imprensa na semana passada, o diretor do Instituto disse que outros outros 5,6 mil litros estão em processo “avançado de liberação” pelo governo chinês.

A expectativa do Instituto Butantan é a de receber, até abril, o total de insumo para produção das 40 milhões de doses contratadas.

O acordo feito entre o Instituto e o laboratório chinês Sinovac prevê o recebimento total de 46 milhões de doses. Desse montante, 6 milhões foram importadas prontas da China.

Aporte adicional

Nos próximos dias, o governo federal deve firmar um novo contrato com o Instituto Butantan para compra de um lote adicional de 54 milhões de doses da CoronaVac.

Em coletiva de imprensa na última sexta (29), o diretor do Instituto Dimas Covas, confirmou ter recebido manifestação de interesse do Ministério da Saúde, e revelou que o acordo seria assinado nesta terça (2).

A sinalização do governo federal ocorreu após o Instituto ameaçar negociar as doses com estados e municípios brasileiros, além de exportar a países interessados no imunizante, caso o acordo com o Ministério da Saúde não fosse concluído.

Doses da CoronaVac

A CoronaVac é uma vacina contra Covid-19 baseada em vírus inativado e desenvolvida pela Sinovac em parceria com o Butantan.

Parte das doses foi entregue pela Sinovac já pronta para uso, enquanto outra parte é formulada pelo instituto em São Paulo.

O Instituto Butantan necessita dos insumos para retomar o processo de envase da CoronaVac em São Paulo.

No dia 17 de janeiro, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou o uso emergencial dos 6 milhões de doses importadas prontas da China.

Um cronograma firmado entre o Instituto Butantan e o Ministério da Saúde prevê a entrega de 8,7 milhões de doses da vacina até 31 de janeiro. Desse total, 6 milhões foram entregues ao longo das últimas semanas.

No dia 18, o Butantan fez um pedido de uso emergencial para 4,8 milhões de doses da CoronaVac envasadas no instituto, que foi aprovado.

No entanto, de acordo com o Butantan, após processo de envase e conferência do lote, o total de doses envasadas foi de 4,1 milhões de doses. Desses 4,1 milhões de doses, 900 mil foram liberadas no dia 22 de janeiro.

G1

Opinião dos leitores

  1. Se fosse pra depender do presidente da república estaríamos ferrados. Homem não acredita na ciência.

    1. A China chantageando o Brasil.
      Cria a doença e tenta se beneficiar.
      Por que a China não liberou os insumos da vacina de Oxford?
      Quer vender vacina de Doria, 3 x mais cara?
      Doria tentando se promover em cima do vírus ?
      Que país sério usa vacina da China?

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Mulher faz sexo com ladrão em loja de conveniência para atrasá-lo até a chegada da polícia

Foto: Reprodução/Google Maps

Uma mulher realizou um ato sexual com um ladrão na loja de conveniência de posto de gasolina em Bratislava (Eslováquia) a fim de distraí-lo até que a polícia aparecesse, de acordo com o que foi relatado pela polícia local, em reportagem do “Sun”.

O ladrão, de 24 anos, forçou um funcionário da loja a entregar todo o dinheiro do caixa durante a ação criminosa na madrugada de quarta-feira (27/1).

O funcionário então fugiu para o escritório ao fundo depois de ter levado um soco no rosto.

De acordo com a agência de notícias TASR, citando uma fonte policial, nesse momento uma mulher entrou na loja pela porta dos fundos supostamente disposta a ajudar a pôr fim ao assalto.

A mulher – que não se acredita ser funcionária – teria praticado sexo oral no assaltante para impedi-lo de fugir. Um funcionário já havia chamado a polícia.

Quando os agentes chegaram ao local, descobriram a mulher e o ladrão deitados nus no chão, segundo relatos.

Não está claro se a mulher – que se chamaria Sona, de 35 anos, oriunda da República Tcheca – teria se submetido ao ato sexual com medo de ser agredida.

O porta-voz da polícia de Bratislava, Michal Szeiff, disse à TASR:

“Os policiais viram o homem recebendo serviços sexuais da mulher.”

De acordo com a mídia local, Sona disse a um policial:

“Leve-o, não consigo mais.”

Szeiff disse que o ladrão resistiu à prisão, levando os policiais a usar a força para detê-lo.

Extra – O Globo

Opinião dos leitores

  1. Com o ladrão, pela nossa Injustiça, nada d+ acontecerá….. Depois da audiência de custódia, será posto em liberdade, já com essa mulher, que no mínimo, podemos chama-la carinhosamente de desprovida de inteligência, o ladrão poderia acusá-la de estupro de vulnerável fácil!

    1. Você só pode ser uma anta mesmo, o caso foi na Eslováquia!

    1. É precisa ter muita banha e pelanca pra aguentar um rojão desse

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

BG vai cobrir chegada da vacina de Oxford em SP

Este comunicador está, neste momento, viajando a São Paulo para realizar cobertura jornalística da chegada da vacina Astrazeneca/Oxford, no Aeroporto Internacional em Guarulhos, em São Paulo, liberadas ontem pelo governo indiano. O convite para acompanhar este dia tão aguardado foi do ministro das Comunicações, Fábio Faria. Registrarei “in loco” um dos momentos mais importantes para o País nos últimos anos.

O carregamento com as vacinas da AstraZeneca será recebido, logo mais, pelos ministros ministros da Saúde, Eduardo Pazuello; das Relações Exteriores, Ernesto Araújo e das Comunicações, Fábio Faria, além do embaixador da Índia no Brasil. Ainda hoje, a vacina será levada para o Rio de Janeiro num voo da Azul e depois será entregue à Fiocruz. Amanhã, começará a distribuição para os Estados.

Durante a chegada da vacina, o Blog do BG, entrará ao vivo, através de suas redes sociais, informando os detalhes de como será feita a distribuição do imunizante.

Opinião dos leitores

  1. Bg puxando saco do Governo Federal, cade que cobriu a vacinacao no estado?
    Já foi confiável.

  2. Coloque o meu comentário. Cadê a liberdade de expressão? O comentário e assinado não é escondido não. Esse nome é o meu.

  3. Parabéns BG! Aproveite e leve Bruno Araújo e Zé Maria, para assistirem in loco, o que eles só fizeram torcer contra.

    1. Tu só sabe falar isso é? não tem argumentos nao? deve ser um gado aposentado ou um cabo veio da reserva.

  4. Rubinho Barrichelo, no nosso Estado RN já tem vacina e gente sendo imunizada desde segunda feira.

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    1. Eu sei!!
      Pazuelo e Bolsonaro mandou, é a chinesa . 52%
      Essa outra é a boa que começa a chegar. 95%
      Entendeu??

  5. Presidente faz Brasil ser humilhado novamente. Brasil vai pagar o dobro pelo que pagaram os Europeus.

    1. O Brasil não produz os imunizantes. Esse problema não vem de hoje.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Sinovac assegura cumprimento de contrato com o Brasil, e insumos da CoronaVac para o país têm embarque previsto para a próxima semana

CEO da Sinovac Biotech, Yin Weidong, durante entrevista em Pequim nesta terça-feira (19) Foto: Marcelo Ninio / O Globo

Novos lotes com insumos para a produção de 20 milhões de doses da CoronaVac chegarão da China ao Brasil no fim deste mês e no início de fevereiro. Esta é a previsão para a próxima fase de fornecimento das matérias-primas necessárias para continuar a produção da vacina contra a Covid-19 no Instituto Butantan. A informação é de fontes que acompanham as negociações de perto, ouvidas pela reportagem.

Na segunda-feira o diretor do Butantan, Dimas Covas, manifestou preocupação com o atraso na entrega dos insumos da vacina chinesa. Segundo as mesmas fontes a demora se deve a questões burocráticas de exportação, não à escassez de insumos.

Embora a vacinação emergencial contra a Covid-19 na China venha ocorrendo desde o meio de 2020, com o surgimento de um novo surto, o governo deu início a um plano mais amplo no início deste ano voltado a nove grupos de risco. O objetivo é vacinar 50 milhões de pessoas até o Ano Novo Chinês, que começa no dia 12 de janeiro, quando tradicionalmente milhões de pessoas se deslocam pelo país.

No Brasil, o início da vacinação foi marcado pela incerteza sobre as doses, com secretários estaduais estimando que o estoque dure apenas uma semana. O Brasil ainda não conseguiu efetivar, da Índia, a importação de duas milhões de doses da vacina da Astra Zeneca/Oxford nem há previsão para a chegada dos insumos, também da China, para a fabricação do imunizante pela Fiocruz.

Para a CoronaVac, a expectativa é de que os próximos lotes de insumos a serem entregues ao Butantan totalizem 11 mil litros, o que seria suficiente para produzir cerca 20 milhões de doses. Os próximos embarques estão previstos para a próxima semana.

Na entrevista coletiva da última segunda-feira, Dimas Covas afirmou que as matérias-primas já estão prontas para envio “desde meados deste mês”, e que a partida depende da autorização do governo chinês.

Procurada pela reportagem, a Embaixada do Brasil em Pequim informou que está em contato com as autoridades chinesas e com a empresa responsável pelo fornecimento dos insumos “para identificar a melhor maneira de resolver a questão”.

Sinovac assegura cumprimento de contrato

Em entrevista ao GLOBO nesta terça-feira, o comandante da Sinovac, laboratório que produz a CoronaVac, disse que a empresa cumprirá sua parte no contrato e pediu a confiança do público brasileiro. Yin Weidong, porém, não quis entrar em detalhes sobre o cronograma dos próximos envios de insumos da CoronaVac.

O executivo acrescentou que o laboratório concluiu a construção de uma nova fábrica em Pequim, o que permitirá dobrar a produção da vacina para um bilhão de doses por ano.

— Assinamos um contrato comercial (com o Butantan) e vamos executá-lo. Não posso detalhar a data específica, mas em termos gerais apoiamos totalmente e valorizamos o uso da vacina no Brasil. Até agora já fornecemos milhões de doses ao Butantan, mais, inclusive, do que para o mercado chinês, que recebeu 10 milhões — disse o CEO da Sinovac.PUBLICIDADE

Weidong reforçou, ainda, a parceria com o Butantan:

— Gostaria de dizer ao público brasileiro que acredite no Instituto Butantan na parceria com a Sinovac. Nós damos grande importância ao processo de vacinação no Brasil.

Segundo o executivo, há uma escassez mundial de vacinas, o que tem provocado a mobilização de governos do mundo inteiro para garantir o suprimento.

— Entendo a preocupação. O mundo inteiro está ansioso para ter as vacinas, todos os governos estão na mesma expectativa. Há uma escassez mundial no suprimento de vacinas. Não é uma questão que afeta apenas a população brasileira — disse Weidong. — Todos os governos estão concentrados nisso. Vimos isso na Turquia, onde o presidente foi vacinado, e em outros países. Nós faremos o máximo para implementar o fornecimento ao Brasil de acordo com o contrato (assinado).

O Globo

 

Opinião dos leitores

  1. Falaram tão mal da China agora estão aí com o rabo pra cima dependendo da China pra vacina. Cambada de idiotas . Ideologia mata

    1. Exato. "Tudo que é demais é veneno" já diziam os mais antigos.

    2. O Covid veio da China para devastar o Mundo. Se brincar nem o povo amarelo vai escapar.

    3. Estamos assistindo a dois modelos de relacionamento político e comercial do Brasil com o mundo. De um lado Bolsonaro, seu ministro Ernesto, seu filho Eduardo, aka Bananinha e outras autoridades do governo, quase todos comprometidos com o brevemente ex presidente dos EUA e sua política desastrada e que, fizeram com que o Brasil atualmente considerado um pária internacional sendo desprezado por China, India e Argentina como pretenso comprador de vacinas e insumos. Do outro lado, bom, do outro lado os que pensam, acreditam que a terra não é plana, se esforçaram e garantiram o início da vacinação para o povo. Está claro que o Brasil só vai conseguir recuperar o respeito de que sempre foi merecedor se escorraçar essa corja de alienados que hoje ocupa o governo do país. #Fora Bozo

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Início da vacinação no RN com ‘ato simbólico’ ocorrerá nesta terça-feira, informa Sesap; lote da coronavac deverá chegar no RN entre o fim da noite e início da madrugada

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) esclarece que, por questões de logística do Ministério da Saúde, as doses da vacina contra a Covid-19 esperadas para o final da manhã desta segunda-feira (18), deverão chegar ao Estado provavelmente entre o final da noite de hoje (18) e a madrugada desta terça-feira (19).

O Governo do Estado está trabalhando para realização de um ato simbólico da vacinação nesta terça-feira (19), com horário e local ainda a ser confirmado e divulgado em breve para toda a imprensa.

Opinião dos leitores

  1. Cadê a dona do circo Fátima Bokus?
    Ela arma o picadeiro e some Kkkķ
    Hô mulher priziaca da mulesta .

  2. O pior de ver este circo todo é tem a certeza que estão todos os políticos independente de cores partidárias fazendo uso de um ação de saúde pública como palanque eleitoral, aonde quem mais se exibir mais será lembrado no próximo pleito.
    É impressionante o nível das ações de cafajestes politiqueiros que neste momento de desespero da população estão na busca incessante da prática de expedientes nada convencionais que fere em todos os sentidos a ética e o respeito pelo povo.
    As ações de saúde pública no tocante à vacinação é para ser mais um ato de caráter administrativo, mas estão fazendo um espetáculo deprimente e de autopromoção e com isso estão passando para o povo a ideia que são os seus salvadores, e que em razão de tudo passaremos a sermos os seus eternos devedores e eles como credores no futuro próximo tem todo o direito de cobrar a sua fidelidade com a retribuição do voto como parte de pagamento da conta da vacina que recebemos.
    É em momento como este que tenho vergonha dos poderes constituídos brasileiros, pois estão todos entrelaçados em escabrosos conchavos montados em vergonhosos enredos da pior espécie.
    Os nossos gestores não estão fazendo nenhum favor em promover uma grande campanha de vacinação, pois é obrigação legal e funcional.
    Senhores e senhoras chega de espetáculos midiáticose de autopromoção, pelo menos respeitem o nosso povo nesse momento de perdas incalculáveis.
    Queremos ações públicas aonde acabe hombridade, honestidade e dignidade e jamais o vergonhoso uso da Pandemia como bandeira político eleitoreira.
    Não tenho político de estimação e não defendo cores partidárias como meio de sobrevivência, apenas acredito que o nosso povo merece respeito!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

VÍDEO: Doses da coronavac chegam ao RN nesta segunda-feira

A governadora Fátima Bezerra, em São Paulo, anunciou que as doses da vacina coronavdc chegarão ainda nesta segunda-feira(18) ao Rio Grande do Norte.

Neste primeiro lote, o Rio Grande do Norte receberá 82.440 doses da vacina. Vídeo: Cedido.

Opinião dos leitores

  1. Como eh que colocaram isso na cadeira de governadora do RN? E ainda se diz professora, só que nunca aparece um aluno. Pelas caridades…

  2. “Ainda chegará aí AINDA hoje no Rn”
    Como é que pode : uma governadora e professora falar isso? Olha a concordância governadora! ?

    1. Nunca vi uma professora falar tão errado. Tenho vergonha dos discursos de Fátima Bezerra; além de demagógicos aos extremos, são cheios de erros de português.

  3. E os 5 milhões de reais que foram utilizados para compra dos respiradores?
    Faça um vídeo explicando ou justificando.

  4. O Jeito do PT fazer politica .. na hora que precisamos da Sra Vc se escondeu,, quem tomou a frente foi o nosso prefeito, não pense que o povo vai esquecer isso Governadora, meu voto nunca mais a Sra vai ter !!

  5. Essa governadora pensa que engana quem? Não fez nada, não moveu uma palha, não abriu um único hospital, recebeu verba ,milhões do governo Federal, e agora fica posando e mostrando vídeo como se os louros e os esforços fossem seu. Me poupe minha Sra. Pq isso aí é do governo Federal, a Sra não engana ninguém com essa conversa mole. Agora faça um vídeo mostrando onde estão os 5 milhões??????? Mostre a população do RN

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

VÍDEO: Nova Zelândia celebra a chegada de 2021 com fogos e show de luzes

Foto: Reprodução/CNN Brasil (VÍDEO AQUI)

Já é 2021 na Nova Zelândia. O país da Oceania que celebrou a chegada do Ano-Novo por volta das 8h no horário de Brasília.

Na baía de Auckland, centenas de pessoas acompanharam o show piroténico com fogos e luzes, que durou 5 minutos.

A Sky Tower, um dos pontos turísticos mais famosos da cidade, costuma atrair milhares de turistas para acompanhar o Réveillon, mas, por causa da pandemia, autoridades locais limitaram o número de participantes.

A Nova Zelândia é um dos países que se consideram livres da pandemia. Mais cedo, outro país a comemorar o ano novo foi a Samoa, no Pacífico.

CNN Brasil

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Ministro Rogério Marinho prevê chegada das águas do Rio São Francisco ao RN entre outubro e dezembro de 2021

Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

O portal G1-RN destaca nesta quarta-feira(16) que as águas da transposição do Rio São Francisco deverão chegar ao Rio Grande do Norte entre outubro e dezembro de 2021, segundo afirmou em entrevista o Ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

As obras do eixo norte, que levaram águas até o Ceará, em 2020, deverão continuar, para levar água agora para parte da Paraíba e do Rio Grande do Norte.

“A partir de Jati, no Ceará, a ideia é mantermos o cronograma físico e financeiro para que entre outubro e dezembro do próximo ano as águas cheguem ao Rio Grande do Norte, a partir do Jardim de Piranhas”, declarou Marinho, em entrevista ao Bom Dia RN, da Inter TV Cabugi. Veja a entrevista completa sobre este e outros assuntos no vídeo acima.

Após entrar no estado, as águas terão como destino o município Jucurutu, chegando à barragem de Oiticica – obra que, segundo o ministro, também tem previsão de entrega em 2021.

Matéria completa AQUI.

Opinião dos leitores

  1. Raposa velha usando da velha política. Final de 2021 pretinha da campanha política pra 2022.

  2. que demora, essa obra não termina nunca!
    ninguém aguenta mais esse monte de carro pipa se arrastando nas estradas, isso já era pra ser coisa do passado!

    1. O tanto de grana que passou por aí dava pra trazer pra cá água até do Amazonas.

    2. Não se esqueça, que os projetos do PT, era pra ficar pronta em 2012.
      Projetos mirabolantes feitos de propósitos pra não acabar nunca, so pra empreiteiros e políticos desonestos comerem o dinheiro público, mas graças ao povo brasileiro, na pessoa do Presidente Jair Bolsonaro as obras vão sair todas, eu disse TODAS.
      MITO DISPARADO EM 2022.
      O povo não é louco pra entregar esse PAÍS de novo a essa corja de ladrões.
      Pense nisso.
      Quem sabe vc não muda o seu voto, e vota certo em 2022.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *