FOTO: Casal vende tudo para viver navegando, mas barco afunda em dois dias

O casal americano Tanner Broadwell e Nikki Walsh decidiu abandonar tudo em busca de um sonho: navegar pelo mundo. Eles venderam todos os bens que possuíam para comprar um pequeno veleiro, com cerca de dez metros de comprimento. Na semana passada deram início à jornada, mas ela foi interrompida apenas dois dias após zarparem em direção à Key West.

Na noite de quarta-feira, o veleiro se chocou contra alguma estrutura submersa quando o casal passava por Madeira Beach, na Flórida.

— Nós batemos em alguma coisa que estava a cerca de 2 metros de profundidade e o barco parou completamente — contou Broadwell, à emissora WFTS.

A água começou a invadir a cabine e o sonho de Broadwell e Nikki se transformou num pesadelo. Eles enviaram um pedido de socorro e só tiveram tempo para pegar documentos, dinheiro, um celular e o cachorro de estimação Remy.

Segundo o “Tampa Bay Times”, o navio de resgate chegou cerca de uma hora depois, mas o local era muito raso para a aproximação. Então, o casal teve que se jogar ao mar, deixando para trás o barco naufragando.

— Tudo que eu trabalhei, tudo que juntei desde que era criança, eu trouxe comigo — lamentou Nikki. — Está tudo boiando indo embora e eu não posso fazer nada.

Broadwell e Nikki deixaram o Colorado ano passado após venderem todos os bens, incluindo um carro, para comprar o veleiro Lagniappe por US$ 5 mil. Eles investiram outros US$ 5 mil para deixar o barco pronto para a aventura de suas vidas.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Alexandre Magno disse:

    Parabéns pela coragem de largar tudo e ir em busca de um sonho. Com certeza, se nao ouver revolta, receberão de volta com juros

  2. Dr. Veneno disse:

    Rsrsrs.
    O q o cara conseguiu juntar na vida foi U$ 10.000 ??
    Mereceu ser naufragado mesmo.

  3. Feyb10 disse:

    esse casal me representa na vida…kkkkkkkkkk

(PREJUÍZO) – Jovem que perdeu carro no mar busca conserto: ‘Na próxima pago o motel’

carro4_xFoto: Reprodução G1

O jovem de Peruíbe, no litoral de São Paulo, que teve o carro levado pelo mar enquanto buscava um lugar mais reservado para namorar, contabiliza os prejuízos. Guilherme Luiz Vaz Akagui, de 23 anos, passou os últimos dois dias empenhado na limpeza do veículo e afirma que da próxima vez não cometerá o mesmo erro e pagará um motel.

O caso aconteceu por volta das 5h do último sábado (16), quando Akagui, que usava o carro da avó, tentou atravessar a barra do Portinho de pesca da cidade em direção à praia do Costão para namorar. O veículo foi levado pela maré e só foi retirado do local cerca de cinco horas depois com a ajuda de um guincho.

Após o incidente, o jovem conta que levou o carro para a casa da mãe e pediu ajuda do padrasto para uma faxina geral no veículo. “Passei o dia mexendo no carro. Tiramos o carpete, banco e limpamos tudo que foi possível para evitar a ferrugem e ver o que é possível recuperar”, explica.

Como ficou praticamente submerso por um período relativamente longo, o veículo também tinha muita areia no interior. Segundo Akagui, visualmente o carro está bom, o que preocupa é a parte mecânica, que está sendo revista por um amigo da família.

“Não foi possível salvar todas as peças, mas ele vai fazer uns testes no motor, por exemplo, para ver o que é possível fazer. Espero que consiga salvar alguma coisa já que o carro não tinha seguro”, aguarda.

Mesmo alimentando um ponto de esperança, Akagui sabe que a imprudência custará caro. “Só o guincho ficou em R$ 2 mil. Eu acho que da próxima vez é melhor eu pagar um motel”, lamenta. Até o momento, todos os gastos com a recuperação do veículo da avó estão sendo pagos por ele.

Bronca

O jovem de 23 anos mora há três anos na cidade e vive com a avó, dona do carro. “Nós temos uma relação muito boa, mas ela ficou em estado de choque. Só nos encontramos no almoço de domingo e ela parece mais calma, mas vou ficar uns dias com a minha mãe, pois estou cuidando do conserto”.

Romance?

Já sobre a garota que estaria com ele no dia do incidente, Akagui prefere manter sigilo e ainda não atualizou o status do relacionamento. “Ela até queria ficar lá para ajudar, mas eu preferi que ela fosse embora. Eu consegui recuperar o meu celular e os meus documentos que estavam dentro do carro. Tentei ligar pra ela, mas ainda não nos falamos”, conclui.

G1

http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2015/05/jovem-que-perdeu-carro-no-mar-busca-conserto-na-proxima-pago-o-motel.html

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. rodrigo disse:

    Em resumo: "Casada"

Casal é executado dentro de residência na zona norte de Natal

A Polícia Militar confirmou o assassinato de um casal na madrugada desta quarta-feira (25), dentro de uma residência localizada em Pajuçara, na zona Norte de Natal. De acordo com a PM, as dormiam quando homens armados invadiram a residência e efetuaram disparos de arma de fogo – pistolas e espingarda calibre 12.

Segundo a PM, através do 4º Batalhão, o casal foi identificado como Francisco Franklin Ferreira Júnior, de 19 anos, e Karoline Bianchi Vieira da Silva, de 18 anos. Informações preliminares dão conta que os jovens moravam em Mãe Luiza e estariam no Pajuçara escondidos.

Ainda segundo a PM, Francisco Franklin fazia parte do bando de Rivotril, morto em confronto com a Polícia. Não se tem informação da motivação do crime com características de execução. O que se sabe é que os assassinos fugiram em um veículo não identificado como destino ignorado, logo após o duplo homicídio.

Casal é vítima de duplo homicídio em São Gonçalo do Amarante

Um duplo homicídio foi confirmado pela Polícia Militar, na noite dessa quarta-feira (2), no loteamento Nova Zelândia, no município de São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. As vítimas, de identidades não confirmadas, foram assassinadas com disparos de arma de fogo na rua São João.

Segundo a PM, populares disseram que só ouviram os disparos e encontraram o casal já sem vida no chão. O que chamou a atenção dos policiais foi o encontro de um cartão de crédito e uma carteira de identidade de uma adolescente, cada documento com o nome de uma pessoa diferente. Os pertences estavam com a mulher.

Após o isolamento da área, o Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) foi acionado e remove os corpos para a realização da necropsia. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Casal é assassinado dentro de casa em Mossoró

Um casal identificado como Edvan Florentino da Silva, de 40 anos, natural de Frutuoso Gomes no RN, e Francidália Maria da Silva, 32 anos, natural de Catolé do Rocha no estado da Paraíba, foi assassinado na madrugada desta segunda-feira (10), por volta de 1h30, em uma vila na Rua Dolores do Carmo Rebouças, no bairro Aeroporto “Quixabeirinha”, em Mossoró. Os corpos do casal foram encontrados no terraço da residência e a principio, cada um foi morto com três disparos de arma de fogo na cabeça.

Segundo informações preliminares, a Polícia foi informada que Edvan tinha passagem pela Cadeia Pública de Caraúbas. Com ele foi encontrado um Alvará de soltura, mas ninguém sabe o que teria motivado o duplo homicídio. Ainda segundo a Polícia, testemunhas teriam ouvido cerca de quatro disparos e duas pessoas deixando o local em uma motocicleta. O caso será investigado pela Polícia Civil, que não descarta a possibilidade do(s) autor(s) do crime estava(m) dentro da casa, já que não foi constatado qualquer sinal de arrombamento.

Preso casal acusado de tráfico de drogas em João Câmara

Policiais Civis da  Delegacia de João Câmara prenderam na tarde desta sexta-feira (10) um  casal acusado de tráfico  de drogas. A ação, que contou com o apoio da PM, ocorreu em cumprimentro à mandados de busca e apreensão.

O casal foi identificado como José do Nascimento Brito, 22 anos, e Isabel Cristina Guedes Bezerra, 33 anos.Com eles foi encontrada uma pequena quantidade de droga e um revólver. Na delegacia, Cristina, que já respondeu processo por tráfico de drogas, confessou que comercializava drogas há alguns anos.

José e Cristina foram autuados por tráfico, associação para o tráfico e posse de arma.

Casal veste uniforme de loja e é preso pela PM em Natal durante roubo de vários produtos

A Polícia Militar prendeu na noite dessa quarta-feira (11), um casal suspeito de assaltar a loja Insinuante da Avenida Rio Branco, no bairro Cidade Alta, na zona Oeste de Natal. De acordo com os policiais, informações dão conta que os suspeitos vestiram uniformes do estabelecimento para realizar a ação, que resultou no roubo de celulares, smartphones, notebooks e tabletes. Com eles ainda foram apreendidos R$ 2.775,00.

Segundo a PM, por volta de 19h30, os suspeitos foram encontrados dentro da loja após denúncia de pessoas que passavam próximas ao local. A Polícia acredita que o casal entrou na loja no momento em que ela estava sendo fechada, e ainda existiam cerca de seis funcionários, que foram rendidos. Na ocasião, sob suspeita de possível sequestro, os policiais tiveram cautela até a entrada e abordagem. Neste momento, a mulher ainda conseguiu fugir, mas foi alcançada ainda no bairro, com um revólver calibre 38 apreendido, uma motocicleta, possivelmente para fuga, além da quantia descrita em dinheiro.

Encaminhados a Delegacia de Plantão zona Sul, constatou-se que o casal já tinha passagem por furto.

Polícia Civil prende casal em Mossoró com saco de dinamite e material detonador

A Polícia Civil de Mossoró, através da Divisão de Policia do Oeste (DIVIPOE), sob comando do delegado Renato Silva Oliveira, prendeu o fugitivo de Justiça Francisco Antônio da Silva Batista, além de sua mulher, identificada até o momento como Paloma, no bairro Santo Antônio. Com os dois foram apreendidos um saco de dinamite, com 22 unidades, (escondidas embaixo de um berço de um bebê de nove meses), cordões e espoletas detonantes, material usado ou com objetivo e uso para explosões de caixas eletrônicos na região.

Segundo a Polícia Civil, o casal passou a ser monitorado após o ataque ao Banco do Brasil na cidade de Apodi, recentemente. Na ocasião, uma quadrilha, além de roubar o dinheiro do banco, em quantia não revelada, ainda trocou tiros com a Policia Militar, deixando baleado o PM José Gurgel, de 29 anos.

Com acréscimo de informações de Cezar Alves – Jornal de Fato

Casal acusado de fraude contra empresa NNEX é posto em "liberdade" em Caicó

O juiz Luiz Cândido Villaça, concedeu na tarde dessa quinta-feira, (24), a liberdade para o casal caicoense, Tarcísio Nóbrega de Melo Júnior e Rafaela Pereira Gurgel de Melo, presos acusados de fraude financeira cotra a empresa NNEX de Marketing Multinível. A decisão proferida pelo magistrado é carregada de medidas cautelares impostas ao casal.

Os dois foram postos em liberdade ainda na noite de quinta-feira, por oficiais de Justiça. Os alvarás de soltura foram encaminhados, um para a Penitenciária Estadual do Seridó e o outro para a Academia de Polícia Militar em Natal, onde Rafaela estava detida.

Com a decisão, o casal está proibido de se ausentar da comarca de Caicó sem comunicar previamente o juízo, devendo se apresentar na Secretaria da Vara Criminal, semanalmente, sempre às segundas-feiras.

Confira outras restrições:

Suspensão de exercerem qualquer tipo de função junto à empresa Veloz Net.Com Serviços de Internet LTDA, bem como afastar-se dos seus prédios, instalações e equipamentos;

* Proibição de frequentarem a empresa sob qualquer pretexto;

* Comunicar previamente, com a finalidade de obter autorização, ao juízo caso resolva exercer alguma atividade laboral;

* Recolhimento  domiciliar até às 19 horas e proibição de frequentar bares, restaurantes, festas e afins, notadamente porque são locais onde, por terem grande aglomeração de gente e o fato tratado no inquérito policial teve grande repercussão social nesta Comarca, e é NECESSÁRIO resguardar a integridade física dos indiciados.

Vale destacar que já existiam dois pedidos de liberdade para o casal impetrados na Justiça. O Ministério Público caicoense, opinou pelo deferimento da liberdade dos dois. “Analisando a prisão efetivada, tenho que a mesma já não se mostra necessária, podendo muito bem ser substituída por medidas cautelares”, disse o juiz Luiz Cândido em sua decisão.

Do blog Sidney Silva

Casal vende filha para poder comprar iPhone

102_181-alt-blog-iphoneUm casal foi preso após ter vendido a filha para poder comprar um iPhone e outros produtos. Zhang e Teng, como o casal foi identificado, publicou anúncios em jornais de Xangai (China) afirmando estarem dispostos a negociar o bebê – até então no ventre da mãe -, contou o “Daily Mail”.

O bebê nasceu em casa e poucas semanas depois acabou vendido. Durante a gestação, a chinesa contara aos vizinhos estar sofrendo de um tumor.

Após receber o dinheiro (cerca de R$ 17 mil), o casal foi a uma loja e comprou um iPhone, relatou a mídia estatal. Os chineses, que estão desempregados, têm outros dois filhos. Eles disseram que a venda foi a melhor decisão para conseguir um futuro melhor para a filha.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Fina Ironia disse:

    O mundo realmente acabou…

Casal é preso em Motel no RN acusado de tentar furtar tv e pagar conta com dinheiro falso

dsc04236A Polícia Militar de Currais Novos prendeu na manhã dessa quarta-feira (09), um casal acusado de furtar uma televisão, tentar passar uma cédula falsa de R$ 100,00 e sair sem pagar a conta no valor de R$ 67,00, em um motel do município.

Segundo Isabele Raiane S. Ferreira, de 23 anos, uma pessoa identificada como Jime, que estava no quarto com os dois, resolveu tomar essa decisão, contudo, ela alega que foi apenas fumar umas pedras de crack e assistir aos amigos fazer sexo. O outro detido foi João Maria Santana da Silva, de 41 anos,

O proprietário do estabelecimento registrou a queixa e o casal deverá ficar detido à disposição da justiça.

Com informações e foto do soldado J. Junior, da 3ª CIPM de Currais Novos

Duplo homicídio: casal é assassinado com vários tiros na Grande Natal

Um duplo homicídio foi registrado na grande Natal no final da noite dessa terça-feira (1), por volta das 23h, na rua Manoel Anísio, em Pium, Parnamirim. Na ocasião, um casal identificado como Reyguen Raynen da Silva Mata, de 20 anos, e Patrícia do Nascimento Alves, de 22 anos, foi morto com vários disparos de pistola ponto 40, quando conversava na via.

Segundo a PM, informações dão conta que um veículo se aproximou do casal, um homem desceu, começou a atirar e logo depois retornou ao bando, fugindo com destino ignorado. Os disparos atingiram Reyguen por dez vezes, enquanto Patrícia por sete.

Não se tem informação da motivação do crime, contudo, não está descartada a possibilidade de vingança, já que familiares informaram que Reyguen respondia um processo por latrocínio (roubo seguido de morte), quando adolescente, na Paraíba. Patrícia, por sua vez, pode ter sido vítima da ocasião.

Casal é cercado por homens encapuzados e morto na Grande Natal

Um duplo homicídio foi registrado na madrugada desta quinta-feira (12), na rua Cuité, no Centro de Macaíba, região metropolitana de Natal. De acordo com o 11º Batalhão de Polícia Militar, Weldes Lindemberg Cardoso, de 34 anos, e Ana Paula Avelino de Souza, de 20 anos, estavam em um carro um veículo Celta de cor vermelha, quando foram surpreendidos por homens encapuzados que surgiram em um veículo do mesmo modelo e cor preta.

Segundo a PM, os bandidos, provavelmente, seguiram as vítimas e fizeram com que saíssem do automóvel. Rendidos, não tiveram chances e foram mortos com disparos de pistola 380 nas regiões das costas e cabeça. Após o crime, os assassinos fugiram com destino ignorado. Informações do 11º BPM dão conta que o casal tinha envolvimento com drogas.

Com 24 netos e 25 bisnetos, casal de anciãos será homenageado no Justiça na Praça de Maxaranguape-RN

O programa “Justiça na Praça”, que acontecerá no dia 13, no Município de Maxaranguape, marcará a 33ª edição desta iniciativa do Judiciário potiguar, com destaque para a realização de 123 casamentos no período da manhã, para casais da área urbana e de distritos espalhados pela área do município. Com essa edição, o número chega a 553 casamentos e um casal em especial será homenageado.

O que chama a atenção nesse casal é a idade dos noivos: José Varela dos Santos tem 105 anos de idade (nascido em 14/11/1907) e Maria do Carmo Oliveira, tem 85 anos (nascida em 20/02/1925). Eles moram no Distrito Praia de Caraúbas, em  Maxaranguape-RN e são naturais do Município de Taipu-RN.

Ela sempre teve sonho de se casar, pois, no seu entender, nunca gostou de “viver em pecado”. Ele, por sua vez, nunca quis se casar, pois dizia que “não casou de novo, agora de velho, pior”. No entanto, dona Maria do Carmo acabou convencendo seu José e agora o grande sonho dos dois é casar no cartório e no religioso para “sair do pecado”.

Seu José Varela, que é agricultor, e dona Maria do Carmo, dona de casa, vieram para praia de Caraúbas, em Maxaranguape, há mais de 50 anos e tiveram quatro filhos, três deles, vivos. Os filhos do casal lhe presenteou com 24 netos e estes com 25 bisnetos.

Atualmente, quem cuida do casal é um neto adotivo e uma filha. Seu José Varela sempre trabalhou na “roça” e dona Maria do Carmo gostava de raspar mandioca e fazer beiju para vender. Ainda hoje ele acorda dizendo que sonhou trabalhando, pois gostava muito de trabalhar.

TJRN

Tentativa de assalto deixa casal baleado em padaria em Cidade Satélite

Até para comprar o pão ninguém tem mais sossego e ainda corre o risco de não voltar para casa. Na noite dessa quarta-feira (4), um casal foi atingido por um disparo de arma de fogo durante uma tentativa de assalto a uma padaria localizada na Avenida Xavantes, em Cidade Satélite.

Na ocasião, três homens invadiram o estabelecimento e iniciaram uma espécie de arrastão. Na sequência, uma das vítimas, um homem de identidade preservada, entregou seus pertences sem esboçar qualquer reação, contudo, o bandido acabou efetuando o disparo contra ele. Por sorte, o disparo atingiu seu rosto de raspão e ainda acertou o braço de sua esposa.

Segundo a Polícia, sem alternativas, o homem, mesmo baleado, partiu para cima do bandido e uma luta foi iniciada. Assustados e notando a perda de controle da situação, o trio fugiu com destino ignorado sem levar absolutamente nada.

FOTO: Casal é flagrado fazendo sexo em estádio após jogo

thumbUm casal foi flagrado fazendo sexo no centro do gramado do Brondby Stadium, em Copenhague. O ato protagonizado por dois jovens ocorreu no último domingo, após o empate em 0 a 0 entre Brondby e Randers pelo Campeonato Dinamarquês.

Os jovens esperaram escondidos que o estádio ficasse completamente vazio, entraram no gramado e começaram a fazer sexo. Acabaram sendo surpreendidos por um segurança, que os colocou para fora do recinto.

Uma foto do episódio foi postada no Twitter pelo assessor de imprensa do Brondby, Mikkel Davidsen.

Lance

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. laise disse:

    nem isso daria pra fazer no barretão