CHIFRE CARO: Xand Avião terá que indenizar em R$ 15 mil, homem que ele chamou de “corno, gaiudo”

Foto: Reprodução

Foi rejeitado nessa terça-feira (3) pela Justiça da Paraíba o recurso da decisão judicial que condenou o cantor Xand Avião, da banda Aviões do Forró, a pagar R$ 15 mil de indenização por chamar um homem de “corno, chifrudo e gaiudo” em um show da banda no estado. A desembargadora Maria das Graças Morais Guedes manteve a decisão de primeira instância que impôs o pagamento por danos morais. Cabe recurso da decisão.

Leia matéria completa aqui no Justiça Potiguar.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Flávia Maria Lima disse:

    Só faltava essa agora "Cornofobia"😂😂😂😂

  2. Juliana disse:

    Minha gente, pelo amor de Deus! Nada justifica Xand avião chamar o conhecido de corno em cima de palco para todo mundo ouvir não, se ele foi corno ou deixou de ser, para que tirar sarro da cara do homem? É só se colocar no lugar do rapaz…

  3. Lenilson disse:

    Essa foi foda mesmo kkkk

  4. Valdinei disse:

    Kkkkkkk
    E coisa viu
    Eu acho que esse cara e mesmo viu,
    Se for assim
    Vai ter corno aí que não vai trabalhar mais só processando kkkkkkk

  5. Josuel da silva queiroz disse:

    Fodeu

  6. Jose disse:

    Mas e a pessoa sabe quando ele é boi vai até que é um cara que tá pegando a mulher dele é por isso que ele chamou o cara de corno , 😂😂😂😂

  7. Marcelo Bezerra disse:

    isso só pode ser piada eu era criança o Falcão já cantava música de corno

  8. Mayara disse:

    Agora lascou 🤦🤦🤦

  9. Junior disse:

    e se depois de receber o dinheiro, descobrirem que o cara foi mesmo "gaiado"? Vai devolver o dinheiro????

  10. Patriota do RN disse:

    E ele mentiu? kkkkkk…

Cidadão baleado por foragido de presidio no RN será indenizado em R$ 15 mil

Foto: Ilustrativa

O juiz Bruno Montenegro Ribeiro Dantas, da 3ª Vara da Fazenda Pública de Natal, condenou o Estado do Rio Grande do Norte a pagar uma indenização de R$ 15 mil, a título de danos morais, a um cidadão vítima de um assalto realizado por um foragido da cadeia pública do Município de Caraúbas. Durante o evento, ocorrido em setembro de 2015, em Assú, a vítima foi baleada e precisou passar por cirurgia. Detalhes aqui no Justiça Potiguar.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Riva disse:

    Qual Estado vai pagar isso? É mais uma tapa na cara dos contribuintes.

    • DesacocheiocomoBrasil disse:

      Tapa na cara dos contribuintes é a "bolsa presidiário" que pagamos todo mês para a multidão de vagabundos presos, assim como as indenizações para as famílias dos marginais que morrem nas rebeliões que eles mesmos causam…..o que é pago ao cidadão de bem é justiça, seu palhaço.

FOTO: Ladrões em Mossoró invadem ótica pelo teto e roubam produtos avaliados em R$ 15 mil

Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

O portal G1-RN destaca nesta quinta-feira(05) que ladrões invadiram pelo teto e roubaram produtos de uma ótica nesta madrugada no Centro de Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte. Segundo uma das sócias do estabelecimento, que preferiu não se identificar, o material levado está avaliado em cerca de R$ 15 mil. Veja detalhes da ação criminosa clicando aqui em matéria na íntegra.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ramilson Raniere disse:

    A ladrão.essa praga so tem um geito é matando metendo aço.bandido bom é bandido morto.

  2. Severino disse:

    Por causa disso, muita gente cai na falência e nunca mais se recupera. Cai em desgraça, desagregação familiar. Se não fosse a possibilidade de erro judicial, por mim era pra torar mãos e pés desses assaltantes e deixava numa pocilga-presídio nu e comendo lavagem.

Senado tem garçom que recebe remuneração de até R$ 15 mil

O cafezinho dos senadores tem um custo alto, menos pelo produto servido, mais pelos garçons que servem os parlamentares no plenário e na área contígua. O Senado tem uma equipe de garçons com salários até 20 vezes maiores do que o piso da categoria em Brasília. Para servir os senadores, sete garçons recebem remuneração entre R$ 7,3 mil e R$ 14,6 mil — três deles atuam exclusivamente no plenário, e quatro ficam no cafezinho aos fundos, onde circulam parlamentares, assessores e jornalistas.

O grupo ocupa cargo comissionado na Secretaria Geral da Mesa com título de assistente parlamentar. Todos nomeados de uma só vez, num dos atos secretos editados em 2001 pelo então diretor-geral do Senado, Agaciel Maia.

Nestes 12 anos, os garçons (ou assistentes parlamentares) foram promovidos a cargos comissionados superiores ao (mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. rnatal disse:

    E os Professores quanto ganham? Sem desmerecer os garçons – mas em um País onde no centro do poder um garcon ganha o salário que um professor devia receber, o que se esperar deste País?

  2. Breno disse:

    estudar pra que?