Em evento, ministro promete informatizar UBSs até o fim de 2018

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, afirmou nesta segunda-feira, 14, que todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) estarão informatizadas até o final do próximo ano.

A declaração foi dada durante a abertura do Summit Saúde Brasil 2017, evento promovido pelo Estado que reúne alguns dos maiores especialistas no tema.

Segundo Barros, todas as UBSs devem passar pelo processo, que inclui a implantação do prontuário eletrônico dos pacientes.

As medidas para modernização do SUS incluem ainda mais interatividade com os pacientes que, por meio do aplicativo E-Saúde, vão poder inclusive avisar quando não for possível comparecer a uma consulta.

“Hoje, financiamos doença e temos passar a financiar saúde. Investir em prevenção e promoção será a palavra de ordem. Sabemos que, em 30% das consultas, as pessoas não comparecem. Elas poderão confirmar com o smartphone”, explica Barros.

Para informatizar as UBSs, o ministério deve fazer um contrato com duração de 60 meses, que será pago mensalmente.

Em sua apresentação, o ministro apresentou ainda o projeto de criação de uma fila única para procedimentos cirúrgicos, cuja posição também poderá ser consultada por smartphones.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. carla disse:

    Esse ministro é mais um demente desse governo de trogloditas senis do século passado. Como pode um governo implantar medidas tão polemicas sem passar por um plebiscito ou um referendo ? ah, me lembrei, é um governo golpista.

PROTESTO: Moradores tiram foto em placa que sinaliza conclusão de posto de saúde, mas no local há apenas um terreno vazio

ubs soledadeCansados de tanto esperar pela Unidade Básica de Saúde do conjunto Soledade I, na Zona Norte, os moradores da região decidiram posar na placa em frente ao terreno baldio que deveria estar com as obras concluídas ou, pelo menos, em fase de conclusão.

De acordo com a moradora Ingrid Freitas, que entrou em contato com o blog, a obra foi prometida para ser entregue em dezembro de 2014, mas como as obras não avançaram, uma nova placa foi colocada no local prometendo a entrega para dezembro de 2015. Mesmo assim, no local, existem apenas algumas escoras e nada mais. “Estamos revoltados. Essa unidade já deveria ter sido entregue, mas a obra ainda não teve início causando a indignação dos usuários. A Unidade Básica de Saúde vai beneficiar não apenas os moradores do Soledade I, como também de todas as comunidades vizinhas”, disse.

Ainda segundo a moradora, após o protesto, a Prefeitura do Natal e a construtora se prontificaram a iniciar as obras de imediato.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Flavio disse:

    Se tivesse oposição isso não aconteceria. Bando de safados e o povo que vota sempre nas oligarquias se ferrando!!!!

  2. Luciana Morais Gama disse:

    Eh por isso que estão chamando o prefeito de MICARLOS.

Governo anuncia investimento de R$ 15,1 milhões para UPAs e UBS do RN

O Ministério da Saúde divulgou nesta quarta-feira (6) a seleção de projetos para construção e ampliação de Unidades de Pronto Atendimento (UPAs 24 horas) e Unidades Básicas de Saúde (UBS). Os benefícios vão contemplar 125 unidades de saúde potiguares. Serão repassados recursos federais para a construção de uma nova UPAs e para ampliação de outras duas. Para as UBS, serão ampliados 122 postos. Ao todo, serão investidos R$ 15,1 milhões, sendo R$ 4,2 milhões para as UPAs e R$ 12,1 para as UBS. Os recursos fazem parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2).

“Esses novos serviços para a população representam o compromisso do Governo Federal em aumentar o acesso, com qualidade, dos cidadãos aos serviços do SUS (Sistema Único de Saúde). As UPAs e UBS estão inseridas nas redes prioritárias do Ministério da Saúde, que buscam desafogar os atendimentos nas emergências e ampliar a assistência especializada”, destaca o Ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

Reforço à atenção básica – Os recursos liberados pelo Ministério da Saúde serão usados para ampliação de 5.459 unidades básicas em 2265 cidades brasileiras. A medida faz parte do programa Saúde Mais Perto de Você, que está aprimorando os serviços de atenção básica do SUS.
As Unidades Básicas de Saúde são locais onde o cidadão pode receber atendimentos básicos e gratuitos em pediatria, ginecologia, clínica geral, enfermagem, odontologia e outros atendimentos essenciais. As Unidades Básicas de Saúde resolvem 80% dos problemas de saúde da população do território que ela é responsável e promovem hábitos saudáveis de vida.

Apoio às emergências – Responsáveis por prestar atendimento de média complexidade, como vítimas de acidentes e problemas cardíacos, as UPAs contribuem para desafogar as urgências dos hospitais do SUS e reduzir o tempo de espera por atendimento.
Nas localidades em que estão em pleno atendimento, as unidades dão conta de atender, sem necessidade de encaminhamento ao pronto-socorro hospitalar, 97% dos pacientes que as procuram.

As UPAS 24h estão inseridas na rede Saúde Toda Hora, que está reorganizando o atendimento de urgência e emergência dos hospitais do SUS. A rede integra, além dos hospitais, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU/192), que organiza o fluxo de atendimento e encaminha o paciente ao serviço de saúde adequado à situação. Nas unidades, os pacientes são avaliados de acordo com uma classificação de risco, podendo ser liberados ou permanecer em observação por até 24 horas, ou se necessário, serão removidos para um hospital de referência.

Fonte: Agência Saúde