UFRN define quadro de vagas para 2020: via Sisu, 6.933, em um total de 8141, distribuídas em cursos e outras formas de ingresso

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFRN (Consepe) aprovou na última terça-feira, 10, o quadro de vagas para ingresso de novos estudantes em 2020. Serão oferecidas 8.141 vagas no total, destas 6.933 por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para o qual é mantido o mesmo número de 2019, com distribuição entre 4.649 vagas para o 1º semestre e 2.284 para o 2º semestre.

As demais vagas se destinam às outras formas de ingresso na UFRN, sendo 229 para as graduações com Processo Seletivo Específico (PSE), que incluem os cursos de Dança, Teatro, Música e Libras; 70 vagas para mobilidade interna, em que os estudantes são transferidos para o mesmo curso de outro campus da UFRN; 101 vagas para o Programa de Estudantes-Convênio de Graduação (PEC-G), voltado aos estudantes de países em desenvolvimento que mantêm acordo com o Brasil, além de 58 vagas para o convênio com instituições do Timor Leste.

A UFRN ainda dispõe de 750 vagas para os cursos de 2º ciclo, que recebem estudantes graduados em primeiro ciclo. Entre eles estão as engenharias de Materiais, do Petróleo, Mecatrônica e Ambiental, além das graduações em Ciência da Computação e Engenharia de Software.

De acordo com a pró-reitora de Graduação da UFRN, Maria das Vitórias Vieira, o quadro de vagas foi elaborado de acordo com as propostas enviadas pelos cursos. Em relação ao quadro de 2019, foram adicionadas três vagas no curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, que serão ofertadas via PSE.

Com informações da UFRN

Inscrições de “Vestibular” da UFRN com 448 vagas residuais encerram nesta segunda

O Núcleo Permanente de Concursos (Comperve), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), segue com inscrições abertas no processo seletivo para reocupação de vagas residuais nos cursos de graduação da instituição de ensino. Ao todo, estão sendo oferecidas 448 vagas, distribuídas nos campi de Natal, Caicó, Currais Novos, Macaíba e Santa Cruz. As inscrições podem ser feitas neste link até as 23h59 desta segunda-feira(09). A taxa de inscrição é de R$ 30,00.

O candidato inscrito poderá acessar a página da Comperve para consultar sobre a validação de sua inscrição a partir do dia 16 de setembro. A divulgação dos locais de realização das provas estará disponível a partir do dia 23 de setembro.

Podem se candidatar às vagas quem possui vínculo ativo em cursos de graduação, candidatos portadores de diploma e ex-alunos de graduação da UFRN. O processo seletivo, que lembra o saudoso vestibular,  será composto por prova escrita objetiva de língua portuguesa e matemática, redação e prova de títulos.

As vagas residuais são geradas por cancelamentos de curso, conforme o Regulamento dos Cursos Regulares de Graduação da UFRN. Confira o edital no site da Comperve.

Com informações da UFRN

Pesquisa da UFRN está entre as mais lidas da Scientific Reports

Foto: Reprodução

O artigo Thermal Conductivity of Graphene-hBN Superlattice Ribbons, fruto da dissertação de mestrado de Isaac Felix, sob orientação do professor Luiz Felipe Pereira, foi um dos mais lidos em 2018 pelo Scientific Reports na área de física. A publicação, que foi integralmente desenvolvida na UFRN utilizando recursos computacionais do Núcleo de Processamento de Alto Desempenho (NPAD), com apoio da Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PRPG), foi incluída na coleção Top 100 in Physics e pode ser lida livremente aqui.

O estudo trata da condução de calor em super-redes formadas por grafeno e nitreto de boro. Estas estruturas têm espessura de um único átomo e foram sintetizadas em laboratório há menos de uma década. Os resultados do trabalho mostram que quando o tamanho das regiões aumenta gradativamente, o sistema apresenta uma transição no transporte de calor de um regime coerente para um regime incoerente.

Este fenômeno permite o controle da condutividade térmica das super-redes, que podem ser utilizadas na fabricação de dispositivos termoelétricos para produzir energia elétrica a partir do calor dissipado em indústrias e automóveis. O periódico Scientific Reports é uma publicação de acesso aberto do grupo editorial Nature, um dos mais respeitados do mundo na publicação de artigos científicos.

Com informações da UFRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Evan Jegue disse:

    👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽

Estudantes da UFRN tem até sexta para solicitar trancamento de matrículas do período 2019.2

Reprodução/UFRN/Sigaa

Os estudantes da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) têm até sexta-feira, 30, para solicitar o trancamento de matrículas em turmas para o período 2019.2, de acordo com o prazo estabelecido no calendário acadêmico da instituição. Conforme o regulamento dos cursos de graduação, o procedimento significa “a desvinculação voluntária do estudante da turma referente ao componente curricular em que se encontra matriculado”, concedido nas seis primeiras semanas do período letivo. Não podem ser trancadas as atividades coletivas que não preveem aulas, atividades de orientação individual e atividades autônomas.

O trancamento de matrícula é permitido apenas uma vez no mesmo componente curricular, seja em períodos consecutivos ou não. Para realizar a operação, o aluno deve acessar o Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa), na aba Ensino – Trancamento de matrícula – Trancar, com a possibilidade de selecionar uma ou mais matrículas. A efetivação ocorrerá sete dias após a solicitação, sendo facultado ao discente desistir do trancamento nesse período.

Com informações da UFRN

“Vestibular” da UFRN com 448 vagas residuais está com inscrições abertas até 9 de setembro

O Núcleo Permanente de Concursos (Comperve), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), inicia inscrições do processo seletivo para reocupação de vagas residuais nos cursos de graduação da instituição de ensino. Ao todo, estão sendo oferecidas 448 vagas, distribuídas nos campi de Natal, Caicó, Currais Novos, Macaíba e Santa Cruz. As inscrições podem ser feitas neste link até as 23h59 do dia 9 de setembro. A taxa de inscrição é de R$ 30,00.

O candidato inscrito poderá acessar a página da Comperve para consultar sobre a validação de sua inscrição a partir do dia 16 de setembro. A divulgação dos locais de realização das provas estará disponível a partir do dia 23 de setembro.

Podem se candidatar às vagas quem possui vínculo ativo em cursos de graduação, candidatos portadores de diploma e ex-alunos de graduação da UFRN. O processo seletivo, que lembra o saudoso vestibular,  será composto por prova escrita objetiva de língua portuguesa e matemática, redação e prova de títulos.

As vagas residuais são geradas por cancelamentos de curso, conforme o Regulamento dos Cursos Regulares de Graduação da UFRN. Confira o edital no site da Comperve.

Com informações da UFRN

Hemonorte realiza campanha de doação de sangue na UFRN

Foto: Ilustrativa

O Hemocentro do RN realiza nos dias 21, 22 e 23 de agosto, no Setor IV da UFRN, a 11ª edição da campanha de doação “Sangue Universitário”.

A ação em parceria com o Projeto Sangue Universitário tem como objetivo contribuir para o estoque de bolsas de sangue do Hemonorte . A campanha é aberta a toda comunidade da Instituição, tem início às 8h e prossegue até às 17h, com intervalo para o almoço.

Para doar o candidato deve ter entre 16 e 69 anos (menor só com a presença do responsável legal), pesar mais de 50kg, estar saudável, ter dormido bem, não ter ingerido bebidas alcoólica nas últimas 12 h, não ter tomado a vacina contra a gripe nas últimas 48 horas, não ter tido hepatite após os 11 anos de idade e portar um documento oficial com foto.

Os intervalos para doação são de 60 dias para homens e de 90 dias para mulheres, com o máximo de quatro doações ao ano para o homem e três doações para a mulher.

UFRN luta para ser fiel depositária de rochas dos campos de petróleo

Foto: Cícero Oliveira

A UFRN apresentou nesta quinta-feira, 16, proposta à Agência Nacional do Petróleo (ANP) para se tornar a fiel depositária das amostras de rochas retiradas das perfurações de poços de petróleo no Rio Grande do Norte. A ideia apresentada ao Coordenador da Superintendência de Dados Técnicos da ANP, Fernando Gonçalves dos Santos, prevê a construção de uma litoteca para receber este acervo. O espaço deve ser construído em terreno da Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ/UFRN), localizada em Macaíba.

Há algum tempo, geólogos da região souberam que a Petrobras pretendia transferir cerca de 250 mil caixas de “testemunhos” para a Bahia, sendo aproximadamente 20 mil dessas caixas aqui do RN. Acontece que os pequenos cilindros de rocha utilizados como amostras da situação geológica dos campos de produção de petróleo representam material de enorme relevância para a geologia e produção de petróleo e gás.

Sabendo disso, o professor Francisco Pinheiro Lima Filho, do Departamento de Geologia e coordenador do Laboratório de Análises Estratigráficas, procurou o reitor José Daniel Diniz Melo para discutir o assunto. Prontamente, Daniel fez contato com a ANP pedindo alguém para discutir sobre esta questão, considerando a enorme estrutura que a UFRN possui neste campo de pesquisa.

Nesta quinta, a Pró-Reitoria de Pesquisa convidou pesquisadores para falar do tema em uma palestra que tratou também da “Atualização da Resolução de Rochas e Fluidos da ANP e Projetos Litotecas da União”, realizada no Núcleo de Processamento Primário e Reuso de Água Produzida e Resíduos (Nupprar). Fernando Gonçalves teve acesso à reivindicação da Universidade e se comprometeu em levar os argumentos à agência reguladora e à Petrobras.

Para ele, a UFRN, por ser um polo regional em desenvolvimento de pesquisa nas áreas de petróleo e gás é capacitada tecnicamente e uma parceira importante para sediar uma litoteca neste formato. “Já existe muita coisa em andamento, um projeto estruturado e ideias sedimentadas, além da união de vários grupos dentro da universidade com este foco e acho que a gente vai conseguir caminhar neste projeto”, destacou.

O professor Francisco Pinheiro disse ter ficado otimista com a reunião, pois as palavras de Fernando Gonçalves vão ao encontro daquilo que foi discutido com o reitor José Daniel, no sentido de manter as amostras de rochas no RN. “Muito importante que este acervo de rochas da bacia potiguar fique aqui, cedido para a pesquisa e o ensino, e seja também usado para facilitar a instalação de novas empresas (petrolíferas), pois temos toda a expertise e tecnologia dentro da Universidade e podemos estar a serviço dessas empresas, permitindo um conhecimento maior sobre essas rochas, a evolução de nossa bacia e dando condições para que se possa explorar e produzir mais petróleo”, destacou.

Nova fase de exploração

Quando mudou o foco da produção de petróleo no Brasil, a Petrobras reduziu drasticamente o interesse em manter a exploração de petróleo em terra, sobretudo nas regiões de campos maduros, como é o caso do Rio Grande do Norte. Isso representou uma redução de R$ 11 bilhões para os cofres públicos dos estados nordestinos.

Para amenizar essa perda, o governo federal criou o Programa de Revitalização das Atividades de Exploração e Produção de Petróleo e Gás Natural em Áreas Terrestres (REATE) que permite a exploração desses campos maduros por empresas privadas.

Acontece que muitas destas empresas não têm a mesma tecnologia e expertise das grandes exploradoras de petróleo. É aí onde entra a UFRN e a litoteca proposta à ANP. Para Francisco Pinheiro, inicialmente, manter o acervo de “testemunhos” aqui permitirá que a Universidade seja catalisadora para que grupos de pesquisas internos e de outras instituições, como o IFRN, possam atuar de forma integrada no estudo dessas rochas, visando o aumento no fator de recuperação da bacia madura de exploração de petróleo.

Isso, segundo Francisco, trará aumento nos royalties da exploração do combustível fóssil, aumentando os investimentos em diversos setores e permitindo nova dinamização da economia do Estado. “Tudo que a UFRN puder fazer para aumentar o fator de recuperação dos campos maduros vai impactar na produção de petróleo”, disse, lembrando que, apesar das empresas privadas estarem chegando, a Petrobras continuará atuando no RN.

No que diz respeito à parte acadêmica, Francisco Pinheiro destacou que Universidade, na maioria das vezes, tem o conhecimento, mas não as amostras físicas retiradas dos reservatórios, que, geralmente, ficam de posse das empresas petrolíferas. Neste novo formato, este material ficará todo depositado aqui no RN. “Isso pode oportunizar a criação de cursos de graduação voltados ao estudo desses “testemunhos”, incrementar disciplinas na pós-graduação, ter cursos de especialização e treinamentos para profissionais”, completou.

Projeto

Segundo a Pró-reitora de Pesquisa, Sibele Pergher, coordenadora da reunião de hoje, após entendimento com a ANP, o próximo passo é conversar com a Petrobras para buscar, por meio de parceria, investimento para criação da litoteca. “O primeiro passo é o investimento de infraestrutura e o segundo o projeto de pesquisa e desenvolvimento, considerando os especialistas interessados em utilizar este acervo”, destacou.

Pergher quer definir ainda neste ano o projeto de infraestrutura para que seja iniciado ainda no ano que vem, só então passará para o segundo passo. Segundo ela, já houve um entendimento com a Escola Agrícola de Jundiaí, com intermediação do Reitor José Daniel Diniz, em relação ao terreno, o que facilita a condução do projeto. No que diz respeito a parte da pesquisa, a litoteca existente na UFRN será usada como base para o início dos trabalhos no novo espaço a ser construído.

Com informações da UFRN

 

“Vestibular” da UFRN abre inscrições a partir de segunda-feira para 448 vagas residuais

Foto: via site da UFRN

O Núcleo Permanente de Concursos (Comperve) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abriu Processo Seletivo para Reocupação de Vagas Residuais para ingresso nos cursos de graduação da instituição de ensino. Ao todo, serão oferecidas 448 vagas, distribuídas nos campi de Natal, Caicó, Currais Novos, Macaíba e Santa Cruz.

Podem candidatar-se às vagas quem possui vínculo ativo em cursos de graduação, candidatos portadores de diploma e ex-alunos de graduação da UFRN. As inscrições devem ser realizadas pela internet, a partir das 8h de segunda-feira(19) até às 23h59 do dia 9 de setembro. O processo seletivo será composto por prova escrita objetiva de Língua Portuguesa e Matemática, redação e prova de títulos.

As vagas residuais são geradas por cancelamentos de curso, conforme o Regulamento dos Cursos Regulares de Graduação da UFRN.

Confira o edital no site da Comperve: http://comperve.ufrn.br/conteudo/extravestibular/vagasresiduais202001/edital.php.

Com informações da UFRN

SUSPENSÃO: MPF obtém liminar contra extinção de 189 cargos e funções na UFRN e no IFRN

O Ministério Público Federal (MPF) obteve liminar que proíbe a extinção de 189 cargos e funções na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN). A decisão da 5ª Vara Federal do RN suspende, no âmbito do estado, os efeitos do decreto presidencial que determinou a extinção de milhares de cargos e funções gratificadas e de confiança por todo o Brasil e impede a exoneração e dispensa automática de seus ocupantes. Acesse informação completa aqui no portal Justiça Potiguar.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carlos disse:

    Então podia o MP pagar estes valores… um poder que nada gera de riqueza… mais uma vez atrapalhando o país..

    • Pato da Fiesp disse:

      MP não é poder, é órgão auxiliar do Executivo, responsável pela fiscalização da correta aplicação da lei.

  2. Ana leticia disse:

    E onde está o MP RN, que não protege os funcionários das secretarias, onde tem um punhado de estagiários tirando a função de funcionários efetivos com 10, 20 e ate 30 anos. Só eles tem as senhas, só eles tem apoio das chefias, atuam como se fossem funcionários de carreira. Tb com coordenadores tudo comissionados ate do governo anterior, permaneceram sem serem incomodados, inclusive tirando onda com o governo atual. Nem o governo nem os secretário sabem desses procedimentos ou são coniventes mesmo? O da educação não vê os absurdos não? Um punhado de estagiários agindo como se fossem os verdadeiros senhores do conhecimento. Desse jeito não sairemos nunca da última colocação do ranking da educação.

    • Júlio disse:

      E ai Fátima, cadê as mudanças, essa é a hora de mostrar para que veio. Duvido isso acontecer no judiciário, estagiário da nem pitaco quanto mais ditar ordens a funcionários antigos. Isso desvaloriza o funcionário e empobrece a carreira.

UFRN abre inscrições de processo seletivo para professores substitutos e temporários; 40 vagas imediatas e formação de quadro de reserva

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) está com inscrições abertas para processo seletivo simplificado de professores substitutos e temporários para o nível superior e do ensino básico, técnico e tecnológico. A seleção se destina ao provimento de 40 vagas imediatas e à formação de quadro de reserva. As inscrições podem ser efetuadas até o dia 22 de agosto.

São oferecidas vagas em diversos setores da UFRN, no campus de Natal, são eles: o Centro de Biociências (CB), Centro de Ciências Exatas e da Terra (CCET), Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA), Centro de Ciências e Saúde (CCS), Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), Centro de Educação (CE), Centro de Tecnologia (CT) e o Instituto Metrópole Digital (IMD).

O concurso também oferece vagas para o Centro de Ensino Superior do Seridó (Ceres), localizado em Caicó, além de contemplar unidades acadêmicas especializadas, como a Escola de Saúde e a Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ), Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi (Facisa), campus de Santa Cruz, e as escolas Multicampi de Ciências Médicas de Santa Cruz e Currais Novos.

As inscrições devem ser efetuadas por meio do portal do Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos (SIGRH), na aba Menu Concursos > Concursos Abertos, onde se encontram disponíveis o edital e o formulário de inscrição. A taxa de inscrição, no valor de R$ 50, deverá ser paga até o dia 27 de agosto, caso o candidato não esteja enquadrado no perfil de isenção da taxa.

O processo seletivo se dará em três provas: escrita, didática e títulos. As provas ocorrerão no período de 15 agosto a 30 novembro. Cada área de conhecimento/disciplina obedecerá ao período de provas, de acordo com a sua vinculação a determinado Centro Acadêmico/Unidade Acadêmica Especializada, conforme tabela disponível no edital de seleção.

O contrato de professor substituto da UFRN é realizado por semestre letivo, podendo ser renovado mediante assinatura de termo aditivo pelo período de até dois anos. As demais informações e o programa da seleção se encontram à disposição dos interessados na secretaria da respectiva unidade de lotação e na página eletrônica da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progesp) e SIGRH.

Com informações da UFRN

Ebserh: concurso nacional abre vagas para hospitais da UFRN; médicos especialistas, profissionais da área assistencial e administrativas

A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), estatal vinculada ao Ministério da Educação, publicou no Diário Oficial da União dessa segunda-feira (12) chamamento público visando a contratação de 1.363 profissionais para 40 hospitais universitários federais no país, incluindo as três unidades da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN): o Hospital Universitário Onofre Lopes, a Maternidade Escola Januário Cicco, ambos em Natal, e o Hospital Universitário Ana Bezerra, localizado no município de Santa Cruz.

Acesse AQUI o chamamento público.

O projeto básico do concurso nacional contemplará 40 unidades em todo o país, incluindo hospitais, complexos hospitalares e a sede da Ebserh. São previstas 448 vagas para médicos de 69 especialidades, 800 vagas para profissionais da área assistencial e 115 administrativos.

Nesta etapa de chamamento público, os números podem variar em 25% para acréscimos ou supressões. Os candidatos passarão por duas etapas de seleção: prova objetivo e análise de títulos e de experiência profissional. A Ebserh receberá propostas das empresas interessadas em organizar os concursos até o próximo dia 27 de agosto. O objetivo é que o edital seja publicado ainda neste semestre.

Com acréscimo de informações do G1

UFRN é campeã Norte e Nordeste de League of Legends

A UFRN e-sports foi campeã da Liga Universitária do Norte Nordeste (LuNNE) de League of Legends (LoL), vencendo a Blackbulls Gaming, da Universidade Federal Rural do Pernambuco (UFRPE) por 3 a 0 na disputa melhor de 5. A equipe pernambucana era favorita na disputa por ser mais experiente e está jogando em casa. A vitória aconteceu no sábado, 3 de agosto, mas as medalhas só serão recebidas no próximo dia 18.

Para Cassiano de Góis, estudante de Ciência e Tecnologia e capitão do time, o título veio através de muita superação. “O Blackbulls tem uma excelente estrutura lá, eles treinam na universidade, já estão acostumados a grandes competições, já a gente ainda está se consolidando. Mas, o apoio está aumentando e esse ano conseguimos a bolsa-atleta”, destaca.

A vitória dos atletas da UFRN no LuNNE é um importante passo para a disputa do campeonato nacional da modalidade, o UNILoL, que acontece anualmente em São Paulo e a classificação é dada pelo ranqueamento das equipes nas suas regiões. “Nosso objetivo no ano é conseguir o ranqueamento para o UNILoL e a vaga para o mundial, queremos levar o nome da UFRN longe”, completa Cassiano.

LuNNE

O LuNNE foi realizado esse ano pela UFRPE para fortalecer ainda mais o cenário de esportes eletrônicos no ambiente universitário nas regiões Norte e Nordeste. Participaram as equipes das Universidade de Pernambuco (UPE), Universidade Federal do Pernambuco (UFPE), Universidade Federal de Sergipe (UFS), Universidade Regional do Cariri (URCA), além de UFRN e UFRPE, já citadas.

Com informações da UFRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Henrique disse:

    Mais lá não só tem maconheiro e viado?

Novos tremores registrados no fim de semana: UFRN promove palestra sobre risco sísmico em estruturas civis

Foto: via Sismos do Nordeste

No último sábado, 10 de agosto, os norte-rio-grandenses foram surpreendidos pela notícia de que novos tremores de 4.1° e 5.1° grau de magnitude na Escala Richter foram registrados no Oceano Atlântico, a aproximadamente 1.400 km de distância do litoral potiguar, de acordo com as informações do Laboratório Sismológico (LabSis), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Eventos sísmicos nessa região são comuns, pois se trata de uma zona de borda de placas tectônicas, mas terremotos de maior magnitude são relativamente raros no país, a ponto de muitos projetos de engenharia não levarem em conta a norma brasileira de projetos de estruturas resistentes a sismos (NBR 15421), que desempenha um papel fundamental na mitigação de efeitos e redução das perdas financeiras e humanas.

Para atualizar os profissionais sobre a temática, o Departamento de Arquitetura da UFRN oferece a palestra gratuita A análise de riscos sísmicos em estruturas civis no próximo dia 15 de agosto, das 18h45 às 20h30, no Setor de Aulas IV (sala a ser confirmada), com apresentação do tema e estudo de casos, seguidos de um debate sobre a problemática. As inscrições podem ser feitas aquie outras informações podem ser obtidas através do e-mail [email protected] ou ainda pelo telefone (84) 3215-3721.

Com informações da UFRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. ALEX DE MESQUITA disse:

    ESTA CHEGANDO CADA VEZ MAIS PERTO…..

Engenheiro da NASA ministra palestra na UFRN; evento é aberto ao público em geral

O engenheiro aeroespacial da NASA, Gabe Gabrielle, estará na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) nesta segunda-feira, 12, para encorajar pessoas a seguir ao infinito e além – tema da palestra que o visitante norte-americano ministrará no auditório do Complexo Tecnológico de Engenharia (CTEC), às 19h, no Campus Central da UFRN. O evento é aberto ao público em geral e contará com tradução do inglês para o português.

A iniciativa faz parte do projeto de extensão da UFRN intitulado NASA em Natal: ao infinito e além, que leva Gabe Gabrielle para uma sequência de visitas e palestras em escolas públicas e privadas da capital potiguar. Nesses encontros, o palestrante oficial da NASA conta a sua trajetória pessoal desde quando fritava hambúrgueres no McDonald’s, passando pelos 20 anos para se formar na faculdade, até chegar à agência dos Estados Unidos responsável pela pesquisa e desenvolvimento de tecnologias e programas de exploração aeroespacial.

“O exemplo de Gabe Gabrielle mostra que é possível realizar sonhos em meio a dificuldades, assim como desperta os jovens para o segmento aeroespacial. A cidade de Natal tem vocação para essa área pelo seu próprio contexto histórico, portanto, podemos dizer que a palestra é motivacional, educacional e cultural”, afirma o professor Dino Lincoln, coordenador do projeto de extensão.

Com informações da UFRN

“VESTIBULAR”: Comperve abre seleção para 448 vagas residuais da UFRN

Foto: via site da UFRN

O Núcleo Permanente de Concursos (Comperve) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abriu Processo Seletivo para Reocupação de Vagas Residuais para ingresso nos cursos de graduação da instituição de ensino. Ao todo, serão oferecidas 448 vagas, distribuídas nos campi de Natal, Caicó, Currais Novos, Macaíba e Santa Cruz.

Podem candidatar-se às vagas quem possui vínculo ativo em cursos de graduação, candidatos portadores de diploma e ex-alunos de graduação da UFRN. As inscrições devem ser realizadas pela internet, a partir das 8h do dia 19 de agosto até às 23h59 do dia 9 de setembro. O processo seletivo será composto por prova escrita objetiva de Língua Portuguesa e Matemática, redação e prova de títulos.

As vagas residuais são geradas por cancelamentos de curso, conforme o Regulamento dos Cursos Regulares de Graduação da UFRN.

Confira o edital no site da Comperve: http://comperve.ufrn.br/conteudo/extravestibular/vagasresiduais202001/edital.php.

Com informações da UFRN

UFRN oferta bolsas e auxílios de assistência estudantil

A Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (Proae) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) oferta auxílios e bolsas de assistência estudantil aos alunos regularmente matriculados em graduações presenciais. O edital de seleção estabelece como prazo de inscrição até 2 de agosto, para quem vai renovar o benefício, e até 10 de agosto, para estudantes que vão se inscrever pela primeira vez.

De acordo com o pró-reitor adjunto da Proae, José Pereira de Melo, os Programas de Assistência Estudantil da UFRN são destinados aos estudantes de graduação que comprovem estar em situação de vulnerabilidade social e econômica, com o objetivo prioritário de assegurar aos alunos de baixo poder aquisitivo condições básicas para a sua permanência com qualidade na instituição.

Os benefícios são destinados aos alunos de Natal, Macaíba, Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi (Facisa) e do Centro de Ensino Superior do Seridó (Ceres), nas modalidades alimentação, transporte, residência, creche, óculos e atleta. O edital está disponível na página inicial do Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (SIGAA), em “Notícias e Comunicados”: ww.sigaa.ufrn.br.

Com informações da UFRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cigano Lulu disse:

    Como é generosa a nossa Uferrenê: além de gerar receita própria, já que é uma instituição autossustentável, ainda ' socializa' seus lucros com a comunidade carente, numa demonstração inequívoca de responsabilidade social.

  2. Antonio Turci disse:

    E "num disseru", os esquedopatas, que o Presidente Bolsonaro iria acabar com bolsas e que a UFRN pararia em setembro? Ah, povinho……

    • Tomas disse:

      Bolsa de assistência estudantil não é bolsa de pesquisa. Ahhhhh…