VÍDEO: “Não tem condição de trabalhar desse jeito e ser humilhado por esse povo”, revolta-se produtor de coentro em Martins, impedido de vender verdura na cidade

“Não tem condição de trabalhar desse jeito e ser humilhado por esse povo”, revolta-se vendedor de coentro em Martins, impedido de vender verdura na cidade.

Relato desesperado de produtor acontece horas depois da repercussão neste blog de agricultor barrado pela prefeitura para comercializar na cidade milho colhido, sob a alegação do munícipio de risco de aglomeração.

No caso mais recente, o produtor de coentro apresenta fartura da verdura, cita medidas de segurança e questiona privilégio de outros segmentos ou produtos. “Sou cidadão e trabalhador igual aos outros”, indigna-se.

Veja mais – VÍDEO: Agricultor é proibido de vender milho em Martins ‘porque causaria aglomeração’, mas homem compra toda produção: “Comprei tudo e vou doar, mas ele não vai voltar sem vender o milho dele”

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Flávio disse:

    O povo tem o politico que merece, a escolha esta na mão do povo Martinense.
    Uma avaliação errada na hora do voto repercute por pelo menos 4 anos na qualidade de vida do município, ou para o lado positivo ou para negativo.

  2. Só olhando disse:

    Povo de Martins, aproveite a oportunidade que vocês terão.

    O voto é a arma que vocês tem nas mãos

    • Pinheiro disse:

      Oportunidade boa aí… banir os hipócritas que punem os pobres em detrimento de suas vontades. Aí é a famosa situação: Querem se limpar em cima de alguém, e adivinhem quem paga o pato?

Polícia Civil apreende no interior do RN adolescente suspeito de matar pai com uma foice enquanto dormia

Foto ILUSTRATIVA: Cabo Manoel Gomes – PMPR

Policiais civis da equipe de plantão da 7ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Patu, com apoio da Delegacia Municipal de Martins, apreenderam em flagrante, nessa segunda-feira (05), um adolescente de 17 anos, pela suspeita de praticar o homicídio que vitimou seu pai, de 54 anos. A ação aconteceu no Sítio Nogueira, na Zona Rural de Martins, no domingo (04), por volta das 18h.

Segundo as investigações, o adolescente teria matado o próprio pai, utilizando uma foice, enquanto ele dormia em uma rede. A arma, possivelmente utilizada, foi apreendida no local. A partir das oitivas, realizadas com parentes da vítima, o adolescente de 17 anos foi apontado como suspeito pela autoria do fato.

Ainda segundo as investigações, a motivação do homicídio pode estar relacionada ao fato de o pai ter se negado a disponibilizar dinheiro para que o filho pagasse uma dívida contraída, possivelmente para quitar a fiança de um coautor de atos infracionais; na sexta-feira (01), o adolescente, acompanhado por outros suspeitos, foram conduzidos até a Delegacia Municipal de Caraúbas, em razão de estarem transitando em motocicletas que possuíam registro de roubo.

O adolescente foi apreendido e, após a lavratura do auto de apreensão em flagrante, foi encaminhado ao Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente Infrator (CIAD) de Mossoró.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

VÍDEO: Município potiguar de Martins amanhece com cerração dominante, acompanhada do aconchegante friozinho

 

Ver essa foto no Instagram

 

Bom dia! Olha como amanheceu a nossa cidade hoje. . 📷: Edcarla 📍: Centro de Martins

Uma publicação compartilhada por Jeilison Martins (@martinsrn) em

A linda cidade de Martins, na região Oeste, em registro por @Edcarla, apresenta a cerração dominante no início da manhã desta sexta-feira(13) no Centro do município, acompanhada da tradicional baixa temperatura. Fim de semana, que promete chuvas no interior do estado, deverá ser dos mais aconchegantes nessas terras.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Valter disse:

    Que ótimo.
    Na Cidade de Lagoa Nova/RN distante 200 Km de Natal, encravada na serra com altitude de 700 metros apresenta o mesmo efeito da cerração (neblina).

FOTOS E VÍDEOS -(BELEZA DA SERRA): Município de Martins registra dias cada vez mais frios

Foto: Instagram martinsrn

O município de Martins, situado na área de Serra da região Oeste, e distante cerca de 380 km da capital potiguar, como de costume no período de julho, tem registrado baixas temperaturas.

Para quem gosta do frio e paisagens deslumbrantes, a cidade no interior do Rio Grande do Norte é um convite irresistível. O registro no início desta terça-feira(23), do Instagram @martinsrn apresenta seus 15 graus.

Veja abaixo vídeos e fotos:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Venha curtir esse friozinho na Serra mais charmosa do Rio Grande do Norte. . 📸: @alexcavalcante25 📸: @lularissapsi

Uma publicação compartilhada por Martins, Rio Grande do Norte 🌄 (@martinsrn) em

Foragidos da justiça são alvejados e morrem após atirar contra policiais em Martins

Dois homens, foragidos da justiça e acusados de roubos e homicídios no RN, reagiram a uma abordagem policial realizada pelo Grupo Tático Operacional (GTO) de Alexandria, no fim da tarde desta quarta-feira (18), na RN 79, subida da Serra de Martins, e entraram em confronto com os policiais. Na ocasião, os indivíduos identificados como Antônio Carlos Pereira do Nascimento, vulgo “Carlinhos tatuagem de Umarizal”, de 22 anos, e Geilson Ferreira de Oliveira, vulgo “Branquinho de Lucrécia” atiraram contra os agentes de segurança pública que reagiram à injusta agressão, alvejando os infratores. A ação contou também com o apoio da Polícia Civil da região.

A dupla havia sido identificada em atitude suspeita na região, possivelmente planejando roubos na cidade de Martins. O veículo que conduzia os acusados, do modelo Fiat Uno, de cor preta e placas FTO 4260, foi acompanhado pela guarnição e não obedeceu a ordem de parada. Os dois homens tentaram fugir, por um matagal, atirando contra os policiais que revidaram a ação.

No veículo, a PM apreendeu vários ilícitos como drogas, munições de cal. 380 e dois revólveres calibre 38.

Os dois ainda foram socorridos para o Hospital Maternidade Dr. Antônio Martins, na cidade de Martins, porém não resistiram aos ferimentos e morreram.

Martins-RN: prefeitura deve se abster de realizar contratações temporárias; município se compromete a realizar concurso público

Em TAC firmado junto ao Ministério Público, prefeita do município se compromete também a realizar concurso público para o preenchimento das vagas ocupadas em caráter temporário

A prefeita de Martins celebrou Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público do Rio Grande do Norte em que se compromete a não realizar contratações temporárias para casos que não se ajustem à hipótese de necessidade temporária de excepcional interesse público, ou seja, aquelas feitas para atender situação emergencial e eventual.

O município se compromete a, caso haja tal necessidade, abster-se de celebrar contratos temporários por prazo além daquele necessário ao atendimento da necessidade excepcional transitória, assim como evitar celebrar contratos temporários sem processo seletivo simplificado de ampla divulgação, com adoção de critérios objetivos de escolha, exceto se o prazo do processo seletivo causar prejuízo insuperável ao Município.

A prefeita de Martins deverá editar, no prazo de 30 dias, a contar da data em que foi assinado o TAC, ato administrativo, devidamente fundamentado, designando todos os servidores que ocupam os cargos temporários para desempenharem as atribuições do mencionado cargo, em caráter emergencial e temporário, somente até a conclusão do concurso público para provimento dos referidos cargos.

O município de Martins se compromete a, dentro de 45 dias, publicar o edital para processo seletivo para os cargos dos programas gerais do Governo Federal e inaugurar processo licitatório para contratação da entidade responsável pela realização do concurso público para provimento dos cargos efetivos de médico, bioquímico, farmacêutico, técnico de enfermagem, motorista, fiscal, atendente, recepcionista, professor, secretário escolar e outros que se entenda necessário. Independente da modalidade de licitação, o extrato do aviso de licitação no Diário Oficial do Estado, deverá ser publicado em jornais de grande circulação da região e afixado em todos os prédios públicos do município.

O processo licitatório deverá ser concluído no prazo de 60 dias com a contratação da empresa vencedora. Neste mesmo prazo, o compromitente deve promover o ajuste dos servidores ocupantes de cargos efetivos que estão em desvio de função, para funções compatíveis com os seus cargos, após nomeação dos aprovados no concurso.

O concurso público deverá ser concluído com a homologação do resultado, no prazo de 120 dias, a contar da data da publicação do edital. Após a homologação do resultado do concurso, os aprovados deverão apresentar exames médicos e documentação necessária, sendo nomeados, a fim de que ocupem todas as vagas, sem exceção, que estão atualmente sendo ocupadas por contratados temporariamente, tudo em 30 dias.

O município de Martins obriga-se a apresentar à Promotoria de Justiça: prova da edição do ato administrativo, devidamente fundamentado, designando todos os servidores que ocupam cargos temporários para desempenharem suas atribuições no mencionado cargo, em caráter emergencial e temporário, no prazo de 30 dias; prova da inauguração do processo licitatório para contratação da entidade responsável pela realização do concurso público, em 35 dias; prova da convocação do concurso, em até cinco meses; e prova da conclusão do concurso e a nomeação dos aprovados, em até seis meses.

A não observância das obrigações nos prazos constantes das cláusulas do TAC ou a negativa de informações ou documentos ao Ministério Público, por parte do Município de Martins, implicará a imposição de multa diária pessoal no valor de R$ 500, a ser cobrada do patrimônio particular da prefeita municipal ou de quem venha eventualmente a substituí-la, bem como multa diária no valor de R$ 1.000,00 a ser cobrada do Município de Martins, revertidos para conta específica do Fundo Estadual de Direitos Difusos.

O não pagamento da multa eventualmente aplicada implica a sua cobrança judicial pelo Ministério Público ou pela Fazenda Pública, com juros de 1% ao mês e 10% sobre o montante devido, sendo que a multa não é substitutiva da obrigação violada.

MPRN

FOTOS: Ufersa integra pesquisa com plantio de uva para fabricação de vinhos em Martins

 

20150109_084309-e1422649786995Pesquisador Django de Jesus exibe cacho de uva em Martins | Crédito: Cedida

Grupo de pesquisadores da Universidade Federal Rural do Semi-Árido integra uma base de pesquisa da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa destinada ao estudo do cultivo de uvas europeias para produção de vinhos finos em três estados da Região Nordeste. Na Bahia, a fruta está sendo estudada na cidade de Morro do Chapéu; em Pernambuco, na cidade de Garanhuns e, no Rio Grande do Norte, o território escolhido foi a cidade de Martins, 363 km de Natal.

Em comum, os três territórios estão localizados em regiões de microclima do Semiárido. Na cidade serrana de Martins a temperatura média é de 25º, oscilando a quedas de até 15º, o que naturalmente já destoa da temperatura rotineira do Semiárido. “Esse é justamente o desafio da Embrapa, estudar a viabilidade de cultivar essas uvas em regiões fora do seu espaço natural e ver a viabilidade de produzir vinhos aqui na nossa região”, defende o professor da Ufersa, Eudes de Almeida Cardoso.

DSC_1212-e1422649728857Professor Eudes Cardoso (dir.) e o pesquisador Django de Jesus em Martins | Crédito: Cedida

A Ufersa recebeu as sementes de dez diferentes tipos de uvas comuns na Europa que estão sendo cultivadas em 1.500 metros quadrados. O experimento está previsto para durar seis anos devido à longa temporada necessária para a frutificação da planta. Essa jornada está dividida em três importantes etapas. A primeira delas aconteceu em setembro de 2014 com a primeira poda denominada de “Formação”.

O segundo momento está previsto para março de 2015, quando o plantio receberá a segunda poda, destinada a “Frutificação”. Também da Ufersa, o pesquisador Django Jesus Dantas explica que a uva é uma fruta cujo processo entre o plantio e a retirada do fruto é lento. “A gente está trabalhando com a possibilidade de mantermos o ritmo de uma colheita por ano”, data ele.

Depois de colhidas, o material é encaminhado para o quadro da Embrapa que dará continuidade com a análise da qualidade, produtividade e a possibilidade das uvas serem usadas na região para a produção de vinhos artesanais. “A pesquisa tem uma relevância científica e também social. Isso porque o estudo com essa finalidade é pioneiro, dada as condições climáticas necessária para a sobrevivência da uva e o clima da nossa região”, diz o professor Eudes.

20150109_082752-e1422649968789 20150123_091143-e1422650311368O pesquisador Django de Jesus complementa que, se confirmada a possibilidade, o experimento irá ser um fomentador de turismo e economia para as três regiões. “As regiões de climas amenos são atrativos turístico, sobretudo por degustadores de vinhos. A Embrapa trabalha para que eles comecem a produzir, na própria cidade, vinhos artesanais como mais um atrativo no turístico”.

Entre as categorias mais conhecidas de uvas, a pesquisa trabalha com a Cabernet Sauvignon, Merlot Noir, Petit Verdot e Malbec para a fabricação de vinhos branco e tinto. Além de responsável pelas sementes plantadas nos viveiros, a Embrapa também é a responsável pela articulação do projeto nos três Estado, por meio da pesquisadora Patrícia Coelho.

Na Ufersa, os dois profissionais mencionados acima coordenam o estudo que ainda com a participação de 5 estudantes colaboradores no experimento com monografias, teses e dissertações em projetos financiados pela Capes e Iniciação Científica.

Com informações da UFERSA

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. momo disse:

    Pesquisadores da Embrapa, estiveram em 2013, no projeto de vitivinicultura do Grupo S.G. Agroindustrial no Sítio São Gonçalo na Zona Rural de São Miguel(RN), região serrana do Estado, assim como Martins(RN).

FARRA: Agência dos correios em Martins é assaltada pela 2ª vez em menos de 3 meses

martinsTrês meses depois de uma dupla armada render funcionários dos Correios do município de Martins-RN e levarem dinheiro e o computador com as imagens de segurança, a agência voltou à ser alvo de roubo.

Na manhã dessa sexta-feira (22), por volta das 11h30, um homem entrou no estabelecimento e também rendeu funcionário do local e fugiu com dinheiro da agência. Ainda não se tem detalhes desse mais recente roubo.

Ataques contras Correios no estado têm se tornado frequentes. Diante do quadro, no ano passado, a Justiça Federal determinou a implantação do serviço de vigilância armada em todas as agências.

Fontes: Serrinha de Fato e Eduardo Dantas

MP investiga nepotismo e recomenda exoneração de parentes em cidade do RN

O Ministério Público do Rio Grande do Norte, por intermédio da Promotoria de Justiça da Comarca de Martins, instaurou Inquérito Civil após o recebimento de denúncia de prática de nepotismo no âmbito do Poder Executivo do Município de Serrinha dos Pintos e expediu Recomendação para que sejam exonerados todos os ocupantes de cargos comissionados, em caso de parentesco até o terceiro grau com os representantes do Município.

O MP expediu Recomendação ao Prefeito de Serrinha dos Pintos, no sentido de que se efetue, no prazo de trinta dias, a identificação e a exoneração de todos os eventuais ocupantes de cargos comissionados, função de confiança ou função gratificada que detenham relação de parentesco até o terceiro grau com os ocupantes de cargos do poder executivo municipal.

Mediante a instauração do Inquérito Civil nº 28/2013, o representante do MP irá investigar a prática de nepotismo perante a administração e requisitou ao Município para, no prazo de quinze dias, informar as relações atualizadas das pessoas ocupantes de cargos comissionados e também das pessoas contratadas temporariamente; bem como a relação atualizada dos contratos vigentes,  indicando o nome dos sócios e CNPJ das empresas contratadas, esclarecendo o grau de parentesco entre os sócios das empresas e pessoas ocupantes de cargos no âmbito do poder executivo em Serrinha dos Pintos.

MPRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Maria Joana Alves de Albuquerque disse:

    -O NEPOTISMO, ESTAR REINANDO E ÀS RAIS DO ABSURDO, AQUI NO MUNICÍPIO DE APODI/RN.
    -JÁ ESTAR NA HORA DO MINISTÉRIO PÚBLICO ESTADUAL OU/FEDERAL; CONTROLADORIA GERAL DA UNIÃO OU, A PRÓPRIA POLÍCIA FEDERAL, REALIZAREM INVESTIGAÇÕES AQUI NA PREFEITURA MUNICIPAL DO APODI/RN, POIS PREFEITO DESTE MUNICÍPIO – SR FLAVIANO MONTEIRO,CONTRATOU A SUA PRÓPRIA ESPOSA EM CARGO COMISSIONADO DESTE MUNICÍPIO DO APODI/RN; UM CUNHADO DELE (PREFEITO); UM PRIMO DELE (PREFEITO), QUE É ADVOGADO, NA QUALIDADE DE SECRETÁRIO MUNICIPAL ADJUNTO DESTE MUNICÍPIO DE APODI/RN, – SALÁRIO MENSAL= R$ 1.870,00 (HUM MIL, OITOCENTOS E SETENTA REAIS); UMA PRIMA DELE (PREFEITO), NA QUALIDADE DE SECRETÁRIA MUNICIPAL DE FINANÇAS, COM SALARIAL MENSAL DE R$ 2.700.00 (DOIS MIL E SETECENTOS REAIS). ISTO SEM CONTAR ALGUNS PRIMOS DELE PREFEITO, QUE TÊM CARROS ALUGADOS À ESTA MESMA PREFEITURA DO APODI/RN.
    -EXISTEM DIVERSOS(AS) SECRETÁRIOS(AS) MUNICIPAIS DE APODI/RN, QUE SÃO FUNCIONÁRIOS DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE E QUE, ESTÃO ACUMULANDO OS 02 (DOIS CONTRA-CHEQUES) OU SEJAM: – CONTRA-CHEQUES DO MUNICÍPIO DE APODI E, DO ESTADO DO RN. O PIOR: -ESTES(AS) MESMOS(AS) SECRETÁRIOS(AS) ,MUNICIPAIS DE APODI, NÃO DÃO EXPEDIENTE NAS REPARTIÇÕES DO ESTADO, COMO POR EXEMPLO – NAS ESCOLAS PÚBLICAS ESTADUAIS, SUBORDINADAS À 13a. DIRED DE APODI E; NO HOSPITAL REGIONAL "HÉLIO MORAIS MARINHO".
    TENHO DITO.
    MUITO OBRIGADA.

Polícia prende acusado de estuprar adolescente com deficiência mental em Martins

Uma adolescente de 13 anos, portadora de deficiência mental, foi estuprada  em uma residência localizada no centro da cidade de Martins/RN. Segundo o blog Nosso Paraná RN, o fato teria acontecido na sexta-feira.

Ainda de acordo com informações do blog,  a adolescente sumiu de casa por volta das 17h e seus familiares estavam a  procura dela, quando  às 19h, um vizinho  de um homem de 39 anos – cujo nome não foi divulgado -, percebeu uma movimentação estranha e acionou a polícia que entrou na residência e flagrou o homem na pratica do ato sexual com a adolescente.

O acusado foi encaminhado e apresentado à delegacia da Polícia Civil para as medidas cabíveis e a adolescente levada ao ITEP/RN para exame de conjunção carnal.

Fonte: Nosso Paraná RN

Operação QI: Prefeitura de Antônio Martins cancela concurso com indícios de fraude

Atendendo à recomendação do Ministério Público, a Prefeitura do município de Antônio Martins cancelou o concurso realizado através da empresa Concursos e Seleção de Pessoal Ltda. (Concsel), apontada que é apontada como uma das articuladoras de um esquema de vazamento de provas e compra de gabaritos, desbaratado durante a Operação QI.

O concurso cancelado foi realizado no último dia 27 de novembro com 58 vagas para os níveis fundamental, médio e superior, além de 18 vagas para formação de cadastro de reserva.

O pedido de cancelamento também foi feito para a prefeitura Martins. Dentro das investigações, no concurso de Martins, o órgão fiscalizador encontrou evidências de irregularidade em 15 dos aprovados dentro do número de vagas.  Além de outras quatro pessoas aprovadas no cadastro de reserva. O mesmo esquema pode ter sido repetido em Antônio Martins

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ninhaparelhas disse:

    É foda mesmo, a gente morre de estudar pra vim esses VAGABUNDOS fazendo uma plhaçada dessas. Engraçado que as pessoas reclamam da corrupção dos Políticos, a CORRUPÇÃO provém da própria sociedade, como exigir uma coisa se agir da mesma forma que eles. Por isso digo, tanto quem recebe, qto quem dá, são todos uns "Filhos de uma P…" que merecem aprodrecer na cadeia  

MP prende quadrilha que fraudou concurso em Martins

O Ministério Público do Rio Grande do Norte deflagrou nesta quinta-feira (15) a Operação QI.

O objetivo da ação é desbaratar um esquema de fraudes em concursos públicos no RN, a mais evidente delas no município de Martins.

Na ação de hoje foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão e realizadas sete prisões, três delas em flagrante.

A diretiva contou com o apoio da Polícia Militar e da Polícia Rodoviária Federal, com diligências simultâneas nas cidades de Natal, Parnamirim, Martins, Mossoró e Severiano Melo.

A quadrilha fraudava os concursos públicos através de acordos ilícitos, pagamento de “propina” e concessão de outros favores.

A investigação comprovou que o esquema comandado pelos sócios da empresa organizadora de concursos públicos CONCSEL, aprovava pessoas indicadas por integrantes dos Poderes Executivo e Legislativo dos municípios ou através do pagamento de valores direto pelo próprio candidato.

Os candidatos assinavam gabaritos fraudados, preenchidos pela própria organização criminosa, depois da realização das provas.

* Fonte: MP/RN