Polícia

FOTOS: Diretor de clínica que mantinha 33 mulheres em celas é preso por maus-tratos e abuso sexual no Ceará

Internas, entre elas idosas, foram flagradas presas em compartimentos com celas em abrigo no Crato. — Foto: Arquivo pessoal

O diretor de uma clínica de repouso foi preso em flagrante, na manhã desta quinta-feira (12), por manter 33 mulheres aprisionadas em celas no estabelecimento, no Bairro Mirandão, em Crato, no interior do Ceará. O local abrigava idosas e internas com problemas psiquiátricos.

Fábio Luna dos Santos, 35 anos, foi levado da clínica para a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) por policiais civis que cumpriram um mandado de prisão preventiva contra ele por denúncias de abuso sexual contra duas vítimas. A defesa de Santos não foi localizada.

Durante a abordagem, os policiais flagraram as internas presas em celas sem condições sanitárias. Com isso, o diretor também foi autuado em flagrante por maus-tratos e cárcere privado.

O homem também é investigado por maus-tratos, violência física e psicológica e apropriação dos benefícios das internas.

G1

Opinião dos leitores

    1. O cara é formado na area de humanas, nada haver com area de saude ou correlata. numa faculdade do sertao pernambucano… acho mais provavel ser eleitor do pt.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

FOTO: Cavalos vítimas de maus-tratos são resgatados na Cidade da Esperança, em Natal; saiba como denunciar

Foto: Semdes

Dois cavalos em situação de maus-tratos foram resgatados nessa terça-feira (27) por uma equipe de patrulhamento da Ronda de Proteção Escolar da Guarda Municipal do Natal. Os animais estavam nas proximidades do Centro de Educação Infantil Nossa Senhora Auxiliadora, no bairro Cidade da Esperança, zona Oeste da capital. O crime de maus-tratos contra animais está previsto na Lei de Crimes Ambientais Nº 9.605/98 e prevê multa e detenção.

De acordo com a chefe de Grupo de Ação da GMN, Francineide Maria, os animais apresentavam diversas marcas de maus tratos, inclusive um deles se encontrava com uma das patas ferida e sangrando. “Infelizmente se tornou comum esse tipo de situação. Mesmo com a existência de lei que protege os animais, a cada dia presenciamos mais situações absurdas como esta. Precisamos colocar em prática e fazer valer realmente. Que as pessoas façam as denúncias e também que se criem mecanismos para que possamos fazer mais resgates”, comentou.

A guarnição da GMN acionou a equipe do Curral Municipal que veio recolher os animais para serem tratados. Os guardas municipais ainda mostram que o cuidado com o animal, além de ser um dever de cada responsável, também mantém a saúde e a capacidade física para que o trabalho a que são expostos seja realizado de maneira satisfatória. “É preciso que as pessoas entendam que qualquer ato de abuso ou violência contra os animais é crime e pedimos que a sociedade ajude a combater esse tipo de dano denunciando”, completou a CGA.

O crime de maus-tratos contra animais está previsto na Lei de Crimes Ambientais (9.605/98) e prevê pena de detenção de três meses a um ano, além de multa pecuniária. A punição pode ser ampliada com a aprovação do Projeto de Lei 470/2018, aprovado pelo Senado Federal em dezembro do ano passado. De acordo com o Projeto, a pena de maus-tratos sobe para de um a quatro anos de detenção.

Para denúncia de maus-tratos contra animais o cidadão pode acionar o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), no 190, ou a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb), no número 3616-9829.

 

Opinião dos leitores

  1. Só pode roubar dinheiro de Público dos mais humilde, e deixa-los desassistidos de alimentação adequada, assistência de saúde morrendo nos corredores de hospitais e com procedimento cirúrgicos atrasados, e entregue a violência, onde perde a vida e os celulares nas paradas de ônibus, e vivendo nas ruas intransitáveis com esgoto e fedentina escorrendo nas portas entre outras mazelas, inclusive se os ladrões forem pegos com o roubo, o stf arranja todo tipo de lei pra solta-los. Triste destinos!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

FOTO: Cães da raça pitbull em condições de maus tratos são resgatados de imóvel em Natal

Foto: Divulgação/Semurb

Na última sexta-feira (23), dois cães da raça pitbull, que estavam abandonados e submetidos a maus tratos em um imóvel no bairro de Lagoa Seca foram resgatados pelas equipes da Semurb com apoio do Grupamento de Ações Ambientais da Guarda Municipal (GAAM/GMN) e da Companhia Independente de Proteção Ambiental da Polícia Militar (Cipam).

Segundo relatos de populares a casa está abandonada há cerca de anos e uma pessoa viria deixar comida e água de vez em quando para os animais. Um deles estava com uma das patas machucadas e não conseguia ficar de pé. Os pitbulls recolhidos foram entregues a uma ONG de proteção animal e serão colocados para adoção.

Já o tutor que submeteu os cães a maus tratos foi autuado pela Semurb com multa grave e responderá inquérito policial por crime ambiental junto a Delegacia Especializada em Proteção ao Meio Ambiente (Deprema).

Denúncias podem ser feitas pela população pelo canal 24h do Ciosp, no número 190 e também no disque denúncia da Polícia Civil no 181 nos fins de semana e feriados. Já de segunda a sexta-feira das 8h às 16h, pelo telefone da Ouvidoria da Semurb no (84) 3616-9829 ou e-mail [email protected]

 

Opinião dos leitores

  1. Maus tratos aos animais era pra ser crime hediondo!
    Quem maus-trata um animal, faz a mesma coisa com uma criança, um idoso.
    Teria que prendê-lo e jogar a chave fora, ir deixar água e comida só de vez em quando…

    1. Ele apenas sancionou!
      Relator foi o senador Fabiano Contarato, seu mito não tem capacidade para tal.
      Ele passou 28 anos no congresso, esqueceu?
      Pela vontade dele, ele premiaria quem maltratasse um animal.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Polícia Civil resgata idosa em situação de maus-tratos em Natal

Policiais civis da Delegacia Especializada de Proteção ao Idoso (DEPI) resgataram, nessa quinta-feira (22), uma idosa de 71 anos. A ação ocorreu no bairro de Felipe Camarão, localizado na Zona Oeste de Natal.

As diligências foram iniciadas após o recebimento de denúncias anônimas, informando que uma idosa estaria sendo trancada sozinha na residência em que reside. Os policiais civis da DEPI se dirigiram ao local indicado, nesta quarta-feira (21), para apurar os fatos, mas não encontraram a senhora no local.

Durante o processo investigativo, um vídeo em que aparecia a idosa teve uma grande repercussão nas redes sociais. Na gravação ela aparecia gritando, sozinha e trancada na casa. Ela foi encontrada, nessa quinta-feira (22), em outra residência localizada no mesmo bairro. Com a ajuda de um familiar da vítima, os policiais conseguiram a chave da casa e resgataram a senhora.

No local, foi constatado que ela estava sozinha no imóvel. Além disso, foi apurado que a vítima possui esquizofrenia e transtorno bipolar. Após o resgate, a idosa foi encaminhada para um abrigo, onde está recebendo os cuidados necessários.

Os responsáveis pela negligência foram identificados e estão sendo investigados em inquérito policial instaurado na DEPI. A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Polícia Civil resgata três gatos em situação de maus-tratos e conduz idosa, que dizia que animais eram “espíritos”, ao Hospital João Machado, em Natal

Foto: Ilustrativa

Policiais civis da Delegacia Especializada em Defesa ao Meio Ambiente (DEPREMA) realizaram, na manhã desta quinta-feira (08), diligências, após o recebimento de denúncias anônimas, que resultaram no resgate de três gatos que estavam em situação de maus-tratos. Na oportunidade, a idosa de 60 anos foi conduzida ao Hospital Doutor João Machado, em Tirol, na Zona Sul de Natal.

A ação aconteceu na residência dela, onde morava sozinha, no bairro Pajuçara, Zona Norte de Natal. Segundo a idosa, os gatos, que estavam amarrados pelo pescoço, não eram animais, mas entidades, e um deles era tido por ela como o orixá Oxum. Ao longo das diligências, ela tentou resistir utilizando uma faca e, logo após, um ferro; os policiais precisaram promover toda uma negociação, até o momento em que ela foi conduzida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Na oportunidade, a idosa alegou que mantinha os animais presos por considerá-los perigosos, já que não eram “animais”, mas espíritos. Segundo as investigações, as tentativas de internação desta idosa já ocorriam há anos; a mãe e o irmão dela já estavam internados no mesmo Hospital ao qual ela foi conduzida.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

http://www.policiacivil.rn.gov.br/Conteudo.asp?TRAN=ITEM&TARG=242321&ACT=&PAGE=&PARM=&LBL=NOT%CDCIA

Opinião dos leitores

  1. Eram os Bombeiros, agora é a Polícia. Meu amigo!!!!’ Vão para Macaíba que está apinhada de bandidos.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Polícia Civil prende suspeita por lesão corporal e maus tratos contra idosa em Natal

Foto: Ilustrativa

Policiais civis da 2ª Delegacia de Polícia (DP) de Natal prenderam em flagrante, nessa terça-feira (08), Luciana Pereira Rodrigues, 42 anos, pela suspeita da prática dos crimes de lesão corporal e maus tratos contra idoso. Segundo as investigações, o crime teria ocorrido por volta das 12h. Logo depois, a vítima, que é uma idosa, foi, acompanhada de seu filho, até a delegacia para prestar queixa, onde foram apresentadas as lesões corporais, motivo pelo qual a suspeita foi presa em flagrante em seu apartamento, no bairro Praia do Meio, na Zona Leste de Natal.

Ainda segundo as investigações, realizadas pela equipe da 2ª DP, a idosa já havia sofrido violências físicas duas vezes, somente no último final de semana, possivelmente praticadas também pela mesma agressora, sua nora. Luciana Pereira foi conduzida até a delegacia e encaminhada ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

FOTOS: Após denúncias, Polícia Civil resgata três cães em situação de maus-tratos na Grande Natal

Fotos: Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis da Delegacia Especializada em Defesa ao Meio Ambiente (DEPREMA) saíram em diligências, nessa quinta-feira (16), para conferir cinco denúncias. Somente duas delas não configuravam maus-tratos. As diligências resultaram no resgate de três cães que estavam em situação de maus-tratos e abandono.

Os policiais da Deprema realizaram as diligências nos bairros do Alecrim, em Natal, Cajupiranga, em Parnamirim, e no município de São Gonçalo do Amarante. Durante a ação, dois imóveis foram fiscalizados, mas, os animais não estavam em situação de maus-tratos.

Segundo as investigações, o cão resgatado no bairro do alecrim, na Zona Leste de Natal, estava há, aproximadamente, dois anos em um espaço muito pequeno (mesmo local onde comia, fazia suas necessidades fisiológicas – sem nenhuma limpeza do ambiente). Além disso, constatou-se que o animal estava por todo esse período, sem tomar banho.

No bairro de Cajupiranga, em Parnamirim, e no município de São Gonçalo do Amarante, os cães resgatados se encontravam em condição de abandono; sem receber os devidos cuidados, também sendo alimentado por vizinhos. Todos os três animais resgatados foram encaminhados para a Associação de Proteção aos Animais (ASPAN), onde estão recebendo os tratamentos veterinários necessários e ficarão aguardando no local, disponíveis para adoação.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Opinião dos leitores

  1. É a pior espécie que existe na planeta terra, a praga do ser humano. Esse vírus poderia fazer um favor, varrer essa raça e deixar a terra apenas nas mãos dos animais “racionais”.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Polícia Civil prende homem no interior do RN por maus-tratos contra animais e profanação de sepultura

Policiais civis da Delegacia Regional da 4ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Pau dos Ferros prenderam em flagrante, nesta terça-feira (23), Francisco Canindé Lima Pereira, 38 anos. A prisão aconteceu na cidade de Francisco Dantas, pela suspeita da prática dos crimes de profanar sepultura e maus-tratos contra animais, ocorridos na cidade de Pau dos Ferros.

As investigações se iniciaram há cerca de uma semana, após serem divulgadas nas redes sociais imagens em que se registrava um gato morto de forma aparentemente cruel, sobre uma sepultura de um cemitério da cidade, cercado de velas, cigarros e bebida alcoólica. Nesta terça-feira (24), no mesmo cemitério, foi encontrada uma galinha morta, em circunstâncias semelhantes.

O suspeito foi identificado pelos policiais e conduzido à delegacia, onde confessou a prática dos crimes. Ele alegou que estava fazendo cultos para se curar de ulcerações que estavam aparecendo em seu corpo. De acordo com Andson Rodrigo, delegado regional da 4ª DRP, a conduta do suspeito não se enquadra na livre e regular manifestação de crença/religião. “O local não era apropriado e a ação gerou sofrimento demasiado ao animal”, explicou o delegado.

Francisco Canindé foi autuado em flagrante e conduzido ao sistema prisional, onde ficará à disposição da justiça. A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Opinião dos leitores

  1. Esse infeliz vai estar solto logo logo !
    Só espero que a punição que ele merece não demore pra acontecer. …..

  2. Profanar sepulturas deveria ser considerada a construção de uma praça onde era um cemitério. A Praça do Rosário, no centro de Assu, é um exemplo clássico da falta de respeito à memória de seus antepassados.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

FOTO: Polícia Civil resgata cães da raça pitbull que sofriam maus-tratos

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis da Delegacia Especializada em Defesa ao Meio Ambiente (Deprema) cumpriram um mandado de busca e apreensão em um canil, localizado na cidade de Macaíba e conseguiram resgatar três filhotes e quatro adultos da raça pitbull, que estavam sendo vítimas de maus-tratos, nessa segunda-feira (27). Um dos filhotes encontrados no canil não resistiu aos ferimentos e morreu durante o translado para uma clínica veterinária, em Lagoa Nova, Natal.

A Polícia Civil começou a investigação após ter recebido denúncias anônimas que relatavam os maus-tratos que os animais estavam sofrendo no canil. “Queremos aproveitar para esclarecer a sociedade que a Deprema está aberta para receber todas as denúncias de violações contra os animais. As pessoas podem usar o Disque-Denúncia 181 ou se preferirem, podem se dirigir a sede da Deprema, que fica localizada no Praia Shopping, Zona Sul de Natal. As denúncias nos ajudarão no combate destes crimes”, destacou a delegada titular da Deprema, Ana Paula Diniz.

Veja mais: CRMV-RN fiscaliza canil com suspeita de maus-tratos aos animais em parceria com a Polícia Civil

Um homem responsável pelo canil foi conduzido para a Deprema e autuado pelos crimes de maus-tratos contra animais. Ele também responderá na Justiça pelo crime, na forma majorada, devido à morte de um dos cachorros. O endereço da Deprema para denúncias é Avenida Engenheiro Roberto Freire, 8790, Ponta Negra, Natal.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Opinião dos leitores

  1. Tem de prender esse sujeito que se mostrou um marginal da pior espécie tratando sem respeito e com requintes de crueldade os cachorrinhos que dependiam dele e estavam sob seus cuidados. Sinceramente um grande FDP

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

FOTOS: Polícia Civil apreende 48 gatos vítimas de maus-tratos no bairro do Alecrim, em Natal

Fotos: Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis da Delegacia Especializada em Defesa ao Meio Ambiente (DEPREMA) e da Delegacia Especializada em Assistência ao Turista (DEATUR) deram cumprimento, na manhã desta quinta-feira (17), a um mandado de busca e apreensão em desfavor de uma senhora de 55 anos. Ela foi autuada em flagrante pela suspeita da prática do crime de maus-tratos de animais.

O cumprimento aconteceu na residência da mulher, no bairro do Alecrim, na Capital Potiguar. No local, foram apreendidos: 48 gatos e dois cães em situação de maus tratos. As diligências foram empreendidas após o recebimento de denúncia anônima, informando que todos estes animais estavam amarrados pelo pescoço.

Ela foi conduzida até a delegacia e, após lavratura de Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), foi liberada.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Vereador requer que Delegacia do Meio Ambiente observe incidência de maus-tratos a animais em Natal após levar mordida de um jumento

O vereador de Natal Sueldo Medeiros (PHS) anunciou que vai requerer, nesta terça-feira (26), à Delegacia Especializada em Proteção ao Meio Ambiente (Deprema) que observe a incidência de maus-tratos a animais que circulam pelas vias públicas da capital potiguar. O parlamentar argumentou que a investida de um asinino sofrida por ele e que viralizou nas redes sociais poderia ter machucado seriamente uma criança ou um idoso.

“Esse não me parece um comportamento normal desses animais. É possível que seja uma reação a maus-tratos. Eu não me machuquei, mas uma criança ou um idoso poderia ter sofrido graves consequências. A Delegacia precisa observar a questão com atenção, para evitar que problemas dessa natureza aconteçam”, explicou Sueldo.

O animal avançou sobre o braço direito de Sueldo enquanto ele atravessava uma rua no bairro de Tirol. A cena foi registrada por uma câmera de segurança Apesar de a lei que proíbe a circulação de carroças em Natal entrar em vigor no próximo mês de junho, o vereador afirma que é importante que haja uma ação eficaz da Deprema até a efetivação da nova legislação.

 

Opinião dos leitores

  1. O animal deveria ser levado imediatamente ao veterinário para verificar se não lhe foi transmitido alguma doença.

  2. Ao contrário do que disse o nobre edil, esse é um comportamento normal de todos os equídeos. Aliás, todo bicho que tem dente morde. Quem morou em cidade do interior sabe.

  3. Até onde saiba, existe uma lei que proíbe a exploração animal em trabalhos como vemos em Natal em quase todas as ruas, com cavalo e burro puxando carroças.
    Essas carroças atrapalham o trânsito, usam animais magros e sofridos e nenhuma autoridade toma as providências devidas. Isso é Brasil, nessas terras de Poty onde vemos um absurdo atrás do outro e tudo sendo jogado para debaixo do tapete. Se vira cidadão!
    Se desse valor ao voto, muita coisa seria diferente.

  4. Como a Polícia Civil tem pouca coisa para fazer, não é possível que não se ocupe com algo tão importante…

    1. Sem falar que o efetivo é muito grande…(SQN, um dos menores do país)

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *