Diversos

Motoristas argentinos terão de fazer curso sobre igualdade de gênero para ter habilitação

Foto: elluisx/Creative Commons

A Agência Nacional de Segurança Viária da Argentina (ANSV) determinou que quem quiser uma carteira de habilitação deverá fazer um curso sobre gênero e estudar temas como masculinidades, patriacardo, feminicídios e acesso de mulheres ao setor de transporte.

“As grandes mudanças socioculturais e tecnológicas produzidas através dos anos trouxeram consigo a necessidade de adaptar os conteúdos dos cursos de formação, como assim também do exame teórico, motivo pelo qual faz-se necessário a reformulação de tais conteúdos, a fim de garantir a inserção na via pública de condutores idôneos e responsáveis, com conhecimentos atualizados em relação às novas tecnologias automotivas e principais regras para uma condução segura e eficiente”, diz a resolução publicada no Diário Oficial da Argentina.

“Com a convicção de que o recurso cultural é um aspecto de vital influência no que se refere à incorporação de normas de gênero relativamente cristalizadas, faz-se necessário incorporar no curso obrigatório para a concessão da Carteira Nacional de Habilitação um módulo que contemple a temática em questão, promovendo valores de igualdade e deslegitimando a violência contra as mulheres na condução de veículos na via pública, na segurança veicular e em tudo o que for relacionado com a matéria”, diz o texto.

A nova exigência visa a igualdade entre homens e mulheres por meio do estudo de conteúdos como gênero, papeis e estereótipos, identidade de gênero, violência de gênero, além de tipos e modalidades dessa violência.

Os motoristas terão de passar por um módulo que vai abordar tópicos como “Masculinidades: patriarcado e heteronormatividade; Mitos sobre a violência; Feminicídios, Transfeminicídios; e Crimes de Ódio”.

Também terão de estudar sobre “Recursos, ferramentas e formas de abordagem contra a violência na condução de veículos e no transporte; Acesso e participação de mulheres; e diversidades no setor de transporte”, por exemplo. Esses conteúdos serão incluídos no curso de condução durante março.

Sinais de trânsito com linguagem sem gênero

Para completar, o Ministério do Transporte difundiu um “Manual Especial” para readaptar as placas e as sinalizações de trânsito com perspectiva de gênero, promovendo a chamada “linguagem inclusiva” na qual os gêneros masculino e feminino ficam neutros, perdendo a terminação “o” e “a”, alteradas para “e”.

“O documento promove, entre outras coisas, o uso da linguagem inclusiva, reconhecendo e visibilizando as mulheres e a diversidade, coletivos até agora invisibilizados no setor do transporte, fruto dos estereótipos e das limitações culturais vinculadas com competências supostamente masculinas”, acrescenta o Diário Oficial.

Quem for reprovado, poderá refazer o curso 30 dias depois até, no máximo, três vezes ao ano.

G1, com RFI

Opinião dos leitores

  1. Esses IMBECIS agora estão dizendo que a matemática é racista, e que 2 + 2 não é igual a 4. O mundo vai ser destruído por esses canalhas.

  2. Ahhhu comunistas do inferno, até hoje quero saber como tem ser humano que apoia essa classe, será mentes doentias? Mas ninguém pode com os poderes de Deus.

  3. Argentina a caminho de se tornar a nova Venezuela a passos largos.
    O povo começa a ter uma ideia real do que fizeram elegendo essa dupla.
    Mas cada povo tem o governo que merece.
    A ideologia querendo acabar com o que a ciência prova desde sempre, só existem 02 tipos de cromossomos, XX e XY. O resto é devaneio sexual. Para isso eles ignoram a ciência, mas querem prova científica para uso da medicação de diminui os efeitos da covid.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Qualificação: Prefeitura de São Gonçalo do Amarante oferece 20 vagas para curso de encanador hidráulico em parceria com o Senai

Foto: Divulgação

A Prefeitura de São Gonçalo, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, Assistência Social e Cidadania (Semtasc), está oferecendo 20 vagas para o curso de encanador hidráulico. A qualificação será realizada em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

As inscrições estão sendo realizadas na secretaria, enquanto durarem as vagas. Para isto, é necessário que o candidato possua, pelo menos, o ensino fundamental incompleto e apresente cópias do RG, CPF e comprovante de residência, além de disponibilizar um contato telefônico.

O curso acontece entre os dias 15 de março e 12 de abril, das 13 às 17h, totalizando uma carga horária de 100h. As aulas serão realizadas na unidade móvel do Senai, que ficará instalada na Semtasc.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Trabalhos Experimentais de Consultoria Organizacional: curso de Graduação em Administração da UFRN inicia Processo Seletivo para escolha de organizações

O Curso de Graduação em Administração da UFRN está iniciando o Processo Seletivo para a Escolha de Organizações (privadas, públicas ou do terceiro setor) para receberem trabalhos Experimentais de Consultoria Organizacional realizados pelos discentes do Curso de Graduação em Administração nas atividades de Prática Profissional, sob orientação dos professores do referido curso.

As atividades se iniciarão em março e a divulgação das organizações selecionadas será feita até o final do mês de fevereiro.

O recebimento de propostas das organizações interessadas será de fluxo contínuo e podem ser encaminhadas pelo e-mail: ufrn02548@ufrn.edu.br

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Professora Julianny Barreto Ferraz lança o “Curso Descomplicando o tratamento de feridas”

Julianny Barreto Ferraz, Enfermeira Dermatológica e Pioneira em Terapia Larval, residente da Cidade de Natal, localizada no Rio Grande do Norte lança um curso totalmente online para profissionais da saúde, com início em 25 de janeiro de 2020.

O Curso Descomplicando o tratamento de feridas, tem como objetivo desenvolver o raciocínio clínico direcionando o foco do cuidado à pessoa com feridas. Descomplicar a assistência dá celeridade ao processo o que repercute em menos custos, maior satisfação do portador e empoderamento do profissional.

Serão 40 horas mescladas com atividades de fixação, quiz, lives, leitura de material disponibilizado em um drive e aulas expositivas dialogadas que trarão a prática baseada em evidência científica para transformar o seu fazer profissional.

O Curso está custando a partir de R $300,00 e poderá se inscrever através da plataforma Sympla, no link que segue abaixo.

Para mais informações, pode-se acompanhar Julianny Ferraz pelas redes sociais.

Instagram: @enfjuliannyferraz

Link para inscrição: https://www.sympla.com.br/curso-descomplicando-o-tratamento-de-feridas__1089653

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Instituto Metrópole Digital, da UFRN, abre inscrições com 60 vagas para curso de Inteligência Artificial

Foto: Cícero Oliveira

Para dar continuidade à parceria internacional com a Huawei – gigante tecnológica chinesa –, o Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN) está com inscrições abertas para a quarta turma do curso em HCIA Inteligência Artificial. As formações online visam a preparar os alunos para o exame de certificação tecnológica promovido pela empresa multinacional.

Intitulada Academia Autorizada Huawei para Ensino de Tecnologia da Informação e Comunicação (HAINA), a iniciativa conta agora com o edital nº 002/2021, que contempla 60 vagas, com inscrições abertas até o dia 17 deste mês, acessíveis por meio do formulário de inscrição. Para participar, não é necessário ter diploma de graduação ou de curso técnico, basta que o candidato comprove ter conhecimento sobre as temáticas do curso.

Segundo a professora Anne Canuto, coordenadora da iniciativa, qualquer pessoa, tanto do RN como de outros estados, pode participar do projeto, que garantirá aos melhores alunos do curso de IA a oportunidade de prestar, gratuitamente, o exame de certificação Huawei – prova de alto nível cuja inscrição normalmente é paga em dólares.

Seleção

O processo de seleção consiste em avaliação da documentação comprobatória e prova online sobre conceitos básicos de programação, cálculo fundamental, álgebra e estatística. Os critérios de desempate no processo seletivo do curso consideram formação acadêmica, experiência em programação e em Inteligência Artificial, além de idade. A prova está prevista para ser aplicada no dia 20 de janeiro e o resultado será divulgado no dia 21 do mesmo mês. As aulas começam no dia 25.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

RN inicia curso para formação de novos policiais militares em 04 de janeiro

Foto: ASSECOM/RN – Elisa Elsie

O Governo do Rio Grande do Norte realiza na próxima segunda-feira (4) a aula inaugural da segunda turma do curso para formação de praças da Polícia Militar, referente ao Concurso Público regido pelo Edital nº 003/2018. A relação dos candidatos matriculados foi publicada pela Secretaria de Estado da Administração (Sead) no Diário Oficial desta quinta-feira (31).

Ao todo, foram convocados 297 candidatos, sendo destes 96 homens e 201 mulheres. Os novos alunos-soldados deverão comparecer na segunda-feira, 04 de janeiro de 2021, às 6 horas da manhã, no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, situado na Avenida Rodrigues Alves, s/n – Tirol, para a Solenidade de apresentação ao Curso de Formação Policial – CFP 2021.

É importante ressaltar que somente será admitida a entrada no local dos candidatos que estiverem usando máscara de proteção, devido à pandemia da Covid-19. Àqueles que não puderem comparecer no dia e horário agendado devem justificar a ausência junto ao Comando do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças da Polícia Militar do do RN (CFAPM), responsável por analisar a pertinência da motivação da falta.

Informações gerais referentes ao Concurso Público podem ser obtidas através do site www.ibade.org.br ou por meio dos telefones: 0800 628 2175, (21) 3674-9190 – Rio de Janeiro, (84) 3026-0575 – Rio Grande do Norte, ou pelo e-mail atendimento@ibade.org.br.

Acesse:

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA INGRESSO NA SEGUNDA TURMA DO CURSO DE FORMAÇÃO, REFERENTE AO CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº 003/2018 – SEARH/PMRN – 05 DE JULHO DE 2018.

Opinião dos leitores

  1. Pelo que temos visto o governo de Fátima do PT superou os de Garibaldi Alves do MDB e o de Wilma de Faria no quesito fortalecimento das forças de segurança (PM, Polícia Civil, Polícia Penal e Corpo de Bombeiros).

    1. O governador Garibaldi e a governadora Wilma foram os que mais nomearam policiais civis nesses últimos vinte anos.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Governo do Estado publica resultado das matrículas da 2ª turma do Curso de Formação da Polícia Militar do RN

Foto: Elisa Elsie/ASSECOM-RN

A Secretaria de Estado da Administração (Sead), por meio da Comissão Permanente de Concurso Público, divulgou nesta quinta-feira (24) a lista dos candidatos matriculados na segunda turma do Curso de Formação, referente ao Concurso Público para provimento de vagas do quadro de praças da Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte. A relação com o resultado da entrega da documentação para o ato de matrícula foi publicada no Diário Oficial do Estado e também está disponível no site da Sead: www.sead.rn.gov.br.

As listas foram apresentadas de forma separada entre os candidatos sub judice e os regularmente habilitados, conforme orientação da Procuradoria Geral do Estado. Além destas, foram publicadas as relações dos candidatos excluídos do certame, em razão de pendências de documentação necessária para a efetivação do ato de matrícula ou porque faltaram à apresentação na data de convocação para entrega dos documentos.

O candidato em que o nome esteja listado na relação de inabilitados por causa de pendências de documentação, conforme o item 2.4.2 do Edital n° 003/2018 — SEARH/PMRN – 05 de julho de 2018, caso queira, poderá interpor recurso, impreterivelmente, nos dias 28 e 29 de dezembro de 2020, o qual deverá ser encaminhado para o e-mail searh.srh@gmail.com. Vale ressaltar que não serão aceitos recursos interpostos após esse prazo.

A nova turma do Curso de Formação de Praças da PMRN está prevista para iniciar no dia 04 de janeiro de 2021, conforme Termo de Ajustamento de Conduta firmado com o Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte.

Informações gerais referentes ao Concurso Público podem ser obtidas através do site www.ibade.org.br ou por meio dos telefones: 0800 628 2175, (21) 3674-9190 – Rio de Janeiro, (84) 3026-0575 – Rio Grande do Norte, ou pelo e-mail atendimento@ibade.org.br.

Opinião dos leitores

  1. Realmente, Fátima já incluiu mais de 1000 novos Pms, já Vilma prendeu mais de 1000 Pms, sem fanatismo, Fátima melhor governadora que o RN já viu.

    1. Babal ou Babão ? Kkkkkk um troço desse , projeto de governadora, fraca demais homi, deixe de brincadeira kk

    1. Fátima para chegar aos pés de Vilma precisa nascer de novo. Tenho até pena de quem pensa como vc.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

PM do RN encerra curso de formação de mil soldados e anuncia convocação de nova turma em 2021

Foto: Divulgação

O portal G1-RN destaca nesta segunda-feira(03) que a Polícia Militar do Rio Grande do Norte encerrou, na semana passada, o curso de formação de 1.024 novos soldados, convocados em 2019 pela corporação. De acordo com o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Alarico Azevedo, cerca de 400 candidatos que ficaram no cadastro reserva do concurso deverão ser convocados em janeiro de 2021. Aproximadamente 6 mil militares representam neste momento o déficit na segurança pública.

Segundo detalha a reportagem, a PM informa que os novos militares formados vão atuar na segurança das eleições e, até dezembro, serão distribuídos aos 31 batalhões do estado, entrando na escala comum de trabalho. O curso de formação teve duração de 11 meses.

Se os todos os novos soldados fossem distribuídos igualmente entre todos os 167 municípios do estado, seriam seis militares a mais em cada cidade. No entanto, o comandante afirmou que há um planejamento e que eles serão distribuídos aos comandos regionais, que definirão onde os soldados irão atuar, conforme a necessidade.

A reportagem ainda destaca que o  comandante da Polícia Militar confirmou que o governo autorizou a chamada de uma segunda turma de aproximadamente 400 alunos a partir de 4 janeiro de 2021.

Com acréscimo de informações do G1

Opinião dos leitores

    1. Exatamente, onde estão os 5 milhões, de onde eram os 89 mil reais depositados na conta de Michele Bolsonaro, as rachadinhas, não tem que esquecer nada.

  1. Essa governadora é boa demais!
    Parabéns governadora, é como aquela frase: "os cães ladram enquanto a caravana passa"!
    O RN está num processo de evolução de 40 anos em apenas 4.
    Melhor governadora disparada!

  2. Começam bem santinhos, depois de alguns meses já estão acampados no Centro administrativo fazendo greve com armas em punho.

    1. Quero ver se e arroxado em botar a cara no meio de uma ação policial onde a sua vida pode ser ceifada a qualquer momento, sem equipamentos compatíveis com os utilizados pela criminalidade. com as palavras e muito fácil, quero ver nas ruas…

  3. estamos precisando de mais policiais nas ruas.
    Aqui na vila de ponta negra o tráfico está tomando conta, é gente andando de tornozeleira, de moto sem capacete, música alta todo dia, ninguém aguenta!
    por favor PM mais atenção aqui na vila pois está virando uma favela igual no RJ

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Bruna Surfistinha ministra curso com dicas de sexo por R$ 350

Foto: Reprodução/Instagram

Ela já deu inúmeras entrevistas, publicou livros e virou até filme no cinema, num longa cujo papel foi interpretado por Deborah Secco . Aos 35 anos, Raquel Pacheco , mais conhecida como Bruna Surfistinha, irá inovar. Com a experiência adquirida em anos trabalhando como garota de programa, no passado, ela levará o que sabe adiante e planeja um workshop. O tema… é sexo .

O curso foi batizado de “Transforme sua vida sexual com Bruna Surfistinha “. No workshop , oferecido para mulheres heterossexuais e homossexuais, Raquel, que é assumidamente bissexual, dará dicas para eliminar bloqueios sexuais, sair da rotina, além de técnicas para “se reinventar na cama”.

Temas como masturbação feminina, sexo oral, anal, fetiches e tântrico serão abordados. Para receber os ensinamentos, claro, os interessados terão de desembolsar uma quantia de R$ 350.

Raquel foi casada após parar de atuar como profissional do sexo. O ex-marido era um de seus clientes. Ela, que é DJ e empresária, está solteira.

Além do filme , chegou a participar de reality shows e lançou livros como “O Doce Veneno do Escorpião: O diário de uma garota de programa” e “Depois do Escorpião: uma História de Amor, Sexo e Traição “.

IG

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Educação

MEC reconhece 27 cursos de graduação, um deles, na Ufersa, em Mossoró

(Foto: Reprodução)

O Ministério da Educação (MEC) reconheceu hoje (8), por meio de portaria, 27 cursos superiores de graduação. As vagas são em instituições públicas e privadas. A relação completa dos cursos foi publicada no Diário Oficial da União. Entre os cursos reconhecidos estão engenharia civil, direito, educação física, ciências da computação, medicina veterinária e medicina. 

Para uma instituição de ensino oferecer cursos superiores é necessário que eles sejam autorizados pelo MEC, que avalia condições para que isso ocorra. A exceção são as universidades e centros universitários que, por terem autonomia, independem de autorização para funcionamento de curso superior. Essas instituições devem, no entanto, informar à secretaria competente os cursos abertos para fins de supervisão, avaliação e posterior reconhecimento.

O reconhecimento é uma segunda etapa. Ele deve ser solicitado quando o curso de graduação tiver completado 50% de sua carga horária. O reconhecimento de curso é condição obrigatória para que os diplomas emitidos pelas instituições sejam válidos em todo o território nacional.

Pela internet, pelo Cadastro Nacional de Cursos e Instituições de Educação Superior, chamado Cadastro e-MEC, é possível consultar os cursos ofertados e se estão regulares junto ao MEC.

Agência Brasil

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Cosern abre seleção para curso gratuito de eletricista de redes em Natal e Mossoró nesta segunda-feira

Foto: Divulgação/Cosern

A Cosern abre nesta segunda-feira (14), no site da concessionária (www.cosern.com.br), as inscrições para a seleção de um curso gratuito de Eletricista de Redes com 50 vagas (sendo 25 para Natal e 25 para Mossoró) que será ministrado pelo SENAI RN no período de outubro de 2020 a janeiro de 2021.

As aulas teóricas serão ministradas em formato EAD e as práticas do curso serão realizadas nas instalações do CTGÁS, em Natal (Av. Capitão Mor Gouveia, 2779, Lagoa Nova), e em Mossoró nas instalações do SENAI (R. José Leite, 100, Abolição).

Mulheres e homens candidatos à seleção precisam ter mais de 18 anos, Ensino Médio completo, carteira de habilitação definitiva (categoria B, C ou D) e disponibilidade para cursar as aulas diurnas.

O prazo de inscrições para seleção, feitas exclusivamente no site da Cosern, encerra no dia 18 de setembro e o processo seletivo será realizado conforme local e horário a ser divulgado pelo SENAI, parceiro no processo.

O Curso da Escola de Eletricistas de Redes da Cosern é gratuito e terá aulas virtuais e práticas presenciais ministradas das 7h30 às 17h30, de segunda a sexta, com carga horaria total de 480 horas. Depois de formados, os eletricistas aprovados passarão a fazer parte do “Banco de Talentos” da Cosern para possíveis oportunidades de trabalho.

Inscrições

As inscrições serão gratuitas e realizadas exclusivamente via internet, exclusivamente no site da Cosern (www.cosern.com.br) das 09 horas do dia 14/09/2020 às 18 horas do dia 18/09/2020 ou até atingir o número limite de 300 (trezentos) inscritos no município de Natal e 300 (trezentos) inscritos para a turma no município de Mossoró. No Link dentro do site o candidato deverá optar por escolher realizar o Processo Seletivo para Natal ou em Mossoró.

Pré-requisitos

Homens e Mulheres com Idade Maior de 18 anos na data de inscrição para o processo seletivo;

Ensino Médio completo;

Carteira de habilitação definitiva, categoria B, C ou D;

Documentos necessários para validar inscrição enviada por e-mail:

Currículo atualizado;

Carteira de habilitação definitiva, categoria B, C ou D;

Comprovante de conclusão do Ensino Médio;

Sobre o Processo Seletivo

Serão convocados para as etapas seletivas os primeiros 150 candidatos inscritos para Natal e 150 candidatos para Mossoró com documentação completa. Os candidatos realizarão Teste de Língua Portuguesa, Matemática e Redação; avaliação comportamental; Entrevista com equipe técnica, avaliação prática (escalagem) e exames clínicos. Cada etapa será eliminatória.

 

 

Opinião dos leitores

  1. Eu estou disposto a fazer esse curso e dar meu melhor e crescer na vida e no aprendizado! !

  2. Tenho interesse em fazer esse curso, vai melhorar muito meu profissionalismo

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Educação

Aluno que trabalhava como lixeiro é aceito em curso de direito de Harvard

Rehan Staton e o irmão: ex-lixeiro deve começar as aulas em Harvard no segundo semestre deste ano (Instagram/Reprodução)

Quando criança, Rehan Staton foi chamado de “deficiente” por um professor e não vislumbrava um futuro com sucesso. Em meio a problemas familiares e dificuldades financeiras, as notas do futuro estudante de direito em Harvard só caíam e seu rendimento na escola era baixo.

“Muitas vezes não havia comida na mesa e eletricidade em casa”, recordou Staton ao jornal The Washington Post. “Isso foi comum durante toda a minha infância.”

A vida escolar de Rehan piorou depois que sua mãe o abandonou com os dois irmãos e o pai. A vida do jovem americano só começou a ter algum propósito quando ele começou a praticar esportes na escola e se apaixonou por boxe. No entanto, problemas de saúde o impediram de seguir em frente.

Depois de formado no ensino médio, ele não foi aceito em nenhuma universidade e começou a trabalhar como lixeiro na cidade de Bladensburg, no estado de Maryland. Foi nesse trabalho, que começava às cinco horas da manhã, que Rehan encontrou o apoio para voltar a estudar.

“Os outros lixeiros foram as únicas pessoas na minha vida que me colocaram para cima e me disseram que eu poderia ser alguém”, disse Staton na reportagem do jornal americano.

Primeiro, o universitário começou a estudar uma espécie de ciclo básico na Universidade de Maryland, mas ele ainda não havia desistido de estudar Direito e ainda não podia abrir mão do trabalho como lixeiro. Quando não podia tomar banho antes da aula, Rehan sentava nos fundos da sala para evitar as encaradas e os comentários dos colegas.

Em uma publicação no seu Instagram, Rehan Staton agradeceu ao irmão, que precisou abandonar os estudos e voltar a trabalhar para que Rehan pudesse ir para faculdade.

“Então, eu fui negado por todas as faculdades às quais me inscrevi depois do colegial, então peguei um emprego como lixeiro para ajudar meu pai. Mas uma chance de ir para Bowie State apareceu. No entanto, eu precisava manter meu emprego para poder ajudar meu pai nas contas, porque meu irmão já estava na faculdade. Meu irmão abandonou a escola depois que o semestre terminou para que ele pudesse conseguir um emprego para cobrir as contas e para que eu pudesse ir para a escola. Esse sacrifício é a única razão pela qual vou para a Faculdade de Direito de Harvard neste outono. Isso não seria possível sem você. Eu te amo, grande irmão”.

Enquanto trabalhava em período integral, Rehan fez as inscrições para diversas escolas de direito nos Estados Unidos. Além de Harvard, ele foi aceito na Universidade de Columbia, na Universidade de Pennsylvania e na Universidade do Sudeste da Califórnia.

Rehan, no entanto, escolheu a faculdade mais famosa do mundo e deve começar as aulas em Harvard no segundo semestre deste ano.

Exame

 

Opinião dos leitores

  1. Uma em um milhão, parabéns. A maioria fica naquela estória; quando crescer vou ser isso ou aquilo, quando começa a crescer fica buchada e começa o perrengue de novo.

    1. Gente fracassada é assim mesmo, desdenha das conquistas alheias.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

COVID-19: Antecipar expedição de certificado de conclusão de curso de medicina é decisão exclusiva da Universidade, diz TRF-5

Em dois processos distintos, estudantes de medicina em fase final do curso solicitaram ao Tribunal Regional Federal da 5ª Região – TRF5 o direito de obrigar a universidade a antecipar a expedição de certificado de conclusão do curso. O objetivo, segundo os estudantes, e, com o documento emitido pelas instituições de ensino, se inscrever na seleção do Programa Mais Médicos e, após aprovação, atuar no combate à pandemia do Novo Coronavírus (Sars-COV-2). Os pedidos foram negados em dois agravos de instrumento, um sob relatoria do desembargador federal Manoel Erhardt, da Quarta Turma de Julgamento, e o outro de relatoria do desembargador federal Paulo Cordeiro, da Segunda Turma. Os desembargadores mantiveram as decisões liminares já proferidas na Justiça Federal do Ceará (JFCE) e na do Rio Grande do Norte (JFRN).

Em resumo, os magistrados entenderam que a pandemia do Novo Coronavírus não pode servir como justificativa para antecipar judicialmente a concessão de certificados de conclusão, desrespeitando as leis e a autonomia universitária prevista na Constituição Federal. Nos dois casos, embora estejam no estágio final da graduação, os estudantes ainda não cumpriram a carga horária total exigida pelas universidades e faculdades. Além disso, cabe exclusivamente à Universidade a decisão de antecipar ou não expedição do certificado.

No agravo de instrumento 0802823-34.2020.4.05.0000, o desembargador federal Manoel Erhardt negou o pedido de tutela feito por estudantes de medicina da Universidade de Fortaleza (UNIFOR), mantendo decisão liminar anterior da 4ª Vara Federal do Ceará. No recurso ao Segundo Grau e no mandado de segurança na JFCE, os alunos queriam obrigar a instituição de ensino a expedir o certificado de conclusão do curso de Medicina.

Ao enfrentar o tema, o desembargador Manoel Erhardt avaliou o teor da decisão do Primeiro Grau. “Compulsando os autos, entendo que não merece reparos, ao menos neste juízo prefacial, a decisão ora agravada. O juízo de piso sustentou sua decisão na ilegalidade da medida pretendida pelos impetrantes, por falta de amparo normativo, uma vez que eles próprios reconhecem não haverem completado a carga horário integral do curso de Medicina. A pandemia de coronavírus não pode servir de pretexto para descumprir a lei, e conceder a pretensos concludentes de medicina títulos a que não fazem jus, porque não integralizaram o número de horas que a Universidade exige para a conclusão do curso de Medicina”, afirmou o relator, citando trecho da decisão da 4ª Vara Federal do Ceará.

“Embora não se olvide da nobre intenção dos impetrantes, nem, muito menos, da gravidade da crise sanitária causada pela pandemia do Novo Coronavírus, não se verifica ato ilegal a ser reprimido, uma vez que se limitou o Reitor da Universidade de Fortaleza a cumprir a Lei”, analisou o magistrado. O desembargador ainda destaca que não há previsão legal para abreviação de cursos em tempos de crises por meio de processos judiciais. “Inexiste, contudo, ato normativo editado autorizando a abreviação de cursos universitários nestes tempos de crise, evidenciado pelo decreto de calamidade pública aprovado pelo Congresso Nacional, o que desautoriza a adoção imediata de semelhante medida. Ainda que se esteja diante de um exponencial aumento de demanda dos setores público e privado de saúde, não é dado ao Poder Judiciário substituir-se às autoridades competentes na adoção de medidas hábeis a debelar a crise”, declarou Erhardt na decisão liminar proferida no dia 20 de março.

Decisão exclusiva da Universidade

No agravo de instrumento 0802837-18.2020.4.05.0000, o desembargador federal Paulo Cordeiro negou provimento ao agravo de instrumento interposto por estudante de medicina no último período da graduação. Ele desejava a imediata expedição de certificado de conclusão de curso pela Escola Multicampi de Ciências Médicas do Rio Grande de Norte – EMCM/RN. O objetivo também era a inscrição na Seleção do Programa Mais Médicos e participar do combate à pandemia causada pelo Novo Coronavírus.

A decisão do magistrado manteve o entendimento da 9ª Vara Federal do Rio Grande do Norte, que já havia indeferido o pedido. “O que se verifica, na espécie, é que o impetrante ainda não concluiu todas as disciplinas de sua graduação, restando pendente 800 (oitocentas) horas relativas ao Internato em Pediatria (400 horas) e ao Internato em Ginecologia-Obstetrícia (400 horas) – cf. histórico escolar constante no documento de ID nº 6741188”, relatou Cordeiro.

Nos autos do recurso, o estudante alegou que a Universidade Federal da Bahia está autorizando administrativamente a colação de grau dos acadêmicos do 6º ano do curso de medicina, tendo em vista a situação caótica que o País está vivenciando com relação ao Coronavírus, e a necessidade de profissionais da saúde para ingressar no Programa do Governo Federal Mais Médicos.

Em sua decisão proferida no dia 20 de março, o desembargador Paulo Cordeiro explicou que cabe exclusivamente à Universidade a decisão de antecipar ou não expedição do certificado e não poderia o Poder Judiciário desrespeitar, neste caso, a autonomia universitária, prevista no artigo 207 da Constituição Federal. “Nesse contexto, tem-se que a decisão final acerca da abreviação da duração do curso (art. 47, §2º, da Lei nº 9.394/1996) deve ficar a cargo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN, a qual já se comprometeu em convocar o Colegiado do Curso mediante reunião extraordinária cuja pauta contemplará as solicitações de colação de grau antecipadas, diante da suspensão das atividades acadêmicas ocasionadas pelo estado de emergência internacional decorrente do surto de coronavírus (ID nº 6741207 – página 2)”, escreveu o relator.

Agravos de Instrumentos
0802823-34.2020.4.05.0000
0802837-18.2020.4.05.0000

Opinião dos leitores

  1. Erra o estado em não disponibilizar pra saúde debilitada, profissionais que já cumpriram sua carga horária academica, e que poderiam ficar no pelotão de frente, preservando os profissionais com mais experiências e idade, pra combater casos de mais complexidades e com mais gravidades. Na Itália 14% dos infectados são esses soldados da saúde, com isso, estão desfalcando os quadros já limitados. Imagina com nossa realidade de números de médicos já insuficientes.

  2. Acho que essa galerinha aí quer pegar o canudo e ficar em casa. Se permanecerem como estudantes, são obrigados a ficarem nos hospitais e ajudar no combate ao covid 19. Verdade seja dita!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Prefeitura de São Gonçalo e Sebrae iniciam curso ‘Como desenvolver uma empresa de sucesso’; 200 pessoas beneficiadas

Fotos: Divulgação

Para estimular as características empreendedoras e fazer com que esse público aproveite as oportunidades de mercado, a Prefeitura de São Gonçalo e Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), iniciaram ontem (9) o curso “Como desenvolver uma empresa de sucesso”.

Nesse curso os participantes são estimulados a despertar habilidades, competências e comportamentos empreendedores. Além disso, são ofertados orientações técnicas sobre práticas de gestão e inovação em negócios por meio de palestras, dinâmicas em grupos e consultorias em suas próprias empresas.

O encontro reuniu cerca de 200 empreendedores (e pretendentes) da cidade, no ginásio do Amarante. A ação é desenvolvida pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDET).

Opinião dos leitores

  1. Aposto que, 95% dos professores já faliram e foram para o Sebrae. Vai entender esse povo.
    Como ensinar a ter sucesso empresarial assim?

    1. Eu também fali algumas vezes e sou um dos homens mais ricos do Brasil.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trânsito

Detran realiza curso em Mossoró e Pau dos Ferros para inibir fraude veicular

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) inicia nesta segunda-feira (10), uma nova etapa do Curso de Identificação Veicular com foco nos servidores do Órgão. A qualificação vai atender funcionários públicos lotados nas localidades polos de Mossoró (10 a 13/02), e Pau dos Ferros (14 e 17/02).

O curso é coordenado pela Escola Pública de Trânsito do Detran (Eptran) que já qualificou profissionais lotados nos polos Natal, onde foram formados 67 servidores, e em Caicó.

O Curso de Identificação Veicular é vital para a leitura técnica apurada e correta dos códigos veiculares e para percepção de análise de segurança dos automóveis. Com a capacitação, os funcionários da área de vistoria e lacração terão maior capacidade técnica de detectar possíveis irregularidades no veículo, evitando, dessa forma, situações delituosas, a exemplo de clonagem e adulteração veicular em geral.

Outro fator importante no Curso é que o corpo técnico do Detran está sendo atualizado com as informações mais recentes que envolvem o campo da vistoria, como também a construção de um padrão moderno de atuação técnica envolvendo todas as unidades do Detran no Rio Grande do Norte que atuam disponibilizando os serviços de vistoria veicular.

Nesse ponto, o treinamento leva aos participantes a capacidade de reconhecer fraudes ou adulterações nos identificadores veiculares e na documentação do automóvel, aferindo tecnicamente se o objeto vistoriado é idôneo ou procedente de produto de roubo, furto ou adulteração.

A capacitação conta com uma carga horária de 20h/aula compreendendo as disciplinas de “Identificação Veicular”; “Noções Básicas de Adulteração e Perícia”; “Legislação de Trânsito”; e “Estágio Supervisionado”. O Curso segue em conformidade com as diretrizes determinadas pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e com as resoluções do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) que tratam sobre o tema.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Candidatos bolsonaristas terão de passar por curso: “vamos primar pela qualidade e não quantidade”

Jair Bolsonaro vai apoiar poucos candidatos em 2020. Sua advogada, Karina Kufa, disse para O Globo:

“Na Aliança teremos um filtro para evitar que pessoas não alinhadas saiam candidatos. Vamos primar pela qualidade e não quantidade.”

O objetivo, segundo a reportagem, é “evitar que se repita o que houve nas eleições do ano passado, quando vários candidatos a deputado e senador se elegeram sob o manto do bolsonarismo pelo PSL, mas romperam com o presidente no racha da legenda comandada pelo deputado Luciano Bivar”.

Karina Kufa disse também que o partido terá cursos para candidatos nas eleições de 2022, que deverão cumprir uma frequência mínima obrigatória.

O Antagonista, com O Globo

Opinião dos leitores

  1. Bela medida Presidente Jair Messias bolsonaro.
    Os comunas dos partidos de esquerda ja estão chiando e dizendo que vão entrar na justiça pela intolerância de não aceitarem corruptos, mentirosos, invasores de propriedades, ficha suja, assassinos de reputações, pudin de cana e etc… alegando discriminação

  2. Pela "qualidade" dos ministros de Bolsonaro, começando por Damares, eu imagino que qualquer doido é aprovado.

  3. O primeiro reprovado é General Girao eleito pelo RN agora as emendas dele para São Paulo.

  4. Eita agora vamos identificar mais loucos …os DESEQUILIBRADOS VÃO PASSAR NO TESTE DO ROUPINOL……VAI SER TIRO PRA TODO LADO…COITADA DA LUA??????????…..NAO VAI AGUENTAR TANTA PEDRA…..OS BABA OVO AGORA VAO TROCAR DE BRINCAR DE PEDRA NA TESTA.

  5. Seria maravilhoso que os cargos políticos, indicados e comissionados, tivessem salários equivalentes a cargos de funcionários públicos e sua escolaridade, com tempo-limite de no máximo 2 anos, sem direito a recondução. Isso sim, seria um Brasil justo e limpo.

    1. Será que se gritar lulalivre ou dilmãe se entra pela quota de idiotas? Parece que Rede conseguiu uma liminar no STF para assegurar essa pluralidade.

    1. Né isso! O PT já eh bem diferente! Faz curso de como roubar o erário. E a esquerda em geral faz curso de como enganar os pobres distribuindo migalhas …

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *