Veículos de comunicação, através da Folha, UOL, Estadão, Extra, O Globo e G1 formam parceria para dar transparência a dados de Covid-19

Em resposta à decisão do governo Jair Bolsonaro de restringir o acesso a dados sobre a pandemia de Covid-19, os veículos O Estado de S. Paulo, Folha de S.Paulo, O Globo, G1 e UOL decidiram formar uma parceria e trabalhar de forma colaborativa para buscar as informações necessárias nos 26 estados e no Distrito Federal.

Em uma iniciativa inédita, equipes de todos os veículos vão dividir tarefas e compartilhar as informações obtidas para que os brasileiros possam saber como está a evolução e o total de óbitos provocados pela Covid-19, além dos números consolidados de casos testados e com resultado positivo para o novo coronavírus.

O governo federal, por meio do Ministério da Saúde, deveria ser a fonte natural desses números, mas atitudes recentes de autoridades e do próprio presidente colocam em dúvida a disponibilidade dos dados e sua precisão.

Mudanças feitas pelo Ministério da Saúde na publicação de seu balanço da pandemia reduziram a quantidade e a qualidade dos dados.

Primeiro, o horário de divulgação, que era às 17h na gestão do ministro Luiz Henrique Mandetta (até 17 de abril), passou para as 19h e depois para as 22h. Isso dificulta ou inviabiliza a publicação dos dados em telejornais e veículos impressos. “Acabou matéria no Jornal Nacional”, disse o presidente Jair Bolsonaro, em tom de deboche, ao comentar a mudança.

A segunda alteração foi de caráter qualitativo. O portal no qual o ministério divulga o número de mortos e contaminados foi retirado do ar na noite da última quinta-feira. Quando retornou, depois de mais de 19 horas, passou a apresentar apenas informações sobre os casos “novos”, ou seja, registrados no próprio dia. Desapareceram os números consolidados e o histórico da doença desde seu começo. Também foram eliminados do site os links para downloads de dados em formato de tabela, essenciais para análises de pesquisadores e jornalistas, e que alimentavam outras iniciativas de divulgação.

Entre os itens que deixaram de ser publicados estão: curva de casos novos por data de notificação e por semana epidemiológica; casos acumulados por data de notificação e por semana epidemiológica; mortes por data de notificação e por semana epidemiológica; e óbitos acumulados por data de notificação e por semana epidemiológica

Neste domingo (7), o governo anunciou que voltaria a informar seus balanços sobre a doença. Mas mostrou números conflitantes, divulgados no intervalo de poucas horas.

Em razão das omissões, a parceria entre os veículos de comunicação vai coletar os números diretamente nas secretarias estaduais de Saúde. Cada órgão de imprensa divulgará o resultado desse acompanhamento em seus respectivos canais. O grupo vai chamar a atenção do público se não houver transparência e regularidade na divulgação dos dados pelos estados.

“Numa sociedade organizada como a brasileira, é praticamente impossível omitir ou desfigurar dados tão fundamentais quanto o impacto de uma pandemia. Com essa iniciativa conjunta de levantamento de dados com os estados, deixamos claro que a imprensa não permitirá que nossos leitores fiquem sem saber a extensão da Covid-19 “, afirmou Sérgio Dávila, diretor de Redação da Folha.

“É nossa responsabilidade cotidiana transmitir informações confiáveis para a sociedade. E, agora, no momento mais agudo da pandemia, precisamos assegurar à população o acesso a dados corretos o mais rápido possível, custe o que custar”, disse Murilo Garavello, diretor de Conteúdo do UOL.

“É triste ter que produzir esse levantamento para substituir uma omissão das autoridades federais. Transparência e honestidade deveriam ser valores inabaláveis na gestão dessa pandemia. Vamos continuar cumprindo nossa missão, que é informar a sociedade”, afirmou João Caminoto, diretor de Jornalismo do Grupo Estado.

“O jornalismo tem a missão de levar à população os números mais precisos sobre a pandemia. É fundamental conhecer a real extensão dos fatos. Esses dados são decisivos para que as pessoas saibam como agir nesse momento tão difícil”, destacou Humberto Tziolas, diretor de redação do Extra.

“Neste momento crucial, deixamos nossa concorrência de lado por um bem comum: levar à sociedade o dado mais preciso possível sobre a pandemia. Essas informações orientam as pessoas e as políticas públicas. Sem elas, o país mergulha em um voo cego. O jornalismo cumprirá seu papel”, afirmou Alan Gripp, diretor de redação de O Globo.

“A missão do jornalismo é informar. Em que pese a disputa natural entre veículos, o momento de pandemia exige um esforço para que os brasileiros tenham o número mais correto de infectados e óbitos”, afirmou Ali Kamel, diretor-geral de Jornalismo da Globo (TV Globo, GloboNews e G1). “Face à postura do Ministério da Saúde, a união dos veículos de imprensa tem esse objetivo: dar aos brasileiros um número fiel.”

Folha de São Paulo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Direita-honesta disse:

    A responsabilidade pelas mortes é dos governadores e prefeitos, conforme decidiu o STF. E muito a deles estão aproveitando a situação para fazer política contra o governo Bolsonaro e para roubar. De brinde, estão arruinando com a economia do país, tentando atingir o presidente. A propósito de transparência dos dados, os do RN são de péssima qualidade. Muitos dados não são informados no dia certo e são acumulados com outros, e faltam testes suficientes para acompanhar a evolução da epidemia. Para não falar da falta de ações concretas na área de saúde. Onde estão os novos leitos de UTI? E o hospital de campanha? E os novos respiradores? E os EPI's para os profissionais de saúde? É uma tristeza!

  2. Tarcísio Eimar disse:

    O poder é suco, mas. A política amais ainda. Pobre de nós sofredores dessa nação, temos q aturar esse rincha pro resto da vida

  3. Silva disse:

    Estamos perdidos! Olhem quem vai repassar os dados sobre Covid-19 do Brasil: Globo Lixo, Lulol, Foice de SP, Estadinho. E serão assessorados pelo Datafoice ?!?

  4. Véio de Rui disse:

    Não podemos esquecer que a responsabilidade do estrago do corona vírus no Brasil, estar sob a batuta dos governadores e prefeitos, com a aquiescência do STF. E morreu Maria preiá

    • Radi disse:

      E desses que agora vão contar os defuntos.
      A folha e os marinhos.
      Duas porcarias.

  5. José disse:

    Esconder a verdadeira face mortal é típico de um governo facista!

  6. Pedro disse:

    Que bom…por que os militares do MS só sabem esconder corpos…

  7. Paulo disse:

    E esconder os dados relevantes para a população tá correto? Quem é que está desinformado ?

  8. Carlos disse:

    Certíssimo o posicionamento, esse desgoverno do Bozominion está colocando o país em uma posição ridícula diante outras nações, o povo que é roubado em tudo vai ficar em uma pior com essas desinformações e despreparo desse governo ridículo. Já falei tantas vezes que esse país é uma zona e quando penso que já está no fim do poço sempre tem alguém pra afundar mais ainda. É o fim.

  9. Antenado disse:

    Sério…os que falam em honestidade na informação. Fala sério!!! Vindo logo de quem.

  10. Bawer disse:

    Já estão unidas faz tempo, mas para um único proposito:

    derrubar o governo e desinformar e amedrontar a sociedade.

Parceria entre Governo e igrejas católica e evangélica distribuirá 300 mil máscaras à população

Foto: Divulgação

O Governo do Estado distribuiu 300 mil máscaras de pano para prevenção ao novo coronavírus junto à Arquidiocese de Natal e à Igreja Evangélica Assembleia de Deus. A doação foi acordada por meio do programa governamental RN+Protegido.

As 300 mil máscaras serão divididas igualmente entre as duas instituições religiosas e serão distribuídas entre os 270 templos religiosos e 110 paróquias espalhadas no estado do Rio Grande do Norte.

As entregas acontecerão semanalmente a partir do acordo firmado nesta segunda-feira (11), tendo como representantes o controlador-geral do Estado, Pedro Lopes, o vigário Antônio Murilo e o pastor José Arimaldo Fernandes.

“Está em comum acordo que a comunidade evangélica e as pastorais sociais da igreja em situação de maior vulnerabilidade social serão priorizadas para receberem essas máscaras”, reforçou Pedro Lopes.

“Agradecemos ao Governo pela doação. Para nós do segmento evangélico é de grande importância esse programa e essa doação para nos protegermos dessa pandemia”, agradeceu o pastor Arimaldo Fernandes.

“Essas máscaras serão distribuídas entre comunidades, capelas, pastorais e paróquias em uma ação célere. Agradecemos à governadora Fátima Bezerra pela sensibilidade e firmeza de gestão neste momento pelo qual passamos”, disse o padre Murilo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Natércia disse:

    Sao irmãos beneficiados…muitas comunidades ainda sem máscaras….DR ALBERT DICKSON SEMPRE À FRENTE DE AÇÕES VOLTADAS PARA A POPULAÇÃO CARENTE DO RN….

  2. Lirinho disse:

    Bajulamento. Estamos em12/05 sem ter nem ver firmeza de ação ou uma ação concreta desse "desguverno" a grande atitude desse "mundrunho" é distribuir máscara, fechar comércio e impor terror, pânico e medo na população. Se DEUS quiser não teremos os 11.500 óbitos, muito desgraçadamente calculado.

Governo abre em parceria com Prefeitura do Natal 14 novas UTIs no Hospital Municipal

Foto: Demis Roussos/ASSECOM-RN

O Governo do RN está fornecendo equipamentos para a instalação de 14 novos leitos de UTI no Hospital Municipal de Natal que terá sua capacidade de atendimento aos pacientes de Covid-19 ampliada em 140%. “Continuamos fazendo um grande esforço no sentido de abrir leitos, e agimos com muita transparência, tanto que hoje o RN é o segundo Estado mais transparente nos processos e aplicação de recursos financeiros no enfrentamento ao novo coronavírus”, afirmou o secretário adjunto de saúde, Petrônio Spinelli, em entrevista coletiva, na manhã desta sexta-feira(8).

O Hospital Municipal de Natal, mantido pela Prefeitura, está atualmente com 11 pacientes em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Com o entendimento firmado com o Governo do Estado, vai receber equipamentos e passará a ter 25 leitos críticos.

O Governo do RN também está abrindo mais 10 leitos de UTI no Hospital da Polícia Militar de Natal, até a próxima semana, que passará a funcionar com 20 UTIs. Em Mossoró, o Hospital São Luiz, contratado por uma parceria entre o Governo e a prefeitura, vai abrir mais 10 leitos de UTI até o final desta semana.

Na Zona Norte de Natal, o Estado trabalha para abrir nos próximos dias 10 novas UTIs, para atendimento pediátrico, no Hospital Maria Alice Fernandes. “Hoje temos uma pressão muito forte por leitos em Natal e Mossoró com a oferta muito próxima da capacidade máxima. No Hospital da Polícia de Natal, por exemplo, dos dez leitos, nove estão ocupados”, afirmou Petrônio.

Além destas vagas, o Governo concluiu o processo de Chamada Pública para instalar 20 leitos no Hospital João Machado, na capital, e 10 leitos no Hospital Regional de Macaíba. E firma contrato com a rede privada para ocupar leitos de UTI – com custos pagos pelo Governo – para utilização conforme a demanda apresentada.

OCORRÊNCIAS

O quadro de ocorrência da Covid-19 mostra que hoje há 1.821 casos confirmados, 6.188 suspeitos, 5.277 descartados, 662 recuperados, 81 óbitos e 25 óbitos em investigação.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. David disse:

    O estado vai abrir, vai instalar, vai entregar, só não sabe quando. Quanta incompetência e irresponsabilidade dessa governadora, estamos no pico da doença, no entanto fatão não instalou um leito de hospital a mais, uti e respiradores nem pensar. Isso é uma verdadeira vergonha!

  2. desacocheio disse:

    E essas UTIs, tem respirador ou é só uma cama p/ o cara morrer iguais as anunciadas ontem?

  3. Pedro disse:

    Só acredita nessa história, quem crê em nove dedos……kkkk. Está faltando reagente no LACEN, os testes estao parados e esses mentirosos indo para tv beijar microfone, vai ver sao candidatos a algo, esse que ai aparece é doido para ser prefeito de Santa Cruz.

  4. Antenado disse:

    E os leitos da Liga? Alguma notícia. Pense num governo incompetente.

Hemonorte e Uber fecham parceria para reforçar estoques de sangue em Natal

O Hemonorte intensificou as estratégias para atrair doadores durante o período de pandemia. Com o apoio da Uber, a unidade pretende aumentar os estoques durante a quarentena.

A partir de quarta-feira (22), a Uber vai oferecer R$ 30 de descontos em duas viagens que tenham como ponto de destino ou de origem a unidade do Hemonorte, na Avenida Alexandrino de Alencar, utilizando o código UBERHEMONORTE. O objetivo é facilitar que os doadores se movimentem evitando a exposição a ambientes externos ou aglomerações. A ação vai durar até o dia 28 de abril. Veja no final do texto como inserir o código.

Para evitar filas e aglomerações, os doadores podem agendar um horário por meio do telefone 3232-6733 ou acessar o site do Hemonorte (www.hemonorte.rn.gov.br), preencher o cadastro e fazer a confirmação do seu horário.

Entre as principais estratégias de segurança adotadas pelo Hemonorte durante este período de coronavírus estão as restrições de caravanas ou grandes grupos nas unidades.

Requisitos para doar

Para se candidatar à doação de sangue é preciso estar saudável, bem alimentado, pesar acima de 50kg, ter dormido bem na noite anterior, não ter ingerido bebida alcoólica, ter entre 16 e 69 anos de idade e apresentar um documento oficial e com foto. Os candidatos com idade entre 16 e 17 anos que forem doar pela primeira vez devem estar acompanhados pelo responsável legal. A partir da segunda vez precisa apenas do consentimento formal assinado pelo responsável. O formulário para preenchimento e assinatura do responsável legal está disponível no site do Hemonorte.

Como inserir o código da Uber:

1. No aplicativo da Uber, selecione a opção “Pagamento”.

2. No item “Promoções”, selecione a opção “Adicionar código promocional”.

3. Insira o código UBERHEMONORTE

4. Por último, clique em “Adicionar”.

Posto para doação

Av. Alexandrino de Alencar, 1800 – Tirol

De segunda a sábado, das 7h às 18h

Em discurso de posse, Teich fala em ‘foco nas pessoas’ e parceria com estados

Foto: Reprodução/GloboNews

O novo ministro da Saúde, o oncologista Nelson Teich, tomou posse nesta sexta-feira (17) em cerimônia no Palácio do Planalto, com a presença do presidente Jair Bolsonaro. O ministro afirmou que terá “foco na pessoas” e que fará um trabalho de parceria com estados e municípios para conter o coronavírus.

Teich substituiu o agora ex-ministro Luiz Henrique Mandetta, que se desgastou com o presidente por causa das estratégias adotadas contra a pandemia. Até esta quinta-feira (16), o Brasil já havia confirmado 30.891casos da covid-19 (doença causada pelo vírus) e 1.952 mortes.

Em discurso na posse, Teich disse que uma das táticas de sua gestão será acompanhar diariamente, com estados e municípios, informações atualizadas sobre o avanço do vírus e outros problemas que poderão estar afetando a rede de saúde.

“[Vamos] Acompanhar diariamente a evolução em cada estado e município, de como está evoluindo a covid-19 e outros problemas que possam estar relacionados à saúde. Trabalhando com os estados, com os municípios, para que a gente consiga ter uma agilidade na solução de problemas que vão surgir. Você tem que analisar todo dia o que está acontecendo, fazer planejamento e executar””, afirmou Teich.

O novo ministro ressaltou que, independentemente de serem discutidas ações na economia ou na saúde, o resultado sempre deve buscar o que será benéfico para a população. “O final é sempre gente”, disse.

“Hoje tenho colocado isso, foco que a gente tem aqui, e tudo que a gente vai fazer, é nas pessoas. Por mais que você fale em saúde, por mais que você fale em economia, não importa o que você fala, o final é sempre gente”, afirmou.

Ele disse ainda que sua gestão vai buscar informações de todas as áreas para aprimorar o combate ao vírus. Segundo Teich, os indicadores sociais, como desemprego, serão levados em conta para as ações na saúde.

“Tem que acompanhar também os indicadores sociais. Se tiver mais desemprego, pessoas que vão perder o plano de saúde, isso vai impactar o SUS. [Vamos buscar a] Informação detalhada, com qualidade, bem avaliada e bem estruturada. E formação de equipe. Coisa que pretendo trazer de forma mais intensa de transição de um ministro para o outro”, explicou Teich.

No discurso, Teich também disse que vai buscar integração e troca de informações entre os ministérios para encontrar soluções no combate ao coronavírus.

“Juntar informações das diferentes áreas. Tentar aumentar quantidade de informações. Maior integração entre ministérios, para que possa mapear coisas ligadas a saúde que são fundamentais”, disse Teich.

Carreira

Nelson Teich tem 62 anos, é carioca, e nos anos 1990 fundou o Centro de Oncologia Integrado (Grupo COI), onde atuou até 2018. Segundo o perfil dele em uma rede social, trabalhava como consultor em gestão de saúde.

Formado em medicina pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), ele se especializou em oncologia no Instituto Nacional do Câncer (Inca) e estudou Gestão de Negócios na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos.

Em dezembro de 2018 entrou no doutorado de Ciências e Economia da Saúde na Universidade de York, no Reino Unido, onde já havia concluído o mestrado na mesma área.

Em 2008, ele fundou, no Rio, um instituto sem fins lucrativos dedicado a pesquisas sobre o câncer e à formação de profissionais nessa área. Nelson Teich atuou no instituto por dez anos. Depois, se tornou consultor sênior na Teich Health Care, que faz planejamento e execução de projetos em saúde.

Em 2010 e 2011, ele prestou consultoria para o Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, também focada em gestão da saúde.

Na política, o novo ministro da Saúde atuou como consultor informal da equipe de campanha do então candidato Jair Bolsonaro. Chegou a ser cotado para ocupar a pasta, mas Bolsonaro acabou escolhendo Luiz Henrique Mandetta.

O médico e pesquisador participou do governo como assessor do secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Denizar Vianna, de setembro de 2019 a março de 2020.

G1

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Sésamo disse:

    Interessante o mister Ricardo Lúcido, as vezes nós comentamos alguma coisa aqui no blog do BG, e o moderador não permite nossos comentários. O mister Lúcido, nos últimos dias tem dado palpite e comentado tudo que aparece, BG tá de porteira aberta!!!

    • RICARDO LÚCIDO disse:

      Cidadão , não conheço BG , na verdade teria um imenso prazer em parabeniza-lo pelo espaço democrático. Sugiro ao amigo que envie suas mensagens quanto é pertinente ele pública . Abra-te Sésamo , tem espaço para você .

  2. RICARDO LÚCIDO disse:

    O novo ministro pode ser caracterizado como o popular vaselina . Rolando lero ainda é muito . Parece ser um bom rapaz , terno com corte italiano , relógio Rolex e gravata Hermes . Observei os detalhes . O presidente , votei nele e me arrependo , me parece que está com um corte de cabelo diferente , tem um disponho saindo no meio da testa . Mandetta , com roupa simples e com a cara mais aliviada teve ter dormido melhor de ontem para hoje . Vamos torcer pelo jovem ministro . Que ele tenha boa sorte . Tamô junto

    • Barba disse:

      Muito bons seus comentários. Apesar de eu ser canhoto, eu não me sinto ofendido com seus comentários. Diferentes de alguns aqui, que não sabem argumentar!vlw

Em parceria a Sesap, Cabo Telecom desenvolve dashboard interativo sobre o novo coronavírus no RN

Abastecido constantemente com dados oficiais, o painel apresenta o número de casos suspeitos e confirmados e sua distribuição no território do estado. Foto: Reprodução

A empresa de telecomunicações Cabo Telecom desenvolveu, em parceria com a Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap), um dashboard (ferramenta de gerenciamento de informações) que atualiza constantemente o número de casos suspeitos e confirmados da Covid-19 (novo coronavírus) no estado. O programa, que recebe o nome de ‘Coronavírus RN’, ainda indica o número de casos curados e mortes que possam vir a ser provocadas pela doença.

“Este dashboard que o nosso Departamento de Projetos desenvolveu em conjunto com a Sesap é um serviço extremamente importante para a população e também para os veículos de comunicação do estado. Em tempos de disseminação de notícias falsas, o cidadão precisa estar bem informado com dados claros, seguros e atualizados. Nosso intuito é colaborar o máximo com as ferramentas possíveis no enfrentamento desta pandemia”, comenta Claudio Alvarez, diretor presidente da Cabo Telecom.

O painel ‘Coronavírus RN’ é abastecido constantemente com dados oficiais da Sesap e o usuário pode conferir, por exemplo, o número de casos suspeitos e confirmados em cada município e a sua distribuição no território do estado. Para a execução do projeto, a Cabo Telecom realizou a parte de desenvolvimento e forneceu a licença do software que gera o mapeamento. As informações podem ser conferidas no site: www.cabotelecom.com.br/covid19 .

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Jivago Pires disse:

    Muito Bom, parabéns a CaboTelecon e ao Governo do RN

Vereadora de Natal, Divaneide Basílio(PT), vai a Cuba conhecer projetos em parceria com MST

 

Ver essa foto no Instagram

 

#Release ⠀ A vereadora de Natal, Divaneide Basílio (PT-Natal) está em Cuba, à convite do MST, para conhecer experiências exitosas nas áreas de educação, saúde e agricultura urbana e familiar que acontecem no país. ⠀ A programação da parlamentar, que chegou no território Caribenho na última segunda-feira, 27, incluí visitas à instituições como a Organización de las Naciones Unidas para la Alimentación y la Agricultura (FAO), entidade ligada às ONU que atua em todo mundo desenvolvendo projetos para reduzir a insegurança alimentar e a pobreza rural entre a população com menos renda. ⠀ “Na reunião com o representante da FAO em Cuba, Marcelo Resende, pudemos aprender sobre os projetos fomentados pela entidade na ilha e apresentar as iniciativas desenvolvidas pelo nosso mandato em Natal, como a Lei da Agricultura Urbana e Periurbana e a Frente Parlamentar de Soberania Alimentar”, conta Divaneide.

Uma publicação compartilhada por Divaneide Basílio (@divaneidebasilio) em

A vereadora de Natal, Divaneide Basílio (PT-Natal) está em Cuba, à convite do MST, para conhecer experiências exitosas nas áreas de educação, saúde e agricultura urbana e familiar que acontecem no país. A programação da parlamentar, que chegou no território Caribenho na última segunda-feira, 27, incluí visitas à instituições como a Organización de las Naciones Unidas para la Alimentación y la Agricultura (FAO), entidade ligada às ONU que atua em todo mundo desenvolvendo projetos para reduzir a insegurança alimentar e a pobreza rural entre a população com menos renda. ⠀

“Na reunião com o representante da FAO em Cuba, Marcelo Resende, pudemos aprender sobre os projetos fomentados pela entidade na ilha e apresentar as iniciativas desenvolvidas pelo nosso mandato em Natal, como a Lei da Agricultura Urbana e Periurbana e a Frente Parlamentar de Soberania Alimentar”, conta Divaneide.

 

 

Ver essa foto no Instagram

 

#FuiPraCuba #Dia02 ⠀ Hoje foi nosso segundo dia em Cuba e já temos a certeza de que a viagem valeu a pena. A revolução cubana não é apenas simbólica ou retórica. Ela mudou a vida do povo campesino desse país, devolvendo a eles o controle sobre seus caminhos, suas terras e seu modo de existir e resistir. ⠀ 🎥📸 ✔ Noite das “Antorchas”, em homenagem ao herói e mártir da independência cubana, José Martí. ✔ Visita ao Monumento al Maine, em memória aos marinheiros mortos no atentado ao USS Maine, em 1898. ✔ Conhecendo experiências agroecológicas conduzidas pela Asociación Nacional de Agricultores Pequeños (ANAP) nas fincas, no município de La Lisa.

Uma publicação compartilhada por Divaneide Basílio (@divaneidebasilio) em

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Sérgio disse:

    Se ela fosse aos EUA, vcs perguntariam porque não foi à Cuba.
    Agora que ela vai, reclamam também.
    Ano passado, Bolsonaro visitou a Arábia Saudita, onde não há eleições e se vc for visto com uma Bíblia, pode ser preso. Não vi nenhum "democrata" aqui, ficar indignado!

  2. Ivan disse:

    Essa é a turma q afirma que no Brasil a democracia está em vertigem….kkkkkkkkkkkkkkkkk…patetas, amam um ditadurazinha…

  3. REALISTA disse:

    Um representante político qualquer ir à Cuba, um lugar no qual a mesma ditadura governa há sessenta anos, pra conhecer "exemplos de projetos", já chama atenção pela referência, imagina o projeto! E, como se já não bastasse, com a parceria de uma instituição, pela forma como atua, de credibilidade invejável que é o MST! Daí porque que determinados partidos não podem chegar ao poder. E teve um aí que esbravejou que "Cuba é um país livre!", como se fosse realmente uma democracia e, pior, exemplo disto – Santa ignorância!!! Fico imaginando como determinadas pessoas têm a audácia de falarem em democracia, de dizerem publica e descaradamente que são seus defensores, se seus partidos são representações ideológicas e seguidores ferrenhos de notórias ditaduras mundo afora! É totalmente inconcebível associar países como Cuba ou Venezuela e democracia. Perdoem-me a franqueza, mas, pra acreditar e ainda ardorosamente defender uma tese dessas, não pode ser muito bem da cabeça.

    • Mauro disse:

      Teu Bozo não foi a Ditadura da Arábia Saudita?
      Depois não foi a China Comunista?
      Acorda desorientado. A terra é Redonda e não Plana.

  4. Bento disse:

    Quem danado é essa?
    Nunca ouvi falar.
    E por essas e outras que p RN está dessa forma.
    Fica por aí você só dá despesa por aqui.
    E pensar que pagamos teu salário para isso.

  5. Bel disse:

    Da um jeito de ficar por lá.

  6. PAULO disse:

    Estao Confudindo "Cubalibre" com Cuba Livre,pense numa Democracia essa de Cuba……kkkkkkkkkkkkkk

  7. Acorda Brasil disse:

    Eu vejo todo tipo de comentário se detendo à ideologia do PT e sua afinidade com Cuba, indicador A ou B, mas esquecem do principal: CUBA É UMA DITADURA SANGUINÁRIA. Que oprime e mata seu povo e adversários políticos. #PtPrecisaSumir

  8. Ceará-Mundão disse:

    Essa gente enche a boca falando em democracia mas gostam mesmo é de uma "boa" ditadura, desde que de esquerda, comandada por amigos. A realidade é que a democracia brasileira esteve em "vertigem" (aproveitando a dica do pseudo documentário mentiroso) enquanto Lula e Dilma foram inquilinos no Planalto. No poder, Lula e seus seguidores tentaram criar um Conselho Federal de Jornalismo, para amordaçar a imprensa. Quiseram expulsar o americano Larry Rohter do Brasil, porque o correspondente do jornal The New York Times fez uma reportagem sobre o alto consumo etílico do petista cachaceiro. Tiraram da editora Abril publicidade de estatais, por causa da cobertura da Veja dos escândalos petistas. Instituíram o mensalão, esquema para comprar votos da base aliada com dinheiro público. Forjaram um dossiê contra José Serra, pago com dinheiro da Odebrecht (o nosso dinheiro, quer dizer). Financiaram, com recursos públicos, blogs sujos para manchar a reputação de jornalistas críticos ao governo. Aparelharam a máquina federal de alto a baixo. Criaram um Conselho Nacional de Justiça para tentar controlar magistrados independentes. Cumpliciados com as maiores empreiteiras do país, dilapidaram a Petrobras, para enriquecer pessoalmente e promover campanhas políticas com montanhas de dinheiro roubado, um claro atentado ao âmago da democracia representativa. Aliaram-se ao venezuelano Hugo Chávez e ao cubano Fidel Castro, além de outros tiranetes latino-americanos, para minar liberdades fundamentais e tentar perpetuar-se no poder. Ao final, Dilma Rousseff — criatura de Lula — destruiu a economia, botou milhões de brasileiros na fila do desemprego e promoveu uma enorme fraude fiscal para maquiar as contas do governo, contrariando a lei e cometendo o crime de responsabilidade que a levou ao impeachment. Assim agem os "democratas" da esquerda brasileira.

  9. Humberto disse:

    Cuba não é um Paraíso e ninguém diz isso em canto nenhum. Vamos ser pelo menos honestos em nossos comentários. Cuba é LIVRE, INDEPENDENTE E AUTÔNOMO em ralação a SUBMISSÃO, SUBORDINAÇÃO E DEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS OU DE QUALQUER OUTRO PAÍS. Se relacionando com Russia, China e todos os demais países com quem os Estados Unidos também se relacionam, com INDEPENDÊNCIA e AUTODETERMINAÇÃO.
    É ISSO QUE MINIONS ALIENADOS NÃO CONSEGUEM COMPREENDER. ESCRAVO É ESCRAVO, MESMO SE SUA ESCRAVIDÃO FOR EM UM PALÁCIO DE OURO.
    JÁ A LIBERDADE, TEM SEUS RISCOS E PODE ATÉ SER NA POBREZA, MAS É LIBERDADE.
    LEIAM O FILOSOFO Epiteto ou Epicteto, QUE ERA ESCRAVO E NO ENTANTO LIVRE. POIS A
    "A prisão não são as grades, e a liberdade não é a rua; existem homens presos na rua e livres."

    • Ceará-Mundão disse:

      A ditadura cubana nasceu sobre os cadáveres de seus opositores. Ainda hoje suas cadeias abrigam muitos presos políticos, gente que apenas discorda dos ditadores comunistas. Se derem bobeira, os cubanos fogem dessa porcaria, enfrentando o Mar do Caribe com tubarões e tormentas tentando entrar nos EUA de qq maneira. Para evitar que os pseudos médicos fugissem no Brasil, mantiveram seus familiares reféns em Cuba, enquanto repassavam aos profissionais apenas 30% do dinheiro por eles recebido (trabalho escravo). E eram vigiados por agentes da ditadura. Aquela ilha, que já foi próspera, hoje é o retrato do atraso, do fracasso dos regimes comunistas/socialistas.

    • Humberto disse:

      Graças aos boicotes e embargos protagonizados pelos Estados Unidos. Ou vc não tem noção de Política INTERNACIONAL?
      Nascimento numa revolução, portanto justificada está a morte de ambos os lados que travaram esta guerra.

    • Ceará-Mundão disse:

      Quanta baboseira, "cumpanhero". Vc deve ter vivido numa "redoma" comunista a vida toda. Não deve ter lido nada sobre Lênin, Stalin, Mão Tsé Tung, Pol Pot, Fidel Castro, Che Guevara, todos assassinos da pior estirpe, escória da humanidade. E acho engraçado gente como vc, que DIZEM ODIAR o capitalismo e o "satã" americano, mas querem justificar o fracasso dessa ilhota porcaria com o embargo dos EUA. Afinal, "cumpanhero", a parceria com os gringos é benéfica a um país ou não? Desça do muro e escolha logo seu lado. Kkkkkkkk

    • Filgueira disse:

      E vc parece que não tem acompanhado as guerras que os seus ídolos americanos tem provocado, apoiando e payrovinado no mundo todo, matando milhoes de pessoas por petróleo.

  10. RUI disse:

    Se Cuba é um "Paraíso" como diz a Petralhada,pq os cubanos fogem a Nado para Miami???.
    Magote de Idiotas……

  11. Antenado disse:

    Tô achando que ela vai dar uma esticadinha até Miami e depois Orlando.

  12. Ivan disse:

    Vereadora coerente…a referência dos esquerdistas têm q ser essa mesmo…Cuba, Venezuela…Quem vota neles têm q se espelhar nesse pessoal…Querer interagir com EUA, Reino Unido é hipocrisia…Viva la revolucion..kkkkk

  13. Verdade disse:

    Perfeito Diva. Mesmo com bloqueio de toda ordem, uma ilha destroçada isolando esse povo, esse bloqueio significou RESISTÊNCIA, SUPERAÇÃO e CONFRONTO. A prova é ter mesmo assim o IDH maior que o BRASIL.

    • Vicente disse:

      Idh do Brasil é resultados de 16 anos de capachos de fidel, os petralhas, só podia ter um resultado desse. Estarrecedor

    • Neco disse:

      O bloqueio é só americano. Cuba tem liberdade de comércio com todos os demais países de Mundo. Engraçado que vcs comunistas vivem botando culpa nos males de América Latina ás relações comerciais com os americanos e, ao mesmo tempo, culpa a ruína cubano ao 'embargo' americano. Cadê a vergonha na cara?

    • Neco disse:

      IDH com base em dados manipulados pela tirania?

  14. Neco disse:

    A única tecnologia desenvolvida por Cuba nos últimos 60 anos foi a de construir botes e jangadas para se chegar em Miami. Quem acha que eles tem altas pesquisas na área de saúde, recomendo sites que fazem rankings de citações acadêmicas internacionais. Cuba, mesmo falando a língua mais falada fora da Ásia, faz feio.

  15. Pedro Soares disse:

    Seja autêntica vereadora, já que descobriu o paraíso, fique morando aí.
    Qual é a renda mensal do povo cubano?
    Qual é a taxa de empregabilidade em Cuba?
    Qual é o índice de desenvolvimento cubano?
    Quantas indústrias são produtivas e geram emprego em Cuba?
    O povo pode expressar sua opinião publicamente?
    O que acontece a quem não bate palmas e faz o que o governo cubano determina?
    Quanto ganha um médico e um coveiro em Cuba?
    Qual a razão de Cuba proibir a saída dos cubanos para morar em outros países?
    São apenas perguntas que precisam ser respondidas e esclarecidas para que o povo brasileiro entenda melhor todo progresso, desenvolvimento e democracia em Cuba.

  16. Greg disse:

    Excelente iniciativa, MTS é o maior produtor de alimento orgânico do Brasil…com certeza muitos produtos que você tem na prateleira que seu nutricionista passou na receita foi o MST que produziu…só não vem com a etiqueta deles, mas sim eles vendem pra empresas que colocam suas etiquetas gourmet e o mercado vende mais caro (sim, faz parte).

    • Neco disse:

      Se o Mundo dependesse dessa nutelice descolada e de nicho chamada agricultura orgância, haveria fome em proporções comunistas no Planeta. Um flagelo só. O BOM USO de corretores de solo, pesticidas, fertizantes etc é que estão permitindo a fome ser cada vez menor no Mundo.

    • Heverton Marques disse:

      Parabéns Diva, que volte com boas ideias! Pegando o gancho do companheiro Grag tenho certeza que muita gente consome o que é produzido pelo MST e até lambe o beiço. Tmj junto @Diva !!! Parabéns está fazendo um excelente trabalho na câmara , só fala mal de você quem não te conhece! Abração

    • Ceará-Mundão disse:

      Se alguém pretende emagrecer, tenho uma dica infalível: consuma APENAS alimentos produzidos pelo MST. Em pouquíssimo tempo vc estará necessitando tomar soro hospitalar prá evitar a morte.

  17. Empresário Sofredor disse:

    Devemos ficar atento se essa "loucura" está sendo custeada com o nosso dinheiro!

  18. Antonio Barbosa Santos disse:

    O problema não é ela ir. É ela voltar.
    Até porque poderia aproveitar que em Cuba temos a versão terrena do Éden, e ficar por lá.
    Para mostrar que ela acredita no que defende.

    • paulo disse:

      BG
      Mulé fica por ai mesmo, ai é uma maravilha essa ditadura, porque voltar. Tchau querida.

Sobre o Ministério da Justiça e da Segurança Pública, Bolsonaro diz que querem “o tempo todo”, dividir pastas: “Moro e eu não mordemos a isca”

Foto: Daniel Marenco / Agência O Globo

Ao ser questionado nesta terça-feira, 28, sobre a recriação do Ministério da Segurança Pública, o presidente Jair Bolsonaro disse que “o tempo todo” querem dividir pastas do governo, mas que ele e o ministro Sérgio Moro não “morderam a isca”.

Segundo Bolsonaro, há “luta pelo poder”, mas será mantida a estrutura do Ministério da Justiça e da Segurança Pública nas mãos de Moro.

“Não existe isso (a recriação do Ministério da Segurança Pública). Antes de eu viajar deu um problema. Qual é o problema? Lá trás pegamos quase 40 ministérios. E aí houve reação por causa da fusão”, disse.

Bolsonaro confirmou na quinta-feira passada, dia 23, que estudava recriar o Ministério da Segurança Pública, mas não deu detalhes sobre como se daria uma eventual fragmentação da atual pasta de Moro. A divisão é um pleito de secretários estaduais de segurança pública.

A proposta de dividir o ministério de Moro gerou críticas a Bolsonaro nas redes sociais. Caso o presidente repetisse o mesmo modelo de ministério da Segurança Pública do seu antecessor Michel Temer, o ministro Sérgio Moro perderia o comando da Polícia Federal, do Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF), os três órgãos mais importantes da sua pasta.

Estadão

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ainda falta 3 anos disse:

    Bolsonaro não é burro de brigar com Moro e perder o resto de popularidade que tem. A mamata acabou….SQN!!!

  2. Tony disse:

    Dois OPORTUNISTAS NO PODER…..Dois ladrões se dando bem $$$$….CANALHAS

  3. Ramalho disse:

    Quem tem "C" tem medo.

  4. Kaila disse:

    Se mexer com o Moro , já era…

    .

Seturn em parceria com o Grupo Reviver promove mutirão de mamografias para funcionários e comunidade

Os agendamentos poderão ser realizados até o preenchimento das vagas, via WhatsApp (84) 99421-7967. Unidade móvel Savana Galvão. Foto: Prefeitura do Natal

Mulheres a partir de 40 anos terão uma oportunidade de deixar seus exames de mamografia em dia. O “Mutirão da Saúde – prevenção é a cura”, que acontecerá de 18 a 20 de novembro, destinará mamografias gratuitas a funcionárias do SETURN e empresas associadas, assim como para mulheres da comunidade, com faixa etária a partir dos 40 anos. A ação é fruto de uma parceria com o Grupo Reviver Natal.

O mutirão acontecerá na garagem do terminal da Viação Cidade das Dunas e contará com um posto de atendimento com voluntários do Grupo Reviver e com o mamógrafo móvel Savana Galvão. O SETURN e as empresas do setor de transporte se mobilizam para incentivar a realização dos exames que podem ajudar a diagnosticar precocemente o câncer de mama. “O câncer de mama é um dos mais comuns entre as mulheres, e a prevenção é uma forma de cura. Por isso, devemos zelar por quem, de alguma forma, cuida de nós.”, afirma Juliana Costa, diretora de planejamento estratégico e administrativa da Viação Cidade do Natal e uma das organizadoras da ação: “Agradecemos ao Grupo Reviver, à Ana Tereza; que tornou possível cuidarmos das nossas mulheres, sejam elas funcionárias ou membros da comunidade.”, destacou.

Mutirão de mamografias por agendamento

Os exames serão por agendamento prévio até o preenchimento das vagas, que serão em números suficientes para atender a uma demanda diária. As interessadas devem entrar em contato via WhatsApp pelo telefone: (84)99421-7967 para se inscreverem.

Força, esperança e cura

O Grupo Reviver Natal foi fundado por mulheres natalenses que enfrentaram o câncer de mama ou que ainda estão em tratamento quimioterápico, aliadas a amigas que se solidarizaram com tal situação em suas famílias ou círculo de relacionamentos. Ao se inquietarem diante do sofrimento de mulheres com poucos recursos financeiros, sem planos de saúde e conhecimentos que lhes permitissem lutar contra a doença, formalizaram a criação do Grupo REVIVER Natal.

Veículo da prevenção

Além do Mutirão, o SETURN promove ações, como adesivação de ônibus em alusão ao Outubro Rosa e Novembro Azul para conscientizar sobre a prevenção dos cânceres de mama e de próstata. Ruas de Natal contam com um coletivo colorido circulando pela cidade para estimular a prevenção.

SERVIÇO:

Mutirão da Saúde – prevenção é a cura
Data: 18, 19 e 20 de novembro.
Horários: 7h às 12h e das 13h às 17h.
Local: garagem do terminal da empresa Transportes Cidade do Natal – Av. João Hélio Alves Rocha, 100; bairro Planalto.
Agendamentos: (84)99421-7967 (WhatsApp).
O que levar: RG e CPF.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Polyana disse:

    Agora eu vi uma ação real. Parabéns!

Supostas mensagens: procuradores da Lava Jato ironizam morte de Marisa Letícia e luto de Lula, destaca “parceria” The Intercept Brasil/UOL

Reprodução

Integrantes da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba ironizaram a morte da ex-primeira-dama Marisa Letícia e o luto do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT), conforme revelam mensagens de chats privados no aplicativo Telegram enviados por fonte anônima ao site The Intercept Brasil analisadas em parceria com o UOL.

Os diálogos também mostram que procuradores divergiram sobre o pedido de Lula para ir ao enterro do irmão Genival Inácio da Silva, o Vavá, em janeiro passado –quando o ex-presidente já se encontrava preso– e que temiam manifestações políticas em favor de Lula. Na ocasião, alguns membros da Lava Jato disseram acreditar que a militância simpatizante de Lula pudesse impedir a volta dele à superintendência da PF (Polícia Federal), em Curitiba.

A despedida de Lula do neto Arthur Araújo Lula da Silva, que morreu aos 7 anos em março, também foi assunto entre procuradores da Lava Jato e alvo de crítica em chat composto por integrantes do MPF.

Em 24 de janeiro de 2017, Marisa Letícia sofreu um AVC hemorrágico. A internação no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, é comentada em chat no aplicativo Telegram.

A reportagem manteve as grafias das mensagens tal qual constam nos arquivos enviados ao Intercept, mesmo que contenham erros ortográficos ou de informação. Não há indícios de que as mensagens tenham sido adulteradas.

A morte encefálica da ex-primeira-dama foi confirmada em 3 de fevereiro de 2017. Na véspera, a procuradora da República Laura Tessler, do MPF (Ministério Público Federal) em Curitiba, sugere que Lula faria uso político da perda da mulher.

Reportagem no UOL aqui.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Wellington disse:

    Grande novidade!

  2. José Luiz cortez disse:

    A venezuela deve estar morrendo de medo de se tornar um Brasil. Esculhambação da gota, macho.

  3. joana disse:

    Quadrilha de bandidos, colocando nossa constituição na lata do lixo.

  4. SANDRO disse:

    A "mensagem" apenas fala que o estado dela um pedaço de carne mais salgada ia ter risco de AVC.
    Que o risco já era antigo.

  5. Dulce disse:

    O que vi aí foi o relato do que todo mundo sabia, luladrão além de ser um canalha com o país, era muito pior com a esposa, e a mesma sofria muito por isso, tanto que cogita-se ter sido o motivo de sua morte, e é a tese mais confiável.

  6. Allan Pontes disse:

    Provérbios 21:2
    Todo caminho do homem é reto aos seus olhos,
    mas o Senhor sonda os corações.

    Esses senhores e essas senhoras um dia sentirão a força da verdadeira justiça sob suas cabeças.

    • Cosme disse:

      Allan na sua afirmação tem um pequeno detalhe: OS comentários foram feitos com base na verdade e não em versões criadas nos porões podres da política.

ITEP-RN fecha parceria com especialista mundial para reconstrução facial de cadáveres não identificados

Fotos: Divulgação

Com o objetivo de permitir a reconstrução facial em tecnologia 3D a partir de crânios encontrados em cenas de crimes, possibilitando a aproximação com a fisionomia real e a identificação do cadáver encontrado em decomposição, o Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP-RN), por meio do Instituto de Medicina Legal (IML) fechou uma importante parceria com o professor Cícero Morais, 3D designer e especialista com reconhecimento mundial em reconstrução facial forense que irá fornecer os softwares desenvolvidos gratuitamente.

“A partir de plug-ins que desenvolvi para atuar junto com o software Blender conseguimos atender várias demandas, entre elas a da perícia criminal com a aproximação da fisionomia da face de um cadáver e até mesmo de um corpo inteiro. Há possibilidade ainda de utilizar a fotogrametria que possibilita a partir de fotografias de um objeto reconstruí-lo em 3D, podemos ainda importar e converter tomografias, separando áreas especificas como osso, tecido, dentes, o que permite, também na área pericial, digitalizar cenas de crime para fazer aproximações de acidente de trânsito, por exemplo”, explicou o professor Cícero Morais, que visitou o Núcleo de Antropologia Forense do IML e foi uma das atrações da Campus Party Natal 2.

O diretor do IML e coordenador do Núcleo de Antropologia Forense do ITEP-RN, perito Fernando Marinho, destacou que a aproximação do Instituto com o especialista se deu desde 2013 e no último final de semana foi fechada a parceria com a cessão gratuita dos softwares.

“A parceria IML e o professor Cícero Morais chega para corroborar com o trabalho que vem sendo desenvolvido no Núcleo de Antropologia Forense deste Instituto. Inicialmente iremos empregar esses conhecimentos técnicos nos casos de ossadas não identificadas visando à reconstrução facial com o objetivo de futura identificação. Ressaltamos que esta parceria não visa fins lucrativos para as partes, ou seja, não gerará despesas para os cofres do Instituto, e consequentemente do Estado”, explicou Fernando Marinho.

O trabalho científico de reconstituição facial forense com os programas desenvolvidos pelo professor Cícero Morais será pioneiro entre os institutos de perícia do país.

“Será um fato inédito entre os institutos de pericia o uso desse conjunto de ferramentas tecnológicas que irá contribuir com a técnica desenvolvida com o Dr. Fernando Marinho no IML/ITEP. A parceria irá permitir que o conhecimento seja repassado a outros técnicos para suprir as demandas do Instituto de forma mais apurada e com maior rapidez”, concluiu Cícero Morais, que além de 3D Designer e especialista em Reconstrução Facial, já realizou mais de 140 palestras em eventos científicos e tem seus trabalhos publicados em mais de 100 idiomas.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Evan Jegue disse:

    Único legado do governo Robinson, o ITEP deu um salto, pena que somente ele.

Parceria entre Prefeitura de Extremoz e Governo garante instalação das câmeras de videomonitoramento no município

Foi iniciada na tarde dessa terça-feira (16), a instalação das câmeras de videomonitoramento na cidade de Extremoz, graças a parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado por meio do Centro Integrado de Operações da Segurança Pública (CIOPSE).

A instalação das câmeras de alta definição é uma conquista da atual gestão que busca garantir mais segurança à população.

As câmeras de alta definição estão sendo instaladas em pontos estratégicos da cidade com o intuito de inibir a atuação de assaltantes em áreas de comércio, bancos, e locais de maior circulação.

O videomonitoramento acontece com câmeras capazes de detectar e verificar as placas de todos os veículos que passem pelos pontos cobertos em tempo real, o que, de acordo com especialistas, facilita a identificação de criminosos ou carros roubados, por exemplo.

Parceria: laboratório de genética do ITEP é inaugurado e atenderá demanda do TJRN

Uma parceria do Tribunal de Justiça do RN com o Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP) possibilita agora a realização de exames de identificação de pessoas por meio do código genético no Rio Grande do Norte. Foi inaugurado na tarde de ontem (5) o Laboratório de Genética Forense do ITEP. Por meio de convênio celebrado com o órgão, o TJRN destinou mais de R$ 1 milhão para a aquisição de um sequenciador genético e demais acessórios específicos para análises laboratoriais. Este é o equipamento necessário para a realização dos exames de DNA, os quais vinham sendo realizados até então no estado da Bahia. A aquisição trará maior agilidade na solução de crimes e identificação de pessoas.

O diretor do ITEP, perito criminal Marcos Brandão, destacou que o laboratório de genética é um marco para o órgão e ressaltou a importância da parceria com o TJRN para viabilizar o funcionamento do laboratório. “Nunca no estado do Rio Grande do Norte fizemos exame de DNA e vestígio em local de crime. O projeto de edificação do laboratório foi um esforço totalmente regional. É fruto de uma parceria de órgãos e profissionais locais. O TJRN exerceu um papel imprescindível para a iniciativa, pois havia toda uma infraestrutura, o ITEP possuía a maioria dos equipamentos, mas faltava a peça principal sem a qual o laboratório não podia funcionar, que era o analisador genético. Sem ele não adiantava ter a infraestrutura e os equipamentos”, ressaltou o diretor.

Presente à inauguração, o presidente do TJRN, desembargador Expedito Ferreira, lembrou que o Judiciário também será beneficiado com a parceria. “O Tribunal percebeu a demanda de exames de paternidade nas Varas de Família, além de vários processos criminais parados, por causa da falta do sequenciador. Então para dar maior celeridade aos processos, o TJRN doou cerca de R$ 1 milhão para a compra do equipamento e de todos os insumos necessários, e a partir de então o ITEP realizará todos os exames demandados pelo TJRN”, explicou Expedito.

A secretária estadual de Segurança Pública, delegada Sheila Freitas, afirmou que a população norte-rio-grandense é a maior beneficiada com a viabilização do laboratório e fez um agradecimento especial ao TJRN. “Gostaria de fazer um agradecimento especial ao Tribunal de Justiça, na pessoa do desembargador Expedito, pela colaboração. Manter um laboratório desses é muito caro, para vocês terem uma ideia, o convênio assinado entre o ITEP e o TJRN foi na ordem de R$ 1,2 milhão. Somente esse equipamento [sequenciador genético] custa R$ 900 mil. Sem essa ajuda, sem essa colaboração do TJRN, seria impossível o que nós fizemos até hoje”, disse a secretária.

Demanda

O ITEP passou a ter a necessidade de uma quantidade de exames de DNA devido ao aumento da demanda referente a exames de identificação humana e de crimes sexuais. “Quando ocorria um crime, o perito criminal pouco podia fazer em relação à identificação humana, em relação ao DNA que é uma as provas centrais para a determinação da autoria [do crime]. Fizemos uma parceria com o estado da Bahia e eles recebiam nossa demanda. Mas um laboratório externo receber demanda de outro estado é complicado, principalmente com a evolução da criminalidade”.

Em 2013, o órgão recebeu equipamentos doados pelo Senasp, mas faltava uma infraestrutura melhor e mais pessoal capacitado. Com a estruturação e a aquisição do sequenciador esse quadro deverá mudar. “Hoje temos aqui um equipamento essencial para a investigação criminal e que vai montar todo o perfil de investigação do estado do Rio Grande do Norte”, define o perito criminal Marcos Brandão.

Agora, o laboratório passará a funcionar em fase de testes. O diretor do órgão estima que em dois meses esteja a estrutudemanda ra esteja operacional, realizando laudos.[

TJRN

Governo firma parceria com EBSERH para uso de softwares na rede hospitalar do Estado

Ricardo Lagreca - GabineteO governador do Estado do Rio Grande do Norte, Robinson Faria, e o secretário de Estado da Saúde Pública (Sesap), médico Ricardo Lagreca, assinam termo de parceria, nesta quinta-feira, às 16h, na Governadoria, com o presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), Newton Lima, para implantação e utilização na rede hospitalar do Estado, do Aplicativo de Gestão para Hospitais Universitários (AGHU) e do Painel de Controle do Sistema (SIG-EBSERH). A solenidade contará com a presença da reitora da Universidade Federal do RN (UFRN), Ângela Paiva, do superintendente do Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL), Stênio Gomes da Silveira e do diretor da Maternidade Januário Cicco, Kleber Morais.

De acordo com o secretário Ricardo Lagreca, a parceria com a EBSERH – que é um órgão que atua na gestão dos hospitais universitários no Brasil-, vai resultar em melhorias significativas para o atendimento dos usuários do Sistema Único de Saúde. “Essa nova ferramenta vai possibilitar a utilização de um sistema integrado de gestão hospitalar, a fim de garantir aos cidadãos um melhor acesso aos serviços de saúde”, disse Lagreca.

O desenvolvimento do AGHU iniciou em 2009, como parte integrante do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (REHUF), do Ministério da Educação, destinado à reestruturação e revitalização dos hospitais das universidades federais. O objetivo do aplicativo é apoiar a padronização das práticas assistenciais e administrativas dos Hospitais Universitários Federais.

No Onofre Lopes, por exemplo, a implantação de módulos do Sistema AGHU ajuda na regulação de medicamento, atendimento aos pacientes e controle do fluxo de materiais. A iniciativa traz diversos benefícios ao trabalho dos profissionais e atinge diretamente o atendimento. O Módulo de Farmácia, por exemplo, permite atividades de regulação, triagem, dispensação dos medicamentos. A parte de prescrição médica define as condutas que serão executadas por diversos profissionais da saúde, após a avaliação do paciente pelo médico. Já o módulo de estoque gerencia as movimentações dos suprimentos através do controle do fluxo de materiais, proporcionando um atendimento mais eficiente das solicitações e disponibilidade em tempo real acerca dos suprimentos da unidade.

Já o Sistema de Informações Gerenciais da Ebserh (SIG Ebserh) interage com o aplicativo, incorporando ferramentas, como, por exemplo, o histórico de exames no Painel do AGHU. A novidade vai permitir que os hospitais acompanhem a produção de exames, além da quantidade de agendamentos, cancelamentos e realizações que vem obtendo notório sucesso nos hospitais universitários.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. FRASQUEIRINO disse:

    Não existe almoço grátis! Podem se preparar que a cobrança do sistema vem a galope. Resta saber quem vai responder junto ao Tribunal de Contas do Estado para justificar o volume de recursos financeiros dispendidos pela Secretaria Estadual de Saúde, em gestões anteriores, pagos a uma empresa do Rio Grande do sul para informatizar toda a Rede de Hospitais do Estado do RN, cujos resultado foi pífio, ou seja, a maioria continua sem a informatização e consequentemente sem receberem o valor real através de repasse financeiro do Ministéro da Saúde pelos serviços realizados , justamente por falta desse controle via sistema de gestão hospitakar.

Secretaria de Segurança e ABIH se reúnem para discutir parcerias para o turismo do RN

A secretária estadual da Segurança Pública, Kalina Leite, recebeu na tarde desta segunda-feira (31) o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio Grande do Norte (ABIH/RN), José Odécio Junior, para tratar sobre medidas de integração visando garantir ainda mais segurança aos turistas e profissionais que atuam neste seguimento no estado.

Durante o encontro, Kalina Leite aproveitou para falar da Operação Turista Mais Seguro que vem sendo desenvolvida, desde o início do mês de agosto, pela Companhia de Policiamento Turístico da Polícia Militar (CIPTur) visando orientar turistas quanto aos procedimentos preventivos de segurança que o visitante deve ter nas praias, nos hotéis e pousadas e no passeio na orla a fim de evitar que estes se tornem vítimas de delitos na região.

“A nossa Companhia de Turismo tem buscando está cada vez mais próxima dos visitantes a fim de que estes possam descansar e conhecer nosso estado com segurança, sem surpresas desagradáveis”, disse Kalina Leite.

Ficou acertado na reunião que a Secretaria de Segurança oferecerá um treinamento para profissionais que trabalham nos hotéis da Região Metropolitana de Natal sobre comportamentos e cuidados preventivos de segurança visando colaborar com as ações das Polícias Militar e Civil. A capacitação deverá ser realizada em etapas tendo como prioridade os setores de vigilância, recepção e serviços gerais dos hotéis.

Além disso, também ficou decidido que a equipe técnica da Secretaria e da ABIH farão, conjuntamente, um projeto visando a ampliação do sistema de videomonitoramento da Via Costeira. Novas câmeras de vídeo deverão ser implantadas na orla e integradas ao circuito já existente no Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp).

“O governador Robinson Farias determinou que o turismo é um setor primordial para o desenvolvimento do estado e a segurança pública é determinante neste processo. Com uma maior aproximação da Sesed com ABIH passaremos a ter uma cooperação mútua mais intensa, com troca permanente de informações, o que certamente trará bons resultados ao seguimento e a população em geral”, disse Kalina Leite.

O presidente da ABIH/RN José Odécio Junior, ressaltou a importância da parceria do setor turístico com a Segurança Pública.

“É importante destacar que as ações preventivas das forças de segurança pública são fundamentais para inibir ações criminosas nas áreas de interesse turístico. Queremos colaborar com a Secretaria de Segurança, apoiando a ampliação do sistema de videomonitoramento e compartilhando informações que resultem em benefícios não só ao turista, mas também para a população como um todo”, disse José Odécio.

Também participaram da reunião o secretário adjunto da Sesed, Caio Bezerra, o Comandante Geral da PMRN, Coronel Ângelo Dantas, o Delegado Geral da Polícia Civil, Stênio Pimentel, e os diretores da ABIH, Marcio Guedes, George Gosson e Manoel Andrade Lima Filho.

Femurn e Fecam fecham parceria com Tribunal de Contas do Estado

Foto: Demis Roussos
Foto: Demis Roussos

O Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN), por meio da Escola de Contas Professor Severino Lopes de Oliveira, em parceria com a Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN) e a Federação das Câmaras Municipais (FECAM/RN), realizará uma série de encontros regionais com gestores públicos municipais. O convênio foi assinado na tarde desta quarta-feira (15), pelo presidente da FEMURN, Francisco Silveira Jr.; presidente da FECAM/RN, Jório Nogueira; E o presidente do TCE/RN, Carlos Thompson.

“Esta parceria fechada hoje é mais um grande avanço conquistado pela FECAM em benefício dos vereadores. Um passo muito importante na modernização das gestões das Câmaras Municipais. Bom saber que podemos contar com o Tribunal de Contas do Estado. Agradecemos ao presidente Tompson o apoio”, ressalta Jório Nogueira. O presidente da FEMURN, Francisco Silveira Jr. também comentou sobre a importância desta parceria para os prefeitos. “Esta é uma oportunidade única e de grande importância para os municípios potiguares. A parceria firmada com o TCE e os cursos oferecidos vão contribuir para a capacitação das equipes e melhorar a formação dos participantes”, destaca.

Os Encontros Regionais com Gestores Públicos Municipais tem como objetivo aprimorar o conhecimento dos prefeitos, vereadores e seus assessores, contribuindo para a efetividade do controle externo na gestão dos recursos públicos e a promoção da melhoria da gestão pública estadual, com isso contribuir para a melhoria da transparência da gestão pública e coibir a ocorrência de fraudes e desvios de recursos públicos. O primeiro evento será realizado nos dias 3 e 4 de agosto, no Vitória Palace Hotel. Participarão 29 municípios da região Oeste do Estado. Os cursos também serão ministrados em Pau dos Ferros, Caicó e em Natal.