Associação dos Supermercados do RN emite nota sobre manifestação de caminhoneiros

Por interino

NOTA
GREVE DOS CAMINHONEIROS

A Associação dos Supermercados do Rio Grande do Norte (ASSURN) informa que respeita o direito de manifestação e se solidariza com a categoria profissional dos caminhoneiros, que assim como o restante do país, sofre com os constantes aumentos dos preços dos combustíveis.

Ao mesmo tempo, a associação se preocupa com os impactos que a paralisação dos caminhoneiros podem causar no abastecimento de produtos de necessidade básica, principalmente os alimentos perecíveis, tais como frutas, legumes, verduras, carne in natura e demais categorias de produtos resfriados, como laticínios.

Até o momento, poucos supermercados associados à ASSURN relataram desabastecimento, mas não descartam que o problema se amplie nos próximos dias.

Na tarde desta quinta-feira, a ASSURN participou de uma reunião com a Secretaria de Segurança do estado e outras entidades de classe onde foram discutidas medidas para tentar buscar soluções para os possíveis impactos causados pela paralisação dos caminhoneiros.

Além disso, a ASSURN junto às Associações Estaduais e à Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) alerta as autoridades competentes à questão no Rio Grande do Norte e no país para que negociem o mais rápido possível com os manifestantes a adoção de providências de curto prazo que permitam a circulação de veículos de cargas perecíveis. Também conclama para que o diálogo prossiga para além das providências de curto prazo e que permita o perfeito restabelecimento dos fluxos de logística no Brasil, evitando que a população sofra com a falta de produtos de necessidades básicas.

ASSURN – Associação dos Supermercados do Rio Grande do Norte

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luiza disse:

    Só sai da greve quando pagarmos nos combustíveis e gás, o mesmo valor que a Venezuela e Colômbia paga a Petrobrás. Por gasolina pura ainda mais. Tenho dito

    • Lino disse:

      O valor é o mesmo. Aquele valor é o valor pago pelos postos, sem os impostos. Aqui, pagamos aquele valor, acrescido de magem de lucro dos postos, pis, Cofins, ipi e icms.

Hemonorte emite nota

NOTA

Natal (RN), 15 de maio de 2018.

O Hemocentro do RN (Hemonorte) informa aos seus usuários que o Posto de Coleta de sangue da Zona Norte, que funciona na Biblioteca Américo de Oliveira Costa, na Av. Itapetinga, no Conjunto Santarém, estará fechado temporariamente para fins de reorganização dos serviços.

Os interessados em doar sangue devem procurar a sede do Hemonorte, na Av. Alexandrino de Alencar, 1800, Tirol, de segunda a sábado, das 7h às 18h.

Defesa da advogada Brenda Martins, alvo de ação policial em Natal, emite nota

N O T A

A advogada Brenda Martins, através de sua defesa, vem a público repudiar todas as acusações lançadas em seu desfavor na pirotécnica operação deflagrada pela polícia civil(Delegacia Especializada de Furtos e Roubos-DEFUR), na última quinta-feira, 25 de janeiro do corrente ano, que desencadeou sua injusta prisão, dando conta de que a Empresa MFA(Pague Fácil) teria em tese noticiado possíveis crimes perpetrados contra a nossa constituinte.

Esclarecemos que a atuação Advogada Brenda Martins neste imbróglio criado pela Polícia Civil, se resume exclusivamente na questão de demandar judicialmente contra a empresa MFA(Pague Fácil), por inúmeros abusos cometidos contra seus franqueados desde evidências de exploração do trabalho escravo até coação moral, ou seja, judicialmente protocolou inúmeras ações na justiça pública, representando os franqueados da Pague Fácil, por possíveis abusos cometido por esta empresa, o que levou inúmeros pequenos empresários a falência, sendo estes fatos alvo de apuração por inquérito policial na Polícia Federal a pedido do Ministério Público Federal.

É importante que a opinião pública tome conhecimento que todas as acusações fomentadas em desfavor da Dra Brenda são inverídicas e no momento oportuno será provada sua inocência, logo quanto devolvida sua liberdade, resgatando a lesão de sua imagem pela irresponsabilidade de alguns agentes públicos que em malfadadas investigações arruínam a moral de pessoas ante a instauração sequer do devido processo legal.

Notadamente, é o fetiche da prisão e da condução ao bel prazer da investigação no Brasil. Logo é bem verdade, que a Constituição Federal assegura a Dra Brenda Martins a garantia da presunção de inocência, sendo a prisão a exceção, o que tem lhe sido imposta como uma verdadeira antecipação de cumprimento de pena.

Apesar disso, a “Pague Fácil” continua se utilizando de práticas espúrias, homiziando fatos seja à justiça pública, seja à polícia civil, com um nítido intuito de ludibriar e induzir a erro a o Poder Judiciário.

Por fim, a defesa lançara mão de todos os meios jurídicos cabíveis para fazer prevalecer as garantias fundamentais da Dra Brenda Martins, que não se conformar com a privação de sua liberdade, com base em ilações falaciosas promovidas no abjeto conflito de interesses, em decorrência de fantasiosos atos ilícitos os quais jamais cometeu no âmbito de uma investigação marcada por flagrantes ilegalidades.

Natal, 01 de fevereiro de 2018

Fernandes Braga

OAB-RN 8674

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carlos disse:

    Olha… esse caso é tão relevante, essa Brenda é tão conhecida, que todos nós vamos à Paraíba ver esse movimento na delegacia.

    Acho até que o caso lula vai perder os holofotes depois da nota desse "adevogadu".

  2. Renata silva disse:

    Hoje na delegacia de defraudacoes da Paraíba está ocorrendo uma manifestação.
    são famílias denunciando essa empresa .
    a mesma empresa que foi denunciar a Dra. Brenda
    hj está na delegacia sendo acusada .

    então os Srs.
    podem ir até lá e vericar
    que a empresa Pagfácil
    não é vítima. Está empresa e uma fraude.

  3. Renata silva disse:

    Não julgue para não ser julgado .
    ela está lutando por direitos legais.

  4. Sérgio Rebouças disse:

    A causa é nobre, boa sorte ao Dr. Fernandes.

  5. Bezerra disse:

    Essa? Conhecidíssima!

  6. Judiciário sujo. disse:

    Tem muito "porta de cadeia" se achando o Cristiano Zanin.

  7. Signo disse:

    Quem é Brenda Martins, sei não, vou perguntar no posto Ipiranga mais próximo

  8. JOÃO disse:

    Quem é Brenda Martins?

  9. Anderson disse:

    Inocente, sei…

  10. Felipe disse:

    Pelo português empregado na "nota", percebe-se o grau de tecnicidade da defesa.

Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN emite nota

Nota à imprensa

Na tarde desta terça-feira (26), a Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares (ASSPMBMRN) foi notificada judicialmente pelo Tribunal de Justiça do RN sobre a decisão da desembargadora Judite Nunes, que acatou o pedido do Governo do Estado e determinou o retorno imediato dos policiais à rotina habitual de trabalho. O setor jurídico da Associação está ciente do caso e tomará as medidas Legais cabíveis. Nesta quarta-feira (27), às 14h, será realizada uma Assembleia Geral, no Clube Tiradentes, para esclarecimento da situação aos policiais e bombeiros.

Não cabe à Associação obrigar seus associados ao retorno normal das atividades de policiamento ostensivo, principalmente contrariando dispositivos legais e de segurança. A decisão de aderir ou não à Operação Segurança com Segurança foi, e ainda é, individual de cada policial e bombeiro. Os militares estaduais atuam em situação precária, se esforçam todos os dias para prestar um bom serviço, mas não têm o reconhecimento do Governo que sequer oferece condições mínimas e adequadas para o trabalho e nem mesmo a garantia do salário mensal em dia.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. San Mara disse:

    Pague os atrasados. MAS não é pra pagar esses dias aí de greve. Aquartelamento é ficar no são gastando wi-fi e luz do Estado.

  2. Erivaldo Ferreira disse:

    A SITUAÇÃO é difícil, começa pelo sucateamento de viaturas, armamento, munição É agora salários atrasados, não temos condições de voltar dessa forma.

  3. Rodrigues disse:

    Admiro profundamente o poder da justiça. Porem, nao consigo entender como esse poder so manda para baixo. O governo so cumpre quando a decisao é a favor da propria justiça, do legislativo e ate mes.o do MP. Como ficamos nós que nso tivemos dinheiro para comprar uma ave para jantar na noite de natal. É impossivel sair para resolver conflitos com fome e sem dinheiro. É impossivel sair para uma guerra real sem o aparato necessário. Senhora justiça, tenha dó.

  4. Antônio disse:

    Receber atrasado é uma questão de tempo.
    Ou seja, atrasa mas paga.
    Mas se não trabalha, então também não tem direito de receber.
    Fica até mais fácil o governo colocar os salários em dia.
    Vai ser uma folha a menos para pagar.
    Em vez de pagar dezembro, paga direto janeiro.
    O risco de faltar ao trabalho, é verem que a pessoa não faz falta…

  5. Renato disse:

    Vejo muita gente falando de salário em dia.
    Mas a categoria já deixou bem claro.
    O problema não é salário.
    É só problema de viatura e colete.
    Se fosse por causa de salário seria greve, o que é proibido.
    Militar não pode fazer greve sob pena de expulsão da corporação.
    Quem ganha até 3 mil já está em dia.
    Só quem ganha mais não recebeu novembro ainda, um mês de atraso.
    Com a greve a arrecadação cai e o salário vai atrasar ainda mais.
    O governo do Estado já deveria ter chamado o exército.
    Porque aí as polícias poderiam ficar um, dois meses esperando as viaturas serem consertadas.
    Essa história de documentação atrasada é besteira.
    O Estado não pagou ao Detran.
    Ou seja, o Estado deve a si próprio.
    Não cabe ao policial trabalhando questionar isso.
    Falta dinheiro para se deslocarem ao local de trabalho, mas não para irem protestar.
    Todo mundo sabe que salário atrasado não é bom, mas o Estado não tem dinheiro. Precisa desenhar?
    O governo poderia comprar bicicletas para rondas em duplas.
    Economizaria combustível e deixaria os policiais em forma.
    Nem precisaria gastar com documentação ou conserto de viatura
    Governador, na falta de verbas, há que se ter criatividade.
    Em São Paulo, muitas empresas fizeram doações.
    Será que alguma fábrica de bicicleta não poderia doar umas 200 bicicletas?
    Duplas a pé também no alecrim seria muito útil.
    Entre os pedestres.
    Viatura atrapalha o trânsito.

  6. playboy do cachorro quente disse:

    Tô economizando 12 cachorros quentes por noite.

  7. Charles disse:

    Constituição Estadual do RN:
    "§ 5°. Os vencimentos dos servidores públicos estaduais e municipais, da administração direta,
    indireta, autárquica, fundacional, de empresa pública e de sociedade de economia mista, são pagos até o
    último dia de cada mês, *corrigindo-se* *monetariamente* *os* *seus* *valores* *se* *o* *pagamento* *se* *der* *além* *desse*
    *prazo* ."

    E agora TJRN?
    Vai determinar a correção dos valores de todos os servidores a serem pagos ??????

  8. Força disse:

    Estado pague meu salário, eu não sou escravo!!!

  9. Silva disse:

    A situação é grave, ninguém se deu conta que o RN não tem fábrica de dinheiro? Do jeito que está com as dispezas maior que a arrecadação não tem governador que faça mágica,milagres. lamento dizer se preparem, mesmo com essa ajuda de 600,00 milhões não vai resolver, ja na mês de março para abril a situação sera a mesma, vai faltar dinheiro de novo, podem ter certeza.

  10. Dinheiro tem pois pagou o duodecimo + auxilio moradia retroativo + prestação arena das dunas

    • Rico disse:

      Mas aí faltou para vcs. Se pagar a vcs falta p o duodécimo, p a Arena e para o aux moradia dos sem teto. É lá ou lô. Resultado quebrou.

  11. Julião disse:

    Pode deixar como está, pois ninguém ver polícia na rua mesmo. Em são São Paulo é comum vc ver duplas de PMs nas ruas, enquantoisso, aqui vc só vê PM dentro de viatura em frente aos restaurantes esperando as quentinhas.

  12. Lorena disse:

    Não é Justo voltarem sem salários

  13. eu disse:

    Mandar os outros arriscar a vida sem ao menos o salário no bolso, quando o seu retroativo de auxílio moradia está garantido é muito fácil. A cada dia as cortes estão mais desconexas da realidade da população. É muito dinheiro na mão de desembargadores, Juízes e promotores, autoridades, que pelos seus atos demonstram que pouco sabem o que está se tornando o mundo real da população do RN. A eles nada falta, nem salário, nem auxílios nem insensibilidade.

    • Almir Dionísio da Silva disse:

      engraçado pq o judiciário tem salários altos e pagos rigorosamente em dia, fora as mordomias e vantagens que recebem como ajuda de custo de paletó moradia vale alimentação
      O executivo o vale misericórdia

  14. murilo disse:

    Quando um PM me parar na rua, eu vou dizer que analisarei a situação e farei uma assembleia com outros motoristas no dia seguinte.

    • Se não tem o que falar fecha a boca disse:

      Amigo poderia ter ficado calado

    • RN no sono profundo disse:

      Aproveite e cobre o documento da viatura em dia, porque é isso que estão tentando passar cidadã mediano, que o Estado anda ilegal pra fiscalizar quem está ilegal ou legal.

    • julio disse:

      e pq a PM pararia vc na rua? xiiii….

    • Marcos disse:

      Murilo caríssimo cidadão, quando a polícia lhe parar, aga como cidadão: colabore. O não fazer lo, mostrará que a polícia será necessária pra você!

    • webrevenger disse:

      A solução é simples: bota quem não quer trabalhar pra fora e faz concurso pra contratar quem quer trabalhar. Tem terceirizado com 5 meses de atraso, vá fazer greve pra ver… E vcs que comenta a favor de PM devem ter boquinha… Vão trabalhar e deixe de mimimi

Senador José Agripino emite nota

NOTA DO SENADOR JOSÉ AGRIPINO (RN)

Mesmo ciente de que a decisão da 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal tenha tão somente proclamado a necessidade de prosseguimento das investigações, causou-me profunda estranheza o fato de não ter sido considerado o farto conjunto de provas que atestam a minha completa inocência.

Como afirmado por todos os Ministros da 1ª Turma, o prosseguimento das investigações não significa julgamento condenatório. E é justamente a inabalável certeza da minha inocência que me obriga a pedir à Corte o máximo de urgência no julgamento final da causa.

Senador José Agripino (RN)
Presidente nacional do Democratas

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ivan disse:

    Os que combatem a corrupção precisam virar esse jogo!!! Os que defendem os corruptos na política são muitos!!!

  2. paulo martins disse:

    Chorando de emoção com a "honestidade" desse senador!
    Ô deserto de homens e de ideias só este pobre RN.

  3. Alf disse:

    É o santo…,

  4. Jota disse:

    Chegou sua vez, vai pagar por tudo , que a justiça seja feita, e claro em favor do povo!!!!

  5. Sabino disse:

    VAL LIMA,
    Tá chegando a hora de ir…🎵🎵🎵

  6. Ronaldo Sérgio disse:

    É…Sr. José Agripino…sua hora esta muito perto. Falta,também, o Garibaldi…Nunca fizeram nada d concreto e bom pelo e para o RN ao contrario,desviaram milhoes em recursos que deveriam aliviar as dificuldades dos Potiguares. A conta chegou,além de de pagar/ressarcir o estado devem ser punidos. E ainda, os dois "Maravilhosos" senadores votaram,sem cerimonias ou arrependimentos a favor do Aércio Neves; um crápula da nação

  7. Ospatossomosnos disse:

    Já comprei os fogos de artifício. ..
    Só esperando. …kkkkkkk

  8. Ospatossomosnos disse:

    Tua hora tá chegando….kkkkkkkkkk

  9. soares disse:

    Como ele mesmo sempre disse;" POBRE SE ENGANA COM UM ENXOVALZINHO, E QUE JA FOI PREFEITO, DEPUTADO E SENADOR E NÃO TEM A IMPORTANCIA QUE UM POLICIAL PENSA QUE TEM", e agora os sem importância serão os seus garçons. Vejam como a POLÍTICA MUDA. Já temos um governador, deputado federal, deputado estadual, prefeito, vereador e agora teremos um senador na cadeia para variar. vixi……… falta mais quem?

  10. Everton disse:

    Né que arranharam a blindagem? Mas tem que ter muito mais força para atingir esse homem biônico!

  11. Ozias Vieira disse:

    Para quem se achava honesto e os outros culpados, é um golpe forte. Henriquinho te espera.

  12. Helio Mota disse:

    Melhor colocar um beliche no quarto onde Henrique está, só por precaução.
    Afinal, os dias de solidão do ex-Presidente da Câmara parecem estar perto do fim.

    • paulo martins disse:

      Solidão que nada, Henrique nunca teve a intimidade tão visitada como agora.

Sindicato dos Jornalistas do RN emite nota

NOTA

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Norte reprova veementemente a declaração dada nesta terça-feira (8) pelo Governador Robinson Faria de que o trabalho da imprensa potiguar é um dos responsáveis pela sensação de insegurança nos cidadãos potiguares. A declaração do governador desrespeita toda a classe jornalística, além de querer mascarar uma realidade vista nas ruas do Estado e confirmada através de dados de pesquisas e instituições como o Atlas da Violência e o Observatório da Violência Letal Intencional do RN (OBVIO).

Num estado onde o número de assassinatos já se aproxima dos 1.500 só em 2017 e que facções impõem medo em diversas partes do Estado, não cabe à imprensa resolver este problema. Isto deve ser uma postura de Governo. À imprensa cabe noticiar os fatos e não omitir informações e dados públicos à sociedade, e é o que colegas jornalistas têm feito todos os dias.

Minutos após a equivocada declaração do Governador a uma emissora de rádio de Natal, um tio da primeira dama, Julianne Faria, foi baleado durante o enésimo assalto a uma farmácia da capital potiguar. Precisa dizer algo mais?

Reforçamos nosso apoio aos colegas jornalistas em seu trabalho vital para a sociedade potiguar, e nos solidarizamos com as milhares famílias e vítimas de violência no Rio Grande do Norte.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Alyson disse:

    Só falta ele dizer que a culpa dos atrasos salariais dos servidores do estado são culpa dos próprios servidores que vão a imprensa reclamar.

  2. Beto Araújo disse:

    Acorda Alice! Vc não está no país das maravilhas.

  3. José Dantas disse:

    Quando o gestor sugeriu fazer uma parede humana de policiais para separar as facções de alcaçuz, eu pensei…Esse é profissional e está bem assessorado! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. almir dionisio disse:

    Esse governador tá mais perdido que cego em tiroteio. Só ele não percebe a insegurança em que vive a população do RN – a criminalidade cresceu de uma forma desenfreada.
    Hoje não temos segurança para sair de casa para um supermercado, farmácia, restaurante, colégio….
    Ele não percebe porque anda de carro blindado e com segurança particular que o cargo oferece.
    Talvez se algum familiar for vitima ou tiver seu prédio vitima de um arrastão ele possa enxergar.
    Um verdadeiro caos se encontra o RN

    • Neto disse:

      O Rio Grande do Norte em que ele vive não é o mesmo que os pobres mortais potiguares vivem. Ele deve andar em carro blindado, com vários seguranças, mora em condomínio de luxo e ainda quer desqualificar o trabalho da imprensa. Os fatos não são inventados, infelizmente, são reais. Mas como o mundo dele não é o mesmo que o nosso, ele não enxerga.

    • M. D. R. disse:

      GOVERNADOR, vamos parabenizamos a IMPRENSA que é um veiculo de comunicação para todos e não omissão.

Sindipostos-RN emite nota

NOTA DO SINDIPOSTOS-RN

O Sindicato do Comércio Varejista dos Derivados de Petróleo do Rio Grande do Norte (Sindipostos-RN) externa a população potiguar sua preocupação com as mais recentes políticas adotadas pelo Governo Federal, recaindo, sobretudo, no aumento da carga tributária, a partir da majoração dos Pis/Cofins.

As medidas trazem um impacto direto no mercado do varejo de combustível, que já vem sofrendo, no decorrer dos últimos anos com a retração do mercado consumidor, reflexo de uma política mal sucedida de aumento de impostos do Executivo, o que influencia nos valores cobrados pelo segmento ao cliente.

A atividade do varejo de combustível no Estado potiguar tem uma grande representatividade para economia, chegando a gerar mais de 30 mil empregos diretos e indiretos.

Fatalmente, o aumento da carga tributária influenciará no preço final e, consequentemente, na redução do consumo, o que poderá gerar desemprego no segmento.

O Sindipostos/RN, se coloca à disposição dos gestores público, seja esfera municipal, estadual e até âmbito federal através da FECOMBUSTIVEIS, para que discussões sejam empreendidas com foco na desoneração da composição dos custos destes produtos, como medida para equilíbrio econômico do setor, conseqüentemente medida atenuante contra desemprego que já atinge no Rio Grande do Norte patamares superiores à média nacional.

Diretoria do Sindipostos-RN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marcos disse:

    O PROCON tem que fiscalizar já. Estão vendendo gasolina antiga já com a carga tributária nova. Isso lesa o consumidor. MULTA JÁ!

  2. Nathalya disse:

    Acho é pouco. Brasil tem o governo que merece.

  3. Everton disse:

    Se o governo, as distribuidoras e os postos conversassem, e cada um dele diminuíssem suas margens de "lucro" (no caso do governo, o aumento proposto), o aumento seria mais suave e aceitável.

    Em outras indústrias, o aumento não é repassado integralmente ao consumidor. Sim, o Governo foi cretino, mas os postos nem esperaram acabar as reservas…

  4. Frasqueirino disse:

    Quando é para diminuir os preços nas bombas o Sindpostos demora no mínimo dois dias alegando que ocorreu a redução para as refinarias e não para o comercializado. Hoje, com o anúncio do aumento dos combustíveis por conta da alíquota do PIS/COFINS muitos postos já alteraram os preços, mesmo sem o comunicado das refinarias e com o estoque comprado.pelo preço antigo. Isso é um absurdo. Vergonha a falta de critério.

  5. fernando disse:

    QUÁ , QUÁ: Lavem os patos, patos aqui pato aculà. Lavemos patos que o TEMER VAI FERRAR . Quá, quá.

    • NILO disse:

      É isso mesmo Fernando, vcs elegeram Temer, agora se lascaram! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  6. Flavio Calife disse:

    A crise tinha quebrado o cartel. Alguém furou o pacto e esculhambou o negócio. A pouco tempo voltou a velha concorrência que os empresários adoram apregoar da boca pra fora. E agora o que virá?

  7. disse:

    Perfeito o comentário de Pedro. Caso claro de má-fé e safadeza dos donos dos postos! Para reduzir não fazem, para aumentar fazem com o estoque antigo? Como pode?

  8. Luis Claudio disse:

    Cadê o PROCOM-RN atuando nos postos que fizeram reajuste imediato de 70 centavos, mal sendo anunciado o aumento? Não deu tempo nem da nova remessa de combustíveis reajustados saírem das refinarias e os donos de carteis, digo postos, já aumentarem e nós consumidores sofremos!

  9. Pedro disse:

    Essa semana abasteci de 3,37. A Petrobras anunciou ligeira redução no custo da gasolina. No dia seguinte subiram para 3,55, contrariando a baixa. Agora o governo sinaliza o imposto elevado em 0,41 que chegaria a 3,96 e passam a cobrar 4,19? A crise é criada pelos próprios donos.

  10. Luciana Morais Gama disse:

    Depois dessa nota do SINDIPOSTOS é capaz do governo federal recuar o aumento.

  11. Rômulo disse:

    Emitem nota, mas nem esperaram o fim dos estoques para reajustarem os preços… Hipocrisia!

    • JOÃO VITOR disse:

      Rômulo, coloque a culpa no Governo e não nos empresários. Não sou empresário, mas venho aqui na defesa deles. E isso vai gerar desemprego pode ter certeza.

    • IB disse:

      JOÃO VITOR os empresarios não são santos não! E os escandalos de corrupção recente que envolvem a classo política com a classe empresarial de todos os setores deixa isso bem claro!

    • Pedro Paulo disse:

      Você está errado João Vitor, os postos sempre fazem isso.
      Tem aumento os preços são imediatamente reajustados, sem esperar o fim do estoque adquirido com preço menor.
      Quando há diminuição do preço, os postos esperam acabar o estoque para poder repassar a diminuição. Essa prática é histórica e todo mundo que abastece carro sabe disso.

    • Frasqueirino disse:

      Sua versão não convence a ninguém. Na prática os donos dos postos com o aval do Sindpostos fazem o que quer. O PROCON também tem a sua parcela de culpa. Nada fiscaliza.

Deputado Dison Lisboa emite nota

NOTA OFICIAL – DEPUTADO ESTADUAL DISON LISBOA

Em respeito à população do Rio Grande do Norte, o deputado estadual Dison Lisboa (PSD), emite o seguinte comunicado:

“Em primero lugar quero agradecer às inúmeras manifestações de apoio que estou recebendo de todos os municípios e recantos do Rio Grande do Norte, em especial à minha região Agreste.

A todos afirmo que continuaremos trabalhando de cabeça erguida e lutando pelo nosso direito de responder em liberdade porque, ao final deste processo, comprovaremos que não houve, de nossa parte, qualquer desvio de conduta.

A população e a imprensa precisam conhecer o conteúdo do processo que hoje respondo judicialmente. Do qual tenho convicção de que serei vitorioso ao final.

Vou revelar, de forma resumida, o conteúdo desta ação.

Trata-se de uma investigação sobre a arrecadação que era feita na feira municipal de Goianinha, na época em que fui prefeito, nos anos 2001 e 2002. Dos recursos arrecadados, em média de R$ 1.200,00 por semana, parte entrava na conta da Prefeitura e outra parte (cerca de R$ 600,00) era destinada a benfeitorias na feira e a ações sociais de apoio à população. Estes recursos eram investidos na lavagem da rua, pagamento de fiscais e coordenadores, materiais limpeza do mercado público e matadouro e insumos para pequenos reparos. Também eram transformados em ajuda a pessoas carentes, para pagamentos de contas de água, luz, gás e aluguéis sociais.

Tudo o que era gasto era comprovado. Havia prestação de contas. Porém, estes documentos foram furtados da Prefeitura. Tanto que há um inquérito em andamento, aberto desde 2005, para investigar este caso, fato que parece ter sido desconsiderado pela Justiça.

Ainda assim, voluntariamente, eu fiz a restituição dos valores questionados na ação. E fui inocentado em processo que tramitava na esfera cível (improbidade).

A ação inclusive já foi extinta.

Agora eu estou me defendendo no processo que tramita na esfera penal, onde, por erro formal, não foi incluído o comprovante de depósito da restituição dos valores que fiz.

Tenho consciência que estou pagando um preço elevado e desproporcional ao fato. Até porque ainda encontram-se pendentes de julgamento recursos junto ao STF (Supremo Tribunal Federal) e STJ (Superior Tribunal de Justiça).

Também já solicitamos ao Tribunal de Justiça do RN para que faça valer nosso direito de recorrer em liberdade.

Lembro a todos que sempre colaborei e continuarei colaborando com a Justiça. Aproveito para registrar que, na última sexta-feira (30), ao tomar conhecimento pela imprensa da decisão judicial, espontaneamente me apresentei ao quartel da PM, ao contrário do que foi maldosamente divulgado na imprensa (de que fui “levado”).

Decidi me apresentar voluntariamente, mesmo sendo informado que a Assembléia Legislativa do RN deveria ter sido comunicada, antes do cumprimento da sentença.

Por fim, reitero meu respeito à Justiça e espero confiante o restabelecimento do nosso direito de recorrer em liberdade para comprovar, ao final do processo, a nossa inocência.

Um abraço a todos e fiquem com Deus!”

Dison Lisboa – Deputado estadual

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Roberto Araujo disse:

    Kkkkkkkk👮👮👮👮

  2. Cidadao disse:

    A nota e tao verdadeira quanto o nome DISON, o ilustre deputado PRESIDIARIO sequer assina o seu nome correto, prefere utilizar o codnome. Essa Justica é muito Injusta né deputado, o sr num viu, prenderam Henrique, Gedel so politicos que tem servico prestado a nação, indinado com essa justica que deixou de prender o ladrao de galinha e agora prende os coronéis. Utilize sua influencia para colocar um roteadorzinho na canela homi, faca igual a rocha loures.

  3. Edu disse:

    Homi vai cuidar da tua tornozeleira, tem um bocado de ladrão querendo sua benesse.

  4. Sergio Nogueira disse:

    Enquanto defenderem condenados, façam o favor de não reclamar da falta de hospitais, escolas, saneamento, remédios, etc. em Goianinha e na "minha região Agreste".
    Condenado em duas instâncias não pode usar o argumento de erro. Isso não é só falta de coragem em assumir que cometeu um crime, é chamar todas as pessoas de imbecis.
    Poderia dizer o que está estampado e que se arrepende, que não mediu as consequências, que o objetivo final era ajudar as pessoas, mas que usou o método errado, enfim, só não devia ultrajar a inteligência alheia.

  5. Tiago Leão disse:

    Não é a primeira vez que ele é preso ou responde por algum ilícito. Pesquisem o nome dele no google.

  6. Luis disse:

    Esse é o preço que paga inocentemente um gestor municipal, por atender os mais necessitados do seu município Infelizmente temos que conviver com a ditadura judiciaria no Brasil Um poder atropelando o outro vergonhosamente.

  7. Carlos marcelino disse:

    Parabéns a juíza pela decisão

Deputado Dison Lisboa emite nota

NOTA OFICIAL

Surpreso com as interpretações jurídicas publicadas no dia de hoje, esclareço que não há nenhum risco de prisão ou mesmo decisão judicial que tenha determinado prisão imediata como começou a ser divulgado agora pela manhã. O que há é uma discussão ainda em andamento no Superior Tribunal de Justiça sobre a utilização de recursos arrecadados na feira livre de Goianinha, nos anos de 2001 e 2002, para manutenção do próprio projeto, bem como ajuda social a pessoas carentes. A aplicação destes recursos já foi comprovada e mesmo assim eles foram repostos aos cofres públicos de forma voluntária, motivo pelo qual acredito na reforma da sentença, seja no Superior Tribunal de Justiça ou, depois, pelo Supremo Tribunal Federal.

Outra interpretação que precisa ser esclarecida é que o habeas corpus em tramitação no Supremo Tribunal Federal ainda não teve seu mérito julgado por aquela Corte e sequer ainda pautado. Ele discute no seu mérito se o ressarcimento voluntário das taxas arrecadadas na feira livre serve para trancamento da ação penal.

Lembro ainda que fui inocentado na mesma ação, só que na esfera cível, cujo processo já foi extinto.

Acredito que, esclarecidos os fatos, colaboro, de forma transparente, com a informação verdadeira sobre este caso.

Atenciosamente

Deputado estadual Dison Lisboa

Senador Garibaldi Alves Filho emite nota

O senador Garibaldi Alves Filho informa que oficialmente desconhece qualquer ação a respeito da chamada Operação Satélites, nem a citação do nome de um ex-assessor nesta investigação.

Assessoria do senador Garibaldi Filho

Veja mais: Operação da PF em desdobramento da Lava Jato apreende documentos em Natal, de auxiliar de Garibaldi

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. paulo martins disse:

    Garibaldi é o tipo de político que não se deixa confundir com avestruz.
    Diante de uma eventual crise de imagem, ele não faz mais que o trivial: entoca-se num buraco rico e vai garimpar pedras preciosas, que de bobo ele não tem nada.
    Como um tatu verdadeiro, Gari mantém distância higiênica das catacumbas mal-assombradas.

  2. As. Queiroz disse:

    Oh SENHOR TENHA PIEDADE DAS VÍTIMAS DESSE INOCENTE. SÃO TODOS INOCENTES. ISTO É INCRÍVEL! !!!

  3. zedetoim disse:

    So conhece uma nota de 100…….kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. Verys disse:

    É o dinheiro da venda da COSERN?

  5. Maria Lúcia Ferreira disse:

    Se envolveu com política, tem que ser safado e ladrão? Tenham vergonha vagabundos.

  6. Domício disse:

    Garibaldi não ter vergonha de passar por isso, veio safado e ainda desconhece que trabalhou pra ele, que bicho imundo….

  7. Edith disse:

    Se a população for inteligente, Garibaldi, Agripino, não ganharam nem pra sindico no condomínio minha casa minha vida em risco!!!

  8. Blue disse:

    Não engana mais ninguém.

  9. Teresa castro disse:

    Kkkk acorda !!!

  10. Frasqueirino disse:

    O homem está com amnésia.. …LENTO.

  11. Carlos Bastos disse:

    Garibaldi aprendeu com Lula, não sei de nada não conheço L . Sales, kkkkkkkk

  12. Joaquim disse:

    Meu deus perdoe ele não sabe o que faz

  13. Marceloo disse:

    …….já já vai se lembrar, conseguimos apreender o que queríamos, agora esperar, senado nunca mais…..
    Fica a dica.

  14. Coxinha de Mortadela disse:

    Não sei nada sei, Lulizei

INCLUSÃO DE NOME EM INQUÉRITO DA LAVA JATO: Senador José Agripino emite nota

NOTA DO SENADOR JOSÉ AGRIPINO

Apesar de desconhecer o inteiro teor da delação do ex-senador Sérgio Machado, devo esclarecer o seguinte:

1- As doações que, como presidente de Partido tenho a obrigação de buscar, obedecendo à legislação vigente, foram obtidas sem intermediação de terceiros, mediante solicitações feitas diretamente aos dirigentes das empresas doadoras.

2- Presidente de Partido de oposição que sou, não teria nenhuma contrapartida a oferecer a qualquer empresa que se dispusesse a fazer doação em troca de favores de governo.

3- As doações recebidas – todas de origem lícita – foram objeto de prestação de contas, devidamente aprovadas pela Justiça Eleitoral.

4- A empresa citada, portanto, fez doação oficial a um parlamentar de oposição que nenhuma influência poderia ter sobre negócios com a Petrobras.

Senador José Agripino (RN)

Presidente nacional do Democratas

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carlos taxista disse:

    Esse político bandido ainda está Souto

  2. Cyntia disse:

    Confessor sem ser intimado pra tal, basta percebe que sendo um parlamentar de oposição tem muito a oferecer, pois esse menino ingênuo só precisa não fazer a oposição que ele afirma ser, ou será que ele sendo presidente do partido não teria força pra convencer sua bancada a não se opor as falcatruas? Conta outra que ninguém aqui acredita nesse papo de mínimo bobo não…

  3. Atadolfa disse:

    Essas nota que eles emitem estão iguais a papai Noel, ninguém mais acredita!!!

  4. Eduardo Cosme. disse:

    Esse senhor é um atraso para o nosso pobre Rn. Senador aguarde !!! 2018 vem ai !!!!!

  5. Juca disse:

    "(…)que nenhuma influência poderia ter sobre negócios com a Petrobras."
    Ele tergiversa, arrodeia, ataca mas não explica. Na verdade, muita defensiva. Estranho.

  6. Helio Motta disse:

    "Presidente de Partido de oposição que sou, não teria nenhuma contrapartida a oferecer a qualquer empresa que se dispusesse a fazer doação em troca de favores de governo".
    Não é bem assim não. E a construção do Arena das Dunas? O governo era do DEM, será mesmo que Agripino não podia fazer nada por ninguém?
    Em todo caso, não custa dizer o que quer, porque acredita quem quer também.

  7. Só olhando disse:

    O TSE só serve pra contar voto e olhe lá.

  8. Manuel Marcelino Filho disse:

    Esse senhor já deveria ter sido expulso da vida publica.

  9. Jorge disse:

    Esse TSEe merda é a mesma coisa ,a maior roubalheira na história mundial e o TSE aprovou todas …TODAS AS CONTAS DESSES VERMES POLÍTICOS ENVOLVIDOS NA LAVA-JATO

  10. James Rodríguez disse:

    Vai dizer o que Lula e Dilma sempre dizem "Não sabia de nada" e pra acabar o Brasil um negócio desse.

  11. Frasqueirino disse:

    A amnésia atacou de vez ….

  12. Verys disse:

    Menino bobo esse. Arma a rede e dorme no chão com medo de cair. Não vai se criar de tão besta que é.

  13. O herói do Sertão disse:

    KKKKKKKKKKKKKKKK, nóis tem é que rir com isso zé! Existe almoço gratis? existe ou não existe, eis a questão!

Sindicato dos Servidores do Ministério Público Potiguar emite nota

NOTA À IMPRENSA – SINDICATO DOS SERVIDORES DO MINISTÉRIO DO RIO GRANDE DO NORTE

O Sindicato dos Servidores do Ministério Público Potiguar (SINDSEMP-RN) vem a público esclarecer que se posiciona expressamente contra qualquer tipo de violência, e, da mesma forma, que jamais se utilizaria de fato grave e de tamanha repercussão para toda a sociedade, de forma desleal.

Já há, entretanto, o que é de se lamentar, uma espécie de “utilização política” de toda essa lamentável situação.
O SINDSEMP-RN não permitirá que esse episódio isolado venha a ser usado como meio de atingir a atuação da Entidade. Não existe a correlação que alguns tentam fazer. Isso é antiético, amoral e vil!

Em tempo, o SINDSEMP-RN declara que permanecerá firme no propósito de defesa de toda a Classe dos Servidores do Ministério Público do Rio Grande do Norte.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Blue disse:

    ?????????????

SEGURANÇA PÚBLICA NO RN: Bancada federal do Rio Grande do Norte emite nota

Em nome da bancada federal do Rio Grande do Norte, o coordenador, deputado federal Felipe Maia encaminhou na manhã desta sexta-feira (20), carta ao Ministro da Defesa, Raul Jungmann, com o intuito de solicitar o empenho urgente aos pleitos elaborados pelo governo do estado no tocante a ações no auxílio a restauração da normalidade do sistema de segurança pública norte-rio-grandense. Abaixo, segue nota à imprensa em que a bancada comenta os últimos acontecimentos que envolvem a crise no sistema penitenciário potiguar e se coloca à disposição do governo do estado para buscar soluções para o quadro de insegurança instalado no Rio Grande do Norte.

NOTA DA BANCADA FEDERAL DO RN

É grave e sem precedentes a crise na Segurança do Rio Grande do Norte.

A rebelião de Alcaçuz deixa o Brasil e o nosso Estado perplexos e com a certeza que apenas a UNIÃO de forças poderá solucionar o problema, trazendo a paz que todos pretendemos e merecemos.

Como coordenador da bancada federal do RN, testemunho e atesto a total disponibilidade de nossos deputados e senadores para ajudar – como nos cabe – em Brasília e no Estado.

Não nos omitimos nem esquivamos de nossas atribuições.

E é com este espírito – de união, colaboração e solidariedade – que mais uma vez e, agora, de maneira formal e pública nos colocamos à disposição do Governador Robinson Faria.

Felipe Maia
Deputado federal e coordenador da bancada federal do RN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. junior gurgel disse:

    é muita frescura destes deputados

  2. Verys disse:

    Eram pra estar lá junto com os anjinhos no pavilhão 5

  3. Luciana Morais Gama disse:

    Uma semana depois??? Bando de FDP!!

  4. Nordestino disse:

    Esses senhores e senhoras se superam, fazem os cidadãos de besta mesmo. Alguém acredita que eles estão sem dormir preocupado com os presos de Alcaçuz ou com os cidadãos de bem que estão sem ônibus. Vergonha alheia dessas pessoas…..

  5. Keyla disse:

    Vejam só… as belas adormecidas acordaram das férias?

  6. Brasileiro disse:

    Bando de parasitas …eles que são responsáveis por este CAOS ,há anos no poder só mamando

  7. Potyguar disse:

    Querem realmente mudar e melhorar alguma coisa ? então reformem o código penal já !
    O resto é conversa mole.
    #REFORMA DO CÓDIGO PENAL,JÁ#

  8. Pitombo disse:

    Os deputados Estaduais vão emitir alguma nota também ? Já passou da hora deles aparecerem

  9. Pitombo disse:

    E para sorrir, apesar da tristeza de ter que suportar esses oportunistas, no calor da crise que parece amainar, pois as Forças Armadas estão para chegar, os deputados Federais emitem uma nota de de união, colaboração e solidariedade, eles estavam aonde essa cambada de desocupados ? vão á merda.

  10. paulo martins disse:

    E esse povo ainda está solto? Ah, tinha esquecido: eles gozam de im(p)unidade parlamentar!

Codern emite nota

A diretoria da Companhia Docas do Rio Grande do Norte (CODERN) ficou surpresa com a nota do Sindicato repassada ao Blog do BG, pois o diálogo com toda a categoria de trabalhadores é aberto e permanente. Temos adotado medidas de contenção de gastos, mas sem atingir nenhum direito dos nossos funcionários.

É importante ressaltar que mesmo diante da grave crise financeira conseguimos em 2016 a implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), uma luta de nove anos.

Estamos dispostos ao diálogo de sempre para juntos continuarmos a boa luta pela nossa CODERN”

GRAVE CRISE FINANCEIRA ESTADO: Conselho Regional de Economia do RN emite nota

NOTA OFICIAL

CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA DO RIO GRANDE DO NORTE

O Conselho Regional de Economia do Rio Grande do Norte – CORECON/RN, atento e avaliando o preocupante estado de calamidade financeira do Estado do Rio Grande do Norte, a exemplo da maioria dos estados brasileiros, conclama o Governo do Estado para liderar um “Amplo entendimento pela Governabilidade do Estado do RN”.

Entendemos ser urgente que o Executivo convoque os demais poderes constituídos do Estado, além das Federações Empresariais, entidades representativas dos Servidores Públicos, Conselho de Economia, Ordem dos Advogados do Rio Grande do Norte (OAB RN), entre outras instituições, para unir esforços e as inteligências da sociedade civil organizada, na busca de um pacto.

É notório que o atual Governo não seja, isoladamente, o responsável pelo desastroso quadro fiscal do Estado. A crise nacional e o cenário da expressiva queda das arrecadações em todo o Brasil contribuíram diretamente na queda das receitas da União, dos Estados e Municípios. Porém, o descontrole fiscal herdado de governos passados, provocado, notadamente, pelos aumentos de salários desproporcional à capacidade de pagamento do Estado na folha de pessoal, quando de 2011 a 2015, verificou-se um aumento real descontada a inflação do período de 22%, o que elevou a folha de R$ 2,7 bilhões em 2011 para R$ 4,2 bilhões em 2015, de forma insustentável, enquanto que no mesmo período a receita cresceu apenas 11%.

No contexto do ano de 2016, as receitas do Estado caíram, expressivamente, quase 1 bilhão somente de transferências Federais. Internamente tivemos quedas dos royalties do petróleo, que em 2012 gerava uma média mensal de R$ 100 milhões e atualmente representa um pouco mais de R$ 10 milhões por mês. Já o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), em que pese o governo atual, já ter feito majorarão de alíquotas, caiu igualmente em mais de R$ 75 milhões, o que vem provocando acumulação de déficit fiscais e dívidas juntos ao mercado, a precaritização da saúde, da educação e da segurança, bem como, os atrasos na folha de pagamento.

E o mais agravante é que o Governo, que já contabiliza perdas equivalentes a duas folhas, apenas com a queda nos repasses federais, terá que pagar não tão somente as folhas de pagamentos de outubro, novembro e dezembro, mas também a do 13º salário. O Governo terá o ônus de ter que pagar dois salários num único mês. Tarefa que parece ser improvável, já que nem uma folha integral está sendo honrada dentro do mês em curso. Entendemos que o momento é de renúncias e acordos entre todos os poderes constituídos. O atual cenário financeiro é evidente neste sentido.

Analisando os dados oriundos do Portal da Transparência do Governo do Estado, constata-se que praticamente 1/4 da receita Líquida do Estado, cerca de 23,38%, são repassadas para os poderes Legislativo e Judiciário, que ao longo dos últimos anos vinham obtendo ganhos reais, prova que nos balanços dos saldos do Legislativo e Judiciário no final dos exercícios fiscais sempre registravam superávits contra déficit cada vez mais geométricos do Executivo.

A título comparativo, verificamos que a média brasileira da participação dos poderes Legislativos e Judiciários na Receita Corrente Líquida (RCL) é da ordem de 17,87% contra 23,38% do RN. No contexto dos estados nordestinos, a desproporção também sinaliza o peso desde poderes na RCL no orçamento do Governo do Estado. Basta comparar os nossos 23,38% com os modestos 17,13% no Ceará, os 17,54%, em Pernambuco e na Paraíba de 19,83% o que representou em 2015 o segundo maior comprometimento do Orçamento Estadual no Nordeste. Em nível nacional, nos põe em 4º lugar no ranking do Brasil, e no ano de 2016, saltamos para o 3º lugar, enquanto nos outros estados a relação vem diminuindo a cada ano.

Está na hora dos sacrifícios serem compartilhados por todos. Os poderes têm que ter sensibilidade de avaliar o cenário geral do nosso Estado, que se agrava mais ainda, se avaliarmos o caótico cenário da nossa previdência. Temos um quadro de servidores envelhecidos, o que conduz a um peso grande da parte dos aposentados e pensionistas, que teve o seu fundo, inclusive, já utilizado diante as necessidades prementes. Enquanto que os cálculos atuariais apontam que, para cada servidor inativo, deva ter quadro ativo, no RN a relação é de um para um. Totalmente insustentável e extremamente deficitário. Esta proporção vai exigir do erário estadual em 2017, um valor de R$ 1,3 bilhões para pagamentos de aposentados e pensionistas, e isto irá representar cerca de 37% das Receitas Correntes Líquidas.

Assim, diante do agravamento mais do que evidente, cabe ao Governo do Estado convocar a todas as classes e poderes constituídos acima mencionados para uma “Ampla Pactuação entre todos os poderes e a sociedade civil organizada,” envolvendo também a toda a classe política, para que o Rio Grande do Norte unido e com desprendimento, visualize que o momento requer sacrifícios da parte de todos, ainda que implique em possíveis concessões e ajustes ao bem da sustentabilidade e governabilidade do Estado.

Ricardo Valerio Costa Menezes
Presidente CORECON-RN

Sérgio Cunha de Aragão Mendes
Presidente do Sindicato dos Economistas do RN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Eduardo disse:

    Excelente nota do CORECON!!!

  2. A Incompetência disse:

    Enquanto a maioria trabalha para arrecadar e pagar impostos altíssimo no RN, a minoria fatia nos salários de marajás e nada de retorno na eficiência da administração e nos serviços públicos oferecidos a sociedade potiguar.

  3. gustavo disse:

    Só tenho uma pergunta, se ser funcionário público do estado é tão ruim. Por que ninguém pede demissão e vai para iniciativa privada ? Não são bons !!!

    • Rômulo disse:

      Onde no texto está escrito que é ruim? Se fosse ruim, não haveria milhares de concurseiros disputando ínfimas vagas oferecidas.

  4. Ems disse:

    Para o nosso judiciário não tem crise !!! O " meu" primeiro e o restante que se dane !

  5. O povo disse:

    O RN não segue Plano Plurianual, Lei de Diretrizes Orçamentária e Lei Orçamentária Anual. Vive-se uma sebocracia vexatória e vergonhosa frente ao resto da Nação.

  6. Potyguar disse:

    Tem político influente daqui do Estado que poderia estar intercedendo junto aos poderosos de plantão de Brasília, mas ao contrário, querem mais é que o RN pegue fogo para comerem peixe frito em 2018.
    Só pensam em seus próprios umbigos.

Henrique Alves emite nota sobre ação do MPF, e diz que vai recorrer

A ação de improbidade administrativa movida pelo MPF contra Henrique Eduardo Alves está baseada, exclusivamente, em “provas” consideradas ilícitas pelo TRF da 1ª Região. A ação proposta em 2004 foi agora repetida em 2016. As decisões anteriores foram anuladas pelo TRF da 1ª Região. Em virtude dessa ilegalidade e do cabal direito de defesa, Henrique Eduardo Alves vai recorrer da decisão.

Henrique Eduardo Alves

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. paulo martins disse:

    Vai recorrer? Ora, Henrique é um recorrente notório… Ele sempre incorre pelo prazer recorrer.

  2. FRASQUEIRINO disse:

    É como batom na cueca Nao tem explicação.

  3. Curioso disse:

    Não sei pq todo bom político é sempre muito perseguido…

  4. Leonardo disse:

    Quando se é inocente nega-se o gato ou a autoria.
    Ilegalidade de prova é filigrana legal pra anular processo, ou seja, sou culpado, mas a forma que usaram pra provar não vale no processo.
    Tenho visto muito disso ultimamente.
    Pegam um pagamento ilegal, nega-de o pagamento, não, a saída é "não autorizei".

  5. Verys disse:

    Qi menininho besta de mamãe. Kkkkk

  6. joacy disse:

    Do jeito que a coisa anda pro lado dele, vai acabar com um programa político na inter tv cabugi, começando de novo, um tipo assim "micarlo".

  7. Helio Motta disse:

    As vezes, mas não raramente, advogados floreiam as notas que emitem tentando dar um rosa onde impera o preto nas situações.
    Sendo inocente deveriam dizer que não há provas. Não o sendo dizem que as provas são ilícitas.
    Posso concluir então que a "inocência" do ex-Ministro inexiste sob a perspectiva que algo de ilegal foi feito, apenas as provas dessa ilegalidade não se prestam ao processo. Mas que ele cometeu o erro cometeu.
    É isso mesmo ou meu raciocínio está errado?

  8. jack disse:

    Tadinho, é um santo mesmo…