Geral

Após Azul e Embraer, Gol anuncia malha de ‘carros elétricos voadores’ para 2025

Foto: Divulgação/Vertical Aerospace

A Gol pretende comprar ou arrendar 250 aeronaves elétricas de decolagem e pouso vertical (eVTOL), conhecido como carro voador elétrico, informou a companhia nesta terça-feira. Assinou acordo via Grupo Comporte, que pertence ao acionista controlador da empresa aérea, com a Avalon, de leasing de aeronaves.

A previsão é iniciar as operações com uma malha desses equipamentos no Brasil em meados de 2025. São aeronaves do tipo VA-X4 eVTOL, criada pela britânica Vertical Aerospace, um dos modelos mais avançados em táxi aéreo da atualidade, segundo o comunicado.

A Vertical Aerospace é apoiada por empresas como a Avolon, Rolls-Royce e American Airlines.

No último dia 15 de setembro, a Gol anunciou ao mercado que vai receber um aporte de US$ 200 milhões da gigante americana American Airlines. As duas empresas, que já são parceiras, vão ampliar ainda o acordo de compartilhamento de voos.

A Embraer, fabricante brasileira de aeronaves, e a Azul já haviam anunciado a entrada na corrida pelo ‘carro voador’.

Aumento da malha regional

O acordo também faz parte da estratégia da Gol de crescer no transporte aéreo regional, após a compra da MAP em junho último, que é opera no Norte do país e até São Paulo.

O VA-X4 pode transportar até quatro passageiros e um piloto, com alcance de 160 quilômetros a uma velocidade de 320km/h. As aeronaves têm decolagem e ouso vertical, produzindo até cem vezes menos ruído que um helicóptero quando em voo de cruzeiro.

Outra vantagem importante é que a aeronave emite zero carbono. A Gol afirma que, com mudanças na frota atual e a inclusão dos modelos eVTOL, vai cumprir sua meta de neutralidade de carbono até 2050.

De início, a Gol vai fazer um estudo de viablidade, o que inclui a certificação da aeronave pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que deve também avaliar a infraestrutura necessária para o uso do equipamento no país, ao lado de outras autoridades do setor de aviação.

A Avolon prevê que o processo de certificação da VA-X4 no país esteja concluído até 2024.

O Globo

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

VAR ignora lance irregular em gol, Bayern de Munique vence no sufoco o Tigres do México e conquista o Mundial de Clubes

Foto: Getty Images

O Bayern de Munique não jogou tudo o que sabe, mas levou tudo o que pôde. O Gigante da Baviera venceu o Tigres nesta quinta-feira, por 1 a 0, e conquistou o Mundial de Clubes de 2020, no Estádio Cidade da Educação, em Doha, no Catar. Gol de Pavard, aos 13 minutos do segundo tempo, em lance analisado como visivelmente irregular pelos comentaristas de arbitragem.

Foi o sexto título do time dentro do mesmo ano – antes, havia faturado o Campeonato Alemão, a Copa da Alemanha, a Liga dos Campeões, a Supercopa da Alemanha e a Supercopa da Europa. Já a equipe mexicana se despede do torneio com um segundo lugar honroso.

Com acréscimo de informações do Globo Esporte

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

RN terá oferta maior da GOL em outubro e ligação direta com Fortaleza

O Estado do Rio Grande do Norte reforça sua importância para a GOL Linhas Aéreas a partir deste mês de outubro de 2020: a maior Companhia aérea do Brasil aumenta a oferta de assentos e destinos e retoma uma rota que conecta a capital potiguar a mais um dos hubs nacionais em operação: para Fortaleza (CE), que se soma a Brasília, São Paulo/Guarulhos, Rio de Janeiro/RIOgaleão e Salvador, já ligados a Natal.

Este voo direto (cerca de 1 hora no ar, ao invés de 7 horas por rodoviário) para a capital do Ceará tem início com operações em três dias por semana. Com essa ligação mais próxima será possível aos Clientes terem acesso mais rápido a todos os destinos da malha, além de aproximar novamente Natal aos voos internacionais, seja da Companhia ou de parceiros como a Air France-KLM – a aérea francesa planeja o retorno das operações de Fortaleza para a Europa a partir de 10 de outubro, realizando ali pousos e decolagens três vezes por semana.

Em relação a abril deste ano (o primeiro mês completo com impacto da pandemia), o aumento de oferta de assentos no Rio Grande do Norte em outubro já é superior a 600%. A comparação desse mesmo mês contra setembro revela crescimento de oferta de assentos em 85% da GOL. Todos esses destinos ampliam e melhoram o acesso para empresas, que terão mais opções para envios de produtos e cargas dos mais diversos pontos do País e do exterior. Favorecem, ainda, aqueles que precisam viajar neste momento, por questões familiares, médicas ou de trabalho, e o retorno gradual do fluxo de turistas.

“A GOL cumpre seu papel de maior Companhia aérea do País ao direcionar-se pelo atendimento aos principais mercados brasileiros, como Natal, que mês a mês tem sua malha ampliada e oferece ao Cliente mais opções e agilidade em seus deslocamentos, nesta retomada, sempre com confiança e Segurança, nosso valor número 1”, afirma Rafael Araujo, diretor de planejamento de malha aérea da GOL.

Para a secretária do Turismo, Ana Maria da Costa, esse crescimento de ofertas da GOL também está associado às iniciativas do Estado em relação ao Plano de retomada do Turismo, principalmente os protocolos de Segurança sanitária.

“Recebemos com muita alegria e entusiasmo o anúncio da GOL. O diálogo com a companhia aérea tem sido constante e agora, estamos começando a colher os frutos desse trabalho. O retorno do voo de Fortaleza, vem num excelente momento, aumentando a nossa conectividade, inclusive com a Europa”, ressaltou. O Rio Grande do Norte foi o primeiro Estado a garantir a chancela do Selo de Turismo Seguro Internacional da WTTC (World Travel and Tourism Council) e criou o selo estadual Turismo + Protegido, garantindo que o turista se sinta seguro na sua experiência no destino.

Caracterizada pela atenção absoluta ao cenário atual, a grade de voos da GOL leva em consideração as características do mercado, os horários mais convenientes para os Clientes e, sobretudo, a alta conectividade entre os mais diferentes pontos do Brasil, sem contar as rigorosas medidas de Segurança, aplicadas a fim de resguardar a Saúde e o bem-estar de Clientes, Colaboradores e parceiros.

Os bilhetes já estão disponíveis e podem ser adquiridos no site www.voegol.com.br, no aplicativo da Companhia, nas lojas GOL nos aeroportos, pelo telefone da Central de Relacionamento (0300 115 2121) e nas agências de viagem. Para conhecer todos os destinos, dias e horários que compõem a malha aérea em vigor da GOL: https://www.voegol.com.br/pt/informacoes/voos-gol

Opinião dos leitores

  1. Ligação direta com Fortaleza! QUE MARAVILHA!! Qual era a alternativa, fazer uma conexão em Assu?? Pelo amor de Deus é cada notícia que a gente é obrigado a ler…

    1. Acredito q para ir para Fortaleza tinha q fazer conexão em Rio, SP ou Brasília, haja vista não ter voo direto a partir de Natal operado pela Gol.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Gol suspende voos internacionais até 30 de junho em razão do coronavírus

Foto: Sergio Moraes/Reuters

A Gol anunciou que vai suspender todas as suas operações internacionais entre a próxima segunda (23) e o dia 30 de junho. A companhia aérea trabalha com voos entre o Brasil e 11 países: Argentina, Bolívia, Chile, Equador, Estados Unidos, México, Paraguai, Peru, República Dominicana, Suriname e Uruguai.

Confira o que já mudou nas operações e políticas de cancelamento de empresas aéreas e ligadas ao turismo

Em relação a voos domésticos, a empresa anunciou que vai reduzir sua malha aérea entre 50% e 60%. A diminuição das atividades totais até meados de junho deve atingir entre 60% e 70%, segundo comunicado da Gol.

A companhia diz que está flexibilizando políticas de remarcação e cancelamentos, tanto para voos internacionais quanto nacionais. As orientações foram dirigidas para passagens marcadas até o próximo dia 14 de maio.

Para essas, as opções são de cancelamento e crédito para uso até um ano a partir da data de compra do bilhete; remarcação para qualquer período dentro de 330 dias a partir da data de compra; e cancelamento e reembolso, em que não há taxa de cancelamento, mas pode existir cobrança de taxa de reembolso a depender da regra da tarifa escolhida.

Veja a relação de voos internacionais que serão cancelados pela Gol e quando a suspensão começa a entrar em vigor:

Argentina

Rio(Galeão)-Córdoba: voo 7613 – última operação – 22/3

Rio(Galeão)-Rosário: voo 7617 – última operação – 22/3

Rio(Galeão)-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 20/3

Guarulhos-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 21/3

Guarulhos-Mendoza: última operação 19/3

Recife-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 14/3

Natal (NAT)-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 16/3

Salvador-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 14/3

Fortaleza-Buenos Aires (Ezeiza): última operação 14/3

Bolívia

Guarulhos-Santa Cruz de La Sierra: última operação 19/3

Chile

Guarulhos-Santiago: diurno (voos 7660 e 7663): última operação 20/3

Guarulhos-Santiago: voo 7662 – última operação 20/3; e voo 7661 – última operação 21/3

Santiago-Guarulhos: última operação 21/3 Recife-Santiago: última operação 14/3

Equador

Guarulhos-Quito: última operação 15/3.

Estados Unidos

Brasília-Orlando: última operação 20/3

Fortaleza-Orlando: última operação 20/3

Manaus-Orlando: última operação 14/3

Brasília-Miami: última operação 19/3

México

Brasília-Cancún: última operação 20/3

Paraguai

Assunção-Guarulhos: última operação 20/3

Peru

Guarulhos-Lima: última operação 15/3

República Dominicana

Guarulhos-Punta Cana: última operação 21/3

Suriname

Belém-Paramaribo: última operação 07/3

Uruguai

Recife-Montevidéu: última operação 21/3

Guarulhos-Montevidéu: voo 7632 – última operação 20/03; e voo 7727 – última operação 21/3

Guarulhos-Montevidéu: voos 7630 e 7631 – última operação 21/3

Rio(Galeão)-Montevidéu: última operação 19/3

G1

 

 

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Pouco antes de pousar em Natal, avião da Gol desvia rota e vai para João Pessoa, destaca reportagem

Um voo da Gol que partiu de São Paulo com direção a Natal arremeteu ao se aproximar do Aeroporto Internacional Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, e decidiu pousar em João Pessoa (PB). O caso aconteceu na madrugada desta segunda-feira (2) e foi confirmado ao Agora RN pela Inframérica, concessionária do terminal potiguar. O mau tempo pode ter sido uma das causas do incidente. Leia matéria na íntegra aqui.

Opinião dos leitores

  1. O aeroporto ja a algum tempo é em São Gonçalo do Amarante.não chorem.aceitem.outras conquistas virao para São Gonçalo.preparem-se para o futuro

  2. O Aeroporto de PARNAMIRIM tem capacidade de atender o RN por no mínimo dez anos. Mudaram para S. Gonçalo por sacanagem de políticos com interesse próprio, que todos sabem quais foram. Antes da mudança o Governador Garibaldi havia gasto muito dinheiro na reforma.
    Os voos domésticos poderiam voltar para Parnamirim.

  3. Realmente os serviços prestados pelas empresas aéreas brasileiras são da pior qualidade. Falo com propriedade par ter conhecido, entre outras, a Panair do Brasil, a Varig, a Real Aerovias, a VASP. A TAM, hoje LATAM, no início, tinha um serviço de muito boa qualidade. A GOL, infelizmente, já nasceu um Lixo.

  4. No sábado a GOL disse a alguns passageiros que embarcavam de Fortaleza para Natal às 19 horas que o vôo tinha "sido transferido por problemas técnicos" para 23:30 min. Porém às 19 horas saiu o vôo da GOL de Fortaleza para Natal e depois saiu outro de Fortaleza para Natal às 23:30 min.
    Situação documentada que evidencia OVER BOOK da empresa.
    As companhias aéreas no Brasil estão prestando um serviço de ruim a muito ruim em quase todas suas rotas. Lamentável! Parece que tudo saiu do controle depois do tsunami dos governos corruptos

  5. KKKKKKKKK o piloto visualizou as gangues se preparando para os assaltos no caminho do aeroporto e para preservar seu passageiros arremeteu e foi para João Pessoa. Esse aeroporto vai fechar, virou um elefante branco junto com o Arena das Dunas.

    1. pois é, esse aeroporto foi pura politicagem, como se troca um aeroporto proximo de tudo , com acesso fácil por um que fica lá nas brenhas ? incrível isso , a população deveria fazer movimentos para que voltasse o aeroporto pra lugar onde ele era.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

“Passagens pelo valor de R$ 3,90”: Procon multa Gol em R$ 3,5 milhões por promoção irregular

A Fundação Procon de São Paulo multou a Gol Linhas Aéreas em R$ 3,5 milhões por infringir o Código de Defesa do Consumidor (CDC) durante a promoção “Gol A Preço de Brahma”. O anúncio era de que seriam vendidas passagens pelo valor de R$ 3,90 durante a partida de futebol da seleção brasileira contra a venezuelana no dia 18 de junho, durante a Copa América.

Apuração do Procon indicou que apenas agências de viagem tiveram acesso aos bilhetes promocionais, sendo que diversos consumidores não conseguiram fazer a compra diretamente. “Verificou-se, portanto, que as passagens promocionais não foram todas comercializadas para o consumidor final, sendo que a promoção foi divulgada como sendo destinada a esses consumidores”. De acordo com o Procon, a Gol desrespeitou artigo do CDC que “veda ao fornecedor recusar atendimento às demandas dos consumidores, na exata medida de suas disponibilidades de estoque”.

Além disso, não foram informadas de forma precisa, segundo o Procon, a quantidade de passagens disponíveis, o período de validade da promoção, destinos e datas disponíveis. “Tal prática infringe o artigo 37, parágrafo 1º, que proíbe a veiculação de publicidade enganosa por omissão”, acrescenta a fundação.

A Gol informou que não vai comentar a sanção.

Agência Brasil

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

América: Golaço de Arthur Maia é comparado com de Maradona e imprensa internacional aponta como concorrente a prêmio do ano

O Diário Olé da Argentina classificou o gol de Arthur Maia, no triunfo vencido pelo America diante do Globo, por 2 a 0, nesse domingo (23), na Arena das Dunas, como jogada de Maradona e candidato ao gol do ano no futebol mundial.

4056f300-b2e2-11e3-8c0d-c585288e97d8_america-globoVeja aqui

Opinião dos leitores

  1. Meu estimado editor, agora o mundo conhece o Barcelona do Nordeste. É a internacionalização, de vez, do América para todo o sempre, amém. Olha o que está escrito no Olé. Qualquer reclamação, favor enviar direto para o jornal. Ui!

    Este es Maiadona
    Fue en el estadio Arenas de Natal, en el norte de Brasil. Ahí Arthur Maia sacó chapa de crack con un golazo que él mismo, este lunes, definiió como "parecido al de Maradona en el 86". Sí, nada de Pelé, Neymar, Romario, sino nuestro Diego. En el 3-0 de América de Natal contra Globo Fútbol Club, el talentoso agarró la pelota a la salida de un córner del rival y no paró. Sin dudas, candidato a uno de los grandes goles del año

  2. Essa é para enfartar de vez o frasqueiróide. Vale a pena repetir esse trechinho do texto.
    "…candidato ao gol do ano no futebol mundial.". Ui!
    "…candidato ao gol do ano no futebol mundial.". Ui!
    "…candidato ao gol do ano no futebol mundial.". Ui!
    "…candidato ao gol do ano no futebol mundial.". Ui!
    "…candidato ao gol do ano no futebol mundial.". Ui!
    Eu sou América e tenho orgulho de ser. Ui!

  3. Enquanto isso, a Tribuna do Norte classifica o respectivo gol como "Um dos mais bonitos do estadual". Enquanto não valorizarmos o que é nosso, não sairemos do canto…

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Voo com destino a Natal: troca de aeronaves, tumulto e viagem sem ar-condicionado

A Gol Linhas aéreas lamentou o incidente ocorrido na tarde dessa segunda-feira (3), em decorrência de uma troca de aeronaves com passageiros que viajavam do Rio de Janeiro com destino a Natal. De acordo com a empresa, uma delas apresentou problemas e houve a necessidade da mudança, o que gerou uma confusão no voo previsto para sair da cidade Fluminense às 13h10. Contudo, só pôde decolar às 16h11. Na ocasião, o tumulto provocado culminou com a presença de policiais federais.

Segundo uma empresária que estava no voo 1952 da Gol, todos os passageiros já estavam embarcados quando o comandante avisou que por causa de um problema no radar seria preciso trocar de aeronave. Ela ainda disse que o aeroporto do Galeão estava com o ar condicionado quebrado e algumas pessoas já começaram a passar mal ali e ausência de informações foi um outro fator de incômodo.

Ainda segundo a empresária, para completar a situação angustiante, os passageiros encaminhados a segundo aeronave e perceberam o ar-condicionado quebrado. Resultado: pessoas passando mal, funcionários “perdidos” e mais uma vez a retirada da aeronave. Levados ao saguão, e em seguida, os passageiros foram recolocados na mesma aeronave e viajaram. Relatos dão conta que somente após um bom tempo de voo que a temperatura ficou mais agradável.

Com acréscimo de informações do G1-RN

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Gol promete 90% dos voos da Copa a até R$ 499 e diz que teto tarifário é ‘factóide’

aviao-da-golA Gol anunciou na tarde desta quarta-feira sua política para voos para a Copa do Mundo. No total, a empresa terá 953 voos especiais: 378 voos extras e 575 voos que já existem, mas que terão horários alterados. De acordo com Paulo Kakinoff, presidente da companhia aérea, a empresa terá um política tarifária que permitirá que 90% dos voos da Copa sejam vendidos até o valor fr R$ 499. Pela apresentação da companhia, apenas 2% dos voos serão vendidos com tarifas acima de R$ 899. O presidente da companhia criticou a fixação de um teto tarifário para a Copa, que já foi adotado pela Azul e pela Avianca:

— Mão estamos preocupados com um factóide de marketing, estamos preocupados em oferecer tarifas baixas ao maior número possível de passageiros. As tarifas mais caras, que chegam a 2% do total, vão subsidiar as tarifas mais baratas. Não estamos preocupados em um factóide, mas no respeito ao consumidor — disse o presidente.

Kakinoff afirmou que é normal que algumas pessoas, que compararam passagens no passado, tenham desembolsado mais que o novo valor no site da empresa, pois agora já estão disponibilizados os voos extras. Ele apresentou a política de tarifas da companhia, que estabelece que até 14% das passagens são vendidas a até R$ 99, e outros 25% são ofertados em valores entre R$ 100 e R$ 159. Para o presidente da Gol, a empresa inova ao abrir sua tabela de precificação e afirmou que isso poderá ser conferido no futuro, após a Copa, quando a empresa divulgar seus dados à Anac (agência reguladora do setor aéreo).

— Temos que lembrar que foi essa política de liberdade tarifária que permitiu que mais 30 milhões de pessoas pudessem voar no Brasil — disse o presidente da aérea, lembrando que as notícias de quem comprou as últimas passagens, em valores caros, acaba gerando uma distorção na percepção dos preços da Copa.

O presidente da empresa, que vai trasportar a seleção brasileira, afirmou que a empresa está preparada para a Copa e que a empresa terá nas cidades-sede 1.100 funcionários extras, entre temporários e outros deslocados de bases menores da companhia. Kakinoff disse ainda que a Gol terá tripulantes fluentes em idiomas de países participantes do torneio, como inglês, espanhol, francês, japonês, coreano, italiano, alemão e russo, que serão alocados para voos de acordo com a evolução destas seleções no torneio. Ele disse ainda que logo após o fim da primeira fase da Copa, deve haver um grande número de novos voos e de voos alterados.

O Globo

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

TAM e Gol estão entre as mais inseguras do mundo

size_590_aeroportoAs companhias aéreas brasileiras TAM e GOL permanecem entre as 10 mais inseguras do mundo em 2013, de acordo com lista elaborada pela consultoria alemã Jacdec, especializada em aviação. A pesquisa analisou as 60 maiores empresas aéreas do mundo.

O ranking leva em consideração o número de acidentes que as companhias se envolveram em um período de 30 anos, o número de mortos, o pior acidente ao longo desses anos e há quanto tempo a mesma não registra nenhuma perda de aeronave.

Apesar da má colocação, o desempenho das brasileiras melhorou em comparação com os dados de 2012, os quais deixaram a TAM na penúltima posição. Nesta avaliação, a TAM subiu para 56º, com risco de segurança de 0,890, enquanto a GOL foi de 57º para 54º, com índice de 0,689.

Por meio de nota, a TAM informou que não comenta os critérios usados na elaboração do ranking da Jacdec Airline Safety.

“A companhia reitera que sua prioridade é prestar um transporte seguro e atende rigorosamente os regulamentos das autoridades brasileiras e internacionais. Além disso, em janeiro de 2012, a TAM obteve novamente o registro de renovação da certificação IOSA (IATA Operational Safety Audit) concedida pela primeira vez em 2007 e ratificada em 2008”, afirmou a companhia, por comunicado.

A assessoria de imprensa da GOL explicou que não fala sobre os critérios da pesquisa e reafirmou seu compromisso com a segurança de seus clientes e colaboradores.

“A GOL é uma empresa certificada pela auditoria IOSA (Iata Operational Safety Audit), internacionalmente reconhecida como padrão de avaliação do gerenciamento de segurança operacional e de controle das empresas aéreas. A companhia também foi uma das dez primeiras a receber o Enhanced IOSA, categoria ainda mais rigorosa nesta auditoria”, informou a empresa, em nota oficial.

Em 2013, a companhia aérea considerada mais segura foi a Air New Zealand, da Nova Zelândia, superando a Finnair, da Finlândia, primeira colocada em 2012 e que agora está na 3ª posição.

Veja, nas próximas páginas, o ranking das companhias aéreas mais seguras do mundo, segundo a Jacdec.

aereasaereas 2EXAME

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Gol anuncia parceria com americana para voar com biocombustível em 2014

A Gol Linhas Aéreas e a americana Amyris (empresa de combustível e químicos renováveis) anunciaram nesta quarta-feira a assinatura de um memorando de entendimento que poderá resultar no começo do uso de bioquerosene em voos comerciais da companhia a partir do ano que vem.

A parceria será celebrada nesta quarta-feira à tarde com a realização do primeiro voo comercial com biocombustível entre São Paulo e Brasília. Pelo acordo, as duas empresas trabalharão em conjunto para estruturar programa de utilização de combustível de aviação derivado de cana-de-açúcar em todos os voos da Gol.

Isso será implementado, segundo as empresas, somente após as validações das especificações técnicas pela indústria aeronáutica e órgãos como a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e a ASTM Internacional.

A parceria também faz parte da plataforma brasileira do bioquerosene, iniciativa que tem o apoio da indústria e do governo e tem como objetivo promover o uso de combustíveis renováveis no setor de aviação.

O Globo

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Gol é condenada a devolver R$ 24 milhões a clientes por induzir compra de seguro

2012081502747A companhia aérea Gol foi condenada pela Justiça do Distrito Federal a pagar R$ 24 milhões a mais de 4 milhões de clientes por cobrança irregular do seguro chamado de assistência a viagem premiada. A ação civil pública foi ajuizada em agosto de 2011 pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), por meio da 4ª Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor (Prodecon). À decisão, da 5ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do DF, cabe recurso. A Gol informou que irá recorrer.

Segundo relato na ação, entre janeiro e dezembro de 2008 o MPDFT constatou que a opção “assistência a viagem premiada” não podia ser desmarcada quando a compra de passagem aérea era realizada pelo site da companhia. Ou seja, a empresa induzia à compra, e muitas vezes o passageiro nem se dava conta que havia contratado o serviço.

Ao camuflar o seguro, a Gol desrespeita o artigo 6° do Código de Defesa do Consumidor (CDC), que exige a divulgação sobre o consumo adequado dos produtos e serviços. A Justiça ainda não informou quem são os consumidores com direito a receber a restituição ou como será feita a partilha.

O Globo

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Voo da Gol sofre atraso após passageiro anunciar bomba

Um voo da Gol que seguia para da capital federal para Manaus foi suspenso por quase três horas após um passageiro anunciar que existia uma bomba dentro do avião e que ela iria explodir. O episódio ocorreu na noite de ontem no aeroporto Juscelino Kubitschek, em Brasília.

O avião, que deveria ter decolado às 21h50, só saiu de Brasília às 0h34 de hoje. Segundo Inframérica, empresa que administra o aeroporto, o passageiro foi retirado do avião pela Polícia Federal e seguiu para interrogatório.

A aeronave foi revistada e todas as bagagens passaram novamente pelo raio-X. Nada foi encontrado e o voo foi liberado em seguida. No voo havia 145 passageiros.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

TAM e GOL confirmam suspensão de quatro voos em Natal

Por interino

O que já havia sido anunciado em primeira mão pelo BLOG do BG se confirmou. As companhias aéreas TAM e GOL confirmaram a suspensão de quatro voos com operação no Aeroporto Augusto Severo.

A TAM suspendeu os voos para Fortaleza, Salvador e São Paulo. A Gol cancelou para Recife.

Através da assessoria de imprensa, em matéria divulgada no Novo Jornal, a TAM justificou a suspensão com a chegada da baixa estação. Mas disse que esses voos ainda estão sendo avaliados e podem não retornar em julho.

A Gol, por sua vez, alega uma mudança em toda a malha da empresa. Em troca, traz dois novos trechos para Natal: Brasília e Belo Horizonte.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acidente

Gol colide com caminhão e deixa dois mortos na BR 304

Um GOL que trafegava no sentido Natal – Mossoró na manhã de hoje colidiu com um caminhão,  entre os municípios de Caiçara do Rio do Vento e Riachuelo. As duas pessoas que estavam no carro, Osvaldo Oliveira da Silva, 38 anos, e Maria de Lourdes Costa, 71, morreram ainda no local.

O acidente pode ter ocorrido porque o motorista do Gol invadiu a outra faixa. A área onde aconteceu o acidente estava parcialmente interditada.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acidente

Taxista desvia de moto e colide de frente com gol na BR 403

Um taxista de 56 anos faleceu após colidir seu carro com um Gol, no km 99 da BR-403, em Ceará-Mirim. Segundo testemunhas, José Alves da Silva dirigia na sua mão saindo do município, mas ao desviar de uma moto colidiu de frente como outro veículo, que transportava quatro pessoas no sentido de ida para Ceará-Mirim.

Os passageiros do Gol ficaram levemente feridos, mas Alves faleceu no local. De acordo com a Polícia, o motorista não estava alcoolizado.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *