Justiça mantém prisão de brigadistas suspeitos de incêndio na APA Alter do Chão

Polícia do Pará prende quatro brigadistas suspeitos de causar incêndio em Alter do Chão e cumpriu mandados na sede da ONG Saúde e Alegria. — Foto: Divulgação

As prisões preventivas dos quatro brigadistas suspeitos de incêndio criminoso na APA Alter do Chão foram mantidas pelo juiz Alexandre Rizzi, da 1ª Vara Criminal de Santarém, durante audiência de custódia na manhã desta quarta-feira (27). A polícia suspeita que o grupo tenha relação com os incêndios ocorridos em setembro deste ano. O advogado de defesa Wlandre Leal informou que ainda nesta quarta-feira ingressará com pedido de habeas corpus junto ao Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJPA).

A audiência foi acompanhada pelo promotor criminal Ramon Furtado e por mais dois advogados de defesa: Paulo Renato Alho e Michel Durães. Segundo a polícia, também há a suspeita de associação criminosa contra os brigadistas Daniel Gutierrez Govino, João Victor Pereira Romano, Gustavo de Jesus Almeida e Marcelo Aron Cwerner.

De acordo com Wlandre, o juiz se comprometeu a reavaliar os pedidos de revogação de prisões no prazo de 10 dias, ou seja, na conclusão do inquérito policial.

“Não existe prova material de que os brigadistas atearam fogo. O que existe é suposição a partir de interceptação de ligações telefônicas e de doações que ocorreram dentro da legalidade”, disse Wlandre.

O juiz Alexandre Rizzi ressaltou que decretou as prisões dos brigadistas baseado nas informações levadas a ele pela polícia de que havia um plano dos suspeitos de atear fogo em outras reservas. E que as prisões foram mantidas para não atrapalhar as investigações e para segurança dos suspeitos.

“Mantive as prisões porque as acusações são muito graves de uma possível prática reiterada de incêndios criminosos. O que não significa que eles sejam culpados. Vou aguardar o final do inquérito para avaliar as provas que a polícia vai trazer e então irei reavaliar se as prisões serão mantidas ou não”, afirmou Rizzi.

Operação Fogo do Sairé

Quatro integrantes da Brigada de Alter do Chão foram presos preventivamente na terça-feira (26) em uma operação da Polícia Civil chamada Fogo do Sairé, que investiga a autoria das queimadas.

Os brigadistas são suspeitos de atearem fogo na área para obterem benefícios financeiros, através de doações. Segundo a polícia, eles receberam mais de R$ 300 mil em doações, mas só declararam R$ 100 mil. De acordo com o delegado de Polícia Civil José Humberto Melo Jr, os indícios que levaram à prisão dos quatro suspeitos vieram depois de escutas telefônicas feitas com autorização judicial.

Na sede do Projeto Saúde e Alegria, onde um dos brigadistas suspeito trabalha, a polícia apreendeu materiais como equipamentos e documentos.

Defesa

Em entrevista à TV Tapajós, o advogado de defesa Wlandre Leal disse que não tinha necessidade de os brigadistas serem presos, já que eles estavam colaborando com as investigações da polícia e apresentando documentos solicitados durante as investigações.

“Em relação às doações, do possível dinheiro desviado de doações, isso não procede de forma alguma. Tanto que eles têm em mãos a contabilidade probatória dos valores recebidos e repassados, que foram valores de despesas com transporte, alimentação, equipamentos. Tudo isso estará provado ao longo da instrução processual”, contou Wlandre.

O diretor do Projeto Saúde e Alegria, Caetano Scannavino, falou em Brasília que desconhece os motivos que levaram uma ação policial a apreender computadores e documentos na sede da ONG em Santarém.

“Não sabemos até agora do que a gente está sendo acusado, porque foram até o nosso escritório sem decisão judicial, com um mandado genérico, para apreender tudo. Do que a gente está sendo acusado? Não tivemos nem acesso ao inquérito”, disse Caetano.

Em nota, a Brigada disse que está “em choque com a prisão de pessoas que não fazem senão dedicar parte de suas vidas à proteção da comunidade, porém certos de que qualquer que seja a denúncia, ela será esclarecida.”

Atividades paralisadas

O Projeto Saúde e Alegria está com as atividades paralisadas, conforme informou um dos representantes da ONG, o médico Eugênio Scanavino.

Eugênio disse ainda que estavam programadas atividades importantes nos próximos dias. Nesta sexta-feira (29) o Projeto Saúde e Alegria faria doação de equipamentos de prevenção a incêndios e na próxima semana a ONG faria um “mutirão” de cirurgias, no barco-hospital da instituição.

“Isso pode acontecer com qualquer uma outra organização, e a gente pode responder pela nossa. A nossa administração tá limpa, nossa prestação de contas está limpíssima, tudo ali tem nota fiscal e eu espero que eles lá na polícia guardem essas notas, não alterem nada, não mudem nada, porque estão todos os originais”, disse Eugênio.

A ONG Saúde e Alegria está localizada em Santarém e tem diversos projetos na região, como a instalação de placas de luz solar em comunidades e o incentivo de produção agrícola sem o uso do fogo. A ONG tem, ainda, um projeto na Reserva Extrativista Tapajós-Aripuns, com a comunidade local.

Queimadas

As chamas que atingiram a APA Alter do Chão começaram no dia 14 de setembro e afetaram grande área da mata nativa. Já no dia 15 de setembro, os brigadistas iniciaram o combate ao fogo, que naquele momento tinha três grandes focos. O Corpo de Bombeiros e o Exército Brasileiro também foram acionados.

O local onde as chamas foram avistadas era de difícil acesso. Na área não havia sinal de telefone celular, o que também prejudicou a comunicação e trabalho das equipes. A estratégia para chegar à localidade foi por via fluvial e terrestre, por estrada alternativa.

O combate ao incêndio ganhou o reforço de um helicóptero, na tarde do dia 16. A aeronave buscou água várias vezes no Rio Tapajós. Os focos de queimadas só cessaram no dia 17 de setembro.

A Brigada Alter do Chão

A Brigada de Alter do Chão é um projeto da ONG Instituto Aquífero Alter do Chão e foi criada em 2018. Composta por cerca de 20 pessoas, é independente e tem como objetivo trabalhar de forma voluntária para proteger a floresta e as pessoas de Alter do Chão e região do Eixo Forte.

Desde 2018, a Brigada atua no combate a incêndios florestais, educação ambiental e no apoio ao Corpo de Bombeiros para formação de novas brigadas em Santarém e região. Seus integrantes foram formados por Bombeiros Militares e Defesa Civil de Santarém, e pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Turismo de Belterra (Semat).

G1

 

FOTO: Incêndio atinge vegetação às margens da BR-101, no litoral norte, e bombeiros combatem chamas

Foto: Redes Sociais/Whatsapp

O Corpo de Bombeiros trabalha para conter um incêndio nas margens da BR-101, em Touros, no litoral Norte potiguar, registrado desde o início da tarde desta quarta-feira (20).

Segundo os bombeiros, o incêndio foi registrado por volta das 13h15, no km 38 da rodovia, a 3 km da entrada da praia de Pititinga.

Até o fechamento não tem origem da causa do incêndio e o tamanho da área atingida.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Manoel disse:

    Meu Deus, a governadora está acabando com a vegetação do Estado! KD o Greenpeace? KD Makron?

  2. Antonio Barbosa Santos disse:

    Depois que fomos tungados com a tal "taxa de bombeiros" ninguém pode acender um fogão que eles aparecem com a mangueira para apagar.

FOTOS: Incêndio por trás da Lagoa do Jiqui desde a noite dessa terça provoca problemas de saúde em moradores na região e ainda revolta

 Fotos: Cedidas

Um incêndio por trás da Lagoa do Jiqui, segundo moradores na região, visualizado desde 21h dessa terça-feira(12), vem provocando transtornos de saúde e assustando com a proximidade de áreas residenciais.

Segundo relatos, as fortes chamas e sua intensa fumaça já levaram moradores ao hospital, especialmente, os que apresentam problemas respiratórios.

Em meio ao medo da proximidade do fogo em área residencial, conforme imagens, moradores em Nova Parnamirim, como nos conjuntos Coophab e Cidade Verde, estão indignados com o que classificam como descaso do Corpo de Bombeiros.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Manoel disse:

    Esse Governo do Estado só pode ser contra o meio ambiente: o que teve de queimadas neste ano no Estado todo foi alarmante! Onde estão as ONGs para defender o meio ambiente daqui? Será que Macron vai se pronunciar? Cadê o Greenpeace?

Bombeiros e voluntários combatem incêndio com duração de mais de 24 horas em cidade na região Oeste do RN

Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

O Corpo de Bombeiros com apoio de voluntários e funcionários da prefeitura combatem um incêndio com duração de mais de 24 horas que atinge uma mata na Serra da cidade de Francisco Dantas, na região Oeste potiguar.

Segundo os bombeiros, ainda não é possível estimar a dimensão da área atingida e como o fogo começou. Até o momento não há registros de vítimas e danos em edificações.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. fernando disse:

    Telefone p ele é diga onde fica o encendio.

  2. Issoaquiaí disse:

    Cadê os ambientalistas juntamente com o presidente da França?

    • JBBatista. disse:

      Deixe de olhar o zap e estude que todo mato seco e passível de pegar fogo, só basta um caco de vidro em contato com o sol que a desgraça esta feita.

FOTOS: Incêndio atinge região de mata na cidade de Acari; bombeiros registram pelo menos 15 ocorrências no RN nas últimas 24 horas

 Foto 1: Redes Sociais/ Foto 2: Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

O Corpo de Bombeiros combate um incêndio florestal que atinge desde essa quarta-feira (30) uma região de serra na cidade de Acari, no Seridó potiguar.

Com apoio de voluntários, os bombeiros estão desde o início da tarde dessa quarta(30) trabalhando no local. Segundo a assessoria de imprensa da corporação, como o fogo é na serra, o acesso é difícil.

Vale destacar que nas últimas 24h, os bombeiros atuaram em 15 ocorrências de incêndio no Rio Grande do Norte. Municípios como Serrinha dos Pintos, Pau dos Ferros, Pilões e Encanto registraram focos.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Antonio Bigga, s disse:

    Esse bolsonaro é um peste, veio bater aqui p atear fogo. No Japão ele deixou uma piuba num palácio q pegou fogo ontem

Incêndio atinge depósito de loja de eletrodomésticos no centro de Parnamirim

Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

O portal G1-RN destaca que um incêndio atingiu o depósito de uma loja de eletrodomésticos no centro da cidade de Parnamirim, na Grande Natal, na manhã desta segunda-feira (21).

O Corpo de Bombeiros foi acionado e evacuou o estabelecimento para a ação de combate ao fogo. A loja fica na Avenida Brigadeiro Everaldo Breves foi interditada no sentido que vai da BR-101 ao centro comercial.

Os bombeiros trabalham para apagar as chamas e ainda não se tem informações sobre o que motivou o incêndio.

Quatro bombeiros morrem em incêndio na Whiskeria Quatro por Quatro, no Centro do Rio

Foto: Reprodução

Rio de Janeiro. Um incêndio atingiu a Whiskeria Quatro por Quatro no fim da manhã desta sexta-feira. O fogo começou por volta de 11h e ainda sai muita fumaça do prédio. O Corpo de Bombeiros foi acionado às 11h25 e tem oito caminhões na Rua Buenos Aires, onde as equipes combatiam os focos de fogo por cima do prédio. O Comandante do Corpo de Bombeiros, Roberto Robadey, confirmou que quatro bombeiros morreram e um está desacordado. Dois deles foram encaminhados para Hospital municipal Souza Aguiar, segundo a Secretaria municipal de Saúde.

Todos ficaram sem oxigênio quando estavam dentro do prédio e o fogo se intensificou bruscamente.

— O incêndio estava sob controle, vamos ver o que aconteceu. São quatro bombeiros mortos e um está desacordado — afirmou o comandante.

Com a emergência, os prédios do entorno precisaram ser evacuados. Atendente do Crea-RJ, Júlio Medeiros precisou sair do prédio às pressas junto de seus colegas.

— Tivemos que largar tudo. Alguns colegas escutaram duas explosões vindas do prédio ao lado. Parecia ser um transformador — disse o funcionário.

A Quatro por Quatro foi inaugurada em 1995. A casa “spa para homens” foi imortalizada no funk “Adultério”, de Mr. Catra, uma paródia da música “Tédio”, da banda Biquíni Cavadão.

No entanto, por meio de assessoria de imprensa o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ) confirma que, na tarde desta sexta- feira (18.10), três militares morreram durante a atuação no combate a um incêndio na Rua Buenos Aires, 44, no Centro. Outro bombeiro foi encaminhado para uma unidade hospitalar. A corporação vai abrir uma sindicância para apurar as causas do ocorrido. Equipes de assistentes sociais já estão em contato com os familiares das vítimas. O CBMERJ está consternado com a notícia e se solidariza com parentes, amigos e colegas de farda.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Olimpio disse:

    Quatro soldados do fogo trabalhador morrem em missão de trabalho, se fosem 4 bandidos em confronto com a policia a. Imprensa fazia alarde e a esquerda nojenta fazia todo tipo de bagunça em protesto.

Governo do RN decreta situação de emergência por incêndios em Portalegre e Viçosa

Foto: Arquivo/registro no fim de semana

Em decorrência do aumento do número de incêndios florestais, o Governo do RN decretou situação de emergência nos municípios de Portalegre e Viçosa por 90 dias, podendo ser prorrogado por igual período. O texto será publicado em edição extraordinária do Diário Oficial nesta quarta-feira (9). Além do aumento do número de incêndios, a medida considera os graves danos provocados à fauna e à flora, a dificuldade na recuperação natural das áreas devastadas pelo fogo, agravamento da situação hídrica do Estado e o impacto socioeconômico no setor agropecuário.

O decreto permite ao Corpo de Bombeiros contratar, mediante dispensa de licitação, as obras e os serviços necessários a mitigar as consequências provocadas pelos incêndios, além da aquisição de materiais e equipamentos necessários ao combate às queimadas. Será possível também adotar medidas preventivas junto aos municípios, dentre elas a formação e treinamento de brigadas de incêndio e ações educativas para a população.

Já são mais de 40 horas de combate ao fogo na serra do município de Portalegre. Segundo o Corpo de Bombeiros, 20 militares estão trabalhando no local com a ajuda de voluntários, carros-pipa e máquinas cedidos pela Prefeitura. Nesta quarta-feira, mais 20 bombeiros foram enviados à cidade para reforçar o combate ao incêndio. Equipe da Defesa Civil que está no município trabalha junto às coordenadorias de Defesa Civil de Portalegre e de Viçosa. Foi elaborado plano de ação que inclui o uso de drone para levantamento da área atingida e mapeamento dos locais de mais fácil acesso aos focos de incêndio.

Neste mês de outubro, até esta terça-feira (8), o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) registrou 60 focos de incêndios no Rio Grande do Norte. Em agosto e setembro foram 52 e 81, respectivamente, contra um foco em junho e quatro em julho. Isso porque o último trimestre do ano é o período mais quente, com baixa umidade relativa do ar, aumento da intensidade dos ventos e, consequentemente, mais propício ao surgimento de focos de incêndio.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cigano Lulu disse:

    A grande "obra" de governo da bravateira Fatão GD é essa: decretar estado de emergência. Desde a posse até agora, essa é a sua "cantiga da perua". Na malfadada (biodi)gestão petralha sobra problemática e falta solucionática. Na pisada em que vai o RN tende a se tornar mendigo da Paraíba.

  2. Pedro disse:

    É o nosso estado virando a Amazônia de Bolsonaro. Tantas críticas pelas queimadas na região norte e nem um segundo de preocupação com o que já é bastante sofrido. E nisso que dá ter governo não comprometido com o já sofrido semi árido. Acorda Governadora Bokus o estado que a senhoro governa, está abrindo uma cratera na camada de ozônio e vc nem-nem, haja incompetência.

FOTOS: Incêndio na zona rural de Portalegre-RN persiste e preocupa moradores

Fotos: cedidas

Um incêndio na zona rural do município de Portalegre, distante 366 km de Natal, persiste desde o sábado(05). Moradores da região registraram, conforme fotos durante o dia no último fim de semana, as chamas devastando matas. O Corpo de Bombeiros esteve no local durante todo o domingo(06).

Na noite dessa segunda-feira(07), de acordo com imagem cedida, as chamas voltaram a ganhar força. Pelas redes sociais, a prefeitura informa que bombeiros militares e civis, além de voluntários, realizam o trabalho de combate ao fogo. Sua origem, até o  o o momento, ainda não foi confirmada.

Foto: Reprodução

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Andinho disse:

    Muito estranho esse tanto de incêndios que estão acontecendo no Brasil e no nosso RN, isto está me cheirando a treta política. Precisa ser apurado com transparência e isenção.

TRAGÉDIA: Incêndio mata pelo menos 28 crianças em escola na Libéria

Foto: Arte R7

Pelo menos 28 crianças morreram em um incêndio ocorrido nesta madrugada em um colégio interno muçulmano nos arredores da capital da Libéria, Monróvia, informaram a presidência do país e a Cruz Vermelha, nesta quarta-feira (18).

“As minhas orações estão com as famílias das crianças que morreram na noite passada em Paynesville City como resultado de um incêndio letal no edifício de sua escola”, escreveu o presidente George Weah no Twitter.


As equipes de emergência conseguiram recuperar 28 corpos nesta manhã, segundo confirmou o porta-voz da Cruz vermelha da Libéria, Oniel Bestman, à agência EFE.

Os corpos, que pertencem a alunos de 5 a 17 anos ainda não identificados, foram levados ao necrotério. As causas do incêndio ainda estão sendo investigadas.

Além disso, os socorristas conseguiram resgatar um número ainda não divulgado de sobreviventes da escola muçulmana, que tem alunos de ensino fundamental e médio.

“As minhas mais sinceras condolências para as famílias afligidas e toda a comunidade islâmica. Este é um momento difícil para as famílias das vítimas e para toda a Libéria”, acrescentou o presidente liberiano.

R7, com EFE

FOTOS: Corpo de Bombeiros combate incêndio em Patu e Currais Novos

Fotos: Divulgação

O Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte (CBMRN) atendeu, nessa segunda-feira (16) quatro ocorrências de incêndio ambientais no interior do Estado.

A primeira delas, aconteceu por volta das 15h nas proximidades da Serra do Lima, em Patu. Bombeiros militares de Caicó e Pau dos Ferros, Polícia Militar e os órgãos de segurança municipal, trabalharam em conjunto para debelar as chamas. Segundo o capitão Lima Verde, o fogo estava concentrado em um local de difícil acesso. “Tivemos que fazer um acero e esperar o fogo alto chegar mais próximo para combater”, disse o capitão.

O combate parou na madrugada devido o difícil acesso no local. No entanto, na manhã desta terça-feira (17) os bombeiros militares já voltaram e estão trabalhando para controlar totalmente o fogo.

Ainda não é possível dizer a dimensão da área atingida. Ninguém ficou ferido. Nenhum uma edificação, imóvel foi danificado. Apenas danos ambientais.

Incêndios

Ainda na noite de ontem os bombeiros militares combateram outros três incêndios, sendo um em Currais Novos e outros dois nas proximidades de Pau dos Ferros.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Manoel disse:

    Será se os esquerdistas vão culpar a governadora Fátima por essas queimadas ?

  2. Antonio Barbosa Santos disse:

    Esperando o Presidente da França pedir providências.

Diretor do Hospital Badim no Rio diz que 11 pessoas morreram e 77 foram transferidas após incêndio

Infográfico sobre o incêndio no Hospital Badim, no Rio de Janeiro — Foto: Juliane Monteiro e Rodrigo Sanches/G1

O diretor do Hospital Badim, Fábio Santoro, disse em um comunicado lido na tarde desta sexta-feira (13) que foram confirmadas 11 mortes no incêndio que atingiu a unidade nesta quinta – uma morte ainda está em fase de “oficialização” pelo IML. Até o início da tarde desta sexta a Defesa Civil falava em 10 mortos.

Ainda segundo Santoro, 77 pessoas seguem internadas em hospitais que deram apoio ao Badim.

“Dos 103 pacientes que estavam na unidade, 77 seguem internados e estão em 12 instituições de saúde da nossa cidade. Quinze já estão nas suas residências. Onze óbitos foram confirmados, sendo um deles em fase de oficialização pelo IML”, disse Santoro.

Os peritos que trabalhavam no incêndio deixaram a unidade de saúde no início da tarde. A informação é que eles conseguiram acessar o aparelho, mas ainda tem muita água no subsolo do prédio. A água da estrutura será drenada e deverá ter luz adequada para periciar melhor o local onde está o gerador.

Dez mortos já foram identificados no IML (veja quem são):

Alayde Henrique Barbieri, 96 anos;
Ana Almeida do Nascimento, 90 anos;
Berta Gonçalves Barreira de Souza, 93 anos;
Darcy da Rocha Dias, 88 anos;
Irene Freiras de Brito, 84 anos;
José Costa de Andrade, 79 anos;
Luzia dos Santos Melo, 88 anos;
Maria Alice Teixeira da Costa, 76 anos;
Marlene Menezes Fraga, 85 anos;
Virgílio Claudino da Silva, 66 anos.

Hospitais para onde foram levados pacientes:

Americas
Casa de Portugal
Caxias D’or
Copa D’or
Gafree Guinle
Israelita Albert Sabin
Norte D’Or
Quinta D’Or
Samaritano
São Bernardo
Unimed Barra
Incêndio

O fogo começou na noite de quinta-feira (12), no subsolo da unidade de saúde, no Maracanã, Zona Norte do Rio. Segundo o Instituto Médico Legal (IML), as mortes ocorreram por asfixia e o por desligamento de aparelhos. Ninguém foi carbonizado.

“A maioria foi por asfixia, alguns casos não, mas coisas correlacionadas ao acidente (…) São descompensações das doenças que as pessoas, relacionadas aos aparelhos que as mantinham vivas e que deixaram de funcionar com o incêndio”, explicou Gabriela Garça, diretora do IML que coordenou a necropsia.

VÍDEO: Incêndio foi registrado no Sacolão no centro de Natal no fim da manhã desta quinta; bombeiros controlaram a ocorrência

No fim da manhã desta quinta-feira(12) foi registrado um incêndio na loja de departamentos Sacolão na avenida Rio Branco, no centro da capital.

Segundo o  Via Certa Natal, a gerência da loja disse que o incêndio começou no depósito. Na ocasião,  o Corpo de Bombeiros foi enviado ao local e conseguiu controlar as chamas. Na ocorrência, ninguém ficou ferido.

(ÁUDIO): Polícia Civil do PA identifica 50 suspeitos de incêndio na floresta amazônica

Foco de queimada na Amazônia. Foto: Carl DE SOUZA / AFP

Fazendeiros, pecuaristas e contratados para atear fogo devem responder por crime ambiental. Já a Polícia Federal ainda apura Dia do Fogo, em que ação pode ter sido orquestrada.

No Senado, governo não conseguiu impedir que um pedido de criação de uma CPI fosse apresentado para investigar a devastação na Amazônia.

CBN – Globo Rádio

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ems disse:

    Sabe qual foi o período onde houve a maior quantidade de queimadas na Amazônia ? Uma dica: começou em 2003.

  2. Sérgio disse:

    Na verdade, quem está oindo fogo no Brasil por inteiro é Bolsonaro. O PT levou o dinheiro e ele vai acabar com os direitos. Quem puder, fuja!

  3. Allan Laranjeiras disse:

    E o cara da bicicleta que Bolsonaro falou? …hahahahaha é sem dúvidas a melhor fala dele sobre esse problema todo, dizer que tem um homem de bicicleta pondo fogo na floresta amazônica….hahahahahaha me acabo de rir, relaxa QQ momento mais tenso.

    • Maria disse:

      Desde o começo do governo que estudiosos alertavam para esse empoderamento dos agricultores, eles acreditavam que nåo seriam punidos, essa era a sensação. Nas palavras da campanha presidencial, quem foi atento, percebeu, previu que isso aconteceria, que alguém mandou tocar fogo, isso já é sabido, o presidente disse que seriam as Ongs, aí é diferente.

VÍDEO: Incêndio no Midway é controlado e bombeiros apagam últimas chamas e realizam resfriamento de área atingida

Incêndio foi registrado na tarde desta segunda-feira(29), causou pânico entre frequentadores e funcionários no maior shopping da capital, e mobilizou o Corpo de Bombeiros.

A rápida chegada ao local do incêndio, nas proximidades do estacionamento, também contou com apoio da Secretaria de Mobilidade Urbana(STTU), que fechou o trânsito no entorno para passagem de bombeiros e outros profissionais especialistas.

Até o momento, nenhum registro de vítima.

Os bombeiros agora trabalham no resfriamento da área atingida para consequente isolamento e perícia.

Vídeo abaixo cedido.

Incêndio no Midway muda trânsito no entorno do shopping; confira rotas

Devido ao incêndio no Shopping Midway Mall, a STTU está preventivamente alterando a programação das avenidas do entorno do shopping. Prioridade para as saídas da avenida Bernardo Vieira e Salgado Filho.

Avenida Bernardo Vieira fechada a partir da Avenida Senador Salgado Filho, sentido Zona Norte. Secretaria de Mobilidade Urbana de Natal recomenda que motoristas utilizem a Avenida Nascimento de Castro e a Rua Coronel Norton Chaves como rotas alternativas.