Lugares de Charme: Prefeitura, Sebrae e Paróquia de São Gonçalo abrem o primeiro espaço colaborativo do Brasil em prédio tricentenário

O espaço contará com loja e café colonial onde será preservada a cultura regional e nacional. Foto: Júnior Santos

Na próxima quarta-feira (15), a partir das 17h, a Prefeitura de São Gonçalo do Amarante/RN e Sebrae/RN, em parceria com a Paróquia de São Gonçalo, realizam o lançamento da primeira loja, café colonial e espaço colaborativo do Brasil em um prédio tricentenário, a Igreja Matriz de São Gonçalo do Amarante.

O lançamento é uma das ações do projeto “Lugares de Charme”, em desenvolvimento no município desde 2018, com apoio das Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdet) e Fundação Cultural Dona Militana. “O objetivo do projeto é transformar os espaços em verdadeiras vitrinas vivas, despertando a sociedade para a valorização cultural e a importância de manter viva as memórias do passado.”, observa Cris Ribeiro.

Cris ainda destaca que o projeto vai aplicar em 50 casas localizadas em torno da Igreja Matriz, um azulejo, em mosaico, com o símbolo da cultura da cidade e do folclore do Rio Grande do Norte, o galo branco de Dona Neném. Esses azulejos serão confeccionados pela ONG Biombo das artes.

Todo o trabalho, peça e artes estão sendo desenvolvidas por artesãos são-gonçalenses.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cigano Lulu disse:

    "…Manter viva as memórias do passado (sic)" é ótimo! Isso faz com que cada vez mais eu tenha saudades do futuro.

VÍDEO: Criança atravessa parapeito do quinto andar de prédio e imagem causa aflição mundial

Um vídeo mostra o momento em que uma criança atravessa o parapeito de um prédio em Tenerife, Espanha. Nas imagens, é possível ver que o menor pula a janela e caminha até a varanda. Como não consegue pular no local, ela volta e entra de novo na janela.

O vídeo foi postado em um grupo de Facebook da cidade na última segunda-feira (06/01/2020). Segundo o jornal Metro, a família, que é da Finlândia, estava passando férias e alugou esse flat em Playa Paraíso.

De acordo com a emissora de TV Antena3, a mãe da criança estava no banho quando o menor pulou a janela. O vizinho que registrou a cena ficou aliviado que nada aconteceu. “Por sorte não estava ventando forte”, disse. A polícia investiga o caso.

Metrópoles

FOTOS: Janela despenca de prédio da Sesed na rua Apodi

Fotos: Cedidas

Um leitor que pediu que sua identidade fosse preservada entrou em contato com o blog nesta quinta-feira(14) para relatar que durante essa manhã uma das janelas do prédio da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), na rua Apodi, caiu em cima da cobertura de alumínio da garagem do Instituto de Previdência do Estado do Rio Grande do Norte (Ipern).Um perigo.

No local passam dezenas de pessoas, diariamente. Por sinal, lá trabalham pessoas na reforma do piso da garagem e, por um milagre, ninguém estava na hora.

Conforme em destaque, o prédio de onde a janela caiu apresenta uma situação duvidosa para atividade. Nitidamente, há uma necessidade de avaliação de sua estrutura. “Deveria ser interditado e licitado seu uso, só assim uma empresa privada assumiria pra restaurar”, disse o leitor.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cigano Lulu disse:

    Quem se vê obrigado a trabalhar neste prédio poderia muito bem se recusar a fazê-lo, e por justa causa. Desde que deixou de funcionar como centro clínico do Ipern, há cerca de dezoito anos, nunca este prédio passou por processo de desinfecção hospitalar, ou algo que o valha. Precisa dizer mais alguma coisa?

  2. Avante Brasil disse:

    É melhor implodir antes q os tombadores do patrimônio histórico de plantão apareçam!

Edifício Andrea ‘era uma bomba-relógio maquiada’, diz advogado de engenheiro responsável por reforma antes do desabamento

Foto: José Leomar/ SVM

Enquanto os escombros do Edifício Andrea, desabado em Fortaleza na última terça-feira (15), ainda são removidos, as possíveis responsabilidades seguem sendo apuradas pela Polícia Civil do Ceará. Um dos envolvidos é o engenheiro José Andresson Gonzaga dos Santos, que, conforme o advogado, Brenno de Almeida, definiu o prédio como uma “bomba-relógio maquiada”. O engenheiro aparece no vídeo acima logo após o desmoronamento.

Edifício Andrea desabou às 10h28 do dia 15 de outubro. Nove pessoas morreram e sete ficaram feridas na tragédia. O prédio ficava no cruzamento na Rua Tibúrcio Cavalcante com Rua Tomás Acioli, a cerca de 3 quilômetros da Praia de Iracema, região turística da capital cearense.

Andresson, engenheiro responsável pela reforma que começaria no edifício no dia em que desabou, se apresentou à comissão do Conselho Regional de Engenharia do Ceará (Crea/CE), na tarde dessa segunda-feira (21). No depoimento à comissão especial montada pela entidade, o profissional descreveu os diálogos que teve com a síndica Maria das Graças Rodrigues, última vítima encontrada sob os escombros, e o que aconteceu no dia do desmoronamento.

Conforme Brenno, que relatou ao G1 detalhes do depoimento de Andresson, o engenheiro esteve no Andrea junto a um pedreiro e ao segundo engenheiro, Carlos, por volta das 9h20 do dia 15 – uma hora antes de a estrutura ruir.

“Ele chamou a síndica pra mostrar a situação dos pilares, que estavam fofos. O emboço não estava mais aderindo à estrutura e, nesse caso, não precisaria ter cautela de escoramento. Esse foi o posicionamento do profissional, por isso o pedreiro fez aquela demonstração (vista nas câmeras)”, justifica o advogado.

O engenheiro e a equipe saíram do prédio para “comprar material e reforçar o pedido de escoramento da estrutura já feito a outra empresa”.

‘Faltou tempo’

“Com 15 minutos, a síndica manda mensagem: ‘Andresson, vem aqui, que aconteceu algum problema’. Eles retornaram imediatamente e chamaram ela pra mostrar a real situação. Ali, ele não teve tempo de gritar ‘pessoal, a estrutura está em colapso’. O prédio gritou, a estrutura gritou. Ela chegou a fim. Não teria como ter cautela profissional nenhuma”, sentencia Brenno.

“Se tivesse tempo suficiente, ele (Andresson) teria pego na mão da síndica, do pedreiro, e dito ‘vamos evacuar o prédio, porque ele está em colapso’.”, diz advogado

Para Andresson, “a estrutura já estava em colapso antes, devido às intervenções negligentes dos maquiadores”. Como “maquiadores” Brenno define profissionais que passaram pelo Andrea em serviços anteriores. “Estão querendo culpar um engenheiro profissional que pegou uma bomba-relógio maquiada. Tudo isso será apurado”, conclui o advogado.

Os próximos passos, conforme Brenno, incluem a listagem de quais testemunhas serão chamadas pela defesa para depor no processo judicial. Enquanto isso, o próprio Andresson não deve ter contato com direto com a imprensa.

“Quem é que quer receber um prédio para fazer uma reestruturação e deixar na situação que deixou? Nenhum profissional tem essa intenção, a não ser que seja suicida. Porque ele estava lá embaixo no momento do colapso. Ele não colocou uma bomba-relógio e foi embora.”

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cigano Lulu disse:

    Na praia de Areia Preta, em Natal, há uma fartura de "bombas-relógio maquiadas". E o CREA nem tchuns!
    Depois não digam que não avisei.

Bombeiros confirmam quinta morte em desabamento em Fortaleza

Foto: REUTERS / Diario do Nordeste / Jose Eleomar/Direitos Reservado

O Corpo de Bombeiros do Ceará confirmou no início da tarde desta quinta-feira(17) o resgate de mais um corpo dos escombros do edifício Andrea, que desabou na última terça-feira (15), em Fortaleza. A vítima é uma mulher ainda não identificada.

Com isso, subiu para cinco o número de mortes já confirmadas pelas autoridades. Três das vítimas já foram identificadas. São elas Antônio Gildasio Holanda Silveira, de 60 anos, cujo corpo foi encontrado esta manhã; Frederick Santana dos Santos, de 30 anos; e Izaura Marques Menezes, de 81 anos.

As equipes de busca continuam tentando localizar cinco pessoas que, segundo parentes, estavam no interior do prédio no momento do acidente. Só hoje, cerca de 250 bombeiros estão trabalhando nos resgates das vítimas – operação na qual estão sendo empregados cinco cães farejadores, além de equipamentos como drones, utilizados na varredura da área, e uma plataforma mecânica.

A Polícia Civil instaurou inquérito policial para apurar as circunstâncias do desabamento do Edifício Andrea e as eventuais responsabilidades. Testemunhas já foram ouvidas, e as apurações estão em andamento.

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-CE) também criou uma comissão para analisar a situação legal da construção. Em entrevista à Agência Brasil, o presidente do conselho, Emanuel Maia Mota, reafirmou que, na segunda-feira (14), véspera do desabamento, o engenheiro civil José Andreson Gonzaga dos Santos registrou, no conselho, uma Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) relativa a uma reforma no prédio. A ART é o documento que define os responsáveis técnicos por qualquer empreendimento de engenharia, arquitetura e agronomia.

Mota disse ainda não saber se o serviço previsto chegou a ser iniciado. Segundo ele, o Crea já tentou fazer contato com o engenheiro civil a fim de obter mais informações, mas não o localizou. “O telefone que temos registrado não atende às chamadas. Mandamos um ofício para o endereço do cadastro e estamos aguardando uma resposta, um contato, pois precisamos esclarecer uma série de dúvidas”, disse Mota, acrescentando que o engenheiro civil está em situação regular e solicitou o registro profissional há poucos meses.

A Agência Brasil não conseguiu localizar nenhum contato do engenheiro civil. Além disso, também não foi possível, até o momento, identificar os responsáveis pelo registro do imóvel.

Agência Brasil

Sobe para 4 número de mortes no desabamento de prédio em Fortaleza

Foto: João Pedro Ribeiro/ TVM

Aumentou para quatro o número de mortos no desabamento do Edifício Andréa, na cidade de Fortaleza. No início da manhã desta quinta-feira (17), as equipes do Corpo de Bombeiros retiraram dos escombros o corpo de homem ainda não identificado, segundo informação do comandante do Corpo de Bombeiros do Ceará, coronel Luís Eduardo Holanda, que coordena as operações de busca na área do desabamento.

O coronel informou também que, com o resgate desse quarto corpo hoje, restam ainda seis pessoas desaparecidas. “Continuamos trabalhando com seis pessoas a serem encontradas. Estamos Trabalhado agora em busca de uma possível sinalização, atuando em um ponto onde possam existir pessoas ainda vivas”, disse o comandante em entrevista à imprensa.

Um grupo de 130 bombeiros, divididos em várias equipes, com o apoio de voluntários, trabalha ininterruptamente no local.

Além da retirada desse corpo nas primeiras horas de hoje (17), estão confirmadas as mortes de Frederick Santana dos Santos, de 30 anos; Izaura Marques Menezes, de 81 anos; e de uma mulher, ainda não identificada, cujo corpo permanece sob os escombros.

O Edifício Andrea, localizado no cruzamento da Rua Tibúrcio Cavalcante com Rua Tomás Acioli, no Bairro Dionísio Torres, desmoronou na manhã de terça-feira (15). As causas do desabamento ainda estão sendo investigadas.

Agência Brasil

“FOTO” – FORTALEZA: “Se essas imagens forem do prédio não precisa investigar mais nada”

Colunas de prédio que desabou estavam deterioradas e em reforma. (Foto: Via WhatsApp O POVO)

“Se essas imagens forem do prédio não precisa investigar mais nada. Está aí a explicação. Se a imagem for do prédio isso é suficiente para o prédio cair. Não há o que discutir”. Quem afirma é o engenheiro Gerardo Portela, doutor em Riscos e Segurança, com mais de 30 anos de experiência e um dos mais requisitados especialistas em Riscos e Segurança do Brasil.

A pedido do O POVO Online, Portela analisou o vídeo publicado no grupo de WhatsApp do condomínio, mostrando falhas na estrutura do Edifício Andrea. O engenheiro ficou estarrecido com as imagens. “Os dois pilares neste estágio já são suficientes para causar a queda do prédio. Primeiro, que são pilares com pouca robustez e completamente deteriorados, com uma exposição quase que total da armação. Não há dúvidas (da causa)”, completa

Em sua análise, Portela detalha. “Onde tem um pilar como este, geralmente tem mais. É a concretagem mal feita, o carro bate, encosta e ninguém conserta, e o concreto é fraco… Aí você começa a ter deterioração do pilar, ninguém faz nada. Botaram até um plástico para poder evitar umidade mas não adianta, até piora, porque cria um ambiente de corrosão ainda mais fechado, acelera o processo. São imagens muito, muito fortes”.

O Povo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Silva disse:

    Então significa dizer que, o que restou do hotel reis magos, pode cair a qualquer momento.
    E ainda tem gente que defende aquele atraso.
    A deputada rainha da sucata é uma.

‘Não sei como escapei, estava bem debaixo do prédio’, diz vigilante que trabalha próximo ao desabamento em Fortaleza

 Foto: Reprodução/SVM

Moradores, familiares e trabalhadores que presenciaram o desabamento do prédio de sete andares no Bairro Dionísio Torres, área nobre de Fortaleza, na manhã desta terça-feira (15), relataram o que viram momentos depois do acidente. O vigilante Vando Pereira, que trabalha em uma loja próxima ao prédio, disse que ouviu um barulho muito alto e, quando olhou para cima, viu tudo caindo. “Não sei como escapei, estava bem debaixo do prédio.”

O prédio desabou no cruzamento na Rua Tibúrcio Cavalcante com Rua Tomás Acioli, no Bairro Dionísio Torres, área nobre de Fortaleza. O Corpo de Bombeiros informou que de 10 a 15 moradores ficaram sob os escombros. Até a última atualização desta reportagem, sete pessoas haviam sido resgatadas dos escombros – entre elas, há uma senhora de 60 anos e um homem de 20 anos. Uma pessoa morreu.

Segundo o vigilante, que estava em frente ao local, os destroços do prédio ficaram espalhados por toda a rua. Houve correria de quem estava nas proximidades do edifício.

“Conseguimos sair correndo. Eu estava sentado. É muito tranquilo aqui. Minha rotina é sempre muito tranquila, pois tem mais idoso no prédio. Eu vi só os estragos caindo tudo, pois estava mesmo debaixo. Foi muito rápido. Rápido demais. Não sei nem como estou aqui”, disse.

Já Caio Menezes chegou ao local do desabamento alguns minutos após o acidente. Ele contou que seus avós e outros dois familiares moram no prédio. Ele tentou várias vezes contato com eles pelo telefone, mas não teve sucesso.

“No prédio mora meus avós, um casal de idosos, junto com a filha deles de aproximadamente 50 anos e o filho dela, de uns 20 anos. Quatro pessoas na casa. Já estou tentando contato com eles via WhatsApp, fiz muitas ligações, mas ninguém atende nada”, lamentou.

‘Minha casa estremeceu’

A fisioterapeuta Cecília Dantas, que mora na rua do prédio que desabou, afirmou ao G1 que estava tomando café da manhã junto com uma amiga quando ouviu um forte estrondo.

“Estremeceu toda a minha casa. Depois veio a penumbra da poeira, e depois a gente a gente saiu e não sabia de onde vinha o barulho. Depois que a poeira baixou e conseguimos ver que vinha do lado esquerdo que era esse prédio da Rua Tibúrcio Cavalcante”, afirmou.

Já o morador Mário Ferreira relatou que só ouviu um barulho muito forte, semelhante a uma batida de caminhão. Depois, escutou outros barulhos vindo do ponto onde o prédio desabou.

“Eu estava em casa. Há 30 minutos ouvi um barulho forte, como se fosse uma batida de caminhão, coisa do tipo. Em seguida ouvi um barulho desencadeado. Eu disse: ‘não, caiu alguma coisa. Desabou alguma coisa’. Olhei pela janela e vi poeira muito forte e gente correndo”, disse o morador.

G1

VÍDEO mostra momento do desabamento de prédio em Fortaleza

Um vídeo mostra o momento em que o Edifício Andréa desaba em Fortaleza, na manhã desta terça-feira (15). O desabamento foi registrado por câmeras de segurança na rua Tomás Acioli, no Bairro Dionísio Torres, área nobre da capital cearense. ASSISTA AQUI.

Conforme o Corpo de Bombeiros, uma pessoa morreu e sete foram resgatadas com vida. Testemunhas relatam que viram moradores dentro do edifício Andréa no momento do desabamento. Logo após a construção ruir, pessoas foram vistas correndo para longe do condomínio.

Ao menos 11 ambulâncias do Samu e quatro dos bombeiros foram para o local. Policiais militares, agentes de trânsito e equipes da Defesa Civil também acompanharam o resgate. Um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) foi disponibilizado para auxiliar no transporte de pessoas feridas.

Por meio de nota, a Prefeitura de Fortaleza informou que montou um plano de contingência para atender as vítimas. Profissionais do Instituto Dr. José Frota (IJF), no Centro de Fortaleza, maior hospital de urgência e emergência do Ceará, foram deixados de prontidão para os atendimentos, junto com equipes de outras três unidades de saúde (UPA, Frotinhas e Gonzaguinhas).

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, foi ao local do desabamento para acompanhar o resgate. O governador do Ceará, Camilo Santana, cumpria agenda em Brasília nesta terça em Brasília e cancelou os compromissos para retornar para a capital cearense.

A Defesa Civil de Fortaleza informou ter mandado duas equipes para o local. O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Ceará (Crea-CE) informou que vai se posicionar após fazer levantamentos na área.

FOTOS: Universitária de 23 anos sobrevive a queda de prédio de 24m ao fazer posição de ioga

Foto: Reprodução/Twitter

Uma estudante universitária, de 23 anos, caiu de uma altura de 24 metros ao fazer uma arriscada posição de ioga na varanda de um apartamento em Nuevo León (México) na tarde do último sábado.

Uma imagem de Alexa Terrazas antes de cair, pendurada de cabeça para baixo sem apoiar as mãos no parapeito da varanda, viralizou em redes sociais. Incrivelmente, a mexicana sobreviveu à queda, de acordo com reportagem do jornal “El Imparcial”.

Alexa sofreu várias fraturas nas pernas, nos braços, na bacia e na cabeça. Familiares afirmaram que a universitária não deverá voltar a andar nos próximos três anos. A cirurgia de reconstrução das pernas durou 11 horas.

Vizinhos comentararam que não eram raras as vezes em que viam Alexa fazendo a mesma posição na varanda. A polícia está investigando o caso.

Alexa Terrazas Foto: Reprodução/Twitter

Extra – O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. fabio disse:

    o título da postagem leva a crer que a moça só não morreu porque fez a posição de Ioga.

  2. JHF disse:

    Venha fazer ioga aqui na ponte nova!!

  3. ventura disse:

    o povo pensa que maconha da asas.

Prédio da Sesap em obras: sindicato diz que servidores trabalham em ambiente insalubre e Governo do Estado trata com descaso situação

Após seis anos de reivindicações, o prédio da Sesap finalmente está sendo reformado. No entanto, para reduzir custos, o Estado decidiu realizar a reforma sem transferir os servidores para outro prédio. Submetendo os trabalhadores da secretaria a uma situação insalubre e perigosa, fazendo com que trabalhem com barulho, calor e muita poeira.

Além disso, no 3º andar da Sesap, existem duas servidoras grávidas que já passaram mal durante o expediente em decorrência da obra. A obra realizada tem transformado o ambiente de trabalho em um local caótico, causando adoecimento e medo nos trabalhadores.

A reforma no prédio da Sesap está sendo realizada em decorrência de denuncia realizada ainda em 2013 pelo Sindsaúde RN e reiterada, por meio de ação civil pública, pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) em 2014, quando a justiça solicitou urgência na realização de reformas no prédio.

Com as obras paradas, ainda em 2016, o juiz Luciano Athayde declarou em sentença judicial: “É de causar espanto a prolongada omissão da Administração Estadual diante do risco a que estão submetidos aqueles que lhes prestam serviços, cujas condições de trabalho são claramente temerárias e indignas”. Mesmo assim, a ordem de serviço para o início da reforma no prédio da Sesap só foi assinada em novembro de 2018.

Diante desse descaso com a obra e com os servidores públicos, o Sindsaúde RN encaminhou um ofício para o Ministério Público do Trabalho e aos órgãos competentes para relatar toda a situação e cobrar providências judiciais.

As informações são da Assessoria de Comunicação do Sindsaúde RN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Emmanoel do Nascimento Costa disse:

    Ainda bem que temos a média salarial no Estado a melhor do Nordeste.A população que paga imposto que lasque.

  2. Pedro disse:

    Correta a reclamação dos funcionários, o prédio da SESAP, como é de domínio público e do conhecimento de vários orgaos, tais como Governo do estado, promotoria, sindicatos, organizações de classe, corpo de bombeiros, etc.. É uma verdadeira bomba, e submeter o mesmo a uma reforma, com os funcionários dentro, e um herdeiro descalabro e falta de respeito. Com a palavra o ministério público e a própria secretaria. Eita governadora sem respeito aos funcionários, e estranhamente piora quando são fatos que envolvem os funcionários dessa pasta e os que dela precisam.

  3. sabastiao disse:

    uma mulher sem roma, votei mal, só pensa em passeia e viaja, essa é a vedadeira ideologia PTISTA , HOJE O PARTIDO QUE SEMPRE VOTEI NUNCA MAIS VOTO NELE

  4. Jorge disse:

    Comum mesmo. Aqui na secretaria de educação, trabalhamos lado a lado com trabalhadores com lixadeira, marteladas, serra, furadeira…….e ninguém podia dizer nada.

Helicóptero atinge edifício de 54 andares em Nova York

Foto: Reprodução/ Twitter

Um helicóptero atingiu o telhado de um prédio de 54 andares no centro de Manhattan, em Nova York, possivelmente ao tentar fazer um pouso de emergência na tarde desta segunda-feira. De acordo com a CNN, agentes da polícia e dos bombeiros relataram pelo menos um morto e uma pessoa ferida. No entanto, ainda não há a confirmação oficial sobre o número total de vítimas. O governador de Nova York, Andrew Cuomo, por sua vez, disse que não há indícios de que se trate de terrorismo.

O acidente aconteceu no AXA Equitable Centre, na Sétima Avenida, entre as ruas 51 e 52, onde funcionam empresas como BNP Paribas, Citibank e Willkie Farr & Gallagher. Os funcionários foram rapidamente evacuados.

— A única indicação é que o helicóptero ou fez um pouso de emergência ou caiu no topo do prédio, e se incendiou, mas é tudo muito preliminar ainda — disse Cuomo, que está no local.

A cidade emitiu uma notificação de emergência, alertando para o fechamento de ruas da região. O Departamento de Polícia de Nova York também avisou no Twitter que a área deve ser evitada.

O Globo

FOTOS: Problemas de estrutura em prédio do HUOL em Natal são visíveis

   Fotos: cedidas

Prédio do Hospital Universitário Onofre Lopes, parte ambulatorial, apresenta problemas visíveis de estrutura e ameaça pacientes e funcionários. Denúncias foram enviadas ao Blog na tarde desta terça-feira(19).

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carlos disse:

    Se os problemas fossem só estruturais seria muito bom….

  2. paulo martins disse:

    Enquanto isso, o campus central da Uferrenê mais parece um eterno canteiro de obras.

  3. judson silva disse:

    depois que cair e morrer um monte de gente aí vão dar um jeito

  4. Flávio Rezende disse:

    Maresia

Bandidos invadem prédio no Centro Administrativo em Natal e levam equipamentos do Grupo de Escolta Penal do RN

Localizada no Centro Administrativo do Estado, no bairro de Lagoa Nova, na Zona Sul de Natal,  a sede do Grupo de Escolta Penal (GEP) do sistema prisional potiguar, pasmem, foi invadida e equipamentos levados, entre eles uma placa de colete à prova de balas e um carregador de armas.  O furto foi percebido na manhã desta segunda-feira (12), quando agentes penitenciários chegaram para trabalhar.

Segundo as primeiras investigações,constatou-se que os bandidos escalaram uma parede e entraram no prédio pelo banheiro da unidade. Policiais civis e uma equipe do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) estiveram no local em busca de pistas dos bandidos.

A Secretaria de Justiça e da Cidadania (Sejuc) ainda não se manifestou. O caso será investigado pelo 5º Distrito Policial.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. ANTONIO FELIX NETO disse:

    LAMENTÁVEL, O DESMANDO NO GOVERNO É EVIDENTE. ONDE ESTÃO OS POLICIAIS DER PLANTAÕ DO CENTRO ADM?

  2. Francisco Alves disse:

    E reina a incompetência! Ora, os "guardiões" da Segurança Pública não consegue dar conta do seu patrimônio, imagina da sociedade.
    E o décimo terceiro de 2017… Nem água!

  3. LULADRÃO disse:

    Sinceramente, as polícias civil e militar parecem que não existem no centro administrativo. Não é a primeira vez que isso acontece e ninguém viu, ninguém vê. Outra coisa, tem guarita na entrada e será que entra quem quer?

Defesa Civil nega risco de colapso de prédios vizinhos ao que desabou

A Defesa Civil do município de São Paulo considera que os prédios vizinhos ao edifício Wilton Paes de Almeida, que desabou na última terça-feira (1º), não têm risco iminente de ruir. Cinco imóveis estão interditados pela prefeitura sem prazo para serem liberados. Nenhum deles, no entanto, foi condenado pelo órgão.

“Não há risco iminente de queda, até porque os bombeiros não estariam trabalhando da forma como estão trabalhando. Dia a dia estão sendo colhidas imagens, as trincas, no sentido de manter essa atenção e acompanhamento de eventual evolução das deformidades”, destacou o coordenador municipal em exercício da Defesa Civil da cidade de São Paulo, Edson Ramos de Quadros.

Dois dos cinco prédios que estão interditados têm danos mais importantes, segundo a Defesa Civil. A calçada de um deles foi interditada para prevenir eventuais quedas de placas de concreto. “Vamos acompanhar a movimentação desses elementos estruturais, mas não estamos considerando o risco de colapso”.

Mesmo o prédio da igreja, que foi parcialmente destruído pelo desabamento do prédio vizinho, não foi considerado em risco pela Defesa Civil. “A igreja, o que tinha para cair, já caiu. Foi a mais atingida, mas não deverá ter nenhuma alteração”, disse o coordenador.

Segundo o secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo, Mágino Alves Barbosa Filho, equipamentos instalados pelo Corpo de Bombeiros em um dos edifícios vizinhos, que também foi atingido pelas chamas, indicaram que houve uma leve movimentação da construção. No entanto, a alteração não indica que o prédio possa desabar.

“O Corpo de Bombeiros detectou com uso de tecnologia uma movimentação ainda muito sensível e vai se reunir com órgãos municipais para ver quais serão as providências que serão adotadas. Ela [movimentação] vem sendo detectada desde a instalação do aparelho. Essa monitoração demonstra que há sim um movimento, mas não é um movimento que sugira que o prédio vá ruir”, disse.

Agência Brasil

[FOTO] Ameaça de atentado evacua prédio da Secretaria de Tributação

WhatsApp Image 2016-08-04 at 15.44.47 (1)

Foto: Cedida

Na tarde desta quinta-feira (4), uma ameaça de atentado ao prédio da Secretaria Estadual de Tributação, localizada no Centro Administrativo, fez com o que os servidores evacuassem o prédio.

O fato ocorreu por volta das 14h50, gerando correria entre os funcionários. Equipes de segurança foram deslocadas para o local.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Elias Garcia disse:

    Essa notícia foi o ó. Estão fazendo muito cuicui pela cidade. Tá na hora de jogar púrpuras de rosas nas armas e plantar a semente do amor. #arrasada

  2. André Santiago bambu disse:

    Estou passado.

  3. Arabela Costa disse:

    Jorge vc tem muita vontade de ser funcionário da tributação e só estuda

  4. Nego caio disse:

    Aff meu Deus, que horror. Quanta violência na nossa querida Natal. Deus nos proteja. #prayfornatal

  5. Jorge disse:

    Conversa …esses povo não gosta de trabalhar …inventaram essa para assistir ao jogo do Brasil

    • Carlos disse:

      A Secretaria de Tributação é uma das mais eficientes no estado, reconhecida nacionalmente pelos sucessivos recordes de arrecadação mesmo diante da crise atual. Procure se informar antes de falar abobrinhas.

  6. George disse:

    Deve ter vindo desse perfeito filho de uma puta…sendo Alves pode esperar!

    • Everaldo disse:

      George, vc está um pouco equivocado, primeiro, a Secretaria de Tributação é estadual e não municipal como você menciona. Segundo, se fosse municipal seria o Prefeito e não perfeito!