VÍDEO: Interior do RN tem previsão de chuvas intensas com possibilidade de raios

O serviço de acompanhamento meteorológico da Clima Tempo prevê para os próximos cinco dias um volume de chuvas acima de 100 milímetros para o interior do Rio Grande do Norte.

Pelas imagens do satélite, praticamente todas as regiões têm previsão de chuva.

De acordo com o serviço, a presença da ZCIT – Zona de Convergência Intertropical – na costa norte do Brasil favorece a entrada de ar úmido pelo interior do Nordeste.

Até o domingo, 18 de fevereiro, a maioria das áreas do interior nordestino, incluindo o sertão, terá pancadas de chuva e que podem ocorrer com moderada a forte intensidade e com raios.

Leitores do blog registram já as primeiras chuvas da previsão. No vídeo abaixo, o registro de Pataxó:

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lorena Galvão disse:

    Em São Tomé já choveu 26mm, na nossa Fazenda alto do céu, e continua graças a Deus

Há 10 anos, morria Heath Ledger, o aclamado Coringa de ‘Batman: O Cavaleiro das Trevas’

Folhapress

O ator australiano Heath Ledger, morto em 22 de janeiro de 2008, aos 28 anos, em decorrência de uma overdose acidental de medicamentos prescritos, não pôde colher os frutos de seu maior papel no cinema: o Coringa de “Batman: O Cavaleiro das Trevas”, do diretor inglês Christopher Nolan.

O segundo filme da trilogia do homem-morcego [vivido por Christian Bale] estreou em 18 de julho de 2008 e contou com uma perturbadora performance de Ledger na pele do vilão, o que lhe rendeu o Oscar póstumo de melhor ator coadjuvante.

“Ele se trancou num quarto de hotel por semanas e mergulhou no personagem. Isso era típico de Heath. Mas dessa vez ele foi longe demais. Ele ficou completamente imerso, no nível mais profundo”, contou Kim Ledger, pai do ator, em 2013, para um documentário alemão chamado “Jovem Demais para Morrer”.

Na ocasião, Kim revelara um diário do filho com anotações, recortes de quadrinhos, fotos de palhaços, cartas de baralho e desenhos usados no estudo para interpretar o Coringa. No final do caderno, Ledger anexara uma foto sua caracterizado como o palhaço pela primeira vez, para um teste de figurino, com os dizeres “bye, bye”.

Para o pai, o personagem mexeu com o emocional do ator. O próprio chegou a declarar em entrevista à “Empire Magazine”, pouco antes de sua morte, o que sentiu ao estar na pele do vilão. “Tive um pouco de medo […] Acabei entrando na esfera de um psicopata, alguém com muito pouca consciência a respeito de seus próprios atos. Ele é um palhaço assassino, sociopata e totalmente sangue-frio”, contou.

Migração de deputados pode mudar tempo de propaganda eleitoral na TV

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu hoje (16) que vai analisar os casos de parlamentares que mudaram de partido após a eleição de 2010. A questão poderá ter impacto no tempo que 11 candidatos à presidência da República terão no horário eleitoral no rádio e na televisão, que começa no dia 19 de agosto. A decisão foi tomada após uma audiência pública no tribunal com a presença de representantes dos partidos para debater a minuta de resolução sobre a distribuição do tempo entre as coligações.

De acordo com o presidente do TSE, Dias Toffoli, o tempo de cada coligação no horário eleitoral, já dividido pelo tribunal, poderá sofrer alterações. A decisão deve sair em agosto. “[Os tempos] podem sofrer algumas alterações em razão de informações sobre a bancada de cada partido que está tendo na Câmara dos Deputados, em relação aos eleitos e aos novos partidos criados”, disse Toffoli.

Em 2012, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que os partidos recém-criados têm direito a mais tempo de propaganda eleitoral, em rádio e TV, se conseguirem atrair deputados federais de outras legendas. O entendimento deve ser levado em conta na análise pelo TSE.

Nas eleições gerais de outubro, o PSD e o Solidariedade (SDD) vão eleger deputados federais pela primeira vez.

De acordo com a proposta do TSE, a coligação Com a Força do Povo, da candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT), terá 11 minutos e 48 segundos. A coligação Muda Brasil, do candidato Aécio Neves (PSDB), ficou com quatro minutos e 31 segundos. Eduardo Campos (PSB), da Coligação Unidos pelo Brasil, terá um minuto e 49 segundos.

O restante do tempo no rádio e na TV ficou dividido entre o PSC, do Pastor Everaldo (um minuto e oito segundos); PV, de Eduardo Jorge (um minuto e um segundo); Psol, da candidata Luciana Genro (51 segundos), e Eymael, do PSDC (47 segundos). Os candidatos Levy Fidelix (PRTB), Zé Maria (PSTU), Mauro Iasi (PCB) e Rui Costa Pimenta (PCO) terão 45 segundos para expor suas ideias.

O bloco de 20 minutos que será destinado aos que disputam a presidência da República foi dividido de acordo com o número de partidos e coligações que registraram candidaturas ao cargo e suas representações na Câmara dos Deputados.

O TSE definirá a primeira ordem de exibição dos programas em sorteio no dia 5 de agosto. Nos programas seguintes, a ordem seguirá o critério de rodízio. Caso a disputa vá para segundo turno, o bloco de 20 minutos será dividido de forma igualitária entre as coligações.

Fonte: Congresso em Foco

Fenômenos presentes no Nordeste: Emparn prevê pancadas de chuvas em todo o Estado

Segundo a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte(Emparn), o Vortice Ciclônico de Ar Superior associado a  Zona de Convergência Intertropical presentes sobre o Nordeste deixarão o  céu  sobre o  Estado parcialmente nublado a claro e ocorrência de pancadas de chuvas em todo o Estado, principalmente nas regiões Oeste e Litoral Leste. Confira previsão:

Untitled-1

Marina é contra ampliação de aliança para ganhar tempo de TV

Marina Silva não admite a celebração de alianças partidárias a qualquer preço. “Não pode ser o tempo de televisão que vai nos aprisionar a uma lógica política que não nos dá a chance de mudar”, disse ela em entrevista ao blog. “Se for para ganhar para continuar refém da velha República, para governar tendo que distribuir pedaços do Estado, preso em uma lógica que não coloca em primeiro lugar os interesses estratégicos do país, então, não precisa ganhar. Isso já tem quem está fazendo.”

O vídeo acima contém um trecho da conversa que Marina teve com o repórter no final da manhã desta terça-feira (8). A totalidade da entrevista será veiculada logo mais, aqui mesmo no UOL. Nesse extrato, o repórter recordou a Marina que o PSB já abriu negociações com legendas como o PDT de Carlos Lupi e o PTB de Roberto Jefferson. A nova parceira de Eduardo Campos levou o pé atrás.

“Uma coisa era o Eduardo com todas as dificuldades, em uma lógica que eu desconheço, porque não estava convivendo com ela, viabilizando sua candidatura. Outra coisa foi o movimento que ele fez na direção de buscar aprofundar em primeiro lugar o compromisso programático. Isso com certeza é o grande desafio que está colocado para o PSB.”

Para Marina, o acordo firmado com a Rede no último sábado (5) inaugurou no PSB uma nova fase. Ela diz depreender das manifestações de Eduardo Campos que “todo o processo anterior agora não terá mais a mesma continuidade, que agora tem um outro fato político, uma inflexão que terá que ser metabilizada dentro do PSB.”

Marina recorda 2010: “Eu, com 1 minuto e 20 segundos de televisão, tive 19% dos votos.” E acentua: “Não pode ser o minuto de televisão, 30 segundos de televisão, que faz com que a gente jogue o futuro da nação nas mãos daqueles que não entendem a lógica de que o governar juntos não pode ser feito em base no toma-lá-dá-cá.”

Como que decidida a deixar bem claro que prefere perder a subverter os seus valores, Marina repete uma frase que pronunciou à exaustão na sucessão passada: “Eu dizia na campanha de 2010 que eu preferia perder ganhando do que ganhar perdendo. E eu continuo com o mesmo ponto de vista. É preferível perder ganhando do que ganhar perdendo.”

Josias de Souza UOL

Emparn prevê céu nublado nesta sexta; confira clima em Natal e outras cidades

A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) prevê para esta sexta-feira (20), em Natal e região, céu parcialmente nublado a claro, com algumas pancadas de chuvas fracas e isoladas, principalmente, pela manhã, sobre o setor leste do Estado. Nas demais regiões predominará a condição de céu parcialmente nublado a claro. Confira previsão:

Untitled-1

Confira previsão do tempo em Natal até o domingo de dia das mães

Confira a previsão do tempo para Natal nesta quarta-feira(8) até domingo(12), dia das mães:

08/05 (Quarta-feira)
Chuvas Rápidas

31°C | 24ºC

Nascer do sol: 05h23m
Pôr-do-sol: 17h11m
Chuvas Rápidas

09/05 (Quinta-feira)
Pancadas

31°C | 24ºC

Nascer do sol: 05h23m
Pôr-do-sol: 17h10m
Pancadas

10/05 (Sexta-feira)
Poucas Nuvens

31°C | 24ºC

Nascer do sol: 05h23m
Pôr-do-sol: 17h10m
Poucas Nuvens

11/05 (Sábado)
Poucas Nuvens

30°C | 23ºC

Nascer do sol: 05h23m
Pôr-do-sol: 17h10

Poucas Nuvens

12/05 (Domingo)
Pancadas

30°C | 23ºC

Nascer do sol: 05h23m
Pôr-do-sol: 17h10m

Fonte: Folha

Evitar sexo é a melhor maneira de preservar relacionamento

É o que diz universidade americana. Em pesquisa com 600 casais, as mulheres que negaram contato físico por mais de seis meses manifestaram maior satisfação com o companheiro. Ah essas pesquisas…

 

Satisfação sexual precoce. Pressa atrapalhar o desenvolvimento de outros ingredientes necessários a um bom relacionamento.Foto: Divulgação

 

Um estudo da Universidade de Cornell, nos Estados Unidos, afirma que evitar o sexo por alguns meses é a melhor maneira de manter um novo relacionamento. A pesquisa foi realizada com 600 casais. Todas as mulheres tinham menos de 45 anos. Um terço teve sexo no primeiro mês e 28% esperou mais de seis meses.

As mulheres que evitaram a relação por mais tempo relataram níveis mais elevados de satisfação com o relacionamento. O prazer com o sexo também superou o das parceiras de estudo. Quanto aos homens, a tendência foi constante, mas com uma desequilíbrio não tão grande.

Os pesquisadores acreditam que a diferença entre os gêneros se deve a uma suposta maior sensibilidade das mulheres quanto aos relacionamentos. Ainda segundo os autores do estudo, satisfação sexual precoce pode atrapalhar o desenvolvimento de outros ingredientes como comprometimento, carinho e compreensão. “O namoro é um tempo para exploração e tomada de decisão sobre o relacionamento. É quando os parceiros avaliam a compatibilidade, assumem compromissos e buscam a intimidade física e emocional”, conclui o trabalho.

O Globo

Emparn alerta para ventos fortes e agitação no mar

O setor de Meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) alerta a população para os ventos fortes e agitação no mar, além da predominância de céu parcialmente nublado a claro em todas as regiões do Estado, durante o final de semana.

O vento e a umidade favorecerão para a ocorrência de pancadas de chuvas ao longo da faixa litorânea leste durante o período da noite e início da manhã de sábado e domingo. O vento continuará apresentando fortes rajadas no período da tarde, provocando agitação no mar, principalmente no litoral sul.

Dias com chuvas finas devem continuar até próxima quarta (15)

Hoje pela manhã não foi nada fácil acordar para alguns natalenses por causa do tempo frio e com chuvas finas bastante propício para o cochilo a mais. Mas quem tem que estar no batente todos os dias deve ir se preparando porque esse tempo deve continuar até a próxima quarta-feira (15). A informação é da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn).

De acordo com a Emparn, a atuação do vento e da umidade proveniente do oceano manterá a condição de céu parcialmente nublado com ocorrência de pancadas de chuvas sobre a faixa litorânea leste do Estado, até quarta-feira (15). No interior, predomina a condição de céu parcialmente nublado a claro.

De acordo com a previsão da meteorologia da Emparn, são as últimas chuvas do litoral-agreste neste período. A extensão da região chuvosa no Nordeste vai do nortedo Rio Grande do Norte até o recôncavo baiano.

A reunião dos meteorologistas para as primeiras previsões para o ano de 2013, ainda não tem data para ser realizada.

Sábado e domingo podem ser de sol, afirma meteorologia

Dizem que depois da tempestade, vem a bonança. E depois de começar uma sexta-feira 13, com muita chuva, a previsão do tempo aponta que o sábado e o domingo podem ser de sol em Natal.

Mas por enquanto, é preciso sair com o guarda-chuva. A previsão é de temporal para o dia todo, incluindo a noite.

E a chuva que começou ontem a noite, já causou vários transtornos na cidade. A avenida Mário Câmara (avenida 6) teve um trecho interditado.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Henrique E Araujo disse:

    Se Deus quiser bruno!

STF decide que PSD terá tempo proporcional a atual bancada

O PSD terá direito a um tempo maior na propaganda eleitoral no rádio e na televisão. Foi o que decidiu a maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) em julgamento realizado nesta quinta-feira (30) e cujo resultado será anunciado na sexta-feira, com a proclamação do voto da ministra Cármen Lúcia, que esteve ausente hoje. A decisão favorável dá força ao partido do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, para pleitar a vice do candidato tucano José Serra, entre outras reivindicações da sigla nas alianças pelo País.

Seis ministros acompanharam o voto do relator, José Antonio Dias Toffoli, favorável ao partido (Luiz Fux, Rosa Weber, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Celso de Mello e Ayres Britto) e outros dois (Cezar Peluso e Marco Aurélio Mello), na prática, também deram votos pró-PSD, embora não pelo princípio já vigente. O placar, portanto, foi de 7 a 1 em favor do PSD, com outros dois votos favoráveis e com ressalvas.

Após ser advertido pela ministra Cármen Lúcia sobre a prolixidade de seu voto na última quarta-feira, o ministro relator Dias Toffoli afirmou, na retomada do julgamento sobre o PSD, ser a favor da divisão do tempo de rádio e TV para o partido. O STF julga uma ação direta de inconstitucionalidade (ADI) impetrada pelo DEM contra a divisão do tempo de rádio e TV para o partido do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, com base em sua atual bancada na tarde desta quinta-feira. Os ministros Luiz Fux, Rosa Webber, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes e Celso de Mello também votaram com o relator. “Não tenho qualquer dúvida de que a resposta das urnas, a expressão da soberania popular, com todos os seus conceituareis, deve ser preservada quando as movimentações partidárias são legítimas”, afirmou Lewandowski.

Na sequência, o ministro Cezar Peluso foi contundente e não somente fez questão de incluir o PSD como acha que o horário eleitoral deve ser dividido de forma igual a todos os partidos políticos, sem distinção de bancada. O ministro Marco Aurélio Mello também votou com base no raciocínio de Peluso. “Ninguém raciocina com a exclusão de um partido, considerado o fato de tendo candidato não possuir, na casa legislativa, ou em uma das casas, representação. Essa exigência, ao meu ver, contraria o objetivo da própria propaganda eleitoral que é difundir o perfil do candidato”, disse Peluso.

Toffoli, relator da Adin, afirmou que, no momento em que se cria uma nova legenda, um deputado eleito por outro partido tem direito a migrar também os direitos análogos ao mandato. “Na hipótese de criação de novo partido, a nova legenda leva a representatividade dos deputados federais que migraram para ela diretamente pelos partidos pelos quais haviam sido eleitos. Destaca-se que não se fala apenas em liberdade abstrata de criação”, afirmou o ministro.

O ministro afirmou também que, apesar de não ter uma lei específica, as regras relacionadas à migração de parlamentares para novos partidos devem ser semelhantes à fusão e à incorporação de partidos. “Quando há a fusão ou incorporação, leva-se o parlamentar aquela representatividade da época da eleição”, ressaltou. “Se o parlamentar resolve participar de criação de nova legenda, não há o que se falar em infidelidade partidária”, pontuou. Entretanto, Dias Toffoli ressaltou que a regra vale apenas para parlamentares que migraram diretamente para o PSD durante a sua criação.

O único voto contrário ao PSD foi do ministro Joaquim Barbosa. Ele alegou que não cabe ao Supremo, por meio de ação direta de inconstitucionalidade, se pronunciar sobre “problemas do dia-a-dia”. Ele ainda disse que uma interpretação do Supremo sobre um caso concreto “pode se revelar trágica”. “Ela (a ação) visa visivelmente a resolver um problema pontual de certas agremiações. ADI não se presta a esse tipo de jurisdição. Mesmo que tenha sido proposta. É para isso que serve uma ADI? Nós estamos pisando em espinhos”, disse Barbosa.

A forma como será aplicada a nova regra ainda não foi definida. Existem duas possibilidades. A primeira é a expedição de um documento ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para que a Justiça Eleitoral determine como ocorrerá a nova divisão. Na segunda alternativa, a aplicação da regra caberia diretamente aos juízes eleitorais.

Hoje, pela legislação, um terço do tempo de rádio e TV é destinado de forma igual a todos os partidos. Os demais, eram repartidos com base no número de deputados federais eleitos. Agora, essa divisão toma como base a bancada de cada partido em caso de criação de novas legendas.

A decisão, no entanto, ainda não atingiu a divisão do fundo partidário também questionada pelo PSD. Isso deverá ser alvo de decisão do Tribunal Superior Eleitoral. Hoje, 95% do fundo partidário é repartido entre as legendas com representação na Câmara. O restante, de forma igual entre todas as legendas.

No último dia 24 de abril, um pedido de vista do ministro José Antônio Dias Toffoli havia suspendido a sessão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que analisava o caso. Na primeira parte do julgamento, além da manifestação do relator, o PSD contou com o voto favorável do ministro Marco Aurélio Mello, enquanto Arnaldo Versiani deu parecer contrário. Após muita espera, o caso parou no STF.

Fonte: Portal iG