Decreto do Governo autoriza prorrogação do calendário de pagamento do IPVA 2020 no RN

Foto: Reprodução

Em decreto publicado nesta quarta-feira (29), a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), autorizou a Secretaria de Tributação (SET) a prorrogar o calendário de pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) 2020. Um novo calendário ainda não foi divulgado pela pasta. Leia íntegra AQUI.

Detalhes do decreto foram publicados na edição Diário Oficial do Estado desta quarta-feira(29) abaixo:

DECRETO Nº 29.873, DE 28 DE JULHO DE 2020.

Autoriza a Secretaria de Estado da Tributação (SET) a modificar o calendário de pagamento do IPVA referente ao exercício de 2020, de veículos nacionais ou nacionalizados usados, previsto no art. 11, II, do Regulamento do IPVA, aprovado pelo Decreto Estadual nº 18.773, de 15 de dezembro de 2005.

A GOVERNADORA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE, no uso das atribuições que lhe confere o art. 64, V e VII, da Constituição Estadual,

Considerando as dificuldades enfrentadas pelos norte-rio-grandenses em decorrência do estado de calamidade pública decorrente da pandemia do novo coronavírus (COVID-19), declarado por meio do Decreto Estadual nº 29.534, de 19 de março de 2020, e do Decreto Estadual nº 29.630, de 22 de abril de 2020;

Considerando o objetivo do Poder Executivo Estadual em conferir condições mais favoráveis para o contribuinte cumprir com suas obrigações tributárias,

D E C R E T A:

Art. 1º Fica a Secretaria de Estado da Tributação (SET) autorizada a modificar, mediante a edição de portaria, o calendário de pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) referente ao exercício de 2020, de veículos nacionais ou nacionalizados usados, previsto no inciso II do art. 11 do Regulamento do IPVA, aprovado pelo Decreto Estadual nº 18.773, de 15 de dezembro de 2005, para fins de prorrogação dos prazos relativos ao recolhimento do imposto.

§ 1º A prorrogação de que trata o caput aplicar-se-á ao saldo remanescente do IPVA em curso, não conferindo qualquer direito a restituição ou compensação das importâncias já pagas.

§ 2º Para fins de renovação de licenciamento dos veículos referidos no caput deste artigo, observar-se-ão as disposições contidas em legislação específica sobre a matéria.

Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Palácio de Despachos de Lagoa Nova, em Natal/RN, 28 de julho de 2020, 199º da Independência e 132º da República.

FÁTIMA BEZERRA
Carlos Eduardo Xavier

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Emmanoel do Nascimento Costa disse:

    Na certa a pandemia deve estar começando agora tremenda palhaçada .

  2. CARLOS MORAIS disse:

    Decreto eleitoreiro, início de campanha e quando apenas quem comprou carro novo terá IPVA a vencer.

  3. Manoel disse:

    E o recebimento do documento para quem já pagou?

    • Chico da Burra disse:

      O documento agora é digital, só baixar o app e inserir os dados do veículo, inclusive sua habilitação também. Um abraço amigo.

    • J.Dantas disse:

      E quem já pagou R$ 7,00 para o correios ir deixar o documento em casa, o governo vai mandar para o consórcio Nordeste ou vai devolver?

    • Raimundo disse:

      Parece que existe o digital, que Bolsonaro criou, mas se quiser receber em papel tem que pagar uma taxa. Só não sei quanto nem como.
      Danado que paguei a primeira e segunda com atraso e uma multa enorme, acho que bem 20%.
      Aí, agora, passou as duas últimas para novembro e dezembro.
      Danado é ficar o resto do ano com documento velho…

Governo do Estado adianta pagamento de julho nesta quarta

O Governo do Estado inicia o pagamento salarial dos servidores do mês de julho nesta quarta-feira (15), “apesar das sucessivas quedas de arrecadação, seja por diminuição dos repasses federais, seja decorrente dos efeitos da pandemia na economia”. Um adiantamento de salário com depósito de mais de R$ 234 milhões.

O salário integral amanhece na conta aos servidores ativos, inativos e pensionistas que recebem até R$ 4 mil (valor bruto) e ainda 30% para quem recebe acima desse valor. A categoria da Segurança Pública também recebe o valor integral, independentemente da faixa salarial.

Os 70% restantes para quem recebe acima de R$ 4 mil, além do salário integral dos servidores lotados em órgãos com recursos próprios, serão depositados dia 31, ainda dentro do mês trabalhado. Dessa forma, o Governo quita mais uma folha e mantém o calendário de pagamento acordado no início do ano.

“Apesar de a economia dar sinais de lenta recuperação a queda de receita em junho ainda foi alta. Mas mantemos o compromisso com o pagamento salarial dos servidores e os investimentos em saúde para enfrentamento da pandemia”, destacou o secretário estadual de Planejamento e das Finanças, Aldemir Freire.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. JOSE ARIMATEIA disse:

    Ainda bem que o Supremo vai fazer a senhora desgovernadora do estado a pagar com juros e correção.

  2. Pereira disse:

    Melhor governadora da história do RN!! Parabéns Fátima!!

    • M.D.R. disse:

      Nunca ! A GOVERNADORA FÁTIMA DO PT, é responsável pela desigualdade SOCIAL e injustiça SOCIAL. Comparando é que se sabe: veja a REFORMA DA PREVIDÊNCIA DE BOLSONARO e veja de FATÃO , empobrecer o funcionalismo na pior condições financeiras.

    • Fábio disse:

      Estás bêbado?

  3. Santos disse:

    Não entendo pq o governador anterior atrasou tanto os salários do servidores do RN, salvo engano, não repassou os consignados aos bancos e etc…
    A governadora e sua equipe dando show de administração e respeito aos servidores do RN.

  4. Fé em Deus disse:

    O único salário que tá sendo adiantado é o dela e dos cargos comissionados, O ex Governador Robson Farias pagava todo o dia 05, Quando o Governo do PT assumiu passou do dia 05 para o dia 15 e fora o Deputado Cel Azevedo Ninguém questionou o aumento de mais 10 dias de atraso no pagamento dos salários, Nas proximas eleições vamos votar com responsabilidade.

    • helien disse:

      ela paga é adiantado não é com atraso de 10 dias não, vc está muito desinformado e sr Robinson nem sempre pagava dia 5,as vzs era 5,6,7 8,… não tinha um calendário certo

  5. Carla Simone Lopes Araújo disse:

    Não existe adiantamento de salário atrasa. Tem duas folhas em atraso além disso os mais de 500 milhões que o estado está recebendo é justamente para diminuir os efeitos da frustração de receita devido à pandemia. Vamos falar a verdade.

  6. Mgil disse:

    Obrigado ao governador Bolsonaro.

  7. Silva disse:

    Como assim adianta ? Ainda não recebi dois salários de 2018 !

  8. Luciana Morais Gama disse:

    Isso são recursos que o governo Bolsonaro mandou pra saúde pública (Covid-19). Só hoje veio 350 milhões pra o RN.

  9. Luciano disse:

    Se não fossem os 15 bilhões que Bolsonaro mandou hj pra estados e municípios ela não estaria pagando o mês de maio, mas isso ela não vai dizer nem agradecer ao presidente.

  10. Luciano disse:

    Se não fosse os 15 bilhões que Bolsonaro mandou hj pra estados e municípios ela não estaria pagando o mês de maio, mas isso ela não vai dizer nem agradecer ao presidente.

    • M.D.R. disse:

      GOVERDORA, TRAIDORA passou 40 anos mentindo que jamais tiraria os direitos dos trabalhadores . Ao assumir o GOVERNO, deu aumento os altos SALÁRIOS de 16,38% e quanto o funcionalismo há 11 anos sem REPOSIÇÃO salarial , quanto os PROFESSORES o aumento empurrou para 2021 e a PREVIDÊNCIA é outro massacre para o pequeno. O que significa isto! "DESIGUALDADE SOCIAL E INJUSTIÇA SOCIAL " VIVA O PT…..

  11. Araújo disse:

    Adiantou como se a data era dia 15 ou eu não entendi a reportagem do governo do estado.pela tabela de pagamento do estado tá pra dia 15

  12. Francisco S J Filho disse:

    O "adiantamento" da folha de dezembro e o 13º de 2018, será feito quando?

  13. RCMelo disse:

    Salário de Maio, 2 (dois/two/II) Salários atrasados, Dez e 13° de 2018, quem é servidor não tem como esquecer a falta de comida na mesa.
    Aí papai !

    • Nildo disse:

      Vc deve ser uma pessoa sem sentido ou gosto de debochar faltando comida na mesa? morreu alguém de fome?

    • RCMelo disse:

      Faltou sim, vc não sabe o que passam os servidores do "baixo clero" que ganha 1 salário e meio, pois são muitos. E tiveram que contrair empréstimo consignado para honrar seus compromissos.

  14. Chico 100 disse:

    Dali Fátima. O melhor governo que o RN já viu

Bolsonaro sanciona lei que suspende pagamento do Fies até o fim do ano

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta sexta-feira(10) uma lei que suspende o pagamento do Fies até o fim do ano, em razão da pandemia.

O presidente vetou apenas um trecho da lei aprovada pelo Congresso, que tirava do Comitê Gestor do Fies a competência de definir os cursos aptos ao financiamento complementar do Novo Fies.

Os ministério da Educação e da Economia argumentaram que o trecho estaria em “descompasso com as atuais diretrizes delineadas para o Novo Fies, além de estimular o inadimplemento dos beneficiários do programa”.

A sanção à lei contraria pedido de veto feito pela Secretaria de Orçamento do Ministério da Economia.

Em nota técnica, a equipe de Paulo Guedes disse não ser contra a suspensão dos pagamentos, mas que o projeto aprovado pelo Congresso era inconstitucional, porque cria renúncia fiscal sem dizer de onde vai sair o dinheiro para cobri-la.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Roberto disse:

    Que essas eleições venham logo. Enquanto eu me governar como dizia meu pai. Não votarei na esquerda podre dessa país.

ABSURDO: Unidade básica de saúde de Mossoró é fechada por falta de pagamento de aluguéis, destaca reportagem

Foto: Sara Cardoso/Inter TV Costa Branca

O portal G1-RN destaca nesta quinta-feira(09) que uma Unidade Básica de Saúde de Mossoró, no Oeste potiguar, amanheceu fechada. O portão do imóvel do prédio foi trancado com um cadeado pelo dono do imóvel, na noite desta quarta (8), por causa de uma dívida acumulada de 18 meses de aluguel. A unidade é a UBS Dr. Antônio Soares Júnior, que fica no bairro Bom Jesus. No início de junho, a família do proprietário do imóvel já tinha deixado um aviso no local informando que havia solicitado a devolução do prédio, por falta de pagamento.

 

Em nota, a Prefeitura de Mossoró afirmou que está concluindo o trâmite burocrático para finalizar o pagamento e negociar com o proprietário a reabertura da unidade.  Veja mais detalhes aqui em reportagem na íntegra.

TCU aponta indícios de pagamento de auxílio emergencial indevido a mais de 230 mil empresários

Fila na agência da Caixa Econômica Federal da Rua Siqueira Campos, em Copacabana. Foto: Márcia Foletto / Agência O Globo

O Tribunal de Contas da União (TCU) identificou 235.572 empresários com indícios de serem sócios ou responsáveis por empresas e que receberam o auxílio emergencial de R$ 600 do governo federal. Eles fazem parte de um grupo de 620.299 pessoas suspeitas de recebimento indevido.

Para levantar as supostas irregularidades, o TCU fez cruzamentos de dados com a folha de pagamento do auxílio emergencial de abril de 2020. O órgão de controle verificou fragilidade nas informações e nos critérios adotados pelo governo para a concessão do benefício.

Diante deste quadro, o TCU determinou ao Ministério da Cidadania que, no prazo de 15 dias, indique os controles a serem implementados para reduzir os indícios de inconsistências identificadas nas análises sobre os beneficiários nas folhas de pagamento do auxílio emergencial relativo à pandemia da Covid-19.

Em nota, o Ministério da Cidadania informou que a Controladoria-Geral da União (CGU) analisou 30,5 milhões de pagamentos do auxílio emergencial e encontrou inconformidades em 160 mil, o que representa 0,5% deste total.

Critérios

Para a análise do TCU, foram considerados bancos de dados como o de responsáveis e sócios de pessoas jurídicas da Receita Federal e o Cadastro Nacional de Empresas (CNE), do Ministério da Economia.

Como essas bases não identificam explicitamente quem é microempreendedor individual (MEI), foram consideradas apenas empresas com dois ou mais empregados. O MEI só pode ter um funcionário.

Ainda segundo o relatório do TCU, “o público identificado nesse cruzamento é bastante heterogêneo, podendo conter desde o pequeno empresário que está com seu comércio fechado sem a renda necessária para alimentar sua família até o grande empresário que possui as condições de se sustentar em casa durante a quarentena”.

O critério adotado pela Dataprev foi analisar as bases de dados do Imposto de Renda da Receita Federal. “No entanto, dividendos de empresas (além de outras aplicações) gozam de isenção tributária e, portanto, não contariam para o referido limite”, aponta o relatório.

Quanto ao critério de renda familiar, o relatório diz que, no caso do empresário, “a Dataprev e o Ministério da Cidadania não teriam acesso a sua renda ou a uma proxy confiável”.

O documento afirma ainda que mesmo o valor da contribuição do INSS não necessariamente reflete a renda real do contribuinte, o que dificulta a identificação desse público.

“Desta forma, poderia haver disparidade entre os critérios definidos pela lei, que, em conjunto com restrições operacionais enfrentadas pelo Ministério da Cidadania, não possibilitariam a focalização razoável do auxílio ao considerarmos o público contribuinte individual do INSS”, informa o relatório.

O documento cita como exemplo dessa fragilidade “os casos de empresários conhecidos que, conforme amplamente noticiado, tiveram os pedidos de auxílio emergencial aprovados”.

Punição

O Ministério da Cidadania informou ainda que, aqueles que, por algum motivo, estão tentando burlar a legislação que rege o auxílio emergencial estão sujeitos às penalidades descritas no art. 4º, da Portaria 351, de 7 de abril de 2020, e serão obrigados a ressarcir os valores recebidos de forma indevida.

Segundo a pasta, quando alguma irregularidade é confirmada, a Polícia Federal (PF) é comunicada. O ministério afirma que a CGU e a Advocacia-Geral da União (AGU) também estão atuando na fiscalização e no ajuizamento de ações.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lopes disse:

    São iguais às classes "inferiores"que estes discriminam tanto.Coisa de pilantra.

  2. Cigano Lulu disse:

    Com máscara e chapéu, então, empresário nem precisa de disfarce, é atendido sem demora na fila vip.

  3. paulo disse:

    BG
    Isto tem dois nome CRETINICE E CRIME.

Governo do RN conclui pagamento de junho nesta terça-feira

Foto: Ilustrativa

O Governo do RN conclui o pagamento salarial do mês de junho nesta terça-feira (30). Serão mais de R$ 170,2 milhões depositados na economia potiguar. O valor é referente aos 70% restantes para quem recebe acima de R$ 4 mil e o salário integral dos servidores lotados em pastas com recursos próprios. Receberão, ao longo do dia, ativos, inativos e pensionistas.

Com esta segunda parcela, o Governo do Estado mantém o compromisso de pagar o salário dentro do mês trabalhado, apesar do agravamento da crise financeira. No último dia 13 foram depositados R$ 240 milhões como salário integral aos servidores que recebem até R$ 4 mil e à categoria da Segurança Pública, além de 30% ao funcionalismo que recebe acima desse valor.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Vanessa Marinho disse:

    O governo cobre um santo e descobre outro, quando não tinha Covid não faltava medicamentos na UNICATE, É de chorar vendo aquele povo todo voltando para casa sem os medicamentos essenciais para seus tratamentos. Mas se escapar da COVID morre por falta de medicamentos. Abre essa pauta BG.

  2. Thiago disse:

    Bg ate agora só qiem não recebeu foi lado mais fraco os velhios aposentados e pensionistas agora os comissionados do PT receberam logo cedo

  3. Luciana Morais Gama disse:

    Interessante, antes da pandemia só pagava nas últimas, agora sem o comércio e indústria, o governo mudou. Será que esse dinheiro não é o que Bolsonaro mandou para o
    Covid?? Não dá pra entender essa matemática.

PIS-Pasep 2020-2021: pagamento do abono salarial começa nesta terça; veja calendário

Foto: Divulgação/ Reprodução

O abono salarial PIS-Pasep 2020-2021 começa a ser pago nesta terça-feira (30) para os trabalhadores com direito ao benefício que forem correntistas da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil. Nesse caso, o dinheiro será creditado diretamente em conta.

Para os demais trabalhadores, os saques serão liberados a partir de 16 de julho. O calendário de saques se estenderá até 30 de junho de 2021 (veja os calendários mais abaixo).

Abono 2019/2020

Segundo o Ministério da Economia, quem não sacou o abono anterior, do calendário 2019/2020, ainda pode fazer isso. Para os correntistas da Caixa e do BB que não sacaram o benefício passado, também será feito crédito em conta a partir de 30 de junho – e os demais trabalhadores poderão fazer o saque a partir de 16 de julho.

Calendário de pagamentos

O calendário de recebimento leva em consideração o mês de nascimento, para trabalhadores da iniciativa privada, e o número final da inscrição, para servidores públicos. O PIS é destinado aos trabalhadores do setor privado e é pago na Caixa Econômica Federal. O Pasep é pago para servidores públicos por meio do Banco do Brasil.

Quem nasceu nos meses de julho a dezembro ou tem número final de inscrição entre 0 e 4 receberá o benefício ainda no ano de 2020. Já os nascidos entre janeiro e junho e com número de inscrição entre 5 e 9 receberão no primeiro semestre de 2021. Em qualquer situação, o recurso ficará à disposição do trabalhador até 30 de junho de 2021, prazo final para o recebimento.

O valor do abono varia de R$ 88 a R$ 1.045, dependendo do período trabalhado formalmente em 2019.

Calendário de pagamento do PIS

Calendário de pagamento do PIS — Foto: Reprodução

Calendário de pagamento do Pasep

Calendário de pagamento do Pasep — Foto: Reprodução/D.O.U.

Qual o valor e quem tem direito?

O valor do abono pode chegar a 1 salário mínimo (R$ 1.045) e é associado ao número de meses trabalhados no exercício anterior. Portanto, quem trabalhou um mês no ano-base 2019 receberá 1/12 do salário mínimo. Quem trabalhou 2 meses receberá 2/12 e assim por diante. Só receberá o valor total quem trabalhou o ano-base 2019 completo.

Tem direito ao abono salarial quem recebeu, em média, até dois salários mínimos mensais com carteira assinada e exerceu atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias em 2019. É preciso ainda estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

Dados atrasados

Para os trabalhadores que tiverem os dados declarados na Rais 2019 fora do prazo, mas até 30 de setembro de 2020, o pagamento do benefício estará disponível a partir de 4 de novembro de 2020, conforme o calendário de pagamento. Quem tiver a regularização encaminhada pelos empregadores após 30 de setembro e até 12 de jnho de 2021, só vai receber no calendário do próximo ano.

Para saber se tem direito e como sacar

Para sacar o abono do PIS, o trabalhador que possuir Cartão do Cidadão e senha cadastrada pode se dirigir aos terminais de autoatendimento da Caixa ou a uma casa lotérica. Se não tiver o Cartão do Cidadão, pode receber o valor em qualquer agência da Caixa, mediante apresentação de documento de identificação.

Informações sobre o PIS também podem ser obtidas pelo telefone 0800-726-02-07 da Caixa. O trabalhador pode fazer uma consulta ainda no site www.caixa.gov.br/PIS, em Consultar Pagamento. Para isso, é preciso ter o número do NIS (PIS/Pasep) em mãos.

Os servidores públicos que têm direito ao Pasep precisam verificar se houve depósito em conta. Caso isso não tenha ocorrido, precisam procurar uma agência do Banco do Brasil e apresentar um documento de identificação. Mais informações sobre o Pasep podem ser obtidas pelo telefone 0800-729 00 01, do Banco do Brasil.

G1

 

Prefeitura de Parnamirim efetua pagamento dos servidores na terça-feira(30)

Foto: Ilustrativa

A Prefeitura de Parnamirim, através da Secretaria de Administração e de Recursos Humanos (Searh), deve efetuar na próxima terça-feira (30) o pagamento referente ao mês de junho dos 6.058 servidores públicos municipais.

O crédito em dia dos subsídios tem sido uma prioridade, mesmo em época de pandemia, tendo como base o cumprimento do calendário de pagamentos dos servidores 2020.

De acordo com a Searh, a cifra referente ao pagamento do mês de junho mais encargos representa a soma de R$ 25.368.473,51.

Prefeitura de São Gonçalo do Amarante autoriza pagamento de adicional de insalubridade a servidores de saúde durante pandemia

O prefeito de São Gonçalo do Amarante/RN, Paulo Emídio, autorizou o pagamento de adicional de insalubridade, no percentual de 40%, para os profissionais de saúde que estão atuando diretamente na linha de frente no combate à Covid-19. O decreto foi publicado nesta terça-feira (23) no Jornal Oficial do Município (JOM).

O texto ainda dispõe sobre o pagamento de 20% do adicional de insalubridade para todos os servidores que trabalham na área administrativa das unidades de saúde do município. O decreto tem validade de 90 dias, podendo ser estendido por mais 90.

TCE notifica Governo do RN para esclarecer pagamento de R$ 4,9 milhões para compra de respiradores via Consórcio Nordeste

Foto: Divulgação

O conselheiro Gilberto Jales determinou a notificação da Secretaria Estadual de Saúde para que sejam enviadas informações acerca da transferência de recursos do Estado para a aquisição de respiradores mecânicos junto ao Consórcio Nordeste. O prazo para que a Sesap envie os esclarecimentos vai até o dia 22 de junho. Foram transferidos R$ 4,9 milhões para o recebimento de 30 respiradores.

A determinação segue relatório de acompanhamento produzido pela equipe técnica da Diretoria de Administração Indireta. De acordo com o relatório, o Estado deve explicar quais as medidas tomadas para reaver os recursos públicos transferidos; se há ação judicial em curso para tentar o ressarcimento dos cofres públicos; por quais motivos os valores relativos à participação do RN no Consórcio foram transferidos antes da assinatura do contrato de rateio; e por qual razão houve uma mudança na dotação orçamentária responsável pela quitação do rateio que coube ao RN.

Matéria completa aqui no Justiça Potiguar.

Governo do RN adota medidas para facilitar o pagamento dos débitos de gás natural para o setor do turismo

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio da Companhia Potiguar de Gás (Potigás) e a Secretaria de Estado do Turismo, Setur/RN, adotou o parcelamento das faturas de gás natural canalizado para os clientes do segmento comercial, inclusive dos setores de restaurantes e hotelaria, nos mesmos moldes do que vem sendo realizado junto ao segmento industrial, favorecendo a retomada econômica do Rio Grande do Norte em meio à crise provocada pela pandemia da Covid-19.

Com a medida os usuários podem realizar o parcelamento das faturas que venceram nos meses de março, abril e maio de 2020, com a excepcional dispensa de juros e multa de atraso em até seis parcelas, sem qualquer acréscimo.

A Potigás também foi impactada pela pandemia com a diminuição de 60% do volume de gás natural canalizado distribuído no estado, o que também comprometeu a saúde financeira da empresa. E por reconhecer a importância das indústrias e comércios para a economia do Rio Grande do Norte, vem trabalhando pela manutenção dessas empresas em solo potiguar.

“Analisamos vários cenários e estudamos possibilidades para que pudéssemos conceder o benefício do parcelamento para os nossos clientes. Mantemos o diálogo aberto com todos e estamos confiantes de que essa crise vai passar e logo retornaremos ao ritmo normal e a consequente recuperação da nossa economia”, afirmou Larissa Dantas, diretora presidente da Potigás.

“Sabemos que a cadeia produtiva do turismo é muito importante para a economia do nosso estado, esse foi um pleito da classe empresarial do trade turístico do nosso Estado, o qual realizamos a sensibilização do Governo e acreditamos que a partir dessas medidas facilitará para a regularização das pendências. Medidas como essa ajudam os empresários a passarem por essa fase e terminam auxiliando na manutenção de empregos “, explicou a titular da pasta do turismo Aninha Costa.

Para solicitar o parcelamento das faturas, os interessados devem enviar mensagem para o setor financeiro da Potigás ([email protected]) com o respectivo pleito. O parcelamento pode ser feito nessa modalidade até o dia 30 de junho.

TJ-BA antecipa pagamento das verbas de férias e benefícios referentes a 2021 para juízes

Foto: Reprodução

O Tribunal de Justiça da Bahia irá antecipar o pagamento das verbas de abono pecuniário e adicional relativas às férias do 1º e 2º período de 2021. A justificativa para o ato divulgado pela Corte nesta segunda-feira (8) foi “salvaguardar o direito dos magistrados, bem como por estar sensível à situação de diminuição de renda familiar de alguns magistrados nesse momento de crise”.

O adiantamento do pagamento se antecipa as dificuldades orçamentárias do Governo da Bahia e a “queda de arrecadação de receitas em decorrência da pandemia do coronavírus”. O ato é assinado pelo presidente do Tribunal, o desembargador Lourival Almeida Trindade e terá o pagamento dividido em 7 parcelas, sendo a primeira paga a partir de junho deste ano.

O ato será publicado no Diário Oficial nesta terça-feira (9).

Justiça Potiguar

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rogério disse:

    Kkkk
    Eu pensei que simplesmente recebiam os subsídios mais altos do pais uma media de 60mil, mas nao sabia que tinham rendas extras que perderam com a pandemia, estranho!!!
    Vivemos num circo mesmo!
    Ferias 60 dias, licença prêmio 90 dias, 20 dias de recesso e inúmeras folgas administrativas e por isso recebem plus e mais plus

  2. João Xavier disse:

    Os verdadeiro ditadores do Brasil.

  3. Fabio Alencar disse:

    Muito didático para os "Patos" enxergarem que são "Patos".

  4. Gustavo disse:

    Pobres juízes. Dá até pena desses párias.

  5. ASCORCAN -RN disse:

    Era bom antecipar até 2050..

  6. Cidadão Indignado disse:

    Isso me dá muito NOJO! Que vergonha descabida. Rapaz, isso aí é um verdadeiro TAPA na cara de cada brasileiro. Contra isso sim, deveria haver manifestação de todo o tamanho. Inescrupulosos!

  7. Toim disse:

    O STF não diz nada?

  8. Vergonha disse:

    Cadê a OAB que se mete em tudo oque não presta ??? Quero ver a opinião desses nobres defensores da lei e da ordem acham desse absurdo ?

  9. Joaquim disse:

    Isso aí é democracia

    • M.D.R. disse:

      Democracia para ELES, e os OUTROS a DITADURA DE ESQUERDA como; CORÉIA DO NORTE, CUBA e etc.

  10. Nildo disse:

    KKKKKKKKKK os coitados estão sem comida sem casa kkkkkkkkkkk eita brasil bom da porra

Prazo de pagamento da inscrição no Enem é prorrogado para o dia 10

Foto: © Fernando Frazão/Agência Brasil

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) ampliou para o dia 10 deste mês o prazo para pagamento do boleto do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020.

Os novos boletos serão disponibilizados a partir de amanhã (3). Para acessá-los, é necessário que os candidatos inscritos entrem na Página do Participante e gerem um novo documento de pagamento.

Segundo o Inep, mais de 5,7 milhões de pessoas já tiveram suas inscrições confirmadas.

A expectativa é de que cerca de 300 mil inscritos devam efetuar o pagamento para confirmar a participação no Enem 2020.

Por meio de nota, o Inep informou, ainda, que a prorrogação se deve às dificuldades decorrentes do cenário de pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Agência Brasil

Prefeitura de Parnamirim efetua pagamento referente ao mês de maio

Foto: Divulgação

A Prefeitura de Parnamirim, através da Secretaria de Administração e Recursos Humanos (SEARH), informa que creditou nesta sexta-feira (29) o pagamento dos 6.092 servidores, referente ao mês de maio de 2020.

Como forma de respeito aos trabalhos prestados pelos servidores, a administração tem priorizado os salários regularmente, mesmo diante da situação de calamidade pública. De acordo com a SEARH, O valor total da folha mais os encargos foi de R$ 26.029.701,47 neste mês.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Fernando Patrício disse:

    Parabéns ao prefeito Rosano Taveira, que mesmo com essa situação de calamidade, Honra o compromisso com os seus funcionários e com fornecedores.
    Que outros municípios venham a seguir seu exemplo de gestor!

Covid-19: Cosern lança portal de negociação para pagamento e parcelamento das contas de energia em aberto com condições especiais

A Cosern lançou nesta quinta-feira (21) um portal de negociação para pagamentos e parcelamento de débitos para clientes residenciais com mais de duas contas de energia em aberto. O portal é mais uma iniciativa da distribuidora para minimizar o impacto econômico provocado pela pandemia da COVID-19 no orçamento doméstico dos potiguares.

Batizado de “Fique em Dia Cosern”, o portal de negociação on line está disponível no site (www.cosern.com.br) e vai ficar no ar por tempo limitado. Nele o cliente tem acesso a uma série de vantagens no pagamento de faturas em aberto, tais como quitação à vista, pagamento integral no débito com o cartão virtual Caixa Elo (Auxílio Emergencial) ou parcelamento em até 12 vezes no cartão de crédito (nesses dois últimos casos por meio da Flexpag). Na negociação, são aceitos os cartões das bandeiras Master, Visa, Hiper, Elo e Amex.

Para Gilmar Mikeias, Gerente de Recuperação da Receita da Cosern, o portal de negociação on line é mais uma ferramenta digital planejada pela concessionária para estar ao lado dos clientes nesse momento delicado da economia.

“Trabalhamos de forma rápida para disponibilizar essa solução digital como forma de minimizar o impacto econômico provocado pela pandemia no orçamento doméstico”, explica Gilmar. “Com o portal, o processo de negociação ficou acessível e seguro, pois nele o cliente pode negociar seus débitos de casa, a um clique de mouse, como exige esse período de isolamento social”, finaliza.

Para utilizar os serviços do portal “Fique em Dia Cosern” e ter acesso às opções de negociação, é necessário realizar um cadastro informando o CPF e a conta contrato do cliente. Depois desse primeiro passo, é possível visualizar o débito e as condições especiais de pagamento disponíveis planejadas pelas Cosern.

O portal de negociação on line da Cosern está integrado ao processo de transformação digital pelo qual a distribuidora vem passando. Desde o dia 20 de março, a Cosern disponibiliza atendimento digital também por meio do WhatsApp (084-3215-6001). No novo canal, é possível ter acesso a mais de 50 serviços oferecidos pela Cosern de forma prática e segura.

Prefeitura de Ceará-Mirim inicia pagamento dos servidores com 11 dias de antecedência

Foto: Ilustrativa

Apesar da queda na arrecadação do município, a Prefeitura Municipal de Ceará-Mirim continua a pagar antecipadamente os salários, o que é uma excelente notícia nestes difíceis tempos de pandemia. Desta vez, está pagando com 11 dias de antecedência. Esta é a 5ª vez consecutiva, neste ano, em que os servidores de Ceará-Mirim terão dinheiro na conta antes da data pré-estabelecida.

Reforçando a importância de valorizar os servidores municipais, o prefeito Júlio César comentou que “uma das nossas prioridades são os nossos colaboradores. Entendemos a importância de cada um para o município e cabe a nós valorizar o trabalho prestado por eles. Essa antecipação só possível com muito planejamento, redução de gastos e acima de tudo, ouvindo as necessidades do povo”, destacou o prefeito.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. MENDES disse:

    A professora vai governar o RN por 08 anos e vai fazer o sucessor. Desgoverno foi do antecessor de FÁTIMA. Um tal de ROBSON que faria e não fez NADA e ainda por cima deixou 04 FOLHAS DE PAGAMENTO ATRASADA.

    • Natal disse:

      Sou aposentado e estou sem receber o meu salário de dezembro e 13° de 2018, o qual a sua governadora que vai governar até que o raio que o parta, disse que se fosse antecipada a cota dos royalties ela pagaria, mas que pelo visto era só enganação. Estou levando calote da desgovernadora. PT partido das trevas!

    • M.D.R. disse:

      Povo do RN, ñ tolera mais um desgoverno do PT, já basta de tantas TRAIÇÕES um GOVERNO que praticou desde do início da sua GESTÃO desigualdade SOCIAL e injustiça SOCIAL.

  2. Gibira disse:

    O RN tá sem Governo.

  3. Santos disse:

    BG!!
    Será que o governo do Estado não vai apresentar nada?
    Vai ficar só divulgando boletinhos da Sesap e nada mais??
    Pense num governo fraco.
    Fraco igual a caldo de biloca.
    Cadê a dinheirama do governo federal??
    Cadê o hopital de campanha??
    Tá faltando o quê pra essa DESGOVERNADORA, pedir pra sair?
    Por caridade!!!