Diversos

Manutenção da Caern na adutora do Jiqui suspenderá abastecimento em bairros de Natal na terça-feira

FOTO: ACS – CAERN

Os bairros Cidade da Esperança, Nazaré, Bom Pastor, Felipe Camarão, Lagoa Nova, Cidade Nova, Candelária, Capim Macio, conjuntos Mirassol, Potilândia e Dos Professores, parte de Morro Branco e parte de Nova Descoberta, em Natal, estarão com abastecimento suspenso das 7h às 19h da terça (5). A Caern realizará uma manutenção programada na adutora I, da captação Jiqui. Após religar o sistema, a previsão de normalização é de 72 horas, ou seja, ocorrerá durante a noite da sexta-feira (8).

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Caern trabalha em conserto de vazamentos na Adutora Alto Oeste

FOTO: CAERN/ASSECOM

A Caern está trabalhando na retirada de vazamentos na adutora Alto Oeste, no trecho localizado no município de Lucrécia e outro em Frutuoso Gomes. Devido ao trabalho o abastecimento está suspenso para as cidades de Antônio Martins, Frutuoso Gomes, Itaú, João Dias, Lucrécia, Martins, Riacho da Cruz, Olho d’Água dos Borges e Rodolfo Fernandes, além da Comunidade Malhada Vermelha, em Severiano Melo. A previsão da Companhia é que o serviço seja concluído no fim da tarde desta terça-feira (14).

O fornecimento de água será retomado no término do serviço. Já o prazo de normalização é de até 72h. Para a cidade de Martins, pelas dificuldades de distribuição, o prazo é de até dez dias.

 

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Caern faz manutenção na adutora do Jiqui no sábado e bairros em Natal terão abastecimento suspenso; saiba quais

FOTO: ACS – CAERN

Os bairros Cidade da Esperança, Nazaré, Bom Pastor, Lagoa Nova, Cidade Nova, Candelária, Capim Macio, conjuntos Mirassol, Potilândia e Dos Professores, parte de Morro Branco e parte de Nova Descoberta, em Natal, estarão com abastecimento suspenso das 7h às 19h do sábado (4). A Caern faz parada programada para manutenção na adutora I, da captação Jiqui. Após religar o sistema, a previsão de normalização é de 72 horas, ou seja, ocorrerá durante a noite da terça-feira (7).

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Caern esclarece sobre patrocínio de ações contra a Covid-19

A CAERN em 2020, cumprindo o seu papel social, patrocinou uma ação conjunta da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Federação do Comércio de Bens Serviços e Turismo do Rio Grande do Norte (Fecomércio), Associação Comercial e Empresarial do Rio Grande do Norte (ACRN) e da Federação das Associações Comercias do Rio Grande do Norte (Facern) para apoiar o estado no enfrentamento da pandemia do coronavírus.

A ação foi de fundamental importância para a saúde da população do Rio Grande do Norte, em um momento crítico, em que se havia a necessidade de uma grande quantidade de respiradores na rede de assistência. Naquele momento, era preciso envidar esforços para o bem-estar da sociedade e ainda não havia recurso federal destinado para este fim.

Vale destacar que a CAERN é regida pela Lei 13.303 e que o patrocínio foi realizado dentro dos critérios legais, utilizando recursos próprios da Companhia. Ainda neste critério a CAERN agiu com a transparência exigida de uma empresa pública, inclusive o tema foi enviado como release para toda a imprensa, com repercussão em todo o Estado.

A Companhia reforça o seu compromisso com a qualidade de vida da população potiguar e está pronta para atuar sempre priorizando a vida.

Opinião dos leitores

  1. Sou médico e aprovo totalmente um reajuste salarial substancial para essas classes tão importantes para o cuidado e curabilidade dos nossos pacientes.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Caern contratou com dinheiro da Covid empresa para manutenção de respiradores pulmonares, destaca reportagem

A CAERN é a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte. Sua atribuição é levar água a todos os municípios do Estado e também viabilizar o saneamento. Surpreendentemente, a estatal de águas do Governo do Estado, contratou serviço de uma empresa para realizar manutenção em respiradores pulmonares. A informação é destaque em reportagem no Blog Túlio Lemos.

O contrato número 20.00689, assinado no dia 17 de abril de 2020, traz como objeto da contratação pela CAERN com a empresa Microserv Comércio e Serviços de Equipamentos Hospitalares, “manutenção corretiva em respiradores pulmonares e umidificadores para ventilação mecânica.”

Diz também o documento oficial, que a contratação foi por dispensa de licitação 0017/2020 da própria CAERN.

O Blog Túlio Lemos detalha. Clique AQUI.

Veja também: Caern emite nota de esclarecimento sobre respiradores na pandemia

 

Opinião dos leitores

  1. Há muito o que investigar no RN. A propósito, por que a governadora ainda não exonerou a Secretária Adjunta da Saúde? Será que ela ameaçou jogar m… no ventilador, entregar geral? A CPI estadual é a PF estão trabalhando. Cuidado, petralhada!

  2. Pra quem acreditava que o PT não conseguiria mais “inovar”, se enganou novamente. kkkkkk

  3. Por isso que eu digo, Tem que privatizar logo essa [email protected], Nem água de Boa qualidade fornece, aí querem consertar respiradores é Phoda mesmo.
    Pense num governo reiêra é esse dessa professora Fátima Paraíba.

    1. Enquanto isso eu tive que esperar 1 semana pra eles irem consertar um cano furado na rua em que moro, que inclusive só não desperdiçou mais água porque um outro vizinho fez um reparo.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trânsito

Caern alerta para riscos de novos alagamentos na Rota do Sol

Foto: ACS – CAERN

A Caern alerta para o risco, nos próximos dias, de novos alagamentos na Rota do Sol, imediações da Estação de Tratamento de Esgotos de Ponta Negra, em Natal, como registrados em 2020. Isso porque, desde o último dia 9, notificada pelo Idema, a companhia cessou o lançamento de efluentes da estação que estava sendo feito de forma emergencial em terreno pertencente ao Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI), solução encontrada para manter a área livre desse transtorno.

“A Caern mantém esforços junto aos órgãos envolvidos na solução do problema para resolver os entraves que estão impedindo a concessão de nova licença do Idema para utilização da área do CLBI. Esta semana, a companhia encaminhou ofícios à promotora de Defesa do Meio Ambiente, Gilka da Matta, e ao procurador da República Victor Manoel Mariz, chamando a atenção para a adoção de medidas rápidas”, diz trecho de nota do órgão.

A situação vem desde junho de 2020, provocada pela formação de um domo no lençol freático na região da bacia onde ficam as lagoas de infiltração da ETE e que levou aos alagamentos na via da Rota do Sol, que dá acesso a praias do litoral potiguar. A solução encontrada por técnicos da Caern foi instalar uma bomba de drenagem às margens da rodovia e lançar o efluente em uma área emergencial.

“Para isso, foi solicitada a licença especial do Idema, que foi concedida no dia 7 de julho de 2020, válida por seis meses, renovada ao final do período por mais seis meses. Ao mesmo tempo, a Caern solicitou ao CLBI a regularização da área de 26,71 hectares para uso da ETE, propondo o pagamento mensal de valores baseados em relatório da avaliação da própria Aeronáutica, no montante de R$ 85.295,88. Todos os custos envolvidos neste trabalho ultrapassam R$2,5 milhões”, diz a nota.

A Caern ainda completa:

“Ocorre que, apesar de todos os esforços da companhia, a regularização ainda não se concretizou e, consequentemente, ao final de um ano, o Idema não renovou a licença especial, visto que não há autorização do Ministério da Aeronáutica para uso da área. Notificada pelo órgão ambiental, mesmo após recursos apontando a falta de alternativas, a Caern teve que cessar o lançamento dos efluentes”.

RISCO

O quadro preocupa, pois se a área voltar a alagar trará prejuízos para a área e transeuntes e à Caern só restou apelar aos órgãos envolvidos – MPE, MPF, Idema e Aeronáutica – o apoio imediato para que se evite que a rodovia volte a alagar.

Há o risco de que o acúmulo de maiores níveis de efluentes provoque o colapso em caso de maior volume de chuvas e elevação das lagoas de infiltração. Essas medidas precisam ser tomadas com urgência pois; de acordo com as previsões dos técnicos, se o bombeamento não for retomado em no máximo uma semana, conviveremos novamente com o problema.

“A companhia continua envidando esforços e providenciará tudo o que for necessário para conseguir nova autorização do CLBI, a fim de que o Idema possa emitir nova licença especial e se permita a retomada do bombeamento”, diz a Caern.

Opinião dos leitores

  1. Se a CAERN fosse uma empresa privada o Ministério Público já teria tomado uma decisão. Como se trata de uma empresa pública…

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Caern realiza manutenção na adutora Boqueirão; Caiçara do Norte, São Bento do Norte, Pedra Grande, Parazinho e áreas de São Miguel do Gostoso e Touros ficam com abastecimento suspenso

As cidades de Caiçara do Norte, São Bento do Norte, Pedra Grande, Parazinho, comunidades rurais destes municípios e as comunidades rurais de São Miguel do Gostoso e Touros estão com o abastecimento de água suspenso.

A Caern fará manutenção da adutora do Boqueirão, no trecho entre Parazinho e Pedra Grande. A previsão é concluir o serviço até o final da tarde desta sexta-feira (20). Com o término do reparo, o sistema será religado, sendo necessárias 48 horas para total normalização nas cidades afetadas.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

População deve fazer uso racional da água no período de calor, alerta Caern

Foto: CAERN/ASSECOM

Estamos no período mais quente do ano no semiárido do Estado. O consumo de água aumenta nesse período, em que as chuvas não estão mais presentes. Por esse motivo, o alerta da Caern é para usar a água de forma racional. Conforme dados do Instituto de Gestão de Águas do Rio Grande do Norte (IGARN), as reservas hídricas no Estado chegam a 46,98%, nos mananciais com monitoramento pelo órgão. Existem regiões que preocupam como o Seridó do Rio Grande do Norte.

A região Seridó foi a que teve o menor nível de recarga em mananciais no período do inverno 2021. Por esse motivo deverá ser a região que terá mais rodízios de abastecimento neste segundo semestre. A Caern avalia alternativas e rodízios mais longos para algumas cidades seridoenses. Entre elas, a cidade de Jardim do Seridó, em razão do baixo volume do Zangalheiras.

Em Cruzeta, o rodízio deve começar ainda nesse semestre. Currais Novos, Acari, e Parelhas, a previsão de rodízio é antes do próximo inverno. “A população precisa ajudar adotando hábitos de uso racional da água. Nós que somos do Seridó, historicamente tivemos períodos de dificuldade, e ao longo dos anos estamos cada vez mais conscientes em dizer não ao desperdício”, analisa o gerente da Regional Seridó, Adelson Santos.

No início do ano, a Região Alto Oeste gerava preocupação. Mas houve uma melhora no cenário com acúmulo de água em mananciais críticos, entre eles a barragem de Pau dos Ferros e o açude da cidade de São Miguel. Houve recuperação, mas é preciso cuidar da água para que o benefício do abastecimento regular se estenda até o próximo inverno. Apenas a cidade de Paraná no Alto Oeste se encontra em colapso total de abastecimento, mas nos próximos dias a Caern deverá retomar o abastecimento. Além dela, Serra do Mel está em colapso parcial. Em todas as regiões são 69 cidades com rodízio.

Dados analisados anualmente mostram o aumento do consumo de água na segunda maior cidade do Estado. A partir do mês de agosto, o consumo cresce em Mossoró. Ações como combate às ligações irregulares de água e instalação de hidrômetros estão entre as ações para reduzir reclamações no fornecimento de água.

O aumento no consumo de água também pode afetar cidades em regiões que ainda não possuem problemas de abastecimento. A análise de cenário é feita pela Caern levando em consideração dados como consumo médio e quantidade de água acumulada nos mananciais. Por isso o ideal é evitar o desperdício e usar corretamente a água nas atividades diárias.

 

Opinião dos leitores

  1. EU ACHO MUITO INTERRESSANTE, QUANDO A CAERN PEDE PARA À POPULAÇÃO PARA ECONOMIZAR ÁGUA.
    E ELA MESMA NÃO ECONOMIZA, QUANDO ESTOURA UM CANO DE ÁGUA A POPULAÇÃO AVISA, SABE QUANDO A CAERN VEM, QUANDO BEM ENTENDE, PENSE NUMA EMPRESA PÚBLICA DESGRAÇADA.
    SABE O QUE FALTA NA CAERN É UMA PESSOA DE PULSO FORTE PARA PRIVATIZAR, A COSERN FUNCIONAVA IGUALZINHO PRIVATIZARO, HOJE O SERVIÇO MELHOROU E MUITO. PORQUE SERÁ QUE NÃO PRIVATIZAM? SERÁ QUE É PORQUE É MAIS UMA ESTATAL UTILIZADA COMO CABIDE DE EMPREGO E PARA UM DESVIOZINHO. É APENAS UMA PERGUNTA.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

SÓ ISSO: Caern quer aumento de 71% na tarifa de água em Natal

Reportagem da Tribuna do Norte nesta quinta-feira(05) destaca que a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) propôs um reajuste de 71% na tarifa dos serviços de água e esgotos. O pedido foi feito à Agência Reguladora de Serviços de Saneamento Básico de Natal (Arsban) que abriu uma consulta pública para estudar a solicitação.

Segundo a reportagem, se esse reajuste for estabelecido, a tarifa básica para o consumidor residencial médio saltará de R$ 39,99 para R$ 67,98. Porém, a Arsban sugeriu que o reajuste deve ser de apenas 1,22% aumentando em 49 centavos a tarifa. Matéria completa AQUI.

Opinião dos leitores

  1. Para pagar salários dos marajás a Caern “precisa” pungar o bolso do contribuinte. A administração Petista exerce verdadeiramente um governo de sombras no RN. Triste.

  2. não ia nem comentar, mas hoje eu fui em uma casa minha que está fechada e chegou uma conta da CAERN dizendo que eu consumi 6000 litros de água. Tá bom de privatizar mesmo, ninguem aguenta mais essa ‘empresa’ !

  3. Como se nao bastasse a CAERN (sigla de CAvando e Esburacando o RN) acabar com todas as ruas de Natal e Parnamirim, ainda quer aumentar o valor da tarifa?!!Palhaçada isso, né? Não tem uma rua recém asfaltada que a CAERN não abra um buraco….imoral.

  4. Ja ta passando da hora dessa bomba chamada caern ser privatizada so serve pra arrombar as ruas essa carniça ainda fala em reajuste e ainda mais o absurdo que e o valor que ela estar pedindo . Safadeza

  5. E Caern é uma praga pior do que a COVID, as Ruas de Natal estão arrombadas, calçamentos, asfalto tudo destruído pela incompetência e irresponsabilidade destes gestores da companhia. O prefeito de Natal já deveria ter judicializado esta companhia e seus gestores pelo o que estão fazendo com a malha viária da cidade. Um verdadeiro absurdo. E cassar a cessão dos direitos de administrar a água. O esgoto permanece sem nenhuma providencia do que foi feito nas Ruas e Avenidas para sua ligação ao sistema de saneamento. Aumento ZERO.

    1. Concordo demais que ja deveria ter judicializado. 99% das irregularidades no calçamento de Natal e Parnamirim, são buracos feitos pela CAERN. E se tiver asfalto novo e lisinho, então. No outro dia a CAERN está lá para cavar um buraco e deixar irregular.

  6. No Governo da Fátima Bezerra PT, o povo só vem tomando fumo. Tem que privatizar essa CAERN já. Só serve de cabide de emprego, fazer buracos nas ruas e fornecer água de péssima qualidade.

  7. Este é o grande motivo de não quererem privatizar a CAERN, altíssimos salários… e uma péssima gestão.

  8. Na minha opinião, água é muito barato. O maior bem que o ser humano tem custa quase nada, fazendo com que muitas mas muuuitas pessoas usem de forma completamente desregrada esse bem, eu sou sim a favor primeiro do uso consciente, como não deu certo, que aumente os preços.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Golpe pelo whatsapp usa nome de diretor da Caern

FOTO: CAERN/ASSECOM

A Caern alerta mais uma vez para a prática de estelionatários que estão usando o nome do diretor presidente da companhia, Roberto Sérgio Linhares, para aplicar golpes. Foram identificados casos de falsários que se passam pelo presidente a partir de um contato de whatsapp que simula ser Roberto Linhares. Nesta sexta-feira (23), foi constatado que o número 9196-3019, com DDD 83, da Paraíba, estava fazendo contato com empresários e autoridades.

O golpista tem feito tentativas de obter dinheiro ou outras vantagens, como se fosse o presidente. A Caern alerta que as pessoas devem desconsiderar qualquer tipo de mensagem dessa natureza e informar para a Ouvidoria da companhia, pelo número 3232-4562.

 

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Caern trabalha em retirada de vazamentos em Natal; bairros na capital estão com abastecimento suspenso

FOTO: CAERN/ASSECOM

A Caern está trabalhando, nesta segunda-feira (19), na retirada de um vazamento, de grandes proporções, na avenida Antônio Basílio.  Devido a manutenção emergencial foi suspenso o fornecimento de água para os seguintes bairros: Alecrim, Quintas, bairro Nordeste, e parte de Dix-Sept Rosado. A previsão é que o serviço seja concluído nesta terça-feira (20), quando a distribuição de água será retomada.

A manutenção na rede da rua Cabugi, que também apresentou vazamento, foi finalizada na manhã desta segunda (19). Com isso, o abastecimento para Lagoa Nova, Lagoa Seca, Nova Descoberta e parte de Nazaré foi retomado. Em ambos os casos a previsão é que todos os imóveis estejam plenamente até a noite da quarta-feira (21).

Opinião dos leitores

  1. As vezes as ruas de Natal, estão com buracos , a culpa nem é do Prefeito e sim dessa companhia chibata.

  2. Essa CAERN chibata, só serve pra cobrar preços absurdos, por serviços ruins e encher as ruas de buracos.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Serviço da Caern nesta quarta-feira paralisa abastecimento de oito bairros em Natal

FOTO: CAERN/ASSECOM

Os bairros de Capim Macio, Candelária, Lagoa Nova, Cidade da Esperança, Felipe Camarão, Cidade Nova, parte de Bom Pastor e Nazaré terão abastecimento suspenso na quarta-feira (14).

A parada será feita para substituição de registro de grande diâmetro na saída do reservatório R6 e trará melhorias ao sistema de distribuição de água.

O conserto acontecerá de 7h às 18h, sendo o fornecimento retomado após o trabalho. A previsão da normalização do abastecimento é de até 72h após a manutenção.

Opinião dos leitores

  1. Privatiza segue o exemplo das telecomunicações que o sistema melhora, em todas as ruas de Natal sempre tem um buraco da caern, tubulação estragada que todo dia estoura uma e normalmente passa mais de dois dias derramando água.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Campanha de negociação da Caern termina na terça

Foto: Cedida

A Caern encerra na terça-feira (15) sua campanha de negociação de débitos. Essa última semana é a oportunidade para quem está com contas em aberto regularizar sua situação com condições especiais. A campanha de negociação abrange todas as faturas não quitadas com vencimento anterior a março de 2021. Os resultados são positivos em todo o Estado e aguarda-se uma boa procura nestes últimos dias.

Até o momento, no Rio Grande do Norte houve 4.744 parcelamentos, gerando um total de R$ 5,2 milhões negociados. A expectativa da Superintendência Comercial da Caern é que nessa última semana sejam feitos pelo menos outros mil parcelamentos de novos interessados, atingindo mais R$ 1,4 milhão de débitos negociados.

As condições de negociação incluem a possibilidade de parcelar a dívida em até 36 meses, com entrada de 10% do valor total. Também haverá a dispensa de juros e multa. O interessado pode negociar sua dívida até mesmo nos casos em que tenha um parcelamento anterior. Nesse novo acordo, o percentual do valor de entrada é de 20% do total.

Os clientes interessados podem fazer o parcelamento por vários canais. Ele pode fazer pelo Whatsapp (84) 98137-2343, na Agência Virtual http://caern.com.br, clicando no link parcelamento de dívidas, ou nos escritórios de atendimento, mediante agendamento prévio na Agência Virtual ou no endereço http://agendamento.caern.com.br.

Pelos canais de atendimento da Caern também é possível negociar as faturas com o cartão de crédito, sem entrada, com isenção de juros e multas, em até 12 vezes e com parcela mínima de R$ 5.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Denúncia

FOTO: Rua Dr. José Gonçalves com a Poty Nóbrega, no bairro Lagoa Nova, em Natal, não tem uma solução após anos; CAERN diz que responsabilidade é da Prefeitura

Foto: Cedida

Desabafo de moradores do bairro Lagoa Nova, na Zona Sul de Natal, destaca queixa de um problema de vários anos que a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) mexe, mas não consegue resolver. Rua Dr. José Gonçalves com a Poty Nóbrega, que ficou interditada para obras por 1 anos e 11 meses. A Prefeitura do Natal também é alvo de crítica dos reclamantes.

“Seis anos de obras coordenados pela CAERN. É um absurdo essa falta de responsabilidade com o dinheiro público”, desabafou um morador, relatando a situação neste momento no trecho, após chuvas.

CAERN diz que responsabilidade é da Prefeitura do Natal

Em relação à notícia “Rua Dr. José Gonçalves com a Poty Nóbrega, no bairro Lagoa Nova, em Natal, não tem uma solução pela CAERN após anos”, a Caern esclarece que as situações de alagamentos de vias públicas, decorrentes de água de chuva, a exemplo do que ocorre na rua Dr. José Gonçalves, não são de responsabilidade desta empresa. A Companhia atua no segmento de abastecimento de água e esgotamento sanitário. O serviço de Drenagem de águas pluviais é de responsabilidade do Poder Executivo Municipal. Ainda cabe esclarecer que a Caern não executou obra recente no referido endereço.

Opinião dos leitores

    1. Tem que privatizar sim, afinal NUNCA tivemos problemas com telefonia, planos de saúde e Cosern…privatiza tudo que melhora!

    2. Tem que privatizar TUDO! Os aborrecimentos com a CAERN são em dobro, pois além dos problemas que ela causa, a população ainda tem que pagar pelos prejuízos que ela causa… É uma pena que nem o governo do MINTO, que foi eleito prometendo privatizar muito, não fez nada! Nem mesmo as empresas estatais que ele poderia privatizar com uma canetada (Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantias (ABGF), a Empresa Gestora de Ativos (Engea), a Casa da Moeda, o Centro Nacional de Tecnologia Eletrônica Avançada (Ceitec), o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) e a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev), a EBC (famosa Tv Lula), ele não o fez!

  1. Ops! A César o que é… O problema aí é de drenagem. Nada a ver com CAERN. A responsabilidade é da PMN e SEMOV.

  2. Os políticos perdem tempo em criticar uns aos outros. Não se vê, pelo menos o povo não tem conhecimento, de nenhum programa para acabar com esses alagamentos. Não se tem conhecimento de levantamento de pontos críticos de alagamento feito por nenhum vereador visando a solução do problema. Se esse levantamento é feito é para ser usado nas propagandas políticas da próxima eleição. Enquanto isso, o IPTU não falha.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Caern realiza manutenção na Estação de Tratamento de Águas do Jiqui nesta quarta e 7 bairros em Natal terão abastecimento suspenso no dia

Foto: ACS CAERN

Na próxima quarta-feira (28), a Caern realiza uma parada programada na Estação de Tratamento de Águas (ETA) do Jiqui. O serviço é preventivo e consiste na manutenção das bombas das adutoras e substituição de válvula de retenção.

Durante o serviço, entre 7h e 19h, o fornecimento de água estará suspenso para os seguintes bairros da capital: Candelária; Capim Macio; Cidade da Esperança; Felipe Camarão; Cidade Nova; Parte do Bom Pastor e de Lagoa Nova. O prazo de normalização, ou seja, para que todos os imóveis estejam plenamente abastecidos é de até 72h, após a retomada da distribuição de água.

 

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Caern paralisa nesta sexta-feira abastecimento de água em nove bairros de Natal para manutenção na rede

FOTO: DEMIS ROUSSOS

A Caern vai realizar nesta sexta-feira (16) uma parada emergencial no sistema de abastecimento de água de nove bairros de Natal. Os bairros de Bom Pastor, Candelária, Capim Macio, Cidade da Esperança, Cidade Nova, Felipe Camarão, Nazaré, Neópolis e Nova Descoberta ficarão sem água a partir das 7h.

A parada será necessária para o conserto de um vazamento que foi detectado pela equipe de operação da Caern na tubulação das bombas da Adutora 01 da Lagoa de Captação do Jiqui, que abastece esses bairros. Caso o reparo não seja realizado o quanto antes, o vazamento pode ocasionar um rompimento da tubulação no local.

A previsão é que o trabalho para conserto do vazamento se estenda das 7h às 18h, mas vale destacar que o abastecimento só deverá ser normalizado num prazo de até 72 horas, devido a pressurização da rede.

 

Opinião dos leitores

    1. Aproveita e privatiza as Forças Armadas, que não presta serviços e corrói a verba da nação…

    2. Calígula, a CAERN é como se fosse a Petrobras nos governos do PT. Por isso que o governo do RN não quer vender.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *