Anitta adota estratégia de Safadão e chega a faturar R$ 500 mil por show

Foto: Divulgação

Anitta não sai de casa para fazer um show por menos de R$ 500 mil. Cobrando um cachê atual em R$ 250 mil por apresentação, a Poderosa prefere hoje fechar contratos com empresas para grandes apresentações, garantindo assim que o cachê duplique ao receber ainda uma porcentagem nos lucros do evento, como ingressos e consumação. Essa estratégia já é utilizada por cantores como Wesley Safadão, por exemplo.

Com isso, Anitta passa a fazer menos shows por mês, mas se apresentando em grandes eventos, com grandes públicos, prática que só é permitida para uma artista como ela, que está no auge da carreira. Em junho, por exemplo, a Poderosa recebeu da Prefeitura de Parintins, no Amazonas, R$ 500 mil para cantar na tradicional festa dos bois Caprichoso e Garantido.

O valor engloba passagem, translado, hospedagem e alimentação dela e de mais 32 pessoas da equipe, entre músicos, iluminadores, camareiros e maquiadores. E, claro, o cachê desses funcionários. Cada bailarina de Anitta, por exemplo, ganha por show R$ 350.

Show na final da Libertadores

Não é só o atual valor do cachê que comprova que Anitta está no auge da careira. A Poderosa tem mais um compromisso internacional até o fim do ano. Ela vai se apresentar na final da Copa Libertadores no próximo dia 23, em Lima, capital do Peru, no jogo do Flamengo contra o River Plate. Apesar de ela ser torcedora do Botafogo, ninguém duvida que seu coração vai virar, pelo menos naquele momento, rubro-negro.

Extra – O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. AF disse:

    Ela precisa aprender a cantar, né?
    Tem uma boa fono que pode até ajudar, rs. Jana Pimenta, a mesma fono de Ivete e DJavan, por favor, dê um jeitoooo!

Fábio Jr. faz show de reinauguração do Boulevard Music Hall dia 29 de novembro, em Natal

Foto: Divulgação

Apostando no trinômio serviço, conforto e comodidade o Grupo Promove assume a gestão do Boulevard Music Hall, em Natal (RN). Para reinaugurar a nova casa, a turnê de Fábio Jr. aporta na cidade do sol no dia 29 de novembro, às 21h. “Fábio Júnior tem viajado pelo país levando todo o seu romantismo e para o público natalense não será diferente. E, em especial, para a noite de reinauguração tenho certeza que teremos um espetáculo superespecial”, comenta Maurício Correa, diretor do Grupo Promove.

Um dos grandes destaques desta turnê é o cenário, que é revelado através de painéis de led, colunas e elementos que valorizam a estética de forma simples e sofisticada. O conceito da proposta, criativa e versátil, permite que Fábio Jr. utilize a mesma cenografia em todos os shows, independente do tamanho, mantendo a dinâmica e beleza do espetáculo com o auxílio da iluminação que permite um resultado visualmente impactante, tornando-se um atrativo a parte.

Além disso, as novidades ficam por conta da escolha do repertório, que contou com a participação do público na escolha do set list, por meio de uma enquete com uma lista de músicas que Fábio Jr. disponibilizou em suas redes sociais e do momento especial acústico, onde o cantor demonstra toda a sua sensibilidade.

Fazem parte do repertório, grandes sucessos da carreira do artista, como “Só Você”, “Alma Gêmea” e “Caça e Caçador”, que continuam dando todo o toque de romantismo ao show. Além de músicas que fazem sucesso na voz de outros cantores como, “Tente Outra Vez”, “Dias Melhores” e “Casinha Branca”. Com mais de 30 trabalhos em sua discografia, Fábio Jr. é um artista completo com talento reconhecido também como compositor, ator e apresentador.

A banda que o acompanha nos shows é formada por Amador Longhini no teclado e direção musical, Álvaro Gonçalves na guitarra e violão, Bruno Coppini no baixo, Gustavo Barros na guitarra, Pepa D¹Elia na bateria e Aldo Gouveia e Ellis Negress nos vocais.

SOBRE O BOULEVARD

O Boulevard Music Hall vem sendo totalmente reformado. Teve a climatização totalmente reestruturada, nova configuração de mesas paras shows com capacidade para até 2.800 pessoas sentadas, série de serviços para propiciar a melhor experiência para o público, incluindo, a estreia do buffet La Belle que vem do Rio de Janeiro para atender aos eventos da casa.

“Vamos apresentar o know-how do Grupo Promove. A maior empresa de formaturas do Brasil. Há 25 anos a empresa de formatura mais completa do mercado e que já formou mais de 1 milhão de alunos em todo o Brasil. Estamos presentes nas cinco regiões do país. E estamos sendo muito bem recebidos em Natal e Mossoró”, disse Maurício Correa que além do Boulevard Music Hall, também, terá participação na gestão da nova casa de entretenimento da cidade de Mossoró: A Thermas Hall, que no dia 30 será inaugurada com show de Fábio Jr.

Para saber mais sobre Fábio Jr., acesse:

www.fabiojr.com.br
Instagram: @fabiojroficial
Facebook: fabiojroficial

Preços dos ingressos:

Vendas pelo site bilheteriadigital.com.

1º LOTE

PLATEIA PRATA – INGRESSO INDIVIDUAL*SOLIDÁRIO* (levando 1kg alimento) (Meia) – R$ 150,00 + R$ 15,00 de taxa.
PLATEIA PRATA – INGRESSO INDIVIDUAL (Meia) – R$ 150,00 + R$ 15,00 de taxa
PLATEIA PRATA – INGRESSO INDIVIDUAL (Inteira) – R$ 300,00 + R$ 30,00 de taxa
PLATEIA OURO – INGRESSO INDIVIDUAL*SOLIDÁRIO* (levando 1kg alimento) (Meia) – R$ 200,00 + 20,00 de taxa
PLATEIA OURO – INGRESSO INDIVIDUAL (Meia) – R$ 200,00 + R$ 20,00 de taxa
PLATEIA OURO – INGRESSO INDIVIDUAL (Inteira) – R$ 400,00 + R$ 40,00 de taxa
PLATEIA PREMIUM – INGRESSO INDIVIDUAL*SOLIDÁRIO* (levando 1kg alimento) (Meia) – R$ 250,00 + R$ 25,00 de taxa
PLATEIA PREMIUM – INGRESSO INDIVIDUAL (Meia) – R$ 250,00 + R$ 25,00 de taxa
PLATEIA PREMIUM – INGRESSO INDIVIDUAL (Inteira) – R$ 500,00 + R$ 50,00 de taxa
VARANDA (VISTA PARCIAL) – INGRESSO INDIVIDUAL*SOLIDÁRIO* (levando 1kg alimento) (Meia) – R$ 100,00 + R$ 10,00
VARANDA – INGRESSO INDIVIDUAL (Meia) – R$ 100,00 + R$ 10,00 de taxa
VARANDA – INGRESSO INDIVIDUAL (Inteira) – R$ 200,00 + 20,00 de taxa

MAIS INFORMAÇÕES:

Data do evento: 29 DE NOVEMBRO
Local: BOULEVARD HALL
Atrações: FÁBIO JUNIOR
Horário de início: 21h
Classificação: 18 ANOS

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. RANNIERI OLIVEIRA disse:

    ESSES ARTISTAS TEM QUE REVER A QUESTÃO DESSES PREÇOS DE ENTRADA E DE SEUS CACHÊS, POIS DO JEITO QUE TÁ ESSES PREÇOS…!!!
    UM DIA VAI SOBRAR O PREJUÍZO PARA ALGUÉM!!!
    FORA OS GASTOS COM INGRESSOS, AINDA TEM OUTROS GASTOS (VESTUÁRIO, ESTÉTICA, TRANSPORTES, BEBIDA E ALIMENTAÇÃO).
    TEM QUE TER NO MINIMO R$1300,00.
    Ô POVO RICO!!!!

Bandidos fazem “a festa” e levam vários celulares durante show em Natal

A tarde deste sábado (20) prometia ser animada para quem se programava para ir para os shows do Redação Bar, em Natal. Eram vários artistas consagrados na programação musical. Entre eles: Luan Estilizado, Avine Vinny e Fabinho Fernandes.

Mas o que se viu foi uma festa por parte dos bandidos. Criminosos se aproveitaram do show para roubar vários celulares e fizeram pelo menos sete vítimas.

Somente de pessoas próximas a este blogueiro que vos escreve foram quatro meninas e um rapaz que tiveram os celulares roubados. Ainda há relatos de outros dois rapazes que também “perderam” o celular durante as apresentações musicais e que só notaram na hora de ir embora.

O que deveria ser um dia de festa, virou um dia de terror para muita gente. Resumo? Rapidamente, sete pessoas que tiveram os celulares roubados dentro do Redação Bar. Um absurdo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Mendell Medeiros disse:

    Roubo ou furto?

    Facilitando, se um ladrão toma algo que pertence a outra pessoa sem estabelecer contato com ela, comete furto. Se houver contato com a vítima, violência ou ameaça, é roubo.
    Ver artigos 155 e 157 do Código Penal Brasileiro.

    • Everton disse:

      Basicamente isto, pelo título já imaginei um arrastão, mas ao ler vi que claramente foi furto, algo que infelizmente vem acontecendo cada vez mais em eventos menores.

FOTO: Cantor potiguar Gilliard conhece tenente Gilliard em show no Recife: “A mãe dele é minha fã”

Imagem: Reprodução/Instagram/gilliardoficial

Qual a chance de você encontrar um xará? Para o cantor Gilliard, é uma em 1185. Este é o total de pessoas que se chamam Gilliard no Brasil. O artista conseguiu a proeza de conhecer seu homônimo durante um show no Recife (PE). Ontem, ele foi apresentado ao tenente Gilliard, que fazia a segurança do festival em que o cantor se apresentou.

Emocionado, Gilliard (o cantor) publicou uma foto ao lado de Gilliard (o tenente). Ao UOL, o artista conta que o policial foi chamado pelos colegas para contar a história de seu nome ao xará famoso.

“A segurança toda veio e falou: ‘Queremos mostrar o nosso comandante!’. Não acreditei. O cara entrou, tinha 2 metros. Nem prestei atenção ao nome, mas quando olhei falei: ‘Tá brincando?’. Ele disse: ‘Vim aqui porque minha mãe é sua fã e colocou meu nome de Gilliard. Agora eu sou seu fã, acompanho todos os shows, tenho todas as suas músicas'”, diz o intérprete de “Aquela Nuvem”.

“O cara ficou comigo até eu ir embora, deu uma assistência porque era muita gente, mais de 20 mil pessoas. Fiquei muito emocionado, é gratificante. Já dei autógrafo para um Gilliard, ontem foi um deles. Foi muito especial vê-lo contar a história e todos os soldados vindo juntos. Achei bacana o orgulho do cara, fiquei muito feliz”, elogia.

O “boom” de Gilliards no Brasil foi na década de 1980, quando o artista fez sucesso com hits como “Festa dos Insetos” (aquela da “pulga e o percevejo”). Mais comum é “Giliard”, com um “L” (3445 pessoas), mas também há brasileiros chamados “Giliar (239), “Jiliard” (133) e “Jilliard” (23), provavelmente filhos de fãs do cantor romântico.

UOL

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. George disse:

    Estranho esse número reduzido de Gilliard's em todo o país. De qualquer jeito a probabilidade é muito mais baixa que essa, o cálculo correto é dividir a população do país, em torno de 220 milhões por 1185.

Show de Cláudia Leitte em Natal custou R$ 173 mil de cachê

O show que a cantora Claudia Leite apresentou sábado em Natal dentro das festividades do Natal em Natal foi o mais caro do evento. Custou aos cofres natalenses R$ 173 mil.

O show ficou marcado pela outra atração que se apresentou no palco, o prefeito Alvaro Dias que subiu e dançou com a baiana uma coreografia diferenciada.

Outros dois artistas também receberam cachê na casa dos três dígitos: Fagner e Alexandre Pires

O cantor cearense, Raimundo Fagner cantou para os natalenses pela bagatela de 118 mil reais, e o pagodeiro Alexandre Pires desembarcou no Natal em Natal por R$ 102 mil.

Somando os cachês das três atrações, saíram dos cofres públicos natalenses quase R$ 400 mil.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. carlos cunha disse:

    Com a progressão desse IPTU, na virada desse ano ele contrata os Rolling Stones e Madonna

  2. Xica da Silva disse:

    Melhor se investisse a verba no programa do Leite original, para o bem de nossa população mais carente e garantindo sustento aos produtores.

  3. Maria disse:

    Mas se não contratar alguém que faz sucesso, ninguém gosta, sai falando que a festa foi pobre, que perdeu seu tempo, esse é o preço pra agradar a população.

  4. Jorge disse:

    Não há como não associar isso à política do pão e circo, muito utilizada há séculos por governantes para manipular as massas!
    Bem característico para desviar o foco das atenções para os reais problemas vividos atualmente!
    O pior que em pleno século XXI, essa estratégia ainda funciona.

    • Amos os Minions disse:

      Isso vai acabar! Agora Natal será outra, vamos chamar para tocar as orquestras militares e cantores gospel.

    • reginaldo menezes disse:

      Perfeitas palavras, nobre Sr. Jorge.
      O pior que o carnaval já vai estar batendo a porta, e o dinheiro entrando em voo para outros estados.

Ministro da Cultura diz que Roger Waters recebeu R$ 90 milhões por “campanha disfarçada” contra Bolsonaro em show

Sérgio Sá Leitão publicou em seu Twitter que ato em apresentações do artista é caixa 2 e campanha ilegal

Roger Waters se apresentou na Arena Fonte Nova

(Foto: Tiago Caldas/Estadão Conteúdo)

O ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, publicou, na manhã desse domingo, 21, em sua conta oficial no Twitter uma manifestação contrária ao atos feito pelo cantor Roger Waters durante seus shows no Brasil. O artista se posicionou contra o candidato Jair Bolsonaro fazendo uso da hashtag Elenão.

No post, Leitão disse que a campanha foi disfarçada de show e que por muito menos, Bolsonaro foi acusado de caixa dois. “Roger Waters recebeu cerca de R$ 90 milhões para fazer campanha eleitoral disfarçada de show ao longo do 2º turno. Na Folha, chamou Bolsonaro de “insano” e “corrupto”. Sem provas, claro. Disse aos fãs que não voltará ao Brasil caso ele ganhe. Isso sim é caixa 2 e campanha ilegal!”.

O post repercutiu na rede social e houve diversos questionamentos nos comentários sobre a posição do ministro. Em resposta a pergunta sobre como ele sabia o valor recebido pelo artista, Leitão disse apenas que a informação vinha de fonte segura. “US$ 3 milhões por show. Apenas de cachê. Sem contar a participação nas receitas.”, escreveu.

Com informações da Band

https://noticias.band.uol.com.br/eleicoes/noticias/100000936131/ministro-diz-que-roger-waters-recebeu-para-fazer-campanha-em-show.html

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Wendell Fernandes disse:

    Quero muito que esse ministro esteja enganado, sou fã desde adolescente do trabalho de Roger Waters e David Gilmour, nomes mais importantes da banda Pink Floyd, e saber que ele participou dessa forma me entristece por demais… O Brasil passa por uma situação que não cabe a quem não mora aqui julgar A ou B na política não… Tem muita coisa em jogo, todo um futuro de um país extremamente fragilizado, massacrado por corrupções aos montes dentro da política e em suas "adjacências"… Não amigo Roger Waters, não se meta nesse assunto, suas músicas, seu trabalho como grande artista, devem ficar separado disso.

  2. Wendell Fernandes disse:

    Quero muito que esse ministro esteja enganado, sou fã há desde adolescente do trabalho de Roger Waters e David Gilmour, nomes mais importantes da banda Pink Floyd, e saber que ele participou dessa forma me entristece por demais… O Brasil passa por uma situação que não cabe a quem não mora aqui julgar A ou B na política não… Tem muita coisa em jogo, todo um futuro de um país extremamente fragilizado, massacrado por corrupções aos montes dentro da política e em suas "adjacências"… Não amigo Roger Waters, não se meta nesse assunto, suas músicas, seu trabalho como grande artista, devem ficar separado disso.

  3. Rômulo disse:

    Será que ninguém aqui percebeu que o ministro foi sarcástico para minimizar o caixa 2 do Bolsonaro?

  4. Carvalho disse:

    Meu Deus, insano e esse pobre Ministro q carece de inteligencia, ou disfarçadamente defende seus interesses políticos.
    Independente de Política, o Roger ñ precisa disso, o pensamento do cara é alem que qualquer tolo deste país, nada de nos ele depende. babaquice juga-lo assim.

    • Waldemir disse:

      Kkkk ele gosta sim de dinheiro
      Quantos shows ele fez de graça mesmo??????????

  5. Roberta disse:

    Sendo petralhas, pode, eles podem usar todos termos pejorativos e jocosos contra o STF, e até dizer que o fecharão e que vão colocar a justiça no seu quadradinho. agora se for um comentário de um eleitor de bolsonaro, aí o mundo cai, é o fim, ecoam aos quatro cantos que começou a ditadura e que vão usar a forca em praça pública. Idiotas, pensam que fazem ainda o povo de tolos, quanto mais tentam aterrorizar, mais cresce a adesão a bolsonaro. Viva o povo livre e consciente, Corrupção nunca mais!

  6. Rio disse:

    Essa esquerda é patética.

  7. THIAGO disse:

    EIIIITAAAAAAAAAAAAAAAA
    ESSES PTRALHAS ESTÃO LOUCOSSSSSSSSSSSSSS
    PREPAREM A CERVEJA MEU POVO
    DOMINGO VAMOS EXPULSAR DE VEZ, O PT DO BRASIL.

  8. Edmilson disse:

    Pronto, quem disso cuida, disso usa, tá explicado a ação do pt

  9. JOAO MARIA disse:

    COM CERTEZA ESTE VELHO LUNÁTICO NÃO IRIA FAZER PROPAGANDA PARA OS PTRALHAS DE GRAÇA

  10. Luiz reinaldo disse:

    Meu santo roger waters nao precisa disso nao teve o pai assassinado pelos nazistas na 2 guerra é bilionario faz shows de protesto pelo mundo todo sempre com lotacao esgotada nao sabe nem quem é esse ministro

VÍDEOS: Cantor diz que “Jesus é travesti e bicha” em show e recebe vaias e garrafas

Johnny Hooker discursou em defesa da peça O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu, retirada do Festival de Inverno de Garanhuns e foi vaiado por espectadores. Veja vídeo de matéria aqui

Depois de uma polêmica que rendeu várias reviravoltas envolvendo a retirada do espetáculo “O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu” da programação do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), no Agreste de Pernambuco, o cantor Johnny Hooker jogou mais gasolina no assunto. Em discurso, ele elevou os ânimos do público ao dizer que “Jesus é travesti”, durante o seu show no palco principal do evento, na sexta-feira (27). A declaração rendeu aplausos, vaias e garrafas arremessadas em direção a ele.

“Eu estou aqui hoje para dizer que Jesus é travesti sim! Jesus é transexual sim! Jesus é bicha sim!” gritou diante do público fazendo referência à peça protagonizada pela atriz trans Renata Carvalho. Enquanto parte dos espectadores aderiu ao coro puxado de “Ih ih ih, Jesus é travesti”, outros não gostaram do comentário e responderam com vaias.

Veja mais vídeo abaixo:

 

Irritado, o cantor, que abriu sua apresentação com um beijo de língua no guitarrista da banda, Felipe Rodrigues, retrucou com um palavrão e criticou quem estava nos camarotes. “Podem me vaiar enquanto tomam uísque pago com dinheiro público”, disparou. Parte da plateia do camarote foi embora e outra começou a jogar garrafas e as pessoas que estavam na pista revidaram a ação. Para amenizar o clima, o artista voltou a cantar.

Em seu Instagram, Johnny Hooker voltou a defender a causa e disse que a arte pode ajudar as pessoas a atravessar tempos de obscuridade e desrespeito aos Direitos Humanos. “A arte obriga as pessoas a olharem para o próximo, a humanizar o próximo, a se identificar com o próximo. Esse é o maior medo dos religiosos fundamentalistas. Eles querem nos separar, mas através do poder infinito de transformação da arte e do amor permaneceremos unidos. Somos milhares de mães e irmãos e filhos, e se silenciam um de nós com violência e opressão outros milhões se levantarão”, escreveu.

A cantora Daniela Mercury já havia atiçado a discussão durante seu show, no dia 22, também no palco principal do FIG. “Censurar uma peça de teatro por convicções religiosas é um absurdo e isso não pode ser permitido. A nossa Constituição não é a Bíblia”, provocou a baiana, arrancando aplausos da plateia.

A celeuma ganhou holofotes, após o prefeito Izaías Régis (PTB) vetar o Centro Cultural de Garanhuns para a apresentação do espetáculo e o governo do estado retirar o monólogo da grade oficial do FIG.

OP9

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Renata disse:

    Jesus é o nosso bem maior e vocês que falam esses pecados vocês são nojentos

  2. Denílson Barreto Ferreira disse:

    Lixo humano!

  3. Cleo disse:

    Acho maravilhosas as pessoas que nos fazem pensar!! Parabéns p você que nos faz entender ??

  4. EZEQUIEL disse:

    Deus te ama.
    Peça perdão.

  5. Leandro Gurgel disse:

    Fica aqui numam manifestação de repúdio total a esse suposto cantor!! Interessante que " esse tipo de gente que não respeita a fé do Estado que não é ateu por mais que seja laico, não faria isso com Maomé ferindo assim o Isla no Brasil." Eles sabem que a religião Cristã é pacífica e não pratica o terrrorismo. Caso contrário, respeitava e muito!

  6. Kamila Oliveira disse:

    NOJO

  7. Bel disse:

    Vamos ver no dia do juízo final.

  8. potiguar disse:

    BIXA RECALCADA

  9. LOL disse:

    Cantor???? Essa 'coisa' canta exatamente o quê??? Lixo!!!

    Se um padre ou pastor falar de púlpito que Deus abomina o pecado, logo será objeto de perseguição, acusado de preconceito. Mas vilipendiar a fé alheia (art. 208 Código Penal) é igualmente crime que afronta a liberdade de crença garantida constitucionalmente. Mas, e agora, autoridades?

    Art. 208 – Escarnecer de alguém publicamente, por motivo de crença ou função religiosa; impedir ou perturbar cerimônia ou prática de culto religioso; vilipendiar publicamente ato ou objeto de culto religioso:

    Pena – detenção, de um mês a um ano, ou multa.

    Parágrafo único – Se há emprego de violência, a pena é aumentada de um terço, sem prejuízo da correspondente à violência.

    Autoridades, cadê vocês, para fazer cumprir as leis?

  10. Me engana disse:

    Um punhado de porras loucas, sem futuro, e sem emprego, querendo aparecer na mídia e parecer famosos, com isso denegrindo a imagem de terceiros que nem podem se defender….. trabalho honesto que é bom eles não querem

    • Yanny disse:

      Me engana, Jesus nào está morto e pode se defender sim. Ninguém escarnece de Deus e fica de graça. Vamos aguardar o fim dessa criatura

  11. Paulo disse:

    Esse safado não respeita o próprio anexo, vai respeitar Jesus?

  12. uthred disse:

    comunista é assim, como dizia meu avô sociabiliza a esposa, caneco etc. e só anda igual a guiné de bando.

  13. euzim disse:

    Esses fascistas exigem respeito, mas não respeitam a convicções e o pensamento diferente das outras pessoas. Nojo de esquerdopata!

  14. Teixeira disse:

    A hora é agora,vamos dá resposta nas urnas a esse povo que defende a destruição das famílias ou depois não adianta,vamos refletir enquanto é tempo!

  15. guimaraes disse:

    Com que autoridade este emissário de satanás em pessoa faz esta declaração? e o povo não fizeram nada, alem de jogar umas latinhas? se ele ao menos dissesse que maomé é feio no mínimo arrancariam sua cabeça. Fim dos tempos.

  16. Vera L Silva disse:

    E pensar q um ser desse foi parido!! Será q foi mesmo? ? Ñ, acho q foi defecado!! Pobre mãe q ter um filho!!

  17. Natalense disse:

    Engraçado que não vi nenhum comentário da petralhada, tão ciosa no combate a todo tipo de intolerância…

    • Sérgio disse:

      Esse deve ter uma paixão recolhida pelo Lula. O assunto é outro, menina…

  18. Helio Motta disse:

    Quem po**a é Johnny Hooker??????
    Um pateta que para conseguir 5min de fama faz esse papelão?
    Mas essa turma é assim. Quer respeito, mas não respeita nada nem ninguém.
    E ai se você disser um "q" com um gay…

    • Vera L Silva disse:

      Um intelectual brasileiro!!! E assim são nossos pseudointelectuais, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, gargalhar para ñ chorar!!!

  19. Marcia disse:

    Final dos tempos mesmo

  20. Arnaldo disse:

    Quero ver ser macho fazendo o mesmo com Maomé, em um show na Palestina!

    • Augusto disse:

      Booooa! kkkkkkkkk
      Não generalizando, mas não é novidade esse povo ser anticristão.

    • Irany Gomes disse:

      Devia era sentar no que ele gosta e ficar caladinho revirando os sócios!!!

  21. José Gilney disse:

    Isso é um absurdo , estou indignado, cadê a justiça ? O inferno vos espera .

Isaac Galvão aproveita show em Natal para denunciar seguranças da prefeitura por homofobia contra seu companheiro

O cantor Isaac Galvão utilizou parte de seu show no largo do Atheneu nesta terça-feira, em Natal, para protesta contra o que chamou de ato de homofobia.

Ao microfone, contou que seu companheiro iria fazer uma homenagem pelo seu aniversário, mas foi detido e espancado pelos seguranças da prefeitura.

Ao cantar a última música, Isaac saiu do palco bradando “abaixo a homofobia no Brasil”.

Foi aplaudido e vaiado.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Fábio disse:

    Isac Galvão é um dos poucos artistas do nosso RN, que é completo. Canta, atua, dança e interpreta. Além de tudo é super profissional, já se apresentou em diversos programas com alcance nacional. Todos os shows dele são excelentes, "sem exceção" tanto faz uma platéia grande como pequena. Força Isaque, você é maior do que esses comentários maldosos. #tmj

  2. Isaque Galvão disse:

    Não foi homofobia.. nem foi a equipe da prefeitura.. foi um segurança do muitos carnavais que se alterou e usou de violência excessiva… não secretira ninguém daquela forma de um.palco.. e se fosse um fã?

  3. Marcelo disse:

    Esse "rabisco de cantor" fez uma apresentação em Pirangi sábado que sinceramente ……. A Xaranga do Frevo ontem no Praia Shopping deu de 10×0 !!!!!!
    Eu até tinha uma admiração por ele, mesmo ser ver cantar. Mais depois de sábado e de ontem, zero pra Isaac Galvão

    • Isaque Galvão disse:

      o senhor não tem obrigação de gostar.. Garanto que muita gente também te detesta.. é natural…

  4. José disse:

    Também estava lá. Acho que faltou profissionalismo da parte do artista. Poderia ter feito seu protesto, como fez, e continuado o show para o qual foi pago e com o qual o público contava. O resto, que fosse resolvido na polícia ou Justiça.

    • Isaque Galvão disse:

      no momento do ocorrido a produção da prefeitura ja havia dado a ordem para encerrar meu show.. A cantora Nacional havia chegado.. e mais.. não fui pago pela prefeitura.. meu show foi contratado pelo muitos carnavais que é um bloco privado…

  5. Alex Xavier disse:

    Estava lá e qualquer explicação e comentário superficial não esclarece o ocorrido. Nem pode ser pré julgado. Pois no momento nem o público sabia o que estava ocorrendo. Como também não vimos o que aconteceu nos fundos. Conceito prévio é Pre-conceito. Preconceito. Uma coisa foi clara: as vaias não foram para Isac Galvão e sim para produção.

  6. Alexandre Magno disse:

    Eita se o Brasil tivesse menos mínimi sairiamos da crise mais rapido e mais felizes . Oh povo pra gostar de besteira pra não dizer outra coisa

    • Isaque Galvão disse:

      Mata Leão no pescoço dos outros é besteira.. se fosse com seu filho queria ver.. pra não dizer outra coisa…

  7. Henrique disse:

    Publiquem coisas interessantes e não mimimi, o rapaz quer só publicidade.

    • Isaque Galvão disse:

      como se eu precisasse disso pra aparecer.. meu gogó me faz aparecer..

  8. Washington luiz disse:

    Gosto muito do Issac pra mim ele é um dos cincos artista do estado que eu esculto no meu carro mais tem coisa que é muita purpurina pra nada mais mesmo assim força issac

    • Isaque Galvão disse:

      Obrigado Washington.. sou muito grato às centenas e centenas de pessoas que estão do meu lado…

  9. Gutierres disse:

    Teatro pra falar de homofobia, tudo planejado!

    • Isaque Galvão disse:

      Não me julgue sem.me conhecer senhor.. Nao preciso desse tipo de divulgação..
      Eu fui apenas constrangido publicamente.. e como ja falei.. Não.foi homofobia e sim despreparo de um segurança particular do muitos carnavais.

  10. Chico disse:

    Isso é literalmente frescuras.

  11. Lutemberg disse:

    Tem que se averiguar os dois lados da moeda. Duvido muito que os seguranças tenham espancado o sujeito pelo simples fato de querer homenagear o "namorado". Apurem melhor, que certamente encontrarão caroço no angu.

    • Isaque Galvão disse:

      um unico segurança bateu boca com meu amigo barrando sua subida no palco (ele estava com a pulseira de acesso) e perdeu a cabeça…sufocando ele com um mata Leão.. despreparo psicológico..

  12. ANTONIO FELIX NETO disse:

    NÃO ACREDITO.

  13. Flavio HBM disse:

    Eu assisti o episódio . Vi seguranças barrando uma pessoa que invadiu o palco. Se espancaram , erraram. Mas para variar, muito mimimi que o cantor fantasiou e deturpou o acontecido. Sempre os homoafetados querendo olofotes.

    • Isaque Galvão disse:

      Realmente me escedi ao pronunciar a palavra homofobia.. o correto é violência gratuita.. abuso de autoridade de um segurança particular do muitos carnavais.

  14. Sérgio Nogueira disse:

    Gays e seus vitimismos… juram por tudo que são seres especiais e contra quem nada pode ser feito. São senhores do certo e errado.
    No Maranhão dois gays se sentiram no direito de ir para a praça da alimentação de um shopping apenas de toalha, porque as borboletas do arco íris entenderam estarem fantasiadas de "banhistas".
    Gays não querem direitos, isso eles têm. Eles querem privilégios.
    Privilégio de fazer o que quiser sem ser incomodado. Mas é bom saberem que o o eles chamam de homofobia muitas vezes é civilidade o nome certo.

    • Fernando Queiroz disse:

      Falou tudo. Prefeito.

    • Isaque Galvão disse:

      Civilidade que não vimos por parte do segurança que agride um membro.da ewuipe do show por pura falta de humanidade e preparo psicológico..
      como já falei, não se tratou de homofobia.. foi um equívoco..

  15. Luiz Fernando disse:

    Deveria entender que é um artista e que estava alí contratado para animar o público, o que o fez bem feito, até querer transformar num evento particular.

    • Isaque Galvão disse:

      O meu show era para um evento particular. Muitos carnavais. meu cachê que inclusive só fa pra pagar a banda.. vai ser pago por uma empresa privada.. por isso tinha outra equipe de seguranças lá além dos da prefeitura..

  16. Jose Ribamar disse:

    E Isaac é Gay?? Nem parece….

  17. Damião Rocha disse:

    Utilizar de um palco pago com dinheiro público pra falar de companheiro?! As pessoas tem que saber separar, pois ali esse cidadão estava pra prestar serviços. Garanto que não foi cantar de cortesia. Sobre o assunto, o cantor deveria ter buscado a autoridade policial numa delegacia de polícia, não a exposição pública. Bem empregadas as vaias.

    • Isaque Galvão disse:

      Não era dinheiro público.. meu show foi contratado por um evento privado: Muitos carnavais. Não cantei de cortesia, mas também não vou ganhar quase nada.. só pago minha banda e sobra o do lanche.. E só pra constar.. quem foi vaiado foi o locutor que tentou justificar que a violência ocorrida era coisa normal..

  18. Elvys disse:

    Escoooo

  19. Folião disse:

    Foi muito mais vaiado, falta de profissionalismo e atesto de grande amadorismo desse potiguar q se dizia uma promessa. Ele encurtou o show dele em 40 min, deixando todos a ver navios… Descontrolou-se no palco!

    • Isaque Galvão disse:

      Você nao sabe o que está falando. 5 minutos antes do ocorrido a produção da prefeitura já havia me dado a ordem para parar pois a artista Nacional tinha chegado.. me mandou cantar só mais 2 músicas.. na metade de uma delas aconteceu a agressão. Eu nunca me achei uma promessa.. mas jamais deixei meu público a ver navios.. aqui em Natal quamdo o artista Nacional chega o local tem que sair imediatamente.. sabia não? pois fique sabendo.. de toda forma eu teria que encerrar naquele momento.. à contra gosto.

  20. Francisco Dantas Gomes disse:

    E muita frescura,pelo amor de Deus….depois que enveantaram esse nome Homofobia é só mi mi mi

    • Isaque Galvão disse:

      Realmente não se tratou de homofobia.. foi violência excessiva por parte de um segurança particular do muitos carnavais. só.

Corona Sunset com Vintage Culture agita Beach Club Natal

A Pink Elephant em parceria o Bob Flash trazem a Natal o fenômeno da E.Music mundial para fazer indiscutivelmente o maior Sunset do ano #CORONASUNSET (OPEN BAR de CORONA das 17-19hrs).

Preparados para um sunset no por do sol mais badalado de Natal? O Beach Club Natal faz no sábado (09) de abril a big party “Corona Sunset”, a atração principal será Vintage Culture, com um histórico de apresentações invejáveis na cena da música eletrônica. Egito, França, Rússia, África do Sul, Inglaterra, Siri Lanka, Canadá, Ibiza, Turquia, Taiti, Austrália, Brasil… De repente, o mundo ficou menor. As mais diversas fronteiras foram ultrapassadas e as mais diferentes culturas, unidas.

Esta é a história da ascensão meteórica do jovem artista Vintage Culture, que com sua música conquistou o mundo.

Line up:

Vintage Culture
RDT
Felipe Bezerra (RN)
Luiz Fernando Samico Vs Octavio Teixeira (REC)
Flávio Álvares (RN)
Kevin Luke (PB)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Sergio Nogueira disse:

    Nosso provincianismo foi ao ápice. Numa chamada com 9 palavras 6 são estrangeiras!
    Tal fato se repete nos hiper bregas prêmios para o "The best of the year", "Top of the world", e por aí vai.
    Qual o mal em ganhar um prêmio ou promover uma festa anunciada em português?

Verão Fora do Script encerra domingo com animações de Fernando Farias e Legal D’Mais

image10Projeto que vem bombando aos domingos em Natal, o “Verão Fora do Script” chega a sua última edição no próximo dia 31, no Decky Bar, em Ponta Negra, com a animação garantida de pagode e forró, a partir das 18h.

A festa tem quase oito horas de duração e terá abertura com o forró de Fernando Farias, seguido da contagiante apresentação do Legal D’Mais, que promove muita interatividade. “No verão as pessoas querendo se divertir e adoram nosso repertório, que coloca eles pra dançarem muito”, explica o vocalista Andrézinho.

Informações detalhadas nos perfis oficiais do projeto no Instagram e Facebook: ForaDoScriptRN.

Ponta Negra vira palco para show gratuito de Yamandu Costa neste sábado

10532867_990865534286227_8034880383408965085_nO violonista e compositor, Yamandu Costa, referência mundial na interpretação da música brasileira, retorna a Natal como convidado da SESI Big Band para um show gratuito e irreverente na Praça Ecológica de Ponta Negra, neste sábado (30), a partir das 20h. A parceria promete uma apresentação com arranjos inéditos que embalam do jazz ao som cubano e do choro ao baião.

O Fest Bossa & Jazz é responsável por esse harmonioso encontro com promoção da Inter TV Cabugi e apoio da Prefeitura Municipal de Natal, PRATIKA, G7 Comunicação, Cyrela Plano & Plano, Between Food & Gallery, Sal e Brasa e Paradise Hotel.

Serviço

Local: Praça Ecológica de Ponta Negra
Data: 30 de janeiro de 2016
Horário: 20h
Entrada Gratuita

Confira o cachê dos artistas do Natal em Natal

Por Agora RN: O Diário Oficial do Município (DOM) trouxe nesta quarta-feira (23) o contrato da última atração nacional do Natal em Natal que ainda não havia tido o seu cachê divulado. A banda Babado Novo receberá por 1h30 de show R$ 65 mil. Desse valor, R$ 62,4 mil sairão do Ministério do Turismo, enquanto os demais R$ 2,6 mil serão por parte da Prefeitura de Natal. Com isso, os recursos do governo federal destinados ao evento ultrapassam os R$ 600 mil.

O Ministério do Turismo é a pasta controlada pelo ex-deputado federal Henrique Eduardo Alves (PMDB), primo do prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT). A “ajuda” financeira do peemedebista expõe a parceria firmada entre ambos em relação as eleições de 2016, quando o pedetista disputará a reeleição. Nos bastidores, apesar de ainda não confirmada, é dada como certa a aliança entre os dois partidos na capital potiguar.

O cantor Dorgival Dantas receberá R$ 90 mil, Elba Ramalho R$ 120 mil e Lucy Alves R$ 45 mil. Elba cantará durante 1h20 no Festival de Música de Natal, no dia 30 de dezembro. O evento será realizado no largo do ginásio Nélio Dias, na zona Norte da cidade. O cachê da paraibana será dividido entre a Prefeitura (R$ 4,8 mil) e o Ministério (R$ 115,2 mil).

Já Dorgival receberá R$ 3,6 mil do município e R$ 86,4 mil do Ministério do Turismo para cantar durante 1h20 no mesmo local.

Lucy Alves fará um show de 1h30 também no Nélio Dias. O cachê da artista será dividido da seguinte forma: R$ 43,2 mil pagos pelo governo federal por meio do Ministério do Turismo, e R$ 1,8 mil alusivo à contrapartida da Prefeitura.

Os salários incluem “todas as despesas de logística aérea e terrestre, hospedagem e alimentação, excesso de bagagem e impostos da nota fiscal”, segundo informa os extratos publicados no DOM.

Outro cachê confirmado é o da banda Paralamas do Sucesso, que receberá R$ 158 mil para se apresentar por 1 hora no dia 26 de dezembro de 2015, na área externa do Arena das Dunas. Desse valor, R$ 151,6 mil são oriundos de repasses do Ministério do Turismo, enquanto a Prefeitura pagará apenas R$ 6,3 mil como contrapartida.

Já Fafá de Belém receberá R$ 100 mil por um show que deverá durar 1h20 no dia 27 de dezembro, também na área do Arena das Dunas. Desse total, R$ 96 mil serão pagos pelo Ministério do Turismo, enquanto somente R$ 4 mil sairão dos cofres do Palácio Felipe Camarão.

A cantora Margareth Menezes também teve seu cachê divulgado. A baiana receberá R$ 100 mil por 1h20 de show no dia 25 de dezembro, na Arena das Dunas. O Ministério do Turismo pagará R$ 96 mil, enquanto R$ 4 mil ficará como contrapartida da Prefeitura.

Das atrações que tiveram seus pagamentos publicados, apenas o cantor Fagner não receberá recursos oriundos do Ministério do Turismo. O artista cantará no dia 27 de dezembro e receberá R$ 115 mil, sendo R$ 70 mil bancados por meio da lei de incentivo fiscal, a partir dos patrocínios obtidos, enquanto a Prefeitura pagará os R$ 45 mil restantes.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bruno Cortêz disse:

    Natal é cidade turística, querem atrair turistas ? Certíssimo a contratação de grandes cantores e bandas, só acho que alguns valores poderiam ser melhorados para o contribuinte, apesar de incluir imposto do prestador de serviço, hospedagem e transporte.

  2. Rogerio Azevedo fotógrafo disse:

    E aí falta dinheiro para tanta coisa necessária… Más para trazer um bando de artistas de fora não, imagine este mesmo valor dividido entre artistas locais, valores que ficariam aqui e seriam gastos aqui….

  3. Lopes disse:

    30% de cada um ai esta indo para o bolso de alguém.
    Esses valores não condiz com os custos reais de cada banda!

  4. Elde Pereira disse:

    A velha politica do "pão e circo".
    O povo gosta é de festa, enquanto isso o país afunda-se em dívidas e mais dívidas.

  5. Godim disse:

    100 mil por Margareth Menezes?????

    Sou muito mais Pedrinho Mendes!

  6. Leonardo disse:

    Simplesmente absurdo. Enquanto isso o IPTU 2016 está sendo cobrado ainda em 2015 em razão da falta de recursos na prefeitura.

  7. José Carlos disse:

    Não existe absolutamente nada de graça, é o velho dinheiro do pagador de impostos sendo torrado em praça pública!

  8. Renato Lopes disse:

    Enquanto isso a saúde, segurança e educaçã, baubau……

Pirangi Summer divulga datas e programação dos melhores shows do verão

Aviões do ForróApós anunciar atrações, o maior verão de todos os tempos do Rio Grande do Norte divulga datas e programação de shows do Pirangi Summer, que acontece na Arena Ecomax na praia de Pirangi. A abertura do Pirangi Summer 2016 acontece dia 8 de janeiro (sexta-feira) com Henrique & Juliano, Marília Mendonça e Mano Walter.

Os irmãos Henrique & Juliano tocaram no Pirangi Summer deste ano e o sucesso foi tamanho que eles retornam ao evento em 2016. Desta vez, chegam após a gravação do seu novo DVD, que aconteceu em Recife, e trazem os sucessos “Não Tô Valendo Nada”, “Eu Sou Gordinho”, “Cuida Bem Dela” e “na hora da raiva”.

Marília Mendonça estreia no Pirangi Summer e já chega como uma das compositoras mais requisitadas da atualidade. Ela é compositora de diversos hits da mais recente fase da música sertaneja. Há alguns meses começou a trabalhar novamente a sua carreira de cantora. Ela coleciona sucessos. Dentre eles, “Calma” gravada por Jorge & Mateus, “somos só metade”, “meu cupido é gari”, “folgado”, “hoje somos só metade” e muitos outros sucessos.

Para fechar a programação do primeiro dia de Pirangi Summer, Mano Walter sobe ao palco da Arena Ecomax com seu forró de estilo irreverente e sucessos como “Playboy fazendeiro” e “balada do vaqueiro”.

Já a segunda noite do Pirangi Summer acontece dia 16 de janeiro (sábado) com Aviões do Forró, Bruno & Marrone e Léo Verão. Xand e Solange desembarcam com o Aviões do Forró mais uma vez na Arena Ecomax após o lançamento do DVD Pool Party do Aviões, gravado no Beach Park, em Fortaleza.

Bruno & Marrone vão estrear no Pirangi Summer trazendo na bagagem quase 30 anos de parceria e sucessos na música sertaneja. O estilo inconfundível, qualidade vocal e diferenciado repertório, sempre estiveram coerentes com a linha de trabalho da dupla, popular, carismática, com grande aceitação do público feminino e masculino, de todas as classes socioeconômicas e faixas etárias.

Para completar, Léo Verão traz a mistura de ritmos como rock, pop, reggae e sertanejo. Ele é um dos pioneiros do estilo mashup. A ideia é dar uma nova roupagem em cima das músicas sertanejas, mas trazendo para o mundo pop.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. lidiane disse:

    eu queria saber quanto ta o ingresso de amanhã pro show do safadao aí no pirangi

  2. Priscila disse:

    Não gostei, Bell Marques não vem… –'

  3. AUTORIDADE disse:

    Pode preparar o bolso, que a PISTA no minimo 60 reais, e FRONTSTAGE 90 reais, AREA VIP 150, AREA PREMIUM. Kkkkkk. Saudades dos eventos que não tinham curral dividindo as classes.

  4. Bismarck P. Sátiro disse:

    Quero ver o preço das entradas e se realmente a galera estrá em crise. Não é possível que continue isso nesta cidade. Já teve o carnatal que foi um fracasso, quero ver agora.

Daniel Boaventura volta a Natal com o show Your Song

O cantor e ator baiano Daniel Boaventura volta a Natal para única apresentação do novo show Your Song, no dia 7 de agosto, às 21h, no Teatro Riachuelo. No repertório, clássicos do jazz e do rock romântico como The Lady Is A Tramp, Perhaps, Perhaps Perhaps, Love Me Tender e Your Song, que dá nome ao DVD e apresentação.

Além das músicas em inglês, pela primeira vez Daniel Boaventura canta em português. Ele presta homenagem a Roberto Carlos ao interpretar os sucessos Como Vai Você, Olha e Como é Grande o Meu Amor Por Você.

Por fim, a ideia é que o público movimente o corpo ao pop-som de Moves Like A Jagger, sucesso do Maroon 5; September, do repertório do Daughtry; Never Can Say Goodbye, de Gloria Gaynor; e Last Dance, um dos maiores sucessos da cantora americana Donna Summer (1948-2012). Pela quarta vez seguida a produção local do show é assinada pela Idearte Produções.

Show do projeto Seis e Meia é cancelado após interdição do Teatro Alberto Maranhão

Devido ao cumprimento de interdição do Teatro Alberto Maranhão, por determinação da Justiça do Rio Grande do Norte, está cancelado o show do projeto Seis e Meia da próxima terça-feira,21 de julho. A edição teria apresentações do violeiro Xangai e da artista local, Valéria Oliveira.

As realizadoras do projeto, Idearte Produções e Super Star, lamentam o cancelamento, agradecem a compreensão e pedem desculpas ao público pelos transtornos.

O procedimento para estorno da compra dos ingressos será realizado pelo Teatro Alberto Maranhão, interessados devem entrar em contato pelo telefone: (84)3222-3669.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. MANOEL disse:

    absurdo o governo deixar fechar o tam por falta de estrutura. Sandoval Wanderley tmb tá caindo os pedaços. vergonha.