Anitta adota estratégia de Safadão e chega a faturar R$ 500 mil por show

Foto: Divulgação

Anitta não sai de casa para fazer um show por menos de R$ 500 mil. Cobrando um cachê atual em R$ 250 mil por apresentação, a Poderosa prefere hoje fechar contratos com empresas para grandes apresentações, garantindo assim que o cachê duplique ao receber ainda uma porcentagem nos lucros do evento, como ingressos e consumação. Essa estratégia já é utilizada por cantores como Wesley Safadão, por exemplo.

Com isso, Anitta passa a fazer menos shows por mês, mas se apresentando em grandes eventos, com grandes públicos, prática que só é permitida para uma artista como ela, que está no auge da carreira. Em junho, por exemplo, a Poderosa recebeu da Prefeitura de Parintins, no Amazonas, R$ 500 mil para cantar na tradicional festa dos bois Caprichoso e Garantido.

O valor engloba passagem, translado, hospedagem e alimentação dela e de mais 32 pessoas da equipe, entre músicos, iluminadores, camareiros e maquiadores. E, claro, o cachê desses funcionários. Cada bailarina de Anitta, por exemplo, ganha por show R$ 350.

Show na final da Libertadores

Não é só o atual valor do cachê que comprova que Anitta está no auge da careira. A Poderosa tem mais um compromisso internacional até o fim do ano. Ela vai se apresentar na final da Copa Libertadores no próximo dia 23, em Lima, capital do Peru, no jogo do Flamengo contra o River Plate. Apesar de ela ser torcedora do Botafogo, ninguém duvida que seu coração vai virar, pelo menos naquele momento, rubro-negro.

Extra – O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. AF disse:

    Ela precisa aprender a cantar, né?
    Tem uma boa fono que pode até ajudar, rs. Jana Pimenta, a mesma fono de Ivete e DJavan, por favor, dê um jeitoooo!

Bolsonaro chega a Brasília após visita a cinco países

Foto: José Dias/PR

O presidente Jair Bolsonaro chegou nesta quinta-feira (31) ao Brasil após viagem por cinco países da Ásia e Oriente Médio, onde apresentou as reformas que o governo está empreendendo na área econômica e as oportunidades de investimento no país. O voo com a comitiva presidencial pousou por volta das 7h na Base Aérea de Brasília.

Cerca de meia hora depois, Bolsonaro chegou ao Palácio da Alvorada e entrou sem falar com a imprensa. Nesta quinta-feira, o presidente não tem compromissos oficiais e deve passar o dia no Palácio da Alvorada. Durante dez dias, Bolsonaro esteve em encontros e seminários com empresários e investidores e assinou vários acordos bilaterais com os países por onde passou: Japão, China, Emirados Árabes Unidos, Catar e Arábia Saudita.

Ele começou o tour pelo Japão, onde participou da cerimônia de ascensão ao trono do imperador japonês Naruhito, em Tóquio e se reuniu com o primeiro-ministro, Shinzo Abe, na busca por novos negócios com o país asiático, como exportação de carne brasileira e acordos em ciência e tecnologia.

Na China, o presidente brasileiro reuniu mais ministros em sua comitiva, como da Agricultura, Tereza Cristina, e o de Minas e Energia, Bento Albuquerque, que já estavam no país em reuniões com autoridades e empresários para tratar de oportunidades de investimento e aprofundamento as relações comerciais. Em encontro com o presidente chinês, Xi Jiping, Bolsonaro assinou vários acordos bilaterais em agricultura e comércio, energia e educação e pesquisa.

Além dos atos com o governo, foram assinados acordos comerciais na área de infraestrutura e agricultura. Bolsonaro ainda convidou empresários chineses para participarem do megaleilão de óleo e gás, que acontecerá no dia 6 de novembro. Na ocasião, o presidente ainda anunciou a isenção de visto para a entrada de chineses no Brasil.

Oriente Médio

No Oriente Médio, o objetivo do presidente e sua comitiva de ministros foi atrair os investidores, em especial para os projetos de concessões e privatizações do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI). Os países dessa região possuem grandes fundos soberanos em busca de oportunidades em países emergentes. Eles também são grandes compradores de produtos do agronegócio brasileiro.

Em visita oficial aos Emirados Árabes Unidos, o presidente Jair Bolsonaro firmou oito atos em várias áreas como paz e segurança, cooperação econômica, inteligência artificial, meio ambiente e defesa e anunciou investimentos do grupo Mubadala, um dos dois grandes fundos soberanos dos Emirados Árabes Unidos, no Brasil.

No Catar, Bolsonaro assinou vários acordos, entre eles para a isenção de visto de entrada nos países de turistas, pessoas em trânsito ou em viagens de negócios e para cooperação em grandes eventos esportivos. O país do Oriente Médio vai sediar a Copa do Mundo de futebol em 2022.

No último país do tour presidencial, a Arábia Saudita, o presidente brasileiro anunciou a parceria com o Fundo de Investimento Público saudita (PIF), que pode resultar no desenvolvimento de projetos de até US$ 10 bilhões no Brasil. Em encontro com o rei Salman Bin Abdulaziz Al Saud também foram celebrados atos em várias áreas, entre elas pesquisa industrial, desenvolvimento e tecnologia de defesa; cooperação cultural; e parcerias entre as entidades sauditas, a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) e o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social).

R7

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ivan disse:

    Missão cumprida com louvor!!!! Parabéns mito!!!! Mais uma vitória para os brasileiros q trabalham e produzem!!!!

Arrecadação de impostos federais atinge R$ 1 trilhão de janeiro a agosto, o melhor em cinco anos

Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil

A arrecadação das receitas federais somou R$ 119,951 bilhões, em agosto de 2019, informou hoje (24) a Secretaria da Receita Federal do Ministério da Economia. O crescimento real (descontada a inflação), comparado ao mesmo mês de 2018, chegou a 5,67%. É o maior resultado para o mês desde agosto de 2014 (R$ 124,372 bilhões).

Nos oito meses do ano, a arrecadação chegou R$ 1,015 trilhão, com aumento real de 2,39%. O valor corrigido pela inflação chegou a R$ 1,023 trilhão, o maior volume arrecadado no período também desde 2014, quando chegou a R$ 1,030 trilhão em valores corrigidos pela inflação.

Segundo o chefe do Centro de Estudos Tributários e Aduaneiros da Receita, Claudemir Malaquias, em agosto, assim como em julho, o resultado foi influenciado pela arrecadação de receitas extraordinárias de aproximadamente R$ 5,2 bilhões com Imposto de Renda da Pessoa Jurídica e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido.

De acordo com Malaquias, isso aconteceu devido a reorganizações societárias, em que há incidência dos tributos sobre o ganho de capital com a nova organização societária das empresas. Ele acrescentou que esse movimento ocorre em momento de recuperação da atividade econômica. Em julho, essa arrecadação extraordinária ficou em R$ 3,2 bilhões. Malaquias acrescentou que essas reorganizações ocorrem em grandes empresas, entre elas, estatais. Segundo ele, se o governo mantiver o empenho em realizar mais privatizações, isso dará mais impulso à arrecadação.

Ele afirmou ainda que “o desemprenho da arrecadação está bem superior ao ritmo de retomada da economia”. “Os indicadores macroeconômicos mostram que temos um ritmo de atividade econômica mais dinâmico do que em 2018 e isso está refletindo na arrecadação”, disse.

De acordo com a Receita, também houve influência do crescimento do ganho de capital na venda de bens e de ganhos líquidos em operações em bolsa, refletindo na arrecadação. A Receita também registrou crescimento da arrecadação do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) em razão do aumento do volume de operações de crédito.

Receitas administradas pela Receita

As receitas administradas pela Receita Federal (como impostos e contribuições) chegaram a R$ 117,533 bilhões, em agosto, com aumento real de 6,02%, e acumularam R$ 971,817 bilhões nos oito meses do ano, alta de 2,11%.

As receitas administradas por outros órgãos (principalmente royalties do petróleo) registraram queda em agosto. Essas receitas totalizaram R$ 2,418 bilhões, no mês passado, com retração de 5,86% em relação a agosto de 2018. De janeiro a agosto, o total chegou a R$ 43,464 bilhões, com aumento real de 8,98%, na comparação com o mesmo período do ano passado.

Agência Brasil e O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Delano disse:

    Não tem mais luladrão/dilmanta/temer pra receber propina, em troca de imposto. Assim, mesmo com a economia em declínio a arrecadação sobe.

Nota Potiguar chega ao terceiro sorteio com seis novos premiados; veja lista

Fotos: Divulgação

A Nota Potiguar divulgou nesta sexta-feira (20) os nomes dos contemplados no terceiro sorteio mensal da campanha, ocorrido ontem. Seis potiguares foram os sortudos quem vão receber R$ 118 mil em dinheiro. Foram três ganhadores da capital e outros três do interior do Rio Grande do Norte, que moram nas cidades Mossoró, Portalegre e Nova Cruz. Esses cidadãos participam da campanha ao baixar o aplicativo Nota Potiguar e exigir a inclusão do CPF na nota no momento das compras.

O primeiro prêmio no valor de R$ 50 mil foi para Edinalva Castro da Costa, que mora em Mossoró. Já Maria Aurimar Fernandes Nobre, de Portalegre, vai receber R$ 30 mil, enquanto Romildo de Carvalho Silva, de Natal, ficará com R$ 20 mil. Maria de Fátima de Araújo, também de Natal, vai ganhar R$ 10 mil. O quinto e sexto prêmios ficaram com Lucas Silva de Medeiros e Dionísio Inácio da Rocha Júnior respectivamente, que ganharão, cada um, R$ 4 mil. A relação completa dos sorteados e as instituições filantrópicas contempladas pode ser conferida no site https://np.set.rn.gov.br/portal/#/sorteios/ganhadores/ganhadores_3_sorteio

Com esse sorteio, o Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Tributação, soma um repasse total de R$ 831 mil, distribuídos entre instituições e os cidadãos que exercem sua cidadania fiscal, ajudam a combater a sonegação fiscal e asseguram o funcionamento de serviços públicos essenciais. A última entrega dos prêmios ocorreu no dia 13 deste mês.

Os recursos favorecem também as instituições filantrópicas que desenvolvem ações para a sociedade nas áreas de saúde, educação, assistência social e esportiva. As instituições cadastradas e escolhida pelos ganhadores também são contempladas com 50% do valor da premiação. Todas vão partilhar – desde que atinja ao menos 0,5% do total de pontos – um prêmio de R$ 30 mil igualitariamente. Os R$ 70 mil serão distribuídos proporcionalmente entre as instituições que atingiram o maior número de ponto.

Ao todo, são distribuídos todos os meses R$ 118 mil para os consumidores e R$ 159 mil para as instituições filantrópicas cadastradas com sorteios baseados nos números da Loteria Federal. A campanha já conta com mais de 158,8 mil usuários, que instalaram o aplicativo da campanha, 123 instituições cadastradas e 44,7 mil estabelecimentos. Nesse período, já foram processados através do programa quase 8 milhões de documentos fiscais emitidos.

Para concorrer aos sorteios

Para participar dos sorteios, é bem fácil. Basta baixar o aplicativo Nota Potiguar, disponível para os sistemas operacionais Android e iOS, e solicitar a inclusão no CPF na nota no momento das compras. Cada R$ 50 acumulados valem um ponto. Mas uma nota fiscal dá direito a, no máximo, cinco pontos. E durante todo o mês o acúmulo máximo é de 50 pontos.

Com esse montante, o participante pode trocar por desconto de até 10% no valor do IPVA (20 pontos a cada mês) e participar de sorteios de prêmios em dinheiro. Além disso, tem a possibilidade de trocar três pontos por um abadá no bloco exclusivo da Nota Potiguar, puxado por Capilé, no Carnaxelita, que será realizado no dia 5 de outubro. Cada participante tem direito a destinar os pontos a até dois abadás.

Preço dos combustíveis

Em períodos de aumento no preço dos combustíveis, a Nota Potiguar também presta mais um serviço ao consumidor. O aplicativo disponibiliza o Menor Preço, uma espécie de radar que aponta onde o combustível está mais em conta. O app faz uma busca por cidade e localidade e identifica o estabelecimento com o menor valor do litro de gasolina, diesel e álcool. Toda a informação sobre os valores dos produtos é obtida por meio da nota fiscal solicitada pelos usuários do no momento das compras, e por isso o serviço não consiste em promoção ou propaganda, depende da colaboração dos consumidores. Até o fim do mês, os medicamentos também entram na lista de produtos cujos preços são pesquisados.

A Nota Potiguar é uma campanha que integra as ações do Programa de Cidadania e Educação Fiscal do Rio Grande do Norte. A expectativa é que, com o programa, o Governo arrecade em torno de R$ 84 milhões por ano através dessa conscientização do cidadão em pedir a nota fiscal e a inserção do CPF. Os detalhes da campanha, o regulamento e as funcionalidades do aplicativo podem ser conferidos no site oficial do programa www.np.set.rn.gov.br.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luciana Morais Gama disse:

    Será que o aplicativo da NOTA POTIGUAR também mostra com quanto o estado fica em dinheiro por cada litro de gasolina vendida??? Seria o ideal pra gente ter uma ideia se o posto tá explorando.

Câmara Municipal de Parnamirim chega ao bairro de Nova Esperança e vereadores debatem melhorias para população

Fotos: Divulgação

O bairro Nova Esperança recebeu, na noite dessa quarta-feira(4), o projeto ‘Câmara na Rua’ – que tem o objetivo de levar as comunidades de Parnamirim a Câmara Municipal, de forma intinerante, a realização de sessões e audiências públicas. A ação ocorreu na Escola Municipal Maria de Jesus e contou com a participação de vereadores e moradores da localidade.

Na oportunidade, a Câmara levou parte de sua estrutura para realizar a 88ª sessão ordinária. Os trabalhos foram abertos pelo presidente da casa legislativa, vereador Irani Guedes, que destacou a importância do parlamento chegar até os bairros. “Esta legislatura tem trabalhado junto ao povo, não somente com as visitas individuais de cada vereador, mas com a presença da Câmara nos bairros, através desse projeto itinerante, que é a oportunidade da população conhecer de perto e reivindicar suas demandas aos parlamentares”, frisou.

Durante quase duas horas de sessão, os vereadores que se inscreveram para fazer uso da palavra, discutiram melhorias para o bairro de Nova Esperança. A vereadora Rhalessa Freire(pode) informou que solicitou emenda parlamentar para reforma e ampliação da Unidade de Pronto Atendimento do bairro. “Fomos à Brasília e procuramos a senadora Zenaide Maia para tentarmos uma emenda de seu mandato para garantirmos a ampliação estrutural da UPA daqui de Nova Esperança”, disse.

A vereadora professora Nilda usou a tribuna para cobrar a finalização da reforma da Unidade Básica de Saúde da localidade. “É um absurdo a demora que se leva para concluir uma simples reforma da UBS daqui do bairro e a prefeitura não se pronuncia. O que está levando os moradores daqui a irem para outros bairros a procura dos serviços de saúde”, relatou.

O vereador Gustavo Negócio enalteceu o desenvolvimento do bairro e da presença dos moradores que se fizeram presentes durante a sessão ordinária. “Nova Esperança é um dos bairros mais populosos de Parnamirim e um dos mais importantes também, pois temos a UPA aqui e agora está recebendo o asfaltou nas suas principais vias. Parabenizo a população que veio aqui ouvir os vereadores e reivindicar suas demandas”, agradeceu.

Após a sessão, o microfone foi aberto à população. Michael Borges aproveitou para solicitar melhorias para o bairro e parabenizou a Câmara pela iniciativa de estar junto às comunidades. “Nosso bairro ainda necessita de muitas melhorias, como ordenamento urbano, estacionamento na UPA e serviços nas escolas e UBS daqui, além da presença do poder executivo em Nova Esperança. Desde já, parabenizo aos vereadores que aqui estão dialogando como todos nós”, falou.

Por fim, o presidente Irani Guedes anunciou que todas as reivindicações feitas pelos moradores serão transformadas em indicações e encaminhadas à prefeitura.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Flauberto Wagner disse:

    Coisa boa é ano pré eleitoral aonde a coisa começa ganhar forma e por tabela os nossos edis vão aos bairros se apresentarem como representantes do povo e com isso tentarem faturarem uns votinhos, uma seção intinerante é apenas para a exposição de alguns como resultados práticos em prol na comunidade igual a zero.
    Gostaria que os nossos representantes fossem fazerem uma seção desta lá na posse que existe no loteamento Parque das Árvores e verem de perto o quanto a coisa lá é complicada em todos os sentidos, falta tudo até dignidade e valorização da pessoa humana.
    Lá na praça aonde fica Ginásio Jorge Tavares, próximo a Avenida Abel
    Cabral, quandoo chega às 18:00 hs o local vira uma verdadeira hospedaria a céu aberto, lá rola de tudo.
    Quando os nossos edis vão se investirem de legisladores cargos para quais foram eleitos e verem Parnamirim de forma "Macro" e não como simples curral eleitoral loteado entre eles e elas como uma coisa banal.
    Outra coisa, é de chocar as palavras chulas e de baixo calão do presidente da casa em relação ao prefeito, em um áudio que circula nas redes sociais, mas como disse um cidadão lá no mercado velho, eles se equivalem e que estão apenas bringando pelo poder ou que estão fingindo neste circo deprimente.
    A coisa anda de ladeira abaixo, hoje tem outro áudio gravado que segundo as redes sociais é autoria do senhor presidente da casa, que pela voz está em estado etílico e fala de boca cheia e faz algumas citações sobre as eleições, inclusive para a mesa da casa.

IBGE: RN chega a 3,5 milhões de habitantes em 2019; Natal registra 884.122

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população do Rio Grande do Norte possui 3.506.853 habitantes. Essa é a estimativa com o total de habitantes dos estados e dos municípios publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (28), e se refere a 1° de julho de 2019.

A nova estimativa representa um aumento de 0,80% em relação ao que havia sido publicado pelo IBGE em 2018, quando o total de habitantes no RN era de 3.479.010 de pessoas. Entre as cidades mais populosas, Natal é a maior com (884.122 habitantes), seguida de Mossoró (297.378) e Parnamirim (261.469).

Quanto as dados gerais, a população brasileira foi estimada em 210,1 milhões de habitantes em 5.570 municípios. O número representa um aumento de 0,79% na comparação com a população estimada do ano passado. Em 2018, o IBGE estimou um total de 208,5 milhões pessoas.

São Paulo é o estado mais populoso, com 45,91 milhões de pessoas, seguido por Minas Gerais (21,16 milhões), Rio de Janeiro (17,26 milhões) e Bahia (14,87 milhões).

Entre os municípios, São Paulo segue como o mais populoso, com 12,25 milhões de habitantes, seguido pelo Rio de Janeiro (6,72 milhões), Brasília (3,0 milhões) e Salvador (2,9 milhões).

INTIMAÇÃO: Portal Justiça Potiguar chega no RN; conheça e registre a sua audiência

O Rio Grande do Norte, a partir desta quinta-feira, 1ª de agosto de 2019, ganha mais uma opção em conteúdo jurídico. Chegou o Justiça Potiguar, voltado aos estudantes de direito, advogados, juízes, promotores e procuradores.

Com o objetivo da ampla cobertura no segmento, o portal também se apresenta para desmistificar o setor e oferecer ao leitor, em geral, uma linguagem direta e simples dos principais assuntos locais e pelo de relevância em escala nacional.

Novo estoque de soro antirrábico e antibotrópico chega ao Rio Grande do Norte

Foto: Ilustrativa

A Secretaria de Estado da Saúde Pública informa que recebeu do Ministério da Saúde, na última semana, uma nova remessa de soro antirrábico, suficiente para 66 atendimentos em adultos, e de soro antibotrópico – utilizado em casos de picadas de jararacas -, para 16 atendimentos graves.

Novamente, a Sesap orienta a população para os cuidados necessários para prevenção de acidentes com peçonhentos e animais que podem transmitir o vírus da raiva. Importante ressaltar que todos os alertas emitidos, nos últimos dois meses, consistem em medidas preventivas para evitar novos acidentes tendo em vista a situação nacional vivenciada de estoque crítico e desabastecimento dos soros.

Prevenção de acidentes com animais peçonhentos

– Evitar acúmulo de lixo ou entulhos que possam atrair ratos (um dos principais alimentos das serpentes) ou outros pequenos animais;

– Não colocar as mãos desprotegidas em buracos e cupinzeiros, folhas secas, monte de lixo, lenha, palhas etc.;

– Usar luvas de couro ao manejar locais onde as serpentes possam estar presentes, tais como matas, tocas, troncos e lenhas árvores;

– No amanhecer e no entardecer, evitar a aproximação da vegetação muito próxima ao chão, gramados e jardins, pois é nesse momento que serpentes estão em maior atividade;

– Usar sapatos fechados de cano alto ao andar e caminhar na mata ou entre folhas secas.

Prevenção de acidentes com animais que podem transmitir a raiva

– Evite o contato com animais silvestres como saguis e raposas

– Ao encontrar um morcego caído ou morto, não toque no animal

– Cães ou gatos que forem encontrados em contato com morcegos devem ficar em isolamento

– Não faça contato com cães e gatos de rua

Em caso de dúvidas e mais informações, basta entrar em contato com o Centro de Assistência Toxicológica, por meio do 0800 281 7005 ou 98803-4140 (whatsapp).

INVADE ATÉ WHATSAPP: Software para espionar celular chega ao Brasil

Foto: Arte de Mateus Valadares

Pegasus é o nome de um equipamento (software mais hardware) capaz de invadir um telefone celular à distância, sem que o alvo perceba, e captar absolutamente tudo que houver no aparelho. Identifica e recolhe sorrateiramente desde o histórico de conversas do WhatsApp e do Telegram até imagens e áudios por meio da ativação de câmera e microfone em tempo real.

ÉPOCA apurou que o Pegasus chegou a ser oferecido à PF por US$ 2,7 milhões. Os responsáveis pelas vendas no Brasil, os executivos Marcelo Comité e Luciano Alves de Oliveira, funcionários da NSO Group na América Latina, conduzem uma política agressiva de vendas no país.

A proximidade do presidente Jair Bolsonaro com Israel contribuiu para que a NSO Group, que tem entre seus donos um militar israelense, fizesse do Brasil um de seus potenciais clientes. Entre os 136 militares de Israel destacados para ajudar nas buscas em Brumadinho, estava Shalev Hulio, CEO da NSO Group. Em março, Bolsonaro visitou a brigada da qual o executivo do mundo da espionagem é reservista em Israel.

Em Brasília, há quem desconfie de que as conversas entre o ministro da Justiça, Sergio Moro, e procuradores da força-tarefa da Lava Jato, vazadas pelo site The Intercept, tenham sido colhidas por meio do Pegasus.

A íntegra da reportagem sobre o Pegasus no Brasil está disponível nesta edição da revista ÉPOCA:

PIRATAS DO AR

HACKER AQUI
Chega ao Brasil o equipamento israelense que invade celulares sem interação com o usuário

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Daniel disse:

    Se invadir o meu só vai ver putaria do XVídeos kkkkkkkkkk

Sentença que condenou Lula no processo do sítio de Atibaia chega ao TRF-4

Foto: Sérgio Castro/Estadão Conteúdo/Arquivo

A sentença que condenou o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva pela segunda vez na Lava Jato foi distribuída na noite de quarta-feira (15) no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em Porto Alegre. O tribunal é a segunda instância da Justiça Federal de Curitiba, onde Lula foi condenado no dia 6 de fevereiro.

O ex-presidente recebeu pena de 12 anos e 11 meses, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, no processo do sítio de Atibaia. A sentença foi assinada pela então juíza substituta da 13ª Vara Federal de Curitiba, Gabriela Hardt, antes de Luiz Antônio Bonat assumir a vaga de Sérgio Moro.

A decisão em primeira instância precisa passar pelo julgamento do colegiado de desembargadores da 8ª Turma do TRF-4. Não há previsão para esse julgamento.

A partir da chegada da sentença no TRF-4, o relator do caso no Tribunal, João Pedro Gebran Neto, deve abrir prazo para manifestações dos réus. Depois, é o Ministério Público Federal, autor da denúncia, quem se manifesta.

Após a análise das provas, de ouvir os advogados e o Ministério Público, o relator prepara o voto com as suas conclusões.

O processo, então, vai para uma sessão de julgamento na 8ª Turma, formada por Gebran Neto e outros dois desembargadores. Eles podem seguir ou não o voto do relator. A decisão final é por maioria de votos.

A defesa de Lula nega as acusações. Em nota, após a condenação, destacou que “uma vez mais a Justiça Federal de Curitiba atribuiu responsabilidade criminal ao ex-presidente tendo por base uma acusação que envolve um imóvel do qual ele não é o proprietário, um ‘caixa geral’ e outras narrativas acusatórias referenciadas apenas por delatores generosamente beneficiados.”

Denúncia do sítio de Atibaia

De acordo com o Ministério Público Federal, Lula recebeu propina do Grupo Schain, de José Carlos Bumlai, e das empreiteiras OAS a Odebrecht por meio da reforma e decoração no sítio Santa Bárbara, em Atibaia (SP), que o ex-presidente frequentava com a família. Outras 12 pessoas foram denunciadas no processo.

A acusação trata do pagamento de propina de pelo menos R$ 128 milhões pela Odebrecht e de outros R$ 27 milhões por parte da OAS.

Para os procuradores, parte desse dinheiro foi usada para adequar o sítio às necessidades de Lula. Segundo a denúncia, as melhorias na propriedade totalizaram R$ 1,02 milhão.

O MPF afirma que a Odebrecht e a OAS custearam R$ 850 mil em reformas na propriedade. Já Bumlai fez o repasse de propina ao ex-presidente no valor de R$ 150 mil, ainda conforme o MPF.

Segundo o MPF, Lula ajudou as empreiteiras ao manter nos cargos os ex-executivos da Petrobras Renato Duque, Paulo Roberto Costa, Jorge Zelada, Nestor Cerveró e Pedro Barusco, que comandaram boa parte dos esquemas fraudulentos entre empreiteiras e a estatal, descobertos pela Lava Jato.

Primeira condenação

A sentença do sítio de Atibaia é a segunda condenação de Lula na Lava Jato. O ex-presidente cumpre pena na Polícia Federal de Curitiba por corrupção e lavagem de dinheiro no caso triplex do Guarujá (SP), desde abril do ano passado.

Em abril deste ano, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve condenação e reduziu pena para 8 anos e 10 meses, em decisão unânime.

Antes disso, o recurso em segunda instância havia sido negado no TRF-4, que aumentou a pena da primeira instância, de 9 anos e 6 meses, para 12 anos e 1 mês.

A prisão do ex-presidente ocorreu após o esgotamento dos recursos no TRF-4. O andamento do processo tramitou durante cinco meses na segunda instância, até a decisão.

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Muy lindo disse:

    O homem(bandido) mais honesto do mundo foi condenado de novo. Mais um caso de parcialidade de alguém do Judiciário condenando esse santo gatuno.

  2. Cigano Lulu disse:

    Se ele não teimasse tanto em confrontar a Justiça, e tivesse um advogado influente e competente, já estaria na domiciliar.

  3. Lampejao disse:

    Lula tá é Liso……………kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. Lourdes Siqueira disse:

    A minha curiosidade é saber como esse "pobre" ser consegue pagar tantos advogados hollywoodianos, se ele sempre viveu da caridade dos amigos até para passar fim de semana num sitiozinho. Esse pobre homem tao humilde, nao possui nada em seu nome. Enganado por todos, até pela santa esposa( assim ele disse).
    Só uma pesquisa científica explicaria.

  5. Luladrão Encantador de Asnos disse:

    Mais fumo entrando.

  6. JOAO MARIA disse:

    ESTA DEFESA DE LULA PARA A DO VASCO DA GAMA, NÃO GANHA UMA, MAIS UMA COISA E CERTA VÃO FICAR MILIONÁRIOS FINGINDO DEFENDER O QUE NÃO TEM DEFESA

GATO PIVÔ DE DISPUTA: Proibição de animais de estimação em condomínio chega até o STJ

Dona do animal de estimação afirmou que gata não incomodaria vizinhos. Foto: Hypeness

A 3ª Turma do STJ (Superior Tribunal de Justiça) deverá julgar nesta terça-feira (14) uma disputa entre uma moradora e o prédio onde reside pela proibição de seu animal de estimação, a gata Nina.

O caso está na pauta para julgamento do STJ, que é a última instância antes da Justiça brasileira antes do STF (Supremo Tribunal Federal). O Ministro Ricardo Villas Bôas Cueva decidiu que o recurso da dona da gata era merecedor de maior análise da Corte.

A dona do gato recorreu argumentando que, mesmo com a legislação brasileira afirmando que as determinações de condomínios em relação à presença de animais de estimação devem se sobrepor às vontades individuais de cada morador, era justo que a gata vivesse no prédio, por não apresentar “nenhuma interferência ou perturbação na saúde e sossego dos demais moradores”.

Para sustentar o argumento, a defesa citou o artigo 1.228 do Código Civil, sobre propriedade, que diz que “o proprietário tem a faculdade de usar, gozar e dispor da coisa”.

R7

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cigano Lulu disse:

    Taí para que serve o Eçetejota. Depois não confunda toga com capa de vampiro.

  2. Marcelo disse:

    Acho que se o estatuto do condomínio permite, tudo bem, mas, caso contrário, acho que deveria ser proibido, eu mesmo gostaria de morar em um condomínio que não tivesse gatos e cachorros.

  3. Larissa Lamy disse:

    Gato e porco em condomínio pode. Cachorro eu não concordo.

  4. LEO disse:

    IMPORTANTÍSSIMO!!!

Projeto Sindicato Itinerante do Sindipostos chega, esta semana, ao Alto Oeste

O projeto Sindicato Itinerante, desenvolvido pelo Sindicato do Comércio Varejista dos Derivados de Petróleo do Rio Grande do Norte, chega esta semana ao Alto Oeste. Os revendedores daquela região terão, na sua cidade local, a oportunidade de assessoria executiva, atendimento jurídico, atendimento médico, assessoria técnica para os postos, entre outros serviços, que serão levados pelo Sindicato Itinerante. O projeto também oferece na rota o Carro de Controle de Qualidade e treinamentos e palestras para os revendedores. Todos serviços gratuitos para os associados.

Esta semana receberão o projeto os revendedores das cidades de Apodi, Severiano Melo, Itaú, Rodolfo Fernandes, Taboleiro Grande, São Francisco do Oeste, Pau dos Ferros, Encanto, São Miguel, Dr. Severiano, Água Nova, Rafael Fernandes, Marcelino Vieira, Riacho de Santana, José da Penha, Coronel João Pessoa, Venha Ver, Luís Gomes, Major Sales, Paraná, Tenente Ananias e Luís Gomes.

O projeto desenvolvido pelo Sindipostos-RN é inédito no Brasil.