Esporte

Sem a multicampeã Simone Biles, brasileira Rebeca Andrade é favorita na final da ginástica artística

Foto: Lindsey Wasson / Reuters

Grande estrela da ginástica artística dos Jogos Olímpicos, a americana Simone Biles não disputará a final do individual geral em Tóquio. A confirmação veio da Federação Americana de Ginástica, que apoiou a decisão da atleta. Com a saída da estrela, a brasileira Rebeca Andrade surge como favorita na grande decisão.

“Após uma avaliação médica adicional, Simone Biles retirou-se da competição individual geral final. Apoiamos de todo o coração a decisão de Simone e aplaudimos sua bravura em priorizar seu bem-estar. Sua coragem mostra, mais uma vez, por que ela é um modelo para tantos”, escreveu o perfil da Federação.

Antes desse capítulo, Biles já havia ficado de fora da disputa por equipes. Na ocasião, a federação estadunidense publicou uma nota na qual indicou que a ginasta estava com “um problema médico”, completando que ela seria “avaliada diariamente para determinar a liberação médica para competições futuras”.

Nas Olimpíadas de 2016, disputadas no Rio de Janeiro, Simone Biles conquistou quatro medalhas de ouro e uma de bronze. Aos 24 anos, a ginasta estadunidense já é uma lenda do esporte.

Com a saída de Biles, Rebeca Andrade desponta como favorita na disputa do individual geral em Tóquio. Na qualificação, a brasileira somou 57.339 pontos, ficando apenas atrás da americana, que registrou a marca de 57.731 pontos.

Terra

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Olimpíadas – Natação: Fernando Scheffer vai à final dos 200 metros livre; noite desta segunda também reserva semifinal com Leonardo de Deus

Foto: © Satiro Sodré/SSPress/CBDA

O nadador brasileiro Fernando Scheffer se classificou para a final dos 200 metros livre. Ele chegou em terceiro lugar na primeira semifinal, com a marca de 1:45.71, a oitava melhor entre os semifinalistas. A final será disputada às 22h43 de hoje (26), no horário de Brasília.

“Estou muito feliz. Passamos pela eliminatória, pela semifinal, agora é descansar, ver o que a gente pode melhorar e ir com tudo para a final. A prova não tem nenhum favorito. É tentar colocar a nossa melhor performance na água e o que vier disso é consequência”, disse o nadador de 23 anos.

200 metros borboleta

Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

Já Leonardo de Deus foi às semifinais dos 200 metros borboleta. Ele foi o segundo colocado em sua bateria, com o tempo de 1:53.83, a terceira melhor marca das eliminatórias e o melhor tempo de Leonardo em toda carreira. Ele cairá na água novamente, já na briga por uma vaga na final, às 23h40 de hoje, no horário de Brasília, já terça-feira no horário japonês.

“Eu sabia que tinha que fazer força, que teria que estar entre os três primeiros na prova e o objetivo foi esse. Agora é descansar bem para estar entre os oito [melhores] amanhã”, disse. “Eu só nadei, pensei no que treinei e acredito que foi bem executado. A gente sabe que eu posso mais, agora é focar para amanhã”, completou.

Resultados finais

A segunda-feira de natação no Japão foi de finais em quatro provas. Pelo revezamento 4×100 livre masculino, os Estados Unidos ficaram com o ouro, a Itália ficou com a prata e a Austrália com o bronze. Já na final dos 400 metros livre feminino, a australiana Ariarne Titmus ganhou medalha de ouro, a estadunidense Kathleen Ledecky levou a prata e a chinesa Bingjie Li ficou com o bronze.

Na final dos 100 metros peito masculino, o britânico Adam Peaty levou medalha de ouro, o holandês Arno Kamminga ficou com a prata e o italiano Nicolo Martinenghi com o bronze. A outra final realizada na manhã de segunda-feira, ainda noite de domingo no Brasil, foi dos 100 metros borboleta feminino. Nessa prova, a canadense Margaret MacNeil levou medalha de ouro, a chinesa Yufei Zhang ficou com a prata e a australiana Emma McKeon o bronze.

Agência Brasil

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Ação na Justiça do Grupo Arco-Íris de Cidadania LGBT quer obrigar Seleção Brasileira a usar camisa 24 na final da Copa América

Foto: GLEDSTON TAVARES/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO (27.jun.2021)

O Grupo Arco-Íris de Cidadania LGBT tenta obrigar que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) adote a camisa de número 24 durante a final da Copa América, neste sábado (10), onde o Brasil enfrenta a Seleção Argentina no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, às 21h.

A Ação Civil protocolada, nesta quinta-feira (8), pelo movimento LGBT acusa a entidade de homofobia, e cita que o número ignorado pela Seleção Brasileira é “historicamente relacionado ao homem gay no Brasil”.

Caso a justiça acate a decisão, o volante Douglas Luiz será obrigado a usar a camisa 24 ao invés da 25, número anteriormente definido pela comissão técnica.

“A Seleção Brasileira de futebol masculino, dentre todos as seleções que participam da Copa América, é a única que não usa o número 24 (vinte e quatro) nos uniformes. A numeração dos jogadores da Seleção Brasileira pula do número 23 para o 25”, ressalta a Ação Civil.

O pedido também sugere que a CBF seja multada em R$ 460 mil se descumprir a ordem, caso a liminar seja concedida pela justiça até o início do jogo. O movimento pede também um “pedido público de desculpas” por ter cometido uma discriminação.

No início do mês, a CBF disse à Justiça que a não escolha do número 24 foi por “mera liberalidade”. A entidade afirmou que o regulamento da Copa América determinava a inscrição de 23 jogadores (1 ao 23). E que posteriormente foram abertas mais cinco vagas, sendo que os números são livres. “Poderia ter sido 24, 26, 27 ou 2″, disse a entidade”.

A CNN entrou em contato com a CBF sobre esse novo pedido do Grupo Arco-Íris e aguarda um retorno.

CNN Brasil

Opinião dos leitores

  1. Eu sendo presidente da CBF mandava esse bocado de sem futuro desse grupo arranjar uma lavagem de roupa, pois esse povo não tem é o que fazer, com certeza.

  2. Daqui há pouco vão entrar com uma ação para obrigar a todos da seleção a darem o toba também.

  3. De novo, isso? É regra em qualquer ordenamento jurídico decente que só se pode fazer ou deixar de fazer alguma coisa em virtude da Lei. Em qual lei está escrito que é obrigatório se usar uma camisa com o número 24 nas costas? É preciso alguma reação contra essa canalhice e contra essa estupidez.

  4. Não querem usar pq 24 quer dizer viado no jogo do bicho e ninguém é viado na seleção. Qual o problema?
    Façam um campeonato de viados e vão encher o saco do cão!!!!

  5. Essa é de lascar, esse pessoal se acha intocável, querer obrigar uma entidade à fazer usar um número só porque que eles querem, será que a justiça vai ficar refém desse grupo. Respeitem pra serem respeitados.

  6. Isso não é importante…o importante é que Witzel acaba de denunciar o motivo de Gustavo Bebianno ter sido demitido pelo Bozo: Ele denunciou ao cagão, um esquema de corrupção que ultrapassa mais de R$ 60,2 milhões em contratos com 27 empresas que atuam sem licitação em hospitais e órgãos federais do Rio de Janeiro. Resultado: foi demitido!
    Queima quengaral….

    1. Witzel??? Sério msm ??? Acredita na história da carochinha tbm ?

    2. Viiiixe…
      As empresas são dos milicianos do RJ….
      Hummm, entendi!

    3. Aquele governador que foi preso por desviar a verba da pandemia? Muito honesto ele kkkkkkkkkkk

    4. O que será que o defensor e intratável o tal de Calígula acha dessa denúncia. kkkkkkkkkkkkkkk.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Prefeitura do Rio cede à Conmebol e decide liberar 10% de público para a final da Copa América entre Brasil x Argentina neste sábado

Fotos: Divulgação

A Prefeitura do Rio de Janeiro cedeu à Conmebol e o Maracanã terá público de convidados na final da Copa América. A presença desses torcedores será limitada a 10% da capacidade do estádio. O jogo entre Brasil e Argentina será realizado no próximo sábado, às 21h (de Brasília).

A prefeitura do Rio de Janeiro informou que liberação acontece em caráter excepcional: a presença dos torcedores ficará limitada a 10% da capacidade de cada setor do estádio, que tem capacidade para 78 mil pessoas. Na última final da Copa América, a lotação máxima foi de 60 mil pessoas.

O público, sentado, deverá respeitar um espaçamento mínimo de dois metros entre cada pessoa ou família. A organizadora do evento, a Conmebol, ficará responsável pelo teste de Covid-19 em todos que entrarem no estádio dentro das 48 horas anteriores ao jogo: quem testar positivo, não pode entrar.

O prefeito Eduardo Paes tentou separar esta liberação em relação à final da Copa Libertadores, em fevereiro, quando o Rio multou a Conmebol por conta de aglomeração no Maracanã. Paes negou que recebeu pressão da entidade para abrir os portões do estádio desta vez.

– A gente teve a final da Copa Libertadores, liberamos para que tivesse 5 mil convidados. Eles concentraram todos em um só setor do Maracanã, o que foi um problema, a Prefeitura multou. A mudança é essa: 10% de cada setor do estádio, com um espaçamento grande entre as pessoas. São todos convidados da Conmebol e serão testados – disse o prefeito.

– Para ser honesto, não recebi pressão nenhuma. Não conheço ninguém da Conmebol e nem da CBF. Soube pela imprensa da solicitação, a secretaria de saúde tomou a decisão com toda a liberdade. Não houve qualquer tipo de pressão. As regras são bastante aceitáveis. A gente não vê problema – completou.

O secretário municipal de saúde, Daniel Soranz, revelou que a Conmebol queria, em uma primeira solicitação, liberar metade do estádio, o que não foi aceito pela prefeitura.

– O pedido inicial da Copa América para a Prefeitura era realizar com 50% de público, e a gente não acha adequado. Liberamos 10% de cada setor do estádio, para evitar aglomeração. Todas as pessoas terão o ambiente controlado por testagem e separada por dois metros para não ter aglomeração – explicou.

– Não deixa de ser um evento teste para nós, neste momento em que as notícias já são melhores. E a gente começa, se Deus quiser, a viver uma transição – completou o prefeito Paes.

Com Globo Esporte

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

MP notifica FNF para que jogadores do Globo mesmo com resteste para covid não atuem na final do estadual

O Ministério Público enviou um ofício a Federação Norte-Riograndense de Futebol(FNF) nesta quarta-feira(23) para que atletas do time do Globo, que testaram positivo para covid recentemente, e depois teriam realizado um reteste, não participem da partida nesta noite na final do Campeonato Potiguar diante do ABC.

Com o documento protocolado, a FNF comunicará o ofício ao ABC, a Polícia Militar e o delegado da partida, com a proibição até mesmo da presença desses atletas no estádio Frasqueirão, independente do indicado por um novo exame.

O ABC, por sinal, temeroso com resultado inconclusivo de testes, protocolou um pedido a Federação e um mandato de garantia junto ao TJD. O clube, inclusive, alega em documento que não entra em campo com jogadores testados positivos na data anterior.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Às vésperas da final do estadual contra o ABC, 6 atletas do Globo testam positivo para covid

O Blog do BG recebeu uma informação nesta terça-feira(22) que seis atletas do Globo, que disputa a final do Campeonato Potiguar contra o ABC nesta quarta-feira(23), no estádio Frasqueirão, confirmaram positivo para o novo coronavírus.

Opinião dos leitores

  1. Por essas e outras que campeonato estadual tem que ser extinto do calendário. Certame sem a menor credibilidade e facilmente manipulável.
    O daqui então, só serve pro abC ganhar e enganar o monte de otário que fica saltitando e batendo palminhas, acerca da real situação de falência do clube. Somente sendo muito idiota prá não ver que tem mais um arrumadinho por trás desses exames de última hora pra desfalcar o time de Barreto senão a burra preta apanhava de novo dentro de casa.
    Por isso que quando se fala em acabar com os estaduais as galinhas pretas de pium arrepiam as penas com medinho de perder essa boquinha !!
    Entrega logo a taça que é melhor…

    1. Fátima vai deixar esse jogo acontecer? A copa América ela não queria com medo da covid.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

ÁGUIA VENCE O 1º JOGO: Globo abre 2, ABC diminui no fim e disputa do título estadual está em aberto; veja com imagens como foi o jogo

Foto: Reprodução/YouTube/Band Natal

O Globo derrotou o ABC pelo placar de 2 a 1, no primeiro jogo da final do Campeonato Potiguar 2021 disputado na tarde desta quarta-feira(16), no estádio Barrettão, em Ceará-Mirim, e conquistou vantagem na busca por seu 1º título estadual. No duelo, o alvinegro potiguar ainda terminou com um atleta a menos em campo, com a expulsão de Marcílio. Com a vitória, o time da região metropolitana de Natal joga pelo empate para a conquista do título.

Os gols da Águia foram todos marcados na etapa final, com Erick Varão, aos 22 e 29 minutos. O gol do ABC foi marcado por Marcos Antônio, na última volta do ponteiro, aos 50 minutos.

A grande final está marcada para a próxima quarta-feira(23), às 21h15, no estádio Frasqueirão, em Natal.

Veja a íntegra do jogo abaixo no YouTube da Band Natal:

Opinião dos leitores

  1. Duas coisas são fatos:
    Se o abc não for favorecido por uma penalidade máxima fica difícil vencer.
    Quando sai em desvantagem no placar o time se apavora.
    As galinhas pretas pensaram que a águia era pato morto e levaram uma botada que ainda estão tontas!! Era pra ter sido uns quatro.
    Digo mais:
    Se Barreto não fizer como o América e trouxer arbitragem FIFA não ganha o estadual!
    O último título que o América conquistou com arbitragem local no apito foi em 1992!
    E se a águia não tiver um (ou mais!) jogador expulso ou o famoso penalti pro abc (já tão malhado) não acontecer a burrinha de pium não leva esse estadual! O time de Ceará mirim é rápido, vertical e ganha no fresqueirão também.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

ABC: Com suspeita de covid, goleiro Wellington está fora do primeiro jogo da final contra o Globo e do clássico contra o América no fim de semana

Foto: Reprodução/Twitter

O apresentador e radialista Marcos Lopes destaca nesta terça-feira(15) que o ABC  tem um desfalque importante para o primeiro jogo da final do Estadual, nesta quarta-feira (16) contra o Globo e no clássico pelo América. Trata-se do goleiro Wellington, que já havia ficado de fora da partida contra o Sousa no domingo passado.

Segundo o comunicador, o protocolo médico não prevê contra prova para casos de Covid-19 e qualquer atleta que testar alterado tem que ficar fora durante o período mínimo de 10 dias.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Em jogo único, América e Globo decidem 1º turno do Estadual 2021 neste domingo, na Arena das Dunas

Foto: Montagem

América e Globo, finalistas da Copa Cidade do Natal, o primeiro turno do Campeonato Nota Potiguar, jogam pela taça neste domingo, dia 2 de maio, às 16h, na Arena das Dunas.

O confronto será realizado em partido única. Quem vencer leva o título. Dono da melhor campanha, o alvirrubro tem a vantagem do empate.

Vale destacar que o América decidirá o turno na capital por ter conquistado a melhor campanha, com 16 pontos. O time do Globo conquistou 14.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

América e Globo disputarão a final do 1º turno do Estadual; ABC goleia, mas não é o suficiente

Na tarde desta quarta-feira(28), América e Globo conquistaram suas vagas na final do primeiro turno do Campeonato Potiguar, equivalente a Copa Cidade do Natal.

Enquanto o alvirrubro de Natal goleou o Potiguar de Mossoró, no estádio Arena das Dunas, por 4 a 0, e chegou aos 16 pontos, o Globo empatou pelo placar de 2 a 2 com o Força e Luz, no estádio Frasqueirão, e o resultado foi o suficiente para o seu êxito, com 14 pontos.

Já o ABC, visitou o ASSU, no Edgarzão,  venceu por 6 a 0,  atingiu 13 pontos, mas não alcançou o time de Ceará-Mirim, com um ponto a mais.

Opinião dos leitores

  1. Campeonato falido e sem nenhuma empolgação.
    A “fórmula” dos campeonatos estaduais, que um dia já foram sinônimo de “charme”, hoje em dia está ultrapassada.
    Já passou da hora do calendário do futebol brasileiro ser repensado, enxuto e readequado.
    A primeira e mais urgente medida seria a extinção dos falidos e deficitários campeonatos estaduais, certames que só existem no Brasil por se tratar de uma moeda de troca da CBF para com as federações em troca de votos pois elas tem mais peso que os clubes.
    A saída para o futebol brasileiro seria a readequação de datas, ficando simultâneo ao calendário europeu, e a regionalização.
    Acabar com esse embuste facilmente manipulável e sem nenhuma credibilidade chamado campeonato estadual que atualmente só serve para inchar o calendário, atrapalhar as competições mais importantes e não dá absolutamente nenhum retorno financeiro.
    Quem vive de passado é museu e futebol é um negócio.
    Um negócio que tem que ser encarado com seriedade e que não contempla nostalgia nem caridade.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Fifa escala Edina Alves e Neuza Back para final do Mundial de Clubes

FOTO: IBRAHEEM AL OMARI/REUTERS

A árbitra paulista Edina Alves Batista e auxiliar catarinense Neuza Back foram escaladas para o seu último compromisso no Mundial de Clubes da Fifa, que está sendo realizado no Qatar. A dupla brasileira fará parte da equipe de arbitragem da final da competição, entre Bayern de Munique e Tigres, do México, nesta quinta-feira. A entidade anunciou a escalação das duas nesta quarta.

Assim como aconteceu nos jogos entre Tigres e Ulsan Hyundai, da Coreia do Sul, pelas quartas de final, e na semifinal entre Bayern de Munique e Al Ahly, do Egito, Edina Alves atuará como quarta árbitra na final do Mundial.

Nestas duas partidas, Neuza Back ocupou a mesma função para a qual foi escalada na decisão: auxiliar reserva. A equipe na decisão será a mesma da estreia das duas no Mundial, composta integralmente por árbitros e árbitras sul-americanas.

O trio em campo será todo do Uruguai com o árbitro Esteban Ostojich e os auxiliares Nicolas Taran e Richard Trinidad. No VAR, o comando principal é do colombiano Nicolas Gallo, que terá o aux[ílio do chileno Julio Bascunan.

Ainda no Mundial de Clubes, as brasileiras se tornaram as primeiras mulheres a comandar uma partida masculina profissional da Fifa. Edina Alves foi árbitra no duelo entre Ulsan Hyundai e Al Duhail, do Qatar, válida pela disputa do quinto e sexto lugares na competição. No trio 100% feminino que arbitrou o jogo, Edina e Neuza tiveram a companhia da auxiliar Mariana de Almeida, da Argentina.

Estadão

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Final da Libertadores: decreto do governo do RJ autoriza até 10% da capacidade do Maracanã

Foto: ALEXANDRE LOUREIRO / REUTERS

O Governo do Estado do Rio de Janeiro publicou decreto, nesta sexta-feira, autorizando a realização da final da Copa Libertadores, marcada para o dia 30, no Maracanã. Entre as regulamentações, o governador Claudio Castro estabeleceu um limite de até 10% da capacidade do estádio para a operação do jogo entre Palmeiras e Santos.

Na partida, que não terá público pagante, estará autorizada a presença de pessoal relacionado a organização, segurança e realização, bem como pessoas ligadas a patrocinadores do evento e aos clubes, no limite determinado. Santos e Palmeiras receberam 150 convites cada.

Hoje, o Maracanã, tem capacidade para 78.883 pessoas, ou seja, a capacidade autorizada de operação para a partida gira em torno de 7 mil pessoas. A Conmebol, porém, não trabalha com a ideia de um efetivo tão grande.

Uma reunião no fim da manhã desta sexta-feira definiu que o efetivo de policiais militares para a segurança da partida, nos arredores e na parte interna do estádio, ficará em 550, com mais 200 guardas municipais.

Em outras partes da cidade, haverá atenção especial nas proximidades dos hotéis onde ficarão as duas delegações.

O Globo

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

FIART anuncia 26ª edição para o final de abril

A 26ª edição da Feira Internacional de Artesanato – FIART vai acontecer! O tradicional evento, realizado sempre nos meses de janeiro, teve sua data adiada por conta da pandemia. A edição 2021 acontece de 28 de abril a 02 de maio, no Centro de Convenções. Em seu 26º ano, a FIART traz uma programação totalmente inovadora, inclusive na versão digital. Além disso, na versão presencial seguirá todas as regras sanitárias. Nas duas versões, a feira contará a participação dos artesãos potiguares e expositores de outros estados e países. A feira transformará o Centro de Convenções em mais um grande atrativo para turistas e visitantes locais, através da diversidade de produtos, da programação cultural e da gastronomia.

A FIART é uma realização do Governo do Estado do Rio Grande do Norte, com o patrocínio e apoio do Sebrae/RN e Prefeitura de Natal, e organização da Espacial Eventos. Toda a programação cultural será realizada com o incentivo da Lei Municipal Djalma Maranhão, com patrocínio da Unimed Natal.

“A 26ª edição da FIART vai movimentar a economia local promovendo o trabalho dos artesãos, especialmente do artesão potiguar, seguindo todos os protocolos de segurança sanitária”, conta o idealizador e organizador da Fiart, Neiwaldo Guedes.

Fique por dentro de mais informações através do site: feirafiart.com.br

Opinião dos leitores

  1. Como faço para participar, sou de Minas Gerais e o governador não vai nos apoiar nesse evento. Sou de Teófilo Otoni (MG) e trabalhos com bijuterias é semi joias feitas com macramê e fios diversos

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

TRANSMISSÃO DO SBT: Com rivalidade intensa, Fla-Flu encerra na noite desta quarta Carioca marcado por polêmicas

Foto: © Lucas Mercon/Fluminense F.C./Direitos Reservados

Não há como falar em Fla-Flu sem lembrar de Mário Filho e Nelson Rodrigues. Os dois irmãos, que ainda pequenos se mudaram para o Rio de Janeiro, eternizaram o clássico entre rubro-negros e tricolores em linhas diferentes das quatro que circundam o gramado. Crônicas de exaltação ao match, que teria começado “40 minutos antes do nada”, dão todo um charme ao embate, que, se em alguns momentos ficou em segundo plano entre os grandes duelos do futebol carioca, não perdeu sua essência após mais de 100 anos de disputa e rivalidade.

Rivalidade que está em alta como pouco se viu nos últimos anos. Menos pelas arquibancadas, que, aliás, estarão vazias mais uma vez por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19), e mais pelos bastidores, com troca de farpas que se intensificaram nos últimos 10 dias. Nesta quarta-feira (15), a partir das 21h (horário de Brasília), o jogo que decide o campeão carioca de 2020, no Maracanã, põe um ponto final nessa discussão. Ao menos até o reencontro entre os times no Campeonato Brasileiro.

Será o terceiro embate entre Flamengo e Fluminense em uma semana. Em campo, na última quarta-feira (8), empate por 1 a 1 no tempo normal, gols de Gilberto (Flu) e Pedro (Fla), com posterior decisão nos pênaltis, com goleiro Muriel brilhando e dando ao time das Laranjeiras o título da Taça Rio, o segundo turno do Estadual. Fora dele, o clima nada amistoso entre as diretorias desde a determinação de volta do campeonato (Rubro-Negro a favor, Tricolor contra) se intensificou na esfera dos direitos de transmissão da partida.

Para entender: o Grupo Globo era detentor dos direitos de 11 dos 12 participantes do Carioca, a exceção do Flamengo. Alegando quebra de contrato pelo fato de o clube da Gávea ter transmitido a partida contra o Boavista, pela fase de grupos da Taça Rio, o conglomerado rescindiu o contrato do Estadual. O Rubro-Negro se baseou na Medida Provisória 984, que dá à equipe mandante o direito de exibição do jogo.

Para a final da Taça Rio, o mando de campo foi definido em sorteio na Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj), com vitória do Fluminense, que, portanto, poderia exibir a partida em seu canal no YouTube, a FluTV. O Tribunal de Justiça Desportiva (TJD), então, foi acionado e também liberou o canal do Flamengo (FlaTV) para transmitir o duelo, o que gerou troca de notas públicas entre os clubes, algumas em tom irônico. A exclusividade ao Tricolor só foi garantida, minutos antes de a bola rolar, pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

O título da Taça Rio colocou, outra vez, Fluminense e Flamengo frente a frente, desta vez para decidir o título carioca, pois o Rubro-Negro fora campeão da Taça Guanabara, primeiro turno do estadual. Desta vez sem polêmica sobre direitos de transmissão, a partida teve vitória flamenguista por 2 a 1, com gols de Pedro e Michael para o time da Gávea e de Evanilson para o das Laranjeiras.

A transmissão de domingo (12), pela FluTV, chegou a 3,3 milhões de espectadores, pouco menos que os 3,6 milhões de quatro dias antes, um recorde no YouTube.

Para o duelo desta quarta, o Flamengo negociou os direitos de exibição com o SBT, que transmitirá a partida em rede nacional em TV aberta. No duelo decisivo, o time do português Jorge Jesus tem a vantagem do empate para levar o título pela 36ª vez. O Fluminense precisa vencer por dois gols de diferença, pelo menos, para levar o 32º caneco estadual no tempo normal. Se a vitória tricolor for por um gol, a decisão será nos pênaltis. O clube comandado por Odair Hellmann não conquista o Carioca desde 2012.

No Flamengo, o principal desfalque é o atacante Gabriel, expulso nos acréscimos do jogo de domingo, quando deixava o gramado para ser substituído. O lateral-direito Rafinha, com uma torção no tornozelo esquerdo sofrida no clássico, é dúvida. Se ele não jogar, o provável substituto será Matheuzinho, promovido da equipe sub-20, já que o reserva imediato, João Lucas, recupera-se da covid-19. Já a novidade será a volta do atacante Bruno Henrique, poupado no primeiro jogo da final por causa de dores na panturrilha esquerda.

Jorge Jesus, portanto, deve mandar o Flamengo a campo com: Diego Alves; Rafinha (Matheuzinho), Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís; William Arão, Gerson e Everton Ribeiro; Arrascaeta, Bruno Henrique e Pedro.

Pelo lado do Fluminense, o zagueiro Nino pode retornar ao time após ficar fora da partida anterior devido a um entorse no joelho esquerdo. Digão atuou no lugar. Os atacantes Wellington Silva, diagnosticado com o novo coronavírus, e Fred, que passou por uma cirurgia no olho esquerdo, desfalcam o Tricolor nesta quarta. O camisa 9 só deve retornar ao time no Campeonato Brasileiro.

Se mantiver a base da equipe que encarou o Flamengo nos últimos jogos, Odair Hellmann deve escalar o Flu com: Muriel; Gilberto, Matheus Ferraz, Digão (Nino) e Egídio; Dodi, Hudson e Yago; Nenê, Marcos Paulo e Evanilson.

Transmissão da Rádio Nacional

E você pode acompanhar a final do Campeonato Carioca, entre Flamengo e Fluminense, nesta quarta a partir das 20h45 (horário de Brasília). A locução será de Felipe Rangel, os comentários de Waldir Luiz, a reportagem de Mauricio Costa e o plantão e produção de Luiz Ferreira.

Sintonize a Rádio Nacional do Rio de Janeiro em 1130 kHz AM ou acesse radios.ebc.com.br a partir das 20h45 e fique por dentro das emoções de mais um Show de Bola Nacional.

Agência Brasil

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

CBF divulga novo calendário do futebol, com final do Brasileirão em 2021; Série D com início em setembro e término também em fevereiro

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou, nesta quinta-feira (9), o novo calendário dos jogos masculinos para 2020. O Campeonato Brasileiro, que havia sido suspenso em função da pandemia do novo coronavírus, tem a final prevista para o dia 24 de fevereiro de 2021.

Para o Brasileirão, as tabelas das Séries A, B e C serão mantidas. Segundo a confederação, o detalhamento das primeiras rodadas vai ser disponibilizado pela Diretoria de Competições no início da próxima semana, junto com as Diretrizes Operacionais para a realização das partidas.

Campeonato Brasileiro

– A Série A do Brasileirão será disputada entre os dias 9 de agosto e 24 de fevereiro de 2021. O formato da competição segue mantido, em pontos corridos ao longo de 38 rodadas.

– A Série B do Campeonato Brasileiro irá de 8 de agosto a 30 de janeiro, permanecendo em sistema de pontos corridos e dando acesso a quatro equipes para a Série A do ano seguinte.

– A Série C terá seu início conjuntamente com as Séries A e B por solicitação unânime dos clubes. A competição será disputada em 26 datas, de 9 de agosto a 31 de janeiro. Esta temporada marca a estreia do novo sistema de disputa da competição, aprovado por todos os 20 clubes participantes no Conselho Técnico de março deste ano.

– A Série D tem como previsão de início em 6 de setembro e a data de 7 de fevereiro para o encerramento.

Copa do Brasil

As 11 datas restantes da competição mais democrática do país serão disputadas entre 26 de agosto e 10 de fevereiro. A Copa do Brasil será reiniciada com os jogos de volta da Terceira Fase e segue com o mesmo regulamento.

Copa do Nordeste

A maior competição regional do país, organizada pela CBF, tem cinco datas a serem disputadas e será retomada em sua oitava e última rodada da primeira fase no dia 21 de julho. A Copa do Nordeste terá quartas e semifinais disputadas em jogo único.

A decisão será em dois jogos, com o inicial marcado para 1º de agosto e o segundo para o dia 4 do mesmo mês. Os jogos terão como sede única o Estado da Bahia, modelo inédito nas competições do futebol brasileiro.

Eliminatórias da Copa 2022

O calendário confirmado pela FIFA prevê seis datas para os jogos das Eliminatórias. São duas no mês de setembro, nos dias 3 e 8, duas em outubro, 8 e 13, e duas em novembro, nos dias 12 e 17.

Competições sul-americanas de clubes

As datas das competições organizadas pela Conmebol, como a Copa Libertadores e a Copa Sul-Americana, serão informadas oportunamente pela Entidade.

Segundo a CBF, os calendários do futebol de base e do feminino serão divulgados de forma independente nos próximos dias.

CNN Brasil, com informações da CBF

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Em busca de receitas financeiras, ABC revive final do Estadual 2007 e venda de “ingressos” para jogo no domingo segue disponível

Foto: Divulgação

“Devido a pandemia que afeta o mundo todo, as receitas financeiras diminuíram consideravelmente dentro do ABC. Sendo assim, em uma campanha idealizada e realizada pela torcida, em parceria com o Departamento de Marketing, vamos reviver a decisão do Campeonato Potiguar 2007 e ajudar o ABC Futebol Clube nesse momento difícil”, convoca alvinegro potiguar em seu site.

Durante toda a semana, o alvinegro vem criando uma expectativa REAL daquele jogo histórico, com direito a chamadas para o jogo, vídeos dos jogadores que atuaram na partida, organização das torcidas organizadas e tudo que essa final tem direito. O jogo será transmitido no dia 19 de abril, às 14h, na TVABC (YouTube).

As doações “ingressos” já estão disponíveis no site da FutebolCard e todo o arrecadado será destinado ao clube, com fiscalização das torcidas Movimento 90, Garra Alvinegra e Camisa 12. Acesse https://bit.ly/3eh9UIZ e adquira já o seu “ingresso”.

“Divulgaremos todo o arrecadado e para onde o dinheiro vai ser utilizado no dia 23 de abril, às 21h, nas nossas redes sociais.Com a força da Frasqueira e com muita transparência, vamos conseguir os nossos objetivos! Participe!”, finaliza o texto.

Com informações do ABC

Opinião dos leitores

  1. Nesse período instituições e organizações têm feito muitas campanhas para ajudar necessitados.
    O ABC está fazendo também sua campanha. Lógico, para ajudar a ele mesmo.

  2. Vai passar alguma reprise de algum jogo ABC na série A? Esse eu quero assistir pq nunca vi.
    Kkkkkk

    1. Calma, pakita! Ganharemos mais um título, ainda este ano!!! Imagine em cima de quem…

    2. e verdade e agora vem com essa de ser campeao 2020 sem sua acamisa so pode se chama de time gigolo e gigolo de preto caso aconteça eu como torcedor irei a justiça comun joao mecao ou jmvs

    3. Será que o mequinha vira? Vira a Kombi kkkķkk vai ser peeeeia de novo, vamos comprar o ingresso galera da maior do RN.

    4. HA cinco anos que não perdemos no salão de festa, as maiores peias foram:
      ABC 4 x 0 Pakitas
      ABC 4 x 1 Pakitas Rosadas.
      Outras goleadas no Frasqueirao:
      ABC 5 x 2 Pakitas.
      ABC 4 x 2 Pakitas
      ABC 7 x 0 Pakitas Rosadas.
      O Freguês tem razão.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *