Flamengo encerra novela com Inter-ITA e acerta compra de Gabigol, a mais cara da história do clube

FOTO: THIAGO RIBEIRO/AGIF/ESTADÃO CONTEÚDO

A negociação entre Flamengo, Gabigol e Internazionale de Milão se arrastou por meses, mas as partes chegaram a um consenso e o atacante assinou em definitivo com o Rubro-Negro.

A transação foi finalizada nesta segunda (27). As conversas contaram com as presenças de Marcos Braz, vice de futebol, e do diretor Bruno Spindel, que estão na cidade italiana. O anúncio oficial pode sair ainda nesta segunda-feira(27).

Para ficar com o camisa 9, com quem já estava acertado há cerca de dez dias, o clube topou pagar um pouco além dos 16 milhões de euros previstos inicialmente para os italianos, que cederam à melhor oferta que tiveram desde que as partes conversavam. Os valores finais são mantidos em sigilo pelas partes.

O Flamengo manifestou o interesse em ficar com Gabigol muito antes dos títulos do Brasileiro e da Libertadores. As taças, no entanto, valorizaram o jogador, o que tornou a negociação mais demorada.

Com o martelo batido, ele torna-se o jogador mais caro da história do Flamengo, posto que pertencia a Arrascaeta.

UOL

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bento disse:

    Será que esse ano cai ser o ano do fiasco do Flamengo.
    Também nao nos interessa porquê o Fla é dos cariocas.

  2. Jk disse:

    Lá na Inter ia levar banco de fazer calo na bunda. Não tem futebol a nível europeu.

  3. Joaquim disse:

    Péssimo negócio

Flamengo e Real Madrid anunciam transferência de Reinier

Foto: Reuters/Sergio Moraes/Direitos Reservados

 

O Flamengo e o Real Madrid, da Espanha, anunciaram nesta segunda (20) que chegaram a um acordo comercial que garantiu a ida do meia-atacante Reinier para a equipe espanhola.

O jogador, que completou 18 anos no último dia 19, se apresentará ao Real após a disputa, com a seleção brasileira sub-23, do Pré-Olímpico de futebol masculino que acontece na Colômbia.

Reinier foi uma das revelações do Flamengo na última temporada, marcando importantes gols na vitoriosa campanha da última edição do Campeonato Brasileiro.

O valor da venda gira em torno de 30 milhões de euros (cerca de R$ 138 milhões na cotação atual). A pendência que faltava era a bateria de exames médicos, superada no último sábado, com aprovação sem ressalvas.

Com Agência Brasil e Globo Esporte

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. George Ferreira Bastos disse:

    Flamengo é do Brasil quando é que vai aprender isso.

  2. Bento disse:

    Flamengo é dos cariocas
    Eu quero é saber do clássico Abc e América
    Vamos lotar o estádio na paz

Flamengo e Gabigol chegam a acordo financeiro e clube encaminha compra junto à Inter

Foto: AMANDA PEROBELLI / REUTERS

A diretoria do Flamengo e representantes do atacante Gabigol conseguiram chegar a um acordo sobre os salários do atacante na proposta de contrato até o fim de 2024.

Agora, o clube negocia com a Inter de Milão para concretizar a compra. A pedida dos italianos deve aumentar de 16 para 20 milhões de euros, e o Flamengo parcelará o valor.

O total chegaria a mais de R$ 90 milhões por 80% dos direitos econômicos.

O Flamengo também caminha para sacramentar a renovação de Bruno Henrique até 2023, com salário em outro patamar.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bento disse:

    Qualquer bagre hoje vale 90 milhões
    Investem como se tivessem adquirindo um atleta de alta performance tipo; Pelé Tostão Rivellino e por aí vai.
    Mesmo assim espero que dê certo, más considero investimento de risco

Goiás oficializa venda de Michael, revelação do Brasileirão, ao Flamengo; jogador de 23 anos não teve início de carreira convencional

Foto: O Popular

Acabou a novela! O Goiás oficializou, às 14h07 desta sexta-feira, a venda de Michael ao Flamengo. O atacante de 23 anos foi negociado em definitivo com o clube carioca, que pagará cerca de 7,5 milhões de euros por 80% dos direitos econômicos do atleta.

Michael vendido para o Flamengo. Agora depende de exames médicos e assinatura de contrato no clube carioca – afirmou o Goiás via assessoria de imprensa.

Inicialmente, o Flamengo ofereceu 7,5 milhões de euros, mas o Goiás teria que retirar os 5% referentes ao Goianésia deste montante. Representante esmeraldino na negociação, o conselheiro Edminho Pinheiro não aceitou, e a venda ficou travada.

Embora estivessem acertados entre si, Goiás e Flamengo estabeleceram um prazo para que a transferência fosse concretizada. Caso não houvesse acordo até as 12h desta sexta, os dois clubes encerrariam as conversas.

Michael chegou a ser liberado da apresentação do elenco do Verdão na última quarta-feira, porém, começou o período de treinos na quinta, enquanto seu futuro era definido.

Michael foi o artilheiro do Goiás na temporada passada com 16 gols, nove deles no Brasileirão, torneio em que ganhou holofote e despertou a atenção nacional. O atacante foi peça fundamental na campanha do clube esmeraldino, que terminou em 10° lugar, assegurando vaga na Copa Sul-Americana.

Ainda em dezembro, o Goiás recebeu proposta de 5 milhões de euros do Corinthians por 50% dos direitos econômicos de Michael, mas recusou. Pouco depois o Palmeiras entrou no circuito, buscou informações sobre o atacante com o presidente Marcelo Almeida, mas não chegou a formalizar uma oferta.

Em termos de conquista, Michael se despede do Goiás com o título do Campeonato Goiano de 2018 e o acesso na Série B do mesmo ano.

Carreira

Com 23 anos, Michael não teve um início de carreira convencional no futebol. Destaque nos campos de terra em Goiânia, ele não longa experiência em categorias de base e só jogou profissionalmente pela primeira vez em 2017, aos 20 anos, no Goianésia.

Na equipe do interior goiano, o atacante fez boa dupla de ataque com o experiente Nonato e chamou atenção do Goiás, que o contratou na mesma temporada. O início com a camisa esmeraldina foi tímido, e Michael foi entrando aos poucos ao longo das partidas da Série B.

Em 2018, depois da contratação de Ney Franco, o atacante se firmou e passou a ser um dos principais jogadores do elenco do Goiás, sendo fundamental na campanha do acesso para a Série A.

No ano passado, o nível de atuação de Michael subiu ainda mais e ele chamou atenção de grandes clubes, como Corinthians e Palmeiras. Ao todo, Michael disputou 54 jogos e marcou 16 gols em 2019, sendo nove no Campeonato Brasileiro.

Globo Esporte

 

Jorge Jesus chega a Portugal e confirma que segue no Flamengo: “Tenho contrato e vou cumprir”

Foto: Reprodução / A Bola

Jorge Jesus desembarcou em Portugal nesta terça-feira, com a promessa de que retornará ao Rio de Janeiro. Na chegada, em entrevista à imprensa lusitana, o treinador do Flamengo confirmou que cumprirá seu contrato. O vínculo com o Rubro-Negro vai até maio.

– Vou ficar. Tenho contrato e vou cumprir. Regresso ao Brasil no dia 24 (janeiro)

Indagado se algum clube já manifestou interesse em contratá-lo, Jesus brincou.

– Sim, o Flamengo.

O treinador, no entanto, voltou a deixar as portas abertas para clubes europeus e reforçou seu desejo de conquistar a Champions League.

– Já falei que há cinco ou seis equipes na Europa que podem me dar a possibilidade de ganhar a Champions. Vocês sabem quem são (os clubes) melhor do que eu.

Por fim, Jorge Jesus comentou sobre as recentes chegadas de treinadores portugueses ao Brasil. O Avaí contratou Augusto Inácio, e o Santos acertou com Josualdo Ferreira.

– Em pouco tempo, chegaram mais dois treinadores portugueses no Brasil. Agora vamos tentar mostrar que nós treinadores portugueses somos os melhores do mundo.

Globo Esporte

Rubro-negro, Ítalo Ferreira brinca após título no Havaí: “Ganhei o Mundial (de surfe) pro Flamengo”

Foto: Paulo Roberto Conde

Muito se falou nos últimos dias sobre o fato de Ítalo Ferreira, campeão mundial de surfe, ter começado no esporte em uma tampa de isopor e que é oriundo de Baía Formosa, cidade no interior potiguar (a cerca de 100km de Natal). Mas qual o time do coração, o ídolo, o defeito, o momento mais marcante da carreira do novo astro do esporte brasileiro?

Propusemos ao Ítalo, em visita à TV Globo em São Paulo, que ele reagisse a uma palavra com o que lhe viesse à cabeça.

O surfista pediu “para passar a vez” quando perguntado da maior virtude, mas em seguida disse ser “humilde”. Depois, admitiu que seu maior defeito é ser inquieto.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Na maioria das vezes não sabemos qual o real motivo e sempre nos perguntamos o porque das coisas acontecerem de maneira tão rápida e sem tempo algum de nos se reerguer. Alguns meses tivemos uma perda gigantesca na família e hoje se vai mais uma pessoal incrível que SEMPRE se preocupou com seus familiares. Antes de eu viajar ela olhou e falou “ meu filho você já me deu tanto orgulho eu queria tanto que Hélio estivesse aqui pra ver tudo isso “… e hoje a senhora vai ao encontro dele e assim com os que já partiram, estão no céu torcendo. VÓ vamos sentir muito sua falta, mas sei que hoje a senhora está no lugar melhor e ao lado do DEUS todo poderoso. TE AMO ❤️✨👵🏽

Uma publicação compartilhada por Italo Ferreira (@italoferreira) em

Brincou que conseguiu dar o título mundial que não veio em Doha para o Flamengo, seu time de coração. E que a lembrança de sua avó, Dona Mariquinha, morta no mês passado, representa a maior saudade. Por outro lado, recordá-la o faz sorrir.

– Meu sonho é ser feliz – afirmou.

Globo Esporte

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Anderson disse:

    Não sabia que o mundial de surf era mundial de clubes… aceita o vice que doi menos

Apresentador do Sportv critica diferença de tratamento de jornais no Rio sobre vice de Vasco e Flamengo no Mundial: ‘ é ultrajante’

Rizek afirmou que é ‘ultrajante’ a diferença de tratamento entre as equipes (Foto: Reprodução) -Foto: Lance!

O apresentador do SporTV, André Rizek, tuitou na manhã desta segunda-feira sobre a matéria do ‘Redação SporTV’ que comparou as capas do jornal ‘Extra’, do Rio, com as manchetes do dia seguinte das derrotas de Vasco, em 1998, e de Flamengo, neste ano.

Em ambas ocasiões, as equipes cariocas jogaram de igual para igual com os times europeus, porém, em 98, a manchete tirava sarro da derrota vascaína e afirmava que os rubro-negros estavam comemorando. Em 2019, o jornal exaltou a partida do Fla diante do Liverpool.

Rizek afirmou que é ‘ultrajante’ a diferença de tratamento dado aos dois clubes em situações parecidas.

– Redação Sportv está mostrando como os jornais do Rio retrataram o vice do Vasco em 1998 (depois de grande atuação na derrota para o Real) e como retratam o vice do Fla, agora. É ultrajante a diferença no tratamento dispensado aos dois clubes, em situações muito parecidas – disse.

O jornalista recebeu uma chuva de apoio e criticas no Twitter e sobrou até para Márvio do Santos, editor-chefe do ‘Extra’, que foi gravado correndo com a camisa do Flamengo pela redação em comemoração ao segundo gol de Gabigol, que deu o título da Libertadores ao Flamengo.

Um internauta marcou Márvio na publicação questionando-o sobre o que ele achava da opinião de Rizek. O jornalista respondeu dizendo que a manchete do Vasco não se repetiria neste ano.

Terra, com Lance

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Augusto Carvalho disse:

    Vamos ser sinceros, o Flamengo adotou uma estratégia corajosa que não deu certo, não criou nenhuma situação real de gol enquanto o Liverpool abusou de errar gols, poderia ter feito 3 a 0 no tempo normal!!! O resto é glamorizar a derrota!

  2. Érico disse:

    Concordo com o Rizek, e o Márvio vem com uma desculpa quê hoje à materia com à derrota do Vasco, seria outra, sustente à palavra cabra frouxo, Márvio você e um flamenguista de merda!

  3. Danniel Montenegro disse:

    Verdade. A massa, podre, rubro-negra só olham para o umbigo deles e muitos jornalistas são tendenciosos ao se falar de Flamengo. O Vasco jogou melhor que o Flamengo na final que fez conte a o Real Madrid em 1998 e foi vice tanto quanto a equipe da Gávea. Já a imprensa valoriza o vice do Flamengo e não valorizou o do Vasco.

  4. Antonio Turci disse:

    Verdade. Certos apresentadores, locutores deveriam dosar o entusiasmo. Têm que entender que os respectivos papéis materializam-se quando das transmissões de jogose/ou programas especializados cultos espectadores, ouvintes, são de times distintos.

Galvão Bueno destaca classificação do Flamengo e diz: “O problema agora é do Liverpool”

Foto: REUTERS/Kai Pfaffenbach

O Flamengo saiu perdendo, mas virou e venceu o Al Hilal por 3 a 1, nesta terça-feira, em Doha, no Catar, e se classificou para a final do Mundial de Clubes. Apesar do resultado final, o Rubro-Negro teve dificuldades no primeiro tempo e melhorou depois do intervalo. O narrador Galvão Bueno destacou a classificação da equipe comandada por Jorge Jesus e espera mais torcedores no fim de semana.

– Vá preparando o seu coração, porque o Flamengo está classificado para a grande final. E vem mais gente para sábado. Aviões, aviões e aviões – disse Galvão Bueno, que ainda mandou o recado para o Liverpool.

– O problema agora é do Liverpool, que joga amanha contra o Monterey. O Flamengo já está no jogo de sábado. Problema deles agora – completou.

O Liverpool entra em campo nesta quarta-feira para enfrentar o Monterey, do México, pela semifinal do Mundial, com transmissão do SporTV 2 e do GloboEsporte.com. Se passar, enfrenta o Flamengo no sábado, às 14h30 (de Brasília).

Globo Esporte

Flamengo vence o Al Hilal de virada e está na final do Mundial de Clubes neste sábado

Foto: IBRAHEEM AL OMARI / REUTERS

O Flamengo está na final do Mundial de Clubes. O time rubro-negro venceu o Al-Hilal, da Arábia Saudita, por 3 a 1, nesta terça-feira, e fez a festa dos milhares de torcedores brasileiros no Khalifa, em Doha.

Os sauditas abriram o placar com Salem Al-Dawsari, aos 17 minutos do primeiro tempo. Nos primeiros 45 minutos, o time saudita foi superior. Com boa transição do meio para o ataque, explorou bastante as costas dos laterais rubro-negros, especialmente Filipe Luís. A jogada do gol do Al-Hilal saiu pelo lado do ex-jogador da seleção.

No ataque, a equipe rubro-negra criou algumas oportunidades, mas se mostrou nervosa, especialmente depois que saiu atrás no placar.

O empate no Khalifa, em Doha, veio com Arrascaeta, com um gol aos 4 minutos do segundo tempo. Bruno Henrique, aos 32 minutos do segundo tempo, aproveitou o cruzamento perfeito de Rafinha para virar o jogo contra o Al-Hilal, pela semifinal do Mundial de Clubes: 2 a 1.

O Flamengo ampliou a vantagem sobre o Al-Hilal: Al-Bulayhi marcou gol contra aos 37 minutos do segundo tempo: 3 a 1, na semifinal do Mundial de Clubes.

Quem se classificar para a final terá pela frente Liverpool, da Inglaterra, ou Monterrey, do México. As duas equipes se enfrentam na quarta-feira.

Ainda:Técnico do Al-Hilal, rival do Flamengo, se inspira em Guardiola, Churchill e Alexandre, o Grande

A decisão do Mundial de Clubes será disputada no sábado, no Khalifa, a partir das 14h30.

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Arnaldo. disse:

    Morei dois anos no Rio de Janeiro , muito preconceito com o nordeste, eu era Flamenguista, nunca mais vou torcer para time que não seja da minha cidade, pensam nisso, Flamengo é dos Cariocas.

  2. Carlão disse:

    Torcer pelos times da terra esses alienados não torcem, a família marinho fez um ótimo serviço nos anos 80!

  3. Euvim disse:

    Dá sim Bento. Até vc assistiu.

  4. Cico disse:

    Pelo Mengão, torce todo mundo, até a mulher de seu Raimundo. Faça uma dissertação de mestrado que talvez vc vá entender.

  5. Observando disse:

    Pergunte a um menino de 5 a 9 anos para qual time ele torce. Resposta: Barcelona, Real Madrid, Juventus, etc.

  6. Bento disse:

    Muitos torcedores da Paraíba e do Rio Grande do Norte torcendo para o Flamengo, mas esse time não é do estado do Rio de Janeiro?
    Sinceramente não dá pra entender…

    • Priquito de Bode disse:

      Agora torou dentro mesmo, ei! ei! o que é que tem haver o C… com as calças??
      Quer dizer que é proibido torcer por um time do Rio de Janeiro??
      Rapaz, não dá de jeito nenhum é pra entender a tua cabeça. Moço, o time pode ser da baixa da égua torce por ele quem quer, deixa de escrever tolice, babaquice, vc sabia que lula ta sorto e fudido?
      Kkkkkkk
      Cabecinha típica de militonto.
      Kkkkklk

Flamengo ultrapassa R$ 100 milhões com rendas de jogos em 2019

Foto: Thiago Ribeiro/AGIF

Ao realizar seu último jogo no Maracanã no ano, diante do Avaí, o Flamengo ultrapassou R$ 100 milhões com rendas de jogos na temporada de 2019. O valor inclui bilheteria e receita com comidas e bebidas. É um recorde para o clube: representa mais do que dobrou do que foi arrecadado no ano passado.

Foi essencial para o time rubro-negro chegar a esta marca as campanhas vitoriosas na Libertadores e no Brasileiro. Com essas competições, o Flamengo manteve uma média de público acima de 50 mil torcedores considerando o ano inteiro. Outro fator primordial foi o clube ter assumido a gestão provisória do Maracanã o que alavancou rendas.

Do total da arrecadado, o Flamengo obteve R$ 96,9 milhões com a venda de ingressos durante a temporada. Para isso, foi necessário jogar um total de 36 partidas como mandante. Ou seja, em média, o clube levou para casa R$ 2,7 milhões por jogo.

O Brasileiro representou a maior fatia da renda absoluta com um total de R$ 53,5 milhões. Mas os confrontos da Libertadores foram os mais rentáveis em média: geraram R$ 4,1 milhões por evento, o que também se explica pelo maior valor do ingresso. Tanto que a semifinal diante do Grêmio foi a maior renda do ano do clube com R$ 8 milhões.

Além dos valores brutos, o Flamengo teve a vantagem de ficar com uma fatia líquida maior do que foi arrecadado. Isso tem ocorrido desde que a Odebrecht saiu do estádio. A partir deste momento, o aluguel caiu para R$ 90 mil e as despesas também tiveram quedas a partir de renegociações.

Aliado a esse dinheiro da venda de ingressos, o Flamengo lucrou também com venda de comidas e bebidas. Esses itens passaram a ficar todos com o clube a partir de abril quando o clube assumiu a gestão provisória do Maracanã. O cálculo interno rubro-negro é de que cada torcedor que comparece ao estádio gaste R$ 3,00 extras em média com consumo. O público neste período foi de 1,356 milhão, isto é, o clube gerou mais R$ 4,069 milhões com comidas e bebidas.

Em comparação com o ano passado, houve um aumento de 123% com o ganho com rendas de jogos do Flamengo. Na temporada passada, foram R$ 44,7 milhões com rendas de jogo. Em 2017, foram outros R$ 62,3 milhões.

Com o desempenho desse ano, o Flamengo ultrapassou com folga o valor previsto com arrecadação de jogos. Agora, há o desafio de aumentar esse número para o próximo ano, ou pelo menos manter, já que o clube ocupa boa parte da capacidade do Maracanã em seus jogos.

Blog do Rodrigo Mattos – UOL

Uniforme do Flamengo terá mudanças para o Mundial de Clubes

Foto: Marcelo Cortes/Flamengo/Divulgação

Os uniformes do Flamengo terão que passar por uma remodelagem antes do Mundial de Clubes a fim de atender às restrições regulamentares da Fifa. A maior mudança será a saída de alguns patrocinadores, o que deixará o visual mais “limpo”.

A Fifa permite que apenas o patrocinador master seja exibido na parte frontal do uniforme, além do fornecedor de material esportivo do lado contrário ao escudo. Esses remanescentes também terão que passar por reduções de tamanho para se adequar às regras.

Nos ombros, serão colocados dois patches da Fifa. Todas as patrocinadoras que terão seus logotipos retirados já sabiam de antemão do regulamento, e não houve nenhum atrito, uma vez que se trata de um padrão do Mundiais de Clubes e afeta todos os participantes do torneio.

Na parte traseira do uniforme, o nome dos jogadores aparecerá acima dos números, que também serão readequados quanto ao tamanho.

O Flamengo estreia no Mundial no dia 17 de dezembro, às 14h30 (de Brasília), contra o vencedor de Al-Hilal x Espérance, que duelam no dia 14.

O Globo

MAIS DE 140 MIL: Vasco ultrapassa Flamengo e se torna o clube com mais sócios no país, em manifestação histórica da torcida, em menos de 10 dias

Foto: Reprodução

O Vasco é o clube com o maior número de sócios no país. A escalada incrível no ranking, acarretada pela campanha de desconto no preço da adesão que foi lançada há exatos oito dias, fez com que o Cruz-Maltino alcançasse nesta terça-feira a marca de mais de 140 mil sócios. Ultrapassou o Flamengo, que encabeçava a lista com mais de 139 mil.

Como o número cresce a todo instante, é difícil informá-lo com exatidão. O Flamengo tem no momento seu quadro consolidado em 139.700 sócios-torcedores aproximadamente. O Vasco, por exemplo, extrapolou a casa dos 139.800. E contando…

Esses são dados retirados dos sites oficiais tanto do plano do Flamengo (nrnoficial.com.br) quanto do Vasco (sociogigante.com). Em ambos, há uma contagem em tempo real com a quantidade de sócios.

Mais cedo nesta terça, em participação no programa “Redação SporTV”, Alexandre Campello, presidente do Vasco, disse que passar o Flamengo no ranking era uma questão de tempo.

– Não entramos com a meta de passar o Flamengo, mas acho que isso vai acontecer. Sobre chegar a 200 mil, (…) Já havia a intenção de prorrogar a promoção, mas deixei pra fazer na sexta para não diminuir o ímpeto da torcida. A partir do momento em que prorrogamos e o movimento permanece, acho que não tem limite – afirmou o cartola cruz-maltino.

Com desconto de 50% em alguns planos, o torcedor vascaíno pode, por exemplo, associar-se por uma mensalidade de R$ 7,98 – a promoção é válida nos primeiros seis meses, com o preço voltando ao normal após esse período. Campello revelou que houve um acréscimo de quase R$ 2 milhões na receita de sócios por conta da onda de adesões.

13,3 mil sócios por dia

Em outubro, o GloboEsporte.com fez um levantamento do quadro de sócios dos principais clubes brasileiros, e o Vasco aparecia em oitavo lugar, com 31,6 mil associados. Graças à mobilização de sua torcida, deixou para trás, nessa ordem, Sport, Bahia, Corinthians, Grêmio, Atlético-MG, Internacional e Flamengo.

Para bater a marca de 139.700 em oito dias, o Vasco precisou reunir 13,3 mil novos sócios por dia. Seu quadro, portanto, mais do que quadriplicou desde o início da promoção. O boom também se deu por conta da mobilização de jogadores do elenco, como Leandro Castán e Thalles, ex-atletas do clube e artistas nas redes sociais.

Globo Esporte

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cavalcante disse:

    Com 140 mil sócios, e não conseguir receita p montar um time de vergonha é mesmo que fazer cocô e limpar com canjica.

  2. Armando fernandes disse:

    A torcida do Vasco é toda associada. Todos os 140 mil.kkkkkk

  3. Claudiney disse:

    5,00 por mês nos primeiros seis meses, kkkkkk

  4. Tete disse:

    O mequinha vai lançar o sócio rapadura lá em japecanga, quem comprar uma rapadura assiste grátis aos jogos no boga do Dragão kkkkkkkk

  5. Alaca disse:

    A cariocada tá pesada hoje no blog, ainda mais sendo flamenguista.

  6. Mascarenhas disse:

    NOOOOOOOSSA o vasco vai chegar a 200 mil sócios torcedor a R$ 7,90 a mensalidade, maravilha, fantástico, isso sim é projeto de sucesso, valeu vasco, assim logo terá renda para contratar meio time do barcelona… só que não!
    Segundo a lógica vascaína é a quantidade de sócios a R$ 7,90 que vai fazer caixa e não colocar 60 mil torcedores por jogo em campo, ganhar título, jogar um futebol sublime e ter sócios pagando valores de contribuição real ao clube que mudará a realidade, entendi! Só que não!

  7. José aldomar disse:

    Vamos ver quantos vão chegar em dia com os pagamentos daqui a três meses

  8. Robério Mauricio da Silva disse:

    A diferênça esta no valor que arrecada o Flamengo e quanto o Vasco arrecada, que é muito grande.

FOTOS: Pai registra filho em cartório como ‘Gabriel Arrascaeta’ após título do Flamengo na Libertadores

Fotos: Arquivo pessoal

Muitos atletas ganharam status de ídolo após o Flamengo faturar a Copa Libertadores e o Campeonato Brasileiro. Em especial, Gabigol e Arrascaeta. Mas o rubro-negro Alex Bastos, de 34 anos, foi além e, tomado pela felicidade causada pelos títulos, registrou a certidão de nascimento do filho levando os nomes da dupla rubro-negra. E não foi brincadeira de torcedor.

Vitor Gabriel Arrascaeta Sant’ana Bastos. Nascido em 22 de novembro de 2019, em Mesquita, no Rio. O nome é uma homenagem ao irmão de Alex, enquanto os sobrenomes fazem referência ao atacante e ao meio-campista do Flamengo. Para registrá-lo, precisou da aprovação da esposa Maralina Sant’ana, 34, vascaína fanática igual a sua família.

— Eu ia registrar sem falar com ela, mas pensei “poxa, não posso fazer isso”. Ela é vascaína, a família toda dela também, mas no final não acharam ruim. Ela só está falando para vizinhos e professores para não chamarem a criança de Arrascaeta — brinca o advogado rubro-negro.

Alex viajou para Lima, no Peru, para acompanhar a final da Libertadores mesmo sabendo que a data coincidiria com o nascimento do seu filho, no Rio. Anteriormente, a criança se chamaria Vitor Hugo, mas a conquista heróica do bicampeonato o fez repensar. Era o momento de homenagear os seus ídolos.

— Fui para Lima com a minha mulher grávida, sabendo que ele ia nascer no período que eu estava lá. Deixei tudo certo para não dar ideia de irresponsabilidade. Estava tudo alinhado, tudo certinho. O nome seria Vitor Hugo, já tinha até enxoval com tudo bordado. Mas veio o jogo… Tinha que botar Gabriel e Arrascaeta — revela Alex, que pediu para que a esposa não registrasse a criança enquanto ele não voltasse para o Brasil.

— Não podia botar Gabigol porque ia ficar vexatório. Não é nome, é apelido — completa.

O rubro-negro quase foi barrado no cartório de Mesquita quando tentou registrar a certidão. Por lei, o tabelião não pode deixar que crianças tenham nomes vexatórios ou extensos demais, o que fez uma funcionária do local chamar um superior para analisar o pedido. No fim, tudo deu certo.

— O cartório pede para preencher o formulário. Só faltava o nome. Quando a funcionária pegou e viu o nome, levantou e foi chamar o tabelião. Ele conversou comigo e deixou que a homenagem valesse.

Gabriel Arrascaeta tem poucos dias de vida, mas já é um sucesso nas redes sociais. A segunda filha do casal, Mikaela Bastos, 16, publicou uma foto da certidão de nascimento que conta com mais de 21 mil curtidas. Até mesmo o goleiro do sub-20 do Flamengo, Hugo Souza, apareceu para parabenizar. Hoje, Alex brinca e não se arrepende do que fez.

— Se o Zico morrer, ele estará na história do Flamengo. Gabigol, se ele voltar pra Inter de Milão, continua na história. Não me importo se ele e o Arrascaeta vão sair. Eles estão na história do Flamengo.

Extra – O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Pedro disse:

    Não gosto de invenções, principalmente em algo que levaremos para o resto das nossas vidas, mais me parece, de todos vcs que tripudiaram do nome, um pouco de preconceito e uma rivalidade (futebolística) fora dos padrões. Afinal, como disse anteriormente, o nome não tem nada de esdrúxulo.

  2. Alaca disse:

    Gabriel aceitável, "As carreta" ai foi de lascar.

  3. Uda disse:

    É um imbecil. Não tem idéia do estrago que criará na cabeça do garoto.

  4. Pedro disse:

    Olha como vc se identifica "Jorge Jesus", parabéns ! um bom nome, qual a razão de não ser Vitor Gabriel Arrasceata também um bom nome ? Aí não tem nada de feio ou desabonador.

  5. Olimpio disse:

    Idiota

  6. Jorge Jesus disse:

    Deveria ser proibido esse tipo de absurdo.

Jesus se irrita com penetras e perde até sapato em festa do título do Flamengo

Foto: Wagner Meier/Getty Images

Em meio ao carnaval vermelho e preto que teve início logo após a entrega da taça aos campeões brasileiros, o técnico Jorge Jesus, do Flamengo, teve de lidar com um cenário que talvez não faça parte de sua história recheada por títulos em Portugal.

Assim que o protocolo de cerimônia da CBF foi cumprido, os portões de acesso ao gramado foram abertos e deram início a uma verdadeira invasão no campo. Artistas como Dudu Nobre, políticos como o vereador carioca Felipe Michel, e centenas de amigos e familiares de jogadores, além de um sem número de penetras, entraram no gramado e dividiram espaço com os verdadeiros protagonistas. O “Mister” não gostou.

O primeiro sinal de descontentamento do português foi com as muitas pausas dos jogadores para poses aos fotógrafos. Impaciente, o treinador pedia que os torcedores fossem brindados com aquele momento de alegria. Enquanto Rodrigo Caio tentava se desvencilhar de um batalhão de pessoas, o comandante chamava o zagueiro e apontava para a arquibancada:

“É para lá. Vamos logo, vamos logo”.

Já com os jogadores no meio da volta olímpica, Jesus foi muito abordado para fotos. Tirou algumas, mas ele queria comemorar. Na lateral do campo, parou para atender uma televisão de Portugal, mas não quis dar entrevistas exclusivas para os veículos locais. Para justificar a “preferência”, disse que já falaria com todos na coletiva.

Quando se dirigia ao setor Norte, a aglomeração aumentou e causou um pequeno imprevisto. Ao ter seu calcanhar pisado, Jesus perdeu um pé do seu tênis e teve de voltar para calçá-lo. Já devidamente uniformizado, tentou voltar para a celebração com a taça, que passava de mãos em mãos entre os jogadores. Meio perdido entre tanta gente, Arrascaeta dizia que ainda não tinha conseguido sequer segurar o troféu.

Quando chegou no túnel que liga o gramado ao vestiário, Jesus sucumbiu e entrou. Entre trancos e barrancos, poucos estavam mais felizes do que ele.

Assédio incomoda

Não foi apenas o treinador rubro-negro que se cansou um pouco dos pedidos de camisa, fotos e tudo o mais. Já um pouco sem paciência para entrevistas e outros pedidos, os jogadores queriam relaxar. Gabigol, por exemplo, rechaçou algumas abordagens. Rodrigo Caio também pediu gentilmente a uma emissora que esperasse que ele tirasse fotos com a família antes de dar uma entrevista.

Revezamento para foto

Quando a situação já estava mais controlada, os rubro-negros tentaram eternizar o momento com as pessoas mais próximas. Perto de uma das balizas, os jogadores se revezavam para posar para fotos com amigos, familiares e o troféu do Brasileiro.

Com informações do UOL

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luan disse:

    Os Cariocas sendo Flamenguista ai sim.

  2. Alissonnt disse:

    Flamenguista sendo flamenguista….
    Nada mais normal!!!!

Flamengo inicia planejamento do Mundial e usará Brasileiro como treino de luxo

Foto: Ricardo Moreira/Zimel Press/Agencia O Globo

Passada a festa, volta o trabalho no Flamengo. Enquanto os jogadores e o técnico Jorge Jesus descansam nessa segunda-feira de folga, o departamento de futebol inicia o planejamento para o fim de ano. Com os títulos da Libertadores e do Brasileiro nas mãos, os dirigentes programam a partir desta tarde a viagem ao Qatar para a disputa do Mundial de Clubes. A ideia é levantar voos fretados e hospedagem em Doha a partir do dia 11 de dezembro.

A comissão técnica usará os jogos contra Ceará, Palmeiras, Avai e Santos, que restam no Brasileiro, como um treinamento de luxo para a disputa do Mundial. A ideia é seguir dando conjunto ao time titular que bateu o River na final da Libertadores.

A partida contra o Ceará servirá também para o reencontro com a torcida no Maracanã. Mais de 50 mil ingressos já foram vendidos. O técnico Jorge Jesus retoma o trabalho com os atletas nesta terça-feira e já projetará nos treinos o que vem pela frente no Qatar em três semanas.

A direção do Flamengo também começa a pensar nas férias do elenco. É necessário dar 30 dias de recesso a partir do último jogo no Mundial, possivelmente dia 21 de dezembro. Desta forma, o Flamengo teria uma equipe alternativa no início do Esfadual 2020, que começa dia 22 de janeiro.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. avelino costa disse:

    Flamengo inicia planejamento do Mundial e C. Desculpe mais como sou um pouco lento mentalmente, o que quer dizer " usará Brasileiro como treino de luxo" ?

Flamengo vai abrir o Maracanã para torcedores acompanharem final da Libertadores

Foto: Divulgação/Flamengo

O torcedor do Flamengo que não vai conseguir acompanhar a decisão da Libertadores em Lima, no Peru, no dia 23 de novembro, pode ter clima de estádio no Rio de Janeiro. O Rubro-Negro vai promover um evento com telões no Maracanã para a transmissão da final contra o River Plate. A informação foi publicada pelo jornal “O Dia” e confirmada pela reportagem do GloboEsporte.com.

O clube pediu a autorização da Conmebol, ganhou o aval e acertou todos os termos com a entidade. A diretoria trabalha em conjunto com uma empresa para definir os detalhes, fechar capacidade de público, preço dos ingressos e demais atrações.

A decisão da Libertadores, em jogo único, virou novela. Marcada num primeiro momento para Santiago, passou por alteração no local devido ao momento de instabilidade e protestos no Chile. Após a escolha por Lima, no Peru, o Flamengo definiu a programação e parte para a capital peruana no dia 20.

Globo Esporte