Santander vai lançar carência de seis meses para pagamento de financiamento imobiliário

Foto: Custódio Coimbra / Agência O Globo

Na briga por taxas e condições mais atraentes para o crédito imobiliário , o Santander vai lançar, nas próximas semanas, uma nova condição no financiamento de imóveis. A instituição passará a oferecer um prazo de carência para novos contratos . Na prática, o consumidor poderá obter o financiamento e começar a pagar as mensalidades somente seis meses após a assinatura . A modalidade pretende dar um fôlego para quem compra a casa própria e financia essa moradia pela instituição financeira.

O anúncio sobre o lançamento do financiamento com carência foi feito pelo próprio presidente do banco, Sérgio Rial, durante um evento com representantes de construtoras e incorporadoras. Oficialmente, a instituição financeira ainda não anunciou as novas condições, o que deverá ocorrer durante a Black Friday, em novembro. Com isso, a possibilidade de o comprador ter um prazo para começar a pagar as prestações está voltando ao mercado.

O Banco do Brasil , por exemplo, já oferece carência de até seis meses para o mutuário pagar a primeira parcela do financiamento imobiliário, nas linhas do Sistema Financeiro de Habitação (SFH) e da Carteira Hipotecária (CH). A instituição também dá ao cliente a possibilidade de pular uma parcela um mês por ano (escolhido pelo mutuário). Assim, a prestação é diluída no pagamento dos 11 meses restantes do ano.

Queda nos juros

O movimento do Santander ocorre em meio à disputa por taxas mais baixas no crédito imobiliário entre as instituições financeiras. Depois de bancos privados — como Bradesco e Itaú Unibanco — terem reduzido suas taxas crédito imobiliário, a Caixa Econômica Federal também anunciou queda dos juros do financiamento habitacional na semana passada. O corte foi de até um ponto percentual.

Com isso, a taxa mínima para quem é cliente do banco federal caiu de 8,5% para 7,5% ao ano mais Taxa Referencial (TR). A máxima baixou de 9,75% para 9,5% ao ano mais TR .

Bradesco e Itaú reduziram suas taxas para 7,3% e 7,45% ao ano mais TR, respectivamente. O movimento, dizem os bancos, foi possível devido ao novo cenário de juros baixos. A taxa básica da economia, a Selic, está em seu menor patamar histórico: 5,5% ao ano. E pode cair ainda mais até o fim de 2019.

O Santander pratica juros mínimos de 7,99% ao ano. O Banco do Brasil também oferece uma taxa anual de 7,99% para financiamentos em até 35 anos. No entanto, dependendo do tempo de pagamento do imóvel e do perfil do cliente, os juros podem chegar a 7,40% ao ano.

Otimismo no setor

Com estoques ainda altos e preços em queda, as novas taxas de juros e condições facilitadas de financiamento animam o mercado. Sanderson Fernandes, diretor da construtora e incorporadora Avanço Realizações Imobiliárias, avalia que o movimento pode impulsionar a retomada dos negócios e incentivar consumidores e investidores:

— A concorrência é fundamental para voltar ao ciclo de investimentos. Clientes que até pensavam em fazer distratos agora já voltaram a contratar financiamentos — ressalta Fernandes.

Do lado do consumidor, a carência pode ser uma oportunidade de fôlego e de planejamento de gastos. Marcel Galper, gerente de Vendas da Precisão Administradora de Imóveis, lembra que a aquisição de uma moradia gera despesas com cartório e impostos:

— Além disso, com uma carência de seis meses para começar a pagar, o comprador poderá pensar em fazer reformas e obras, ou mesmo mobiliar a casa ou o apartamento — lembra Galper.

De acordo com dados da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), o total de créditos concedidos este ano chegou a R$ 47,1 bilhões, de janeiro a agosto — volume 31,4% maior do que o registrado no mesmo período do ano passado.

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. James disse:

    Depois é só sofrimento recebendo um boletinho durante 30 anos, período em que vc pagará dois apartamentos.

    • chibatazil disse:

      Se vc preferir, pode pagar o imóvel à vista, não tem problema, é só ter o dinheiro pra isso.

FOTOS: Quadrilha arromba agência do Santander na Zona Sul de Natal e tem roubo de cofre frustrada com chegada de PMs

Divulgação/PMRN

Viaturas 521, 531, 514 com apoio das VTR 305, VTR do CPM e VTRS do BP Choque evitaram um assalto ao Banco Santander na Avenida Roberto Freire em Natal na noite desse domingo(25). Na ocasião, a Polícia tomou conhecimento da ação criminosa ao  receber uma ligação da Central do Banco Santander que Informava a visualização de faíscas e maçarico no interior da agência. Em pouco tempo, diversas viaturas chegaram ao local. Os criminosos, empreenderam fuga pelos fundos do estabelecimento abandonando um vasto material que, por pouco, não colaborou para o sucesso dos bandidos.

Conforme imagens acima, algumas paredes foram violadas e faltavam apenas uma última camada do cofre central para o sucesso da ação criminosa. Felizmente, a rápida chegada dos policiais militares evitou o que poderia ter sido um dos maiores roubos a bancos na história da capital potiguar.

O material apreendido foi apresentado a Delegacia de Plantão para os procedimentos cabíveis. Nenhum valor em dinheiro foi levado do Banco Santander.

Bandidos arrombam caixa eletrônico do Santander na Zona Sul de Natal

Um dos caixas eletrônicos da agência do Santander na avenida Engenheiro Roberto Freire, na Zona Sul de Natal foi alvo de bandidos na madrugada desta quarta-feira (19), por volta das 4h. De acordo com a Polícia, os criminosos usaram um maçarico para arrombar o terminal. Na ocasião, levaram uma quantia em dinheiro não revelada.

Segundo a PM, pelo menos três bandidos participaram da ação criminosa. Na fuga com destino ignorado, deixaram para trás algumas ferramentas.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Claudio disse:

    O pior é que ainda tem quem vote nele

  2. Paulinia A. cruz disse:

    e o meu décimo de 2017? só espero que depois de tanto tempo esperando ele não venha querer escalonar o restante, ai vai ser o fim da picada.

  3. Pedro disse:

    Governo da insegurança nosso estado vive uma insegurança total vivemos em um estado desgovernado

    • jk disse:

      Se esse desgoverno é ruim imaginem a partir de 2019, caos generalizado! Não precisa ser profeta!

MP-RN investiga descumprimento de lei do Banco Santander

O Ministério Público Estadual, por meio do Promotor de Justiça Alexandre Matos Pessoa da Cunha Lima, instaurou inquérito civil público para investigar denúncia de que o Banco Santander não estaria cumprindo a Lei Municipal nº 5054/98, que determina o tempo máximo de espera para o consumidor ser atendido, no prazo máximo de 30 minutos em dias normais e de 45 minutos em véspera ou após feriados prolongados.

Pela legislação vigente, as agências bancárias também devem fornecer comprovante informando o horário em que o consumidor se dirigir para as filas e o horário do atendimento, a fim de possibilitar ao cliente o direito de fiscalizar, comprovar e, se for o caso, ofertar denúncia acerca do descumprimento da lei.

O MP requisitou ao Procon Municipal fiscalização acerca do cumprimento das Leis 5.671/2005 e 5054/98.

Ação Civil Pública

Recentemente, a Justiça estadual julgou procedente ação civil pública movida pelo Ministério Público por descumprimento, pelo Bradesco, de leis municipais que preveem a obrigação das agências bancárias de isolarem visualmente o atendimento aos usuários, emitirem comprovante do horário em que o consumidor chega ao estabelecimento para ser atendido além do horário em que efetivamente lhe foi prestado o atendimento.

Conforme a decisão judicial, foi determinado pagamento de indenização pelos danos morais causados aos consumidores, no valor de R$ 200 mil, a ser revertida ao Fundo Estadual de Defesa do Consumidor, bem como o pagamento individual de R$ 5 mil a cada consumidor atendido em desconformidade com a Lei nº 5.054/98, alterada pela Lei nº 5.671/05.

MPRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. João Maria disse:

    passei mais de 1h para ser atendido no banco do brasil, agencia da afonso pena, tem alguma ação do MP para eu receber 5mil? obs: estou com os comprovantes
    outra coisa e quando as agencia do santander sair do ar? coisa que ocorre todo mes o que fazer?

  2. paulo kasinsk disse:

    Não sei, mas alguma coisa está fora da ordem. A coisa descambou de vez, que tudo o MP está meio. Só aqui, no BG, veja em quantos títulos de notícias está o Ministério Público: agindo, investigando, recomendando, apontando, proibindo e outros gerúndios. Não sei se digo "ainda bem" ou se lamento, porque ao lamentar significa que, cada vez mais, em todos os setores, públicos e privados, nunca se agiu tanto fora da lei. No mínimo é para pensar, embora saibamos que o caráter do brasileiro está cada vez pior. É aí onde entra o MP. Ainda bem.

Bandidos tentam arrombar banco na Prudente e fazem clientes de reféns

Dois homens tentaram arrombar um caixa eletrônico da agência do banco Santander localizada na avenida Prudente de Morais, no bairro de Lagoa Nova em Natal, na manhã desta quinta-feira. Na ação, dois clientes do banco foram roubados e feitos de reféns, mas os bandidos acabaram não conseguindo abrir os caixas.

Segundo a polícia, que foi abordada próximo ao local por um dos clientes feitos de refém, os assaltantes tentaram arrombar as máquinas com um maçarico, mas desistiram ao não conseguirem furar uma terceira placa de proteção que os caixas possuem.

Antes de deixarem o banco, os bandidos levaram celulares e chaves dos carros dos clientes, além de R$ 1.200 de um deles, que havia sacado o dinheiro na própria agência minutos antes. De acordo com o refém ouvido pela polícia, a ação criminosa durou 30 minutos.

Advogada nega participação de PMs em ação criminosa

A advogada Kátia Nunes, da Associação de Cabos e Soldados (ACS), já está na defesa dos dois policiais preso acusados de extorquirem dinheiro de um comerciante cliente do banco Santander, no Centro da Cidade. Agora há pouco, em entrevista concedida aos amigos da imprensa, ela negou que os dois PMs tenham participado da ação criminosa.

De acordo com ela, os dois policiais foram presos por engano e eles só estavam com o comerciante no momento da prisão por causa de um problema na emissão do cupom fiscal e não aguardando o pagamento. “Pelo fato de o estabelecimento não ter disponibilizado nota fiscal dos produtos, eles relacionaram os itens adquiridos para cobrar posteriormente”, contou.

A advogada disse que é preciso analisar as imagens para saber quem acompanhou a mulher e o filho do empresário até a agência para fazer o saque. “Veio a versão de que uma terceira pessoa teria levado o filho da vítima ao banco, para tirar um dinheiro. Então é importante que estas imagens sejam disponibilizadas para que possamos identificar essa terceira pessoa”, observou.

Confira o vídeo da entrevista feito pela Tribuna do Norte:

Policiais Militares são presos envolvidos com extorsão e saidinha de banco

Uma ação criminosa foi registrada em um banco de Natal no início da tarde desta quinta-feira (29). A Polícia Militar (PM) prendeu em flagrante três homens que praticaram o golpe da saidinha em uma agência do Banco Santander, no Centro. Entre os presos, estão dois policiais militares.

O trio havia acabado de agir em frente à agência do Santander, da avenida Rio Branco, e estava com a vítima dentro de um carro quando foi abordado pelos policiais. A polícia está conduzindo os acusados para o 1º Distrito Policial (DP), de Cidade Alta, onde será lavrado o flagrante.

Mas, pode ser que o crime tenha sido maior do que o informado ao blog. Uma das correntistas do banco identificada como Carol Bezerra relatou alguns dos momentos de drama que viveu em sua página pessoal do Twitter (@CarobaBezerra). De acordo com ela, algumas pessoas entre funcionários e clientes, crianças e idosos, chegaram a ser feitas de reféns durante a ação:

 

Quadrilha arromba 3 caixas eletrônicos no Santander da Rio Branco

Portal BO

Uma quadrilha promoveu uma grande ação no início da manhã desta quinta-feira (13), em uma agência bancária da avenida Rio Branco, na Cidade Alta. Os criminosos arrombaram três caixas eletrônicos e tentaram arrombar um quarto no banco Santander.

O crime, de acordo com a polícia, foi registrado por volta das 4h30. O aspirante Dias, do 1º Batalhão da Polícia Militar, disse que um vendedor de jornal passou próximo ao banco e sentiu um forte cheiro de queimado, acionando os policiais logo em seguida.

Ao chegarem lá, os policiais militares ainda encontraram os caixas eletrônicos quentes, o que indica que os criminosos tinham acabado de fugir. Ainda não se sabe quanto foi levado por eles.

O que se sabe é que os assaltantes chegaram a usar fitas adesivas para bloquear o sensor de movimento da agência, bem como usaram lonas para encobrir a frente de vidro do banco. Além disso, a porta principal também não foi arrombada. Esse é o quarto roubo na agência da avenida Rio Branco.

Juiz vai mandar prender hoje gerente do Santander que não forneceu informações da Impacto

Tribuna do Norte:

O juiz da 4ª Vara Criminal de Natal, Raimundo Carlyle de Oliveira, vai comunicar ainda hoje ao delegado de Defesa do Patrimônio Público o descumprimento da decisão judicial que determinou o envio das informações dos extratos bancários dos vereadores Adenúbio Melo e Dickson Nasser, ambos  réus da Operação Impacto. Na determinação para o envio das informações, o magistrado alertava ao gerente do Banco Santander que a desobediência ao mandado implicaria em multa diária de R$ 1 mil e a prisão em flagrante do funcionário responsável, de acordo com o art. 330 do Código Penal (CP). O prazo para que as informações fossem entregues à Justiça extinguiu-se na última segunda-feira (11), no entanto, somente ontem, quando o malote com as correspondências do dia anterior chegaram à Vara, pôde ser definitivamente constatado o descumprimento da ordem. A certidão que atesta o fato tem a assinatura da diretora de Secretaria da 4ª Vara Criminal, Larah Calafange de Sá.

adriano abreuCarlyle vai comunicar o delegado sobre desobediência

Esta pode ser a primeira prisão do processo que apura possível corrupção durante a votação do Plano Diretor de Natal (PDN), em 2007, na Câmara Municipal.

(mais…)