Saúde

Com alta da covid, Secretaria da Administração Penitenciária suspende visitas presenciais em todas as unidades prisionais do RN

A Secretaria da Administração Penitenciária (Seap), considerando a grave crise de saúde pública motivada pela pandemia e a recomendação do Comitê de Crise do Covid-19 da pasta, para intensificar e fortalecer os cuidados preventivos de combate ao novo coronavírus, suspendeu a partir desta sexta-feira (19), as visitas presenciais dos parentes dos internos em todas as unidades prisionais do Rio Grande do Norte. As visitas virtuais (televisitas) ocorrerão normalmente. Antes da pandemia, o sistema penitenciário recebia, em média, 30 mil visitas/mês.

O Comitê da Seap considerou que a taxa de ocupação de leitos crítico está acima de 80%, com unidades hospitalares de referência com 100% de ocupação, alertando para um possível colapso de leitos na Região Metropolitana. Cita também a preocupação com a chegada de novas variantes do Sars-CoV-2.

O sistema prisional do RN não tem casos confirmados de internos infectados. Aliás, o Estado é o único do Nordeste sem registro de óbito pelo novo Coronavírus entre os cerca de 10 mil internos e servidores do Sistema Penitenciário. A suspensão visa garantir a segurança dos servidores, dos internos e seus familiares.

As visitas estão suspensas em: Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta; Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta; Cadeia Pública de Mossoró; Penitenciária Agrícola Doutor Mário Negócio, em Mossoró; Cadeia Pública de Apodi; Cadeia Pública de Caraúbas; Cadeia Pública de Natal; Complexo João Chaves masculino e feminino; Cadeia Pública de Parnamirim; Penitenciária Estadual de Parnamirim; Cadeia Pública Dinorá Simas, em Ceará-Mirim; Cadeia Pública de Nova Cruz; Penitenciária Estadual do Seridó, em Caicó; Penitenciária Estadual de Pau dos Ferros; e na Unidade Psiquiátrica de Custódia e Tratamento (UPCT).

Para minimizar os prejuízos causados pela suspensão das visitas presenciais, a Seap implementou no segundo semestre de 2020 o programa de televisita aos presos. As visitas virtuais mediante agendamento permanecem em funcionamento em todas as unidades do Estado.

A Seap, inclusive, disponibilizou um novo serviço de cadastramento presencial para os novos visitantes virtuais. Para tanto, o interessado deve comparecer a Unidade Psiquiátrica de Custódia e Tratamento (UPTC), na Rua Iguatú, 411, bairro Potengi, na Zona Norte de Natal, das 8h às 14h, com exceção das quartas-feiras e domingos.

Opinião dos leitores

  1. Bandido é pra ser punido e não agraciado com visitas e depois da pandemia torna-se inaceitável. Deixem os mesmo lá, isolados pra se prevenirem q o lugar deles é lá mesmo.

  2. O risco de uma decisão dessa é algum engraçado recorrer a alguem e esse alguém mandar todo mundo à rua. Isso só não acontece pelo fato das nossas prisões estarem cheias de clientes pobres.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Visitas presenciais na Cadeia de Ceará Mirim são suspensas após confirmação de contaminação de detento por covid

Foto: Ilustrativa

A Secretaria da Administração Penitenciária (Seap) suspendeu nesta segunda-feira, dia 28, as visitas presenciais na Cadeia Pública Dinorá Simas Deodato, em Ceará-Mirim. A medida foi tomada após a confirmação de um interno infectado pelo novo coronavírus. O detento apresenta sintomas leves e está isolado para tratamento. As visitas virtuais para que os familiares se comuniquem remotamente com os privados de liberdade estão mantidas e, ainda em janeiro, serão ampliadas. O sistema prisional do RN tem 10.700 internos e 18 casos confirmados de Covid-19.

O Comitê de Crise da Seap, atendendo a Resolução Interadministrativa 04, suspendeu imediatamente as visitas presenciais na cadeia pública. O Artigo 16 da Resolução estabelece a suspensão de visitas nos seguintes casos: taxa de ocupac¸a~o de leitos de UTI esteja superior a 80%, de acordo com relato´rio epidemiolo´gico publicado pela SESAP, e/ou decretado “lockdown”; porcentagem de servidores contaminados igual a 20% do efetivo da unidade; e registro de contaminac¸a~o por Covid-19 em pessoa privada de liberdade nos u´ltimos 15 dias. Apenas um desses registros suspende a visita presencial.

A Seap determinou que as celas e ambientes de uso comum da cadeia pública fossem sanitizados. Estabeleceu ainda a fiscalização do uso de equipamentos de proteção individual por servidores e internos, além dos protocolos de segurança sanitária contra o Covid-19.

Além de Ceará-Mirim, as visitas presenciais estão suspensas na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, Cadeia Pública de Mossoró, Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio, Penitenciária Estadual de Pau dos Ferros e Penitenciária do Seridó, em Caicó. A suspensão foi motivada, também, considerando a taxa de ocupação de leitos de UTI para pacientes com Covid-19 superior a 80% nos municípios de Mossoró, Pau dos Ferros e Caicó. Na Cadeia Pública de Caraúbas, a suspensão foi por falta de leitos no hospital local.

Para suprir a comunicação entre internos e familiares, em dezembro, a Seap ampliou em 100% o programa de visitas remotas e deverá reforçar, em janeiro, o programa com o aumento de oferta de vagas para visitantes virtuais e de computadores nas unidades. A televista garante o direito, por exemplo, ao grupo de risco do Covid-19 poder falar com o parente encarcerado. Nas demais unidades do RN, as visitas presenciais estão mantidas, de acordo com as regras de distanciamento social e medidas de combate e prevenção ao novo Coronavírus.

As visitas não têm contato físico e são limitadas a um parente por apenado, com limite de 30 minutos de duração a partir do primeiro contato, na~o sendo considerados os peri´odos de cadastramento, escaneamento corporal e demais procedimentos de acesso e deslocamento.

O RN é o único estado do Nordeste a não registrar óbito entre presos, policiais penais e servidores que atuam nos presídios.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Covid-19: visitas em presídios federais são suspensas por mais 30 dias

Foto: © Divulgação/Sejuc RN

O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) prorrogou por mais 30 dias a suspensão de visitas, atendimentos de advogados, atividades educacionais e de trabalho, assistências religiosas e escoltas realizadas nas penitenciárias federais, como forma de prevenção à disseminação do novo coronavírus (covid-19). A medida vem sendo prorrogada desde março.

Como exceção, ficam permitidos somente o atendimento de advogados em decorrência de necessidades urgentes ou que envolvam prazos processuais não suspensos, e as escoltas de requisições judiciais.

Assim como nas versões anteriores, a portaria com a medida, publicada no Diário Oficial da União de hoje (29), prevê também a adoção, pelas penitenciárias federais, das “providências necessárias de modo a promover o máximo isolamento dos presos maiores de 60 anos ou com doenças crônicas, durante as movimentações internas nos estabelecimentos”.

Agência Brasil

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

ONG contesta no STF limitação de visitas em presídios

Foto: Dorivan Marinho / Divulgação STF

O Instituto Anjos da Liberdade pediu ao STF para derrubar uma portaria recente do Departamento Penitenciário Nacional que limitou as visitas e encontros de advogados com presos nas penitenciárias federais para evitar a contaminação pelo novo coronavírus.

A ONG, suspeita de ligação com facções, cita norma da Constituição que proíbe a incomunicabilidade com o preso, mesmo em situações excepcionais, como no estado de defesa.

“O argumento de segurança dos presos no Sistema Penitenciário Federal é falacioso, e pode estar a esconder motivações nada republicanas”, disse na ação.

O Antagonista

 

Opinião dos leitores

  1. Kkk. Seria o momento oportuno pra essas facções organizarem fugas em massa dos presídios… Sem receber visitas, além de evitar a contaminação geral nos presídios, não tem como combinar as fugas né? Gente, vamos torcer pra liberarem os bandidos todos coitados! A gente de bem tem que ficar trancado em casa sem receber visitas nem visitar nem os pais, mas os bandidos tem que poder receber visitas né?!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Ex-goleiro Bruno proibiu visita de Adriano Imperador na prisão; amigos, ex-jogadores do ABC já foram recebidos

29p1ni0o5p_3sg8brvoij_file

Nos tempos de Flamengo, Bruno e Adriano eram grandes amigos dentro e fora de campo. A prova da força da amizade é que o Imperador queria até visitar o ex-goleiro, que está preso há três anos e nove meses, condenado pela morte da amante Eliza Samudio.

Porém, em entrevista à revista Placar, Bruno afirmou que proibiu o atacante de aparecer na Penitenciária Nelson Hungria, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

— O Adriano quis vir me visitar. Mas eu mandei recado para ele não vir. As pessoas poderiam distorcer a situação. Já me visitaram o Rodrigo Calaça, bom goleiro, o Gladstone(ex-zagueiro do ABC), com quem joguei no Cruzeiro, e o Irineu(ex-zagueiro do ABC), que jogou no Flamengo. Trouxeram palavras de incentivo.

Recentemente, Bruno assinou um contrato com o Montes Claros, time da 2ª Divisão de Minas Gerais, e tenta conseguiu liberação para voltar aos gramados.

R7

Opinião dos leitores

  1. E OLHA O NAIPE DE QUEM O QUER VISITAR? ,ISSO É BRINCADEIRA NÉ ?…CARA TU TEM QUE FICAR 24 HORAS DA SUA VIDA AJOELHADO PEDINDO PERDÃO A TDS QUE VC ARRANCOU UM PEDAÇO DO CORAÇÃO. PQ SE VC TIVER PRIVILÉGIO SUA VIDA ESTARÁ EM RISCO,TANTO AKI FORA COMO LA DE DENTRO DA CADEIA (SEUS COMPARSAS) QUER VIVER ? RESPIRAR? FIKE SUSSEGADO AI FAZENDO PÃO ,LAVANDO ROUPA,LOUÇA ,FAXINA Q VC NÃO ESTARÁ TÃO A PERIGO. (SE BEM QUE TU MERECE.).

  2. É INADMISSÍVEL ESSE ASSASSINO TER QLQR CHANCE NA NOSSA SOCIEDADE,SÃO NOTICIAS QUE ME ENOJAM,NOS FAZ PKNS E IMPOTENTES DIANTE DESSE PAÍS DEFASADO,SEM RUMO E SEM CARÁTER…CHANCE DE JOGAR ? MEU DEUS DESSE LOGO E ACABA COM TD AKI NESSA TERRA QUE O MAL SEMPRE PREVALECENDO CONTRA O BEM…ESSE INDIVÍDUO MERECE MOFAR NA CADEIA . DA NOJO DE LER NOTICIAS ASSIM.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Vigilância Ambiental faz visita a mercados públicos de Natal

18531Dando continuidade à campanha de prevenção às doenças de veiculação hídrica, iniciada em janeiro, o setor de Vigilância em Saúde Ambiental da Secretaria Municipal de Saúde de Natal estará visitando, no próximo dia 14, os mercados públicos existentes na capital.

O objetivo é sensibilizar os comerciantes que manipulam os alimentos, a desenvolverem práticas de higienização pessoal e das frutas, verduras, e legumes utilizados nas refeições. Além das orientações, serão distribuídos frascos de hipoclorito de sódio a 2,5%.

“No mês de janeiro esse trabalho foi desenvolvido em todas as praias da capital, tendo sido distribuídos mais de 3.000 frascos de hipoclorito entre os comerciantes e usuários”, explicou o chefe do setor de Vigilância Ambiental, Marcílio Xavier.

As visitas estarão acontecendo nos Mercado Público da 4 e Mercado Público da 6, no Alecrim, Mercado Público das Rocas, Mercado Público do Peixe, Mercado Público das Quintas, Mercado Público de Petrópolis e Mercado Público da Redinha, durante as sextas – feiras do mês de fevereiro.

Opinião dos leitores

  1. Inspecionar os locais onde as pessoas adquirem seus alimentos é fundamental!
    Higiene é o mínimo necessário para se obter um produto de qualidade.
    Espero que essa fiscalização seja ampliada.
    Não entendo como certos comerciantes sobrevivem sendo tão descuidados com as cozinhas e as instalações. Obsevem a foto: isso é local digno pra preparar refeições para trabalhadores?
    O profissional que auxilia na implantação de boas práticas de manipulação de alimentos é o NUTRICIONISTA.

  2. Posso te responder Valkiria: quem calou os estudantes foi a caneta de dona Dilma cheia de REAIS transferidos as centrais estudantis. Simples né?

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

“Polícia Legal”: SINPOL inicia visitas a delegacias na próxima terça

A diretoria do SINPOL inicia 2014 com uma meta importante a atingir: não admitir desvio de função e ilegalidades no trabalho dos agentes e escrivães do Rio Grande do Norte. Desta maneira, iniciará, a partir da próxima terça-feira (07), visitas a delegacias de todo o estado, a fim de colocar em prática o “Polícia Legal”, campanha que foi lançada em dezembro, que visa aplicar o princípio da legalidade no uso das atribuições dos policiais civis e provocar mais investimentos governamentais para reverter o quadro de sucateamento promovido pelo abandono do Estado.

SAIBA

O “Polícia Legal” é alicerçado em um Código de Conduta, a ser distribuído nas delegacias, além de material publicitário para o grande público, que atingirá rádios, outdoors, adesivos para veículos. Em paralelo, a entidade também trabalhará uma campanha contra o assédio moral, estimulando os policiais a denunciarem ao sindicato situações de perseguições, constrangimentos, ameaças, entre outros.

O MANUAL

O Código de Conduta possui 15 orientações, que vão desde a recomendação de realização de procedimentos estabelecidos no Estatuto da Polícia Civil, até o cumprimento, pelos escrivães, de pausa de 10 minutos a cada 50 minutos nas atividades de processamento eletrônico de dados, a fim de evitar Lesão por Esforço Repetitivo (LER).

Prioriza ainda a dignidade dos agentes e escrivães, evitando situações irregulares, como o deslocamento para locais de crime e aqueles destinados à realização de medidas protetivas, mandados de busca e apreensão, sem o devido acompanhamento do delegado, situação que acontece ilegalmente hoje, assim como outras semelhantes em que desempenham a função sem ser a autoridade competente.

Os policiais estão preocupados ainda com uma prática recorrente: o uso, na atividade, de materiais de suas propriedades, como armas, notebooks, celular, veículo, entre outros. O Código orienta à não utilização dos objetos, ao mesmo tempo que também recomenda jamais façam uso de bens públicos para fins particulares.

Do Sinpol-RN

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Justiça proíbe visita diferenciada a presos do mensalão na Papuda

Os familiares dos condenados do mensalão não poderão mais fazer visitas em dias especiais e deverão enfrentar a longa fila em frente à Papuda, além de terem de se submeter a cadastro prévio, como acontece com qualquer parente de preso da penitenciária.

Em decisão desta sexta-feira (6), o juiz Bruno Ribeiro, da Vara de Execuções Penais, determinou que os familiares de José Dirceu, Delúbio Soares e outros presos por participação no esquema do mensalão não poderão realizar visitas às sextas-feiras, como aconteceu na semana passada. As visitas regulamentares acontecem às quartas e quintas-feiras.

A decisão vem após pressão do Ministério Público e da Defensoria Pública, que pediam tratamento com isonomia. “O Ministério Público do Distrito Federal noticiou a esta vara que ‘os sentenciados receberam novamente visitas, em dia em que os outros internos não podem receber, o que fere o tratamento isonômico que deve ser conferido aos sentenciados”, escreveu o juiz na decisão.

A visita de parentes de condenados do mensalão no dia 29 de novembro não foi a única fora dos padrões. Antes, até comboio de deputados visitou a Papuda fora do dia comum, além de familiares.

Na decisão, Bruno Ribeiro lembra que já havia determinado na quinta-feira passada que o presídio deveria seguir as regras, “especialmente no que se refere ao tratamento igualitário a ser dispensado aos internos e visitantes do sistema penitenciário”.

Agora, Bruno Ribeiro proibiu explicitamente as visitas excepcionais às sextas-feiras, para o ” restabelecimento da harmonia no sistema prisional e em atenção ao princípio constitucional da igualdade”.

Além disso, os parentes deverão se cadastrar previamente. Pelas regras da Papuda, podem se cadastras dez pessoas, mas apenas quatro podem fazer a visita. Dos dez cadastrados, nove devem ser familiares dos condenados.

Por outro lado, Bruno Ribeiro abriu caminho para ampliar os dias de visitação da Papuda. Na mesma decisão que suspendeu visitas fora dos dias regulares, o juiz determinou que a Subsecretaria do Sistema Penitenciário estude a viabilidade de definir “direito de visita especial” e pediu informações sobre a ampliação dos dias de visita.

Folha

Opinião dos leitores

  1. Deixe de goga Titico. Nem você nem ninguém do PT acredita na inocência do sub-chefe da quadrilha. Ficam com esse discurso apenas por teimosia. Mas se eu estiver errado, poste fotos suas visitando o guru da corrupção na Papuda. Quem apóia corruptos e a corrupção mata a democracia. Seja honesto: não vote!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Dilma internacional: Viagens ao Egito e a Venezuela nesta semana

A presidenta Dilma Rousseff terá uma semana intensa e com agenda internacional. Na quarta-feira (8) estará em Brasília o presidente do Egito, Mouhamed Mursi. No dia seguinte (9) será a vez do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro. Ambos têm reuniões com Dilma e ministros das áreas econômica e social. Como presidente da República, é a primeira vez que Maduro estará no Brasil. Também é inédita a visita de um chefe de governo egípcio ao país. Os dois governantes vivem momentos de tensão em seus países.

Mursi terá compromissos em Brasília e São Paulo. O egípcio chega ao Brasil no dia 7 e fica até o dia 9. Em Brasília, um dos interesses dele são os programas de transferência de renda que atraem a atenção dos egípcios, principalmente, pelas ações relativas ao combate à fome e à pobreza, além da distribuição da merenda escolar. Em São Paulo, Mursi e sua comitiva se reúnem com empresários de vários setores, além de conversas com a comunidade de língua árabe.
(mais…)

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Sinal Fechado: Familiares não puderam visitar presos durante o dia

A Justiça do RN acatou, no final da tarde deste domingo (27), mandado de segurança garantindo a visita dos parentes e familiares dos presos da Operação Sinal Fechado, que estão custodiados no Quartel da PM, no Tirol.

Segundo advogado Duvaldo Varandas, que representou o ex-diretor do Detran-RN, Carlos Theodorico de Carvalho e representa o ex-presidente do IPEM, Rychardson Macedo,  durante todo domingo os familiares dos presos foram impedidos realizar a visitar social, que é garantida por lei. A medida não afetou os representantes da defesa dos acusados.

À proibição, que seguiu recomendação verbal do Ministério Público, foi acatada pelo Comando Geral da PM e confirmada pelo oficial de plantão do quartel.

O mandado de segurança foi acatado pelo juiz de plantão Eduardo Pinheiro, e estende o horário de visitas até ás 23h59 deste domingo. A ação vale para a todos os presos até o fim da custódia na sede da PM.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *