VÍDEO de drone mostra local da morte do sanguinário líder do Estado Islâmico

Para ver vídeo clique AQUI

Imagens feitas com drone divulgadas nesta segunda-feira (28) mostram o que restou do local de esconderijo de Abu Bakr al-Baghdadi, o chefe do Estado Islâmico, cuja morte o governo americano anunciou no fim de semana.

O líder terrorista, segundo a versão relatada pelo presidente americano Donald Trump, estava sendo perseguido e morreu ao detonar explosivos dentro de um túnel, depois de perceber que não teria como escapar. A operação, que durou mais de uma hora teve participação de oito helicópteros, ocorreu na província de Idlib, no noroeste da Síria.

Autoridades de segurança iraquianas revelaram que, durante a longa busca por Baghdadi, equipes de inteligência conseguiram um avanço em fevereiro de 2018 depois que um dos maiores assessores do líder do Estado Islâmico repassou informações sobre como ele conseguiu evitar ser capturado durante tantos anos.

Abu Bakhr Al-Baghdadi em vídeo divulgado nesta segunda (29) — Foto: AFP/Al-Furqan

Às vezes, Baghdadi tinha conversas estratégicas com seus comandantes em miniônibus em movimento repletos de vegetais para evitar uma detecção, disse Ismael al-Ethawi a funcionários depois de ser preso por autoridades turcas e entregue aos iraquianos.

“Ethawi deu informações valiosas que ajudaram a equipe a completar as peças que faltavam no quebra-cabeça dos movimentos de Baghdadi e os lugares que usava para se esconder”, disse uma das autoridades de segurança iraquianas.

“Ethawi nos deu detalhes de cinco homens, incluindo ele, que estavam se encontrando com Baghdadi dentro da Síria e as localidades diferentes que usavam”, explicou al-Ethawi à agência Reuters.

Operação que matou Abu Bakr al-Baghdadi — Foto: Guilherme Luiz Pinheiro/G1

No domingo, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou que Baghdadi morreu “gemendo e chorando” durante uma operação de forças especiais dos EUA na região de Idlib, no noroeste sírio.

Em um pronunciamento televisionado da Casa Branca, Trump disse que o líder do Estado Islâmico morreu junto com três dos seus filhos ao detonar um colete de explosivos depois de fugir para um túnel sem saída durante o ataque.

A trajetória que levou à morte de Baghdadi foi cheia de frustrações para agências de inteligência ocidentais e árabes. Foi necessário vasculhar muitas pistas do paradeiro do líder do EI, que impôs um reino de terror numa extensa área da Síria e do Iraque, ordenando que seus homens realizassem execuções em massa e decapitações.

Ele também é responsável por ataques hediondos em cinco continentes em nome de sua versão ultrafanática do Islã.

Converter militantes como Ethawi foi fundamental para os agentes que tentavam rastrear Baghdadi. Ethawi foi considerado por autoridades de inteligência do Iraque como um dos cinco principais assessores do líder. Ele se uniu à Al-Qaeda em 2006 e foi detido por forças norte-americanas em 2008, ficando preso durante quatro anos, segundo autoridades de segurança iraquianas.

Mais tarde, Baghdadi encarregou Ethawi de papéis cruciais, como dar instruções religiosas e selecionar comandantes para o Estado Islâmico. Depois que o grupo foi praticamente derrotado, em 2017, Ethawi fugiu para a Síria com sua esposa síria.

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Josiel disse:

    Por que não usaram e usam os drones para localizar as manchas de petróleo no mar?
    E por que ainda não divulgaram as imagens dos satélites?
    Será que tem SHELL, CHEVRON OU OUTRA PETROLÍFERA AMERICANA ENVOLVIDA?

Machu Picchu foi construída de propósito em local com falhas tectônicas, diz estudo

Construída pelos incas há centenas de anos, a misteriosa cidade de Machu Picchu fica em uma área remota: no topo de uma montanha, a 2,4 mil metros de altitude, a pouco mais de 1 mil quilômetros de Lima, capital do Peru. Intrigados pela localização da construção arquitetônica, cientistas da Sociedade Geológica da América resolveram estudar a região.

Eles descobriram que o povo inca construiu o santuário exatamente em cima de um local com uma falha geológica — e isso foi feito propositalmente. “A localização de Machu Picchu não é uma coincidência”, afirmou Rualdo Menegat, geólogo da Universidade Federal do Rio Grande do Sul ( UFRGS). “Seria impossível construir um local nas montanhas altas se o substrato [das rochas] não fosse fraturado”.

Menegat analisou imagens de satélite e medições da área de Machu Picchu e notou que havia pequenas fraturas em pedras individuais e grandes linhas mais abrangentes de 175 quilômetros, que controlam alguns vales fluviais.

O pesquisador encontrou também falhas geológicas que ergueram as Cordilheiras dos Andes Centrais nos últimos 9 milhões de anos. Algumas dessas marcas geológicas se orientam para nordeste-sudoeste e outras para noroeste-sudeste, formando um “X” , ao se cruzar sob Machu Picchu.

Segundo Menegat, como os incas eram ótimos com a arquitetura de pedra, eles aproveitavam os materiais que estavam presentes nas falhas geológicas para suas construções. A zona tectônica ativa ajudava as rochas a se quebrarem, diminuindo os esforços que o antigo povo tinha em esculpi-las.

Macchu Picchu também foi construída na região devido a outras vantagens geográficas, como a drenagem do local após a chuva e também a possibilidade de se ter uma fonte de água abundante. “As falhas tectônicas da área canalizaram a água de derretimento da neve e a água da chuva”, contou o pesquisador.

A construção do santuário em um local alto também permitiu evitar deslizamentos de terra e avalanches. Outras cidades incas, como Ollantaytambo, Pisac e Cusco, também estavam localizadas em cruzamentos de falhas tectônicas.

Galileu

 

Polícia interdita alojamento do Botafogo em Caio Martins, e clube transfere jovens do local

Foto: Vitor Silva / SSPress

A Polícia Civil interditou nesta quarta-feira o alojamento das categorias de base do Botafogo no Estádio Caio Martins, em Niterói. A medida foi tomada após equipes da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente de Niterói (DPCA Niterói) constatarem rachaduras nas paredes e fiação elétrica inadequada no local.

O Botafogo encaminhou os jovens para a sede de General Severiano. A Polícia Civil vai ouvir responsáveis do clubes sobre as instalações em Caio Martins e pedirá uma perícia de engenheiros no local.

O Alvinegro não tem a documentação necessária para abrigar garotos em Caio Martins. Em nota oficial, o clube afirmou que prioriza o alojamento dos jogadores da base com a família de cada um e, por isso, recebe no máximo 16 pessoas em General Severiano, além das instalações em Caio Martins, as quais o Botafogo assegura utilizar “pontualmente”.

Ainda de acordo com o Botafogo, os documentos para alojamento de jovens em General Severiano estão em dia.

Confira a nota oficial na íntegra:

O Botafogo possui, incluído em seu documento orientador de futebol de base, uma metodologia que prioriza a formação dos seus atletas junto à família. Acreditamos que os jovens, que já abrem mão de momentos importantes de suas vidas em busca do sonho de se tornar um jogador de futebol, necessitam permanecer o maior tempo possível em suas residências no amparo de seus familiares.

Portanto, as acomodações de alojamento somente são utilizadas em casos especiais de atletas de fora do estado ou em vulnerabilidade social. Para atender essas eventualidades, hoje o clube possui um alojamento de pequeno porte com capacidade para até 16 atletas em General Severiano, além de instalações em Caio Martins utilizadas pontualmente pelas categorias menores, nos quais os jovens permanecem sob a supervisão de inspetores e são acompanhados de perto por uma assistente social.

Informamos que a Sede de General Severiano apresenta toda a estrutura e documentação necessária para o seu funcionamento como alojamento principal do clube. Para o alojamento do Estádio de Caio Martins, o Botafogo está envidando todos os esforços para atualizar a documentação. Por essa razão, os poucos jovens lá alojados foram transferidos para General Severiano até a normalização.

Com a aquisição do terreno para o novo Centro de Treinamento, que se encontra em fase inicial de obras, o Botafogo avançará na questão estrutural, mas seguirá a metodologia já implementada para as suas categorias de base.

Globo Esporte

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. João Batista disse:

    Flamengo comete crime e o Botafogo é quem "paga o pato"!!!

Prefeitura descarta Carnatal no entorno da Arena das Dunas; obras começam em breve

O Secretário adjunto de obras Públicas e Infraestrutura de Natal, Caio Múcio Pascoal, declarou em entrevista ao Novo Jornal, que as obras de mobilidade urbana inviabilizaram o Carnatal 2013 no largo do Arena das Dunas. “Com certeza terá que ser realizado em outro lugar. Todo aquele entorno está em obras. Neste ano o Carnatal não vai ficar ali. Isso vai ser impossível”, destaca, lembrando que já vai ser difícil para o tráfego normal.

Segundo Caio Múcio, no entorno do Arena das Dunas, terão escavações de 15 metros, áreas interditadas e obras de desvios de tráfego. No local onde circulavam os blocos puxados pelos trios elétricos serão construídos quatro túneis e um viaduto. Os trabalhos, inclusive, devem começar ainda setembro com a previsão de conclusão até o final de maio de 2014.

Vale destacar que o Carnatal, em média, leva 200 mil pessoas por noite, deixando os hotéis com taxa de ocupação que se aproxima de 90%. A organizadora do evento estuda o local para a realização da micareta, confirmada de 5 a 8 de dezembro.

Carnatal será na Prudente de Morais

Tribuna do Norte

A 21ª edição do Carnatal sofrerá alterações devido às obras da Arena das Dunas. O tradicional “corredor da folia” não será montado em torno do Machadão e Machadinho e o percurso passa a ter 3 quilômetros – 800 metros a menos que nas edições anteriores. O número de camarotes também será reduzido de 260 para 110 e não há confirmação com relação à montagem das arquibancadas. A micareta está confirmada para ocorrer de 1 a 4 de dezembro e, de acordo com os organizadores, não haverá mudança com relação ao número de blocos e atrações musicais.
(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Robertopaiva disse:

    Acho que o local ideal seria no Alecrim, dando a volta no relógio da praça Gentil Ferreira e passando pelo camelódromo!

  2. Suuuuuu ' disse:

    AAiiii meu Deus, vãao acabar com o nosso carnataal 🙁  Era pra teer corredor da foliia !  que Triiiiiste a melhor festa do ano, acaboou asssim ' Pq ? 🙁

  3. joao lucas peres disse:

    era pra serno mesmo lugar… vai perder muiitos fulioes…joao lucas…

  4. Marcos disse:

    Quero só ver essa presepada…

  5. Merciatorres5 disse:

    é não vai ser tão mal assim

  6. Emanuel Freire de Melo disse:

    Que tal se o carnatal fosse realizado na via costeira.

  7. Isabella disse:

    Acredito que nos próximos anos (depois da derrubada do machadão) isso irá se revolver, com base na planta do Arena das Dunas postada aqui no blog, pois quase toda a área do machadão estará livre para o corredor.

  8. J. Torres disse:

    "As mudanças ocorrem principalmente com relação ao “corredor da folia” [veja mapa]…"

    Cade o mapa??

  9. @isakati disse:

    Nãããõoooo

  10. Alexandre Santos disse:

    Posso falar: pelo que eu li vai ficar uma m****!
    A Destaque não quer sair daquele trecho do Machadão, e com certeza a partir da edição deste ano vai ser o fim do carnatal naquele trecho. Aleluia!

Vejam a planta aérea do local que será construído o Estádio Arena das Dunas

Tribuna do Norte:

As obras da Arena das Dunas serão iniciadas amanhã, em Natal. A notícia partiu do secretário Extraordinário para Assuntos Relativos à Copa no RN (Secopa), Demétrio Torres, que na última sexta-feira recebeu a licença para iniciar os serviços de instalação do canteiro de obras e para realizar a terraplanagem do terreno destinado a nova praça esportiva. Dentro de cinco dias o governo vai receber o licenciamento para iniciar os projetos de demolição do estádio Machadão e do ginásio de esportes Machadinho. Demétrio ressaltou que agora não existe mais como interromper este processo.

Foto aérea com projeto virtual do novo estádio, mostra a real localização da Arena das Dunas. Maior parte da nova praça de esportes será localizada na área da terraplanagem: