Bolsonaro diz que Greenpeace é “lixo” e estuda criar Ministério da Amazônia

Foto: ADRIANO MACHADO / REUTERS

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira que estuda criar o Ministério Extraordinário da Amazônia. A ideia foi apresentada pelo deputado federal Átila Lins (PP-AM), com quem ele se reuniu nesta manhã no Palácio da Alvorada. Na saída da residência oficial, ele também chamou a ONG ambientalista Greenpeace de “porcaria” e “lixo” e defendeu a exclusão dos governadores do Conselho Nacional da Amazônia Legal, órgão transferido para o comando do vice-presidente Hamilton Mourão esta semana.

Bolsonaro se aproximou dos repórteres e disse que a pauta única da entrevista seria o Amazonas, por estar acompanhado do deputado federal do Estado. Ao ser questionado sobre a manifestação do Greenpeace de que o novo conselho da Amazônia “não tem plano, meta ou orçamento”, o presidente rebateu:

— Quem é Greenpeace? Quem é essa porcaria chamada Greenpeace? Isso é um lixo. Outra pergunta.

Sobre a retirada dos governadores do colegiado, agora composto apenas pelo vice-presidente e por ministros do governo federal, Bolsonaro argumentou que a nada seria resolvido com inclusão de representantes de estados e municípios. Mas disse que o conselho não tomará decisões sem ouvi-los.

— Ó, se você quiser que eu bote — tá aqui o Átila Lins para responde —, se você quiser que eu bote governadores, secretários de grandes cidades, pode ter 200 caras. Sabe o que vai resolver? Nada. Nada. Tem bastante ministros. Nós não vamos tomar decisões sobre estados da Amazônia sem conversar com governador, com a bancada do estado. Se botar muita gente é passagem aérea, hospedagem, uma despesa enorme, não resolve nada — comentou.

Ele destacou ainda que Mourão, que já serviu na região como general, vai ser toda a estrutura da Vice-Presidência, sem custos adicionais, “para até se antecipar a problemas, ajudar no desenvolvimento” da região. E então citou a ideia de Átila Lins de criar uma pasta extraordinária:

— Lógico, teria uma reação grande porque seria mais um ministério, é proposta do Átila Lins a criação do Ministério Extraordinário da Amazônia — declarou.

Questionado se vai ateder ao pleito do deputado, ele comentou que vai levar para estudar porque não pode “aceitar aqui agora”.

— Isso envolve despesa, o impacto negativo de mais um ministério. Se bem que nós estamos perdendo um ministério agora quando o Banco Central passar a ter independência, né? Não sei se vai perder o status de ministério ou não. Porque o objetivo de o Banco Central ser um ministério é evitar ações de primeira instância — justificou.

Ao ser indagado sobre quais seriam as atribuições do novo ministério, Bolsonaro redirecionou a pergunta a Lins. O deputado explicou genericamente que a pasta faria “ações integradas” ligadas à Presidência, diferentemente do conselho, que “faria essa parte mais ampla”.

— O ministério seria o órgão executor. Um ministério extraordinário, uma estrutura enxuta e que ficaria ligada à .Presidência da República. É um pedido… — comentou o parlamentar.

Bolsonaro então se negou a responder se o vice-presidente acumularia funções no comando do eventual ministério:

— Nem nasceu… eu nem casei e você quer saber o sexo da criança? Porra…

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bento disse:

    Parabéns Presidente Jair Messias bolsonaro.
    Tem toda razão. Conte conosco sempre.

  2. Poeta Cypriano Maribondo disse:

    Infelizmente este absurdo não dá para comentar. Quando o PRESIDENTE I D I O T A diz asneira é melhor tapar os ouvidos para não ser impregnado de tanta asneiras.

  3. Junin disse:

    É o totó de Trump!!! Galego véi arretado é só estalar os dedos que o bozo faz….

  4. Cesar tol disse:

    TEM.MUITO IMBECIL NO MUNDO….TUDO ACOMODA NA BOCA A PALAVRA ESQUERDA…..ASSUMAM BOLSOTRALHAS QUE VOCES ELEGERAM UM DOIDO QUE FICA MAIS BONITO…
    Agora se O CANALHA DO PINTO PEQUENO BOLSOLACRAIA FALAR QUE O POVO VAI MORAR NO MAR, OS BABACAS VAO DIZER QUE VAO ACAMPAR NA ÁGUA….O POVIN ANALFA… ESSES SEGUIDORES DA LACRAIA PRECISAM SE TRATAR ,O HOSPICIO É BEM ALI VIU….FLAVIO BOSTANARO LADRAO

  5. Ricardo Fraches disse:

    2014:
    "Dólar alto é péssimo"
    2020:
    "Dólar alto ajuda a economia"

    2014:
    "Salário mínimo tá uma esmola"
    2020:
    "Aumentar o salário mínimo gera inflação"

    2014:
    "A corrupção é o maior problema"
    2020:
    "O comunismo é pior que a corrupção"

    Como pode um negócio desses?

  6. Francisco Alves disse:

    O Presidente está certo! A gritaria hoje é porque acabou a mamata das ONGs, e dos pseudos defensores da floresta, desde que houvesse muito dinheiro, muita verba pública envolvida, além da roubalheira das riquezas da Amazônia. São verdadeiras sanguessugas e o governo federal assumindo o controle cortou as pernas dos safados.

  7. Luiz Antônio disse:

    É muito despreparado e extemporâneo, além de inconsequente.

    Caetano estava adivinhando quando fez os versos:

    “Será que faremos somente senão confirmar a incompetência da América católica que sempre precisará de ridículos tiranos”?

  8. Tutu disse:

    Tem que criar mesmo esse Ministério, o Mito tem toda a razão o Greenpeace sobrevive mesmo de quê? Quem paga a conta? Esses milhares de servidores deles são pagos por quem? Lembrando que os caras de uma ONG estavam tocando fogo na Amazônia.

  9. Cidadão pagador de impostos disse:

    Esse descaso de Bolsonaro c a questão ambiental está causando grandes prejuízos p o Brasil. E p “consertar” depois vai custar muito mais caro!!

VÍDEOS: Poucos minutos de chuva e lixo e resíduos “abastecem” a praia de Areia Preta

Pouco mais de 10 minutos de chuvas na capital potiguar, e a praia de Areia Preta acabou “abastecida” na manhã desta quinta-feira(12) por uma grande quantidade de lixo e ainda resíduos – como provável esgoto clandestino.

Situação que ocorre há anos, sem sinais de estancamento, em uma das áreas mais valorizadas de Natal. Registros de @deyvsonsantos

FOTOS: Servidores reclamam de lixo acumulado em hospitais em Natal

  Fotos: cedidas

Servidores de hospitais na capital potiguar estão enviando diversas fotos de uma quantidade expressiva de lixo acumulado em unidades hospitalares.

No registro acima, o exemplo no Varela Santiago. Esta foi uma situação que se encontrava o hospital, mas que foi resolvida durante a manhã.

Em outros hospitais, como Walfredo Gurgel e Santa Catarina, segundo servidores, o cenário seria semelhante ao registrado anteriormente no Varela Santiago.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ana Cristina disse:

    BG, a gestão do atual prefeito lembra os últimos meses da ex-prefeita Micarla de Souza. Um caos! Lixo por toda a cidade, podas de árvores em canteiros, buracos em todas as ruas, inclusive os principais corredores. Estamos vivendo um verdadeiro abandono geral. Péssima gestão. Esse senhor não merece ser eleito nem pra síndico de prédio.

  2. Vilma Lúcia disse:

    Enquanto esse lixo de prefeito estiver no cargo, vai ser assim. Ele só pensa em fazer politicagem e a cidade vai se acabando.

  3. Vilma Lúcia disse:

    Enquanto esse lixo de prefeito estiver no cargo, vai ser assim. Ele só pensa em politicagem e a cidade vai se acabando.

Multas lixo: Prefeitura fará campanha por 90 dias antes de iniciar fiscalização em Natal; veja valores de acordo com infrações

Foto: Divulgação

As normas contidas no Decreto 11.823, que regulamenta a Lei n° 6.693 e prevê a aplicação de multas para quem for flagrado jogando lixo em vias e logradouros públicos foram publicadas no Diário Oficial do Município desta quarta-feira (02/10). A legislação traz disposições sobre infrações e penalidades; fiscalização e apuração das multas. Nos próximos 90 dias, a Prefeitura de Natal vai realizar uma ampla campanha educativa para informar à população a respeito da nova regra, para só depois iniciar com a aplicação das penalidades.

A fiscalização será realizada em uma força-tarefa formada pelas equipes das secretarias municipais de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb); Mobilidade Urbana (STTU) e Segurança Pública e Defesa Social (Semdes), através da Guarda Municipal e o seu grupamento ambiental. As infrações estão qualificadas, pela Lei, como leve, média, grave e gravíssima, o que determina o valor da multa a ser cobrada, levando em consideração a irregularidade cometida e seu potencial poluidor. Estão citadas entre as irregularidades casos que oferecem risco à população, como dispor nos locais públicos: pneus, medicamentos, seringas, resíduos dos serviços de saúde, lâmpadas fluorescentes, pilhas e baterias, componentes ou equipamentos eletroeletrônicos, embalagens plásticas utilizadas para armazenar agrotóxicos e similares.

O prefeito de Natal, Álvaro Dias, ressalta a importância da regulamentação da lei que moderniza a política de descarte de resíduos na cidade, que era uma reivindicação antiga da população. Para o gestor, a extensa campanha de educação promovida pela gestão vai contribuir bastante para evitar o acúmulo de lixo na cidade: “Em primeiro lugar, vamos informar à população exaustivamente a respeito da lei, mostrar que o descarte incorreto é nocivo, enfeia a cidade, gera transtornos e acarreta até em problemas de saúde. Deixaremos claro, ainda, que aquele cidadão ou empresa que é um infrator contumaz sofrerá com os rigores da lei para aprender a respeitar a coletividade”, ressaltou.

O presidente da Companhia de Serviços Urbanos de Natal (Urbana), Jonny Costa, explica que a intenção da Prefeitura ao regulamentar a lei passa longe de criar uma cultura punitivista na cidade, mas, sim, gerar uma consciência ambiental junto aos cidadãos: “De acordo com a legislação que está sendo normatizada, no caso de pessoa física flagrada depositando resíduos sólidos de formar irregular, o órgão fiscalizador terá o dever de agir de forma a conscientizá-lo. Ou seja, o infrator terá a oportunidade de corrigir a conduta. Caso o faça imediatamente após a ocorrência, apenas uma Advertência será aplicada”, destacou.

MULTAS PREVISTAS NA LEI

Pessoa física:

Infração leve, multa de R$ 92,56 (noventa e dois reais e cinquenta e seis centavos);

Infração média, multa de R$ 289,90 (duzentos e oitenta e nove reais e noventa centavos);

Infração grave, multa de R$ 462,22 (quatrocentos e sessenta e dois reais e vinte e dois centavos);

Infração gravíssima, multa de R$ 1.232,00 (um mil duzentos e trinta e dois reais).

Pessoa jurídica:

Infração leve, multa de R$ 289,90 (duzentos e oitenta e nove reais e noventa centavos);

Infração média, multa de R$ 792,25 (setecentos e noventa e dois reais e vinte e cinco centavos);

Infração grave, multa de R$ 1.649,00 (um mil seiscentos e quarenta e nove reais);

Infração gravíssima, multa de R$ 2.460,00 (dois mil quatrocentos e sessenta reais).

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Genaro disse:

    Principalmente o lixo do luladrão e o pt, eram os deviam ser desinfetado desse país, eles são as pragas que deveriamos dedetizar imediatamente nesse país.

Audiência na Câmara Municipal de Natal aponta medidas para destinação do lixo da capital

Fotos: Marcelo Barroso

Uma audiência pública proposta pelo vereador Dickson Júnior (PSDB), debateu na Câmara Municipal de Natal, nesta terça-feira (17), medidas para tratamento e destinação final do lixo produzido na capital. A discussão acontece dentro da semana do Dia Mundial da Limpeza, a ser realizado no próximo sábado (21).

“Trouxemos esse assunto para explorar, dentro da realidade local, os exemplos que acontecem em todo mundo. Se não empreendermos projetos sustentáveis, dificilmente teremos resultados permanentes e sustentáveis”, disse o propositor da audiência, relembrando leis já aprovadas pela Casa neste sentido, entre elas, a Lei 6.663/17, de autoria do vereador Raniere Barbosa (Avante). “É uma lei que trata da destinação dos resíduos sólidos para que haja o compartilhamento de responsabilidades entre o cidadão com o Município, punindo e responsabilizando quem não dá o devido destino aos resíduos”, explica Raniere.

A regulamentação da lei de autoria de Raniere Barbosa está nos planos da Companhia de Serviços Urbanos de Natal (Urbana). Segundo o diretor-presidente da companhia, Jonny Costa, Natal produz mais de 700 toneladas de lixo por dia e custa cerca de R$ 7 milhões por mês para coletá-lo. A intenção da Urbana é inserir nas licitações, cujos processos iniciam ainda neste ano, a modalidade de coleta seletiva e de processamento do lixo. “Com a nova licitação, queremos expandir a coleta seletiva da cidade dando à empresa vencedora a responsabilidade de levar a coleta seletiva para os quatro cantos da cidade. Com isso, ao invés de gastar para coletar e dar uma destinação final, poderemos gerar receita com o lixo”, anunciou Jonny Costa.

Apenas 3% do lixo de Natal é reciclado. Além da questão ambiental e paisagística, aumentar esse percentual deve gerar renda e contribuir com a economia da cidade, mas necessita de iniciativa do poder público. “Já existe uma lei de separação do lixo nos condomínios, mas não funciona porque não tem quem recolha o lixo separado. Falta gestão neste sentido”, destaca o empresário da área de coleta seletiva, Jurandir Nunes.

Para mobilizar a população em torno desta temática, Natal participará, pela segunda vez, do mutirão do Dia Mundial da Limpeza, que acontecerá simultaneamente em 158 países. A voluntária do movimento, Ana Karla de Souza, diz que se trata de uma ação de visibilidade para que se dê um pontapé na execução de medidas que resolvam a problemática do lixo na cidade. “Entendemos como uma ação, uma contribuição que tem a educação com um dos pilares para as pessoas entenderem sua responsabilidade. Sabemos que esta ação precisa ser complementada por todos os órgãos para dar continuidade a medidas eficazes”, destacou. Na ação, voluntários recolherão lixo em vários pontos da cidade. Os vereadores Sueldo Medeiros (PHS) e Preto Aquino (PATRI) também participaram da audiência.F

Ex-âncora do ‘Jornal Hoje’, Dony De Nuccio curte comentário que chama Globo de ‘lixo’

Foto: Reprodução

Aaaaaa, as redes sociais. Dony De Nuccio caiu na patrulha dos internautas, que pegaram o ex-âncora da Glono curtindo um comentário que chamava a emissora de ‘lixo’,

Isso mesmo.

A mensagem em questão foi feita por um internauta num click recente feito pelo profissional em sua conta do Instagram.

“Fez muito bem sair daquela emissora lixo. Voe alto, siga seus princípios e nunca deixe eles influenciarem”, disse o comentário. Ele, sem nenhum alarde, deixou o seu “like” na opinião deixa em seu insta.

O curioso é que Dony quase não costuma curtir os comentários de seus seguidores, que são muitos.

Vale lembrar que Dony deixou a emissora em agosto, com trocas de mensagens de gratidão com a direção da Globo.

Responsável por comandar o “Jornal Hoje” ao lado de Sandra Annenberg desde o início de janeiro, Dony De Nuccio se envolveu numa polêmica que rendeu a sua vaga na Globo.

O âncora deixou a rede após assinar um contrato milionário com um banco. Dony teria gravado vídeos que são usados para eventos com clientes e treinamentos de funcionários.

O problema é que a participação do jornalista no material publicitário é uma violação ao Código de Ética e Conduta do Grupo Globo.

Será que ele curtiu sem querer?

 

Ver essa foto no Instagram

 

Aaaaaa, as redes sociais. Dony De Nuccio caiu na patrulha dos internautas, que pegaram o ex-âncora da Glono curtindo um comentário que chamava a emissora de ‘lixo’😱😱😱😱. . Isso mesmo. A mensagem em questão foi feita por um internauta num click recente feito pelo profissional em sua conta do Instagram. “Fez muito bem sair daquela emissora lixo. Voe alto, siga seus princípios e nunca deixe eles influenciarem”, disse o comentário. Ele, sem nenhum alarde, deixou o seu “like” na opinião deixa em seu insta.💣💣💣💣. . . O curioso é que Dony quase não costuma curtir os comentários de seus seguidores, que são muitos. Vale lembrar que Dony deixou a emissora em agosto, com trocas de mensagens de gratidão com a direção da Globo. Responsável por comandar o “Jornal Hoje” ao lado de Sandra Annenberg desde o início de janeiro, Dony De Nuccio se envolveu numa polêmica que rendeu a sua vaga na Globo. O âncora deixou a rede após assinar um contrato milionário com um banco. Donny teria gravado vídeos que são usados para eventos com clientes e treinamentos de funcionários. O problema é que a participação do jornalista no material publicitário é uma violação ao Código de Ética e Conduta do Grupo Globo.. . Será que ele curtiu sem querer?. . . . . #donydenuccio #jornalnacional #jornalhoje #evaristocosta #sandraannenberg #majucoutinho #cnnbrasil #reinaldogottino #gottino #jornalismo #jn #williambonner #fatimabernardes #bancada #globoreporter #evaristocosta

Uma publicação compartilhada por KEILA JIMENEZ (@ktvefamosos) em

Keila Jimenez – R7

FOTO: Campanha recolhe quase meia tonelada de lixo na Redinha

Foto:  Divulgação

O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), em parceria com diversas instituições, promoveu nesse domingo (23), das 9h às 13h, a campanha “Essa é Minha Praia”, na Praia da Redinha, onde foi recolhida quase meia tonelada de lixo. A atividade consiste na realização de mutirões de limpeza e campanha de sensibilização pelas praias do Rio Grande Norte. A concentração das equipes de voluntários e participantes ocorreu às 8h30, em frente a Igreja de Nossa Senhora dos Navegantes, na Redinha Velha.

Segundo a assessora técnica do Idema, Ana Marcelino, a ação, que teve sua segunda edição ontem, tem a finalidade de fomentar junto a população a importância de preservar o meio ambiente. “Não se trata apenas de limpar as faixas de areia das praias do nosso Estado, mas abordar os banhistas, turistas, frequentadores do nosso litoral, com objetivo de alertar sobre os prejuízos causados a sustentabilidade ambiental pelo descarte irregular de resíduos na área Costeira”, explica.

As equipes de trabalho recolheram o lixo deixado na faixa de área e distribuíram sacolas de câmbio para população. Após o término da coleta de lixo, a Companhia de Limpeza Urbana de Natal deu a destinação adequada dos resíduos.

Além disso, a ação demonstrou os resultados do Programa Água Azul do Idema, que monitora sistematicamente a balneabilidade das praias, apontando os locais apropriados para banho e também a equipe do Projeto Cetáceos da Costa Branca (UERN/UFRN) realizaram uma oficina sobre tartarugas marinhas, para os visitantes e trabalhadores dos bares e quiosques sobre os malefícios que o lixo no mar causa aos animais marinhos.

A Campanha “Essa é Minha Praia” será realizada na praia do Meio no próximo dia 30. A ação integra as atividades comemorativas da Semana do Meio Ambiente, articuladas pelo Idema, em parceria com dos Jovens Escoteiros, Urbana, Corpo de Bombeiros, UERN, UFRN, IFRN, Instituto Cidade Limpa, Faculdade Estácio, UEB/RN, SEJUV, Coletivo Jovens De Meio Ambiente e apoio da empresa A&D Embalagens e Reciclagem.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marcos disse:

    Parabéns aos envolvidos

URBANA recolhe mais de 220 toneladas de lixo nas bocas de lobos das ruas de Natal

Somente no mês de janeiro, a Companhia de Serviços Urbanos (URBANA) retirou 221 toneladas de lixo das bocas de lobo e das calhas das ruas e avenidas de Natal. Entre os materiais recolhidos estão colchões, partes de bicicletas, peças de moto, sacos, entre outros objetos que entopem e dificultam o escoamento da água, alagando ruas da cidade e causando prejuízos à população.

Esse tipo de trabalho é realizado diariamente pela URBANA, mas está sendo intensificando nesse período para prevenir alagamentos em pontos crônicos (Av. Capitão-Mor Gouveia, Rua Mipibu, Rua Lucrécia, Rua Açu, entre outras) da cidade nos dias de chuva.

A programação de limpeza para os próximos dias será: Av. Ary Parreiras (Alecrim), Ruas Padre Cícero Romão, Gameleira e São Luiz (Comunidade da África), Av. Bom Pastor, Av. Bernardo Vieira com Jaguarari e Rua dos Canindés com Alexandrino de Alencar, além dos habituais retornos aos pontos críticos de alagamento da cidade.

Para o Presidente, Josivan Cardoso, é preciso a colaboração dos natalenses. “A prevenção só ocorre em ação conjunta, onde a Prefeitura faz a limpeza e a sociedade mantém limpa, quando não deixa lixo irregular nas ruas”.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Teresa disse:

    Vamos evitar as sacolas de plástico dos supermercado. Já era uma boa ajuda pra evitar entupir as bocas de lobo.

  2. João B disse:

    É foda, população mal educada, nas chuvas dessa semana, diversas bocas de lobo entupidas de lixo.

  3. Magno Pegado disse:

    De muita utilidade a limpeza das bocas de lobos.
    No entanto, para o escoamento das águas acumuldas que está provocando os alagamentos é necessário a limpeza dos POÇOS DE VISITAS da Rua Lucrécia em Lagoa Nova com a maior brevidade possível.
    Inclusive essa limpeza dos PV´S faz parte de uma determinação judicial que está sendo, descumprida pela PMN, por ocasião da audiência realizada com a VFP e o MP.

Licitação do lixo em Natal: cinco empresas apresentam proposta

18388Foto: Alexis Régis

Cinco empresas participam do certame que definirá qual ficará com o contrato de aproximadamente R$ 341 milhões pela licitação do lixo na capital. De acordo com reportagem da Tribuna do Norte, de 10 empresas credenciadas no edital para concorrência de quatro lotes da licitação da limpeza urbana de Natal participar da sessão de abertura de envelopes, cinco delas entregaram os documentos na manhã desta terça-feira (14), em cerimônia na OAB.

Segundo a reportagem, com a entrega da documentação, caberá à comissão de licitação da Urbana a análise se as empresas ainda na disputa poderão ter os envelopes com as propostas financeiras – que já foram entregues – abertos. Ainda segundo a matéria, já existe a expectativa da Prefeitura que sejam publicados nesta quarta-feira (15), no Diário Oficial, os nomes das empresas que continuarão na disputa. Após a análise dos requisitos legais para que as empresas prossigam no certame, a Prefeitura do Natal fará no dia 23 de janeiro a sessão para abertura das propostas.

Confira empresas que entregaram documentação:

Torre Empreendimentos;
ETC Empresa de Terraplanagem;
Corpus Saneamento e Obras;
Marquise;
Vital Engenharia.

Com acréscimo de informações da Tribuna do Norte.

FOTO: lixo toma conta de trecho de estrada que liga praias de Muriu e Barra de Maxaranguape

IMG-20140113-WA0006Flagra do “lixão” é na estrada que liga as praias de Muriu a Barra de Maxanguape, no litoral norte. No trecho, inclusive, está sendo construido um condomínio de luxo.

No local circulam cerca de mil veículos ao dia durante o verão, e a Prefeitura de Ceará-Mirim não faz o básico.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rafael disse:

    Mesmo problema que sofre alguns trechos entre Natal e Parnamirim. É o famoso "nem". No caso "nem" Muriú (Ceara Mirim), nem Barra de Maxaranguape. Porém, não é só responsabilidade das prefeituras, já que o lixo não vai parar nesse terreno sozinho. Povo é mal educado e joga lixo em qualquer lugar, sem se importar com sua retirada em seguida. Por outro lado, as más línguas dizem que o prefeito de Ceara Mirim, esqueceu Muriú, apesar de ter gasto muito dinheiro em sua campanha nesse local que foi o de menor votação dentro de Ceará Mirim. Isso não seria difícil de ser verídico, não é mesmo?

  2. Linda disse:

    A prefeitura de ceará-mirim gosta de jogar lixo onde não deve…principalmente nas terras alheias!

  3. Luciano disse:

    Conheço esse trecho faz uns 6 anos e esse problema é recorrente. Não sei, mas temos uma péssima cultura de conviver com o lixo, sujando caçadas, terrenos baldios e tudo. O que custa tb os prefeitos de Barra e Muriú limpar essas imundice? Sabem por que nao limpam? Por que já estamos acostumados a viver no meio do lixo com poucas pessoas se revoltam com isso….Espero q a mensagem cheguem as responsabilidades competentes pois esse lixo é o primeiro "cartaõ" postal dessas cidades.

  4. Francisco Dias disse:

    Sejamos justos: o lixo não nasceu aí. Isso é muito mais fruto da falta de educação do que erro administrativo da Prefeitura.

FOTO: Municípios do RN formam consórcio para solucionar problema do lixo

fotoFoto: Gerson de Castro

Por iniciativa da Associação dos Municípios do Litoral Agreste Potiguar ( Amlap), mais de 30 municípios das duas regiões e também do Potengi decidiram formar um consórcio para enfrentar o grave problema do tratamento e destino final dos resíduos sólidos.

Os municípios consorciados receberão, por meio de emendas ao Orçamento Geral da União, recursos da ordem de R$ 40 milhões que serão investidos na compra de caminhões coletores e compactadores e na construção de estações de transbordo. O lixo será coletado nas cidades, levado para as estações de transferências que serão construídas em cidades-pólo das três regiões e de lá o rejeito será encaminhado para o Aterro Sanitário da Grande Natal, localizado em Ceará-Mirim. A expectativa é que o aterro passe a receber,  a mais, cerca de 300 toneladas de lixo por dia. Deverão receber as estações de transbordo ou transferência as cidades de São José do Mipibu, São Paulo do Potengi, Canguaretama e Goianinha.

Para o presidente da Braseco, proprietária do Aterro Sanitário da Grande Natal, o consórcio é inovador e servirá de exemplo para outras regiões do Estado e do País. Para o presidente da Amlap, Fabiano Sousa, a união dos prefeitos foi determinante para a implantação de uma ideia simples que viabilizará a solução para um mais graves problemas dos municípios potiguares e do País.

O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves, se reuniu na ultima segunda-feira com os prefeitos, detalhou os investimentos e garantiu que trabalhará para que os investimentos, a cargo da SUDENE e da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) sejam liberados o mais breve possível.

FOTOS: lixo em Natal não para, não para, não para

BWiu-8ZIAAAMPf_.jpg-large BWiwe8OIcAAUGeB.jpg-largeAs imagens são da colunista Hilneth Correia, que registrou presença de lixo na rua Mossoró e na lateral do Colégio Marista, na zona leste da capital. Ela pede atenção ao prefeito Carlos Eduardo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Julião disse:

    Na minha rua, as coletas são feitas nas segundas, quartas e sextas, tem vizinho meu que na segunda depois que o lixo passa, já coloca mais lixo na rua. Lógico que vai ficar sujo. Sem falar que aqui próximo a catedral, existem muitos carroceiros que recebem para "dar destino" ao lixo e jogam em avenida pública. Deveria existir uma campanha de conscientização da população, pois são poucos os que tem consciência de algo. É incrível como a própria população se prejudica e depois vem querer exigir milagres dos administradores públicos.

  2. Sarah Marques disse:

    Nos quesitos limpeza pública, iluminação pública e manutenção dos equipamentos públicos, a situação atual de Natal-RN é muito rum quando comparamos, por exemplo, com a vizinha capital João Pessoa-PB. É uma pena que os nossos gestores municipais estejam tão omissos das suas obrigações….

  3. BEZERRA disse:

    cadê a urbana, não iria resolver tudo o nosso prefeito?

  4. Ricardo disse:

    Não é na zola leste não! na periferia tbm…

Lixo: Funcionários da Urbana podem cruzar os braços a partir de hoje

Não está descartada a possibilidade de uma nova greve por tempo indeterminado na Companhia de Serviços Urbanos de Natal (Urbana). O veredito será dado após reunião com funcionários da prefeitura ainda na manhã de hoje.  Uma assembleia da categoria já foi realizada.

Os servidores cobram reposição da inflação nos vencimentos. Inicialmente foi pedido pelo  Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio, Conservação e Limpeza do RN (Sindlimp), 15% de reajuste. A prefeitura ofereceu a reposição da inflação, o que fez com que os funcionários recuassem a proposta para 8%.

No entanto, nada foi decidido ainda, e Natal pode sofrer mais uma vez com o excesso de lixo em suas ruas.