Juiz manda OAS pagar Lula por imóvel no prédio do tríplex

Condomínio Solaris, no Guarujá, litoral paulista. FOTO: MÁRCIO FERNANDES DE OLIVEIRA/ESTADÃO CONTEÚDO

O juiz Adilson Aparecido Rodrigues Cruz, da 34.ª Vara Cível de São Paulo, determinou que a empreiteira OAS e a Cooperativa Habitacional dos Bancários (Bancoop) devolvam ao ex-presidente Lula 66,67% da cota-parte do apartamento 141 adquirida pela ex-primeira dama Marisa Leticia no condomínio Mar Cantábrico, atual Solaris, no Guarujá, litoral paulista.

O edifício é o mesmo onde fica o triplex, pivô da condenação do petista na Operação Lava Jato e pela qual Lula cumpre pena de 8 anos e 10 meses de prisão em Curitiba. A informação é do Blog do Fausto Macedo.

“Julgo parcialmente procedente a ação de restituição de valores pagos que Marisa Letícia Lula da Silva (depois, espólio de Marisa Letícia Lula da Sila, representando pelo seu inventariante Luiz Inácio Lula da Silva) ajuizou contra Bancoop Cooperativa Habitacional dos Bancários e OAS Empreendimentos S/A em recuperação judicial”, determinou o magistrado.

Adilson Aparecido Rodrigues Cruz afastou alegações de prescrição do caso e acolheu o pedido da defesa da família Lula. “Declaro abusivas as cláusulas referidas e, na adequação dos valores devidos, condeno a parte ré, solidariamente, a pagar à parte autora a quantia de 66,67% referente ao acolhido cálculo, atualizado e com juros legais”, anotou o magistrado.

O Solaris era da Bancoop, a cooperativa fundada nos anos 1990 por um núcleo do PT. Em dificuldade financeira, a Bancoop repassou para a OAS empreendimentos inacabados, o que provocou a revolta de milhares de cooperados – eles protestam na Justiça que a empreiteira cobrou valores muito acima do previsto contratualmente.

Na ação distribuída para a 34.ª Vara Cível da Capital, a família Lula afirmou que, em abril de 2005, assinou o Termo de Adesão e Compromisso de Participação com a Bancoop e adquiriu ‘uma cota-parte para a implantação do empreendimento então denominado Mar Cantábrico’. A previsão de entrega, de acordo com a defesa, era 2007.

Segundo o documento, subscrito pelos advogados Roberto Teixeira, Cristiano Zanin Martins, Maria de Lourdes Lopes e Rodrigo V. Domingos, a Bancoop reservou previamente uma unidade do edifício que seria construído para Marisa Letícia.

“No caso, o apartamento 141 no Edifício Navia, uma unidade padrão, com três dormitórios (um com banheiro) e área privativa de 82,5 metros quadrados”, descreveram os criminalistas.

Os advogados afirmaram que Marisa Letícia pagou a entrada de R$ 20 mil, as prestações mensais e intermediárias até setembro de 2009. Segundo os criminalistas, naquele ano, a Bancoop repassou o empreendimento à OAS e deu duas opções aos cooperados: solicitar a devolução dos recursos financeiros integralizados no empreendimento ou adquirir uma unidade da OAS, por um valor pré-estabelecido, utilizando, como parte do pagamento, o valor já pago à Cooperativa.

A defesa relatou que Marisa Letícia à época não se manifestou sobre o tema, mas o fez em 2015 quando pediu a restituição dos valores colocados no empreendimento. Os advogados sustentaram que, desde então, a Bancoop ‘não realizou a devolução do valor investido ou forneceu qualquer justificativa’ e também que ‘ao assumir o empreendimento e comercializá-lo, a OAS se tornou co-responsável pelo ressarcimento da cota-parte dos cooperados’.

Na sentença, o juiz Adilson Aparecido Rodrigues Cruz afirmou que ‘é parcialmente procedente porque, no adiante, inviável carrear a culpa exclusiva do promitente vendedor/construtor’.

O caso tríplex

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Observador disse:

    A justiça está meio contraditória, Lula foi condenado por receber o apartamento em questão como propina, daí a justiça manda devolver a parte que ele já havia pago. Como foi propina e ele pagou pelo imóvel? Não sou da área jurídica, porém não sou muito menos burro ou imbecil. Quero deixar claro que votei no Bolsonaro, porém vamos dar a César o que é de César, se Lula foi condenado por este crime, o referido crime deixa de existir a partir desta decisão judicial, onde a justiça reconhece seu erro, mandando devolver o dinheiro que havia sido pago pelo referido imóvel. Esta é minha humilde opinião.

  2. Victorino disse:

    Mas transformou numa Noruégua…

  3. #Lula na cadeia disse:

    Esse vagabundo sem dedo tem que morar na cadeia , esse fdp queria fazer do Brasil uma miserável Venezuela, e ainda de IMBECIL QUE ACREDITA NESSE RATO LADRAO CONDENADO

    • Flávio disse:

      Na ignorância bolsonarista so é de esquerda so pode ser venezuela ou cuba! Esquecem que noruega, portugal, dinamarca, uruguai, suecia e ate alemanha sao países governados a bastante tempo por partidos de esquerda. São tidos como paises socialistas (nao confundir com comunistas). Para mim e para o mundo pensante. O mundo que observa de fora ,Lula queria transformar o Brasil em uma Noruega.

    • realmadriddepiumgenerico disse:

      O cara baba de ódio até quando escreve. Vai se tratar.

OAS entrega Dilma

A OAS assinou um acordo com o Cade reconhecendo que participou de um cartel durante o governo Lula para repartir as obras do Dnit.

De acordo com documentos obtidos pelo Estadão, “Dilma Rousseff – à época, ministra da Casa Civil – teria conhecimento do cartel”.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. nasto disse:

    E MICHEL TEMER ? Esqueceram dele. A Papuda o espera.

  2. Francisco disse:

    E continua dando uma despesa de R$ 600 ( seiscentos ) mil por mês para os cofres públicos essa terrorista.

  3. Fernando Gaspar de Lira disse:

    Isso não interessa, tudo agora tem que ser o relatório do COAF sobre os filhos de Bolsonaro e seus assessores. A preocupação do Brasil tem que ser com a movimentação financeira da família Bolsonaro, todos milionários e seus funcionários de gabinete.
    Não interessa os BILHÕES repassados pelo BNDES aos países com DITADORES, recurso público que jamais voltará ao Brasil;
    Não interessa os BILHÕES desviados e provados nos escândalos do mensalão, petrolão e lava jato;
    Não importa ver a insegurança jurídica que o STF vem produzindo nesse país;
    Não importa as 500 mil inscrições fraudulentas que existiam no bolsa família até janeiroq2019 e foram afastadas;
    Não temos que nos preocupar com a reforma da previdência, deixa o país quebrar;
    Não interessa saber que a lei do desarmamento gerou números de mortes e assaltos no Brasil só registrados em guerras violentas;
    Não temos que lembrar que nosso ensino público hoje é o 95 colocado entre 100 países;
    Vamos esquecer o combate a corrupção e a impunidade, deixa pra lá o rumo da economia, vamos continuar fazendo pouco caso do caos que virou a saúde pública, tudo que importa é o relatório do COAF.

    • André Fortes disse:

      Tem que prender todo mundo com coaf ou sem coaf. Vocês não têm bandidos de estimação, lembram?

    • duendevermelho disse:

      É bem por aí André, porém o foco aqui é mostrar que a mídia brasileira só tem notícia e matéria para esses relatórios do COAF, esquecendo tudo que está acontecendo de positivo e que nunca antes veio a público mostrar a movimentação financeira de nenhum dos envolvidos nos escândalos do mensalão, petrolão e da lava jato.

    • JUCA disse:

      Mas uma coisa justifica a outra???? se tem culpa tem que pagar !!! nao foi isso que o papai falou!!! com COAF ou sem COAF…!!!

    • Lobo disse:

      Pior que o relatório do COAF não importa, pois foram encontradas movimentações do pt, MDB, PSOL superiores a do Queiroz, mas a imprensa junto com os esquerdopatas não falam das movimentações recordistas, só querem saber do que Queiroz movimentou, e que foi 40 vezes inferior as outras movimentações, exemplo a do pt, q foi quase 50 milhões de reais. Mas vira fogo de palha. Kkkkk

Delação da OAS fala em R$ 16 milhões em caixa dois para Rosalba

Reportagem de O Globo nesta quarta-feira(27) revela que a OAS pagou R$ 125 milhões em propinas e caixa dois em troca de apoio para obras entre 2010 e 2014 para 21 políticos, dentre eles, a prefeita de Mossoró Rosalba Ciarlini (PP).

De acordo com a reportagem, a então governadora teria recebido R$ 16 milhões em caixa dois da empreiteira, e este pagamento estaria relacionado a obras da Arena das Dunas.

Segundo O Globo, a delação foi feita por oito ex-funcionários que atuavam na “Controladoria de Projetos Estruturados”, o que seria o departamento clandestino da empreiteira.

A delação homologada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no ano passado era mantida até agora em sigilo.

À reportagem de O Globo, Rosalba disse desconhecer nesse sentido com a OAS.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cláudio disse:

    Mas hômi, com esse dinheiro todinho não ajeitou nem os dentes?

STF desbloqueia R$ 2 bilhões da OAS

6j7g76l54ye388fb35himz0zqFoto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Ex-presidente da construtora OAS, Léo Pinheiro(foto acima) é um dos personagens mais emblemáticos da Operação Lava Jato

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio concedeu liminar nesta sexta-feira (9) à construtora OAS, uma das investigadas pela Operação Lava Jato, autorizando o desbloqueio de R$ 2,1 bilhões da empreiteira.

O bloqueio dos valores havia sido determinado no dia 17 de agosto pelo Tribunal de Contas da União (TCU), que visava garantir ressarcimento aos cofres públicos por supostas irregularidades encontradas nos contratos para a construção da Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco. Os acordos para a realização da obra foram firmados entre a Petrobras e o consórcio formado pelas construtoras OAS e Odebrecht.

Em sua decisão, o ministro Marco Aurélio considerou que “há limites” no poder do TCU em impor cautelares como essa e argumentou que o bloqueio dos bens poderia sujeitar a empresa “à morte civil”. Segundo o magistrado, o ressarcimento de eventuais prejuízos causados ao Erário “depende da permanência da construtora em atividade”.

“Não se está a afirmar a ausência do poder geral de cautela do Tribunal de Contas, e, sim, que essa atribuição possui limites dentro dos quais não se encontra o de bloquear, por ato próprio, dotado de autoexecutoriedade, os bens de particulares contratantes com a Administração Pública”, escreveu Marco Aurélio.

Na semana passada, o STF já havia determinado também o desbloqueio de R$ 2 bilhões da empreiteira Odebrecht, que também havia sido determinado pelo TCU devido às investigações envolvendo a construção da Refinaria Abreu e Lima.

Irregularidades

Uma auditoria do TCU apurou que houve sobrepreço nos contratos de construção e montagem das unidades de Destilação Atmosférica e de Hidrotratamento de Abreu Lima, tocadas pelas empreiteiras em consórcio, cujos valores ultrapassaram R$ 5,5 bilhões. Por conta das fraudes, os preços pagos pela Petrobras estavam inflados em cerca de 25%.

Último Segundo, IG

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Faro Fino disse:

    O medo da OAS é simples: ela delata Aécio, Serra e Temer.
    Simples assim!
    Querem que eu desenhe?

  2. Francisco de assis xavier disse:

    Eles ficaram com dez porcentos com certeza

  3. antonio pereira disse:

    operação lava jato, está mais para esquece a jato…

  4. Tulio disse:

    A matemática é simples: OA$ # Marco Aurélio liminar.

Agripino é rápido e já solta nota de esclarecimento sobre acusações de receber propina da obra da Arena das Dunas

O senador José Agripino Maia, presidente nacional do DEM, que pode ser alvo de investigação por supostamente ter recebido propina da OAS para construção da Arena das Dunas foi rápido no gatilho. Ele já emitiu uma se defendendo, alegando que a acusação é “absurda, inverídica e descabida” e que estará pronto para prestar esclarecimentos.

Confira nota na íntegra:

“NOTA

Apesar de considerar a acusação absurda, inverídica e descabida, me colocarei à disposição do Judiciário para os esclarecimentos que se vierem a fazer necessários.

Senador José Agripino Maia”

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rômulo disse:

    Será que ele vai adotar o discurso de Eduardo Cunha e dizer que sua acusação é uma "trama palaciana" para lhe derrubar? Fiquei curioso em saber de quanto foi a propina…

  2. medeiros disse:

    Em alguns momentos discordo com o nobre blogueiro, porém nesse caso do Zé ele está sendo imparcial, tenho que se justo, mais justo ainda seria ver Zé na cadeia…

  3. Junior pinheiro disse:

    E agora Jose???? será que a festa acabou!!!

  4. Alisson Almeida disse:

    Previsível que ele negasse. A pergunta é: o blog vai dispensar ao senador do DEM o mesmo tratamento que dá, por exemplo, aos petistas acusado de algum ato de corrupção? Porque, quando se trata de gente do PT, a simples acusação já se transforma em sentença de culpa.

  5. Augusto Faria disse:

    Quem tem telhado de vidro não deve jogar pedra no do vizinho, viu seu Zé?

  6. Flauberto Wagner disse:

    A nota é padrão e a desculpa é a mesma de sempre.

    Até tu Zé!!!

    O Rabo de palha vai pegar fogo…

Alex Padang assina parceria para utilização do América do estádio Arena das Dunas

A partir de janeiro de 2014 o América já terá sua nova casa. A Arena das Dunas, palco da próxima Copa do Mundo, receberá também a torcida americana pelos próximos anos.

O Presidente Alex Padang assina na manhã desta sexta-feira(27), a parceria com o Consórcio Arena das Dunas que garante ao alvirrubro a utilização da Arena Padrão Fifa pelos próximos anos. Finalmente, e graças a um grande esforço feito pelo presidente, o América voltará a mandar seus jogos em Natal dentro de três meses.

Blog Mecão

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. HUGO LOPES disse:

    Parabéns Bruno! Apesar de ser abcdista assumido vc sabe diferenciar o negócio e procurar passar as notícias de forma coerente e sem mostrar seus sentimentos. PENA que nem toda a imprensa do RN seja assim. Semana passada, sem querer, liguei o rádio e estava na Rádio 98FM (um lixo) e bem na hora ouvi um comentarista falando que o abc venceu enquanto e América estava perdendo. Sem o menor respeito o idiota gargalhando disse que era um ótimo resultado pro futebol do RN!!! É terrível a falta de ética e educação dos que se dizem "profissionais" da imprensa deste Estado!

  2. Pedro Concentino disse:

    Meia noticia. E o resto…. Abc, outros clubes…… Vai jogar só!!!!!!!!!

    • Augusto disse:

      Ô caba "desenrolado", ele informou sobre o mando de campo do América seja com qual time for (ABC, Alecrim,…), jogará na Arena das Dunas.

Conselho aprova e América jogará na Arena das Dunas a partir de 2014

Em reunião na noite desta quinta-feira, o Conselho Deliberativo do América decidiu aprovar a proposta da OAS para que o clube mande seus jogos na Arena das Dunas a partir de 2014. O acerto só aconteceu, contudo, porque a construtora aceitou duas restrições feitas pelo time rubro: o clube nunca sair com prejuízo financeiro e o contrato ser reajustado. Os detalhes dessa segunda restrição ainda não foram revelados.

*Com informações do Vermelho de Paixão.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. HERIQUE disse:

    Quem é sem terra vive procurando canto para se apossar, nós não temos esse problema, só assim deixará de ser do interior.

  2. Cachorrinho do Pedrão disse:

    O América merece a Arena das Dunas, já o ABC tem que ficar no puleiro, lugar de cocô… ou no chiqueiro, lugar de poico.

  3. TITICO disse:

    OUTRO PONTO IMPORTANTE: A FUNERÁRIA, LÁ NÃO PISA.

  4. alex disse:

    nao adiantam reclamar quando o time nao presta perdem em qualquer estadio,ruim ou bom…kkkkkkkkk a culpa nao e do estadio de futebol e sim do time que nao presta…nao tem para ondem ir…….

  5. FRANCISCO disse:

    ATÉ QUE EM FIM !!!!SAIRAM DO AZARÃO DO BARRETÃO, TIRARAM O PÉ DA LAMA, ALELUIA…….

  6. Marcos Paulo disse:

    Adeus ao conto da Catatumba de ceara Mirim.. Fim da era Ze Rocha.

Tem gente que não deveria, mas ignora o futebol potiguar – Parte 2

Complemento da reportagem, Tem gente que não deveria, mas ignora o futebol potiguar. Arena das Dunas

O problema foi que o Governo não se preocupou com os clubes locais, em especial o América, que ficou sem um local para realizar as partidas que tem mando de jogo, ao lado da torcida. Veio a proposta de revitalização do Estádio Juvenal Lamartine e de construção de um novo estádio na Zona Norte, mais especificamente no terreno onde hoje funciona o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope). Ambas em vão, porque as duas eram inviáveis tanto técnica, quando financeiramente. Foi acertado, então, o paliativo do Estádio José Nazareno do Nascimento, de Goianinha, mais conhecido como “Nazarenão”, que agradou a todos para a realização da série C que todo jogo era uma final. Já no Estadual virou um elefante branco, distante, desconfortável e bastante oneroso.

Para garantir uma maior capadidade no Nazarenão, A Prefeitura de Goianinha e diretora do América Futebol Clube trataram de providenciar arquibancadas móveis, semelhantes àqueles puleiros de circo, enquanto não eram construídos novos lances de arquibancadas de alvenaria. O problema é que esses lances não ficaram concluídos e de acordo com as exigências da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para realização dos jogos da Série B do Campeonato Brasileiro. O BG Voador já teve a informação que do jeito que está, o América não tem como mandar os jogos em Goianinha. Um aviso já foi dado pela própria CBF no lançamento da tabela oficial, que considera como “a definir”, os locais de mando de campo do América.

Paralelamente a essa confusão com o futebol potiguar, já que ABC e Alecrim indiretamente foram atingidos, mas, principalmente, o Alvirrubro, que ficou sem um local para sediar os jogos em casa, nos deparamos com a OAS a mesma responsável pela construção da Arena, que também é responsável por construir a Arena Fonte Nova na Bahia, mas que, por terras soteropolitanas patrocina os dois grandes clubes capital: Bahia e Vitória. Os valores não foram descobertos pelo blog, mas fontes do futebol garantiram que cada um dos contratos com as equipes baianas supera a cifra de R$ 2 milhão por ano. Nas duas equipes, as cotas adquiridas são cotas master, as mais caras.

Ficam as perguntas: porque a OAS também não investe no futebol potiguar? Porque não patrocinar América, que está sem casa? O ABC que teve uma boa projeção com a Copa do Brasil do ano passado com vários títulos estaduais? Porque não separar R$ 1 milhão por ano de um contrato de R$ 1,2 bilhão? Seria uma forma de aproximar o público potiguar da empresa, de aproximar os torcedores, de mostrar carisma junto aos natalenses e de dizer que realmente acredita no futebol potiguar. Mas a empresa simplesmente ignora? É isso?

Será que o América vai ter que jogar em João Pessoa para o ficar mostrado a incompetência na conducão das praças esportivas no RN para todo o Brasil?

Fica a dica. Patrocínio não é dar esmola ou dinheiro de graça. É investimento, planejamento e retorno. Distanciamento não é o caminho. Fica aqui o registro pra OAS mostrar sua força também em terras potiguares, em terras natalenses, assim como faz na Bahia.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rodrigo Azevedo Beserra disse:

    A OAS Tem vários empreendimentos na Bahia. 

    Não tem no RN.

Arena das Dunas: Operários oportunistas

De acordo com o último senso do IBGE, do contingente de brasileiros que vive em condições de extrema pobreza (8,5% da população), 4,8 milhões têm renda nominal mensal domiciliar igual a ZERO, e 11,43 milhões possuem renda de R$ 1 a R$ 70. No Brasil, há cerca de 11 milhões de brasileiros desempregados. A realidade é dura.

E enquanto isso, há quem pare de trabalhar porque se recusa a receber um salário mensal de R$ 958,00. É o caso dos operários da Arena das Dunas, o estádio de Natal para a Copa de 2014. Os cerca de 600 homens estão de braços cruzados há quase duas semanas porque encheram os olhos sobre os salários de seus colegas de outras capitais onde também haverá o mundial de futebol. Querem receber a mesma quantia.

Não há atraso nos pagamentos, não há insalubridade, não há descumprimento de obrigações trabalhistas. Eles apenas querem ganhar mais e, por isso,  têm gastado o tempo de expediente jogando baralho. Isso mesmo. Ao invés de tocarem a obra para a qual foram contratados, ocupam o canteiro de obras, mas ficam jogando conversa fora, como contou o representante dos trabalhadores, André Rogério, ao Blog do BG.

E como bons oportunistas, eles estão usando o fator tempo como um aliado. Está claro que estes operários estão se aproveitando da urgência de continuidade da obra para forçar a construtora responsável, a OAS, a ceder às reivindicações.

E como se não bastasse pararem de trabalha, ainda se acham no direito de sair pelas ruas fazendo fanfarras ao som de Grafith, interrompendo o fluxo do trânsito em horários de pico e ameaçando motoristas que tentarem furar a barreira de desocupados. Uma leitora do blog teve, inclusive, seu carro danificado.

Sem pé nem cabeça

Ora, eles querem equiparar seus salários ao de profissionais de grandes capitais. Mas isso é possível? Um jornalista paulista, por exemplo, ganha o mesmo que um potiguar? Obvio que não. Cada lugar possui suas especificidades, o que inclui a economia e os salários.

E os operários da Arena das Dunas ganham muito melhor que muito trabalhador por aí. De acordo com a construtora OAS, o salário de um pedreiro era de R$ 827,20, enquanto o do servente era de R$ 675. Mas em março foi acordado um abono salarial que acrescentou a esses valores R$ 131 e R$ 108, respectivamente.

Não quer, tem quem queira!

Uma fila se formou hoje em frente à Arena das Dunas. Eram homens se cadastrando para ocuparem essas vagas que são desdenhada por estes ‘trabalhadores’. A empresa nega que já esteja se preparando para substitui-los, e afirma que trata-se de um trabalho de rotina.

“Nós estamos sempre cadastrando novas pessoas. Hoje nós temos 600 funcionários e uma previsão de, até o fim da obra, chegar a 1.200. Então recebemos todos que quiserem se cadastrar”, explicou Arthur Couto, gerente de marketing da OAS.

Sobre a perda de tempo provocada pela paralisação que continua, ele disse que a empresa sempre fará de tudo para superar o cronograma da FIFA. A entidade quer receber o estádio pronto em dezembro de 2013.

Paralisação continua descumprindo ordem judicial

Os trabalhadores já anunciaram que permaneceram parados até a próxima segunda-feira. A medida, no entanto, contraria uma decisão judicial válida desde segunda última, 9. O desembargador do TRT/RN, Carlos Newton Pinto, magistrado de plantão no feriado da Semana Santa, concedeu liminar determinando o retorno ao trabalho dos operários que estão construindo a Arena das Dunas.

Em sua decisão, o desembargador ainda fixou uma multa diária de R$ 50 mil, imposta ao Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil e do Mobiliário do Estado do Rio Grande do Norte (Sintracomp), em caso de descumprimento.

Carlos Newton Pinto autorizou, também, “com fundamento na OJ nº 10 da SDC”, o desconto dos dias não trabalhados pela empresa até o efetivo retorno ao trabalho.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rafael disse:

    Também acho que o melhor seria demitir todos.

  2. Walbertomaz disse:

    Será que ninguém procurou saber quais suas reinvidicações? será que não estão sendo demitidos depois dos 3 meses de experiência? será que só quem tem direito a lucrar com a copa é uma empresa baiana?será que não existem empresas da terra com profissionais locais que  erguessem a Arena?Dizer que trabalhadores são bardeneiros sem ouvi-los é no minimo não respeitar o direito ao contraditório.

  3. Weberton Pessoa disse:

    Perfeito BG! Desde o começo que eu digo exatamente a mesma coisa sobre essa greve. É absurdo o que esses caras estão fazendo. E digo mais, se fosse da OAS, já teria demitido todos por justa causa e contratado as pessoas que fazem fila lá no canteiro de obras procurando por emprego!

  4. jonathan disse:

    Isso é uma vergonha, em tudo as pessoas querem tirar proveito. era bom que substituisse todos, aí eu queria vê se era melhro ganhar 958,00 ou fica em casa sem ganhar nada.

  5. José Américo disse:

    Quem vai reembolsar o prejuízo que a Empresa está tendo? 

OAS solicita que empresa suspenda extração de areia em Jenipabu

Deu na Tribuna do Norte

O consórcio OAS-Coesa, que ganhou a concorrência pública para construir o estádio Arenas das Dunas, solicitou nesta sexta-feira (11), que a empresa J.C Oliveira Ltda suspenda extração de areia, saibro e argila da área conhecida como “Buraco do Correia”, à margem da estrada Professora Alice Rodrigues. O local, que fica próximo ao Rio Doce, em Extremoz, é alvo de litígio judicial com o Idema, que considera o terreno como parte da Área de Proteção Ambiental de Jenipabu.

Em matéria veiculada com exclusividade pela TRIBUNA DO NORTE na manhã desta sexta-feira, a forma como está sendo abastecida parte da obra da Arena das Dunas foi exposta. Depois não não conseguir a renovação da licença ambiental para a exploração da área, que ocorre há mais de 20 anos, a J.C Oliveira Ltda conseguiu liminar do juiz Ibanez Monteiro da Silva, de agosto deste ano, garantindo a continuidade dos trabalhos de extração até que o mérito da disputa judicial seja julgado.

Até o momento, o Ministério Público não se posicionou sobre a questão. O promotor Márcio Luiz Diógenes, responsável pelo acompanhamento das obras da Arena das Duna, fará uma visita ao Buraco do Correia na segunda-feira (14), acompanhado por técnicos do Idema, e só depois o MP vai opinar sobre a situação

OAS adaptará Arena das Dunas para receber o Carnatal; micareta passará por dentro do estádio

Micareteiros, uni-vos e agradecei: a Construtora OAS estuda adaptar a Arena das Dunas para que ela receba o Carnatal. E pelo projeto, o pessoal vai atrás do trio passando por dentro do estádio, conforme explica reportagem de Sérgio Henrique Santos para a edição de hoje do Diário de Natal:

A Arena das Dunas, estádio da Copa 2014 em Natal, terá seu projeto adaptado para receber a estrutura do Carnatal, maior carnaval fora de época do país e a maior festa popular do Rio Grande do Norte. A OAS, empreiteira que está construindo o estádio que vai abrigar quatro partidas da primeira fase do Mundial, estuda utilizar as arquibancadas móveis localizadas atrás das traves de gol, que representam 10 mil do total de 42 mil assentos da arena. Após a Copa do Mundo, os módulos seriam retirados para funcionar como um corredor para passagem de trios elétricos, ou como palco principal para realização de shows e eventos culturais.

O interesse da OAS, parceira do Governo do Estado na formação da Sociedade de Propósitos Específicos Arena das Dunas (SPE), tem uma razão econômica. A Arena das Dunas não se sustenta apenas de futebol. “Estudos técnicos estão sendo feitos para adaptar a Arena para receber tanto eventos esportivos quanto shows. O Carnatal poderá ser realizado tanto no entorno quanto até mesmo dentro da Arena”, disse o diretor da SPE, Charles Maia, durante reunião técnica ontem na sede do Ministério Público Estadual (MPE). Pelo contrato firmado após a licitação, a OAS será a mantenedora da Arena das Dunas por 20 anos.

Por enquanto, o Governo do Estado não se mostrou contrário aos interesses da OAS, nem da Destaque Promoções, que realiza o Carnatal e que já procurou a Secretaria Extraordinária para Assuntos Relativos à Copa (Secopa) manifestando interesse em realizar a festa no mesmo local onde ocorreu até o ano passado, no entorno do Machadão/Machadinho, hoje em escombros. “A OAS acatou a sugestão da Destaque. A empresa está pensando em fazer essa adaptação, e pode fazê-la, uma vez que manterá o estádio por duas décadas. O Carnatal, por sinal, movimenta a economia, e o Go verno do Estado sempre apoiou sua realização”, afirmou o coordenador da Secopa, João Fernandes.

Todos os anos, o Carnatal chega a receber mais de um milhão de foliões no início do mês de dezembro. A edição 2011 do evento será um teste da viabilidade econômica da festa e da nova estrutura, sem os 800 metros ao redor do Machadão e Machadinho. Os camarotes estão sendo montados dentro do canteiro de obras da Arena, voltados às avenidas Prudente de Morais e Lima e Silva. “Mas os foliões não vão ter acesso ao local onde ficam os operários. Haverá um alambrado a dois metros do tapume para impedir o acesso”, destacou o coordenador da Secopa.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. LUARACIRIACO_ disse:

    CARNATAL INDOOR??NÃO É CARNATAL 

  2. Jorge Lima disse:

    E MUITO SONHO PARA ESSA ARENA DAS DUNNAS, SÓ ACREDITO VENDO E EM 2014, SE TUDO ISSO VAI FUNCIONAR MESMO, PORQUE COM ESSE GOVERNO ROSA TUDO ESTA FICANDO E PRETO. MEUS DEUS QUE GOVERNANTES NOS ESCOLHEMOS, SE ARREPEDIMENTO MATASSE TAVA FOD…

OAS deveria patrocinar ABC, América e Alecrim

Caiu no colo da OAS a construção da Arena das Dunas – digo isso porque foi a única empreiteira que apareceu no segundo leilão para a construção do novo estádio.

O orçamento está torno de R$ 400 milhões, dos quais a OAS vai ter financiado pelo poder público, por mim, você e mais um bocado de pateta R$ 300 milhões.

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. wagner tinco disse:

    Bruno voce esta enganado , Decisao da CBF

    • bruno disse:

      Se vc estiver falando em relação a vendas de bebidas no Frasqueirão, ela não existe porque a Diretoria resolveu evitar problemas. Mas existe uma liminar dando direito de venda

  2. bruno, pq no frasqueirão não se pode vender, nem consumir bebidas alcólicas e no nazarenão pode????

    • bruno disse:

      Descisão da Diretoria do ABC. Legalmente se pode vender cervejas no Frasqueirão!!

Dinheiro garantido e empréstimo para OAS liberado. Parece que agora vai..

Blog de Ana Ruth

O presidente do BNDES, Luciano Coutinho, telefonou na noite de hoje para a governadora Rosalba Ciarlini. Ele informou que as pendências com a construtora OAS, vencedora da licitação para a construção do estádio Arena das Dunas, estavam superadas e o empréstimo de R$ 300 milhões para a obra será liberado no prazo máximo de 15 dias.

No início da semana a chefe do Executivo potiguar esteve em Brasília e se reuniu com diretores do BNDES. Em pauta: os entraves para liberação do empréstimo à OAS. Rosalba Ciarlini tentou sensibilizá-los para necessidade de agilizar os repasses para construtora.

Com o telefonema de Luciano Coutinho hoje a noite está atendido o pleito feito pela governadora do Rio Grande do Norte.

Apesar de muitas irregularidades BNDS já liberou mais de R$ 1,9 Bilhões para a Copa no Brasil

Estadão:

Mais da metade dos financiamentos programados pelo Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para reforma ou construção de estádios da Copa do Mundo de 2014 já foi contratada, apesar de denúncias de irregularidades nos projetos.

A assinatura dos contratos representa a conclusão da última fase de análise dos pedidos de financiamento. Mas, no caso dos financiamentos da Copa, alguns foram assinados sob condição de saneamento de irregularidades.

Até agora, o banco público assinou contratos para liberar R$ 1,9 bilhão dos R$ 3,7 bilhões previstos na carteira de financiamentos batizada de ProCopa Arenas.

A Arena Amazônia, em Manaus, por exemplo, teve as obras iniciadas em julho do ano passado, com a demolição da estrutura de concreto do antigo estádio.

Na ocasião, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) constatou deficiências no projeto básico. Além disso, o Tribunal de Contas da União (TCU) identificou problemas na licitação e preços acima dos de mercado.

(mais…)