Crea-RN, Corpo de Bombeiros, Semurb e MP realizam nesta quinta última vistoria da estrutura do Carnatal

Conselheiros e fiscais do Crea-RN, representantes do Bombeiros, Semurb, MPRN e Cosern realizam na próxima quinta-feira (12), às 9h, no corredor da folia, a última vistoria da estrutura da festa. A fiscalização Preventiva Integrada (FPI) verificará a conclusão da montagem da estrutura ( camarotes e arquibancadas ) e os trios elétricos. Serão solicitados documentos relativos aos profissionais contratados para a prestação dos servições técnicos e ARTs de execução e projetos. Também serão verificados questões como acessibilidade, sonorização, iluminação e até a combate a incêndio.

“ O objetivo é de possibilitar que o folião possa se divertir com mais segurança”, disse a presidente do Crea-RN, a engenheira Ana Adalgisa Dias Paulino

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Patrulha Canina disse:

    Totalmente desnecessária essa vistoria, pois sempre é aprovada com louvor. A sensibilidade e generosidade com esses grandes eventos é grande.

  2. Cigano Lulu disse:

    Agora o RN sai do atoleiro, o Carnatal é a grande alavanca da economia potiguar.

  3. Pedro disse:

    Parabéns pela vistoria, realmente necessaria. Deviam vistoriar com a mesma urgência e habilidade os prédios públicos, principalmente os hospitais.

Agentes da Corregedoria da PM encontram euro, dólar, peso e iene com Pezão em vistoria na cadeia

Foto: Reprodução

 

Agentes que fazem uma vistoria no Complexo Prisional da Polícia Militar, no bairro do Fonseca, em Niterói, município da Região Metropolitana do Rio, encontram 70 euros, 36 dólares, 6 mil pesos e 25 ienes com o governador Luiz Fernando Pezão, que está preso na unidade. Ele presta depoimento neste momento. O dinheiro foi encontrado por agentes da Corregedoria da PM.

Mais cedo, haviam sido localizados sete celulares na área comum nos fundos da cadeia, fora das celas, e foram localizados com o auxílio de equipamentos que detectam ondas eletromagnéticas.

A inspeção é feita a pedido da direção do presídio ao Comando Conjunto.. Equipes das Forças Armadas e corporação chegaram ao presídio no início da manhã. De acordo com o Comando Militar do Leste (CML) foram mobilizados 160 militares das Forças Armadas e 100 policiais militares. O presídio foi alvo de pelos menos outras duas inspeções no início deste mês. Nenhuma irregularidade foi encontrada.

Pezão se encontra numa sala da cadeia. Ele foi obrigado pela direção da unidade a usar o mesmo uniforme dos demais detentos: um short preto com camisa branca. Funcionários do presídio contaram que, inicialmente, ele pediu para usar suas próprias roupas, já que não é policial militar. O diretor da unidade negou o pedido.

O governador e o ex-procurador-geral de Justiça, Claudio Lopes, que está na mesma unidade, tiveram os cabelos cortados. Os dois estão na ala reservada aos oficiais da PM.

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. José Dantas disse:

    Com todo respeito a vocês que não tem o que fazerem na vida… Pq vcs não esquecem o PT e Bolsonaro? Vcs acham que existem e são importantes para esse pessoal? O PT não está mais no governo e Bolsonaro nem assumiu, por que essa polarização besta…

  2. Bento disse:

    Amigos do PT não são imparciais. Essa turma campeã mundial em corrupção e de toda qualidade de desmandos contra a Nação e o Povo Brasileiro e não vi uma linha desses honestos amigos do PT criticarem de forma pelo menos construtiva, pelo mal que causaram a Nação. São surdos, cegos e mudos, verdadeiras marionetes.

  3. Patricia disse:

    Bolsonaro pretende perdoar dívida de 17 bilhões de ruralistas. Algum seguidor do mito aqui por favor pra justificar? Tô aguardando a defesa!

  4. Luciano disse:

    Se der uma batida no gabinete dos Bolsonaros será que vão encontrar muitos fantasmas?
    E o Queiroz, alguém sabe em que pé de goiaba subiu?
    Será que já pediu perdão pro Moro, que sempre foi tão falante não fala mais no assunto, e foi pro laranjal?

    • Manoel disse:

      É! Tem que apurar tudo! Só acho que tem que começar pelos que movimentaram mais: André Ceciliano do PT (49,3 milhões), Paulo Ramos do PDT (30,3 milhões), Carlos Minc do PSB (16,3 milhões) e assim por diante… Não acha?

  5. Beto disse:

    Se forem dar uma batida onde tá luladrão, vão encontrar dinheiro boliviano e africano atém de várias de 51.

Viaduto do Baldo é vistoriado e relatório será entregue na próxima sexta

O Viaduto do Baldo foi vistoriado na manhã de sexta-feira (28 de fevereiro), pelo secretário municipal de Obras Públicas e Infraestrutura, Tomaz Neto, e pelo engenheiro que projetou o viaduto, Hugo Mota. Depois dessa visita, ficou acertado que Hugo Mota apresentará um relatório com as indicações que serão adotadas pela Prefeitura. O estudo deverá ser entregue na próxima sexta-feira, dia 7 de março.

Tomaz Neto adiantou que a Secretaria deverá priorizar a obra de escoramento do canal que passa embaixo do Viaduto para permitir a liberação do tráfego no local. “Essa é a nossa ideia inicial, mas a decisão definitiva sobre o que deveremos fazer no Viaduto só será tomada depois da análise do relatório que será enviado pelo engenheiro Hugo Mota”, enfatizou.

MPF realiza vistoria à obra no Pontal de Baía Formosa

O Ministério Público Federal (MPF) realizou uma vistoria no Pontal de Baía Formosa, na tarde da última segunda-feira, dia 24. A iniciativa foi tomada diante da denúncia feita à Procuradoria da República no Rio Grande do Norte (PR/RN) a respeito da obra de urbanização que vinha sendo realizada no local e que se encontra atualmente embargada.

O procurador da República Fábio Nesi Venzon representou o MPF e, além de visitar o pontal, participou de uma reunião, realizada na Câmara de Vereadores, na qual ouviu explicações de integrantes do Comitê Gestor do Projeto Orla sobre os motivos que os levaram a autorizar a urbanização da área; como também escutou os argumentos da parcela da população contrária à obra.

Conforme se extraiu da reunião e da vistoria, aqueles que são contra o projeto temem a descaracterização da paisagem natural e os possíveis impactos ambientais ao pontal. Eles se opõem, principalmente, à edificação de um largo com piso intertravado exatamente no local do pontal, pois entendem que tal obra irá descaracterizar a paisagem natural, sendo melhor que houvesse o plantio de grama, com o devido paisagismo, ou colocação de areia característica de praia, ao invés de um piso de concreto. O trecho é utilizado por moradores e turistas e também como ponto de acesso ao mar por parte de surfistas, que o consideram um dos melhores lugares para a prática do esporte no país.

Ao final da reunião, representantes do Idema (órgão licenciador) que acompanharam a vistoria anunciaram que, diante das ponderações feitas, será feita uma reanálise do projeto, com o objetivo de, se for o caso, discutir-se uma proposta de conciliação em uma nova reunião a ser realizada no mês de março, com o Ministério Público Federal e a Superintendência do Patrimônio da União (SPU).

O MPF ainda irá oficiar ao Idema para que esclareça qual foi a análise técnica feita em relação aos pontos na praia nos quais será despejada a drenagem de água pluvial e o sistema que será utilizado para dissipar a energia da água, vez que é fato notório que um sistema de drenagem de água pluvial inadequado pode ensejar ou agravar a erosão costeira.

A obra foi embargada no início deste mês, pelo próprio Idema, devido ao fato de a Prefeitura não ter cumprido uma das exigências para a dispensa do licenciamento ambiental: a cessão da área por parte da Superintendência do Patrimônio da União.

Revista no CDP de Candelária apreende celulares, carregadores e droga

Uma revista nas sete celas do Centro de Detenção Provisória de Candelária, realizada por agentes penitenciários e policiais militares nessa terça-feira(14), resultou na apreensão de celulares(quatro), carregadores, maconha e cachimbos usados para o consumo das drogas.

De acordo com a administração do CDP, os presos flagrados com os produtos responderão sindicância. Segundo a administração, as revistas são realizadas pelo menos uma vez ao mês e todos os detidos são submetidos a um rigoroso critério de vistoria. Ao todo, 89 detentos se encontram na unidade.

Semob realiza vistoria em motofretes regulamentadas pelo município

18086A Secretaria de Mobilidade Urbana iniciou nesta semana vistoria nos veículos de motofrete regulamentados pela Prefeitura do Natal por meio do processo de licitação pública 001/2013 e de acordo com a lei 5.538/2004 que trata do tema.

As primeiras unidades contempladas no edital receberam placas vermelhas autorizadas pelo DETRAN/RN, adesivos identificadores do serviço, adesivos reflexivos em capacetes, coletes e baú, além de fixação de antena corta-pipa e suporte para os pés.

Durante a vistoria na sede da SEMOB, os operadores de motofrete de Natal receberam a visita da secretária Elequicina Maria dos Santos que destacou a importância do serviço para a cidade e parabenizou a categoria.  “A regulamentação tem o objetivo de organizar a atividade de entregar e garantir mais segurança à população na hora de contratar a prestação do serviço.”

Para José Barreto de Melo, presidente do Sindicato dos Trabalhadores, Condutores de Utilitários em Duas ou Três Rodas, Motorizadas em Entregas de Mercadorias a Domicilio do Rio Grande do Norte (Sindmoto/RN), “o momento consolida uma vitória grande para categoria e uma valorização do profissional que desde 2009 lutava para regulamentar o exercício da atividade na cidade e que agora foi possível graças à sensibilidade do prefeito Carlos Eduardo”.

De acordo com a Lei 5.538/2004, que dispõe sobre os serviços de entrega domiciliar, é previsto um (01) motofretista para cada 500 habitantes. Desta primeira licitação promovida pelo Executivo concorreram 150 licitantes, sendo habilitados 148 profissionais. A Semob estima ainda que o mercado carece de 1.460 vagas que serão gradativamente disponibilizadas via concorrência pública.

Engenheiros fazem vistoria em imóveis de Pedra Preta-RN, atingida por tremores, destaca portal UOL

5nov2013---moradores-do-municipio-de-pedra-preta-a-115-km-de-natal-rn-estao-acampando-na-frente-de-suas-casas-temendo-que-os-seus-imoveis-caiam-devido-aos-tremores-de-terra-que-atingem-a-regiao-1383682946437_300x300Os imóveis de Pedra Preta (115 km de Natal) são vistoriados pelo Crea (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia) do Rio Grande do Norte para avaliar a situação das estruturas das construções por causa da quantidade de rachaduras que surgiram após tremores de terra que atingem a cidade desde o último dia 24.

Após as inspeções, o Crea vai elaborar um relatório com recomendações sobre as construções. O resultado deve ficar pronto na próxima semana.

Segundo o assessor técnico do Crea Gerson Ricardo de Oliveira, dados preliminares apontam que algumas casas correm risco de desabar caso a magnitude dos tremores aumente. A situação mais preocupante é na zona rural, onde existem imóveis feitos de taipa.

A Prefeitura de Pedra Preta informou que aguarda o laudo do Crea para juntar a documentação que entregará à Cedec (Coordenadoria Estadual de Defesa Civil) com o pedido de decreto de situação de emergência.

Segundo dados do LabSis (Laboratório de Sismologia), da UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte), foram registrados em 12 dias mais de 500 tremores de terra na cidade –alguns foram percebidos em Natal.

Psicólogos

Com os tremores edificações ficaram com paredes e chão rachados. Com medo de desabamentos, moradores dormem com as portas abertas para correr para a rua em caso de abalos. Outros já dormem em quintais e calçadas.

No dia 1º de novembro, o LabSis (Laboratório de Sismologia) da UFRN (Universidade federal do Rio Grande do Norte) e a Cedec orientaram os moradores de Pedra Preta a evacuarem os imóveis devido a uma sequência de abalos sísmicos que ocorreu no município.

A tensão causada pelos abalos sísmicos assustou a população. Para tentar tranquilizar os moradores, equipes da Vigidesastres (Vigilância em Saúde Ambiental dos Riscos Associados aos Desastres), da Sesap (Secretaria Estadual de Saúde Pública), estarão a partir da próxima segunda-feira (11) atendendo os moradores da cidade.

As equipes são formadas por psicólogos, enfermeiros, educadores físicos e acupunturistas. Haverá também palestra informativa sobre as medidas que os habitantes da cidade devem tomar para lidar com as dificuldades durante os tremores de terra em Pedra Preta.

UOL

Carro zero não fará vistoria nos dois anos após emplacamento

Foi ampliado de um para dois anos o prazo em que automóveis zero quilômetro adquiridos a partir de 2012 serão dispensados da vistoria veicular. Com a medida, um carro zero quilômetro comprado em 2012, já isento em 2013, não precisará passar por vistoria também em 2014. A vistoria será necessária apenas a partir de 2015. Os veículos adquiridos em 2013 só terão que fazer o procedimento em 2016.

Segundo o presidente do Detran, Fernando Avelino, os veículos liberados da vistoria deixarão de pagar a taxa de licenciamento anual (hoje em R$ 101,77), nos dois anos seguintes ao da compra do carro. A entrega do novo Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) dos carros isentos do procedimento vai ocorrer de acordo com prazos de final de placa anunciados pelo Detran.

A medida, decidida pelo governador Sérgio Cabral, em reunião de trabalho com Fernando Avelino, vai atingir os veículos considerados como de uso não intensivo, ou seja, carros de passeio particulares com capacidade para o máximo de cinco passageiros. E se baseia no entendimento técnico de que, nos três primeiros anos de uso, o desgaste desses carros não compromete as condições mínimas de segurança e o nível de emissão de gases.

De acordo com o Detran, a iniciativa não contempla os chamados veículos de uso intensivo, como ônibus, micro-ônibus, caminhões, veículos da categoria aluguel, sejam automóveis, caminhonetes, motos ou utilitários, além de veículos particulares com capacidade superior a cinco passageiros.

O Globo

Policiais fazem vistoria no Ciad de Mossoró

Agentes da Delegacia Especializada de Atendimento ao Menor Infrator (DEA) realizaram uma intensa vistoria, na tarde desta segunda-feira (20), no Centro de Internação para Adolescentes Infratores (CIAD), no bairro Liberdade II, em Mossoró. A operação se deu após um arrombamento na delegacia ocorrido na madrugada do domingo para a segunda-feira. O objetivo da ação era encontrar drogas e descobrir informações sobre o arrombamento.

A inspeção contou com apoio da Polícia Militar, através da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (ROCAM), que fez a retirada dos internos e revista nos alojamentos. Durante a busca, foram encontradas drogas (crack e maconha), isqueiros e fósforo (material não permitido nas alas), além de um estilete de fabricação caseira. De acordo com os educadores do CIAD, os entorpecentes são trazidos por pessoas de fora e jogadas para dentro do Centro. Seis adolescentes estão atualmente internos.

A vistoria foi acompanhada por representantes da Vara da Infância e do Ministério Público, para garantir a integridade dos menores infratores e legalidade da ação policial. 

Arrombamento

Apenas uma sala foi violada durante o arrombamento. Não foi dada falta de nenhum processo, documento ou ainda objetos próprios da DP, como computadores ou impressoras – que foram deixados pelos arrombadores. Segundo a delegada titular, Karla Viviane de Souza, os bandidos provavelmente estavam à procura de armas. “O arrombamento foi exatamente na sala do delegado. Apesar das gavetas mexidas, não demos por falta de nenhum procedimento. Até algumas armas que desconfiamos ter sumido, estavam guardadas em outra sala”.

Agora, a Polícia Civil segue investigando para descobrir quem causou o dano ao prédio da DP.

Agentes e PMs fazem pente-fino no Raimundo Nonato para restabelecimento da energia

Um grande trabalho de revista em alguns setores do Presidido Provisório Raimundo Nonato Fernandes, na zona Norte de Natal, teve início na tarde desta quinta-feira (17). Um túnel foi localizado quase que dando acesso à área externa da unidade prisional. Os agentes penitenciários, juntamente com policiais do Batalhão do Choque da Polícia Militar, estão retirando os presos das celas e fazendo uma espécie de pente fino. Depois disso, será realizado o trabalho reinstalação da parte elétrica da cadeia.

A medida visa atender a um pedido da 17ª Promotoria de Justiça de Natal que, na terça-feira (15), recomendou ao Secretário Estadual de Segurança Pública e Defesa Social e Secretário interino da Justiça e Cidadania, Aldair da Rocha, que no prazo de 48 horas fossem adotadas as providências necessárias para a normalização da energia elétrica no prédio.

A falta de energia tinha sido causada por problemas técnicos ocorridos na área interna da unidade prisional. A Recomendação alega que o restabelecimento da energia elétrica, principalmente pelo tempo já decorrido, é medida de máxima urgência, tendo em vista que a situação compromete as condições de dignidade da pessoa humana do preso, a segurança, a administração, a disciplina e o controle das condições de custódia dos detidos.

Com isso, cerca de 20 policiais do Batalhão de Choque foram deslocados para o Presídio Provisório, na tarde desta quinta-feira. Eles estão auxiliando os agentes penitenciários na retirada de todos os detentos das celas e colocando-os na quadra de esporte da unidade prisional. Além disso, as celas estão passando por uma revista minuciosa, na tentativa de se apreender celulares, drogas ou armas.

Atualmente, a população carcerária do Presídio Provisório Raimundo Nonato Fernandes é de aproximadamente 400 homens. Há mais de duas semanas a falta de estrutura, incluindo iluminação, bem como a falta de efetivo de agentes penitenciários fizeram com que os presos saíssem das celas e ficassem circulando pelos setores da unidade durante a noite.

Bombeiros iniciam vistoria técnica no interior do estado nesta terça-feira (8)

A Defesa Civil Estadual dará inicio nesta terça feira, dia 8, a uma série de visitas técnicas, aos municípios do interior do Rio Grande do Norte, acometidos pelo desastre da estiagem/seca. O objetivo dessa visita é verificar, por amostragem, a situação nos municípios, bem como apoiar no que for necessário, inclusive nas orientações quanto aos procedimentos da situação de emergência.

Desta vez, os técnicos da Defesa Civil do RN seguem acompanhados dos membros do GADE (Grupo de Apoio a Desastres), composto pelo Major Michelsen de Faria e José Araújo, da Secretaria Nacional de Defesa Civil. No final da viagem, um relatório será enviado a presidente Dilma Rousseff.

Cronograma de Viagem:

Terça-feira 08/05/12 – Mossoró (hora prevista de chegada 10:00 horas)

Quarta-feira 09/05/12 – Apodi (hora prevista de chegada 09:30 horas)

Quinta-feira 10/05/12 – Pau dos Ferros (hora prevista de chegada 10:30 horas) e

Sexta-feira 11/05/12 – Luís Gomes (hora prevista de chegada 10:00 horas)

"Infelizmente, encontramos os mesmos problemas", lamenta juíza após inspeção no Ceduc Pitimbu

O Centro Educacional do Pitimbú, localizado na zona Oeste de Natal, foi alvo de mais uma inspeção e interdição do Poder Judiciário, nesta quarta-feira, 14. A juíza da Vara de Infância e Juventude e do Idoso de Parnamirim, Ilná Rosado Motta, lamentou verificar que, apesar das vistorias mensais e de inspeções do próprio Conselho Nacional de Justiça (CNJ), praticamente nada mudou na unidade.

“De 2010 pra cá, quando o CNJ também esteve por aqui, infelizmente, encontramos os mesmos problemas”, confirma a magistrada, que proibiu o recebimento de novos internos, pelo menos, até que o Poder Executivo tome providências para problemas que vão desde a deficiência na estrutura hidráulica e elétrica, até as condições de higiene, bem como a falta de segurança em todo o complexo.

A decisão administrativa da magistrada foi tomada com base em uma série de laudos e relatórios de órgãos como a Vigilância Sanitária do Estado (SUVISA), Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar.

O diretor do Centro diz que uma pequena reforma já foi iniciada e aponta o controle da superlotação que já foi obtido: hoje, existem 48 internos. Dois a menos que a capacidade total do Ceduc.

“E ficamos contentes de saber que apenas dois são reincidentes deste total”, destaca Alberto Araújo, ao citar as atividades desportivas e educativas realizadas no local.

Mas, para os adolescentes, os problemas estão longe de ser resolvidos. “Quero sair daqui. Estou arrependido, mas não temos nenhuma condição de higiene ou iluminação por aqui”, disse um dos internos ouvidos.

Segundo a juíza, as deficiências apontadas no CEDUC comprometem o objetivo da execução da medida, que é a ressocialização dos adolescentes, mas acredita que essa nova interdição parcial pode provocar ainda mais o Executivo a resolver a questão em definitivo.

“Não podemos nem receber novos internos nos outros três centros do Estado, pois estão também com a lotação no limite”, ressalta a magistrada, que também falou na tomada de medidas mais duras para acelerar as soluções.