VÍDEO: Pipa registra nesse domingo mais uma noite de folia escancarada e destemida em plena pandemia

Enquanto a Polícia Militar pede ‘bom senso” da população, a praia de Pipa, no litoral sul, teve mais uma noite de aglomerações no domingo de Carnaval. Com o uso de máscaras visualizado como “artigo raro”, o desrespeito as recomendações sanitárias seguem gritantes, e repercutem muito além todo território potiguar. Folia escancarada e destemida em plena pandemia. Veja vídeo de redes sociais abaixo:

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lúcia disse:

    Fatao deveria mandar a Polícia para acabar com está fara,mais na verdade eles querem mais gente contaminada para meter a CULPA em bolsonaro.

  2. pereira disse:

    Existe uma população Irresponsavel e Inconsequente, bem como EXISTE otoridades, Sem Determinação, Sem Coragem, Sem Interesse e Sem Vontade politica, para combater Efetivamente o covid-19 e essa pópulação criminosa. TUDO é feito na base do FAZ de CONTA, na MENTIRA e na ENGANAÇÃO. Desde o inicio da pandemia que essas aglomerações vem acontecendo e Tudo que sem Pensa é em Coletar Mais e Mais Impostos. Quase Um Ano de Aglomerações e até hoje NAO se USOU um Unico SPRAY de PIMENTA e CASSETETE, para botar esse povo Dentro de casa. CHEGA de FALTA DE CORAGEM E DETERMINAÇÃO.

  3. Roberto Carlos disse:

    Jr Silva, deixa de ser abestalhado!
    Que vacina de Dória o quê,!
    O Governo Federal financiou e comprou tudo.
    Idiota!

  4. João Soares disse:

    E é pq nossos hospitais já estão 100% ocupados, imagine depois desse Carnaval.

  5. Lorena Galvão disse:

    Irresponsabilidade do povo, não teram direito a cobrar e nem exigir, dos governantes atendimento muito menos uma UTI, para tentar escapar

  6. Greg disse:

    Irresponsabilidade do Prefeito…deixando o vírus correr solto em Pipa e Tibau

  7. Calígula disse:

    A Governadora Fátima Bezerra, sempre soube dessas aglomerações em Pipa e simplesmente fecha os olhos.
    Depois vai quere jogar a culpa no Presidente.
    Essas aglomerações é culpa da Sra Governadora do RN, incompetente e mentirosa.

    • Nino disse:

      O Nobre babão defensor do presidente esquece que independente de partido exames até um prefeito responsável pelo município e que a aglomeração sempre foi defendida pelo maluco do Planalto inclusive se aglomerando agora em santa Catarina com os seus seguidores babões.

    • Luís disse:

      Se dá um peso exagerado ao comportamento de Bolsoaro quanto a esse papo de "incentivar" aglomerações.

    • Júnior Silva disse:

      Se governo Fátima decreta lokdown os bosolmions reclama, se não decreta como Bolsonaro diz pra todo mundo tá na rua vcs aplaudem, agora q a governadora não decretou vcs tão reclamando, sempre querendo jogar a culpa nos outros não em Bolsonaro q estigou tudo aberto e não a vacina doriavac, agora é a favor da vacina q dória conseguiu inclusive determinando em lei toda vacina ir pra gov federal. É culpar os outros pelo erro q vc fez, conselho é só uma gripinha não precisa de máscara vá pra rua vc também e não queira assistência médica, deixe para qm se cuidou e q por causa de otários q não seguem a ciência infectou qm se cuidou.

VÍDEOS: Aglomeração em Pipa tem até desfile de mulheres em pick-up

Imagens mostram uma multidão nas ruas de praia de Pipa, no litoral sul potiguar, nesta quarta feira, 30, com direito a mulheres desfilando em pick-up, mostrando corpo e dançando.

A preocupação da galera com as medidas sanitárias é ZERO.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luana disse:

    Duas trans.

  2. Márcia Guedes disse:

    A questão nao é ter tido a campanha eleitoral ou não.
    A loucura são as Pessoas que lá estiveram e esse imbecis que vão para qualquer aglomeração.
    Acho até que nas eleições não teve a metade destas aglomerações.
    O Governo devia baixar um decreto de que quem particioar destas aberrações não terão direito a Hospitais e nem UTI. Que o responsável por essas festas é que serão responsável pela parte médica dos infectados.

  3. JUMENTO DO NORTE disse:

    É pra se laskar nois td… Bora morrerrrrrrrrrr desgraçaaaaaa.. Feliz 2021

  4. Dario martins disse:

    Não problema a justiça liberou

  5. Antônio Glauber disse:

    Agora a tal da imumidade de rebanho sai, né pussive. O cabra aí só não sai com um covid ou até mesmo uma aids se for muito mole, porquê o ambiente é altamente propício.

  6. Camila Lellis disse:

    Não sei nem se são mulheres mas o que chama a atenção são as duas pessoas bebendo na mesma garrafa. Isso sim é protocolo.

  7. Reno disse:

    No País da PIPA pode tudo……
    Lamentável!

  8. Maria disse:

    Milhares e milhares de pessoas fazendo isso e não ocorre a mortandade profalada nos demais dias seguintes. Conseguiram o que queriam: amedrontar toda uma população, dentro de suas casas.

    Não vale a pena viver uma vida que não é vida!!

  9. Guga disse:

    ta do jeito que o Diabo gosta! Sangue de Cristo tem poder!!!

  10. Luis Henrique disse:

    Mas, o problema era aquela festa de réveillon privada (com todos os protocolos de segurança)!!

  11. Jk disse:

    Pega foooogo cabaréeee . É isso mesmo, tem que ser assim, durante a campanha política não podia ?

  12. Gerson Leandro Chianca disse:

    Vigiado e orai, JESUS está voltando, vai ser pior do que Gamorra é Sodoma,

  13. Yago disse:

    Foram liberar, agora que esculhambem tudo mesmo.

  14. joao disse:

    O ser humano foi a pior especie colocada no mundo.

    • Pão com MortaNdela vencida disse:

      Nada disso. Tem raça pior e tem nome: PTista e esquerdista APTezado.
      Estes até o pêlo cega.

  15. Guilherme disse:

    Faz medo depois as duas processarem os homens que ficaram olhando e falando, dizendo que foram assediadas sexualmente.

  16. Aparecida disse:

    Espero q ao procurarem vaga nas UTIs encontrem-nas LOTADAS. É um escárnio à
    vida humana, condizente ao apregoado pelo no nosso GESTOR maior.

    • Neco disse:

      Espero que isso traga logo a tal da imunidade coletiva e essa doença suma da face da Terra.

    • Everton disse:

      Imunidade coletiva sequer é consenso ou tem alguma certeza científica. Mas se você quiser sair abraçando pessoas internadas com covid, é só ir aos hospitais.

  17. Assis Júnior disse:

    É Pablo vitar

  18. Irany Gomes disse:

    Não desejo mau a ninguém, mas para esses irresponsaveis, que o coronavírus os recebam de braços abertos, e que não possam contaminar os que procuram se protegerem!!!

    • Antenado disse:

      Esse “mau” está ruim. Não deseje mal a ninguém, ainda que vc não goste.

  19. Calígula disse:

    Aí sim que é passeata e não aquela passeata de políticos mentirosos.
    Dou maior valor 👍

PIPA: Tibau do Sul instala barreira sanitária e restringe acesso a moradores e pessoas com reservas para hospedagem

Quem é de fora da região e pretende passar as festividades de fim de ano na praia de Pipa, em Tibau do Sul, deverão ficar atentas a novas restrições impostas pela Prefeitura.

Uma barreira sanitária foi instalada na entrada de Pipa e somente moradores, pessoas com vínculos na cidade e aos que tenham reservas para se hospedar no local terão o acesso liberado.

Com acréscimo de Tribuna do Norte

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lourenço disse:

    Boa Sr. Neto, o nível é de fato péssimo.😔😔😔😔😔😔😔😔😔😔😔😔😔

  2. Maria disse:

    Absurdo. Isso quer dizer que uma pessoa de Natal, de goianinha, ou qualquer outra cidade próxima, não pode simplesmente ir passear pela praia, mas outros podem (pessoas com reserva em hotéis). Se isso não for uma discriminação escancarada, mudaram o significado das palavras. A constituição brasileira sendo desconstruída dia após dia.

  3. Antonio Turci disse:

    Prefeito Modesto deixando a administração de Tibau do Sul pela porta dos fundos. Nenhum respeito sequer com as pessoas que fizerem reservas tiveram despesas.

    • Neto disse:

      RESTRINGIR: "Fazer com que fique mais estreito; ficar mais apertado: o prefeito restringiu o caminho para a praia. " Sua interpretação de texto reflete o nível de educação que tivemos nas ultimas decadas.

Hotelaria de Natal e Pipa tem uma expectativa de 55% de ocupação para janeiro de 2021

O setor hoteleiro do Rio Grande do Norte ainda está se recuperando da crise do COVID-19, e em pesquisa realizada entre os associados da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio Grande do Norte (ABIH-RN), é esperada uma ocupação média de 55% em Natal e Pipa, os dois maiores destinos turísticos do estado.

Em comparação com janeiro de 2020, quando a crise do coronavírus ainda não havia atingido o Brasil, a ocupação média foi de 83% nesses dois destinos, uma queda de quase 34% do esperado para a alta estação. A estimativa é feita com base nas reservas para o período.

Para o presidente da ABIH-RN, o empresário José Odécio, o problema da baixa ocupação está na “instabilidade que é gerada pela pandemia em face até mesmo da situação de consenso entre os órgãos públicos e a incerteza que a pandemia gera nas pessoas. Tínhamos um bom fluxo de turistas da América do Sul e agora não temos mais, estávamos crescendo em turistas vindo da Europa, mas por causa dos fechamentos está quase inexistente. Os únicos que nos restam são os brasileiros, com mais ênfase para o regional, os turistas a nível nacional estavam começando a voltar, mas com a volta dos rumores de uma segunda onda do vírus, houve um receio por parte de muita gente em viajar. Esperamos que a partir de janeiro, essa situação possa mudar e com a vinda da vacina isso possa se estabilizar”.

“Mas é necessário que os entes públicos falem a mesma linguagem e não prejudiquem os setores da atividade econômica, que já estão prejudicados, muitas vezes pelo conflito de posicionamento deles. Mas acreditamos que, tomando os cuidados necessários que a iniciativa privada está tomando, dá sim para melhorar a situação do turismo e da economia mesmo com o vírus.”, finalizou José Odécio.

Ex-BBBs se reúnem e curtem fim de ano em Pipa

Aline Gotschalg e Fernando Medeiros (Foto: Instagram/Reprodução)

Aline Gotschalg e Fernando Medeiros estão aproveitando dias de sol e calor em Pipa, no Rio Grande do Norte.

O casal compartilhou fotos com os fãs. “Mood dos próximos dias: biquíni + cabelos ao vento”, escreveu a ex-BBB na legenda de uma das fotos.

Aline e Fernando estão hospedados em uma casa com outros ex-BBBs, como Paula Amorim, Breno Simões e Isabella Cecchi.

Globo, via Glamour

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Márcia Guedes disse:

    Olhando novamente, parece duas sariemas….kkkkkkkkkkkkkk

  2. Márcia Guedes disse:

    Eles pensam que são famosos. São duas marmotas mesmo. E ainda pensam que são linnnnnnnndos. KKKKKKKKKKKKKKKKK

  3. Bruno disse:

    Parece que esses dois foram feitos, numa forma de fazer Marmota.
    Kkkkkkkkkkkk

  4. Tonheca disse:

    Quem são esses desconhecidos ?

  5. Lucas disse:

    Ainda tem besta que pede autógrafo, fotos, com esses famosos totalmente desconhecidos pqp kkkk

  6. Sérgio Nogueira disse:

    Famosos quem mesmo, hein?

  7. João Soares disse:

    Espantou os frequentadores. Que dupla feia da porra. Kkkkkkk

  8. riva disse:

    "Fique em casa!"

  9. Antônio Glauber disse:

    Pensei que esse papangu era o humorista Falcão. Depois foi que olhei direitinho e vi que Falcão não é tão feio assim.

  10. Gustavo mafra disse:

    E essas 2 marmotas são famosas?

  11. Japiense disse:

    Eles são famosos ? Não os conheço.

Pipa vai ter teste swab para covid-19 com resultado sendo entregue em até 1 hora

Fotos: Divulgação

Para quem pretende curtir as festas de fim de ano na praia de Pipa, no litoral sul potiguar, a MultiLab – laboratório, disponibiliza o teste rápido(swab) para covid-19, para entrega do resultado em até 1 hora.

A MultiLab oferece condições especiais: desde o agendamento de coleta domiciliar/hoteleira até os melhores preços de testes. Mais informações fale pelo WhatsApp (ou pelo link do Instagram AQUI).

STF nega recurso do MPRN que queria impedir o evento Let’s Pipa

O Supremo Tribunal Federal(STF) negou nesta quarta-feira(23) recurso do Ministério Público do Rio Grande do Norte(MPRN), que queria impedir o evento Let’s Pipa, previsto para acontecer entre os dias 27 de dezembro e 2 de janeiro.

A realização do evento contraria recomendações que o governo do estado e o Ministério Público fizeram aos municípios do RN, em decorrência da alta de casos da covid no Rio Grande do Norte.

A festa em Pipa tem na programação shows de Jorge e Mateus, Banda Eva, Pedro Sampaio, Bhaskar, e outros artistas.

Veja mais detalhes AQUI no Justiça Potiguar.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. GUEDES disse:

    O STF LIBERA PARA OS IDIOTAS IREM, MAS ELES ESTÃO QUERENDO FURAR A FILA POR VACINAS , NO MINIMO ESTRANHO

  2. Lucianobrito disse:

    Com toda desgraça vindo do STF, prendendo jornalistas, soltando criminoso, desta vez ele acertou.

  3. Erasmo disse:

    Esperar o quê do STF? A conta virá muito salgada, muitos ainda vão morrer.

  4. Ricardo Pufal disse:

    A conta chegará depois!
    Mas esperar o que de um país no qual as pessoas se preocupam mais com festa, farra, bares do que com a vida?!

    • Acorda Brasil disse:

      Que bonitinho, né? Todo mundo preocupado em cuidar da vida dos outros. "Vamos tirar sua liberdade, mas é para o seu bem". Faz assim, fica em casa fazendo seu origami e assistindo seriado, e deixa quem quer trabalhar assumir a responsabilidade pela sua vida. Combinado? Nem você, nem o Estado coloca comida na mesa de ninguém. O auxílio emergencial está acabando.

  5. Antonio Turci disse:

    Tiro o chapéu e parabenizo o STF.

VÍDEOS: Trabalhadores protestam contra suspensão de eventos de réveillon em Pipa

Manifestação de trabalhadores de diversos segmentos foi realizada na manhã desta sexta-feira(18), no município de Tibau do Sul, no litoral potiguar.

Moradores de Pipa e outras localidades das cidades de Tibau do Sul e Goianinha protestaram contra suspensão judicial de eventos de réveillon, mesmo sob rigoroso protocolo sanitário contra a covid. Vídeos cedidos abaixo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. O grandão disse:

    Fecharão a BR 101 no centro de Goianinha…ou até colisão…

  2. Antonio Turci disse:

    Não é justo chamar de imbecil alguém que precisa e quer trabalhar. Quem não quiser ir ao evento, fique em casa e, se for o caso, curta bem a respectiva neurose. Ninguém "viaja" para o "andar de cima" se a hora não é chegada.

  3. Lucis disse:

    Todo cidadão tem poder de escolha. Quem tiver interesse de ficar vivo não vá.

  4. Babal melo disse:

    Cade vcs protestando para não ter eleição? Chegamos até aqui, paciência, a vacina já está aí, ta mais fácil morrer de covid do que qualquer outra coisa

  5. JOAO disse:

    Libera logo esses eventos, afinal o povo não está nem ai para o vírus, faz só um protocolo para quem for para o evento assinar um termo para se pegar covid não ir procurar um hospital e estamos resolvidos.

    • Luís disse:

      Por que? Esse povo também não paga imposto?

    • Maria disse:

      Pagar impostos é uma coisa, não ter juízo é outra. Quem tem amor a vida não vá , agora será certeza superlotar hospitais e falarem não dos governos. Só quando as pessoas morrerem nas calçadas é que esses imbecis vão entender o valor de uma vida.

    • Manoel disse:

      Justo.

    • Papa Jerry Moon disse:

      Pagar imposto não dá direito à imbecilidade.

“Fizemos tudo dentro da lei e estamos sendo punidos, enquanto a fiscalização deixa passar eventos ilegais”, desabafa dono de pousada em Pipa após cancelamento de réveillon

Dono de uma pousada na Pipa, Wanderson Borges, escreveu desabafo sobre a situação a que chegou a praia após decisão judicial suspender a realização de um evento privado.

Borges que, também preside a Associação de Hoteleiros e Pousadas de Tibau do Sul e Pipa – ASHTEP, relata como Tibau do Sul foi pioneira desde o primeiro momento no combate à pandemia e em cumprir as normas, mas acabou sendo penalizada, enquanto, por outro lado, há vista grossa para transportes e eventos irregulares.

“Nós fizemos tudo dentro da lei para priorizar a proteção à vida. Fechamos para proteger e procuramos preservar empregos. Apresentamos segurança sanitária, enfim… Sempre fizemos dentro dos conformes. Mas somos punidos. Agora, pergunto se estão aplicando o mesmo rigor com os ônibus que vão chegar aqui lotados de maneira irregular para eventos igualmente irregulares”, indagou Borges.

Veja mais: Associação dos Hotéis e Pousadas de PIPA alerta para novos prejuízos econômicos e defende realização dos eventos controlados com rígidos protocolos

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Maria Bernardes disse:

    Certíssimo !!!
    A " fiscalização " é só pra enganar os bestas…. Pq qdo é conviniente pra eles….. fecham os olhos !

  2. Vitor Silva disse:

    1% de chance de morrer de Covid, 5% de chance de ser internado no hospital por dias
    — Opa topo fácil eihn, roleta russa com 1 bala em cada 100, tranquilo demais

    0,1% de chance de reação alérgica à vacina Pfizer, tratável com remédio comum
    — QUEREM ME MATAR ESSES COMUNISTAS

  3. Zanoni disse:

    O proprietário da pousada não vai querer arcar com os custos dos planos de saúde e da administração pública com os futuros doentes da covid-19.

    • Lourdes Siqueira disse:

      Os "caodidatos" se preocuparam com o povo durante a campanha eleitoral?
      Estão pagando planos de saúde para os novos infectados?
      Se fizeram isso tem todo direito de proibir eventos privados.

      Eu acho que não era para ter evento nenhum, começando pelos comícios……

Associação dos Hotéis e Pousadas de PIPA alerta para novos prejuízos econômicos e defende realização dos eventos controlados com rígidos protocolos

A Associação de Hoteleiros e Pousadas de Tibau do Sul e Pipa – ASHTEP alerta para novos prejuízos econômicos e defende realização dos eventos controlados com rígidos protocolos, e divulga nota abaixo.

“É com muita preocupação que recebemos a notícia da decisão judicial que suspende a realização de um evento controlado, com rígidos protocolos, feito para receber turistas que compraram com muita antecedência e programaram suas viagens.

A proteção à vida e à saúde está em primeiro lugar. E nós, que fazemos a Associação de Hoteleiros e Pousadas de Tibau do Sul e Pipa, trabalhamos fortemente perseguindo essa máxima. Seguindo este princípio, defendemos a realização de eventos controlados e a proibição de eventos clandestinos e aglomerações sem controle.

É exatamente por isso que não concordamos com tal decisão, embora respeitemos a Justiça, porque sabemos que eventos controlados e que seguem rígidos protocolos não só sustentam a economia, mas evitam o caos em Pipa.

Tibau do Sul já sofreu fortes perdas econômicas este ano. Foi a primeira cidade a fechar na pandemia e toda a cadeia produtiva do turismo local amargou prejuízos durante os meses principais da crise.

Não é justo que o município que mais se preparou, tendo programado com antecedência a recepção de centenas de turistas e famílias, tenha sua economia novamente impactada negativamente.

Milhares de empregos diretos serão perdidos e centenas de famílias de Tibau do Sul que dependem diretamente destes eventos e do turismo neste final de ano serão prejudicadas.

Tibau do Sul tem particularidades que precisam consideradas. O cancelamento dos eventos controlados em espaços abertos ampliará a aglomeração na rua principal da Pipa e no centro.

Em vez de condenar festas controladas melhor seria, por exemplo, se fiscalizassem eventos clandestinos e as centenas de ônibus que estão programados para trazer milhares de pessoas para passar o dia de reveilon aglomerando ainda mais a rua principal de Pipa.

Esperamos que Ministério Público, Justiça, poder público em todas as esferas, sentem à mesa para entender que o cenário local é mais complexo do que a simples autorização ou não da realização de um evento controlado.

Atenciosamente,

Wanderson Borges – Associação de Hoteleiros e Pousadas de Tibau do Sul e Pipa – ASHTEP”.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Paulo disse:

    Enquanto o Presidente Bolsonaro estiver enviando Milhões e Milhoes de REAIS para o Governo do Estado a Conversa é FECHAR E FECHAR,o Povo que morra de fome !!!!!!

  2. Severino disse:

    Fechem e abram em outro estado !!!

  3. José Maria Leite de Oliveira disse:

    Tenho certeza que com a proibição das festas privadas as pessoas vão superlotar as rua de pipa com seus cooler e caixas de som e fazerem seus réveillon.

  4. Ana Paula M. Morais disse:

    Não existe rígidos protocolos para festas com bebidas e com mais de 100 pessoas – não tem como controlar, imagina mil, dois mil……
    O que é questionável é que durante o período eleitoral ocorreram aglomerações em todos os municípios do RN, festas da vitória com shows, passeatas, carreatas e nenhum órgão fiscalizador expediu recomendações ou proibiu.
    É fácil de seus luxuosos gabinetes e com salários polpudos vetar alguns setores da econômia.
    O que estamos vivenciando em todo país é fruto de uma campanha eleitoral que poderia ter sido adiada para 2022, inclusive trazendo economicidade para o poder público, porém feria o interesse dos políticos que só olham para os seus umbigos, agora a população é quem paga o preço com muitas vidas ceifadas.
    Politica e Judiciário no Brasil é algo intocável – verdadeiros DEUSES.

Polícia Civil deflagra Operação “Liberdade”, em Pipa, e prende 12 suspeitos por integrar organização criminosa e tráfico de drogas

Foto: Ilustrativa

Policiais civis da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR) deflagraram, nesta quinta-feira (10), a Operação “Liberdade”, realizada no município e na Praia de Tibau do Sul, resultando nas prisões de 12 suspeitos. Eles são investigados por integrar uma organização criminosa que chefiava o tráfico de drogas na Praia da Pipa, no município de Tibau do Sul, e pela prática de homicídios na região.

Participaram da operação as Delegacias Municipais de: Pipa, Goianinha, Nísia Floresta, Santo Antônio e Nova Cruz; além do Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri), da Polícia Civil de Pernambuco (PC/PE). A ação policial objetivou reprimir a prática dos crimes de tráfico de drogas, homicídio e organização criminosa. Em uma residência, foram apreendidos: dinheiro fracionado, armas, munições, drogas (maconha e cocaína), balança de precisão e uma prensa.

Os principais membros dessa organização criminosa atuante em Pipa, mais conhecidos por “Gringo” e “Maracujá”, eram os “chefes”, resolvendo todo tipo de problemas no local. Em desfavor de quatro dos 12 suspeitos, havia mandado de prisão temporária em aberto; já os outros oito suspeitos, foram presos em flagrante delito no momento da operação. Um dos mandados de prisão temporária foi dado cumprimento já no sistema prisional.

Foram presos: Ailton dos Santos Fernandes, 21 anos, Icaro Ferraz de Araújo, 30 anos, Everson Severino Gomes de Lima, 29 anos, Fabrício Souza de Castro, 42 anos, Rosemario Gomes da Silva, 27 anos, Paulo Ricardo de Castro Lima, 29 anos, Janaina Gomes Ferreira, 39 anos, Wdson Tavares Siqueira, 31 anos, Nahuel Marin Gonzalez, 29 anos, Morgana Charon Presbitero da Silva, 46 anos, Phelypi Gonçalves Pereira Silva, 28 anos, e Severino Arcanjo de Barros, 44 anos.

Os suspeitos foram conduzidos até a DEICOR e encaminhados ao sistema prisional, onde ficarão à disposição da Justiça. As investigações continuam até a identificação e prisão dos demais envolvidos com essa facção criminosa na Praia de Pipa.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, através do Disque Denúncia 181 ou Disque DEICOR, por meio dos números: (84) 3232-2862 e (84) 98135-6796 (WhatsApp).

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Zuza disse:

    Piores são os drogados, lascados, bacanas e metidos a bacanas, que patrocinam o tráfico de drogas.

Governo cria força-tarefa para auxiliar fiscalização da orla de Pipa

Foto: Hudson Helder/ASSECOM/RN

O Governo do Estado está mobilizando as forças de segurança e os órgãos ambientais para a criação de uma força-tarefa que irá auxiliar a prefeitura de Tibau do Sul na função de assegurar o isolamento e a fiscalização da orla da Praia da Pipa. A decisão foi determinada pela governadora Fátima Bezerra em reunião na tarde desta quinta-feira (19) com o Ministério Público Federal, representado pela chefe da Procuradoria da República no RN, procuradora Cibele Benevides, e os procuradores Victor Mariz e Daniel Fontenele, que estão conduzindo a investigação do desmoronamento da falésia que resultou na morte de uma família na terça-feira (17).

O Governo garantiu aos representantes do MPF-RN a estrutura para isolamento da orla, no trecho do centro de Pipa até à Praia do Madeiro, protegendo banhistas e comerciantes que atuam no local. “Em que se pese a necessidade, independe das prerrogativas, o governo se coloca à disposição. Sabemos que o município não tem aparato de fiscalização para atender a uma necessidade de urgência como essa. Portanto, asseguro aos senhores que estamos em curso para organizar o destacamento para que nós possamos fazer o isolamento tão necessário”, assegurou a governadora Fátima Bezerra.

O secretário de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social, Francisco Araújo, relatou que de imediato ao acidente o Corpo de Bombeiros Militar do RN (CBM-RN) entrou em campo e a Polícia Militar do RN (PM-RN) fez o isolamento da área. “Compreendemos a gravidade da situação e vamos articular uma força-tarefa com bombeiros, policiais militares, Defesa Civil estadual, Itep (Instituto Técnico-Científico de Perícia( e Idema (Instituto de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente), além dos órgãos municipais. Amanhã nos reuniremos para traçar como será feiro o trabalho. Já antecipo que o Itep fará estudos específicos no local”, disse o secretário.

O coordenador estadual da Defesa Civil, tenente-coronel bombeiro Marcos Carvalho, explicou que foi iniciada a primeira fase de análise de dados a partir das coletas de amostras de solo e rochas das falésias. “O estudo geológico deve demorar uma semana e, após essa fase, será preciso mais uma semana para análise em nível de engenharia. A partir desse diagnóstico, teremos condições de adotar as medidas cabíveis”, afirmou o coordenador da Defesa Civil, que esteve presente na praia com a equipe para vistorias.

Também participaram da reunião o geólogo Wellington Borges e a engenheira civil Aline Costa, membros da Secretaria Nacional da Defesa Civil que foram designados para o trabalho em Tibau do Sul. Ela explicou que a conclusão do estudo inicial dará condições para a equipe de engenharia analisar os possíveis riscos das construções localizadas no topo da falésia. Ambos ressaltaram a importância dessa união em torno do isolamento e da fiscalização, como forma de assegurar a consciência das pessoas que circulam na orla.

MPF ALERTA SOBRE RISCOS

De acordo com relato da procuradora Cibele Benevides, o MPF-RN – que tem 18 ações ambientais em curso no município de Tibau do Sul, que dizem respeito a construções irregulares em bordas de falésias – está agindo o mais rápido possível para evitar que novos deslizamentos ocorram. Para tanto, a primeira providência foi orientar a prefeitura a interditar os empreendimentos situados no topo da falésia. “O estudo que está sendo feito nos dará condições de avaliar se os empreendimentos podem continuar a funcionar, ou se terão de ser interditados ou se continuarão de maneira reduzida”, explicou.

A governadora determinou que seja feita outra reunião, nesta sexta-feira (20), com a presença do prefeito de Tibau do Sul, Modesto Macedo, para formalizar a parceria para fins de isolamento e fiscalização da orla de Pipa. No encontro de hoje, estavam presentes, ainda, o vice-governador Antenor Roberto, o Procurador Geral do Estado (PGE), Luís Antônio Marinho, o diretor do Idema, Leon Aguiar, e o assessor jurídico do Gabinete Civil, Altair Filho.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Roosevelt disse:

    Kd os cinco milhões do consórcio Nordeste?

Tibau do Sul decreta situação de emergência após desabamento de falésia sobre família na praia da Pipa

(Foto: Reprodução/Diário Oficial dos Municípios/Femurn)

A Prefeitura de Tibau do Sul decretou situação de emergência na praia da Pipa após o desabamento de parte de uma falésia ter causado a morte de um casal, seu filho de 7 meses e o cachorro da família na última terça-feira (17).

O decreto foi publicado nesta sexta-feira (20) e tem validade de 90 dias. De acordo com o documento, a área da praia foi afetada por um desastre natural geológico “por movimento de massa com deslizamento de solo /ou rocha”.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marieta disse:

    Que sequência de comentários deploráveis!
    Lás-ti-ma!

  2. Antônio Glauber disse:

    De certo agora vão interditar Pipa, Baia Formosa, Tibau do Sul, parte de Tabatinga, Parte de Cotovelo, inclusive o famoso Porto Brasil foi erguido em cima de falésia. Agora lascou, ou RN véi sem sorte!!!!

  3. Antônio Glauber disse:

    O material que desabou não enche uma caçamba, infelizmente três vidas se foram, por estarem sentadas no local errado e na hora errada, na base da falésia, isso já é por si só uma grande tragédia. No mais, quanto a falésia, estão fazendo muita tempestade com um copo d'água, lá se vão mais 10 anos para cair outo pedacinho, rezar para não ter ninguém sentado embaixo. A conscientização da população é a maior ação para evitar novas tragédias como esta. Não tem cristão no mundo que vá contra a força do mar e a lei da natureza.

  4. Procópio Netto disse:

    Realmente lamentável. A ambição dos homens não tem limite. Deus nos proteja.

  5. Só Comento disse:

    O decreto autorizou a dispensa de licitação. O ministério público vai acompanhar a execução dos respectivos contratos?

  6. Zé ruela disse:

    Não há motivo suficiente para essa decretação. Vão esperar dinheiro do governo federal, como sempre, e aí vai rolar as contratações por dispensa de licitação. Já vimos esse filme.

    • Manoel disse:

      Muito conveniente usar uma tragédia anunciada mas com grande repercussão nacional pra justificar uma calamidade que não existe! Pipa sempre, sempre teve e terá ocupações irregulares e agora que a Prefeitura descobriu isso? Ah, mas tem que pagar as dívidas da campanha né?!

  7. JAG disse:

    se fechar Pipa, a galera do "fique em casa" não vai ter pra onde ir……

PIPA: Técnicos da Secretaria Nacional de Defesa Civil fazem vistoria em trecho da falésia que desabou

O portal G1-RN destaca que técnicos da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, enviados pelo Ministério do Desenvolvimento Regional, fizeram uma vistoria na tarde desta quinta-feira (19) no trecho da falésia que desabou e matou um casal, o filho de 7 meses e o cachorro deles na praia de Pipa, litoral do Rio Grande do Norte. Após a análise inicial, a equipe disse concordar com a interdição temporária do local. O trecho foi fechado pela Prefeitura de Tibau do Sul um dia após o desabamento. Leia todos os detalhes da reportagem AQUI, inclusive, com imagens da visita dos técnicos.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bosco disse:

    Como sempre no Brasil nada mudou! Primeiro acontece a m… depois as AUTORIDADES tomam as devidas providências! Parabéns!

Faixa de areia e estabelecimentos são interditados perto de falésia que caiu sobre família em Pipa até que engenheiros e geólogos apontem riscos no local

 Foto: MPF/Divulgação

Parte da faixa de areia da praia da Pipa, no município de Tibau do Sul foi interditada, no início da tarde desta quarta-feira (18), no trecho em que uma falésia cedeu e matou um casal, o filho de 7 meses e o cachorro da família na terça-feira (17).

Ainda de acordo com a prefeitura do município, nove estabelecimentos, como restaurantes e hotéis, que ficam localizados no topo da falésia, foram interditados ainda na noite de terça (17). As interdições ocorreram por tempo indeterminado, até que as análises de engenheiros e geólogos apontem os riscos no local.

Uma comitiva com representantes de órgãos municipais, Defesa Civil do Estado e do Ministério Público Federal, entre outros órgãos, se reuniu durante a manhã e visitou o trecho da praia no início da tarde desta quarta (18).

De acordo com a Defesa Civil do Estado, geólogos e engenheiros civis analisam a área para apontar riscos e possíveis soluções. Somente após as análises, as autoridades vão definir se as interdições devem permanecer ou não.

O MPF abriu uma investigação para exigir que as autoridades adotem medidas urgentes para garantir segurança dos frequentadores da praia e novos deslizamentos. Procuradores participaram da reunião desta quarta (18).

Ao todo, segundo o MPF, há 18 inquéritos abertos envolvendo ocupações irregulares em bordas de falésias no litoral do estado, principalmente no Tibau do Sul, onde Pipa fica localizada. Ainda há seis ações judiciais, inclusive uma penal sobre o tema.

Com G1-RN

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Paulo César disse:

    Foi preciso acontecer esta tragédia para a Secretária Ambiental da Cidade de Tibau do Sul aparecer!!! Sem dúvida, o MP vai atrás de todos os responsáveis para responderem em todas as instâncias por estes homicídios, pois existe há muito tempo, inquéritos abertos e ações judiciais não cumpridas, ou seja, omissão ou falta de ações concretas para se evitar a tragédia. Esperamos que tudo seja apurado e que os responsáveis sejam exemplarmente punidos pela incompetência, despreparo e falta de zelo pelo bem-estar de toda população de uma cidade e seus visitantes!!!

  2. Andinho disse:

    Pronto, próximo destino do desemprego será a praia da Pipa, vão interditar tudo que está em cima das falésias, ou seja transformar aquele paraíso em uma Cidade fantasma e cheia de ruínas, com todo mundo desempregado e empresários falidos, como eles gostam de ver. Quero ver quem vai pagar imposto e sustentar este povo que vive com gordos contra-cheques pagos pelo erário. É proibido dar certo aqui no RN, tudo que progride, gera emprego, é autossustentável vira alvo dos órgãos públicos.

  3. Jeam disse:

    Infelizmente a Tragédia nas falésias de Pipa vai ser marcada como uma inoperacão do poder público e de seus servidores,é isso que a populacão sempre faz logo após qualquer tragédia, sempre jogam a Culpa no serviço de Fiscalização. A população retira de sí essa culpa, más é sempre ela que é contra ser Fiscalizada.
    Alguem sabe responder porque os Serviços Fiscalizatórios quando vão cumprir seus deveres sempre tem que pedir proteção da Força policial? Era pra ser assim? Não!

    • Andinho disse:

      Tragédia lamentável, mais que poderia ter sido facilmente evitada com um pouco de bom senso e cautela por parte das vítimas, qualquer cidadão em sã consciência precisa ter discernimento para identificar situações de risco, seja pelo simples fato de atravessar uma rua, andar em um parapeito, ou até mesmo sentar embaixo de uma falésia com a base corroída pelo mar. Infelizmente três vidas se foram, três vidas jovens, cheias de saúde, com muita vida pela frente, tomara que fique o exemplo para termos mais cautela com nossa vida e dos que amamos, vamos evitar correr riscos desnecessários, vamos medir as consequências, pois isso pode evitar muitas tragédias e salvar muitas vidas.

  4. Luciana Morais Gama disse:

    Ainda bem que por aqui não temos raios em dias de chuva, senão iriam proibir a população de sair nesses dias.

  5. Junior disse:

    Se depender dos ecopetistas a solução será a implosão da cidade de Pipa e o esquecimento dela como destino turístico, afinal o RN é um estado rico
    e bem governado e por isso pode abdicar da Pipa que é roteiro internacional de turismo. Estamos andando a passos largos o fundo do poço, já não temos aeroporto que preste; o Forte dos Reis Magos está fechado; não temos mais os dromedários em Genipabu; passeios nas dunas estão proibidos, o próximo destino a ser implodido será São Miguel do Gostoso.

  6. Abraão Primeiro disse:

    Se vai interditar alguns estabelecimentos que estão na borda da falésia, por quê que não interditam TODOS da borda? Será que uma visita de 1 dia vai dizer o destino disso tudo? Longa história por vir

  7. Carlos disse:

    Para evitar outra tragédia já enviem também um estudo ali nas falésias de tabatinga.

  8. Antônio Glauber disse:

    Eita já sei que vão interditar metade de Pipa e Tibau do Sul, tem muita coisa em cima de falésia lá. Já sei que o mirante dos golfinhos em Tabatinga também vai ser interditado. A cidade nasceu em cima das falésias, tem hotéis, restaurantes, condomínios, cemitério, ja imagino que vai tudo pro brejo com as ações midiáticas desse povo.