Ibope: Bolsonaro tem 29% no RS; Haddad, Ciro Gomes e Alckmin embolados, entre 10 e 11%

O Ibope divulgou nesta sexta-feira(14)  uma pesquisa presidencial feita apenas no Rio Grande do Sul, informa o Estadão.

No estado, Jair Bolsonaro lidera as preferências dos eleitores, com 29%.

Bem atrás, embolados, vêm Fernando Haddad, que passou de 9% para 11%, Ciro Gomes, que oscilou de 9% para 10%, Geraldo Alckmin, que cresceu de 6% para 10%, e Marina Silva, que manteve os 8% da pesquisa anterior.

O Antagonista

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Beto disse:

    Kkkkkkkkkkkkk, isso é na terra natal da presidanta do gopi e mais honesta do mundo. " Fora passadena"

FOTOS: Plebiscito informal para separar RS, SC e PR do país tem 96,13% de votos favoráveis

Resultado do plebiscito informal de 2017 divulgado na página do movimento O Sul É o Meu País (Foto: Reprodução)

O movimento “O Sul é Meu País” realizou no sábado (7) mais um plebiscito informal para consultar moradores do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná sobre a possibilidade de se separar do resto do Brasil. Foram computados um total de 341.566 votos (85,82% das urnas) até a manhã desta segunda-feira (9), sendo que 96,13% (328.346) optaram pelo “sim”, e 3,87% (13.220) pelo “não”, conforme divulgado pelo movimento.

Apesar do resultado positivo pela separação, o total de votos computados até então foi menor que o registrado em anos anteriores, quando o número de participantes passou de 600 mil pessoas.

Em número total de eleitores aptos a votar, os três estados 21,2 milhões de pessoas, conforme dados de agosto do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). São 5 milhões em Santa Catarina, 7,9 milhões no Paraná, e 8,3 milhões do Rio Grande do Sul.

A votação tinha caráter simbólico, ou seja, não tem valor legal. No entanto, os participantes eram convidados a assinar uma proposta que seria levada ao Congresso para que o assunto fosse discutido.

Conforme os organizadores, a condição mínima para votar era ser maior de 16 anos. Até mesmo o voto em trânsito era permitido. A expectativa era de colher os votos de 2 a 3 milhões de pessoas.

Os participantes responderam sim ou não à pergunta: “Você quer que o Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul formem um país independente?”.

A coordenadora geral do movimento, Anidria Rocha, moradora de São Jerônimo, na Região Metropolitana de Porto Alegre, dizia antes do resultado da votação, que a adesão seria maior em um momento em que o sentimento separatista crescia por conta da situação política e econômica. “O movimento separatista está crescendo cada vez mais e essa crise política e econômica do Brasil favorece essa nossa posição”, destacou.

Os resultados da votação por estado podem ser consultados no site oficial do Plebisul.

(Fotos: Alexandra Freitas/G1)

Consulta anterior

Essa não é a primeira vez que o movimento “O Sul é Meu País” realiza um plebiscito informal. Em outubro de 2016, outra consulta foi realizada. À época, participaram 616 mil pessoas e 95,74% disseram ser favoráveis à separação dos três estados do restante do país.

De qualquer forma, a competência para propor um plebiscito é do Congresso quando se tratar de questões de relevância nacional.

A assessoria de imprensa do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS) informou ao G1 na terça-feira (3) que não iria se manifestar por não ter recebido nenhuma consulta do movimento a respeito do assunto.

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Heineken disse:

    Quanta bobagem voces falam,discutem e nem se quer notaram que este ano diminuiu a quantidade de pessoas que foram votar neste absurdo.
    Resumindo a maior parte da população do sul nem sequer da bola para este plebiscito de M….

  2. Chico disse:

    Conversa de bêbado em fim de festa é assim , sem noção.
    Queiram ou não queiram vocês vão morrer sendo brasileiros, e tem mais leiam a nossa constituição, depois vocês pensam em fazer qualquer cagada parecida.
    Por isso eu repito, ho povinho sem noção e sem cultura.

  3. escritor disse:

    Por mim tudo bem. Mas tem uma coisa chamada divida publica, que consome quase metade do orçamento geral da uniao, apenas para pagamento de juros. Rolagem da divida. Quanto dessa divida ficara para os sulistas? No mais……tranquilo. favoravel.

  4. Rômulo disse:

    Querem independência política, mas querem manter livre trânsito de pessoas, bens e capital! Não dá para assobiar e chupar cana ao mesmo tempo! Com a separação, além de perder 3/4 do mercado consumidor, terão seus móveis de MDF vagabundos e outras quinquilharias que eles produzem taxados em 60%. Quero ver se eles conseguem vender o que vendem ao resto do país para Uruguaios e Argentinos! Nós poderemos importar o que é feito no Sul de qualquer país deste mundo!

  5. VERDADE INFLAMADA disse:

    Homi, mande gaúcho, catarinense e paranaense ir para o raio que o parta. Viver sem aquele sotaque e melhor, sem o doente do Moro, não tem preço!

  6. Silva disse:

    Por mim pode separar, agora figuem sabendo que vão precisar de sal pra temperar o churrasco, vamos vender um kg por R$ 10,00 paus, se quiserem, do contrário comam sem sal. O nosso RN produz 95% de todo sal Brasileiro .

  7. Adriana Silva disse:

    Não conseguem nem pagar o investimento em Itaipu… Para separar, tem que indenizar o Brasil…

  8. Bolsomito disse:

    Essa pesquisa deveria ser feita me Brasília pra ser um País independente e Livrar o resto do Brasil desse mau destruidor.

    • Heineken disse:

      Só lembrando que Brasília apenas reune os LADROES DE TODO O PAÍS, ou seja o problema não é a cidade e sim essa corja que sai desses fim de mundo para se alocar lá por se a capital federativa.

  9. Rafael disse:

    Melhor mudança que poderia ocorrer. Cada grupo assumiria suas peculiaridades como excesso de Estado, agricultura, Indústria etc. Pq nos Nordestinos precisamos dividir as contas com o Acre?

  10. Cidadão disse:

    nem sei como o Ceará não apareceu antes com uma "criatividade" dessas…

    • Gaucho disse:

      Vá se informar ..comedor de rapadura

    • Chico disse:

      Se cearense come rapadura vocês comem caviar é isso, tome RIVOTRIL e durma.

      Eita agora que lembrei a gauchada, paranaense e catarinense vão ter que ser extraditados kkkkkkkk.

  11. Cidadão disse:

    anos e anos de roubo em conjunto… e agora querem virar país independente? O lucro é separado? Querem sair sem apagar as luzes???

FOTO: Casal se reencontra em asilo 65 anos após rompimento de noivado no RS

Maria Edy Moraes, de 84 anos, e Selviro Schaab, de 88, são protagonistas de uma história de amor inusitada. Na década de 1940, eles noivaram e marcaram a data do casamento. O homem, porém, decidiu terminar o relacionamento, porque os dois moravam em cidades diferentes. Nunca mais se viram, até que se reencontraram em um asilo de Novo Hamburgo, no Vale do Sinos do Rio Grande do Sul, como mostra a reportagem do Jornal do Almoço.

Desde que romperam, os dois conheceram outras pessoas, casaram e ficaram viúvos. Entretanto, garantem que nunca esqueceram um do outro. “O primeiro namorado você não esquece nunca”, confessa Maria.

Após 65 anos, o destino entrou em ação. Por precisarem de cuidados, eles foram levados por parentes para morar em um lar para idosos. Foram quatro meses vivendo no mesmo lugar sem um saber que o outro estava ali. Entretanto, bastou uma troca de olhares para eles verem renascer um sentimento que alegam nunca ter acabado.

casalReprodução RBS

“Quando eu cheguei, ela já abriu os braços e queria um beijo”, lembra Selviro.

“A vida fez sentido para mim. Tenho ao meu lado quem eu tinha perdido. Ele fica o dia todo sentado ao meu lado, de mãos dadas, me amando. Às vezes o destino prega uma peça, mas, para mim, o destino foi honesto. Pode ter 80, 90 anos, o amor não tem idade. Quando ama de verdade, ama”, completa Maria.

G1, com RBS

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Celita disse:

    Que linda história…! felicidades para o casal.

Depois do formol, álcool é encontrado em lotes de leite no RS

leite-20130115-size-598

Uma ação de inspeção do Ministério da Agricultura detectou a presença de álcool etílico no leite de duas cooperativas gaúchas: a Santa Clara e Petrópolis. A fiscalização foi feita no dia 24 de junho na Santa Clara e de 15 a 20 de julho na Petrópolis. O álcool é usado na tentativa de ocultar a adição de água, que dá maior volume ao leite. Segundo o Ministério, as quantidades encontradas não representam riscos para a saúde dos consumidores.

As duas cooperativas negam que tenha ocorrido qualquer irregularidade nas fases de recepção, processamento e distribuição do leite e sustentam que isso está comprovado por testes de controle de qualidade que fazem. Mesmo assim, a Petrópolis acatou determinação do Ministério da Agricultura e recolheu os lotes de leite UHT integral L02/2 e L2-3 embalados em 26 de junho, com prazo de validade até 26 de outubro, e de requeijão light L2 fabricado em 30 de junho com validade até 30 de setembro. Além de retirar os lotes do varejo, a cooperativa orientou consumidores que tenham unidades dos produtos em casa a telefonar para seu serviço de atendimento, anunciado que enviará funcionários ao endereço informado para efetuar a troca por leite e requeijão de outros lotes.

No caso do leite pasteurizado da Santa Clara, ainda não está informado se o volume colocado sob suspeita pelo Ministério da Agricultura foi descartado ou enviado ao mercado. Neste caso, não haveria como fazer recall porque o produto dura poucos dias e já teria sido consumido. A cooperativa reiterou, por nota, que submete toda a matéria-prima que recebe a análises, tanto nos postos de captação quanto na indústria. Como não tem registros de presença de álcool etílico no leite, anunciou que pedirá esclarecimentos ao Ministério da Agricultura.

No final da tarde desta terça-feira (5), o Ministério Público do Rio Grande do Sul convocou as cooperativas a prestarem esclarecimentos na sexta-feira sobre a contaminação de lotes de leite por álcool etílico. O objetivo do MP é investigar se a adulteração foi feita por entregadores ou nas unidades das próprias cooperativas, e se foi acidental ou proposital. Caso tenha sido intencional, o MP afirmou que vai investigar toda a cadeia, do produtor à entrega para o varejo.

Operação — O Ministério Público gaúcho desencadeou em maio a Operação Leite Compensado, com o cumprimento de nove mandados de prisão e treze de busca e apreensão nas cidades de Ibirubá, Guaporé e Horizontina, após apurar a contaminação do leite fabricado por cooperativas gaúchas. A ação constatou que uma das formas de fraude identificadas é a da adição de uma substância semelhante à ureia, e que tem formol em sua composição, na proporção de 1 kg deste produto para 90 litros de água e mil litros de leite. A adulteração consiste no crime hediondo de corrupção de produtos alimentícios, previsto no artigo 272 do Código Penal. A simples adição de água, com o objetivo de aumentar o volume, acarreta perda nutricional, que é compensada pela adição da ureia – produto que contém formol em sua composição – e é considerado cancerígeno pela Agência Internacional para Pesquisa sobre Câncer e pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Fonte: Veja com Estadão Conteúdo

Prefeito de Porto Alegre-RS admite risco de perda da Copa caso projeto para estruturas temporárias não seja aprovado na Assembleia

16314569O prefeito José Fortunati admitiu, na manhã desta segunda-feira, que Porto Alegre corre o risco de perder a Copa do Mundo caso o projeto que prevê isenção fiscal para empresas interessadas em bancar as estruturas temporárias do Beira-Rio não seja aprovado na Assembleia Legislativa. A declaração foi dada em entrevista ao programa Gaúcha Atualidade, na Rádio Gaúcha.

— Se não for votado, não teremos Copa em Porto Alegre. Porque não teremos como buscar recursos. Não tem plano B, não tem plano C, não tem plano E, não tem plano Z. A única alternativa é essa — afirmou o prefeito.

No sábado, durante uma operação que testou ações de segurança para a Copa, no anfiteatro Pôr do Sol, Fortunati havia se mostrado confiante para a realização do Mundial na capital gaúcha.

– Este é o ponto que representa o gargalo, hoje, em termos de realização da Copa em Porto Alegre – disse hoje Fortunati.

Protocolado em caráter de urgência pelo governo Estadual, o projeto de lei que prevê isenção de ICMS de até R$ 25 milhões para empresas que bancarem estruturas temporárias para a Copa do Mundo de 2014 não teve a votação antecipada porque o governo não conseguiu acordo de lideranças. A votação deve ocorrer nesta terça-feira. A estimativa é de que será aprovado.

Fortunati também afirmou que o vice-prefeito Sebastião Melo irá ao Rio de Janeiro na quarta-feira para uma reunião com o Comitê Organizador Local (COL) para discutir o assunto.

Zero Hora

Tim, Oi, Claro e Vivo são proibidas de vender novas linhas no Rio Grande… do Sul

Quatro empresas de telefonia estão proibidas de comercializar linhas de telefones móveis e internet 3G em Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul, a partir desta segunda-feira. A suspensão das vendas é uma medida do Procon da capital gaúcha que denuncia a qualidade do serviço oferecido. Segundo o serviço de defesa do consumidor, a providência é temporária até que as empresas apresentem uma resposta às solicitações cautelares.

Até às 11h desta segunda todas as notificações foram entregues, de acordo com a diretora executiva do Procon de Porto Alegre, Flávia do Canto Pereira. Já às 15h30 os fiscais foram às ruas para fiscalizar as lojas que descumprem o mandato. As fiscalizações acontecem até a próxima sexta-feira, 20.

Segundo Flávia, as empresas Tim, Oi, Vivo e Claro fazem propaganda de uma cobertura do sinal das linhas que não é o real. “Há pontos cegos em toda Porto Alegre. E o consumidor compra uma linha ou um serviço de 3G que não funciona em algumas regiões ou onde mora”, explica.

O Procon pede, então, que as empresas respondam à medida cautelar informando os usuários das linhas quais são os bairros da capital cuja cobertura está comprometida. O órgão pede também o reembolso pelos momentos em que os usuários ficaram sem sinal.

“É possível que as empresas consigam calcular o valor de reembolso de todos os usuários afetados porque eles têm registros de quando os aparelhos não recebem o sinal”, conta a diretora executiva do Procon.

Tim, Oi, Claro e Vivo têm 10 dias para apresentar uma resposta, segundo o Procon de Porto Alegre. Caso alguma loja caia na malha fina da fiscalização descumprindo a medida cautelar, a multa é de R$ 555 mil.

Viciado troca filhote de yorkshire da família por crack

 A filhote da raça yorkshire usada como pagamento na compra de crack, Meg, foi resgatada durante operação da Polícia Civil, em São Leopoldo, no Vale do Sinos, no Rio Grande do Sul, na última sexta-feira, 15. Duas pessoas foram presas e uma menor apreendida na ação.

Segundo o delegado titular da 3ª Delegacia de Polícia, Alencar Carraro, o animal avaliado em torno de R$ 800,00 foi furtado da mãe pelo usuário M.L.S, de 47 anos, e trocado por drogas em uma boca de fumo instalada em São Geraldo. Além da cachorra, o usuário também ofereceu a esposa, mãe de dois filhos, para a prostituição, segundo a polícia.

Durante as investigações, a polícia descobriu que Meg estava na casa do traficante Paulo Ricardo Pereira, de 41 anos, que foi preso na Operação. O cão teria sido presenteado por ele a uma filha, segundo a polícia.

Além do animal, os policiais apreenderam drogas (crack e maconha), dinheiro, balança de precisão e uma motocicleta. Além disso, foi preso e autuado em flagrante o traficante Rogério Alencar Machado Rodrigues, de 43 anos, que comercializava drogas em casa na presença de dois filhos menores, informou a polícia.

Durante a ação, realizada nos bairros São Geraldo e Feitoria, também foram presas três pessoas preventivamente pelos crimes de homicídio.

De acordo com o delegado, Meg será entregue à família na tarde desta segunda-feira, 18. O usuário M. foi preso por roubo.

Fonte: Estadão

Cantor sertanejo morre durante show no RS

O cantor Enio Knak Júnior, de 27 anos, morreu na madrugada deste domingo após sofrer uma descarga elétrica durante um show no Clube Gaúcho, localizado na cidade de Santo Ângelo, a 459 quilômetros de Porto Alegre.

Ele se apresentava ao lado do irmão, com o qual formava a dupla sertaneja Júnior e Marcel. Segundo informações registradas no boletim de ocorrência sobre o caso, o acidente aconteceu por volta das 2h30, quando o cantor caiu próximo a uma escada metálica que dava acesso ao palco.

Júnior chegou a ser levado para um hospital da cidade, mas não resistiu e morreu no local. A causa da morte foi confirmada pelo Instituto Médico Legal de Ijuí, onde foi realizada a necropsia.

O local da apresentação foi isolado e passará por perícia nos próximos dias. O show fazia parte da programação de Carnaval do clube, que divulgou nota lamentando o ocorrido e informando a suspensão de suas atividades no fim de semana.

Divulgação
Enio Júnior morreu após levar uma descarga elétrica durante um show no Clube Gaúcho, em RS
Enio Júnior (esquerda) morreu após levar uma descarga elétrica durante um show no Clube Gaúcho, em RS

Fonte: Folha.com

Toddynho causa queimadura na boca de crianças no RS

Deu no Globo

A Vigilância Sanitária de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, está orientando os supermercados a retirarem das prateleiras o achocolatado Toddynho, de 200ml. A decisão acontece depois que quatro crianças da região metropolitana tiveram queimaduras na boca por ingerir o produto.

A Vigilância Sanitária acredita que pode ter ocorrido algum problema de acidez do produto. As crianças foram atendidas em hospitais da região e passam bem.

Segundo a Pepsico, fabricante do Toddynho, 80 unidades do achocolatado líquido tiveram problemas no estado. A empresa informou que está tomando as providências necessárias.

Pai pagou pistoleiro para matar a filha de 18 anos

Solange Spigliatti – estadão.com.br

A polícia do Rio Grande do Sul prendeu Genoir Luís Bortoloso, de 47 anos, e o pistoleiro Jair Rivelino Satornino, de 31 anos, acusados de matar a filha de Bortoloso, na última quarta-feira, na cidade gaúcha de Gaurama. Segundo a polícia, Bortoloso contratou Satornino para matar sua garota por R$ 10 mil, que seriam pagos em prestações mensais. Um dos motivos do crime, segundo a polícia, seria um seguro no valor de aproximadamente R$ 200 mil, do qual Bortoloso seria beneficiário. O valor do seguro ainda não foi confirmado pela polícia.

Bortoloso foi preso na noite de quinta-feira, após o velório de sua filha, Ketlin, de 18 anos. O corpo dela foi encontrado por volta das 12h de quarta, algumas horas após o assassinato. Bortoloso, que é casado e tinha a filha com outra mulher, armou uma emboscada para Ketlin, após contratar o matador, que foi preso em sua casa, em Erexim, nesta sexta-feira, 12.

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. victor hugo disse:

    Esse cara nao pode ser chamado de gente. É um monstro, um canalha, bandido imundo.

  2. SIDNEY BERNARDES disse:

    Isto é o retrato da ganância humana, um pai chegar ao ponto de matar a própria filha para ficar com dinheiro do seguro e algo imaginário!!! Não podemos chamar essa pessoa de ser Humano….

  3. karina lemes disse:

    Tenho pena desse criminoso, deve ser muito infeliz pois num sabe o que é ter filho, e maravilhoso uma dádva de deus, mais deu se encarregará de seu castigo colhemos o que plantamos, esse montro vai morrer de remorso e de solidão e apodrecer na cadeia, mais que pena que nós no brasil não temos justiça de qualidade, apenas uma bando de ladrões para aprovar leis p acabar com nosso país fico indignada com tudo isso.

  4. Vitor de Salvador disse:

    Tomara que esse monstro fique servindo de mulher na cadeia, quem tem um pai como esse não precisa de inimigo. também essa merda não tem pena de morte para crimes ediondos, por isso que barbaries como essas acontece.

Traficante manda estuprar irmã de viciado por causa de uma dívida de R$ 700,00

Agência Estado

Um homem, de 45 anos, foi preso na manhã de hoje acusado de ser o mandante de um estupro, ocorrido em Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul, na última sexta-feira, como forma de pagamento de dívida de tráfico.

Segundo a Polícia Civil, a vítima, de 21 anos, foi capturada por dois rapazes a serviço do preso no momento em que saía de um culto evangélico. Ela seria o pagamento de uma dívida de quase R$ 700,00 de seu irmão, que devia na boca de fumo.Um homem de 19 anos, conhecido como Jundiá, é o suspeito de ter executado o estupro. De acordo com a polícia, ele seria ainda autor de seis homicídios, cometidos quando era menor de idade.

(mais…)

Merendeira que colocou Veneno de Rato no almoço de alunos e professores teve prisão decretada

Estadão:

O juiz Léo Pietrowski, do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul, decretou no final da noite dessa sexta-feira, 5, a prisão preventiva de uma merendeira, de 23 anos. A mulher confessou que colocou veneno para rato no almoço de alunos e professores de uma escola de Porto Alegre, nesta quinta-feira, 4. No total, 22 alunos e 14 professores passaram mal após comerem estrogonofe com veneno de rato misturado.

A escola serviu a refeição no almoço e ninguém notou a presença da substância. A polícia foi acionada depois que alunos e funcionários do colégio tiveram sintomas de envenenamento, como náuseas, vômito e dor de barriga.

Parte dos alunos e professores foram socorridos em hospitais da região. Não há registro de pessoas em estado grave. A cozinha da escola passou por perícia e o alimento servido no almoço foi recolhido para análise

Músico é processado por criticar aumento de 73% nos salários dos deputados

Agência Estado:

O músico Tonho Crocco terá de dar explicações à Justiça por ter criado o rap Gangue da Matriz, no qual criticou o aumento de 73% que os deputados estaduais do Rio Grande do Sul concederam a eles mesmos em dezembro do ano passado. A primeira audiência, de conciliação, está marcada para o dia 22 de agosto. Se o caso prosseguir, o artista responderá a ação penal e poderá ser condenado a período de um mês a dois anos de detenção por crime contra a honra dos parlamentares.

A música, que foi divulgada pelo YouTube(vídeo no final do post) e entrou no repertório do cantor e compositor, diz frases como “36 contra 11, aí é covardia”, referindo-se ao placar da votação, “o crime aconteceu em plena luz do dia”, “subiram seus salários, me senti um otário” e “Gangue da matriz, ali no Alto da Bronze”, e cita os nomes de todos os deputados que votaram a favor do aumento. Alguns deputados ficaram indignados com os termos da letra e pediram providências ao então presidente da Assembleia, Giovani Cherini (PDT), que notificou o Ministério Público Estadual da reclamação dos colegas.

(mais…)