FOTOS: Empresa potiguar provedora de internet é vítima de atos de vandalismo e sabotagem

Cabo Telecom tem cabos de fibra óptica cortados e fornecimento de internet é interrompido em vários bairros de Natal. Fotos: Divulgação

Na tarde desta quarta-feira (30), técnicos da Cabo Telecom receberam um chamado para solucionar problemas de conexão no bairro de Lagoa Nova. Ao chegarem ao local, se depararam com cabos de fibra óptica cortados de forma proposital. De acordo com a equipe, atos de vandalismo contra a estrutura de rede e fibra óptica da Cabo Telecom passaram a ser recorrente nos últimos meses, principalmente a partir de Dezembro de 2019. Além dos registros em áreas públicas, atos de vandalismo como esse também vêm acontecendo em locais privados, como os condomínios atendidos pela Cabo Telecom em vários bairros de Natal.

Diante da ocorrência dos atos de vandalismo e sabotagem recorrentes, que prejudicam toda a coletividade de usuários, a Cabo Telecom tem comunicado todos os eventos à autoridade policial competente, para a investigação dos ilícitos e identificação dos responsáveis. Além disso, os casos também estão sendo reportados à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que é responsável pela fiscalização e regulamentação dos serviços de TV, internet e telefonia.

“O que vem ocorrendo são casos de sabotagens, em sua maioria com destruição de propriedade, principalmente dos cabos da rede de fibra óptica. Registramos ocorrências em condomínios residenciais e em fiações de rua, como no caso mais recente. O corte que identificamos ontem em Lagoa Nova, deixou usuários de várias regiões sem internet e TV por cinco horas”, explica Decio Frederico Bueno Feijo, diretor de engenharia da Cabo Telecom.

De acordo com relatório de sinistro, que registra ocorrências dessa natureza, elaborado por técnicos da empresa, moradores de condomínios residenciais relatam a presença de técnicos de empresas concorrentes e, em seguida, acontece a queda nos serviços da Cabo. As queixas ocorreram em Natal nos bairros Tirol, Candelária, Capim Macio, Ponta Negra e em Parnamirim, Emaús. O relatório também aponta que os cortes nos cabos evidenciam a existência de sabotagem, já que não há furtos e são danificados de forma específica, comprometendo o fornecimento de internet.

Os atos prejudicam tanto os clientes, que têm o serviço interrompido, quanto a imagem da empresa. “Ontem foram 15.000 pessoas atingidas pelo corte dos fios de fibra óptica em Lagoa Nova, os problemas chegaram até os clientes de Tirol, Petrópolis e até Cidade Alta”, pontua Cláudio Alvarez, diretor-presidente da Cabo Telecom

Segundo ele, essas sabotagens não afetam apenas os clientes atendidos pela rede danificada, mas todo o funcionamento da empresa. “Quando ocorre um caso como esse, toda a equipe se volta para solucionar o problema, então os demais serviços ficam suspensos. Além do prejuízo financeiro decorrente da sabotagem, a maior preocupação da empresa reside nos clientes, que ficam injustamente privados do acesso aos serviços por fatores totalmente alheios à Cabo Telecom. É importante que os nossos Clientes e toda a população saibam o que realmente ocorre, para que, na hora de contratar serviços e escolher as prestadoras, procurem empresa sérias. Nós da Cabo Telecom temos como premissa básica a maior transparência e respeito aos nossos clientes e assim será sempre”, Cláudio”.

Estação de Tratamento de Água de Cerro Corá tem operação parada por vandalismo

A Estação de Tratamento de Água de Cerro Corá, na região do Seridó, foi alvo de vandalismo neste final de semana, impossibilitando a continuidade de sua operação pela Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) pelos próximos 15 dias, período para aquisição e substituição do equipamento subtraído.

Enquanto a Estação não retoma a operação, a cidade permanece temporariamente sendo abastecida em sistema de rodízio pela Adutora Serra de Santana, com captação na Barragem Armando Ribeiro Gonçalves. O transformador da ETA foi desativado para o furto de 120 metros de cabo. A Caern pede que a população use a água disponível de forma racional, de maneira a prolongar seu uso.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Iranilson disse:

    Uma lástima acontecer isso com nossa cidade, isso só acontece pelas leis fuleiras que regem o pais, hoje nao se pode levantar a mão para um vagabundo que tem varias pessoas filmanda e defendendo esses imundos.

FOTOS: Depredações, ataques a Ministérios, vandalismo e confronto com a Polícia em Brasília

Confronto próximo ao Ministério da Agricultura impede chegada de bombeiros para controlar incêndio na área interna do prédio. Policial militar mostra bolas de gude encontradas no gramado da Esplanada, após tumulto em manifestação contra o presidente Michel Temer. Material é usado na fabricação de bombas caseiras, de acordo com a PM.

Pastas e documentos foram retirados dos ministérios da Cultura e do Meio Ambiente, que dividem o mesmo prédio na Esplanada. Edifícios foram evacuados, e há registro de dano e vandalismo em vários deles.

Interior do Ministério da Agricultura foi depredado e grupo ateou fogo em área interna do prédio.

De 35 mil a 40 mil manifestantes na tarde desta quarta-feira(24) em Brasília,

Depredações até o momento:

– Ministério do Turismo
– Ministério da Fazenda
– Ministério do Planejamento
– Catedral Metropolitana
– Museu da República
– Ministério de Minas e Energia

Com informações do G1 e Globo News

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Waldemir disse:

    Isso é simples de resolver
    E só prender quem incentivaram o quebra quebra
    Por ex LINDENBERG FARINHA
    GLEISE, FÁTIMA, VÁNESSA e outros
    Presidente da CUT MST MTST e outos aí acaba com essa baderna

  2. jarde disse:

    Depredação e tirar Direitos

  3. joao disse:

    A esquerda vai terminar com o que começou, destruir o país com fogo e armas. Vai piorar a crise, valeu PT e seus socios PSDB e PMDB. Lula que iniciou a divisao do país com seu governo de corrupcao.

  4. BELE disse:

    BEM FEITO . ISSO É POUCO PARA ESSES LADRÕES SAFADOS QUE SÓ FAZ FODER COM A POPULAÇÃO

  5. Ems disse:

    São os terroristas que dizem defender a democracia. Cadeia neles !!!

  6. LUCY disse:

    ISSO NÃO É NADA, PIOR É O QUE ESSE POLÍTICOS CORRUPTOS TIRAM DA GENTE, DEVIAM SOLTAR UMA BOMBA LÁ.

  7. Chico disse:

    Se o país tivesse um governante de vergonha, isso acabava em dois tempos. Bala e chicote

  8. Tarcísio disse:

    Tem e q cometer danos à dos bandeirantes q lá estão e danos materiais aos equipamentos públicos

  9. Lunga disse:

    Botem fogo em Brasília!!!
    #FOGONABABILONIA

Vândalos cortam cabos e deixam moradores da Zona Norte sem internet

O blog acaba de ser informado que um grande número de moradores da zona Norte de Natal está sem internet e o motivo é, lamentavelmente, a ação de vândalos.

De acordo com o que o blog apurou, criminosos cortaram os cabos de fibra ótica que atravessam a Ponte de Igapó e deixaram moradores de várias operadoras sem sinal. O blog recebeu a notícia de que as empresas já estão registrando os boletins de ocorrência para que a Polícia possa investigar e identificar quem são os responsáveis pelo ato de vandalismo porque isso vem sendo recorrente.

Ou seja, as pessoas de bem pagam suas contas em dia, as empresas que investem em qualidade prestam o serviço e vândalos vão lá e, ao bel-prazer, prejudicam a vida de todos. Lamentável. Ainda bem que a polícia já está investigando para identificar esses vândalos.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. JOAO MARIA disse:

    se quando pegasse uma bandido deste, corta-se as duas mãos, ai eles pensariam um pouco antes de fazer de novo, mais não deve ser algum adolescente que nem pode ser preso muito menos levar uma surra e tirar as duas mãos, que tem os defensores destes bandidos de plantao

  2. Junior pinheiro disse:

    O problema é serem punidos!!! Com essa lei nossa!!!

  3. Newton disse:

    Com a melhor do Brasil não teve problema

  4. Newton disse:

    Tenho CABO TELECOM a numero 1 do Brasil e essa tudo normal.

  5. Alex disse:

    Verdadeiro absurdo, mais um retrato da impunidade! Além de tudo, esses reparos causaram enorme transtorno no trânsito.

  6. Andrea disse:

    Aqui tenho cabo telecom e está normal

FOTO(VANDALISMO DE MINORIA PODE CUSTAR CARO): Cadeiras quebradas por torcedores vai pesar no bolso do ABC

ABCFoto: Divulgação

O Arena das Dunas fará um levantamento dos prejuízos causados no último sábado (9), no jogo entre ABC e Vasco, em que acabou com a vitória do time carioca pelo placar de 2 a 1. Infelizmente, uma minoria de torcedores alvinegros, revoltados com o resultado negativo, quebraram várias cadeiras do estádio.

Após o levantamento o estrago, a administração da Arena deverá descontar dos valores que serão repassados ao ABC, referente a renda do jogo. Não bastasse o prejuízo para o clube potiguar, não será um espanto se o caso for denunciado ao STJD.

Com informações do Jornal de Hoje

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Silvio disse:

    A foto mostra claramente a torcida em pé nas cadeiras. Tem que explicar para que serve cadeira.

  2. George disse:

    Prezado Eduardo Campos, o meu comentário a matéria também e bastante claro, basta saber ler português para entender. Não fiz defesa de quem quer que seja, da mesma maneira que não seria irresponsável de chamar ninguém de marginal aleatoriamente ou de acusar alguém de ser pior que meliante. Seja mais responsável com seus comentários e respeite quem pensa de maneira diversa.

  3. Carlos disse:

    Parabéns a essa torcida que está mostrando que realmente preserva o clube. Esta na hora de deixar de privilegiar esses meninos tão educados e responsáveis para dar lugar as famílias. Acorda diretoria.

  4. Eduardo Campos disse:

    Caro George
    A manchete da matéria é clara. MUITO CLARA por sinal. Querer fechar os olhos para existência de marginais em nossas torcidas (ABC e América) é pura ignorância. Você, George, como torcedor deveria fazer o seu papel de cidadão e denunciar os marginais que afugentam as pessoas de bem dos estádios. E digo mais, fazer defesa dessas pessoas lhe torna pior que os meliantes que promoveram essa desordem.

  5. FRASQUEIRINO disse:

    Dessa vez reconheço e aplaudo o seu comentário, Maurício.

  6. George disse:

    Na imagem se vê uma unica cadeira quebrada. A informacao de que varias cadeiras foram quebradas e a ilacao de que tal fato decorreu da revolta com a derrota e unicamente de quem escreve a matéria. O que se viu no estadio foi a torcida aplaudindo o time no final do jogo e nao qualquer revolta.

  7. mauricio disse:

    O ABC TEM QUE PEDIR O VIDEO PARA IDENTIFICAR ESSES MARGINAIS TRAVESTIDOS DE TORCEDORES.

LINHA DURA: 16 ativistas são indiciados pela Polícia por vandalismo na Câmara, em outubro do ano passado

A Tribuna do Norte nesta sexta-feira (25) destaca que o 1º Distrito Policial concluiu e enviou ao Ministério Público Estadual o inquérito sobre a ocupação da área de entrada da Câmara Municipal de Natal, promovida por integrantes do “Movimento Passe Livre”, ocorrida em outubro de 2013, que se estendeu por 10 dias, paralisando e causando prejuízo aos trabalhos legislativos, sem contar a depredação nas paredes, muros, porta e ainda um busto do Frei Miguelinho, que dá nome ao prédio.

Segundo a reportagem, a delegada Rossana Pinheiro concluiu o inquérito pelo indiciamento de 16 pessoas, acusadas dos crimes de depredação do patrimônio público, formação de quadrilha e falsidade ideológica.

Ainda segundo a reportagem, 14 dos indiciados são por depredação do patrimônio público, dos quais dois respondem também por falsidade ideológica, além de outros dois que são acusados apenas de falsidade ideológica. Todos são indiciados por formação de quadrilha.

Mais detalhes clicando a seguir na matéria na íntegra em http://www.tribunadonorte.com.br/noticia/policia-indicia-16-ativistas-por-vandalismo-na-camara-em-2013/288701

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. HAILTON disse:

    SABER REIVINDICAR E UMA COISA ,FAZER BADERNA E OUTRA,NÃO SÃO ATIVISTA SÃO MENSALISTA.BANCADOS POR POLÍTICOS DA MESMA CATEGORIA.

  2. Observador disse:

    Ativista é uma coisa. Baderneiro é outra.

FOTO(Vergonhoso): Vândalos voltam a rasgar bandeiras da Copa em passarela de Natal

IMG-20140529-WA0000

Foto: Cedida

Marginais voltaram a atacar as bandeiras de países participantes da Copa do Mundo, instaladas nas passarelas de Natal. Após o episódio na semana passada entre o Natal Shopping e o Via Direta, os vândalos atacaram, dessa vez, a passarela de Potilândia, próximo ao estádio Arena das Dunas. O crime provocou estragos, como mostra a imagem acima. Independente do evento, o natalense, educado e hospitaleiro como é, orgulhoso das belezas de sua cidade, e que já vive o clima do maior evento futebolístico da Terra certamente não pactua deste ato grosseiro, vergonhoso  e de responsabilidade de uma minoria. Enquanto não houver uma fiscalização 24 horas no trecho, infelizmente, novos estragos poderão aparecer.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Gustavo disse:

    Pronto… Agora que fizeram isso não vai ter copa, a imagem do Brasil no exterior vai melhorar e os hospitais e escolas serão todos reformados, não teremos mais assaltos e mortes… Tudo vai mudar no país. Parabéns aos Srs. Marginais.

  2. TITICO disse:

    ISSO É FRUTO COLHIDO DA ROSA, GARÍ, JÁJÁ, MICARLA E O RESTO DA CAMBADA. A OPOSIÇÃO DE HOJE É ASSIM, TERRORISTAS E FASCISTAS DE DIREITA.

  3. Rafael Vale disse:

    São Marginais, puro vandalismo, falta de educação e civilidade, e o pior é ver que certos comentários no blog, onde se espera um pouco mais de instrução por parte dos leitores, são no mesmo sentido, uns apoiando outros justificando.

  4. Concordo disse:

    É pra se fuder e sair rindo! Enquanto reclamam desse tipo de vandalismo, nessas decorações bizarras para essa copa descabida, esquecem do vandalismo do governo contra a saúde publica, do vandalismo dos políticos contra os cofres publicos e contra tudo que REALMENTE AFETA a população. Enquanto decorações exdruxulas forem mais importantes e comoventes do que saude, educação e segurança, nós realmente nao iremos pra frente! (2)

  5. Luciana disse:

    Lamentável. Muito lamentável. E isso só faz gastar mais ainda nosso dinheiro. Não é assim que se protesta, que se mostra indignação.

  6. luiz disse:

    É pra se fuder e sair rindo! Enquanto reclamam desse tipo de vandalismo, nessas decorações bizarras para essa copa descabida, esquecem do vandalismo do governo contra a saúde publica, do vandalismo dos políticos contra os cofres publicos e contra tudo que REALMENTE AFETA a população. Enquanto decorações exdruxulas forem mais importantes e comoventes do que saude, educação e segurança, nós realmente nao iremos pra frente!

  7. Filipe disse:

    Esses MARGINAIS é pra levar cacete da polícia. Cambada de VAGABUNDOS!!!

  8. Luciano disse:

    Macacos ficariam envergonhados com essas "bactérias"……

  9. Candido disse:

    Estavam querendo o quê?
    Somos o país onde se faz de conta que existe ensino público.
    Se faz de conta que existe saúde pública.
    Se faz de conta que existe segurança pública.
    Se faz de conta que temos condições de recebermos um evento como uma copa do mundo, então as consequências vão, aos poucos, aparecendo.
    Enquanto isso, a classe política tem uma só preocupação: As suas eleições!!!
    Estão reclamando de quê????

    • Ricardo disse:

      O pior é que tem gente que vive num mundo diferente do que realmente o Brasil é, a saber, um país de terceiro mundo com sérios problemas de identidade social e dominado pelo crime e corrupção. O povo vem se preocupar com enfeites rasgados…

    • Israel disse:

      Apoiado……Parceiro….Esporte Sim…Corrupção nÃO…Queremos Hospitais ,Salários,Segurança Tudo PADRÃO fiFA

  10. Mauro disse:

    Vergonhoso mesmo. É o caso da Prefeitura acionar a Guarda Municipal, pois a polícia, como sabemos, já tem muito com o que se ocupar.

  11. marcelo disse:

    Fico imaginando quando é que teremos um povo educado e civilizado em nosso país. De que adianta sermos a 6ª econcomia do mundo ou coisa parecida, se não temos educação. Que vergonha receber os estrangeiros e eles constatarem qual é o nosso nível de cidadania.

  12. Rafael disse:

    O texto falou a palavra correta: MARGINAIS. São pessoas completamente ignorantes. Agora vão ter que gastar mais dinheiro para fazer novas bandeiras, além de tirar mais policiais das ruas para ter que ficar vigiando os enfeites da copa.

Vândalos estão rasgando bandeiras dos países da Copa em passarela de Natal e miram em outros objetos

Vândalos estão rasgando as bandeiras dos países participantes da Copa que a prefeitura colocou na passarela que liga o Via direta e o Natal Shopping.  Ontem, por exemplo, apenas uma bandeira estava rasgada. Hoje já são 6 bandeiras.

Informações de populares obtidas em pontos de ônibus, por exemplo, dão conta que os marginais pretendem até destruir iluminações especiais para o evento.

Hora da Polícia redobrar a atenção a atos que nada somam para a cidade, e prender todos os envolvidos. Uma minoria não pode prevalecer sobre uma cidade de pessoas educadas, independente de realização de qualquer tipo de evento.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bruno disse:

    Nossa, que absurdo! Como alguém rasga uma bandeira? É um vândalo!

    QUE BLOG SENSACIONALISTA! Bota a polícia dentro do teu quarto!

  2. João disse:

    Acho que o exército deveria estar nas ruas. Só assim nos sentiríamos mais seguros. Já fazemos isto nas eleições, custa nada mais colocar o exército para inibir e prender estes marginais.

  3. luiz disse:

    Errado depredar. Mas fica a pergunta.

    E QUANTO AOS VÂNDALOS QUE "INSTALAM" PLACAS PARA CAIR SOBRE CARROS E PEDESTRES?

    QUEM SÃO OS iRRESPONSÁVEIS?

    PARABÉNS PELA DIVULGAÇÃO, natal saiu até na página principal da globo.com

  4. critiano disse:

    Tudo tem limite, chega de baterna.

Lamentável(FOTOS): estrutura de árvore de Natal na zona norte é depredada e tomba

Por interino

18176A árvore do Panatis, Zona Norte, que estava sendo montada e tinha previsão de ser acesa nesta terça-feira (10), foi vítima da ação de vândalos que retiraram parafusos da base que sustentam a haste principal, fazendo com que a estrutura tombasse. Embora a empresa contratada já tenha feito a reposição de parte do material furtado e recomeçado o trabalho de reposição da torre, o prazo para acender a árvore da Zona Norte, segundo a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur), será prorrogado em 10 dias.

A decoração natalina de acordo com a Semsur tem sido alvo da ação de vandalismos e furtos. Os últimos atos atingiram a decoração da Avenida Engenheiro Roberto Freire, em Ponta Negra e a árvore da Zona Norte. A estrutura metálica de 60 metros de altura que estava sendo montado, na praça de eventos do Panatis, na zona Norte, tombou durante a madrugada desta segunda-feira (9). A queda aconteceu porque os parafusos da base que sustentam a haste principal foram retirados. A Semsur já solicitou a elaboração de um laudo técnico para identificar se os parafusos foram arrancados numa ação de vandalismo ou se foram furtados.

As Avenidas Engenheiro Roberto Freire e Salgado Filho foram alvo de vandalismo. Na Avenida Hermes da Fonseca, 20 refletores e mais de 15 peças decorativas foram roubados, na BR-101 levaram mais de 300 metros de cabos e na avenida Engenheiro Roberto Freire, 110 metros de cabos. No final da tarde do domingo (08) o jornalista, Walter Medeiros, flagrou mais de 130 metros de fios roubados da iluminação natalina jogados no calçadão de Ponta Negra. Esse quantitativo representa um prejuízo de R$ 85.600,00.
6460
Segundo o secretário de Serviços Urbanos, Raniere Barbosa, as ações têm causado danos ao erário público. “Esse tipo de ação além do prejudicar os cofres públicos tem atrasado o nosso trabalho para finalização da decoração natalina. Outro fator prejudicial são os apagões provocados pelos furtos que deixam vários pontos da cidade às escuras”, declara.

Com assessoria

Dilma pretende unir esforços com outros estados para coibir o vandalismo nos protestos

TUK1510-EditA presidente Dilma Rousseff voltou a criticar a violência nas manifestações de rua e considerou “muito significativa” a reunião realizada ontem em Brasília, na qual foi decidida a criação de um grupo de inteligência formado pelo Polícia Federal e pelas secretarias de segurança do Rio e de São Paulo, para combater o vandalismo durante os protestos. Em entrevista concedida na manhã desta sexta-feira a duas rádios de Salvador, Dilma adiantou que pretende incluir todos os estados na ação anunciada após o encontro de ontem, que reuniu o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e os secretários de segurança do Rio, José Mariano Beltrame, e de São Paulo, Fernando Grella.

— Nós devemos punir integralmente o uso da violência, e mais do que isso, o fato de que o uso dela se dá tampando a face das pessoas. Destrói o patrimônio público e privado, provoca ferimentos, machuca e mostra, não a civilização e a liberdade da democracia, mas a barbárie. Por isso, elas têm que ser coibidas. E têm que ser coibidas por todos os poderes — afirmou, completando: — Assim sendo, achei muito significativo o que nós fizemos ontem em Brasília. Nós fizemos ontem uma primeira reunião e pretendemos fazer isso em todos os estados. Essa reunião foi basicamente para definir ações coordenadas entre as polícias, definir métodos e formas de atuação.

A presidente voltou a enfatizar que manifestações pacíficas “são fundamentais”, mas que o uso de violência nos protestos será punido integralmente. E citou que, em vários lugares do mundo, o método para combater o vandalismo é “isolar os manifestantes, segregá-los e deixar claro quem são, prendê-los, obviamente, e processá-los”.

Durante a entrevista em Salvador, onde esteve para inaugurar a Via Expressão Baía de Todos os Santos, Dilma repetiu a palavra “fascista”, usada por um dos entrevistadores para qualificar o vandalismo registrado nas manifestações.

A aliança que sustenta o governo vai além do PMDB

Ao falar sobre política, após ser questionada sobre problemas na aliança entre PMDB e PT, Dilma destacou a importância da parceria, mas deixou claro que a sustentação política do governo não depende apenas do PMDB, numa espécie de recado aos dirigentes do partido do vice-presidente Michel Temer.

— A aliança (PT e PMDB) é muito importante para o governo federal. No entanto, não só só esses dois partidos que participam da aliança. Nós temos uma grande aliança partidária que sustenta o meu governo, seja do ponto de vista da governabilidade do parlamento, seja do ponto de vista também dando respaldo à gestão. Então, é uma aliança formada por um bloco de partidos. Agora, a política nacional do meu governo se sobrepõe a qualquer aliança regional. O que vale é a política nacional e a política de alianças nacional. Se houver problemas que podem interferir na aliança nacional, vão ser tratados como uma questão nacional, mas aí você tem que me dar o fato concreto. O fato concreto é que o que é regional tem que ser resolvido regionalmente.

O problema do Jaques Wagner é a alma baiana dele

Ao falar sobre a importância da Bahia, para justificar as idas frequentes ao estado, Dilma lembrou que, além de ser a quarta unidade da federação em população e em área do país, é governado pelo pestista Jaques Wagner, a quem Dilma chamou de “amigo”. Foi a deixa para um dos entrevistadores perguntar se, de fato, ela vai levá-lo para trabalhar em Brasília.

— Entre a minha vontade de querer levar ele para Brasília e ele ir para Brasília vai uma grande distância. Agora, sempre que eu puder tê-lo perto de mim, porque eu tenho grande admiração pelo governador e tenho uma amizade profunda, eu gostaria que ele fosse me ajudar sempre que possível lá em Brasília. Mas eu entendo as responsabilidades dele para com o povo baiano. O Jaques talvez seja o mais baiano de todos os baianos. E isso porque ele nasceu no Rio de Janeiro. Mas as eu acho que ele nasceu baiano, ele nasceu errado. Eu acho que ele nasceu aqui e levaram ele para lá (aos risos). O problema do Jacques é que a alma dele é baiana, né… Mas, voltando ao que a gente estava conversando…

O Globo

Albert Dickson não alivia em depoimento e pede punição exemplar de envolvidos em atos de vandalismo na CMN

Na manhã desta quinta-feira (31), o presidente da Câmara Municipal do Natal, vereador Albert Dickson (PP), compareceu à 1ª DP, no bairro de Cidade Alta, zona leste de Natal, para depor sobre atos de vandalismo na Câmara Municipal de Natal durante ocupação de manifestantes que cobram o passe livre nos transportes públicos de Natal. Como anunciado desde a desocupação da Casa, ele pediu punição exemplar dos envolvidos na onda da depredação no local.

Albert Dickson ainda entregou imagens em fotos e vídeos da fachada do Legislativo e enumerou os prejuízos causados pelos atos de vandalismo.

Manifestantes do Passe Livre promovem quebradeira e pichações na CMN e ainda interditam rua

90cb2d70ab9050446fa027005be8f3e5FOTO: Revista BZZZ

Após o maioria dos vereadores manter o veto do prefeito Carlos Eduardo sobre o projeto do Passe Livre, na noite dessa terça-feira (15), manifestantes do movimento arrombaram o portão do estacionamento lateral da Câmara Municipal de Natal e provocaram tumulto.

Além do episódio do portão, os manifestantes, cerca de 50, ainda depredaram uma parte da fachada principal da CMN, como vidraças, e ainda fizeram várias pichações no prédio.

Segundo a Guarda Legislativa e imagens que circulam pelas redes sociais, os manifestantes ainda atearam fogo em lixo e fizeram barricadas nos portões do estacionamento da Casa. Na ocasião, ainda houve uma tentativa de invasão do local, porém, impedido pelo cordão de isolamento dos guardas.

Nesta quarta-feira (16), os manifestantes colocaram uma tenda na rua Jundiaí, interditando um trecho da via. Na casa são várias as faixas e bandeiras pelo Passe Livre.
BWtYSUvIYAAZAIL.jpg largeFOTO: Kennedy Diniz

Banheiro do Setor II da UFRN vira zona em ato de vandalismo polêmico

Índice1 ÍndiceUm protesto realizado por um grupo de jovens, nessa quinta-feira (15), em banheiros do Setor II da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) tem sido um dos assuntos mais discutidos nas redes sociais desde este fim de semana. As imagens, em sua maioria impublicáveis, revelam a formação de um grupo, até então desconhecido. As imagens foram captadas do Blog Afetadxs.

Na ocasião, os locais foram depredados por supostos estudantes, alguns (a) seminus, que promoveram cenas de vandalismo, com pichações nas paredes, chão, pias, vasos sanitários, além de velas acesas, como uma espécie de ritual.

“Os alunos respeitáveis e professores e funcionários respeitáveis insistem em perguntar: “mas o que vocês querem?” A pró-reitora respeitável pode ser que também venha, a qualquer hora, para anotar nossas reivindicações, ainda que nós não reivindiquemos nada além do que já fizemos, ainda que não queiramos nada que já não tenhamos feito por conta própria: a instauração de um banheirão como zona política pós-gênero e sexodissidente. Queremos autonomia e a autonomia não se reivindica, ou é agida ou não é. Não queremos pedir nada aos homens de verdade nem às instituições que chancelam seus privilégios. Porque documentos timbrados de nada adiantam, são meros pedaços de papel aos quais a burocracia das instituições confere poder; meros pedaços de papel assinados que não vão nos defender de um agressor quando for necessário fazê-lo”, protestou o grupo, em parte de  uma publicação no blog.

O ato de vandalismo em tom irônico, provador e agressivo, em algumas ocasiões, ainda não teve um posicionamento da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. É gritante a curiosidade do potiguar sobre o manifesto da última quinta. Afinal, o que foi aquilo?

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Robson disse:

    É serio que é assim que meu dinheiro é gasto ? reformando banheiro para vândalo quebrar ? É serio que esse pessoal que não sabe nem escrever corretamente é aluno da UFRN ??? É serio que esse pessoal que quebra banheiro e escreve palavrão é aluno de uma universidade federal ???? é serio ??? é serio que esse são os alunos que uma intuição federal vai mandar para o mercado de trabalho ???? é serio ????? MEU DEUS ONDE A EDUCAÇÃO DESSE PAIS FOI PARAR ?????????

  2. Sergio Nogueira disse:

    Infelizmente e sem qualquer justificativa a UFRN mantém sub-cursos que fomentam esse tipo de postura. A moça que aparece na foto tão corajosa da retidão do que ela fez esconde o rosto tal qual um bandido.
    Aguardemos a posição da Reitora, mas acho que nada fará para condenar o ato já que em passado recente ela publicou nota de apoio aos terrorantes que impediam o direito de ir e vir de toda a população de Natal. Ora, quem apóia um ato que tornou a cidade refém, vai se incomodar com um sanitário riscado?
    Só queria saber se nas casas dessa mundiça o banheiro é "uma zona política pós-gênero e sexodissidente" seja lá o que isso signifique.
    O que maconha não fizer…

  3. paulo kasinsk disse:

    Fato é que faz tempo as gerações nascem e morrem órfãs de um sonho. Um dia desses a expectativa de vida era de 40 anos, e morria-se fácil de tuberculose. Hoje se tem tudo à mão. Como aqui é só um comentário, e não um tratado de sociologia, essa é apenas uma pequena amostra de como boa parte dessa geração, não são todos, desperdiça sua vida, mesmo desfrutando de todas as facilidades do mundo moderno. Não há ideal? Não há o que perder. Vegeta-se numa outra existência inventada. A falta de um intelecto bem-formado leva a esse tipo de barbárie: não sabe pensar, não sabe elaborar, não sabe questionar, não saber propor, não sabe apontar, não sabe criar e, portanto…, que tal quebrar? Não se engane: neste banheiro aí estão pedacinhos dos 40% de impostos que um desvalido pagou por um kilo de feijão lá em Serra Negra do Norte. E que só por obra do destino seu filho terá acesso à universidade. Faz tempo que este país assimilou a “dança da cordinha”; não à toa, Sheila Carvalho, junto àquele tribufu que pegou o marido dela, foi notícia até na maior rede de televisão do país. Faltam cérebros neste país: a literatura faz tempo que deixou de produzir algo que preste, o cinema é uma paródia, a música patina e o teatro vai mais ou menos. Mas a indústria de shopping center vai bem que é uma maravilha.

  4. Ricardo disse:

    Isso aconteceu na instituição educacional padrão do nosso estado??? Por essas e outras que a UFRN vem perdendo força perante a opinião publica e a classe empresarial do estado em contra partida da universidades privadas que vem crescendo em notoriedade e empregabilidade.

    • Rafael Vale disse:

      A UFRN vem perdendo força perante a opinião pública e a classe empresarial do estado em contra partida da universidades privadas que vem crescendo em notoriedade e empregabilidade?
      Em que mundo esse Ricardo vive? Deve ser mais um frustrado que não conseguiu ingressar na UFRN e teve que se contentar com a universidade privada e agora tenta vender a imagem que o ensino nessas universidades pagas presta.
      Em qualquer padrão de avaliação os cursos da UFRN estão em um patamar muito acima dos cursos das universidades pagas, repito em qualquer padrão de avaliação e desafio alguém mostrar o contrário.
      No curso de Direito basta pegar a avaliação do MEC e os resultados de aprovação na OAB, chega a ser ridícula a discrepância.
      Um aluno mediano no curso de engenharia na UFRN seria laureado na universidade paga.

    • primo das primas disse:

      Olha meu caro, se a mensalidade de uma universidade privada fosse 65 mil reais por mes, o curso seria de excelencia a nivel mundial. Quando voce tiver oportunidade de pegar o jornaleco da UFRN que trata do custeio e investimento para formar 20 alunos por semestre no novo curso de medicina em currais novos, calcule quanto custará um aluno e poste aqui. De fato, alguns cursos caríssimos da UFRN tem que ser no minimo bom. Fui aluno da UFRN, aluno do IFRN e sou aluno de faculdade privada, e digo com sinceridade que a universidade publica é cara, pouco eficiente quando se trata de apenas graduar. As pesquisas realizadas nessas faculdades sao caras, fracas quando comparadas a outros países. Pela historia da UFRN quando comparada as novissimas faculdades privadas, de fato nao dá para comparar, porem é questao de tempo para que essas faculdades privadas colocarem a UFRN na fossa. Devemos ter o bom senso que a universidade publica deveria ser paga e mantida com o valor de mensalidades; gratuita apenas para quem nao pode pagar. Ser publico nao quer dizer gratuito meu caro, daí que esses vagabundos entram numa universidade "gratuita" por diversas portas e ficam desperdiçando dinheiro do contribuinte dessa forma. Culpa dessa ideologia socialista ridícula e anarquista, o que é privado e filantropo será melhor neste país em pouco tempo.

    • Ricardo disse:

      Pesquisa revela que 77% dos executivosde grandes empresas saíram das faculdades particulares
      http://www2.uol.com.br/aprendiz/n_noticias/ensino_superior/id180302.htm#1
      http://veja.abril.com.br/200302/p_100.html

      77% dos executivos jurídicos cursaram faculdades privadas
      http://leisenegocios.ig.com.br/index.php/2011/12/28/77-dos-executivos-juridicos-cursaram-faculdades-privadas/

Cenas deprimentes de vandalismo da torcida do River Plate após o rebaixamento

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. joao maria de andrade lima disse:

    não é por causa de uma eliminação e consequentemente passar para a 2a divisão que tal comportamento por parte daqueles que se dizem torcedores do River protagonizem um espetáculo indigno de 110 anos de história e glória do River, sou torcedor do River e estou muito triste por seu descenso mas repudio as atitudes tresloucados de gente irreponsável que diz amar este clube, torço para que o mesmo esteja futuramente na 1a divisão argentina, desde que seja feito um planejamento sério e honesto para que os verdadeiros e fiéis torcedores do River venham a ter novamente a alegria de ver seu time junto com os maiores como sempre foi.