Ladrão mata jovem por causa de celular na Zona Norte

A jovem estudante Maria Karoline, de 19 anos, estudante do curso de Turismo na UFRN, foi assassinada no final da tarde desta quarta-feira (20). Ela foi vítima de um latrocínio (roubo seguido de morte), na Avenida Itapetinga, no no bairro Potengi, zona Norte de Natal.

De acordo com informações obtidas pelo blog, a jovem estava caminhando juntamente com a irmã na Avenida Itapetinga, quando foi abordada por dois homens que estavam em uma motocicleta. Os criminosos pediram os celulares das duas. As duas entregaram sem reagir. Mesmo assim, um dos bandidos atirou nela.

Maria Karoline foi alvejada com um tiro na cabeça e outro no tórax. Após os disparos, a dupla fugiu. O Serviço de Atendimento Móvel (Samu) foi acionado, mas quando chegou a jovem estudante já estava sem vida.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Fernando Segundo disse:

    O GOVERNADOR DA SEGURANÇA FRACASSOU!!!

  2. paulo disse:

    BG
    Enquanto nós CIDADÃOS não extirparmos essa classe politica OMISSA,CONIVENTE,IRRESPONSÁVEL,NEGLIGENTE,CORPORATIVISTA,ENGANDORA,MENTIROSA,PODRE e uma infinidade de adjetivos, enterraremos nossos JOVENS e CIDADÃOS trabalhadores cumpridores dos seus deveres,pagadores da maior carga tributaria do MUNDO para sustentar esse MALANDROS escondidos nos "gabinetes" com ar-condicionado , motoristas, auxilio palito, auxilio moradia. ISTO É UM ESCARNIO com a população abandonada deste País chamado Brasil.

  3. caio fabio disse:

    Governo incompetente, inerte. Chega de "barbie" e embromations.

  4. Paulo disse:

    Culpa do "direitos dos manos" Que policial que vai agir preventivamente, se em uma abordagem não pode mostrar arma, não pode isso, não pode aquilo. Como é que você vai chegar pra fazer revista em alguém sem poder mostrar arma nem nada. Vida de policial é difícil, imagine a tensão de você pensar que ali pode ter um bandido armado e ainda é criticado nas abordagens? Aparece um monte de gente na hora pra filmar e tirar foto dizendo que é policia racista, policia assassina e no final o policial que responde a um processo administrativo.
    Tem é que acabar com esse mimimi de vitimismo e revistar mesmo as pessoas.

  5. Paulo disse:

    Culpa do "direitos dos manos" Que policial que vai agir preventivamente, se em uma abordagem não pode mostrar arma, não pode isso, não pode aquilo. Como é que você vai chegar pra fazer revista em alguém sem poder mostrar arma nem nada. Vida de policial é difícil, imagine a tensão de você pensar que ali pode ter um bandido armado e ainda é criticado nas abordagens? Aparece um monte de gente na hora pra filmar e tirar foto dizendo que é policia racista, policia assassina.
    Tem é que acabar com esse mimimi de vitimismo e revistar mesmo as pessoas.

  6. Diego disse:

    Alguém já viu a mídia brasileira exaltar um policial? Quando foi que o Fantastico mostrou pela ultima vez um policial heroi?
    É comum ver na CNN os americanos condecorarem policiais com honra como fizeram aos que mataram os terroristas de Boston.
    Aqui só se dá destaque aos corruptos e bandidos. Outro dia a corregedoria puniu dois soldados que obrigaram bandidos a carregar uma freezer que haviam roubado, porque isso era degradante. Tá de brincadeira?!
    Lamento mais o prognóstico é de que o atraso e mediocridade de nossa sociedade e todas as mazelas que resultam delas ainda vão levar gerações para desaparecer.
    Enquanto isso ainda vamos colher muito dos valores que plantamos.

  7. Chico disse:

    Inadmissível. Até quando? A sociedade natalense acompanha passivamente e os nossos governantes assinam mais um atestado de incompetência sem precedente. Natal, cidade linda por natureza e uma das mais violentas do Brasil. Quem tiver condições, pode arrumar a mala e morar em outras terras, pois quem está na rua corre perigo de morte. Estamos fritos!

  8. Claudinho disse:

    Como a vida aqui nessa bagaça não vale p…. nenhuma mesmo, não é? Fazer zoada por causa de centavos boa parte faz, mas lutar pela segurança, saúde, educação, VIDA, haha… ninguém nem se atreve jogar pedra na porta do Midway…

  9. Marcus disse:

    Nao vamos atrapalhar o veraneio… do Governador da seguranca….

  10. Bueno disse:

    O RN precisa de alguém de pulso , alguém que não tenha medo de enfrentar primeiro os defensores dos "direitos" mais conhecidos como hipócritas. Esses nunca perderam parentes vitimas de menores ou de bandidos que a policia prende e com meia hora tão soltos cometendo delitos novamente. Esse governador é fraco infelizmente. É igual aos outros políticos que sabem falar mas não sabem agir. Decrete calamidade na segurança, chame a força nacional o exercito mas faça alguma coisa ou ira começar uma matança sem precedentes no RN. Hoje tanto faz ser cidade grande, pequena ou um sitio da zona rural, não existe segurança, certo que temos uma legislação capenga mas pior é ser omisso, isso acentua muito mais a impunidade. Acorde governador ou o Sr poderá chorar as dores que muitos choram já que eles não escolhem mais a quem matar.

  11. Edu disse:

    Porque este caso não teve a mesma repercussão e comoção popular que o recente e lamentável assassinato da Gizela Mousinho, dois atos de pura crueldade e barbárie que mereciam o mesmo tratamento da opinião pública, imprensa e empenho da Polícia em punir os culpados.

  12. Sergio Nogueira disse:

    Vamos dar moleza pra vagabundo. Cheios de direitos, regalias e defensores fazem o que querem porque sabem que haverá quem lute para que o período na prisão, se houver, já que o Judiciário descobriu a roda com a Audiência de Custódia, seja o menor possível.
    O Estado não tem competência para manter presos essas nulidades mas tem para botar a Defensoria Pública para conseguir o menor castigo possível.

  13. José Avelino disse:

    Se não mudar tem que ter uma intervenção no estado, pois estamos sem comando, com um governo fraco, sem poder de reação.

  14. Lena disse:

    Gente isso ta um caso sério , não podemos usufruir de um direito que temos o de IR e VIR , ta faltando intervenção mais rígida , a bandidagem ta grande , só Deus pra cuidar da gente ….

  15. André disse:

    O governador em todos suas entrevistas de final de ano era dizendo que a segurança tinha melhorado, ridículo , está aí o resultado , fugas , mortes e assaltos nas praias , no centro na zona norte na zona sul , não conseguem fazer o básico que é deixar o bandido preso .

  16. Douglas Santana Meireles disse:

    Esses criminosos devem ser fichados e estão soltos matando covardemente as pessoas de bem. Da mesma forma como aconteceu com os turistas norueguêses os criminosos são fichados e estão soltos cometendo crimes que afetam sobetudo as vítimas diretamente e a sociedade em geral. Principalmente pra quem vive do turismo.

  17. Jiordano disse:

    Temos que reagir a essa situação, não podemos ficar de braços cruzados…

  18. Maria da Conceição disse:

    Gente, pelo amor de Deus!/Vamos suplicar leis mais severas ao nossos Deputados… É inadmissível uma situação dessa. Como esse pai, essa mãe, essa irmã estão agora? Leis e políticos frouxos deixam a população a mercê. Vamos nos revoltar! Que coisa mais absurda e triste! Caraaaamba!

  19. Larissa disse:

    Ou a polícia começa a matar esses monstros, ou não teremos paz nunca mais. Só assim vai resolver.

  20. JOAO MARIA disse:

    Enquanto não tiver pena de morte para este tipo de bandidos a situação já estar pessima e com certezxa vai piorar neste pais de impunidade

  21. roseane disse:

    Aonde vamos parar com tanta criminalidade aqui neste país e em especial o RN?.

  22. Osvaldo disse:

    Governador, dê uma justificativa à sociedade. Ninguém aguenta mais essa selvageria. Emita uma nota pedindo desculpas pela sua ineficiência… Seu fracasso como "governador da segurança". Bandidos cavando túnel à luz do dia e nada é feito? Arrastões, latrocínio e homicídio é o dia a dia dessa cidade.

  23. Rodrigues disse:

    Sinceramente eu não sei mais o que está faltando para as autoridades botar moral nessa merda. É revoltante, é casa de juiz sendo assaltada, é turistas assaltado é uma bagunça só, ninguém pode mais sair de casa que está vulnerável, tem que pedir a Deus para não está no lugar e na hora errada, porque se não vai acontecer. E esses bandos de calça frouxa não faz nada? Entregue a porra desse Estado por dois finais de semana, A quem tem CORAGEM ( MILITARES) que dão um jeito, tá faltando ORDEM, Governo civil é fraco, divulgam umas estatísticas fajuta e vão enrolando a população onde na prática o que se vê é o contrário, faltando ordem. Tá mais do que comprovado, de Norte a Sul do Brasil. Como está, não pode ficar. Tá imoral passando de todos os limites.

  24. Junior disse:

    O povo merece se fuder!

    E acredita que vai continuar assim e ninguém vai se mexer??
    Kkkkk

    O povo do RN é parado! Parado até demais!
    Tem preguiça até de lutar pelos seus direitos!

    Por isso que eu afirmo! Todos merecem se fuder!

  25. Adalbetto disse:

    RN sem controle. Governador, decrete a calamidade na segurança do estado do RN. Situação insustentável.

  26. charles disse:

    Cadê o governo da segurança?

  27. Potiguar disse:

    Pelo amor de Deus, os cidadãos do RN estão sendo CAÇADOS pela bandidagem. Tá na hora de uma revolta geral por parte da população porque ninguém sabe onde essa "guerra civil não declarada" vai terminar.
    A situação é muito preocupante.

FOTOS: Homem confessa à Polícia Civil matar vigilante em latrocínio em Natal

Kessi-Jones-da-Silva-Fraga,O delegado Luiz Lucena, titular do 14º Distrito Policial, ouviu na manhã dessa terça-feira (26) o acusado de praticar um latrocínio contra um vigilante no bairro de Felipe Camarão, próximo à linha férrea, crime ocorrido na manhã do último dia 05 de novembro. Kessi Jones da Silva Fraga, de 21 anos, confessou ter participado do crime para roubar uma moto.

O acusado havia sido preso na semana passada por policiais da Rocam, no bairro Planalto, de posse de uma arma e de uma moto roubada. As investigações da Polícia Civil apontam Kessi Jones como sendo uma dos autores do latrocínio. Na delegacia, Kessi Jones confessou o crime, mas negou ter efetuado o tiro que matou Paulo Francisco de Oliveira, de 56 anos, que na ocasião reagiu ao assalto.

“Ele disse que quem deu o tiro na vítima foi o comparsa dele conhecido como Tandinho, que foi morto recentemente na cidade de Macaíba, mas estamos investigando essa versão”, contou o delegado.

Segundo o delegado Luiz Lucena, a moto roubada da vítima foi vendida ao valor de R$ 500 em Macaíba. “O acusado disse que o dinheiro era para comprar roupa”, detalhou.

Arma-apreendida-com-Kessi-JCom Kessi Jones foi apreendido um revólver calibre 32, que passará por exame de balística no Itep para saber se foi a mesma usada na morte do vigilante. Outra moto roubada também foi apreendida na residência dele. O delegado afirmou também que outro suspeito do crime está sendo investigado. “Não resta dúvidas que Kessi foi um dos criminosos e por isso iremos solicitar a prisão dele”, concluiu Lucena.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rafael Maia disse:

    Para comprar Cyclone

  2. Sergio Nogueira disse:

    Alguém mais percebeu que bandido quando é preso e aparece em foto trara logo de fazer cara de "gato com fome"? Quando estão nas ruas são verdadeiros leões, matam sem qualquer piedade, mas quando a Policia pega… Deve ser para dar argumento aos defensores dos Direitos Humanos, que como sabemos, só bandido tem.

Trabalhador reage a assalto e é assassinado a tiros em Natal

Um latrocínio (roubo seguido de morte) foi registrado no início da manhã desta terça-feira (5), por volta de 5h30, na rua Oeste, localizada no bairro de Felipe Camarão. De acordo com a Polícia Militar, a vítima foi identificada como Paulo Francisco de Oliveira, de 56 anos, morto após reagir a um assalto de uma dupla não identificada. O crime aconteceu próximo a linha férrea.

Segundo a PM, o desfecho aconteceu a partir do momento que a vítima puxou uma faca que levava na cintura. A sua reação, no entanto, não foi suficiente para intimidades os marginais, que efetuaram disparos de arma de fogo e fugiram com destino ignorado na motocicleta Traxx da vítima.

Informações dão conta que Paulo Francisco retornava do trabalho, onde realizava a função de segurança. Após o latrocínio, a PM realizou diligencias pela região, mas nenhum suspeito foi encontrado.

Mais um: trabalhador reage a assalto e morre com tiro no peito na Zona Norte

Mais um cidadão de bem foi assassinado durante um assalto em Natal. Depois da morte do assistente de ASG, no bairro de Cidade da Esperança, na sexta-feira (13), por causa de um celular, na tarde desta segunda-feira (16), um homem identificado como Alexandre Coelho da Silva, de 33 anos, que era pedreiro, saía da casa de um amigo, na rua Nossa Senhora do Ó, em Igapó, após receber informações sobre um serviço que “pintaria” nos dias seguintes, quando foi surpreendido por um homem, que pediu para que deixasse sua motocicleta ligada e descesse com sua mulher.

Na ocasião, ao descer da motocicleta, a vítima reagiu, entrou em luta corporal e desferiu um soco no bandido, que deixou a arma cair. Contudo, o motociclista quis fugir do local e ignorou o acusado, que pegou novamente a sua arma e atirou. Infelizmente, o disparo atingiu o peito do pedreiro, que morreu antes do socorro médico. Após o crime, o assassino fugiu com destino ignorado. Diligências foram realizadas pela área, mas sem êxito.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Roberto disse:

    Isso tudo que acontece é nossa culpa, porque não temos consciência eleitoral pra votarmos e sempre se repetem as mesmas figurinhas a cada quatro anos…, eles estão ai de novo querendo voltar ao poder…, tanto alves quanto maias tem sua culpa na situação a qual o Estado tá passando, então pessoal cabe a nós resolvermos a questão…. na próxima eleição votem nulo, isso seria a maior prova de insatisfação a ser mostrada pelo povo…, infelizmente no quadro atual de políticos estamos sem opção.

  2. Arlindo disse:

    Até quando nosso RN vai ser assim Sr. Carlos Augusto??? Mande logo sua esposa sair do governo! Precisamos de um gestor que contrate policiais, que faca um plano de segurança, que ……

Menor mata trabalhador durante de roubo de celular em Natal

A onda de violência segue sem freio em Natal. Na manhã desta sexta-feira (13), por volta de 6h, um latrocínio foi registrado no bairro de Cidade da Esperança, na Zona Oeste, e teve como vítima um homem de 32 anos, identificado como Marcos Xavier da Rocha. Segundo a Polícia Militar, ele seguia para seu trabalho na rua Adolfo Gordo, quando uma dupla de adolescentes tentou roubar o seu aparelho celular. Na ocasião, um dos acusados desferiu uma facada na região do peito da vítima, que não resistiu ao ferimento e morreu durante o caminho para o hospital.

Segundo a PM, Marcos Xavier era assistente de serviços gerais e sofreu uma facada que atingiu o coração. Tudo por conta de um celular. Os dois menores foram detidos e encaminhados para os procedimentos cabíveis à lei que favorece o infrator. Na delegacia, o acusado disse que “meteu a faca só para se defender”. Enquanto isso, segue a impunidade.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Neto disse:

    Num instante reduziram a idade eleitoral para 16 anos e os políticos ainda disseram que foi conquista dos jovens kkk CONQUISTA DOS POLÍTICOS, ISSO, SIM! Quando é reduzir idade penal…kkk

  2. Sergio Nogueira disse:

    O cara assalta um trabalhador e diz que matou para se defender. Pergunto: o que um verme desse tem para oferecer à sociedade? Nada!
    Enquanto essa moda de achar que por não ter 18 anos não se sabe o que faz, prevalecer vamos ler muitas outras notícias como essa. Só mudará quanto a vítima deixar de ser um do povo e for o filho de algum Juiz, Promotor, político… Aí sim, rapidinho baixam a maioridade para cinco anos. Quem aposta?

  3. francisco das c a costa disse:

    DEUS TENHA PIEDADE DO MUNDO, TAMBÉM DE NOSSA CAPITAL, AS LEIS POR AQUÍ ANDA QUE, SEM MORAL, SEM ORDEM , POR QUE PROTEJER O MENOR SE ELE COMEU O CRIME MAXIMO, TIROU A VIDA, NEM NA LEI DE DEUS, ISSO É POSSIVEL, POIS CONFORME A BIBLIA SERÁ DENTE POR DENTE, OLHO POR OLHO. ESTÁ LÁ ESCRITO, E AÍ COMO FICAMOS. DEUS SEJA LOUVADO.. CALMA GAROTO COMPLETOU 18 ANINHOS, TAIS FORA NOVAMENTE, SE FICAR LÁ DENTRO.

Bandidos matam comerciante durante assalto na Zona Norte

Um comerciante foi morto a tiros na tarde deste domingo durante assalto a um mercadinho de sua propriedade no bairro Igapó, Zona Norte de Natal. Ele foi vítima de latrocínio (roubo seguido de morte), apesar de não ter reagido, segundo a polícia.

O crime ocorreu por volta das 15h e foi cometido por dois homens, que entraram no estabelecimento se passando por clientes. Os bandidos roubaram o dinheiro do caixa e fugiram em uma moto de um dos funcionários do local. Antes, porém, atiraram duas vezes contra o comerciante, que não resistiu aos ferimentos e morreu quando dava entrada para atendimento no Hospital Santa Catarina.

A ação foi registrada por câmeras de segurança, que, de acordo com a polícia, mostram o rosto dos criminosos. A moto utilizada no crime foi localizada horas depois no conjunto Panatis, na Zona Norte, mas ninguém foi preso até o momento.

A vítima foi identificada como Ivan Pereira de Brito e tinha 42 anos.

Polícia civil elucida caso de latrocínio em São Tomé

Policias civis da 1ª Delegacia Regional de Polícia de São Paulo do Potengi prenderam nesta segunda-feira (2), uma dupla acusada de latrocínio na cidade de São Tomé, distante 116 km da capital. O crime ocorreu no dia 19 de junho quando os homens armados e encapuzados invadiram a propriedade rural Sítio Riacho Fechado, e assassinaram o agricultor aposentado Expedito Quinto Leão, de 62 anos, na tentativa de subtrair a quantia de R$ 20 mil reais que o idoso guardava em casa.

Os presos foram: Francisco Edilberto da Silva, vulgo “Xendenga” e Mendes Bezerra Alves mais conhecido como “Monstro”. De acordo com o chefe de investigações da delegacia regional, Gustavo Albuquerque, o crime foi arquitetado por Xendenga que usou uma adolescente de 17 anos para atrair a vítima, chamando pelo seu nome na porta da casa dele.

“Na noite do crime Xendenga se reuniu com a adolescente e seu comparsa, e logo depois os três foram em direção da residência do senhor Expedito. Chegando lá a moça chamou por ele, que ao abrir a porta foi surpreendido pelos dois homens anunciando o assalto. Na ocasião, o irmão da vítima foi amordaçado”, conta o chefe de investigações.

Ainda segundo ele, o idoso foi morto por quatro disparos a queima roupa. “Em seguida, os criminosos questionaram a vítima sobre o paradeiro do dinheiro, que esboçou uma reação, momento em que Monstro atirou no senhor Expedito, que morreu no local”, acrescenta. “Os latrocidas também procuraram pelo dinheiro em toda a casa, mas não conseguiram encontrá-lo, pois estava escondido em uma caixa de papelão num dos cômodos”, finaliza Albuquerque.

A arma do crime foi apreendida, além dos capuzes usados pelos bandidos na ação criminosa.

Casal simula briga e assalta homem com facão em Ponta Negra

Vítima recebeu golpe de facão no rosto após reagir ao assalto em Ponta Negra.Dois adolescentes de 15 e 17 anos foram apreendidos no final da tarde deste domingo (6) acusados de tentarem matar um homem após cometerem ato infracional, no bairro de Ponta Negra, zona Sul de Natal. O casal simulou uma briga para atrair a atenção da vítima e logo depois anunciou o assalto. A dupla estava armada com um facão.

O fato aconteceu por volta das 17h, na rua Manoel Soares de Medeiros, quando o comerciante José Edvaldo Mendes, voltava para casa. O casal de assaltantes começou com uma discussão e correu em direção a José. Neste momento, um deles sacou de um facão e passou a ameaçar a vítima.

O comerciante reagiu e tentou correr, mas acabou sendo alcançado e ferido com um golpe no rosto. José Edvaldo teve os pertences levados e foi socorrido as pressas para o Pronto Socorro Clóvis Sarinho. De acordo com o Serviço Social da unidade hospitalar, a vítima não corre risco de morte. Policiais do 5º Batalhão, que faziam um patrulhamento na área, viram os acusados correndo e apreenderam os mesmos.

Os dois foram conduzidos a Delegacia de Plantão Zona Sul de Natal, no bairro de Candelária. De acordo com os agentes que estavam se serviço na DP, a adolescente de 17 anos chegou com sintomas de embriaguez e muito alterada. Mesmo algemada ela chegou a bater várias vezes no portão principal da delegacia e tentou agredir uma das agentes.

O delegado de plantão, Pedro Paulo Falcão, conversou com a reportagem do Portal BO e disse que os dois adolescentes confessaram ter perseguido, assaltado e tentado matar o comerciante. “Eles pareciam estar sob efeito de drogas. Tivemos que interromper várias vezes o depoimento dos dois por causa das agressões verbais que ambos praticaram contra a toda a equipe da delegacia”.

Depois de algumas horas, a garota relatou que é consumidora de maconha, cocaína e remédios alucinógenos. Além disso, passa boa parte do tempo cometendo delitos nas ruas da zona Sul da capital. “Eu não tenho medo de morrer. Se preciso for eu mato mesmo. Não tenho oportunidade de trabalhar e por isso eu roubo, fumo maconha e e outras coisas”, confessou.

Ainda segundo o delegado, a mãe da acusada esteve na Plantão e relatou que a filha tem comportamento complicado e perigoso. Por várias vezes chegou em casa embriagada e de posse de produtos de origem duvidosa. Os adolescentes foram conduzidos ao ITEP, onde se submeteram a exames e logo depois encaminhados a uma instituto de internação.

Por Sérgio Costa do Portal BO

Acusado de homicídios de latrocínio é preso em Candelária

Por interino

Um homem acusado de dois homicídios, um latrocínio, e suspeito de várias tentativas de homicídio no bairro de Mãe Luiza foi preso por volta das 9h desta segunda-feira (27) por policiais da 4ª DP.

Givanildo da Cruz Silva de Carvalho, conhecido por Vanvan, foi detido em candelária, próximo ao fórum Miguel Seabra Fagundes. Segundo informações da polícia, a prisão foi realizada em cumprimento a dois mandados de prisão em aberto contra Vanvan, expedidos pela 3ª vara Criminal.

Fonte: Tribuna do Norte