Jornalismo

Roubo de bombas prejudica abastecimento em Porto do Mangue

O abastecimento de água na cidade de Porto do Mangue será normalizado amanhã (4), no final da tarde, de forma gradativa. A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) está adquirindo, em regime de urgência, as bombas para reativar os 14 poços tubulares que tiveram o equipamento roubado neste final de semana. O gerente da Regional Assú, Antônio de Pádua da Costa, informa que a ação dos marginais foi comunicada a Polícia Militar e registrada no Boletim de Ocorrência (BO).

O gerente solicita a participação da população, no sentido de ajudar na fiscalização e preservação do patrimônio público, haja vista que uma ação desse porte prejudica todos os quatro mil moradores da cidade de Porto do Mangue, que serão prejudicados no abastecimento de água até que seja regularizado o serviço.

O sistema de produção de água de Porto do mangue é constituído por uma bateria de 14 poços tubulares, acionados por bombas que totalizam uma produção de 35 mil litros de água por hora. Até que seja regularizada a oferta de água, a população está sendo abastecida precariamente por um poço alternativo. A expectativa de Antonio de Pádua é de que, nesta terça-feira à tarde, o serviço de distribuição de água voltará à normalidade.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Caern promete normalizar abastecimento em Tirol e Petrópolis a partir de amanhã

Na manhã desta quinta-feira (30), estará normalizada a distribuição de água para os bairros de Tirol e Petrópolis e proximidades, paralisada momentaneamente para  o conserto de um vazamento.

A equipe de manutenção de rede de distribuição de água da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) encontra-se desde o final da tarde desta quarta-feira (29) trabalhando em um trecho da Rua Assú, onde foi registrado um rompimento na tubulação de 400 milímetros de diâmetro.

O chefe do serviço de manutenção da Caern, Jaques Pinheiro, informa que no início da madrugada o serviço será concluído e o reabastecimento iniciado.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Acidente com caminhão danifica adutora e interrompe abastecimento em Paraú

Um acidente envolvendo um caminhão particular interrompeu o abastecimento da cidade de Paraú. Um veículo desgovernado desceu a BR-226, atingindo a adutora Arnóbio Abreu (Médio Oeste) entre as cidades de Paraú e Triunfo Potiguar, na manhã desta terça-feira (28).

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) trabalha na retirada do veículo e no conserto da tubulação danificada em razão do acidente. Se tudo correr dentro da normalidade durante a execução do serviço, o abastecimento será regularizado no final da tarde de hoje. Caso, ocorra algum problema durante a execução dos serviços, que serão realizados por técnicos da Regional da empresa em Mossoró, o restabelecimento só ocorrerá amanhã (29).

A adutora Arnóbio Abreu (Médio Oeste) inicia-se em Triunfo Potiguar, seguindo para Campo Grande, Janduís, Messias Targino, Patu e Almino Afonso. Para chegar à cidade de Paraú, onde o sistema atende a cerca de mil famílias, a adutora faz uma derivação e foi exatamente neste trecho que ocorreu o acidente, por este motivo, a interrupção do abastecimento ocorreu somente em Paraú.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Moradores da Zona Norte podem ficar sem água nesta quarta-feira

Com o objetivo de manter a qualidade da água distribuída para os bairros da Zona Norte de Natal, a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) realiza a partir das 6h desta quarta-feira (15), serviços de manutenção na Estação de Tratamento de Água (ETA) de Extremoz.

O chefe de Operação e Manutenção de Redes de Água da região, Man Cheng, informa que os técnicos da Caern devem concluir o serviço até às 18h. “Faremos a desinfecção dos filtros utilizados no tratamento da água”, observa o engenheiro da Companhia. Diariamente é realizada a limpeza desses dispositivos, além dos decantadores e floculadores, outras unidades integrantes do processo de purificação da água. A cada três meses é necessária a efetuação de uma desinfecção mais minuciosa.

Nas partes mais baixas dos bairros da Zona Norte, o restabelecimento do fornecimento de água aos moradores é quase que imediata. Man Cheng lembra, por outro lado, que nas partes mais altas, a normalização no abastecimento deve ocorrer em 48 horas. Por isso, a realização deste procedimento é comunicada à população por meio da imprensa para que os usuários do sistema economizem o líquido, evitem desperdício ou o uso desnecessário de água. Enquanto o serviço estiver sendo realizado, o fornecimento de água será reduzido em 70%.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Petrobras garante manobras para evitar que falte gasolina em todo RN

O BG entrou em contato ontem com a assessoria de imprensa da Petrobras para saber o posicionamento da empresa petrolífera acerca do desabastecimento de gasolina que o Rio Grande do Norte está sofrendo. Hoje, a empresa enviou um comunicado informando que já está tomando medidas para evitar que o combustível continue faltando.

Hoje, vários postos do interior e alguns de Natal já estão sem o produto, mas se esse desabastecimento continuar até o final de semana, a situação pode ficar crítica. Através do comunicado ao BG, a empresa garantiu está monitorando para evitar o que pode vir a ser um caos anunciado.

Mas fica um comentário: a Petrobras esclareceu, mas a gente sabe que a situação é bem mais crítica do que a apresentada em nota.

Confira o comunicado do posicionamento da Petrobras na íntegra:

Após o início da greve da ANVISA [Agência Nacional de Vigilância Sanitária], as operações de entrega de derivados por navios têm sofrido atrasos. Em 6/8/2012, a Petrobras, diante da possibilidade de atraso na descarga do próximo navio de gasolina em Natal, comunicou às companhias distribuidoras a disponibilidade de gasolina no Terminal de Suape (PE), para transferência rodoviária para o mercado do Rio Grande do Norte. Essa medida teve por objetivo prevenir qualquer descontinuidade de abastecimento.

As entregas de gasolina pela RPCC [Refinaria Potiguar Clara Camarão] foram normais até 09/08, e o volume transferido pelas distribuidoras de Suape complementará o abastecimento até a descarga do próximo navio, prevista para sábado 11/08.

A Petrobras, em conjunto com as companhias distribuidoras, vem monitorando a situação de oferta de gasolina no Rio Grande do Norte de forma a evitar qualquer risco de desabastecimento.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Henrique Alves confirma nova remessa de milho para reabastecer Conab no RN

O líder do PMDB na Câmara dos deputados, Henrique Eduardo Alves (RN), confirmou junto à direção da Companhia Nacional de Abastecimento, nesta terça-feira (7), em Brasília, a liberação de nova remessa de milho para reabastecer os armazéns da Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB )no Rio Grande do Norte.

É a segunda remessa de milho feita pela CONAB com preço diferenciado do mercado para atender os produtores rurais atingidos pela seca no Nordeste. São 23.600 toneladas de milho destinadas aos produtores cadastrados no programa Balcão da CONAB. O programa também beneficia os agricultores familiares e cooperativas.

A principal destinação do milho é para alimentação dos rebanhos. “É um reforço na ração animal durante a estiagem que deverá se prolongar até dezembro”, disse o deputado, ressaltando o esforço que ele tem feito, em Brasília, para amenizar os efeitos da seca no Rio Grande do Norte.

A maior parte do milho, 1.100 toneladas, vai para Natal. O armazém de Currais Novos vai receber 7.500 toneladas de milho. Para a CONAB de Assú vão ser destinadas 6.500 toneladas e 4.000 para Caicó. Mossoró vai receber 4.000 toneladas de milho. A distribuição é feita de acordo com o número de agricultores cadastrados em cada região pelo Balcão de Venda da CONAB.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Destruição do calçadão de Ponta Negra danifica rede da Caern e prejudica abastecimento

Em plena alta estação, o cenário em um dos principais cartões postais de Natal é de catástrofe. A destruição do calçadão de Ponta Negra, causada pela erosão marinha e pela força das águas pluviais, tem provocado transtornos para moradores, comerciantes e turistas, gerando um prejuízo incalculável para a capital potiguar. O desmoronamento ocorrido na última semana danificou a rede de abastecimento e esgotamento sanitário da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) e obrigou a empresa atender os quiosques com soluções provisórias. Para resolver o problema, a Caern deve construir uma nova rede de água fora da área afetada, para isto aguarda definição de como o problema será sanado. Outra medida foi a instalação provisória de uma tubulação aérea (suspensa) de esgotos.

A presidência da Caern está preocupada com o problema e vem acatando a uma decisão da governadora Rosalba Ciarlini de buscar alternativas para este tema. Equipes da Caern realizam rondas permanentes para identificar algum vazamento de água ou esgoto na praia. “Estamos trabalhando 24 horas por dia para evitar novas ocorrências e para recuperar o mais rápido possível a tubulação danificada”, informa o chefe da Unidade de Manutenção da Rede de Água da Regional Natal Sul da Caern, engenheiro Wagner Oliveira. Segundo ele, diversas ocorrências de vazamento de água foram registradas com o desmoronamento do calçadão, desde a quinta-feira da semana passada.

Além de comprometer a tubulação de água, o desmoronamento também provocou danos na rede de esgotos da Caern. Segundo o chefe da Unidade de Manutenção de Esgotos da Regional Natal Sul, engenheiro Raulynson Araújo, um poço de visita da Companhia ruiu junto com o calçadão e grande parte da tubulação ficou exposta. “Instalamos uma tubulação aérea para evitar novos deslizamentos e estamos monitorando a todo instante a área”, garante o técnico da empresa de saneamento. O engenheiro está empenhado, juntamente a sua equipe, em minimizar os problemas. A empresa busca manter os serviços, atendendo da melhor maneira, para que os moradores de Natal e visitantes, observando que o local concentra um grande número de hotéis, não tenham o serviço interrompido.

Prejuízos

De acordo com um dos donos de quiosque da orla, Cesimar Fernandes, “o movimento caiu 80% e ainda não sabemos para onde seremos relocados nem quando iremos voltar. Em 40 anos que trabalho na orla de Ponta Negra nunca tinha visto uma situação como esta”, lamenta. O problema tem trazido prejuízos para os turistas, para comerciantes e para a prefeitura. A Caern também tem tido gastos com as obras de reparo e o valor empregado será ainda maior quando for feita a obra definitiva.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Estado terá que abastecer hospitais públicos no prazo de 20 dias

O juiz Airton Pinheiro, da 5ª Vara da Fazenda Pública de Natal, determinou ao Estado do Rio Grande do Norte que providencie a imediata aquisição dos insumos e medicamentos em falta nos hospitais da rede estadual, regularizando o abastecimento da rede hospitalar estadual no prazo máximo de 20 dias, sob pena de, em caso de descumprimento, haver o bloqueio imediato do valor necessário a aquisição direta pelos diretores dos estabelecimento.

Para isso, deve haver conformidade com o orçamento fundamentado a ser encaminhado anexo aos eventuais pedidos de execução provisória da decisão judicial – sem prejuízo do encaminhamento de peças ao Ministério Público para fins de responsabilização dos agentes políticos que ficarem inertes. O magistrado determinou ainda a notificação da Governadora do Estado e Secretário Estadual de Saúde para providenciarem o cumprimento da decisão e para amparar às respectivas responsabilizações civil, por improbidade administrativa e crime de desobediência.

A decisão judicial atende a um pedido do Ministério Público estadual que visa obter, liminarmente, a concessão de tutela de urgência para obrigar o Estado do Rio Grande do Norte a garantir ininterruptamente o abastecimento da rede hospitalar Estadual de medicamentos e de insumos e produtos médico-cirúrgicos e hospitalares necessários para tornar viável o atendimento e tratamento adequados à população.

O MP alegou na ação que sua pretensão se fundamenta na constatação de omissão por parte do Estado do RN, devidamente documentada nos autos do Inquérito Civil nº 020/2011 que, objetivando realizar o levantamento de abastecimento de insumos e medicamentos hospitalares na rede hospitalar estadual, concluiu que o desabastecimento desta era causada por mero comportamento omissivo do Estado do RN que, através de sua Secretaria de Saúde, não atendia às solicitações de medicamentos e insumos encaminhados pelas direções dos hospitais que a compõe, deixando a população jogada a toda sorte.

Ao analisar a questão sob o ponto de vista fático, o juiz constatou que os documentos anexos aos autos induzem a um juízo de verossimilhança favorável à pretensão liminar do autor, uma vez que deixam patente a crise no abastecimento da rede hospitalar estadual – tanto é assim que, em suas informações preliminares, o Estado reconhece que está providenciando a sanação do desabastecimento objeto da ação judicial.

Já o requisito complementar para o deferimento da liminar buscada decorre de um juízo de que o não abastecimento regular dos hospitais pertencentes à rede estadual hospitalar importa em grave risco à população que, ao procurar os serviços públicos de saúde, não terão acesso aos insumos e medicamentos necessários ao regular e eficiente atendimento médico-hospitalar, com o tratamento respectivo, importando na afirmação de que se está diante de um caso de medida de emergência. ( Ação Civil Pública – Processo 0116296-56.2012.8.20.0001)

Fonte: TJRN

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Serviço de abastecimento sustentável de água premium inova em Natal

Quando as atenções do mundo se voltam ainda mais para a preocupação ambiental com a realização da Rio+20, opções sustentáveis e ideias para se diminuir a poluição são bem vindas e comemoradas. Os garrafões plásticos, utilizados para o consumo de água mineral nas residências e prédios comerciais, são um dos grandes vilões da poluição ambiental. Eles podem levar mais de 400 anos para se decompor. Um sistema pioneiro e inovador de abastecimento garante água Premium sem o uso dos garrafões, direto da fonte e livre de contaminações. O AcquaPrime já é sucesso em Maceió e Fortaleza e chegou a Natal recentemente

Além de toda segurança com a qualidade e o conforto, o sistema possui o diferencial de oferecer a água quente em uma temperatura de 85º, além da natural e gelada, ideal para ser feito café, chá ou cappuccino. Tantas vantagens já fazem do sistema Acqua Prime um sucesso crescente no mercado imobiliário, tanto em empreendimentos residenciais, como em projetos comerciais, como praças de alimentação e salas comerciais. As maiores e mais sólidas construtoras de Natal já incluem o Acqua Prime entre os diferenciais dos seus empreendimentos.

A tecnologia envolvida e o fato de eliminar o contato humano também são fatores que chamam a atenção. Os cuidados tomados pelo Acqua Prime são tantos que todos os equipamentos e processos envolvidos foram inteiramente desenvolvidos dentro de rigorosos critérios técnicos, até chegar a excelência em serviços que é oferecida hoje com exclusividade. Através de medidores individuais, o sistema garante que cada usuário pague por seu consumo.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Justiça determina abastecimento imediato de insumos e medicamentos nos hospitais estaduais

Em decisão favorável ao pedido do Ministério Público Estadual em Ação Civil Pública, o Juiz da 5ª Vara da Fazenda Pública de Natal, Airton Pinheiro, determinou que o Estado do Rio Grande do Norte providencie a imediata aquisição de insumos e medicamentos em falta nos hospitais da Rede estadual, regularizando o abastecimento no prazo de 20 dias.

A Ação Civil proposta pelo MP/RN denunciou a omissão do Estado do Rio Grande do Norte apurada nos autos do Inquérito Civil n° 020/2011. O Inquérito realizou o levantamento do abastecimento de insumos e medicamentos hospitalares na rede hospitalar estadual e concluiu que a falta destes era causada pelo omissão da Secretaria Estadual de Saúde que não atendia as solicitações daqueles materiais encaminhadas pela direção dos hospitais com compõe a rede estadual.

Em caso de descumprimento da decisão, esta também determina o bloqueio imediato do valor necessário a aquisição direta dos insumos e medicamentos pelos diretores dos hospitais, conforme orçamento fundamentado a ser encaminhado anexo aos pedidos de execução da determinação.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Secretaria cancela contratos e apenas posto da governadoria vai abastecer carros do Governo

O blog acaba de ter a informação que a Secretaria da Administração e dos Recursos Humanos (Searh) acaba de cancelar os contratos para a abastecimento dos veículos da frota oficial do Governo do Estado.

Resultado disso vai ser aquela velha formação de filas de espera enormes, trânsito e congestionamento na marginal da BR-101. Quem não se lembra como era aquele caos? Pois é. Ele deve voltar em breve a menos que adotem a estratégia de colocar os carros formando fila para dentro do Centro Administrativo para esconder a realidade dos olhos da população.

Vale lembrar que se a determinação também atingir as viaturas das polícias Civil e Militar (PM) ainda voltamos com o velho problemas de viaturas que ficam paradas nas filas quando poderiam estar fazendo o patrulhamento ostensivo. Fora aquelas viaturas de municípios vizinhos que gastam combustível para vir a Natal para chegar ao posto e depois mais gasolina para voltar às respectivas lotações.

Deve ser o modelo moderno da administração de Rosalba

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Deputados aprovam crédito de R$ 6,1 milhões para Governo realizar obras no interior

Os municípios de Lagoa de Pedras e Caraúbas serão beneficiados com obras de esgotamento sanitário e abastecimento de água. Foi aprovada hoje (29) na Assembleia Legislativa a mensagem governamental que autoriza o Governo do Estado a contratar uma operação de crédito com a Caixa Econômica Federal (CEF) no valor de R$ 6.174.688,89, com o objetivo de custear as ações vinculadas ao Programa Federal de Saneamento para Todos. Os líderes partidários dispensaram a tramitação do Projeto de Lei que foi aprovado à unanimidade.

Os recursos serão utilizados na execução das seguintes obras públicas: abastecimento de água no município de Caraúbas esgotamento sanitário no município de Lagoa de Pedras.

“Sem dúvida, a conversão legal da Proposição, ao viabilizar a captação dos recursos financeiros necessários à realização das ações referidas no Parágrafo anterior, contribuirá para prevenir a proliferação de doenças relacionadas ao consumo de água contaminada, tendo em vista a ampliação e melhoria do fornecimento de água potável; e preservar o meio ambiente, notadamente, os lençóis freáticos, em função da destinação adequada de resíduos domésticos”, diz o texto do Projeto de Lei.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Acidente causa redução no volume de água da adutora Monsenhor Expedito

Um acidente ocorrido na tarde desta sexta-feira (18), com um dos três equipamentos flutuantes, que captam e bombeiam água da lagoa do Bonfim para a adutora Monsenhor Expedito, provocou a redução na oferta do produto em 400 mil litros por hora.

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) está trabalhando para recuperar o abastecimento na terça-feira (22). Enquanto isso não acontece, a adutora fica operando  com 1 milhão e 300 mil litros de água por hora.

Os municípios que estão com o fornecimento de água comprometido são: Monte Alegre, Lagoa de Pedras, Lagoa Salgada, Boa Saúde, Serrinha, São José de Campestre, Lagoa D’Anta, Passa e Fica, Serra Caiada, Senador Elói de Souza, Tangará, Santa Cruz, Bom Jesus, São Pedro do Potengi, Ielmo Marinho, São Paulo do Potengi, Santa Maria, Lagoa de Velhos, Barcelona, Rui Barbosa, São Tomé, Sítio Novo, Lajes Pintada, São Bento do Trairi e comunidades rurais.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornalismo

Tomba Farias denuncia falta de água em Santa Cruz

O desabastecimento de água no município de Santa Cruz, que dura cerca de 15 dias, foi o tema abordado pelo deputado Tomba Farias na sessão desta quarta-feira (04). Na ocasião, ele falou sobre a situação dos moradores, em especial dos produtores rurais e solicitou providências do Governo do Estado. Durante a sessão, o líder da bancada governista, o deputado Getúlio Rego entrou em contato com a diretoria da Caern e garantiu que nos próximos dias o problema estaria solucionado.

Segundo Tomba, o município já teve, no passado, muitos problemas de falta de água. No entanto, já havia se libertado dessa situação de desabastecimento. De acordo com Getúlio Rego, com base nas informações da Caern, o problema de Santa Cruz foi causado por um curto circuito na rede, que ocasionou a queima de bombas. “Dentro de poucos dias o abastecimento será retomado”, disse Getúlio. O deputado Tomba agradeceu a iniciativa e fez um apelo aos moradores do município para que, em virtude do colapso, economizem água.

Turismo

O deputado Tomba Farias falou ainda sobre a viagem que fez à Brasília para solicitar a instalação de um teleférico que leve os turistas à estátua de Santa Rita de Cássia. “Com a ajuda do ministro Garibaldi Alves Filho e do deputado Henrique Eduardo Alves, consegui uma audiência com o ministro do Turismo, Gastão Vieira e levei esse pleito. Falei sobre a necessidade do teleférico e do crescimento turístico em Santa Cruz. Fui muito bem recebido e acredito que em breve teremos a instalação do equipamento”, declarou.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *