Operação contra jogo do bicho cumpre mandados de busca e apreensão na escola de samba Grande Rio

Os agentes na sede da Grande Rio Foto: Letícia Gasparini / Agência O Globo

Onze endereços ligados ao jogo do bicho na Baixada Fluminense são alvos, na manhã desta quinta-feira, de uma operação para cumprir mandados de busca e apreensão do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público estadual e da Polícia Civil. Cinco foram denunciados por organização criminosa e lavagem de dinheiro proveniente da exploração de jogos de azar. A operação, batizada de Mala Fortuna, também está cumprindo o bloqueio e sequestro de bens dos denunciados no valor de R$20 milhões.

Entre os endereços, estão a quadra e o barracão da Acadêmicos do Grande Rio, em Duque de Caxias. O presidente de honra da escola, Antônio Jaider Soares da Silva é apontado pelas investigações como chefe da organização criminosa e responsável por controlar a exploração de jogos de azar nesse município da Baixada.

A quadra da Grande Rio foi alvo da operação Foto: Letícia Gasparini / Agência O Globo

Segundo a Polícia Civil, ele figura como sócio de empresas ao lado do filho, Yuri Soares Reis, e do sobrinho, Leandro Jaider Soares da Silva. Os dois são investigados como braços operacionais da quadrilha na operação de lavagem de dinheiro e no controle financeiro da organização.

Já Dagoberto Alves Lourenço é citado como homem de confiança de Antônio Jair e Leandro. Ele seria o responsável pelas operações nas contas bancárias relacionadas às empresas e à escola de samba.

O quinto denunciado é Paulo Henrique Melo Rufino, apontado como “laranja” do grupo e responsável pela lavagem de dinheiro do jogo do bicho e de jogos de azar.

A investigação revelou operações financeiras suspeitas superiores a R$ 100 mil em dinheiro envolvendo os acusados. Foram descobertas também operações com imóveis. Segundo a Polícia, os acusados juntavam recursos ilícitos com os de atividades econômicas legais. Eles também dissimulavam a propriedade de imóveis com o uso de laranjas.

Extra – O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. JOAO disse:

    a algo malo en el reino del río. en el río todo puede.ate hombre bailar con hombre-y mujer con mujer-

  2. Gildson disse:

    Certos comentários nem deviam ser postados, não é censura, mas tem que retirar aquilo que nada serve para uma construção razoável de uma discussão.

  3. Escritor disse:

    Perseguem o jogo do bicho e as casas de jogo. Mas na tv paga nos canais esportivos so o q tem eh propaganda dos bets da vida. Sites localizados no exterior. Nos bares os garcons oferecem a aposta. O dinheiro vai pro "bicheiro internacional". China. Russia. Santa hipocricia.

OPERAÇÃO ATALAIA – (FOTO): PF cumpre mandados e prende dois homens em flagrante em Natal e Parnamirim; material contendo pornografia infantojuvenil apreendidos

Foto: Divulgação PF

A Polícia Federal cumpriu nesta quinta-feira(22), na Região Metropolitana de Natal, três mandados judiciais de busca e apreensão referentes a Operação Atalaia que apura crimes relacionados à exploração sexual de crianças e adolescentes. As ordens judiciais foram expedidas pela 14ª. Vara da Justiça Federal/RN.

Durante as buscas, dois homens, ambos potiguares, com idades de 31 e 46 anos, respectivamente, foram presos em flagrante nas cidades de Natal e Parnamirim por estarem de posse de material contendo pornografia infantojuvenil.

Ao todo, 12 HDs foram apreendidos e serão submetidos a análises.

Os presos no RN se encontram custodiados na Superintendência da PF, à disposição da Justiça.

FOTOS: Busca e apreensão em Currais Novos recolhe material de campanha que apresenta Lula como candidato

Fotos: CEDIDAS – MPRN

Na manhã desta sexta-feira (5), 545 panfletos, adesivos e santinhos irregulares foram apreendidos em um comitê de campanha do Partido dos Trabalhadores (PT) na cidade de Currais Novos. O material apresenta a menção ao ex-presidente Lula como candidato à Presidência. O mandado de busca e apreensão foi determinado pelo juízo da 20ª Zona Eleitoral foi cumprido pelo Ministério Público Eleitoral (MPE), por meio da Promotoria de Justiça da cidade, com apoio da Polícia Militar.

Luiz Inácio Lula da Silva teve o registro de candidatura indeferido pelo TSE, que autorizou, os juízes auxiliares da propaganda eleitoral – em todo o país – a mandar apreender qualquer material que constatassem nessa condição, ressalvados, porém, os impressos em que Lula aparece apenas como apoiador, a exemplo do que utiliza o slogan “Haddad é Lula”.

Em alguns estados foi detectada a continuidade da utilização e da distribuição do material proibido, mesmo depois da decisão do TSE. No Rio Grande do Norte, inúmeras denúncias têm chegado ao Ministério Público Eleitoral, inclusive instruídas com vídeos e fotografias do material verificado.

Os encaminhamentos dessa apreensão serão adotados no âmbito da investigação, que transcorre na Promotoria Eleitoral da 20ª Zona Eleitoral.

As informações são do MPRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Suzana Vaz disse:

    Por que o MP não Cassa de vez a Chapa toda desses sujeitos??? Se fosse um partido pobre, já estariam fora das eleições… Haaaa!

  2. Bolsonaro17 disse:

    PT sendo PT! Os dias dessa organização criminosa está acabando…dia 07 é 17.

  3. Helio Motta disse:

    Ser desonesto é da essência do petista e do PT.
    Não tem jeito, está no sangue.

Polícia Civil no RN cumpre mandados de busca e apreensão contra empresários do ramo imobiliário; grupo vendeu mais de 200 lotes e arrecadou aproximadamente R$6 milhões

Na manhã desta sexta-feira (18), a Polícia Civil deflagrou a Operação Héstia nas cidades de Pau dos Ferros, Mossoró, Natal, além de Icapuí, do Ceará, onde cumpriu mandados de busca e apreensão contra integrantes de um grupo de empresários do ramo imobiliário, que teriam no ano de 2011 realizado o lançamento de um Condomínio Club na cidade de Pau dos Ferros, o Village Boulevard.

Após venderem centenas de lotes, os empresários abandonaram as obras e foram embora da cidade. A operação policial foi batizada de Héstia em referência a uma das 12 Deusas detentoras da chave do Monte Olimpo, sendo a personificação da moradia estável, protetora da família, da moradia e da cidade.

A Operação Héstia foi resultado de uma força tarefa formada pelas equipes da Delegacia Regional e Municipal de Pau dos Ferros; da Delegacia Regional de Mossoró, da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR) e Delegacia Municipal de Icapuí do estado do Ceará. Durante a ação, os policiais apreenderam caixas de documentos, carros, joias e aparelhos eletrônicos que serão analisados durante a investigação.

“O grupo vendeu mais de 200 lotes e arrecadou aproximadamente 6 milhões de reais para realizar uma obra que estava orçada em pouco mais de 7 milhões. Pouco mais de 20% das obras foram realizadas e o único escritório do empreendimento na cidade foi fechado. Os administradores foram embora deixando para trás dezenas de famílias prejudicadas que sonhavam em construir suas casas naquele que seria o primeiro condomínio clube da cidade. Os indícios apontam para uma organização criminosa”, detalhou o delegado regional de Pau dos Ferros, Inácio Rodrigues.

Polícia Civil cumpre mandado de busca e apreensão em fábrica de sandálias falsificadas

A equipe da Delegacia Especializada de Defraudações (DEFD) cumpriu na tarde desta quinta-feira (05), em conjunto com a DP Regional de Caicó, mandado de busca e apreensão contra a empresa Knowsurf, que estava falsificando sandálias da marca Kenner.

Durante a ação foram apreendidas cerca de 2 mil sandálias prontas para comercialização e aproximadamente 3 mil sandálias que estavam sendo confeccionadas.

O gerente da fábrica, Leandro Costa de Azevedo, foi conduzido à Delegacia Regional de Caicó, onde foi ouvido e liberado. O proprietário da fábrica não estava no local no momento da abordagem policial. A ação aconteceu em Jardim do Seridó.

Polícia Civil cumpre 8 mandados de busca e apreensão no interior do Estado

Por interino

A equipe de Policiais civis da 7ª Delegacia Regional de Polícia, sob o comando do delegado Sandro Régis, cumpriu na manhã desta quarta-feira (7) 8 mandados de busca e apreensão, expedidos pela Comarca de Martins, na Cidade de Antônio Martins.

A operação contou com o apoio da Polícia Militar e das equipes de Polícia Civil de Caraúbas e de Umarizal e foi coordenada pelo delegado Erick Gomes e pelo Capitão Brilhante. Esse trabalho visa reprimir sistematicamente o tráfico de drogas, crimes contra o patrimônio e de homicídio que ocorrem na região.

A ação resultou na apreensão de um veículo Triton, ano 2008, cor prata e de cartões de crédito e de benefício de aposentadoria de terceiros, que estavam com Antônio Edvanio de Oliveira, vulgo “gato”, ele foi conduzido à delegacia. Também foi autuado em flagrante Lindomar Paulo de Araújo, 41 anos, com ele foi apreendida certa quantidade de entorpecente e uma arma de fogo.

Novos nomes devem surgir entre os réus da Operação Assepsia

Quem imagina que a Operação Assepsia se deu por encerrada com a apresentação da denúncia do Ministério Público à justiça e a prisão de alguns envolvidos está muito enganado. Novos e graves desdobramentos estão sendo esperados, como resultado da análise de documentos confiscados no dia 27 de junho, durante os mandados de busca e apreensão.

O BLOG do BG obteve a informação de que na casa do então secretário de Planejamento, Antônio Luna,  e do Coordenador Administrativo e Financeiro da Secretaria Municipal de Saúde, Francisco de Assis Rocha Viana, foram encontrados documentos que ligam os envolvidos a outras pessoas que não haviam sido incluídas na denúncia.

Entre os papeis comprometedores estão faturas e despesas pessoais de terceiros pagas em valores bastante altos.

Operação Sinal Fechado: MP prende suplente de senador João Faustino e mais 8 pessoas

O ex-deputado federal e atual suplente de senador João Faustino foi preso na manhã desta quinta-feira (24) em uma operação do Ministério Público Estadual com o apoio da Polícia Militar. Além de João Faustino, outras pessoas já foram presas, mas os nomes ainda não foram repassados.

O comandante da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, coronel Francisco Canindé de Araújo, confirmou a participação da corporação na operação. “Estamos com 59 equipes envolvidas na operação. Mas como é uma investigação do Ministério Público, não tenho detalhes a repassar”, falou o comandante.

A operação foi batizada Sinal Fechado, mas ainda não se explicou o porquê. Os promotores de Justiça envolvidos na operação deverão conceder uma entrevista coletiva ainda nesta quinta para detalhar a ação.

Tribuna do Norte

Do Blog: Foram expedidos pela juíza Emanuella Cristina Pereira Fernandes, da 6ª vara Criminal de Natal, 14 mandados de prisão e 25 mandados de busca e apreensão. A operação Sinal Fechado tem ligação com o contrato de inspeção veicular pactuado pelo Governo Iberê e suspenso pelo Governo Rosalba. Nesse exato momento já tem 9 pessoas presas, também foram realizados mandados de busca em São Paulo e no Rio Grande do Sul.

Entre os presos, que neste momento estão no ITEP fazendo exame de corpo de delito, estão ex-políticos, empresários da construção civil e ex-administradores do DETRAN.

Entre os locais “visitados” pela Polícia Militar com o MP estão os edifícios Belo Monte e Manoel Dantas em Petrópolis e o condomínio Porto Brasil em Pirangi.

Atualizado às 07:55:

Entre os empresários presos estão Gilmar da Montana e o ex-dirigente do Detran, Carlos Theodorico, o ex-procurador do Detran, Marcus Vinicius,  além do genro de João Faustino, o empresário Marcos Procopio.

Na saída do Itep, João Faustino disse não saber o motivo de ter sido preso. “Não faço a menor ideia de ter sido preso, mas já estou trabalhando para entrar com um habeas corpus. Questão judicial não se discute”, falou, antes de ser encaminhado para o quartel.

Todos os presos já se encontram no QG da PM na Rodrigues Alves.

Atualizado às 09:40

Quarenta promotores e 250 policiais militares estiveram envolvidos na Operação Sinal Fechado. Na operação, foram envolvidos os ministérios públicos do Rio Grande do Norte, Paraná, São Paulo e Rio Grande do Sul, além da colaboração da Polícia Militar do RN e da Polícia Federal.

A investigação principal: fraude em processo de elaboração de lei em meados de 2009, até o processo licitatório em 2010 com pagamentos de propinas.

Também está implicado  na Operação Sinal Fechado o filho da ex-governadora Lauro Maia

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Renata disse:

    Onde está a assessora direta de Drº Marcus Vinicius, a Drª Débora Gurgel, irmã do Ítalo Gurgel?
    A casa Caiu.

  2. Eduardo disse:

    Acredito que essa operação sinal fechado seja responsável pelo fechamento da C.R.C(Central de Registros de Contrato). Sería MARAVILHOSO que aquilo permanecesse fechado PRA SEMPRE!!!! Afinal, não passa de uma farra essa exigência de registros de contratos que prestigiam só Deus sabe a quem!

  3. Marcão Sarmento disse:

    Caro blogueiro, eu fico imaginando a cara de nojo das dondocas que transitam pelos elevadores destes prédios chiquérrimos, bem como dos dondocos respectivos, ao se deparar com os "puliças" chegando logo cedo, na hora do cooper. Até os poodles e chiuahuas ficaram indignados…
    Muita gente que, por enquanto escapou, e que mora no Belo Monte e no Manoel Dantas, deve ter tido vontade de pular do apto. ao ver as viaturas lá embaixo. Mas ficou apenas no desespero, no pavor e na indisposição estomacal repentina e violenta.
    Calma, ainda não é a vez de vocês, por enquanto vão cuidar apenas da limpeza matinal que a referida indisposição deixou de legado. Por enquanto…